Page 1

Percurso Académico 2006 - 2012

PORTFOLIO FILIPE SILVA

WORKBOOK ARQUI-

TETURA


PORTFOLIO ARQUITETURA PERCURSO ACADÉMICO 2006-2012


2008

2007

2006

CV

HABITARES CONTEMPORÂNEOS

LUGAR DAS ARTES

BIBLIOTECA SANTA TECLA

MORADIA CÁVADO

CURRICULUM VITAE

CONTEÚDO


2012

2011

2010

2009

D

DISSERTAÇÃO DE MESTRADO

UNIDADE DE COCULTURALWORK

PLANO DE PORMENOR ESPAÇO PÚBLICO

PLANO DE PORMENOR

LUGAR DE TEATRO

CONJUNTO HABITACIONAL


CV

CURRICULUM VITAE

FILIPE SILVA 18.02.1988

N.ยบ 517, Rua Padre Antรณnio Vieira 4760-373 Vila Nova de Famalicรฃo Portugal filipesilva.arq@gmail.com [+351] 962 757 303 [+351] 252 322 122


FORMAÇÃO [2010-2011] Dissertação de mestrado sobre o tema: “Arquitectura Efémera, para a Dinamização Urbana”. [2006-2011] Mestrado integrado em arquitetura pela Faculdade de Arquitetura e Artes da Universidade Lusíada de Vila Nova de Famalicão. [ ... -2006] Processo pré-universitário na área de Artes em Vila Nova de Famalicão.

COMPETÊNCIAS [Humanas] Desenho Maqueta Comunicação Trabalho Equipa

M

+\-

B

[ D i g i t a i s ] AutoCAD Archicad Sketchup Artlantis Photoshop InDesign Microsoft Ofice Corel Draw Prezi

BIOGRAFIA

Completei em Março de 2012 através de prova pública, o mestrado integrado em arquitetura pela Faa - Universidade Lusíada de Famalicão. Concluindo assim mais um dos vários objetivos pessoais. Atualmente encontro-me à procura de estágio profissional em arquitetura, dando assim continuidade à minha formação fora da esfera académica. Procurando crescer como pessoa, estudante e arquiteto. Por sua vez acredito ainda que as minhas capacidades seriam uma mais valia para qualquer empresa. Sendo eu um aprendiz rápido, um ouvinte atento e um arquiteto apaixonado. Necessitando apenas de uma oportunidade para mostrar as minhas competências.


MORADIA CÁVADO ofir, esposende

[ 01

Moradia Cávado

Habitação para um arquiteto e família

]

Situada na Restinga de Ofir, procura responder às necessidades habitacionais de uma família com um arquiteto. Oferecendo os espaços necessários, uma localização calma e pacífica, assim como, uma implantação e orientação inteligente. Desfrutando da natureza do local e da paisagem sobre a cidade de Esposende.

Distribuição Gabinete Quartos Sanitário Cozinha Sala Estar


BIBLIOTECA SANTA TECLA joane, vila nova de famalicão

[ 02

Biblioteca Santa Tecla Local de culto do saber

]

Um espaço de culto ou contemplação, do conhecimento e da sabedoria, simbolizado pelo cubo, que se fragmenta refletindo uma união das várias sabedorias que uma biblioteca comporta. A biblioteca torna-se assim um local de atração de um público, que quer cultivar o seu conhecimento e sabedoria.

Depósito de livros Cafetaria Auditório Sala de leitura Sanitários Administração

Sanitários Sala para crianças Sala multimédia Cafetaria Parque automóvel


LUGAR DAS ARTES vila nova de famalicão

[ 03

Lugar das Artes Habitação para três artistas

]

O edifício deveria oferecer habitação e espaço de trabalho a três pessoas ligadas ao campo artísico, nomeadamente um músico, um escritor e um escultor. Gerando uma interação pessoal e laboral, assim com, possibilitando um local de exposição dos seus residentes. Criando não só uma residência, mas também um pólo cultural para a cidade.


HABITARES CONTEMPORÂNEOS vila nova de famalicão

[ 04

Habitares Contemporâneos Novos conceitos vivenciais

]

Procurou-se criar uma ponte de ligação entre a arquitetura de uma zona histórica e uma proposta nova e contemporânea. Através da introdução de novos conceitos vivenciais, combinando habitação com comércio e trabalho, oferecendo novas oportunidades aos residentes. Associadas a uma proposta sustentável e ecológica.


