Page 1


Soluções customizadas para empresas O Atendimento Corporativo do Senac desenvolve soluções educacionais inovadoras para aprendizagem no ambiente corporativo. Equipes multidisciplinares propõem produtos personalizados para atender as necessidades do cliente, visando o desenvolvimento de competências nos diferentes níveis de atuação da empresa.

Agende uma visita com um dos nossos consultores.

WORKSHOPS

PALESTRAS

CONSULTORIA

CURSOS DE APERFEIÇOAMENTO

CURSOS DE CAPACITAÇÃO

CURSOS IN COMPANY

SEMINÁRIOS

Mais informações:

4005-1058

www.rn.senac.br

facebook.com/rn.senac twitter.com/senacrn


EXPEDIENTE

sindiCatos filiados sindiCato do ComÉrCio vareJista e de serviços do rn PRESIDENTE:

GEORGE RAMALHO VIEIRA

sindiCato do ComÉrCio ataCadista do estado do rn PRESIDENTE:

SÉRGIO ROBERTO DE MEDEIROS CIRNE

sindiCato do ComÉrCio vareJista de produtos farmaCÊutiCos do rn PRESIDENTE:

LUZIA DIVA CUNHA DUTRA

sindiCato do ComÉrCio vareJista de peças e aCessÓrios para veÍCulos do rn PRESIDENTE:

JACIRATAN DAS GRAÇAS DE AGUIAR RAMOS FILHO

sindiCato do ComÉrCio vareJista de mossorÓ PRESIDENTE:

MICHELSON XIMENES FORMIGA FROTA

sindiCato do ComÉrCio vareJista de CaiCÓ

PRESIDENTE:

PRESIDENTE:

LUIZ ANTONIO BEZERRA LACERDA

CLEIDE NOGUEIRA DE FARIA

sindiCato do ComÉrCio vareJista de nova Cruz

sindiCato do ComÉrCio vareJista de Currais novos

PRESIDENTE:

RAIMUNDO MARTINS DA SILVA

ANTÔNIO FRANCISCO DE OLIVEIRA

MÁRCIO DE OLIVEIRA MACÊDO

PRESIDENTE: FRANCISCO DE ASSIS BARBOSA

sindiCato do ComÉrCio vareJista de maCaÍba

PRESIDENTE:

PRESIDENTE:

sindiCato do ComÉrCio vareJista de assÚ

ITAMAR MANSO MACIEL JÚNIOR

sindiCato dos representantes ComerCiais e das empresas de sindiCato do ComÉrCio vareJista de representação ComerCial no estado do rn são paulo do potenGi PRESIDENTE:

sindiCato do ComÉrCio vareJista de a Cruz

PRESIDENTE: HELDER DE MEDEIROS ARAÚJO

sindiCato do ComÉrCio vareJista de GÊneros alimentÍCios PRESIDENTE: GERALDO PAIVA DOS SANTOS JÚNIOR

A Revista do Sistema é uma publicação do Sistema Fecomércio, Sesc e Senac RN MARCELO FERNANDES DE QUEIROZ Presidente GILBERTO DE ANDRADE COSTA 1º Vice-Presidente LUIZ ANTONIO BEZERRA LACERDA 2º Vice-Presidente JAIR URBANO DE QUEIROZ 3º Vice-Presidente GERALDO PAIVA DOS SANTOS JÚNIOR 4º Vice-Presidente GEORGE RAMALHO VIEIRA 5º Vice-Presidente ITAMAR MANSO MACIEL JÚNIOR 6º Vice-Presidente SERGIO ROBERTO DE MEDEIROS CIRNE 7º Vice-Presidente JOSÉ GERALDO DE MEDEIROS 8º Vice-Presidente ANTÔNIO FRANCISCO DE OLIVEIRA 9º Vice-Presidente FRANCISCO DE ASSIS BARBOSA 10º Vice-Presidente MÁRCIO DE OLIVEIRA MACÊDO 11º Vice-Presidente RAIMUNDO MARTINS DA SILVA 12º Vice-Presidente DIJOSETE VERÍSSIMO DA COSTA 1º Secretário JACIRATAN DAS GRAÇAS DE AGUIAR RAMOS FILHO 2º Secretário JOSÉ DE OLIVEIRA CABRAL FILHO 1º Tesoureiro LUZIA DIVA CUNHA DUTRA 2º Tesoureiro

