Issuu on Google+


Especial Guia do 3G

O guia da

Internet móvel

Será que vale a pena espetar um modem em seu notebook e sair por aí navegando? A rede é estável? Quanto custa e o que é preciso para estar conectado onde quer que você leve seu PC? A revista Windows mostra as vantagens – e as armadilhas – de usar internet móvel no computador. Ilustração: Stefan Pastorek

P

are um instante e pense: você usa seu PC sem estar conectado à internet? Em muitos casos, “usar o PC” é sinônimo de “entrar na internet”. Da última vez que você apertou o botão Power de sua máquina, são grandes as chances de, na sequência, ter mandado um email, visto algum vídeo no YouTube ou ter conferido as últimas notícias. A vida atual não admite mais “ilhas”, computadores que não estejam conectados à internet. Nossos arquivos estão na nuvem, os amigos, espalhados pelo mundo e nossa diversão, em arenas online cheias de monstros e armas. A banda larga foi uma libertação da penosa internet discada, mas nossa dependência por internet cresceu juntamente com a velocidade. Agora, os cabos tornaram-se uma limitação, e nossos hábitos requerem uma conexão onde quer que estejamos. Se as conexões rápidas garantiram nosso sonho de conexão 24 horas, a mobilidade real só veio com a chamada internet móvel ou 3G – nada de sigla técnica, 3G significa apenas “3ª geração” da tecnologia celular. O mercado brasileiro mostrou que estava ansioso pelo serviço. Em 2008, segundo dados da Anatel, foram realizados cerca de 3,9 milhões de acessos via aparelhos 3G. Em 2011, esse

www.revistawindows.com.br

número saltou para 41,1 milhões, e a consultoria especializada em telecomunicações Teleco estima que, em 2014, possa atingir 124 milhões de acessos. O crescimento é grande, mas existe ainda um imenso mercado a ser explorado. Dados do primeiro semestre de 2012 indicam que os acessos via 3G correspondiam a apenas 18,6% do total. 3G no PC. Usar ou não? O crescimento acelerado do uso do 3G, estimulado pelos planos pré-pagos, é um problema para os usuários de PCs e tablets. A internet 3G é oferecida por empresas de telefonia como Oi, Vivo, Claro e Tim pensando principalmente em celulares e smartphones. “Mas não existem também os modems próprios para notebooks, como mostram os comerciais?” Sim, existem, mas além da conexão 3G custar bem mais caro do que uma banda larga convencional e oferecer uma velocidade muito menor, para as empresas que os comercializam, os modems 3G deveriam ser usados apenas para situações que exijam mobilidade, como viagens e deslocamentos rápidos, ou no máximo, como complemento para a banda larga fixa, e não como um substituto para a conexão por cabo, como é o mais comum de acontecer.

Windows A Revista Oficial | ®

7


Assim, as empresas esperam – e querem – de você um tráfego de dados mais moderado, como enviar um emailzinho, acessar redes sociais, ler notícias. Um tipo de acesso que faz sentido para usuários de smartphones, mas que é ilógico para quem usa um computador de mesa ou um notebook e quer baixar músicas, assistir a vídeos online e fazer downloads mais pesados. As empresas também costumam culpar os chamados “heavy users”, que são aqueles que mais usam a internet, pela pouca velocidade disponível. Segundo as empresas de telefonia, cerca de 15% dos usuários consomem 50% dos recursos. Eduardo Tude, consultor e presidente da Teleco, lembra que no Japão, por exemplo, um grupo de apenas 1% dos consumidores pesados usa 30% do tráfego. Mas com a falta de estrutura das empresas que fornecem o 3G, despreparadas para lidar com a demanda crescente e pelo uso inapropriado, para ter internet móvel no seu PC, é preciso antes ponderar se você realmente precisa de um plano móvel. Profissionais que passam a maior parte do dia fora do escritório ou de casa são candidatos naturais, mas para quem vai usar o notebook ou tablet em locais que já contam com redes que podem compartilhar a internet existente via Wi-Fi, o 3G pode tornar-se apenas um gasto desnecessário. Algumas questões, como velocidades baixas, preços altos e os limites de uso de dados impostos pelos planos podem ser