Zona de Comércio

Zona de Comércio

Zona de Habitação

Zona de Habitação

Zona de Habitação

TIPOLOGIAS

Zona de Trabalho


CONJUNTO HABITACIONAL angeiras norte, matosinhos

[ 05

Conjunto Habitacional Habitação sazonal modular

]

Propôs-se a criação de um conjunto habitacional, como resposta às necessidades estivais da zona, no entanto preservador do terreno, através de uma capacidade carateristicamente sustentável, ecológica, modular, desmontável, transportável e temporária. Reduzindo ao mesmo tempo o impacto visual e ambiental.


LUGAR DE TEATRO praça de lisboa, porto

[ 06

Lugar de Teatro O palco urbano

]

Pensado para ser mais que um teatro, a proposta procura requalificar e revitalizar a praça, oferecendo através de um volume maciço, aberturas, espaços, passagens, morfologias e outras deformações. Áreas possíveis de serem apropriadas pelas várias actividades da cidade, procurando criar uma vivência local permanente, simultânea ao teatro.


Galerias PĂşblicas Salas de Teatro Cafetaria Entradas Pedonais Entradas Automoveis


PLANO DE PORMENOR santiago de antas, vila nova de famalicão

[ 07

Plano de Pormenor Entre o urbano e o rural

]

Situado entre o urbano e o rural, procurou-se uma transição suave entre ambos, ou seja, um conceito rurbano. Dissolvendo o maciço urbano, até ao disperso rural, desenvolvendo uma interação entre o campo e a cidade. Possibilitando assim aos habitantes usufruir das facilidades urbanas, mas também do conforto e ambiente rural.

Infantário Museu

Casa das Artes Floresta Escola

Parque da Cidade

Centro Cívico Cidade

Variante

Igreja Rural

Urbano


PLANO DE PORMENOR - ESPAÇO PÚBLICO santiago de antas, vila nova de famalicão

[ 08

Plano de Pormenor - Espaço Público A praça

]

A praça procura ser o elemento socializador do plano urbanístico, procurando responder à necessidade social e comercial da sociedade. Proporcionando através do tratamento do espaço com desníveis e elemento de contenção adaptados a mobiliário urbano, humanizar o espaço e responder às vivências atuais.


UNIDADE DE COCULTURALWORK vila do conde, porto

[ 09

Unidade de Coculturalwork Arquitectura efémera

]

A proposta visava colmatar um défice de articulação e apoio, a entidades e atividades culturais na cidade. Recorrendo à arquitetura efémera como solução projetual, para intervir no casco histórico de forma sustentável e dinamizadora. Procurando responder às necessidades contemporâneas através do trabalho cooperativo.


D

DISSERTAÇÃO DE MESTRADO “arquitetura efémera, para a dinamização urbana”

[ 10

Dissertação de Mestrado Arquitetura efémera, para a dinamização urbana

]

Procurando solucionar problemas contemporâneos, de uma sociedade com necessidades cada vez mais mutáveis e de uma crescente obsolescência de edifícios na cidade. A arquitetura efémera mostra-se uma oportunidade de intervenção temporária, mutável, sustentável e promotora de dinamização, respondendo aos paradigmas atuais.

Resumo

“A sociedade pós moderna e contemporânea assinala o tempo presente caracterizado nomeadamente pela sua elevada mutabilidade de vivências e necessidades. Refletindo - se fortemente na cidade através da criação de espaços ou edifícios devolutos e sem funcionalidade, a sua incapacidade de adaptação às novas necessidades sociais, ocorrências que necessitam de um tratamento rápido, cirúrgico, capaz de se propagar à cidade e gerar um desenvolvimento sustentável. Assim pretendeu-se elaborar um documento sobre a arquitetura efémera, para perceber a sua evolução desde a sua emergência à actualidade, assim como, a sua transversalidade ao design e à comunicação. Associando a sua temporalidade


e capacidade de regeneração do local de implantação, ao conceito de acupunctura urbana, procurando desta forma gerar um funcionamento desta como ferramenta revitalizadora e dinamizadora do lugar, do contexto e da cidade. Investigando-se, descrevendo-se e comentando - se, assim de forma sequencial quando possível, referências e casos de estudo capazes de apoiar a solução projetual efémera como elemento dinamizador da urbe. O que posteriormente é adaptado a uma realidade Vila-Condense, caracteristicamente expectante no campo cultural, onde se visiona uma oportunidade capaz de se conjugar à solução arquitetónica efémera e a sua utilização numa acupunctura urbana dinamizadora. Passando assim da investigação ao ensaio projectual através da criação de um espaço de trabalho cooperativo cultural, “CoCulturalWork”, de carácter efémero e implantado num local com necessidades de dinamização. Oferecendo assim uma oportunidade de regeneração, desenvolvimento e afirmação à cidade, baseada numa solução efémera, que recorre à cultura para dinamizar locais obsoletos e disfuncionais da cidade.” Documento integral para consulta na biblioteca da Universidade Lusíada de Vila Nova de Famalicão.


