Page 1

NO

www.folhanoroeste.com

Ano XIII – Nº 256 2ª quinzena Abril 2019

LAPA/PIRITUBA Regional - (PG. 16)

LEOPOLDINA  LAPA  PIRITUBA  FREGUESIA DO Ó  JARAGUÁ  TAIPAS

FREGUESIA DO Ó – Segurança - (PG. 12)

Delegacia da Mulher na Freguesia já oferece atendimento 24 horas

Governo estuda concessão das Linhas 7, 8 e 9 da CPTM à iniciativa privada Ampliação da 7-Rubi até Campinas está inserida no projeto do Trem Intercidades

Funcionamento em horário estendido conta com o reforço de 24 policiais PIRITUBA/LAPA Regional - (PG. 10)

OUCAB tem nova Audiência Pública para discutir CEPACs Encontro na Água Branca está programado para o dia 29 de abril

CIDADE - Segurança - (PG. 06)

Novo serviço dos Bombeiros prevê fiscalização Corporação vai realizar vistorias para evitar tragédias causadas por incêndios


02

1ª Quinzena de Abril 2019

www.folhanoroeste.com

NO

ARTIGO Voltamos à estaca zero EXPEDIENTE

Diretor responsável

Edson Vieira

DEPARTAMENTO COMERCIAL

Ricardo Lobo, Eduardo Cruz e Marta Cristina

Jornalista responsável

Ronald Gimenez MTB 23.373

REDAÇÃO Revisora

Priscila Perez Assistentes de Noticiário

Gabriel Cabral Repórter

Cristina Braga

CRIAÇÃO Web Designer

Rotatividade nas subprefeituras prejudica atuação dentro dos bairros

H

á um mês, recebemos em nosso estúdio Andrea Matarazzo, ex-secretário das Subprefeituras e ex-subprefeito da Sé. Na oportunidade, foi perguntado a ele se concordaria com o atual sistema de indicação dos subprefeitos para as regionais (veja a entrevista completa em nosso canal do YouTube). Segundo Matarazzo, existe muita rotatividade com a troca frequente de gestores, prejudicando as zeladorias dos bairros. Para o ex-subprefeito, “conhecer a região onde ele vai exercer o seu trabalho demora, no mínimo, seis meses”. “Ele fica mais um ano e, quando está engrenando, pedem a sua saída”, pontua Andrea Matarazzo. Ivan Lima, que esteve à frente da Subprefeitura Pirituba/Jaraguá por dois anos, acaba de deixar seu gabinete,

indo para a Secretaria da Habitação. Foi substituído por Edson Brasil, ex-chefe de gabinete da Cohab, a partir de 11 de abril. O novo subprefeito é casado e tem 54 anos. Trabalhou na Secretaria de Segurança Pública de São Paulo, foi assessor de gabinete da Secretaria de Estado do Meio Ambiente, bem como Chefe de Gabinete do deputado Bruno Covas na Alesp (Assembleia Legislativa do Estado) e na Câmara Federal. Foi ainda Secretário de Habitação em São Vicente e Chefe de Gabinete da Cohab, em São Paulo. Aliás, ele é natural de São Vicente, litoral de São Paulo, e mora em Barueri.

deração com os contribuintes piritubanos. Nada contra o senhor Edson Brasil, mas ele será mais eficiente do que o ex-subprefeito Ivan Lima? No último dia 7, o prefeito Bruno Covas completou um ano de gestão na Prefeitura de São Paulo. Segundo ele, sua meta é focar na zeladoria da cidade, a exemplo de João Doria. Sendo assim, a troca do subprefeito seria, possivelmente, para colocar seu plano em ação, pois a nossa região necessita de uma revitalização geral. Pirituba e região continuam crescendo diariamente, e precisamos de um bom zelador, não de um forasteiro.

Qual é a relevância dessa troca nesta altura do campeonato? O prefeito Bruno Edson Vieira Covas não deve ter o mínimo de consi- Jornal Folha Noroeste

Lucas Charnyai Designer Gráfico

Daniele Oliveira Diagramação

Dorival Lopes Júnior

ADMINISTRATIVO/FINANCEIRO

Rosângela Códolo

IMPRESSÃO: S.A. O Estado de São Paulo Administração: 3904-7081 contato@folhanoroeste.com.br Comercial: 3902-2747 / 3904-7085 comercial@folhanoroeste.com.br Site: www.folhanoroeste.com Curta nossa página folha.noroeste jornalfolhanoroeste Artigos assinados são de responsabilidade de seus autores.

Espaço Livre

Envie sua opinião para emaildoleitor@folhanoroeste.com.br ou pelo Whatsapp (11) 99997-1947 com o nome completo. O texto deve ter entre 900 e 1.300 caracteres.

Escola em companhia de descompromissados Depois de 53 anos, resolvi entrar em uma escola municipal para cursar o Ensino Fundamental. Hoje, aos 57 anos, desejo neste final de ano obter o meu tão desejado diploma. Deixo meu trabalho correndo, vou para casa, preparo o jantar da família e, novamente correndo, chego à escola para participar da minha classe, formada por pessoas contemporâneas - grande parte da moçada possui entre 17 e 30 anos. Antes de participar das aulas, eu tinha uma impressão bem diferente, pois para

mim “escola era um lugar aonde as pessoas iam para obter conhecimento, boas maneiras, respeito pela pátria e ter os professores como verdadeiros mestres”. Ledo engano. A maior parte dos jovens não tem compromisso nenhum em aprender, pois fazem da classe um verdadeiro ponto de encontro para bagunçar. Não respeitam os colegas com mais idade, atrapalham as aulas com falatórios entre si e ficam no celular. Não poucas vezes, alunos saíram da sala às escondidas para

usar drogas nos banheiros, além de não terem respeito pelos professores. Nitidamente, alguns professores demonstram medo durante as aulas e fazem de conta que não estão vendo nada. Sabedora de que o governo municipal tenta fazer sua parte, peço para a Secretaria Municipal da Educação que valorize as pessoas com mais de 40 anos, pois muitas não tiveram a oportunidade de concluir seus estudos. Sendo assim, que possam ter uma classe específica para sua idade. É difícil, mas não impossível de se fazer! Luiza de Carvalho


www.folhanoroeste.com

2ª Quinzena de Abril 2019

CONEXÃO NOROESTE – VEREADOR ELISEU GABRIEL

ELISEU GABRIEL E-mail: vereador@eliseugabriel.com.br Acompanhe: www.eliseugabriel.com.br facebook.com/professoreliseugabriel

