Page 1

Telomar Florêncio

Caderno especial da 24ª OKTOBERFEST • Ano 01 • nº 01 • 6 a 9 de outubro de 2007

TRADIÇÃO líquida Combina com CHOPE QUEM veio à festa Cervejarias ARTESANAIS


BAú DA OKTOBER EDITORIAL

SINGE MIT cante junto Hallo Blumenau Hallo Blumenau, Bom dia Brasil, Dezessete dias de folia Música, cerveja e alegria

Alessandra Meinicke

hallo@folhadeblumenau.com.br

Willkommen! T

radição vem do latim traditio, tradere que significa transmitir, entregar. Assim, aquilo que se herda e se transmite é tradição. Blumenau herdou a tradição dos alemães que aqui construíram seus lares. Com o coração cheio de saudade, eles buscaram transmitir às gerações tupiniquins as recordações da pátria distante, a memória, costumes, valores e crenças. A miscigenação de culturas e povos, característica das sociedades contemporâneas, reúne num mesmo espaço tradições diversas, que convivem, que se fundem, que se completam e se transformam. Assim outubro em Blumenau é dedicado a reviver a tradição germânica. No colorido dos trajes, nas letras de música que nem todos entendem, nos pratos de sabores fortes e na alegria dos bailes regados a chope! Mas, sobretudo, no sentimento que mistura uma dose de nostalgia com um vácuo de esperança. Conhecendo ou não a tradição dos imigrantes ninguém escapa de um suspiro inexplicável, só porque é outubro, só porque é Oktoberfest. É essa alegre e sentimental tradição que desfila nas folhas deste caderno. Um presente à 24ª Oktoberfest que inaugura mais uma tradição em outubro.

Essa é para ficar na memória. Que a animação do desfile de abertura perdure por toda a festa!

CRUZADINHA GERMÂNICA

Hallo Blumenau, Bom dia Brasil, Schön ist wieder hier bei Euch zu sein (É lindo estar novamente com vocês) Hier lacht auch bei Regen Sonnenschein (Aqui o Sol brilha mesmo quando está chovendo) Hallo Blumenau, Bom dia Brasil Hoje todo mundo está cantando Hoje todo mundo está dançando Hallo Blumenau, Bom dia oh Brasil Festas para o povo da cidade, Música pra nossa mocidade. Hallo Blumenau, Bom dia oh Brasil, Oktoberfest em Blumenau, Festa cada vez mais legal., Freu mich schon das ganze Jahr auf Euch (fico contente durante todo o ano em rever vocês, vocês amigos) Euch zu sehen, euch Freunde Hallo Blumenau, Bom dia Brasil, Alles gut, alles Blau (Tudo bem, tudo azul) Alles Himmelblau in Blumenau (Tudo está azul celeste em Blumenau)

1uEle é o combustível da festa 2uPrimeiro nome do autor de Hallo Blumenau 3uQuando ele aparece a festa fica ainda melhor 4uSaúde! 5uO jeitinho alemão de dizer ‘tudo de bom’ 6uPalavra que revela o toque especial da festa 7uEla anima os pavilhões em vários ritmos

SERVIÇO trânsito uFluxo normal ao redor da Vila. uO lado interno da rua Alberto Stein (em frente à Vila Germânica) terá o trânsito interrompido. uRua Humberto Campos, em frente ao Galegão, servirá para o embarque e desembarque de ônibus. táxis u100 táxis disponíveis nos finais de semana e 40 nos outros dias. O ponto fica na rua Alberto Stein. uA bandeirada custa R$ 4 e o quilômetro rodado, atualmente, sai por R$ 1,18. Em Bandeira 2 , entre 20h e 6h, domingos e feriados, acréscimo de 17%. Valores aproximados por trajeto: uRodoviária/Vila: R$ 12 uPonta Aguda/Vila: R$ 9 uShopping/Vila: R$ 8 Ônibus uLinhas especiais nas noites da festa uO Terminal da Proeb 24 horas durante a Oktoberfest uO Terminal da Fonte 24 horas durante os finais de semana e feriado uEm dias normais, transporte coletivo das 4h à 0h Programação 06 (Ingresso: R$ 10) 12h: Abertura dos pavilhões 15h: Abertura das bilheterias e do Pavilhão 3 com som mecânico 17h: Desfile na Rua XV de Novembro 19h: Início das bandas 05h: Encerramento

