Page 1

J o r n a l

B

e

l

é

m

Ano V - Número 8 - Março / 2007 - Belém-PA - unicredbelem@unicredbelem.com.br

Diretor-presidente da Unicred Belém, Carlos Amorim, apresenta os resultados positivos do ano passado aos cooperados durante Assembléia Geral

Dinheiro no bolso

Sobras na conta do cooperado O ano de 2006 foi de confirmação da consolidação e credibilidade conquistada pela Unicred Belém junto ao mercado financeiro e às classes profissionais vinculadas à área da saúde no Pará. No saldo dos 12 meses, a cooperativa de crédito paraense conquistou o primeiro lugar em crescimento de sobras, recebendo o título “Gol de Placa”, entre todas as singulares da Central Unicred Norte Nordeste(NNE). Números que, somados ao desempenho total, consagraram a instituição como a quarta melhor colocada no ranking, dentre as 24 cooperativas que integram a Central Norte-Nordeste. Essa evolução é comprovada em resultados positivos e no crescimento em todas operações realizadas pela

Unicred Belém, que rendeu sobras no valor de R$1.233.000. Desse total, 37% foram depositados nas contas correntes dos cooperados, o que é motivo de orgulho e sensação de dever cumprido, conforme externou o diretor-presidente, Carlos Amorim, que se despede da função para assumir a Diretoria Administrativa. Finalizando o segundo mandato como diretor-presidente, Amorim lembrou que dos apenas 117 cooperados filiados em 1999, hoje a Unicred Belém já totaliza quase 900. Ele explicou que há cerca de oito anos o número de ativos da cooperativa a colocava na categoria de pequena. Com todo o trabalho de parceria, entre a administração, cooperados e funcionários, em

meados de 2005 a cooperativa atingiu a marca de R$ 8 milhões de ativos, o que a tornou uma Unicred classificada como média. “Fechamos 2006 com R$ 13,4 milhões e, quando atingirmos os R$ 16 milhões, meta que é possível, ainda quem sabe, para esse primeiro semestre de 2007, nos tornaremos uma grande Unicred num intervalo de apenas dois anos”, comemora. Como médico e economista, ele afirma que “administrar é um ciência”. “Administrar o que é nosso não é fácil. Muito mais difícil ainda é administrar o que pertence a outras pessoas. Com muito trabalho e parceria, no entanto, foi possível administrar bem e colher os frutos”, salientou.


J o r n a l



Fone: (91) 3073-2000 B

e

l

é

m

Editorial O caminho mais correto para a realização das conquistas e alcançar os objetivos é o trabalho. E foi com muito trabalho e a enorme participação dos Cooperados que fizeram de nossa Unicred Belém,

Os números acima demonstram a evolução das liberações de empréstimos

dentre todas as vinte e seis singu-

Mais recursos

lares do Norte e Nordeste, aquela

Crescimento foi geral

que obteve o primeiro lugar em

Os números, ou melhor, os resultados, que comprovam a boa administração da diretoria. Em 2006 os recursos disponíveis na Unicred Belém cresceram 36,96%. Amorim afirmou que a liquidez da cooperativa computada no último dia do ano chegou à casa dos R$ 4.627.795,51, ou seja, dinheiro disponível para os sócios-cooperados, seja para resgate de investimentos ou necessidade de empréstimos. Cresceu, também, e bem acima da média, o patrimônio líquido da cooperativa, que finalizou 2006 em 48,44%, totalizando mais de R$ 3,5 milhões. O saldo de depósitos à vista, acumulado no ano, atingiu 29,28% de aumento. O mesmo ocorreu com os depósitos a prazo, com 49,45%. Os empréstimos subiram 23,98%, e, somados aos financiamentos concedidos, bateram a marca dos R$ 13 milhões. Trabalho - Os resultados obtidos pela Unicred Belém refletem todo um trabalho desenvolvido. Porém, mesmo

em desempenho global.

crescimento de sobras e a quarta

acreditando que a atual administração deu o melhor de si, Carlos Amorim ressalta que ainda há muito a crescer. Como cooperativa de crédito, a Unicred Belém, além da classe médica e seus familiares, pode ter como associados todos os profissionais de formação superior ligados à área da saúde. A evolução no número de associados, a aquisição de uma nova sede, e o aumento em todo o volume de negócios aos quais a cooperativa tem a capacidade de executar, é uma tarefa que caberá agora, com apoio de todos, à nova diretoria eleita durante a Assembléia Geral realizada no dia 15 de fevereiro de 2007. “A sede recebida há oito anos passou por duas reformas. Hoje, temos um prédio moderno, informatizado, mas o próprio crescimento da Unicred Belém demonstra a necessidade de um novo local para o funcionamento e, com isso, melhor atendimento aos cooperados”, enfatiza Amorim.