Semana de Leitura, lei do vereador Eliseu Gabriel, é sucesso absoluto na cidade! Pelo oitavo ano consecutivo, em todas as regiões da cidade, aconteceu a Semana Municipal de Incentivo à Leitura, criada por lei de autoria do vereador Professor Eliseu Gabriel EMEF Gabriel Sylvestre Com o apoio da Secretaria da Educação, da Cultura e com recursos obtidos pelo nosso vereador, por meio de emendas ao orçamento, inúmeras atividades foram realizadas em escolas, bibliotecas, praças, parques e outros espaços públicos e privados entre os dias 6 e 14 de abril. Na região noroeste, a programação foi intensa. Teve Caravana da Leitura, Lelé Livreto, o espetáculo teatral “Cadê o amor que estava aqui?”, poesia e hip-hop, bate-papo com autores e tantas outras atividades. Mais uma vez, o evento será coroado com o lançamento do livro “Descobrir-se Autor”, que reúne textos de alunos que participaram dos eventos dessa Semana. “A novidade desse ano é que iremos lançar, também, o livro “Revelar-se Autor”, escrito por professores. Será uma verdadeira celebração à leitura”, ressalta Eliseu Gabriel. A Semana pegou e foi um grande sucesso! Confira alguns locais:

Parque Toronto

EE Prof. Cândido Gonçalves Gomide

CEI Mutinga

Biblioteca Brito Broca

Cantareira Norte Shopping

EE Prof. Rui Antônio Fragoso

EE Pasquale Peccicacco

PAC Cantagalo

EMEI Pedro de

Toledo

Informe Publicitário

04


06

www.folhanoroeste.com

CIDADE

2ª Quinzena de Abril 2019

SEGURANÇA

Corpo de Bombeiros ganha mais poder de fiscalizar edificações “Edificação Mais Segura” é tema de campanha para evitar incêndios na cidade por Cristina Braga

Há quase um ano, em pleno 1º de maio, os paulistanos acordaram perplexos com o incêndio e posterior desabamento do edifício Wilton Paes de Almeida, no Largo do Paiçandu, no centro da capital. Um dos principais fatores de risco, o de incêndio, ocorreu devido à parte elétrica completamente improvisada e a um curto circuito. Historicamente, São Paulo não pode apagar da memória os grandes desastres que atingiram os edifícios Joelma, matando 188 pessoas em 1974, e Wilton Paes, com sete vítimas e mais de 140 famílias desabrigadas. Com o objetivo de prevenir tais tragédias, o Corpo de Bombeiros deu início este mês à operação “Edificação Mais Segura” e, posteriormente, ao trabalho de fiscalização no Estado de São Paulo. A iniciativa, por conta do decreto estadual nº 63.911/18 de 10/12/2018 (encontrado no site www.corpodebombeiros.sp.gov.br), visa fiscalizar o cumprimento das medidas contra incêndios, ou seja, se a edificação possui licença

válida e se os sistemas de proteção estão em perfeitas condições. Definição de rotas de fuga, instalação de equipamentos de segurança (extintores e sinalizadores), destinação adequada do lixo, entre outras exigências, minimizam a propagação do fogo e facilitam o escoamento das pessoas em incêndios. O Tenente Coronel Herbert Meyerhof, do 2º grupamento do Corpo de Bombeiros da Polícia Militar do Estado - responsável pela zona norte da cidade -, afirma que os agentes terão ordem de fiscalização reconhecida por QR Code, contendo a sua identificação, a data e o local a ser fiscalizado, o que poderá ser checado e comprovado pelo aplicativo Via Fácil Bombeiros. “Não vai ser algo aleatório. Nosso alvo é garantir a segurança e salvar vidas humanas.” Por meio do app também será possível verificar se o edifício possui o Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB) – laudo obrigatório. O decreto prevê advertência (tempo para se adequar), multa (que varia de R$ 230 a R$ 230 mil) e até a cassação do licenciamento.

Bate-papo com o Tenente Coronel Herbert Meyerhof e o empresário Ivon Gonzalez

Para Meyerhof, o intuito é “orientar a população”, e destaca que o investimento em segurança nos prédios, inicialmente, pode até ser maior, mas “a manutenção é tão baixa que em cinco ou seis anos já se pagou”. O Tenente Coronel lembra ainda que a legislação paulista sobre prevenção e combate a incêndios é referência para todo o Brasil. Segundo dados da Corporação referentes ao biênio 2017/2018, o distrito

de Pirituba tem um incêndio a cada dois dias, enquanto que no Jaraguá há uma ocorrência a cada três dias. O Tenente Coronel Meyerhof, juntamente com o empresário Ivon Gonzalez, conversou com a Folha Noroeste em vídeo sobre o assunto. Confira a entrevista completa em nosso canal do YouTube e no Facebook. Veja esta e outras matérias em nosso portal e jornal eletrônico: www.folhanoroeste.com


08

www.folhanoroeste.com

2ÂŞ Quinzena de Abril 2019


10

www.folhanoroeste.com

PIRITUBA/LAPA

2ª Quinzena de Abril 2019

REGIONAL

PIRITUBA/LAPA

REGIONAL

Audiência Pública da OUCAB ocorrerá Distritais Noroeste e Oeste da ACSP recebem novos superintendentes no próximo dia 29 na Água Branca Encontro vai discutir a redução nos valores dos CEPACs