"Existem três fatores principais para escolher um plano: velocidade, franquia de dados e a tarifa adicional à franquia".

difíceis de driblar, mas escolher seu serviço com atenção e definir bem o tipo de uso para não ter surpresas na conta podem tornar sua relação com a internet móvel bem mais agradável e produtiva. Livre-se dos cabos Quem precisa de internet o dia todo sabe que não dá para depender somente de pontos de Wi-Fi disponíveis em locais públicos como shoppings, aeroportos e cafés para manter seu notebook conectado. Portanto, para quem está sempre em movimento, o 3G torna-se indispensável. O serviço é fornecido por grandes operadoras de telefonia e suas redes de distribuição de sinal. É como se houvesse roteadores espalhados pelo Brasil, transmitindo o sinal para aqueles que estão dentro de sua área de alcance. O sinal é recebido pelo usuário ao espetar um modem especial, geralmente por uma porta USB do PC. O modem contém um minichip, perecido com o que você usa em seu celular ou smartphone. Existem três fatores principais para escolher um plano: velocidade, franquia de dados e a tarifa adicional à franquia. A velocidade – 1 Mega, 2 Mega, 3 Mega etc. – indica a rapidez com que você recebe os dados. Na verdade, essa medida aponta a largura de banda da conexão, ou seja, a quantidade de dados que ela é capaz de receber por segundo. Os planos são vendidos em “mega” de velocidade por

Participação As operadoras e o terriório brasleiro

RR

AM

MA

PA

CE

RR

AM

MA

PA

AC

SE

SE BA

GO

MG

ES

ES

MS SP

% de MUNICÍPIOS cobertos*

SP

RJ

% de POPULAÇÃO coberta *

PR

SC RS

Windows A Revista Oficial ®

AL

MT

MS

|

PE

TO

RO

BA

MG

8

RN PB

PI

GO

abaixo de 30% de 30% a 50% acima de 50%

CE

RN

AL

MT

AP

PE

TO

RO

RR

PB

PI AC

Participação das operadoras em número de municípios cobertos com tecnologia 3G no Brasil (Jun/12)

AP

346

530

929 2.831

abaixo de 60% de 60% a 80% acima de 80%

RJ

PR

SC RS

* Dados consolidados de 2011. Fonte: Relatório Teleco/Huawei da Banda Larga

www.revistawindows.com.br


Especial Guia do 3G mera questão de marketing. E vale ficar atento aos detalhes do contrato, pois cada empresa se obriga a garantir apenas uma velocidade mínima de conexão, em geral bem abaixo da contratada. Coisas de Brasil. Já a franquia de dados é a taxa que você paga, de acordo com seu plano, e que dá direito ao tráfego de uma quantidade determinada de dados. Se você contrata um plano com 10 GB de franquia de dados, significa que tem o direito de fazer o download de 10 GB de dados de qualquer tipo. Como “download”, não entenda apenas baixar um filme, por exemplo.

Ver um vídeo no YouTube, baixar um email para seu computador ou abrir um site de notícias também contam. Se você estourar essa cota de dados, além da taxa fixa, deverá pagar a tal tarifa adicional, como, digamos, R$ 0,10 por MB extra usado. Nem todas as operadoras trabalham assim. Algumas adotam medidas como reduzir a velocidade da conexão quando se ultrapassa a franquia, voltando ao normal no mês seguinte. Escolha o plano que lhe parecer mais adequado. Para ajudá-lo a decidir, montamos uma tabela com os principais na página 10.

Com o sinal funcionando e o compuador conectado à rede, é possível fazer (quase) tudo o que você costuma fazer com a internet de sua casa, como acessar seus emails, entrar em redes sociais, navegar e até jogar. A realidade costuma ser bem diferente do ofertado, e não é impossível em alguns momentos você ter, por exemplo, disponível apenas 10% da velocidade prometida na contração. Para um plano de 1 Mpbs de velocidade, isso significaria ter uma conexão de 100 Kbps, muito próxima das antigas conexões discadas.