Caro leitor, nesta edição de nosso informativo, Você poderá melhor avaliar os resultados do exercício de 2006, conhecer a diretoria eleita para o próximo mandato, e seus desafios. A presença feminina no Conselho Fiscal merece destaque, bem como as palavras do Dr. Wilson Moraes, presidente da Central Unicred N/NE, que juntamente com os depoimentos dos cooperados Antônio Anselmo Bentes de Oliveira e Henrique Ribeiro Neto, são para nós motivo de incentivo e responsabilidade. Saudações Cooperativistas.

Diretoria

J o r n a l

Diretor-presidente: Carlos Antonio de Lima Amorim Diretor-administrativo: Amaury Braga Dantas Diretor-F inanceiro: Antônio Freitas Martins

B

e

l

é

m

Conselho Administrativo Francisco Assis Guimarães Camacho Maurício César Soares Bezerra Napoleão de Alencar Almeida

Conselho fiscal

Expediente Efetivos: Dr. José Cláudio de Barros Cordeiro, Dr. Jalvo Hermínio Chucair Granhen e Dra. Ana Lúcia Carvalho dos Santos Conselheiros Suplentes: Dr. Emanuel de Jesus Soares de Sousa, Dr. Pedro Celeste Noleto e Silva e Dr. Simão Tannus Tuma Neto. Projeto gráf ico e edição: SETTE - Editora, Comunicação e Design Fotos: Marcos Nascimento

Rua Boaventura da Silva, 1284 - Térreo. Bairro: Umarizal - CEP: 66060-060 / Belém - PA Fone: (91) 3073-2000


J o r n a l

Fone: (91) 3073-2000 B

e

l

é



m

O novo conselho que irá administrar a Unicred Belém, no período de 2007 a 2010. A chapa única foi eleita pelos cooperados durante Assembléia Geral.

Assembléia geral

Eleita nova diretoria Os resultados positivos que pontuaram a Unicred Belém como a quarta em desempenho no ano de 2006, entre todas as singulares integrantes do Sistema Norte Nordeste (NNE), foram apresentados aos cooperados durante a Assembléia Geral Ordinária, realizada no dia 15 de fevereiro de 2007, no auditório do Conselho Regional de Medicina do Pará (CRM-PA). Durante a assembléia, além de conhecer a evolução e o relatório anual das atividades da cooperativa, os sócios-cooperados decidiram pela destinação das sobras, ou seja, para onde vai o lucro de mais de um milhão que a cooperativa acumulou nos últimos 12 meses. A Diretoria Administrativa, que comandará a Unicred pelos próximos quatro anos, e os membros do Conselho Fiscal para o exercício de 2007/2008, também foram votados no decorrer do evento. Após apresentar os números e a evolução não só de 2006, mas dos últimos oito anos, tempo em que a diretoria comandada por Carlos Amorim esteve à frente da administração da Unicred Belém, a Assembléia votou

a destinação das sobras. Conforme a proposta, as sobras seriam divididas em três partes iguais: sobre a movimentação da conta-corrente; sobre os juros pagos em empréstimos; e sobre os juros recebidos em aplicações. A novidade deste ano foi atender a uma demanda dos sócios, segundo explicou o diretor-presidente da Unicred Belém, Carlos Amorim. De acordo com a nova proposta, acatada pela Assembléia, cada cooperado poderá decidir o que fazer sobre a parte das sobras que lhe couber, seja incorporando-a ao capital social da cooperativa e reinvestindo o dinheiro, ou ainda, solicitando, por escrito, que esse valor seja depositado

em sua conta corrente. Aprovada a prestação de contas, a assembléia decidiu por aclamação a eleição da chapa única que conduzirá a Unicred Belém no período de 2007 a 2011. A assembléia foi encerrada após a fixação dos honorários da diretoria e a eleição para o Conselho Fiscal. A posse da nova diretoria, assim como a do Conselho Fiscal, ainda será marcada. Conforme prevê a legislação, os nomes e currículos dos eleitos serão enviados à apreciação e avaliação do Banco Central (BC). Somente após os trâmites legais e a aprovação do BC, é que a posse será efetivada.