Gestores foram eleitos para o biênio 2019-2021

por Cristina Braga

por Cristina Braga

Os vereadores da Comissão de Política Urbana da Câmara Municipal de São Paulo, durante a reunião ordinária realizada no último dia 3, às 13h, atenderam ao pedido de representantes da sociedade civil do Grupo de Gestão da OUCAB (Operação Urbana Consorciada Água Branca) e cancelaram a audiência convocada para o dia 8 de abril, que foi divulgada com menos de dez dias de antecedência. No entanto, está mantida a Audiência Pública programada para o dia 29 de abril, segunda-feira, às 18h30, que ocorrerá no auditório da UNINOVE Barra Funda (perímetro da OUCAB), já divulgada pelo Diário Oficial de 30 de março. Nesta reunião da Comissão, o Grupo de Gestão apresentou aos vereadores a necessidade de “atualizar o estudo econômico elaborado pelo Executivo, que justificou a proposta de redução de valores de CEPAC na OUCAB, considerando os atuais cenários econômicos e de merca-

do, além dos valores praticados na capital paulista para outorga onerosa”. Os Certificados de Potencial Adicional de Construção (CEPACs) são valores mobiliários emitidos pela Prefeitura do Município de São Paulo, por intermédio da SP Urbanismo, e utilizados como meio de pagamento de contrapartidas para a outorga de Direito Urbanístico Adicional. O Grupo de Gestão solicita ainda uma análise de impactos que uma redução de valores trará na realização do plano de intervenções públicas da OUCAB, “que prevê obras historicamente demandadas pelos moradores da região, como equipamentos públicos de saúde, educação, drenagem, viário e áreas verdes”. Outra solicitação é que as Audiências Públicas sejam divulgadas com, no mínimo, 15 dias de antecedência, e agendadas em local na Água Branca, durante o período noturno, para permitir uma efetiva participação social. Veja esta e outras matérias em nosso portal e jornal eletrônico: www.folhanoroeste.com

Em reunião conjunta do Conselho Deliberativo e da Diretoria Plena da Associação Comercial de São Paulo (ACSP), foram eleitos os novos diretores-superintendentes das 15 sedes distritais da entidade. O evento foi realizado na última segunda-feira, 8 de abril, na sede da entidade, localizada no centro da capital. O presidente da ACSP, Alfredo Cotait Neto, declarou a nova diretoria empossada para o biênio 2019/2021. Na mesma ocasião, foi realizada a eleição da Comissão Fiscal e do Conselho Deliberativo, com a homologação dos nomes de 50 membros do Conselho Consultivo indicados por Cotait. Regionais Na região, o economista Leonardo dos Santos Ramos assume a superintendência da Distrital Noroeste, que compreende os distritos de Pirituba, Parque São Domingos, Freguesia do Ó, Parada de Taipas,

Parque Anhanguera, Jaraguá e Perus. Já Mario Pietro Martinelli é quem comanda a Distrital Oeste, cuja abrangência vai da Lapa até a Leopoldina, incluindo diversos bairros da região, como Água Branca, Pompeia, Perdizes, entre outros. Martinelli pretende aproximar mais a Distrital dos associados, além de fortalecer o empreendedorismo e defender a livre iniciativa. Na mesma linha vai o jovem superintendente que assumiu a Noroeste. Ramos, de 27 anos, nasceu e cresceu no bairro de Pirituba, e argumenta que uma das suas metas enquanto líder da Distrital Noroeste “é buscar uma maior aproximação com todos os atores e lideranças da região”. Segundo ele, para representar bem o empreendedor, “é importante estar atento às discussões sobre os problemas do bairro e contribuir, de alguma forma, com a construção de uma região melhor, mais segura e bem administrada”. Veja esta e outras matérias em nosso portal e jornal eletrônico: www.folhanoroeste.com


12

www.folhanoroeste.com

LEOPOLDINA

2ª Quinzena de Abril 2019

FREGUESIA DO Ó

REGIONAL

Parque Orlando Villas-Bôas recebe R$ 2 milhões em recursos para reforma

SEGURANÇA

Delegacia da Mulher na Freguesia do Ó já funciona 24 horas

Prefeitura assina Termo de Ajuste de Conduta com construtora no MP Atendimento na 4ª DDM da zona norte passa a ser integral por Cristina Braga

O Parque Orlando Villas-Bôas, fechado pela Justiça em março de 2015, avança mais um passo em direção à sua reabertura. No último dia 5, foi assinado um Termo de Ajuste de Conduta (TAC) entre o Ministério Público, a Prefeitura de São Paulo e a SPE Solaia Empreendimentos Imobiliários Ltda., na sede do próprio MP. Estiveram presentes no ato representantes da Distrital Oeste da Associação Comercial de São Paulo e da Associação Viva Leopoldina (AVL), além do presidente do Conseg da Vila Leopoldina, Jairo Glickson. Pelo convênio, a SPE Solaia Empreendimentos deverá depositar o valor de R$ 2 milhões no Fundo Especial de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (FEMA), com a utilização especificamente assinalada para a recuperação do parque, que deverá ser feita em até seis meses, ou seja, até setembro deste ano. “A reabertura desse espaço verde é uma luta nossa e da comunidade”, descreveu o vereador Gilberto Natalini (PV). Natalini é autor da Lei 14.686/08, que cria o Parque Orlando