DIRETORES Efetivos Michelson Ximenes Formiga Frota Helder de Medeiros Araújo Francisco Derneval de Sá Dejalma Lemos da Silva Orismar Carlos de Almeida Daltro Freire de Paiva Francisco Severiano da Cunha Valdemar Anunciato da Silveira José Bezerra de Araújo José de Anchieta Fernandes Renato Alexandre Maciel Gomes Netto Tarcílio Vidal Filho Schiavo Durval Fernandes Álvares

Suplentes Francisco Ney da Cunha José de Paiva Torres Dorian Bezerra de Souza Morais

Suplentes Marcos Augusto da Silva Eduardo de Oliveria Patrício José Zenildo Dias Campos José Carlos Lopes da Silva Albe Garcia de Oliveira Cecílio Francisco Barbosa Neto Eraldo Eudes da Nóbrega Dantas Marcio Pinheiro de Souza Eugênio Rodrigues Lucio Luiz Evânio Nobre Lira

DIRETOR EXECUTIVO Marcus Guedes

CONSELHO FISCAL Efetivos Ronald Gurgel Vicente de Paulo Avelino Sobrinho Sérgio Roberto de Medeiros Freire

DELEGADOS REPRESENTANTES JUNTO À CNC EFETIVOS Marcelo Fernandes de Queiroz Marcantoni Gadelha de Souza SUPLENTES Gilberto de Andrade Costa Luiz Antonio Bezerra Lacerda

ASSESSOR ESPECIAL DA PRESIDÊNCIA Laumir Barrêto ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO DA PRESIDÊNCIA Luciano Kleiber GERENTE ADMINISTRATIVA Inês Martins GERÊNCIA DE COMUNICAÇÃO NÚCLEO SENAC Cristina Felipe

GERÊNCIA DE COMUNICAÇÃO NÚCLEO SESC Lidiane Bezerra DIRETORA REGIONAL SESC RN Jeane Amaral DIRETOR REGIONAL SENAC RN Fernando Virgílio

O Sistema em Revista EDITOR RESPONSÁVEL Luciano Kleiber DIAGRAMAÇÃO E PROJETO GRÁFICO José Carlos Santos FOTOS Moraes Neto/Styll, Kamilo Marinho/Guardalume Fotografia, Ascom Fecomércio e Ascom Senac REPORTAGEM Lívia Aires, Bené da Nóbrega, Kelly Maia, Luana Batista, Amanda Medeiros, Lorena Gurgel, e Virgínia França


SUMÁRIO

32

Finger food desponta como tendência gastronômica

44

Sistema Fecomércio comemora parcerias com visita de comitiva alemã

40

Governador faz balanço dos 100 dias Empresários e lideranças políticas, participaram de encontro promovido pela entidade durante almoço no mês de abril

53

Camarão crocante com Guacamole Confira receita do instrutor de gastronomia do Senac, Rodrigo Santana.

10

Luta da Fecomércio RN, ICMS menor para o querosene de aviação já é realidade

42

Senac disponibilizará 9 mil vagas na área de Turismo este ano Anúncio do estoque de vagas para 2015 foi feito durante a Feira dos Municípios e Produtos Turísticos, da qual entidade foi parceira

14

Uma semana dedicada ao trabalhador


CARO LEITOR

uma proGramação Com Cara de alemanHa Nesta edição da nossa Revista do Sistema que lhe chega às mãos, temos como destaque a recepção que fizemos à comitiva de cerca de 40 autoridades e empresários alemães, do estado da Renânia Palatinado, que nos visitou no mês de abril. Atendendo a um dos compromissos que assumimos com eles quando lá estivemos, em setembro do ano passado, realizamos, dentro da extensa programação oferecida, uma rodada de negócios entre produtores alemães de vinho e potenciais importadores e compradores da bebida. A intenção é que sejam fechadas parcerias comerciais que ampliem ainda mais a já estreita par-

ceria que mantemos com aquele estado alemão. Também promovemos um workshop no qual representantes da Dehoga (o equivalente deles à nossa ABIH) expuseram as estratégias e formatos de exploração turística que eles utilizam lá, com sucesso, há centenas de anos. Ficamos com a clara sensação de que temos muito a aprender com nossos irmãos europeus. Já no final da programação, levamos a comitiva ao belíssimo Parque da Cidade de Natal, onde, em parceria com a Prefeitura, apresentamos cinco das nossas seis unidades móveis, destacando seu trabalho de interiorização e democratização de oportunidades, nas áreas de saúde, qualificação e capacitação profissional. Finalizamos a programação com um jantar para toda a comitiva, no qual ainda apresentamos um pouco da nossa rica cultura aos convidados, que saíram encantados. Que sejam sempre muito bem vindos! Sucesso e vida longa à parceria. Boa Leitura!