NOVA DIRETORIA PARA 2007/2010 Diretor-Presidente- Amaury Braga Dantas Diretor Administrativo - Carlos Antônio de Lima Amorim Diretor Financeiro - Napoleão de Alencar Almeida Conselheiro Efetivo - Antônio Cesar Azevedo Neves Conselheiro Efetivo - Antônio Freitas Martins Conselheiro Efetivo - Luiz Otávio Gomes de Souza Conselheiro Suplente - Francisco de Assis G. Camacho Conselheiro Suplente - Jorge Bastos Barroso Conselheiro Suplente - José Cláudio de Barros Cordeiro


J o r n a l



Fone: (91) 3073-2000 B

e

l

é

m

Fiscal

Conselho tem 4 mulheres A disputa para as vagas que integram o Conselho Fiscal para o exercício 2007/2008 foi acirrada. Nove sócios-cooperados concorreram às seis vagas - três de conselheiros efetivos e três suplentes. Em clima de eleição, os candidatos, cada um a sua maneira, partiram em busca de votos durante a assembléia, fazendo o corpo-a-corpo junto ao eleitorado, com suas propostas para garantir um lugar entre os eleitos. Por voto direto em cédula eleitoral, o novo Conselho Fiscal foi formado pelos candidatos que obtiveram o maior número de votos em ordem decrescente. A campeã de votos foi a dra. Kathia Harada. A presença feminina, no entanto, não se limitou à candidata mais votada. Das seis vagas em disputa, quatro foram conquistadas por mulheres. Kathia Harada declarou que é uma honra ver que o novo conselho é formado, em sua maioria, por mulheres. “Vamos nos empenhar ao máximo. Todas as eleitas têm experiência em conselho fiscal e vamos usar esse conhecimento para contribuir ainda mais nessa trajetória de crescimento da Unicred Belém”, enfatizou a conselheira. Consciente da credibilidade que

Conselho: presença feminina de Waldenize Bezerra, Kátia Harada, Célia Santos e Osley Rodrigues

a cooperativa vem adquirindo nos últimos anos, Kathia Harada comentou que sempre teve interesse em conhecer mais de perto essa experiência de sucesso que vem se mostrando a Unicred Belém. “A nova diretoria eleita é composta por profissionais excelentes, que já provaram sua qualidade e competência como administradores. Todos nós, cooperados, sabemos da dedicação e do empenho de cada um”, ressaltou.

CONSELHO FISCAL PARA 2007/2008

Conselheiros Efetivos: Dra. Kathia de Oliveira Harada Dra. Célia Lina de Mello Santos Dra. Osley Maria Rocha Rodrigues Conselheiros Suplentes: Dr. José Acurcio Gomes Cavalleiro de Macedo Dra. Waldenize Nazareth Potter de Carvalho Bezerra Dr. Antônio Anselmo Bentes de Oliveira

A Força do Cooperativismo

Amaury Dantas

O presidente do Sistema OCB-Sescop (Organização das Cooperativas Brasileiras-Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo), Márcio Lopes de Freitas, em conferência realizada em Brasília (DF), traçou um panorama do cooperativismo no mundo, destacando países como Japão e França, que possuem grande parcela da população associada a cooperativas. - Na França, 90% da população é associada a uma cooperativa de crédito e no Japão 33% fazem parte parte de algum tipo de cooperativa – apontou.

No Brasil, o dr. Freitas chamou atenção para a evolução do cooperativismo de crédito nos últimos anos e os reflexos financeiros gerados nas comunidades em que atuam. O ramo do cooperativismo de crédito é o segundo maior do País, só perde para o cooperativismo rural. Em nosso país, as cooperativas de crédito já têm mais de dois milhões de associados. No sistema capitalista, a mídia e o marketing costumam colocar em evidência as grandes empresas e a exposição repetitiva de suas marcas acaba por implementar as instituições financeiras privadas e estatais, como as mais vantajosas para os

usuários. Entretanto, o lucro dessas empresas acaba sendode seus proprietários, donos, e, no caso dos bandos estatais, do Estado. No cooperativismo a sobra é de todos os cooperados, portanto, a divisão é mais equânime e justa. Por isso, cada vez mais o cooperativismo deve ser motivo de debates, posto que apresenta-se como importante alternativa de desenvolvimento e geração de renda, capaz de alavancar o crescimento da economia brasileira a partir da concessão de crédito para estimular investimentos, o consumo, produção e exportação de produtos, além da oferta de serviços para a população.