Villas-Bôas na Vila Leopoldina, em uma área de 67 mil metros quadrados. “Ver um espaço como esse abandonado e sem utilização é lamentável. É um parque importante para a região. Esperamos que a Prefeitura agora faça a sua parte. Sua reabertura será uma vitória para os lapeanos e também para todos os paulistanos”, analisa. A área verde foi fechada após liminar na Justiça por suspeita de contaminação no solo, visto que, no mesmo local, havia funcionado uma Estação de Tratamento de Esgoto da Sabesp. Desde o fechamento, a manutenção do parque diminuiu visivelmente. Em julho de 2018, a Cetesb informou que não havia nenhum impedimento para que o parque fosse reaberto. Já em agosto, com base no laudo da agência, a Sabesp, dona do terreno, informou ao MP que não havia restrição para o uso do parque e solicitou a reconsideração do fechamento. O Ministério Público, por sua vez, também se manifestou favorável à reabertura do espaço. Veja esta e outras matérias em nosso portal e jornal eletrônico: www.folhanoroeste.com

por Cristina Braga

A 4ª Delegacia da Mulher (DDM) da Freguesia do Ó está funcionando 24 horas desde o último dia 29 de março. O atendimento passa a ser integral na 4ª DDM, na zona norte, e também na 5ª DDM, localizada na zona leste. Agora, sete delegacias funcionam ininterruptamente na capital paulista, e as demais, de segunda a sexta-feira, das 9h às 19h. Segundo o governador João Doria, para o funcionamento em horário estendido, haverá reforço de 24 policiais, além do efetivo que já atua na DDM. Campanha nos Consegs A advogada Noêmia Vieira Fonseca, que atua na região, lembra que iniciou uma campanha entre 2016 e 2017, em que conseguiu recolher, aproximadamente, 11 mil assinaturas pedindo a abertura das delegacias 24h. Noêmia, que já foi presidente da Comissão da Mulher da OAB Lapa, diz que “sempre justificavam a falta de verba para a abertura das delegacias”. A advogada salienta que “a violência não tem hora, mas tem preferência, por-

que ocorre frequentemente à noite e aos finais de semana”. “A violência masculina ficou muito agravada por conta da impunidade.” Para ela, é importante ressaltar que “a Delegacia 24 horas precisa ter um corpo de funcionários que suporte a demanda da violência”. “Eu espero que o governo não repita fórmulas de gestões anteriores de distribuir as mesmas viaturas em 20 delegacias”, reflete a advogada. “Creio que o governo proativo de João Doria pode e deve priorizar a segurança pública, dando as condições necessárias para que a população possa desfrutar dos serviços públicos em áreas como segurança, saúde e educação”, conclui Noêmia. Ao longo de 2018, a 4ª DDM instaurou 830 inquéritos policiais e expediu 251 medidas protetivas. No primeiro bimestre, foram 64 inquéritos e 76 medidas. A Delegacia da Mulher fica na Avenida Itaberaba, 731. Ao todo, no Estado de São Paulo, são 133 DDMs: 16 na Grande São Paulo, nove na capital paulista e 108 no interior. Veja esta e outras matérias em nosso portal e jornal eletrônico: www.folhanoroeste.com


NO

14

www.folhanoroeste.com

2ª Quinzena de Abril 2019

Gastronomia [Acontece] PIRITUBA

Veja outras receitas em nosso portal www.folhanoroeste.com; clique em gastronomia

Sabores da Páscoa

Fernanda Ouro se apresenta na Casa da Árvore A Casa da Árvore, em Pirituba, recebe no próximo sábado, 20 de abril, Fernanda Ouro e Os Garimpeiros do Som. A banda traz as canções autorais de Fernanda Ouro, como “Velhos Tempos”, “Sob a Luz do Luar”, “Moça” e “Girassol”. Ela também canta grandes sucessos da música nacional e internacional. A jovem artista brilhou no programa The Voice Brasil Kids, da TV Globo, quando fez parte do time Claudia Leitte. Além do show, o público ainda poderá saborear o cardápio da casa mais descolada de Pirituba, com drinks e porções caprichadas para curtir a noite. Quando: 20 de abril, sábado, às 20h. Quanto: R$ 10 (entrada) + consumação. Onde: Casa da Árvore, na Avenida Doutor Felipe Pinel, 305 – Pirituba.

CHOCOTORTA

[Acontece] LAPA E REGIÃO

Creme

Restaurant Week chega à sua última semana Iniciada em março, a Restaurant Week chega agora à sua última semana em São Paulo. O evento, que vai até o próximo domingo, 21 de abril, reúne diversos restaurantes conceituados da cidade com menus completos (entrada, prato principal e sobremesa) a preço fixo. Em casas convencionais, o almoço custa R$ 46,90, e o jantar sai por R$ 58,90. Há também espaços na categoria premium, que oferecem o cardápio a R$ 68 (almoço) e R$ 89 (jantar). Entre os restaurantes convencionais participantes estão o L’Entrecote de Paris e Johnny Rockets, ambos no West Plaza, na Água Branca; o QCeviche! e Restô CMDG, na Barra Funda; o Mamaggiore Cucina Italiana e Mamaggiore Bistrô Bar, na Vila Leopoldina; o Lapin, San Telmo e DoRo Gastronomia, em Perdizes, e muitos outros. Confira a lista completa na seção de Gastronomia do portal da Folha Noroeste. Quando: até 21 de abril, domingo. Quanto: menus convencionais a R$ 46,90 (almoço) e R$ 58,90 (jantar); menus premium por R$ 68 (almoço) e R$ 89 (jantar). Onde: acesse www.folhanoroeste.com para mais informações.

[Acontece] JARAGUÁ, LAPA E REGIÃO Mais de dez botecos da região participam do “Comida di Buteco 2019” O concurso mais delicioso de São Paulo começou no dia 12 de abril e traz muitos petiscos incríveis, que disputarão o troféu de Melhor Petisco de São Paulo e Melhor Petisco do Brasil. Em 2018, mais de 600 botecos participaram da competição em todo o país. Neste ano, só na região noroeste da cidade, são 14 representantes, com destaque para as casas Bar Estrela da Matriz, Distinta Freguesia, O Alemão (as três na Freguesia do Ó), Beijú de Tapioca, Calçada da Lapa e Lewis Bar (na Lapa). Pompeia, Perdizes, Água Branca e Barra Funda também estão no radar do evento. Outra novidade é a participação do bairro do Jaraguá, que conta agora com um representante no “Comida di Buteco”: o Playdog, na Avenida Alexios Jafet, 155. Veja os petiscos participantes na página da Folha Noroeste, monte seu roteiro e vote nos pratos mais deliciosos. Quando: de 12 de abril a 12 de maio. Quanto: petiscos a partir de R$ 20. Onde: Confira os endereços das casas participantes em www.folhanoroeste.com.