Finalizamos a programação com um jantar para toda a comitiva, no qual ainda apresentamos um pouco da nossa rica cultura aos convidados, que saíram encantados. Que sejam sempre muito bem vindos! Sucesso e vida longa à parceria MARCELO FERNANDES DE QUEIROZ Presidente do Sistema Fecomércio RN

5


TREINANDO

Entre 2012 e 2014, foram mais de 5.100 matrículas realizadas nas cidades de Natal, Parnamirim, Caicó, Assú e Mossoró

P

ara os jovens que buscam oportunidade para entrar no mercado de trabalho, o Sistema Fecomércio RN, por meio do Senac, disponibiliza o Programa de Aprendizagem Profissional Comercial. Entre os anos de 2012 e 2014, mais de 5.100 matrículas foram realizadas, beneficiando a população dos municípios de Natal, Parnamirim, Caicó, Assú e Mossoró. De acordo com a Lei da Aprendizagem, todas as empresas de 6

qualquer natureza que tenham pelo menos sete empregados devem contratar adolescentes e jovens entre 14 e 24 anos, com o objetivo de incluir, capacitar e promover o desenvolvimento profissional desse público. O diretor regional do Senac, Fernando Virgílio, explicou que, dessa forma, o Programa de Aprendizagem Profissional Comercial executado pelo Senac é voltado para a preparação e inserção de jo-


SEI QUE TENHO MUITO A APRENDER E QUERO AMPLIAR AS CHANCES DE CONQUISTAR UMA VAGA NO MERCADO DE TRABALHO. PARA QUEM NÃO TEM EXPERIÊNCIA, O CONHECIMENTO É O PRINCIPAL CAMINHO”

Raffael Henrique

Aluno do curso de Vendas e Telemarketing

vens no mundo do trabalho, a partir da oferta gratuita de cursos de capacitação, em áreas do comércio de bens, serviços e turismo. “Essa oferta materializa a missão da instituição. Para 2015, nossa previsão é realizar mais 1.650 matrículas no estado”, reforçou ele. As empresas dos setores do comércio de bens, serviços e turismo recrutam e selecionam o aprendiz, que são encaminhados para qualificação no Senac. No Senac, os aprendizes têm 8h/aulas semanais, enquanto na empresa devem ser cumpridas 20 horas de trabalho, por semana. Os cursos têm cerca de um ano de duração. A aluna do curso Serviços de Supermercado, Crislane Fernandes, afirmou que a capacitação contribui para o desenvolvimento das atividades de forma correta. “O programa tem sido uma luz. Ao mesmo tempo em que estudo, coloco em prática o que aprendo”, disse a estudante que atua na empresa Nordestão. Moradora do bairro Lagoa Azul, Zona Norte de Natal, aos 16 anos, Crislane reconhece a importância da qualificação profissional: “quando terminar este curso, vou procurar outras especializações. Quero estar preparada para quando surgir uma chance de crescimento”. Além do curso, o empregador se compromete a assegurar ao inscrito no Programa de Aprendizagem Profissional Comercial o vale transporte para deslocamento ao Senac e à empresa; uma remuneração mensal calculada com base no salário mínimo e na quantidade de horas trabalhadas; bem como o registro na carteira de trabalho. Antônio Victor de Medeiros tem 19 anos e buscava se inserir no mercado de trabalho. “Não tinha experiência profissional. Por isso, nunca fui chamado nos processos em que