J o r n a l

Fone: (91) 3073-2000 B

e

l

é



m

Gestão 2007/2010

Crescimento é o principal desafio do novo presidente Após uma gestão como conselheiro e outra como diretor administrativo da Unicred Belém, Amaury Braga Dantas foi eleito diretor-presidente da cooperativa para os próximos quatro anos. Consciente de receber da atual administração uma instituição fortalecida e de alicerces muito bem assentados, ao lado de toda a nova diretoria, Amaury Dantas encara a necessidade de crescimento como o principal desafio dessa nova gestão. “Graças ao trabalho que foi feito na gestão de Carlos Amorim, a Unicred conquistou credibilidade e confiança, base necessária para seu futuro crescimento”, reconhece. Uma das principais metas, revelou, é aumentar o número de cooperados. Dos quase 900 sócio-cooperados atualmente, a meta para a próxima gestão é ampliar esse número para cinco mil. Número que, à primeira vista, pode parecer ambicioso, mas Amaury explica que, com as ferramentas e investimentos certos, será possível. Como cooperativa de crédito, a Unicred Belém ampliou sua rede de cooperados para todos os profissionais de nível superior da área de saúde. De acordo com Amaury, existem hoje cadastrados juntos aos conselhos profissionais cerca de 50 mil cooperados em potencial. São enfermeiros, biomédicos, fisioterapeutas, odontólogos, entre outros, para os quais à Unicred Belém e todos os seus serviços estão de braços abertos. “Sonhamos e vamos persistir na meta de que pelo menos 10% do universo desses profissionais possam se associar à Unicred”, enfatizou. Aumentando o número de cooperados, cresce proporcionalmente o número de operações, tais como empréstimos, aplicações, financiamentos, etc. Assim como as demais instituições financeiras, os cooperados têm acesso a cartões de crédito, cheque especial e muitos outros serviços. O maior diferencial, lembra, está na filosofia

Amaury Dantas, que era diretor-administrativo, foi eleito diretor-presidente da Unicred Belém

cooperativista. “Diferente de um banco convencional, a cooperativa visa ao bem-estar do cooperado, e não o lucro para apenas um grupo”, explicou. Dessa forma, na Unicred, os cooperados têm as menores taxas de juros e maior possibilidade de rendimentos, entre outras vantagens, além de dividir os lucros, o que não ocorre num banco tradicional. Porém, ressalta, “enquanto cooperativa, precisamos ter competência de oferecer produtos e serviços de uma forma mais eficaz e atrativa do que as demais instituições financeiras”. Amaury acrescenta ainda que, no diaa-dia, isso significa oferecer melhores horários, menos filas, comodidade de estacionamento, conforto nas opera-

ções e atendimento personalizado. Outro grande passo na direção a essa maior comodidade para os cooperados será implantado em breve. Fruto de um investimento de mais de R$ 3 milhões, feito por todas as cooperativas que integram o Sistema Norte Nordeste, está previsto para entrar em funcionamento em maio de 2007 o Total Banco, por meio do qual a Unicred vai oferecer aos cooperados todos os benefícios que um sistema informatizado de última geração, conectado à Internet, pode possibilitar ao cliente. “Isso significa que todo cooperado poderá acompanhar e movimentar suas contas através do computador, ganhando mais agilidade nas operações”, destacou.


J o r n a l



Fone: (91) 3073-2000 B

e

l

é

m

Produtos e serviços disponíveis para o cooperado Computador

A Unicred Belém oferece aos seus associados a promoção Plug & Play, com financiamento para a compra de equipamentos de informática a juros abaixo da taxa de mercado. O pacote inclui uma CPU AMD Athlon XP 2000, com monitor de 15 polegadas colorido, digital; 256 MB de memória RAM DDR, HD de 40 GB, gravadora de CD, estabilizador e impressora HP Deskjet 3535, além de mesa-rack. Pode ser pago à vista ou financiado em 12 ou 24 vezes. A Plug & Play também oferece notebook Toshiba A60-S 156, com processador Celeron 2.8 GHZ, memória de 256 MB, HD de 40 GB, modem + rede, gravadora de CD/DVD, rede de 10/100 e sem fio 802.11G, tela de 15 polegadas TFT, com o Windows X). À vista ou parcelado com as menores taxas do mercado.

