Page 172

juntando os Pontos “Tu

tt

o

Be

ne

na

te

r

ra

da

t

ip ul

a”

,

avisam os designers holandeses que ganham o mundo por meio do

Salão

do

Móvel

de

Milão

por

L uciana P essanha

fotos

A ndré V ieira

David Heldt alugou, em 2003, um espaço no Salão do Móvel de Milão para mostrar o trabalho do seu estúdio de design. Dois anos depois, quando conheceu seu atual sócio, Victor le Noble, esse espaço ganhou um nome: Tutto Bene. Em 2006 eles criaram uma fundação com a mesma alcunha para selecionar designers que desenvolvessem um trabalho sustentável e fazer a ponte entre eles e a indústria. Desde então, todo ano, um elenco renovável desses novos talentos é apresentado no Salão do Móvel de Milão. “Para nós, designers holandeses, se você não está no Salão do Móvel de Milão, pode desistir de ter trabalho no próximo ano”, conta Heldt. Em 2010, a Tutto Bene chegou a mandar 32 designers à Itália. Este ano, o número caiu para 13. “Foi a forma que encontramos de trabalhar melhor o nosso grupo. Nossos designers gostam de ser independentes e não querem estar sob o guarda-chuva de holandeses.” A Tutto Bene publica também uma revista/catálogo anual, chamada The Dots, na qual todos os designers holandeses, jovens ou já estabelecidos no mercado, têm espaço para mostrar seu trabalho. A terceira edição está sendo preparada para a Contemporary Interior Design Exhibition, que, em 2011, acontece em Londres. 172

Formado em 1999 pelo ArtEZ Institute of the Arts (AKI), em Enschede, e com mestrado em design futures pela Goldsmiths, da Universidade de Londres – uma espécie de escola de filosofia do design – Heldt deixou de vez a prática de desenhar objetos para se dedicar a viabilizar uma relação sólida entre os profissionais que representa e o mercado. A Tutto Bene é uma organização não lucrativa financiada não pelo Ministério da Cultura, mas pelo Ministério da Economia do governo holandês. “Estamos entre 100 outros projetos de agricultura, indústria e comércio. Mas eles gostam de nós porque somos a única iniciativa que aparece na imprensa. O design holandês é esperto, divertido e cheio de inovações. É assim que a Holanda quer ser vista pelo mundo.” Sobre o interesse do governo em mentes criativas, vale registrar que a Tutto Bene fica em um prédio no centro de Amsterdã que espera ser alugado por uma grande empresa. Enquanto isso não acontece, seus 70 escritórios são ocupados por designers, estilistas e criativos em geral, com aluguéis a preço de banana. Tutto molto bene. A seguir, alguns representantes da safra 2011 da Tutto Bene no Salão do Móvel de Milão.

ffwmag! nº 26 2011

FFW26_theDots copy_RF_V2.indd 172

6/3/11 12:40 PM

ffwMag # 26 Holanda  

OLHOS NOVOS PARA O NOVO [ Brazillian magazine about fashion, culture and lifestyle ]