[Acontece] BARRA FUNDA Memorial recebe festivais da coxinha, acarajé e paella O Memorial da América Latina, na Barra Funda, recebe nos dias 4 e 5 de maio três festivais gastronômicos ao mesmo tempo. Eles terão como atrações principais diversas opções de coxinhas, acarajés e paellas. A diversidade de pratos e sabores promete agradar a uma grande infinidade de pessoas, dos paladares mais exigentes até os vegetarianos e veganos. Entre as opções de coxinha, por exemplo, há versões recheadas com frango, carne seca, carne louca, calabresa (com ou sem queijo), cordeiro, pato, camarão, salmão, estrogonofe, angus, mortadela com provolone, feijoada, escarola, alho-poró, palmito, legumes, shimeji e espinafre. Quando: 4 e 5 de maio, sábado e domingo, das 11h às 21h. Quanto: entrada gratuita. Onde: Memorial da América Latina, na Avenida Auro Soares de Moura Andrade, 664 – Barra Funda.

[Acontece] BARRA FUNDA “Um Beijo em Franz Kafka” vai até 28 de abril Após sucesso de público e crítica, “Um Beijo em Franz Kafka” está de volta a São Paulo e segue em cartaz no Teatro J. Safra, na Barra Funda, até o dia 28 de abril. O espetáculo aborda o valor da amizade, desmistificando a imagem sombria do escritor a partir de um encontro fictício com seu grande amigo, o também escritor Max Brod, antes de Kafka ser internado em um sanatório na Áustria. Depois de discorrer sobre mulheres, família e literatura, o autor de clássicos como “O Processo” e “A Metamorfose” revela o verdadeiro motivo de sua visita: ele deseja que o amigo destrua toda a sua obra. Quando: até 28 de abril. Sextas, às 21h30; sábados, às 21h; e domingos, às 20h. Quanto: de R$ 20 a R$ 40. Onde: Teatro J. Safra, na Rua Josef Kryss, 318 – Barra Funda.

Se você não abre mão de chocolate e bacalhau, veja como fugir do tradicional com três receitinhas nada básicas Ingredientes 335 g de biscoito de chocolate amanteigado 100 ml de leite 2 colheres (sopa) de manteiga 300 g de doce de leite 300g de cream cheese 1 colher (chá) de essência de baunilha

Cobertura 200 g de chocolate meio amargo 1 caixinha de creme de leite (200 g)

Modo de preparo Triture 100 g de biscoitos de chocolate no liquidificador e misture com a manteiga. Espalhe o biscoito triturado no fundo de uma fôrma de, aproximadamente, 25 cm de diâmetro com fundo removível (de preferência). Bata na batedeira o doce de leite com o cream cheese e a essência, e reserve. Espalhe um pouco de creme por cima do

biscoito. Em seguida, coloque o leite em um recipiente e molhe os biscoitos rapidamente. Arrume alguns biscoitos em cima do creme e vá alternando entre uma camada de creme e outra de biscoitos, até acabarem. Derreta o chocolate no micro-ondas, colocando de 30 em 30 segundos e tirando para mexer, até derreter por completo, e misture com o creme de leite. Espalhe o ganache por cima do creme e leve à geladeira por, no mínimo, quatro horas.

Bolo lava de chocolate Ingredientes 170 g de chocolate amargo 110 g de manteiga 3 ovos 1/2 colher (chá) de sal 1 colher (chá) de baunilha 4 colheres de açúcar 2 colheres de farinha de trigo

Modo de preparo Derreta o chocolate amargo e misture com a manteiga. Em outro recipiente, misture os ovos, o sal, a baunilha, o açúcar e a farinha de trigo. Acrescente o chocolate amargo com manteiga

e misture até a massa ficar homogênea. Use manteiga e farinha de trigo para untar a fôrma em que o bolo será assado. Coloque a mistura no recipiente e deixe no forno a 200 graus por 15 minutos.

BACALHAU ÀS NATAS Ingredientes 1 cebola grande em tirinhas 3 dentes de alho bem picados 3 colheres (sopa) de azeite 400 g de bacalhau dessalgado, cozido e desfiado 200 g de batata palha fina 200 g de batata palito (pode ser congelada) 2 colheres (sopa) de manteiga 2 colheres (sopa) de farinha de trigo 1 e 1/2 xícara de leite Sal, pimenta-do-reino, noz-moscada e cheiro-verde picado a gosto 200 g de creme de leite

Modo de preparo Refogue a cebola e o alho no azeite. Junte

o bacalhau e cozinhe por cerca de cinco minutos. Acrescente as batatas palha e palito. Em outra panela, derreta a manteiga, junte a farinha e mexa bem. Adicione o leite, a pimenta-do-reino, a noz-moscada, o cheiro-verde e o sal. Acrescente este molho ao bacalhau, coloque em uma fôrma refratária e leve ao forno para gratinar até que a camada de cima fique dourada.

Dica do chef Sirva o bacalhau bem quente acompanhado de uma salada mista de alface e tomate. No caso da chocotorta, em vez de leite, experimente umedecer os biscoitos no café e decore com raspas de chocolate, suspiro ou morangos. Já o bolo pode ser consumido como petit gâteau. Para isso, coloque a massa para assar em fôrmas de cupcakes e deixe no forno por 12 minutos.


2ª Quinzena de Abril 2019

FIQUE SABENDO...