1 - CHOPP / 2- HELMUT / 3 - SONNE / 4 - PROSIT / 5 - ALLES GUTE / 6 - CHARME / 7- MUSIK

usábado

Edição: Alessandra Meinicke ProjEto gráfico: Ricardo A. Kühl rEPortagEm: Ana Carolina Campos caPa: Obra de Telomar Florêncio fotos: Gilberto Viegas e Divulgação hallo@folhadeblumenau.com.br

udomingo

07 (Ingresso: R$ 5) 12h: Abertura dos Pavilhões 1 e 2 com bandas 15h: Abertura das bilheterias 24h: Encerramento uProgramação

completa www.oktoberfestblumenau.com.br

2

Caderno Especial da

Folha de Blumenau


H

oje o chope é motivo de festa. Da maior festa em sua homenagem na América Latina, segunda no mundo – a Oktoberfest de Blumenau. saborEs da fEsta A partir dos quatro elementos básicos: água, malte, lúpulo e levedura o chope oferece diversos matizes. O mais comum é o Pilsen, que recebe esse nome do malte de cevada utilizado em seu preparo. É um lager, ou seja, de baixa fermentação. A levedura utilizada que fica no fundo dos tonéis. As cervejas lagers são mais pesadas e possuem gosto mais acentuado de fermento. Outras lagers são a Bock e a Dunkel. As duas são escuras, devido ao uso de maltes mais tostados. As bocks geralmente são mais encorpadas e com teor alcoólico mais alto (8%), enquanto a dunkel tem um aroma que remete ao café e caramelo, com teor de 4,8%. As cervejas de alta fermentação, do tipo Ale, são mais leves. A levedura fica na superfície da mistura de água e malte, cozidos previamente, e libera um aroma mais frutado no chope. É o caso da Weisenbier (chope de trigo), do Pale Ale (diversos maltes, de cor âmbar, amargo) e da Porter (escuro, forte, amargo, de origem inglesa). na bagagEm Os primeiros colonos que chegaram a região trouxeram na bagagem a receita da cerveja. Em pouco tempo passou a ser produzida em fábricas. A cervejaria Hosang foi criada pelo alemão Heirich Hosang em 1860. Quinze anos depois, Carl Rischbieter inaugura sua fábrica. No século XIX existiam 12 cervejarias em Blumenau. “No final daquele século, o Governo Federal passou a taxar os ingredientes importados, com a taxação as cervejarias deixaram de ter lucros e não resistiram”, explica a diretora do Departamento Histórico da Fundação Cultura, Sueli Petry. Uma das poucas sobreviventes foi a Feldmann, que funcionou até a década de 50. rEtomada O fazer artesanal da cerveja ressurgiu no século XXI, com a vontade de alguns apreciadores de produzir um chope usando apenas os ingredientes permitidos pela Lei da Pureza. A família Mendes foi uma das que investiu em estudos, importação de ingredientes, fábrica e contratação de um mestre cervejeiro. “Somos apaixonados por cerveja e queríamos cervejas especiais”, conta Juliano Mendes, sócio-proprietário da Eisenbahn, de Blumenau. Na região, descendentes diretos de alemães buscaram em receitas da família a fórmula para uma cerveja original. Dentre eles, Brunhard Borck, em Timbó, e Georg Nuber, em Indaial. “Meu avô chegou aqui em 1932 e conhecia bem os cereais e fermentos usados na cerveja. Decidi resgatar a receita e montar a cervejaria. No começo produzia apenas para a família”, revela Georg Nuber, proprietário da Heimat.

SegredoS e SaBoreS da maiS líquida Tradição ele surgiu de forma acidental, ganhou uma lei de pureza e continua a estimular o paladar com seus diferentes aromas

ORIGEeM e a cernada mais é do qu

O chop , rada. Em alemão veja crua, não filt chope quanto o nt bier designa ta um acidente: cecerveja. Surgiu de odução de pães pr na reais utilizados dentro da água e foram esquecidos ndo. Do acaso ta en acabaram ferm to da fórmula, o ao aperfeiçoamen lei própria, em é at chope ganhou ã da Pureza, Rei1516. A Lei Alem itia o uso de aperm pe nheitsgebot, dientes na produnas quatro ingre ua, malte, lúpulo ág ja: ção da cerve e levedura.

