Page 73

Em todo o Brasil, o ano de 1986 foi marcado por grandes crises de abastecimento de gêneros alimentícios. Apesar dessa dificuldade, o SESI/SC manteve um bom desempenho na sua rede, que vinha registrando grande crescimento desde a década anterior. Em 1980, 3 milhões de pessoas foram beneficiadas pelo serviço. Como outras áreas ligadas à FIESC, os supermercados tiveram grande expansão na segunda metade da década. Em 1988, foram inauguradas cinco novas lojas, além da Central de Abastecimento localizada em São José. O objetivo era centralizar o setor de compras e a administração da rede de supermercados, visando à redução de custos e à oferta de produtos com preços mais acessíveis. A nova unidade era dotada das mais avançadas tecnologias de armazenagem, em um prédio de 7,5 mil metros quadrados de área construída. Os processos de controle de estoque, alteração de preços e demais rotinas administrativas e contábeis eram totalmente informatizados. As dificuldades conjunturais da década também atingiram as farmácias, que enfrentaram problemas devido ao congelamento de preços dos medicamentos determinado pelo governo. Mesmo assim, o plano de instalação de novas farmácias e a modernização das já existentes continuou. Em 1988 a rede era formada por 46 farmácias, pelas quais passavam cerca de 2 milhões de pessoas por ano. Em 1987, a FIESC criou, de forma pioneira no País, a Sociedade de Previdência Complementar do Sistema FIESC (Previsc). O objetivo da Previsc era administrar o plano de previdência complementar dos funcionários da Federação, do SESI, do SENAI e do IEL – que na época tinham dificuldades para se aposentar devido à grande diferença de rendimento entre ativos e inativos. Em 1991, a Previsc se tornaria independente da FIESC, administrando planos de previdência para outras organizações. Apesar das dificuldades impostas pelo cenário econômico, na década de 1980 o SENAI/SC manteve sua estrutura e a sua qualidade de ensino. Em 1988, 32.746 trabalhadores ou candidatos a emprego na indústria catarinense foram matriculados em cursos oferecidos pelo SENAI/SC. Nos cursos oferecidos pelas indústrias sob a assistência técnica do SENAI, matricularam-se 23.614 colaboradores. Desses 56.360 matriculados nas duas modalidades, 91,3% concluíram seus cursos.

BEM-ESTAR E CUIDADO Investimentos em ações para a ampliação do atendimento prestado à comunidade industrial e a expansão da estrutura marcaram o ano de 1986, com obras como o ginásio de esportes em Joinville e o Complexo Esportivo do SESI, em Blumenau. No mesmo ano, o atendimento odontológico também teve expansão física e foram implantadas 29 Unidades Odontológicas Móveis no Estado.

69

Ebook FIESC 65 anos  

Este livro é balanço, celebração e proposta. Pertence à indústria catarinense, razão de ser da FIESC.

Ebook FIESC 65 anos  

Este livro é balanço, celebração e proposta. Pertence à indústria catarinense, razão de ser da FIESC.

Advertisement