Antecipação do IR O cooperado da Unicred-Belém pode receber antecipadamente até 80% da sua restituição do Imposto de Renda a juro de 1,99% ao mês, taxa menor que a de mercado, paga somente no final do contrato, quando receber a restituição da Receita Federal. O montante a ser pego também pode ser financiado em até 12 parcelas, com desembolso imediato para pagamento do imposto devido, num prazo maior que o da Receita Federal, evitando a correção monetária mensal da taxa Selic.

O que mais você ganha: • Antecipação de produção creditada na Unicred • Antecipação de salário, 13º e férias

• Viagens a trabalho ou turismo • Cursos, congressos e seminários • Financiamentos para aquisição de veículos, construção de clínicas, laboratórios, hospitais, etc. • Financiamento para aquisição de máquinas e equipamentos ou pagamento de impostos • Desconto de cheques e duplicatas • Tratamento de saúde, odontológico e diárias hospitalares • Crédito pessoal para fins diverso

Dias das Mães e dos Pais Ao longo do ano de 2006, a Unicred Belém lançou uma série de campanhas de crédito para os seus cooperados. Em maio, o sucesso foi por conta da promoção de crédito “Mês das Mães”, que ofereceu empréstimos com taxa de juros abaixo das cobradas no mercado, de somente a 1,99% ao mês, em até 10 vezes, válida somente para o mês de maio. Campanha semelhante foi realizada em agosto – por ocasião do Mês dos Pais – , também sucesso junto aos cooperados.

Cred Pato No mês de outubro, por ocasião do Círio de Nossa Senhora de Nazaré, a Unicred Belém ofereceu uma linha de crédito para os seus cooperados a juros de 1,99% ao mês, válida somente para aqueles mês. A boa receptividade dos cooperados comprova o sucesso da campanha.

Quem pode se cooperar

A Unimed Belém ampliou o seu leque de cooperados. Hoje, não apenas médicos, mas qualquer profissional

do setor de saúde que tenha nível superior pode se associar à cooperativa. No caso de pessoa física, precisa comprovar identidade profissional e apresentar documentos básicos como Cadastro de Pessoa Física (CPF), comprovantes de residência e de rendimentos e a declaração do Imposto de Renda do último exercício. Em seguida, preencherá cadastro com proposta de admissão e de abertura de conta corrente e ficha de matrícula. Já no caso de pessoa jurídica, os documentos para se tornar um cooperado da Unicred Belém são: Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ), contrato social e/ou alterações, ata de assembléia geral de constituição e de eleição da diretoria e estatuto social, conforme a constituição da empresa, além do faturamento dos últimos doze meses, relação de bens móveis e imóveis, balanço dos dois anos anteriores e de endividamento bancário.

Cartrace Monitoramento de veículos via satélite GPS contra roubos, assaltos e seqüestros. Apenas R$1.280,00, mais tarifa de manutenção.

Estamos de portas abertas para:

Assistentes Sociais Bioquímicos Biólogos Biomédicos Educadores Físicos Enfermeiros Farmacêuticos Fisioterapeutas Fonoaudiólogos Médicos Médicos Veterinários Nutricionistas Odontólogos Psicólogos Terapeutas Ocupacionais Zootecnistas Empresas do Ramo de Saúde Instituições sem fins lucrativos


J o r n a l

Fone: (91) 3073-2000 B

e

l

é



m

Dr. Wilson Moraes Presidente da Unicred Central Norte/Nordeste e diretor financeiro da Unicred Brasil