Caderno Especial da

Folha de Blumenau

3


gustavosiqueira@folhadeblumenau.com.br

É OKTOBERFEST

B SO

NIA A ER

A rainha Roberta Felsky ladeada pelas princesas Jussara Schwanz e Joana da Silva Leite brindam a chegada do “Hallo, Blumenau!, o mais novo produto da nossa Folha de Blumenau! A jornalista Tânia Rodrigues mandou produzir a foto assim que soube da grande novidade que marcará época a partir desta edição da Oktober!

CARIN

PÂNICO NA OKTOBER: A direção do programa pediu a coluna para não divulgar a data da gravação, mas a pauta está confirmada! A dupla Vesgo e Silvio deve invadir os pavilhões da festa para zoar a galera que bebeu demais! Vai sobrar entrevistado...

A

GR FLA

HALLO!!!: A festa começou com tudo! A Folha de Blumenau não poderia deixar de entrar nesse clima que contagia qualquer pessoa que passa por aqui nesses 18 dias mágicos! Estamos aí para mostrar outros olhares da festa! Evidenciar o que é legal, é moderno, é engraçado, é polêmico, é chique, é brega e principalmente o que é notícia nesse turbilhão de informação chamado Oktoberfest! A ordem é esquecer nossa mentalidade de província e se divertir sem medo de ser feliz! Afinal, Oktober só tem uma vez por ano! O mundo inteiro gostaria de estar aqui! Já que nós aqui estamos, vamos aproveitar cada minutinho desse carnaval de alemão!!! Juízo e dá-lhe chope!!!

4

Caderno Especial da

Folha de Blumenau

Marcos e Simone Grützmacher em momento só deles!

BEBEU DEMAIS? O endocrinologista Ernesto Gazziero Filho dá a dica para quem exagerar um pouquinho no chope na Oktober! Pra evitar aquela ressaca o interessante é o mais cedo possível tomar muita água (já que o álcool desidrata) e comer alimentos leves bem combinados. Exemplo: Um doce + um punhado de amendoins + um copo de leite integral! Fazer exercícios leves ajudam também! O segredo do Dr. Ernesto para curar a bebedeira de vez e partir para mais um dia de festa é tomar um bom sorvete assim que chegar em casa! Claro que o bom mesmo é moderar, né? Até porque o chope não vai acabar....

Gustavo Siqueira

Hugo, da dupla sertaneja Hugo e Tiago, estava hilário! Reclamou que não foi reconhecido pela multidão e ainda o barraram num dos camarotes da festa! Resolveu beber todas e até arriscou um beijo na Márgara Hadlich! O Tiago foi dormir no hotel....

HO

REMEMBER

Prefeito João Paulo Kleinübing e Silvinho Cordeiro estavam relembrando histórias de antigas edições da festa em altos papos! Até que o slogan da No 1 surgiu aqui eles desenterraram....

CAMAROTAN uMadelon Ted marote da Bra “maior bar do uVera Lúcia G des para o Cam bonita e Carlos uLisete Poffo, clientes na pró uA Abóbora quitutes estão uRodrigo Lam convidados no retores da Reg sença! uVice-prefeito dele na festa. A uRita Schurma ciais do Tabajar após o desfile d uDanielle Fuch falou sobre o nau! na entrev no Estúdio mo


C

IC OCH

HO

Eu nunca deixei de vir a uma Oktoberfest! Até de cadeira-derodas me carregaram pra festa!

Vai lá saber o que a Renata Montagna estava confidenciando ao Marcelo Justi nessa hora! A dupla arrasou na festa e principalmente no Camarote da Brahma!

Hans Disse e Naldi Baade comemoraram 25 anos de casados na abertura da 24ª Oktoberfest!

Norberto Mette, secretário de turismo de Blumenau

O

UÍ N GEN

VIP: Patrícia Kleinübing fez uma lista de amigos da imprensa mais próximos e personalidades da cidade para receber no camarote da Prefeitura do próximo dia 10! “Uma recepção para os mais chegados”, define a nossa carismática primeira dama! ESTRANGEIROS: Muita gente de outros países deve aportar por aqui! A ABB recebe um grupo de 15 americanos no seu camarote no próximo dia 17!

ASA

DA C A T A PR

RAINHA: Domingo a noite acontece a eleição da Rainha da Oktoberfest no Setor 3 da Vila Germânica! Estaremos fazendo parte da comissão julgadora também!