Passo a passo Crie e configure a conexão com banda larga móvel em seu PC

1

Início

4

Configuração

Após conectar o modem em seu PC, clique no ícone de rede na área de notificação no canto direito da tela. Clique com o botão direito do mouse na rede de banda larga e em Conectar.

Para configurar ou inserir os dados para tornar a conexão mais estável (usando os dados de APN do passo 4 na página 11) abra o Conectar a uma Rede – clique no ícone de rede na área de notificação. www.revistawindows.com.br

2

Dados

5

Opções de conexão

Quando solicitado, digite seus dados de acesso, como nome de usuário e a senha (esses dados podem ser encontrados nas informações que acompanham o dispositivo ou seu serviço de banda larga móvel).

Clique com o botão direito na rede, escolha Propriedades e Perfil. Escolha Sempre conectar automaticamente, Conectar automaticamente, exceto em roaming ou Nunca conectar automaticamente.

3

Consumo

6

Automático

Altere qualquer configuração de conexão automática desejada ou que seja solicitada e clique em Continuar. Lembre-se de que manter essa rede ligada aumenta o consumo de energia de sua máquina.

Se o seu PC já estiver conectado à internet por cabo, marque a caixa de seleção Conectar automaticamente somente se nenhuma outra conexão de rede alternativa estiver disponível. Clique em OK. Windows A Revista Oficial | ®

9


Com qual plano eu vou? Para fazer um bom negócio, é preciso estar ligado em promoções e ofertas de ocasião A qualidade do 3G no Brasil ainda é muito ruim. Falta investimento das teles e maior rigor nas punições para as empresas que não cumprem seus contratos. Espera-se que as empresas sejam obrigadas a entregar a velocidade vendida progressivamente, com até 20% em 2012, 30% em

2013 e 40% a partir de 2014. Confira abaixo os principais planos disponíveis no país. Os preços e pacotes foram apurados no fechamento da edição e podem sofrer alterações de acordo com a região ou data de contratação.