concorria. O Programa de Aprendizagem abriu as portas para o meu primeiro emprego”, contou o morador do município de Macaíba. Atualmente, ele trabalha no Centro de Distribuição da empresa Riachuelo. “Hoje, vejo que o conhecimento é o mais importante na vida de uma pessoa. O curso de Serviços Administrativos me fez sair do zero. Quero continuar crescendo e chegar ao dez”, afirmou Antônio Victor. A expectativa do aluno do curso de Vendas e Telemarketing, Raffael Henrique Oliveira, também é grande. Com apenas 16 anos, ele começou no Programa em abril. “Sei que tenho muito a aprender e quero ampliar as chances de conquistar uma vaga no mercado de trabalho. Para quem não tem experiência, o conhecimento é o principal caminho”. Além dos conhecimentos teóricos e práticos adquiridos nos cursos, os jovens participam de atividades extras e são estimulados a desenvolver autoestima, criatividade, cidadania, responsabilidade e ética. Desde sua criação, em 2002, o Programa de Aprendizagem vem se modificando para acompanhar as mudanças ocorridas nas leis do trabalho e da educação e, também, no mercado. O presidente do Sistema Fecomércio RN, Marcelo Fernandes de Queiroz, destacou que a aprendizagem cria oportunidades tanto para o aprendiz quanto para as empresas, pois prepara o jovem para desempenhar atividades profissionais e ter capacidade de discernimento para lidar com diferentes situações no mundo do trabalho e, ao mesmo tempo, permite às empresas formarem mão-de-obra qualificada, cada vez mais necessária em um cenário econômico em permanente evolução tecnológica.

7


Aluna do curso Serviços de Supermercado, Crislane Fernandes

“A formação técnico-profissional de adolescentes e jovens amplia as possibilidades de inserção no mercado de trabalho e torna mais promissor o futuro da nova geração. O empresário, por sua vez, além de cumprir sua função social, contribui para a formação de um profissional mais capacitado para as atuais exigências do mercado de trabalho e com visão mais ampla da própria sociedade”, avaliou Marcelo Queiroz. COMO PARTICIPAR Para participar, o candidato precisa ser encaminhado ao Senac pela empresa contratante, que dispõe de total liberdade para selecionar o aprendiz. Os principais 8

pré-requisitos para os interessados é que tenham entre 14 e 24 anos e estejam cursando ou concluído o ensino fundamental ou médio. Caso o aprendiz seja pessoa com deficiência, não tem limite máximo de idade para a contratação. Podem ser parceiros do Senac todas as empresas de qualquer natureza que tenham pelo menos sete empregados, as quais são obrigadas a contratar aprendizes com o percentual exigido por lei. Atualmente, são 924 empresas parceiras do Senac na aprendizagem no Rio Grande do Norte. Outras informações podem ser obtidas pelo site www. rn.senac.br ou através do telefone (84) 4005-1000.


NÃO TINHA EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL. POR ISSO, NUNCA FUI CHAMADO NOS PROCESSOS EM QUE CONCORRIA. O PROGRAMA DE APRENDIZAGEM ABRIU AS PORTAS PARA O MEU PRIMEIRO EMPREGO”

Antônio Victor Aluno

Cursos oferecidos • Aprendizagem Profissional Comercial em Serviços Administrativos; • Aprendizagem profissional Comercial em Serviços de Supermercados; • Aprendizagem Profissional Comercial em Serviços de Atendimento em Postos de Combustíveis; • Aprendizagem Profissional Comercial em Serviços Hoteleiros; • Aprendizagem Profissional Comercial em Serviços de Vendas; • Aprendizagem Profissional Comercial em Serviços de Restaurantes e Bar.

9


TURISMO

luta da feComÉrCio rn, iCms menor para o Querosene de aviação Já É realidade Novas alíquotas passaram a valer no início de abril e começam a render frutos para o turismo e a economia do estado como um todo

A

pós aproximadamente dois anos de uma luta encampada pela Federação do Comércio Rio Grande do Norte em conjunto com o trade turístico do estado, a redução do ICMS sobre o querosene de aviação no RN finalmente virou uma realidade. No início de abril, a alíquota do imposto passou de 17% para 12%, e já começa a render frutos para o turismo e a economia potiguares. “A Fecomércio defende esta bandeira desde o início, como forma de estimular o nosso setor turístico e até mesmo de ser um diferencial para o aeroporto de São Gonçalo do Amarante. Chega-

10

mos, inclusive, a incluir este pleito em um documento que entregamos no ano passado ao então candidato ao governo, Robinson Faria”, afirmou Marcelo Queiroz. Durante a entrega desse documento, o hoje governador, ao lado dos representantes dos 14 sindicatos, diretores da Fecomércio e empresários, havia falado sobre as prioridades que seriam dadas ao Turismo, enfatizando que na sua gestão iria “reduzir a alíquota do ICMS e ampliar a divulgação do destino RN no país e no mercado internacional”, o que tem sido um esforço gradativo em seus primeiros meses de governo.