Hanz Menn veio direto da Alemanha conferir a Oktober de Blumenau

NDO desco é quem pilota mais uma vez o Caahma! A concepção desse ano é a do mundo”! Guatymozim preparou grandes novidamarote da Bunge! A decoração está bem s Waldrich é um perfeito anfitrião! , da Tutti Giorni, recebe seus grandes óxima semana para conhecer a festa! Brasil está sendo elogiadíssima! Seus no camarote da Tokio Marine! mbert de Castro recepcionou inúmeros o camarote da Ford Center ontem! Digional da Ford também marcaram pre-

o Edson Brunsfeld tem um camarote só Amigos tantos se revezam no espaço! ann e Lorna Stein Santos, diretoras sora Tênis Club, circularam nos camarotes da última quinta! hs, editora-chefe da Folha de Blumenau, lançamento do caderno Hallo Blumevista que concedeu ao nosso programa ontado dentro do camarote da Brahma!

OKTOBER FASHION: A produtora de moda Carlota Di Pietro pesquisou e listou 10 pecados gravíssimos na hora de se vestir para a Oktoberfest! É bom ficarmos atentos no que está proibido: 1.Chinelo de dedo e sandálias rasteiras (pra que correr o risco de ser pisoteado?) 2.Vestidos muito curtos e muito decotados (é um mico!) 3.Sapato Alto (nunca!) 4.Jóias muito chamativas (não combina com Oktober!) 5.Roupas desconfortáveis e com brilho (é uma festa popular!) 6.Homem sem camisa (ninguém merece!)

BRINDE

Alexsandro B. X. Pinto e Bianca Shen, diretor de novos negócios e gerente de evento do Chopp Brahma, eram só alegria no lançamento das cervejas importadas que a Ambev trouxe para a Oktober!

7.Bolsas grandes demais (o bom é levar só o dinheiro e a identidade!) 8.Maquiagem exagerada! (jamais!) 9.Camisetas com palavrões estampados (é brega!) 10.Terno (nem o presidente Lula faria uma gafe dessas!)

Caderno Especial da

Folha de Blumenau

5


wunderbar!

enTre no clima!

TRAJE OFICIAL

A camiseta é o mais popular dos trajes da festa. Personalize a sua e faça bonito! Materiais utilizados uCamiseta branca de algodão uBarbante Rabo de Rato uFita Grega uFlor de Crochê uLinha para costura

Ao lado da realeza, prefeito sangra o primeiro barril de chope e...

Banho de chope dá as boas-vindas à 24ª oktoberfest

B

andeiras alemãs penduradas em janelas e portas das casas e do comércio. Toques de trompete. Casais de Fritz e Frida por todos os lados. A cidade está em clima de Oktoberfest. Desde o início de outubro, era possível sentir a expectativa no ar. Durante a visita da Orquestra Sinfônica de Santa Catarina à cidade, a breve apresentação da canção “Um barril de chope” deu a oportunidade para os blumenauenses extravasarem a ansiedade contida. Mas o dia 4 chegou, os portões da Vila se abriram e o primeiro barril de chope lavou a alma de quem foi conferir a abertura do evento.

Como fazer uNas costas da blusa, faça um corte reto do meio da barra até a metade da altura da camiseta. uA partir do corte, conte três centímetros da barra de cada lado e dobre o tecido de modo a formar um triângulo. uCorte este excesso do tecido e costure uma bainha para dar acabamento. uFaça furos dos dois lados do triângulo na mesma direção. uPara que essas pequenas aberturas não desfiem, faça um acabamento. uPasse o barbante rabo de rato (1,5m) entre os furinhos, de cima para baixo, de forma cruzada. uPregue a flor de crochê no alto do triângulo. uNa gola, faça um corte do tipo canoa. uPregue a fita grega no ombro e em toda a barra da camiseta.

... saúda os foliões!!!

Assessoria: Emanuella Fuck – aluna do curso de Moda da FURB.