MOBILIÁRIO

[ 11

Mobiliário Exterior e interior

]

O projeto de arquitetura não é apenas a conjugação de volumes pelo exterior ou a divisão de espaços pelo interior. A arquitetura é também o ato de tornar estes espaços humanizados, confortáveis e adaptados às pessoas. Assim o mobiliário é parte importante e integrante dos projetos, para que se tornem habitáveis e humanos.

[Mobiliário Urbano] Mobiliário para uma praça

Desenhado para mobilar um pequeno espaço verde urbano, numa proposta para a disciplina de Design Inclusivo. O mobiliário procura assim uma linguagem contemporânea, inovadora e atrativa. Com possibilidade de conjugação de várias partes e principalmente de produção em massa. Procurando assim humanizar um espaço urbano.


[Posto de Trabalho] Para um pai e um filho

Projetado para a disciplina de Ergonomia Aplicada, procurou-se criar um posto de trabalho para acolher um pai e um filho. Assim assumiram-se algumas premissas essenciais como as dimensões ergonómicas, a oferta de espaço de trabalho adequado ás necessidades e a colocação frontal das personagens, permitindo a sua interação.

[Mobiliário Urbano] Mobiliário estrutural e interactivo

Conceptualizado para mobilar, mas também estruturar e desenhar os espaços de praça, este mobiliário cria zonas de acolhimento, interação e acesso. Procurando humanizar o espaço e ao mesmo tempo dispor aos seus utilizadores locais de descanso e socialização na zona social, assim como, locais de exposição na zona comercial.


TRABALHOS ACADÉMICOS

[ 12

Trabalhos Académicos Extracurriculares

]

Através da participação como membro no Núcleo de Arquitetura e Artes (presidente da mesa de assembleia geral), da Universidade Lusíada de Vila Nova de Famalicão. Permitiu-me participar na elaboração de acontecimentos e elementos simbólicos ou expositivos, tanto em conjunto com outros membros como individualmente.

[Carro Alegórico] Desfile académico 2010

Participação conjunta na conceptualização, projeto e construção do carro alegórico do curso de arquitetura, enquanto elemento do Núcleo de Arquitetura e Artes da Universidade Lusíada de Vila Nova de Famalicão. Especial participação na elaboração do modelo 3d e desenhos rigorosos.


[Exposição Anual Arquitetura] Exposição anual de alunos de arquitetura 2009 Exposição anual de alunos de arquitetura 2010

2009. Participação na montagem e na exposição de trabalhos. Como aluno de arquitetura da Universidade Lusíada de Famalicão. 2010. Participação na idealização, montagem e exposição de trabalhos. Como aluno e membro do Núcleo de Arquitetura da Universidade Lusíada de Vila Nova de Famalicão.

[Kit Finalistas Arquitetura]

T-shirt e casaco para o desfile académico 2011

Idealização e desenho do conjunto t-shirt e casaco complementar do kit de finalistas, para os alunos finalistas de arquitetura da Universidade Lusíada de Vila Nova de Famalicão, utilizarem durante as comemorações académicas da semana da queima das fitas no ano 2011.


CONCURSOS painel decorativo esccb

[ 13

Concursos Painel decorativo ESCCB

]

Respondendo ao pedido de um painel decorativo, capaz de representar a influência do escritor Camilo Castelo Branco no ensino escolar e simbolizar a instituição. A proposta procurou assim comportar essa mensagem, ao mesmo tempo que se ajustava a várias exigências locais e a uma imagem correspondente à linguagem do novo edifício.


2012

Portfolio de Arquitetura | Architecture Workbook  

Portfolio de Arquitetura Percurso Académico Filipe Silva

Portfolio de Arquitetura | Architecture Workbook  

Portfolio de Arquitetura Percurso Académico Filipe Silva

Advertisement