11


A redução já vigora e vem refletindo no número e frequência de voos que têm como destino o Aeroporto de São Gonçalo do Amarante. Alguns novos trechos, inclusive, já foram confirmados por companhias aéreas que operam no RN, entre eles estão os voos comerciais Mossoró/Recife – que passará a operar tão logo a Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) libere o Aeroporto Dix-Sept Rosado –, Belo Horizonte/Natal e Bueno Aires/Natal, além do voo fretado Campinas-Natal-Campinas. Outras solicitações foram feitas para que seja ampliada a quantidade de voos nacionais – vindos de São José do Rio Preto-SP, Ribeirão Preto-SP, Uberlânida-MG e Curitiba-PR – e internacionais – oriundos de Estocolmo (Suécia) e Milão (Itália), na Europa – até dezembro deste ano. Ainda durante a solenidade da assinatura do Decreto, o governador Robinson Faria aproveitou para reforçar, junto às companhias aéreas presentes, a solicitação para que ampliem a malha aérea no RN, tanto de voos entre os estados brasileiros como também voos de outros países: “temos a oportunidade de receber voos internacionais, para Bogotá, Miami, Buenos Aires e Santiago. O benefício fiscal poderá, inclusive, ser ampliado para as empresas que trouxerem mais voos internacionais e domésticos para o nosso estado”, explicou Faria. O governo do Estado espera que, com a mudança tributária, as companhias aéreas passem a realizar aqui o abastecimento integral das aeronaves. Outro ponto importante é que a alíquota de 17% de ICMS onerava o valor dos bilhetes aéreos para o RN em até 40%, prejudicando severamen-

12

te a vinda de turistas ao destino potiguar. O titular da Secretaria do Estado de Turismo (Setur), Ruy Gaspar, garantiu que o Estado irá lucrar com a redução. “Este é um marco histórico para o Rio Grande do Norte”, disse. A atitude do governador do Estado também foi considerada bastante positiva para o presidente do Consórcio Inframérica, Alysson Paolinelli, que administra o aeroporto Internacional Governador Aluizio Alves, em São Gonçalo do Amarante, e acompanhou de perto a busca pela redução do imposto feita por Robinson Faria. “O Rio Grande do Norte estava ficando para trás. Estamos preparados para receber até seis milhões de passageiros com investimentos mínimos e também queremos, a partir da redução, aumentar a movimentação de cargas no terminal”, disse ele. Brasília e Fortaleza já contam com a redução do ICMS do querosene de aviação nesses estados a mudança tributária foi implementada desde o ano de 2013. Recentemente os estados de Roraima e do Maranhão também passaram a tratar de uma possível redução do ICMS para o QAV em seus territórios.

O GOVERNO DO ESTADO ESPERA QUE, COM A MUDANÇA TRIBUTÁRIA, AS COMPANHIAS AÉREAS PASSEM A REALIZAR AQUI O ABASTECIMENTO INTEGRAL DAS AERONAVES. OUTRO PONTO IMPORTANTE É QUE A ALÍQUOTA DE 17% DE ICMS ONERAVA O VALOR DOS BILHETES AÉREOS PARA O RN EM ATÉ 40%, PREJUDICANDO SEVERAMENTE A VINDA DE TURISTAS AO DESTINO POTIGUAR.


Governador Robinson Faria assina Decreto que reduz ICMS: resgatando compromisso

Obras de acesso ao Aeroporto de São Gonçalo do Amarante O aeroporto Governador Aluízio Alves, localizado em São Gonçalo do Amarante, foi o primeiro a ser construído pela iniciativa privada no Brasil. Começou a operar em 31 de maio de 2014, data estratégica para receber turistas que vieram ao estado devido a jogos da Copa do Mundo. As obras que se arrastavam por mais de 10 anos foram retomadas após leilão realizado em 2011 e vencido pelo consórcio Inframérica, que deverá administrar

o aeroporto por 28 anos. Dos dois acessos previstos – Norte e Sul –, somente um foi liberado, o que faz a ligação com a Zona Norte da Capital e o litoral norte do RN. O segundo acesso, que tem 17 quilômetros de extensão e ligará o aeroporto à BR 304, na altura de Macaíba, e deste ponto à BR 101, deverá ter suas obras retomadas em breve. Na cerimônia de assinatura do decreto de redução do ICMS do querosene de aviação, Robinson Faria prometeu que até o final de 2015 todas as obras de acesso ao aeroporto serão entregues e que a verba publicitária estadual será utilizada para atrair turistas brasileiros e estrangeiros. 13