GUTEN APETIT Klara Kock

chefdacasa@folhadeblumenau.com.br

6

acompanhamentos para o chope Hallo caros leitores! Como o assunto de hoje é Chopp, não só de hoje, mas da festa toda, nada melhor do que alguns beliscos para acompanhar. Hummm..., Trago alternativas fáceis de preparo rápido. Caso vocês estejam recebendo visita, nada melhor do que ter coisas da nossa terrinha para oferecer. Servir amendoim é fácil, mas cadê o diferencial? Então, não deixe de ter em casa um pão de aipim fatiado, pode comprar na quinta e comer somente no domingo, mas daí eu aconselho dar uma torradinha nas fatias para ficar mais gostoso, agora, se estiver fresquinho, ah! Então sirva assim mesmo. Com que? Manteiga? Azeite? NÃO!!! Ou até pode

Caderno Especial da

Folha de Blumenau

mas, quem sabe, servir com um queijinho com nata, aqueles de feira mesmo, temperado com algumas ervas (salsinha e cebolinha picada), sal e pimenta do reino. Outra pedida é o Kochkäse ou o a lingüiça patê da Cia Olho, hummm.. nossos alternativas são tão apetitosas e os sabores são tão únicos nossos. Vocês podem fazer todas as compras na feira mesmo, será o melhor lugar para encontrar todas estas alternativas e até outras como Hollmops, ovo de codorna em conserva, sardinhas... Ah! Lembrei de um excelente sanduíche que pode ser feito. Hering brot, eu normalmente prepa-

ro a pasta deste sanduíche amassando sardinhas em conserva (eu prefiro limpá-las, retirar o couro e as espinhas, mas muitos preferem elas amassadas inteiras mesmo, você decide como fazer) com ovos cozidos, salsinha e cebolinha picadas, um pouquinho de maionese e tempero com sal e pimenta do reino, pronto agora é só rechear o pão e servir! Simples e gostoso fica servir aquelas linguiças cozidas e defumadas (encontramos nos supermercados de várias marcas) assadas no forno ou na churrasqueira dentro de uma metade de um pão francês (cortado ao comprido) com um pouco de mostarda, petisco bem típico alemão e muito bem aceito por todos, vale testar.


enquanto o pavilhão não abre...

cerVeJariaS aPoSTam no DiFerencial Serviços de qualidade e produção variada garantem uma rota inusitada ao visitante

Pomerode

Timbó Gaspar Blumenau

Indaial

Brusque

BIERLAND Fundação uoutubro de 2003 Significado do nome uTerra da Cerveja, em homenagem a Blumenau Endereço da fábrica uRua Gustavo Zimmermann, 5361 – Itoupava Central (Blumenau-SC) Tipos de cerveja produzidos uPilsen, Bock e Weizenbier. Em edições especiais o Pale Ale e o Chope de Vinho. Bar da fábrica ude 3ª a 6ª feira a partir das 16h30 e no sábado a partir das 10h u(47) 3337-3100 uwww.bierland.com.br EISENBAHN Fundação ujulho de 2002 Significado do nome uFerrovia, devido à existência de uma antiga estrada de ferro próximo ao local onde hoje está instalada a cervejaria. Endereço da fábrica uRua Bahia, 5181 Salto Weissbach (Blumenau-SC) Tipos de cerveja produzidos uPilsen Orgânica, Pilsen, Dunkel, Rauchbier, Kölsch, Weizenbier, Pale Ale, Weizenbock, Strong Golden Ale, Lust, Weihnachts Ale, Bierlikör. Bar da fábrica ude 2ª a 6ª feira a partir das 16h e nos sábados a partir das 10h u(47) 3330-7371 uwww.eisenbahn.com.br HEIMAT Fundação umarço de 2005 Significado do nome uTerra natal Endereço da fábrica uRua Marechal Deodoro da Fonseca, 1498 – Tapajós (Indaial-SC) Tipos de cerveja produzidos uPilsen, Bock e Porter u(47) 3333-1793 uwww.choppheimat.com.br WUNDERBIER Fundação u2006, porém a produção começou em agosto de 2007 Significado do nome uCerveja Maravilhosa Endereço da fábrica uRua Fritz Spernau, 155 – Itoupava Norte (Blumenau-SC) Tipos de cerveja produzidos uComo a fábrica iniciou sua produção neste ano, pretende aumentar sua oferta de chope no início de 2008, com a produção de bock (escura) e weizen (trigo) Bar da fábrica uabre a partir de novembro