OI VELOX 3G FRANQUIA DE DADOS

VELOCIDADE PROMETIDA

FRANQUIA DE TRÁFEGO EXCEDENTE

MINIMODEM

MENSALIDADE

5 GB

1 Mbps

Redução de velocidade para 150 Kbps

Grátis

R$ 84,00

2 GB

1 Mbps

Redução de velocidade para 150 Kbps

Grátis

R$ 60,00

500 MB

1 Mbps

Redução de velocidade para 150 Kbps

R$ 29,00

R$ 42,00

250 MB

1 Mbps

Redução de velocidade para 150 Kbps

R$ 99,00

R$ 35,00

150 MB

1 Mbps

Redução de velocidade para 150 Kbps

R$ 99,00

R$ 29,90

TIM LIBERTY FRANQUIA DE DADOS

VELOCIDADE PROMETIDA

FRANQUIA DE TRÁFEGO EXCEDENTE

MINIMODEM

MENSALIDADE

10 GB

1 Mbps

Redução de velocidade para 200 Kbps

R$ 106,80

R$ 101,00

3 GB

1 Mbps

Redução de velocidade para 200 Kbps

R$ 106,80

R$ 61,00

800 MB (plano para tablets)

1 Mbps

Redução de velocidade para 100 Kbps

-----

R$ 49,90

500 MB

1 Mbps

Redução de velocidade para 100 Kbps

R$ 106,80

R$ 35,00

VIVO 3G FRANQUIA DE DADOS

VELOCIDADE PROMETIDA

FRANQUIA DE TRÁFEGO EXCEDENTE

MINIMODEM

MENSALIDADE

10 GB

1 Mbps

Redução de velocidade para 200 Kbps ou R$ 0,10 por MB

Grátis

R$ 199,90*

5 GB

1 Mbps

Redução de velocidade para 128 Kbps ou R$ 0,10 por MB

Grátis

R$ 119,90*

2 GB

1 Mbps

Redução de velocidade para 128 Kbps ou R$ 0,10 por MB

Grátis

R$ 89,90*

500 GB

1 Mbps

Redução de velocidade para 128 Kbps ou R$ 0,10 por MB

R$ 39,90

R$ 59,90

CLARO FRANQUIA DE DADOS

VELOCIDADE PROMETIDA

FRANQUIA DE TRÁFEGO EXCEDENTE

MINIMODEM

MENSALIDADE

10 GB

1 Mbps

Redução de velocidade para 384 Kbps ou R$ 0,10 por MB

Grátis

R$ 199,90**

5 GB

1 Mbps

Redução de velocidade para 384 Kbps ou R$ 0,10 por MB

Grátis

R$ 119,90**

3 GB

1 Mbps

Redução de velocidade para 256 Kbps ou R$ 0,10 por MB

Grátis

R$ 89,90**

1 GB

1 Mbps

Redução de velocidade para 184 Kbps ou R$ 0,10 por MB

Grátis

R$ 79,90**

* a operadora oferece 50% de desconto sobre este valor em 3 mensalidades

**A operadora oferece 20% de desconto sobre este valor nos 12 primeiros meses

Fique esperto Dicas para evitar algumas armadilhas do 3G

1

Não confie no mapa Uma das reclamações mais comuns é a falta de sinal em lugares “cobertos” pelo plano. Não acredite no vendedor nem no mapa. Muitas vezes, o sinal é oferecido, mas fica encoberto por obstáculos naturais ou físicos.

10

|

2

Conte com os amigos Um motivo para conexão ruim é o grande número de usuários que dependem do sinal da mesma antena. Pergunte sempre para usuários da mesma operadora como é o sinal do 3G na região de vocês.

Windows A Revista Oficial ®

3

Pechinchas Se você precisa usar 3G no notebook ou tablet, não adianta contratar um plano mais barato, mas com muitas limitações na franquia. Você corre o risco de ter um plano inútil para suas necessidades.

4

De olho nos dados Fique atento ao consumo de dados para evitar surpresas na conta. Com um plano de 1 GB, por exemplo, você poderia acessar internet três horas por dia, baixar um vídeo de 700 MB e 10 músicas em MP3. Pouco, não é?

5

Defenda seus direitos Está sem sinal, e a operadora não resolve seu problema? Faça valerem seus direitos e cancele seu contrato exigindo as isenções de valores garantidas por lei. E não deixe de reclamar do mau prestador junto ao Procon.

www.revistawindows.com.br


Especial Guia do 3G Passo a passo Turbine sua internet móvel

A

rede móvel é muito útil quando estamos na rua ou viajando e precisamos mandar um email ou consultar algo na internet. Porém, o 3G não possui as mesmas qualidades que encontramos no conforto de nosso lar com a banda larga fixa, já que as condições da velocidade e qualidade do sinal dependem de alguns fatores externos, como a proximidade com as antenas de transmissão, o clima, a qualidade da tecnologia utilizada pela operadora e o número de usuários usando a mesma rede ao mesmo tempo – além de outros tipos de interferência que prejudicam a conexão. Mas algumas ações simples, feitas por você mesmo, podem ajudar na qualidade do sinal e na economia de dados. Confira algumas ações que você mesmo pode fazer em seu PC ou smartphone.

Configure seu programa de email para baixar somente os cabeçalhos – conjunto de informações que incluem remetente/ destinatário da mensagem. Você baixa o cabeçalho do email e, depois, decide se deseja baixar toda a mensagem ou não.

1

Altere as configurações do seu navegador para que imagens não sejam baixadas ou exibidas automaticamente. No IE9, clique no ícone da roda dentada e acesse Opções da Internet ➜ Multimídia e desmarque a opção Mostrar Imagens.