Unicred Belém: credibilidade A Unicred Belém vive um grande momento em sua história. Os resultados apresentados durante a última Assembléia Geral Ordinária demonstraram a evolução ocorrida na cooperativa; fruto de importantes decisões estratégicas tomadas pela Diretoria Executiva, recuperando a estabilidade e credibilidade da entidade perante seus cooperados. Superando um momento de grandes dificuldades financeiras, a Diretoria Executiva da Unicred Belém, em conjunto com a Unicred Central Norte/Nordeste, promoveu recentemente uma profunda reformulação organizacional. Redefinindo conceitos, políticas de crédito, de gestão administrativa, de controles internos, capacitação profissional e a própria estrutura física conseguiu, em menos de quatro anos, emergir de uma situação de dificuldades para se transformar em uma das mais promissoras cooperativas de crédito do Sistema Regional Norte/Nordeste. Ao longo deste período, recebeu importantes premiações dentro do Sistema Regional Norte/Nordeste, a exemplo da Campanha Gol de Placa 2006, que analisa e avalia periodicamente a evolução dos principais indicadores econômicos e financeiros de todas as cooperativas de crédito do Sistema Regional Norte/Nordeste. Colocando-se em primeiro lugar regional em distribuição de sobras a seus cooperados, a Unicred Belém ficou na quarta colocação geral no ranking final da campanha de resultados promovidas pela Unicred Central Norte/Nordeste. Com sobras da ordem de R$ 700 mil, demonstrando um aumento de 45% em relação ao ano de 2005, a Unicred Belém vem demosntrando, ao longo dos últimos anos, estar em sintonia com as tendências macroeconômicas regionais, antecipando-se às dificuldades e promovendo importantes ações direcionadas à busca de rentabilidade, segurança e orgulho para seus cooperados.

Uma das maiores realizações da diretoria que se despede da Unicred Belém foi a reforma da sua sede, moderna e toda informatizada, equipada com o que há de melhor para oferecer conforto e comodidade para os seus associados. O novo prédio segue inclusive as medidas de segurança exigidas por lei, com a instalação de portas com detectores de metal, além de atendimento personalizado e todo o requinte que um cooperado Unicred merece.

Unicred Belém: planejamento estratégico A Unicred Belém promove no dia 17 de março de 2007 o seu planejamento estratégico para este ano, no hotel Beira-Rio, durante todo o dia. FEDERAÇÃO DAS UNIMEDS DA AMAZÔNIA

Na oportunidade, estarão reunidos dirigentes e funcionários da cooperativa, além de convidados. Neste dia de

Trav. Humaitá, 2778 Marco - Belém - Pará Fones: 3344-0800 091 3246-3656

trabalho, será feita uma avaliação das ações, bem como o estabelecimento de metas para o ano de 2007.


J o r n a l



Fone: (91) 3073-2000 B

e

l

é

m

Cursos

Treinamento para conselho fiscal Integrante do Progrtama de Educação Cooperativa, a Unicred Belém promoveu, no período de 22 a 26 de janeiro de 2007, no novo auditório da sede do Sindicato dos Médicos do Estado do Pará, um curso para conselheiros fiscais, com o objetivo de capacitar tecnicamente os interessados em ocupar esse cargo, dando noções de como funciona a contabilidade da cooperativa e como melhor fiscalizá-la. O curso, com carga horária de 15 horas, foi ministrado por palestrantes que atuam no Serviço Nacional de Aprendendizado de Cooperativismo (Sescoop-Pará). A iniciativa é fruto de uma parceria entre a Unicred Belém e a Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), com o intuito de proporcionar maior conhecimento técnico sobre o funcionamento das cooperativas para os seus associados, principalmente os que se candidatam ao cargo de conselheiro fiscal, dando a oportunidade para que tenham melhor desempenho na sua atividade. O curso foi ministrado pelos palestrantes Francisco José Magalhães, Lauro da Costa Nery Filho e Jaime Borges.

Curso para candidatos a conselheiro fiscal foi realizado no auditório do Sindicato dos Médicos do Pará

Os participantes Raimundo Nonato Lima Nascimento, Luiz Otávio Gomes de Souza, Cleobery Braga da Silva, Cecília Viana Nahum Pinho, Waldeniza Nazareth Potter de Carvalho Bezerra, Lázaro de Jesus Saldanha de Oliveira, Maria do Livramento Balieiro de Castro, Emanuel Conceição Resque Oliveira, Sílvia Mara Rodrigues de Barros, Sérgio Figueiredo de Lima, Osvaldo Holles Bezerra, José

Eduardo de Lima Iketani, João Batista Alves Júnior, Maria do Rosário Jesus Coelho Alves, Izabel Cristina de Melo Amorim, Soraya Berbary da Silva, Paulo Roberto de Barros Morais, Altino Augusto do Amaral Teixeira, Adriana Maria Rocha, Célia Regina Gonçalves Medeiros, Marister Fátima Moraes David, Mário Tavares Moreira Júnior, Fé Leiko Motoki Teixeira, Lair Campos de Menezes e Sandra Maria Emi Motoki.