ZEHN BIER Fundação uoutubro de 2003 Significado do nome uZeHn significa dez. Também é uma alusão ao sobrenome da família, Zen, com o acréscimo da letra H, primeira letra do nome de Hylário Zen, autor do projeto. Endereço da fábrica uRua Benjamin Constant, 24 – São Luiz (Brusque-SC) Tipos de cerveja produzidos uPilsen, Bock e Porter. A cervejaria parou de produzir uma edição especial chamada Chopp do Horácio. Bar da fábrica ude 2ª a sábado a partir das 17h u(47) 3351-0033 uwww.zehnbier.com.br DAS BIER Fundação u2006 Significado do nome uApenas cerveja. Endereço da fábrica uRua Bonifácio Haendchen, 5311 (Gaspar-SC) Tipos de cerveja produzidos uPilsen, Pilsen maturado e Braunes Ale Bar da fábrica ude 4ª a 6ª a partir das 17h e nos sábado e domingo a partir das 15h u(47) 3397-8600 uwww.dasbier.com.br BORCK Fundação uoutubro de 1996 Significado do nome uSobrenome da família Endereço da fábrica uRua Pomeranos, 1963 (Timbó-SC) Tipos de cerveja produzidos uPilsen e Malzbier Bar da fábrica unão tem u(47) 3382-0587 uwww.borck.com.br SCHORNSTEIN Fundação ujunho de 2006 Significado do nome uSignifica chaminé, devido à contrução que fiu adaptada para receber a cervejaria e o bar da fábrica Endereço da fábrica uRua Hermann Weege, 60 – ao lado do Zôo (Pomerode-SC) Tipos de cerveja produzidos uPilsen Natural, Pilsen Cristal, Pale Ale e Bock Bar da fábrica ude 4ª a 6ª feira a partir das 18h e sábado e domingo a partir das 12h (47) 3387-6655 www.schornstein.com.br

Caderno Especial da

GUTE REISE Antonio Bittelbrunn Jr.

folhatur@folhadeblumenau.com.br

autenticidade cultural É assim que melhor posso classificar as opções de roteiro pelas cervejarias artesanais de Blumenau. Estudos nas áreas do turismo, do lazer e da hotelaria comprovam que o desenvolvimento do turismo só acontece com a conscientização e sensibilização das comunidades locais, dos profissionais de turismo e dos demais profissionais direta e indiretamente envolvidos com o trade turístico. O turismo acontece e se solidifica em uma comunidade comprometida com a qualidade na prestação dos serviços, com a preservação do patrimônio cultural e histórico, do meio ambiente e principalmente com a promoção das características regionais. O turismo é motivado pela busca de novos conhecimentos, de informações, de interação com outras pessoas, comunidades e lugares, da curiosidade cultural e dos costumes. Blumenau entendeu isso e dentro desta proposta, inspirada na rota do vinho, no Rio Grande do Sul, mostra seu diferencial e suas características regionais com o seu roteiro das cervejarias artesanais. Uma excelente iniciativa, apresentada em detalhes nesta edição do HALLO BLUMENAU e que merece ser visitado por blumenauenses e turistas. Sem dúvida mais do que um passeio, um verdadeiro culto à cerveja.

Folha de Blumenau

7


NOSSA OKTOBERFEST Blumenau, sita do casal a eiro fiel, Na primeira vi nh pa ltar o com não podia fa bebeu todas”, brinca já le “E Robby! mava vir à o casal progra echa na Rita. Há anos a br ano achou um Oktober, este ahara e Robby ak N ta Ri n, io agenda. Mar Campos-SP) (São José dos

Urbani veio para a Ok tober, pela primeira vez, em 1991. Nã o pode vir em 1992, mas no ano seguin te tradição: no mínimo um iniciou uma a festa do chope por ano semana de . Há três anos vem acompanhado da esposa, Andréia. “A gente volta por cau sa do folclore. Não percam nunca esta tradição”, pede o casal. José Luiz Urbani e Andréia Barbosa (São José dos Camp os-SP)

Foliões pegos no flagra! Fritz Kraft e Osmar Radünz vieram previnidos para não passar sede na festa.

WO BIST DU?

(onde está você?)

es, 20 anos, Gabriela Nun odontologia estudante de paz inteligenProcura um ra o e alto! en or m te, bonito, hotmail.com

gabinuness@

, etto, 20 anos Rudinei Brun icina med estudante de a, a extrovertid Procura moç . ta ni bo simpática e

Água no chope é tudo que os políticos fazem e que acaba em pizza Leandro Sasse, estudante.

tmail.com tazz_000@ho

TRIBUNA

Hallo 2007 - 1ª Ed  

Caderno Hallo Blumenau 2007 - 1ª Ed