CEUs Perus e Vila Atlântica recebem palestras contra violência às mulheres e meninas O projeto “Cultura de paz na luta contra a violência às mulheres e meninas” chega aos CEUs Perus e Vila Atlântica, no Jaraguá, nos dias 23 e 30 de abril. A iniciativa, promovida pela Associação Mulheres pela Paz em parceria com a Secretaria Municipal de Educação, vai levar palestras que visam interromper o ciclo de perpetuação da violência contra mulheres e meninas para os 46 CEUs da capital. As palestras são alicerçadas na Resolução 1325 da ONU, que trata sobre mulheres, paz e segurança. Os encontros ainda abordarão a quebra dos estereótipos sexistas e racistas, as consequências das desigualdades, a Lei Maria da Penha e como procurar ajuda em caso de violência. Quando: dia 23/04, às 19h, no CEU Perus; e dia 30/04, às 19h, no CEU Vila Atlântica. Quanto: grátis. Onde: CEU Perus, na Rua José Bernardo de Lorena, s/n – Perus; e CEU Vila Atlântica, na Rua Coronel José Venâncio Dias, 840 – Jardim Nardini.

OAB Lapa empossa nova diretoria em evento na União Fraterna No próximo dia 23, terça, a 96ª Subseção da OAB Lapa realizará solenidade de posse da nova Diretoria Executiva para o triênio 2019/2021, às 19h. O evento ocorrerá na Sociedade Beneficente União Fraterna. A diretoria da OAB Lapa é composta por Luís Rogério Barros (presidente), Manoel Martins Gonzales (vice-presidente), Wagner Luís Dias (secretário), Adriana Gomes Silva (secretária-adjunta) e Elisabete Toninato (tesoureira).

www.folhanoroeste.com

15


16

www.folhanoroeste.com

LAPA/PIRITUBA

2ª Quinzena de Abril 2019

JARAGUÁ/TAIPAS

REGIONAL

CULTURA

Linhas 7, 8 e 9 da CPTM estão na mira das concessões do Estado

Cantareira Norte Shopping recebe encenação de “A Paixão de Cristo”

Projeto do “Trem Intercidades” engloba expansão da 7-Rubi até Campinas

Tradicional apresentação faz parte do Calendário Oficial da Cidade

por Cristina Braga

O estacionamento do Cantareira Norte Shopping, na zona norte de São Paulo, será palco da 22ª montagem de “A Paixão de Cristo” na região. São esperadas mais de oito mil pessoas para acompanhar o espetáculo na Sexta-Feira Santa, dia 19 de abril, às 18h30. Mais de cem pessoas, entre elenco e produção, fazem parte do trabalho realizado por coletivos culturais da região, com destaque para os grupos “Comunidade Missão Mensagem de Paz”, “Cia de Teatro Monfort” e “Coletivo Cravo Branco” (Movimento de Cultura Pirituba). Um dos apoiadores e incentivadores do evento cultural é o vereador Eliseu Gabriel (PSB). A apresentação reúne toda a região, formada pelos distritos de Pirituba, Parque São Domingos e Jaraguá, além do bairro de Taipas. Ao longo das duas décadas de realização, o evento se destacou pela comoção de toda a comunidade em sua realização. A encenação já faz parte do calendário oficial da cidade de São Paulo, e é ainda um dos poucos contatos que mui-

Não é de hoje que o Governo do Estado pretende conceder à iniciativa privada as linhas 8-Diamante (Júlio Prestes - Itapevi - Amador Bueno) e 9-Esmeralda (Osasco - Grajaú) da CPTM, que transportam juntas mais de um milhão de passageiros por dia. Na gestão de Geraldo Alckmin (PSDB), grupos de empresas e consórcios já teriam procurado o governo, por meio de uma MIP (Manifestação de Interesse Privado), para concessão das duas linhas. Agora, o assunto retorna na gestão de João Doria, que inclusive, ao analisar os cem primeiros dias de governo, prometeu melhorar o padrão dos trens da CPTM. Já a Secretaria dos Transportes Metropolitanos (STM) e a CPTM reafirmaram que estudam a concessão das Linhas 8 e 9. Em nota, a STM enfatiza que, nesta etapa, a previsão é realizar audiência e consulta pública, de acordo com o que prevê a lei, e publicar o edital ainda este ano. “As equipes estão analisando os detalhes necessários para definir a modelagem e os investimentos que deverão ser realizados pela concessionária. Já a

Linha 7-Rubi (Luz-Jundiaí) estará com a concessão prevista dentro do projeto do ‘Trem Intercidades’ para o transporte de passageiros, ligando São Paulo às cidades de Campinas e Americana, através da malha ferroviária paulista”. Dos 137 quilômetros previstos no trecho São Paulo-Campinas-Americana, 83 km estão concedidos à empresa “Rumo Logística”, e 54 km à concessionária MRS Logística. Em nota, a Rumo Logística afirma que já foi assinado um termo de compromisso entre a concessionária e o Governo do Estado sobre a utilização do trecho entre Jundiaí e Campinas - que tem maior vocação para o transporte de passageiros (por ser contíguo ao trecho da CPTM e também por ter o maior contingente populacional). “O referido trecho tem pequeno tráfego de cargas e pode ser compartilhado. Em trechos de grande densidade de cargas, o compartilhamento se torna inviável. Nesses casos, o mais adequado seria a construção de via exclusiva para passageiros, que ficaria a cargo do Estado ou do futuro operador do trem de passageiros”, finaliza. Veja esta e outras matérias em nosso portal e jornal eletrônico: www.folhanoroeste.com

por Cristina Braga

tos moradores locais têm com a arte. Um dos principais diferenciais deste ano é a reestruturação do texto, com a utilização de cenários interativos. Sobre o espetáculo O enredo explora todas as etapas da vida de Jesus, desde o “sim” de Maria; os milagres e curas, que tanto incomodaram e colocaram o poder humano em xeque; até a morte e a Ressurreição, ápice da fé cristã. Não à toa, a peça é dívida em três atos: Vida de Jesus, Morte e Ressurreição. Mais de cem pessoas estão envolvidas no projeto. O Cantareira Norte Shopping fica na Avenida Raimundo Pereira de Magalhães, 11.001. A entrada é franca para o espetáculo (o shopping funcionará normalmente). O evento é uma realização da Arquidiocese de São Paulo (Região Episcopal Brasilândia), Comunidade Missão Mensagem de Paz, Cia de Teatro Monfort e Coletivo Cravo Branco, com apoio da Prefeitura de São Paulo e Sabesp. Para mais informações, acesse www.cantareiranorteshopping.com.br. Veja esta e outras matérias em nosso portal e jornal eletrônico: www.folhanoroeste.com


