Page 1

Militia Sanctae Mariae Cavaleiros de Santa Maria

Flash nº13

Círculo “Shahbaz Bhatti” (CSB) Fevereiro 2016

O CIRCULO SHAHBAZ BHATTI assume o pedido da Fundação Pontifícia Ajuda À Igreja que Sofre. O texto abaixo é o apelo que fazemos nosso:

«Um dia de jejum e oração pelos cristãos perseguidos no Médio Oriente, em especial no Iraque e na Síria, é a resposta da Fundação AIS aos apelos dos Patriarcas D. Sako e D. Gregorios para os respectivos países mergulhados no caos, na guerra e no sofrimento.» D. Louis Raphael Sako, Patriarca dos Católicos Caldeus e Presidente da Conferência Episcopal do Iraque, e D. Gregorios III Laham, Patriarca da Igreja Católica Greco-Melequita de Antioquia e de todo o Oriente, Alexandria e Jerusalém, escreverem à Fundação AIS a explicar, uma vez mais, a situação angustiante em que se encontram milhares de cristãos expulsos de suas casas, empurrados para campos de refugiados, sem qualquer expectativa de poderem regressar às suas casas, e já sem esperança de que a guerra tenha um fim. Nas cartas que enviaram (ver em anexo), os prelados destacam o apoio que a Fundação AIS já fez chegar às comunidades cristãs locais, mas agora, que se aproxima o tempo da Quaresma, suplicam essencialmente orações para que a paz possa chegar às suas pátrias. “Sem vocês, muitos de nós estariam mortos ou já teriam emigrado. Temos extrema necessidade de vossa ajuda, mas aquilo que vos pedimos agora é a misericórdia. Rezem e jejuem para que o Senhor tenha misericórdia de nós”, pede D. Louis Sako.

________________________________________________ msm.cristaosperseguidos@gmail.com


Em resposta a este apelo, a fundação pontifícia Ajuda à Igreja que Sofre decidiu convocar os cristãos em todo o mundo para um Dia Mundial de Oração e Jejum pela Paz na Síria e no Iraque. Esta iniciativa, que é também um desafio, traduz-se numa pergunta: “Quer levar a cruz com eles durante um dia? Rezemos e jejuemos na Quarta-Feira de Cinzas pelo Iraque e pela Síria”. Nas cartas que escreveram à AIS, ambos os Patriarcas sublinham o desespero em que se encontram as comunidades cristãs nos seus países. “Há cinco anos que continuamos a andar num deserto” – escreve, desde a Síria, D. Gregorio III. “Assistimos aos atrozes sofrimentos das crianças, à agonia de seus pais e estamos constantemente rodeados pelo ódio e pela morte.” Por sua vez, D. Louis Sako sublinha o facto de só restarem no seu país, o Iraque, os mais pobres dos pobres. “Quem podia deixar o Iraque já o fez. Milhares de crianças nos campos de refugiados passam fome, mas têm sobretudo sede de futuro: querem uma escola e uma casa. Vocês fizeram tanto por nós, agora vos peço: rezem e jejuem para que possamos permanecer na nossa amada pátria e para quem já a deixou possa retornar.”

Em Portugal, todas as paróquias, movimentos e comunidades religiosas são convidados a participar e a divulgar esta iniciativa da Fundação AIS. Em Lisboa, irá rezar-se o Terço na Igreja da Encarnação (metro Baixa-Chiado) pelas 18h30, a que se seguirá a celebração da Santa Missa. Nas redes sociais será usada as hashtag #fastandpray on #AshWednesday for Iraq and Syria Obrigado pela vossa preciosa ajuda na divulgação desta iniciativa.

Donativos à FUNDAÇÃO PONTIFÍCIA AJUDA À IGREJA QUE SOFRE NIB: 0032.0109.00200029160.73

________________________________________________ msm.cristaosperseguidos@gmail.com

Círculo Shahbaz Bhatti - Flash n.º 13  
Círculo Shahbaz Bhatti - Flash n.º 13  

Círculo Shahbaz Bhatti - Flash n.º 13

Advertisement