Nos smartphones, configurar manualmente o APN (Access Point Name) de sua operadora pode melhorar a conexão. Siga pelos caminhos específicos Android (Configurações ➜ Redes ➜ Redes Móveis ➜ Nova APN) ou Windows Phone (Configurações ➜ Rede Celular ➜ Adicionar ponto de Acesso) e digite os dados da tabela ao lado. Espere 20 segundos e confira o resultado. Caso seja necessário, reinicie seu smartphone.

4

Claro Nome Claro APN bandalarga. claro.com.br Usuário claro Senha claro MMC 724 MNC 05

A 4G está pronta para “entrar em campo” A próxima geração de internet móvel já existe em vários países e logo estará no Brasil. Trata-se do 4G, ou 4ª Geração, que possui taxas de transmissão mais elevadas. Em diversos países desenvolvidos, essa rede já é uma realidade e proporciona uma tecnologia muito mais aceitável e útil aos seus usuários do que as praticadas no Brasil. A velocidade da rede atual no Brasil varia, em geral, de 1 a 2 megabytes por segundo (Mbps) no papel, o que já seria um número bastante baixo para uma navegação aceitável, mas sabemos que a velocidade máxima nunca é entregue, o que torna nossa internet ainda pior. Já a próxima geração terá capacidade para operar com até 100 Mbps. Esse aumento de velocidade seria fundamental para absorver o aumento do número de usuários e a quantidade de dados que tramitam na internet. A rede 4G também desafogaria as redes 3G, tornando-as melhor para usuários

www.revistawindows.com.br

Entre no Windows Update e no painel esquerdo, clique em Alterar configurações. Em Atualizações importantes, selecione Procurar atualizações, mas permitir que eu escolha quando baixá-las e instalá-las na lista e clique em OK.

2

3

Oi Nome Oi APN gprs.oi.com.br Usuário oi Senha oi MMC 724 MNC 31

Tim Nome Tim APN tim.br Usuário tim Senha tim MMC 724 MNC 02

A divisão das cotas para o 4G

normais, já que a tendência é que os “heavy users” migrem para redes mais robustas. O tramite A Anatel realizou uma licitação de frequências em 2,5 GHz para a implantação de redes 4G nas zonas urbanas. O objetivo é ter no país uma rede mais eficaz e veloz, principalmente pelos grandes eventos esportivos que acontecerão em breve: a Copa do Mundo em 2014 e os Jogos Olímpicos em 2016. As empresas que adquiriram as cotas e que deverão implantar o sistema nas diversas regiões do Brasil são Vivo, Tim, Claro e Oi. Um novo leilão da faixa de frequência, 700 MHz (usado pelo iPad, por exemplo) acontecerá no futuro, assim como a faixa de 450 MHz, que atenderá a zona rural brasileira. Esses leilões fazem parte das metas a serem cumpridas pelo Plano Nacional de Banda Larga: atender 4.278 cidades até 2014, o ano da Copa.

Vivo Nome Vivo APN zap.vivo.com. br Usuário (sem usuário) Senha (sem senha) MMC 724 MNC 10 Autenticação pap ou chap

RR

AP

AM

MA

PA

CE

AC

PE AL

TO

RO

RN PB

PI

SE BA

MT

GO

Zonas (ou áreas) de atuação 4G

MG

SP PR

A1

Área 1 • Acre • Amapá • Amazonas • Bahia • Maranhão • Pará • Rondônia • Roraima • Tocantins

ES

MS

SC RS

A2

Área 2 • Alagoas • Ceará • Paraíba • Pernambuco • Piauí • R.G. do Norte • Sergipe

A3

RJ

A4

Área 4 • Distrito Federal • Goiás • Mato Grosso • Mato Grosso do Sul • Rio Grande do Sul

Área 3 • Paraná • Santa Catarina • Espírito Santo • Rio de Janeiro

AA

Áreas Avulsas • Minas Gerais • São Paulo

Windows A Revista Oficial | ®

11


matéria