18

www.folhanoroeste.com

Fale conosco

e-mails do leitor Leitores comentam matéria da FN sobre a Ponte da Raimundo “Pouco a dizer. Uma vergonha! Há uns cinco anos, um representante da Câmara Municipal nos passou o valor da ponte em R$ 167 milhões. Hoje, já são R$ 340 mi. Sempre vai faltar verba. Uma ponte que passa por dentro de outro bairro, uma ponte desenhada para ser a mais complexa do planeta (sic), uma ponte em que milhares de futuros moradores acreditaram. Todos enganados. Mais uma vez: vergonha!” Geraldino Ricciardelli “Eu estava pensando outro dia sobre a Ponte da Raimundo. Ela é de suma importância, mas, se tratando de pontes, é sempre bom lembrar que, na região de Pirituba/Jaraguá, temos três sobre a Bandeirantes sem proteção alguma. E as tragédias ocorrem. Algo poderia ser feito.” Leda “Se cada condomínio colaborasse com uma parte da grana [para a construção da ponte], já ajudaria. Vai entupir ainda mais de gente na região da Raimundo, sentido Tietê Plaza. E se todos resolverem sair ao mesmo tempo, o bairro vai travar.” Denise Costa de Carvalho

Falta de iluminação causa acidentes em praça Na Rua Pirapozinho, onde moro, há uma praça – a Costa Sena – que se encontra totalmente abandonada, em plena escuridão. Idosos já caíram no local devido à iluminação. Já pedi socorro, mas nada foi resolvido. Sério Luiz Tiburcio

RESPOSTA Assessoria de Imprensa ILUME O Departamento de Iluminação Pública (ILUME), em consulta à Divisão de Projetos, verificou que existe projeto para a ampliação da rede de iluminação na Praça Costa Sena, localizada na Rua Pirapozinho, e que se encontra dentro do cronograma. No entanto, é importante ressaltar que o contrato de Iluminação Pública da cidade está parcialmente em vigor, por determinação judicial. No momento, não está sendo realizada a ampliação do serviço, apenas a manutenção. A elaboração de um novo edital está em andamento. Todos os serviços serão retomados assim que o novo contrato for estabelecido.

Buraco na Lapa Acreditem! Há dois buracos enormes na Rua Monteiro de Mello, altura do número 400, no terceiro ponto de ônibus. Essas crateras estão para

2ª Quinzena de Abril 2019

Envie sua demanda para jornalismo@folhanoroeste.com.br ou via WhatsApp (9 9997-1947) com as seguintes informações: nome completo, telefone e endereço.

completar um ano de existência. Onde está a Subprefeitura Lapa? Cezar Pezenatto

RESPOSTA Assessoria de Imprensa Subprefeitura Lapa A Subprefeitura Lapa informa que já direcionou o pedido à Coordenadoria de Projetos e Obras. A coordenadoria da regional, por sua vez, informou que os serviços já foram executados.

Sujeira na região da Lapa e Leopoldina A Lapa e Leopoldina estão um lixão! As bocas de lobo estão cheias de lixo. Na Rua Dr. Avelino Chaves, há mendigos de um lado da rua, e do outro, muito lixo. Na Rua Baumann, temos os mesmos problemas. É lixo por todo lado. E as lixeiras também estão cheias. Cleide Magalhães

RESPOSTA Assessoria de Imprensa Subprefeitura Lapa A Subprefeitura Lapa informa que já providenciou os pedidos para a limpeza das bocas de lobo e arredores. Em breve, as equipes devem vistoriar a área e dar andamento aos serviços.

Estrada Turística abandonada Moro no Jaraguá, e nossa Estrada Turística está um abandono só. As ruas Carlos José de Spézio e Luís Munhós Rivera têm muitos buracos. Antonio Furian

RESPOSTA Assessoria de Imprensa Subprefeitura Pirituba/Jaraguá A Subprefeitura Pirituba/Jaraguá informa que o serviço de tapa-buraco está em nossa programação para a segunda quinzena de abril.

Pequena cratera no Jd. Santo Elias Estamos com uma pequena cratera na Rua Ademar Martins de Freitas, 257, no Jd. Santo Elias, em frente ao CDHU. Já fizemos um vídeo no Facebook denunciando o problema no Jardim Santo Elias, em Pirituba, e o descaso da regional. Por favor, nos ajude. A Sabesp já apareceu no local, mas disse que é com a Prefeitura. Se não tomarmos providências, logo o buraco vai aumentar ainda mais, podendo ocorrer acidentes no local. Claudete Martins

RESPOSTA Assessoria de Imprensa Subprefeitura Pirituba/Jaraguá A Subprefeitura Pirituba/Jaraguá

informa que o serviço de tapa-buraco consta em nossa programação para a segunda quinzena de abril.

no Centro de Controle de Segurança, que destaca os agentes mais próximos para atuação imediata.

Mato na Av. Jornalista Paulo Zingg continua grande

Mais buracos

Referente à minha reclamação sobre o matagal na Avenida Paulo Zingg, 300, publicada na última edição da Folha Noroeste, gostaria de saber qual a resolução de vocês, pois o mato continua crescendo. A Subprefeitura Pirituba/Jaraguá disse que iria realizar a manutenção do espaço na segunda semana de fevereiro, mas ninguém apareceu para podar o mato. A regional efetuou os serviços de manutenção e corte de grama na avenida, só que no trecho errado. O problema é na altura do número 300 da Paulo Zingg. Andreia Dionísio

RESPOSTA Assessoria de Imprensa Subprefeitura Pirituba/Jaraguá A Subprefeitura Pirituba/Jaraguá informa que o serviço de corte de mato foi realizado no dia 31/03, domingo.