Gerentes da Unicred se capacitam Ao longo do ano de 2006, a Unicred Belém promoveu diversos cursos para seus diretores e gerentes com o objetivo de capacitá-los a desempenhar suas atividades com maior eficiência, contribuindo assim para os resultados obtidos ao final da gestão. O diretorpresidente da Unicred Belém, Carlos Amorim, foi um dos que participou do curso “Uma visão prática das soluções financeiras massificadas”, realizado em maio e junho de 2006, em Fortaleza (CE). Do mesmo curso participaram o diretor-financeiro, Antonio Freitas Martins; e a gerente de Relacionamento, Tânia Maria Martins Peres. Já o diretor-administrativo, Amaury Dantas, eleito o novo diretor-presidente da Unicred Belém, participou em junho de 2006 do curso de pós-graduação de Gestão em Cooperativas de Crédito,

também em Fortaleza, juntamente com os gerentes Claudionor Otávio, Ricardo Olimpio B. A Macedo, Maria do Carmo

Amorim Moreira (gerente de Controladoria) e Tânia Maria Martins Peres. Veja abaixo a relação dos participantes:

Curso de Treinamento do Conselho Fiscal Local: Fortaleza - CE Período: Jul/2006 Participantes:Ana Lúcia Carvalho dos Santos (conselheira fiscal), Emanoel de Jesus Soares de Sousa (conselheiro fiscal), Jalvo Herminio Chucair Granhen (conselheiro Fiscal)

Produtos e Serviços Financeiros no âmbito do SFN Financeiro Local: Fortaleza – CE Período:Nov/2006 Participantes: Claudionor Otávio S. Nunes (gerente de Relacionamento) e Luiz Alves dos Santos (gerente geral).

Estrutura e Gov. Sistêmica em Cooperativas de Crédito Local: Recife – PE Período:Ago/2006 Participantes: Antônio Martins Freitas (diretor-financeiro), Carlos Antônio de Lima Amorim (diretor-presidente), Luiz Alves dos Santos (gerente geral)

Planejamento e Acompanhamento do Plano de Negócios Local: João Pessoa – PB Período: Dez/2006 Participantes: Napoleão de Alencar Almeida (conselheiro) e Luiz Alves dos Santos (gerente geral)


J o r n a l



Fone: (91) 3073-2000 B

e

l

é

m

Unimed do Brasil reunificada Na tarde do dia dois de março de

2007, no Hotel Tambaú, em João Pessoa-PB, concretizou-se a reunificação da Unimed do Brasil, com a adesão da Confederação Norte e Nordeste das Unimeds e das Federações que a integram, inclusive a Federação Unimed da Amazônia, constituída pela fusão da Federação das Unimeds da Amazônia Oriental e da Federação das Unimeds da Amazônia Ocidental, sendo assim, volta a existir uma federação para a Amazônia e uma Unimed para todo o Brasil.

Celso Barros, presidente da Unimed do Brasil, Cesar Neves, presidente da Unimed Belém, Carlos Amorim, vice-presidente da Federação das Unimeds da Amazônia, Reginaldo Tavares de Albuquerque, presidente da Confederação N/NE, e Aldemar Barra, superintendente da Unimed Belém

Congresso aborda prevenção “Prevenção e Consensos: reduzindo a sinistralidade com qualidade”. Este é o tema do II Congresso Médico da Unimed, que ocorrerá de 25 a 28 de abril de 2007, no Crowne Plaza Hotel, em Belém. É inquestionável a atualidade da temática do evento. No contexto da gestão de saúde, a prática da prevenção é uma das estratégias mais bem-sucedidas na redução do custo assistencial, o que traduz uma menor sinistralidade. Hoje, há a convicção de que ela é um vigoroso instrumento no processo de racionalização de custos com a saúde. Por outro lado, o estabelecimento de recomendações técnicas de consenso tem sido um recurso de larga utilidade no universo da gestão

de saúde, otimizando procedimentos e melhorando a eficácia do trabalho médico. Tanto a prevenção como os consensos atuam como mecanismos que contribuem para o aumento da qualidade e da redução dos índices de sinistralidade – meta de qualquer gestão de saúde comprometida com resultados. Outro aspecto relevante do II Congresso Médico da Unimed é a possibilidade que oferece de atualização de conhecimento e intercâmbio de informações. Numa instituição que tem por fundamento o cooperativismo, como é o caso da Unimed, o estímulo à difusão do saber e ao aprendizado compartilhado são valores que permeiam a missão e a visão de futuro da cooperativa.