Estação Leopoldina insegura Não sei se este é o caminho, mas fiquei indignada esta semana ao esperar meu filho na Estação Imperatriz Leopoldina, da CPTM. Por volta das 22h, não havia nenhum segurança no local. Fui me informar e constatei que existem dois seguranças nas plataformas e outros dois que ficam na cabine de venda de bilhetes. Fiquei 40 minutos na estação e percebi que, das 22h até às 23h, o fluxo de usuários é muito grande, até porque há pessoas saindo do trabalho e da faculdade. Presenciei gente pulando as catracas ou simplesmente abrindo o portão para passar. Fiquei indignada por não ter ninguém controlando o local. Se acontecer qualquer acidente, não tem ninguém ali para socorrer. Iara Rosa de Souza

RESPOSTA Assessoria de Imprensa CPTM A CPTM esclarece que mantém seguranças 24 horas em todas as estações do sistema, incluindo a Estação Imperatriz Leopoldina, onde há mais de um ano não é registrada nenhuma ocorrência grave de segurança pública. Além disso, há cerca de oito mil câmeras de vigilância instaladas em trens e estações de toda a rede. Os agentes garantem a segurança patrimonial e dos passageiros, que também podem contribuir com a segurança do sistema, denunciando eventuais irregularidades pelo SMS-Denúncia (97150-4949). O serviço garante total anonimato ao denunciante, e a mensagem é recebida

Meu nome é Renato dos Santos e sou morador da Rua Genésio Arruda. Estamos com um sério problema de buracos ao longo da via. A nossa casa também está com rachaduras devido à circulação de veículos pesados na rua. Espero que a Prefeitura de São Paulo tome as medidas cabíveis urgentemente, já que não temos descontos nos impostos quando ocorre algo assim. Obrigado. Renato dos Santos

RESPOSTA Nota da Redação A Subprefeitura Pirituba/Jaraguá não respondeu à demanda, porém, o leitor nos informou que a regional já realizou o serviço, e os buracos foram tapados.

Atenção: mato na Estrada Turística do Jaraguá Necessitamos que façam a poda do mato que cresce ao longo da Estrada Turística do Jaraguá, perto do viaduto que passa pela Rodovia dos Bandeirantes, após o Parque Estadual do Jaraguá. Antonio Furian

RESPOSTA Assessoria de Imprensa Subprefeitura Pirituba/Jaraguá A Subprefeitura Pirituba/Jaraguá informa que o serviço de corte de mato consta em nossa programação para a segunda quinzena de abril.

Rua abandonada e grandes buracos Meu nome é Marcos Aurélio de Almeida e sou morador da Rua Maria Salina Romeu. Gostaria de comunicar o abandono desta via pela subprefeitura. Neste local, há “crateras” enormes em frente à minha residência e nos arredores. Estamos abandonados há meses, mesmo se tratando de uma rua que dá acesso à Avenida Mutinga, no sentido contrário à Estrada Turística do Jaraguá. Acho que a Lua tem menos buracos! Diante disso, solicito a ajuda deste jornal que tanto respeito e admiro. E não é só. Como temos ônibus passando na rua, também podem ocorrer acidentes. Para eu sair com o carro, preciso ser quase um piloto de Fórmula 1 para não prejudicar o veículo por conta dos buracos e desníveis. Marcos Aurélio de Almeida

RESPOSTA Assessoria de Imprensa Subprefeitura Pirituba/Jaraguá A Subprefeitura Pirituba/Jaraguá informa que o serviço de tapa-buraco está em nossa programação para a segunda quinzena de abril.


NO

2ª Quinzena de Abril 2019

www.folhanoroeste.com

Imóveis & Classificados

Classificados Econômicos PROJETOS CONSTRUÇÕES E REFORMAS Alvenaria, telhado, cobertura, calhas, elétrica, hidráulica, impermeabilização, revestimentos, pinturas, dedetização e acabamentos em geral. Mão de obra espec. em 6 x s/ juros. Orçamento s/ compromisso. Tel.: (11) 3831-3074 / 9582-01626.

VENDO LOJA MIX Revistaria, papelaria, Presentes e Tabacaria. Localizada Dentro do Superm. Sondas de Taipas/Pirituba (em frente aos caixas). R$ 125.000,00. Tratar c/ Rolf: (11) 9855-4343

comercial@folhanoroeste.com.br CHAGAS CONSTRUÇÕES Elétrica, hidráulica, pintura, telhado, reformas em geral, laudos técnicos, projetos, art’s. Solicite um orçamento s/ compromisso. Tel.: (11) 946406-6519 / chagasconstrucoes2018@gmail.com.

VENDO TÍTULO Jaraguá Clube Campestre. Valor a combinar. Tratar com Osvaldo pelo tel. (11) 99128-9625 - Whats

VENDESE SOBRADO TAIPAS C/ 3 dorms., 2 WC’s, sala, coz. c/ arms. embutidos, área serv., gar. p/ 2 carros. Documentação em ordem. R$ 350.000,00. Tel.: (11) 99954-6551 / (11) 3901-2860 horário comercial. Tratar c/ Conceição.

OPORTUNIDADE  JD. MONTE ALEGRE

CASA TÉRREA 105M2 SÃO PEDRO/SP

Freguesia - Apto 2 dorms., sala L, cozinha, WC e lavanderia, Andar alto, vaga solitária, 56m2 e o melhor VAGO, R$ 230 mil, aceita financiamento. Nanci (11) 94783-2364

C/ 2 dormitórios, 1 suíte, churrasqueira, jardim de inverno, garagem p/ 2 carros, 300m2 de terreno. R$ 330.000,00 - Tel. (11) 99810-3103.

19


Profile for Folha Noroeste

256  

Versão digital do Jornal Folha Noroeste edição 256

256  

Versão digital do Jornal Folha Noroeste edição 256

Advertisement