Na versão de 2007, o evento abordará temas no contexto de 14 especialidades médicas: alergia, anestesiologia, angiologia, cirurgia geral, clínica médica, ginecologia e obstetrícia, infectologia, oncologia, patologia, pediatria, radiologia e urologia/nefrologia. Ademais, a questão da ética e do cooperativismo serão assuntos em discussão no evento, enriquecendo sua programação técnica. Estimulados pelo sucesso do evento de 2006, a diretoria da Unimed Belém acredita que o II Congresso Médico tem um papel relevante na consolidação das estratégias de fortalecimento da cooperativa e no aperfeiçoamento da qualidade dos serviços oferecidos a seus clientes.


J o r n a l

Fone: (91) 3073-2000 B

e

l

é

10

m

Cooperado no 10 diz que sonho se realizou Para Antônio Anselmo Bentes de Oliveira, sócio número 10 da Unicred Belém, eleito membro do Conselho Fiscal da atual administração, ver a evolução da cooperativa nesses últimos 15 anos significa ver um sonho realizado. “Depois de vários momentos de dificuldade, a cooperativa floresceu, maturou e hoje entra de igual em um mercado muito competitivo, mostrando que sabe trabalhar”, declarou. Como um dos primeiros a acreditar nesse sonho, Antônio Anselmo avalia que, fundamentalmente, os demais profissionais devem se perceber como força e usar essa potencialidade para não ficar à mercê do hostil mercado financeiro. “Poucas vezes a gente consegue realizar um sonho, mas hoje vejo que a Unicred é um sonho realizado e fortalecido”, ressaltou.

á

pidas

Commodities A maior cooperativa de produtores agrícolas dos Estados Unidos está entrando no Brasil. A CHS/EUA tem 630 mil associados e hoje, além da produção de grãos, que é seu negócio fundamental, investe na área de petróleo, refinarias, dutos e combustíveis, e tem negócios ainda no Canadá.

Pesar A Unicred Belém lamenta a perda do médico Paulo Sérgio Cavallero de Macedo, vítima da violência que impera nas grandes cidades. Externamos o nosso pesar à família do médico.

Congresso médico Antônio Anselmo Bentes é testemunha da evolução

Resultado é incentivo para novas adesões Na opinião de Henrique Ribeiro, diretor do Hospital Metropolitano de Belém, os números e o crescimento da Unicred Belém no ano passado são certamente um incentivo à adesão de novos cooperados. Os resultados, segundo ele, representam a credibilidade e competência da atual administração. “Como cooperado, vejo essa credibilidade não apenas como um fator de atração para novos cooperados. É uma motivação também àqueles que já são cooperados a se tornarem ainda mais parceiros, ou seja, a migrarem capital, fortalecendo ainda mais a cooperativa. Acredito que a Unicred é um lugar no qual o profissional de saúde pode investir com segurança o seu dinheiro”, disse Ribeiro.

R

O XIV Congresso Médico Amazônico, promovido pela Sociedade Médico-Cirúrgica do Pará (SMCP), presidido pelo médico Luiz Abílio Oliveira, será realizado no período de 27 a 30 de abril de 2008, no Hangar Feiras & Convenções da Amazônia. O congresso contará com a participação de Estados e países pan-amazônicos, sob a organização da Atual Eventos.

Parabéns A direção da Unicred Belém parabeniza os seus cooperados que assumiram cargos no governo do Estado. A Unicred sente-se orgulhosa de contar, entre seus associados, com profissionais de grande qualificação requisitados para contribuir para o crescimento do Estado. Entre os associados da Unicred Belém que assumiram cargos de relevância no Governo do Estado estão Jorge Ohana, que ocupa a presidência da Santa Casa de Misericórdia; Walter Amoras, do Núcleo de Endemias da Secretaria de Estado de Saúde (Sespa); a dra. Fátima Montoril, diretora-presidente do Hemopa; a dra. Sandra Leite, presidente do Ipasep; e o dr. José Magalhães Melo, diretor de Regulação de Saúde da Sespa. A Unicred Belém deseja a todos sucesso.

Henrique Ribeiro: lugar seguro para o seu dinheiro


Unicred Belém  

Criação do layout e diagramação por Fernando Sette

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you