1ยบ DE MAIO

uma semana dediCada

ao trabalHador Em 2015, Sesc RN comemora a data com a Semana do Comerciรกrio. Eventos gratuitos de diversas รกreas foram realizados em Natal, Mossorรณ e Caicรณ

14


E

m 2015, o Sesc RN não comemorou o Dia do Trabalhador (01/05) num só dia: separou uma semana inteira para celebrar a data junto ao seu público preferencial, o comerciário potiguar. A Semana do Comerciário aconteceu de 25/04 a 01/05 em Natal, Mossoró e Caicó. Esportes, saúde, lazer e cultura foram as áreas contempladas pela programação totalmente gratuita. O destaque e uma das novidades deste ano foi a visita de uma equipe multifuncional do Sesc RN às empresas. A ideia foi levar os serviços de excelência oferecidos pela instituição à rotina de trabalho do comerciário, de modo a proporcionar qualidade de vida a eles neste ambiente. As empresas agendavam uma data e escolhiam o pacote de serviços que desejavam receber. Entre as opções, foram disponibilizadas ginástica laboral, sessões do CineSesc, exposições artísticas, palestras sobre saúde e orientações nutricionais. Na capital potiguar, as empresas interessadas se cadastravam no site do Sesc RN, e, em Mossoró e Caicó, representantes da instituição iam até as empresas concluir os cadastros. A Semana do Comerciário nas empresas aconteceu de 27 a 30/04. Outra ação inédita foi a Blitz no Alecrim, realizada durante uma manhã inteira na praça onde está localizado o famoso relógio do bairro natalense. Jogos de mesa, pintura livre, apresentações de

JOGOS DE MESA, PINTURA LIVRE, APRESENTAÇÕES DE MAMULENGOS, MÁGICOS E CIRCENSES, ORIENTAÇÕES NUTRICIONAIS E EM SAÚDE, ALÉM DE SHOW DE FORRÓ, FIZERAM PARTE DAS ATRAÇÕES.

mamulengos, mágicos e circenses, orientações nutricionais e em saúde, além de show de forró, fizeram parte das atrações. O Sesc Ponta Negra também ofereceu programação no domingo (26/04), com caminhada e recreação. No último dia de abril, o projeto musical Terraço do Relógio, que acontece todas as sextas-feiras no Sesc Centro, em Natal, fez uma programação especial para comemorar o Dia do Trabalhador, com direito a dança de salão e show de Dudu Galvão e a D’jazz Band. 1º DE MAIO A Semana do Comerciário disponibilizou diversas atividades também no Dia do Trabalhador (01/05). Uma delas foi a 6ª Corrida do Comerciário, tradicional corrida de rua realizada pelo Sesc RN em Natal. Este ano, a competição evidenciou o tema “sustentabilidade”, aliando atividade física à preservação ambiental. Com o tema “Ser sustentável é ser saudável. Eu corro por esta causa!”, a Corrida do Comerciário trouxe diversas ações que jogaram luz sobre a questão ambiental, como a entrega de kits do atleta feitos de materiais recicláveis e mensagens sobre sustentabilidade nas camisetas e em painéis espalhados pelo trajeto. Foram oferecidas 1.600 vagas para adultos e 200 para a categoria infantil. As inscrições inicialmente foram abertas exclusivamente para comerciários, e depois se estenderam à categoria comunidade. Ainda no 1º de maio, as unidades Sesc de Ponta Negra, Mossoró e Caicó ofereceram, pela manhã e tarde do feriado, programações gratuitas, com torneios esportivos, serviços de saúde, oficinas, recreação infantil e atividades culturais, além de toda a estrutura dos parques aquáticos e restaurantes.

15


INFORMÁTICA

senaC e miCrosoft ofereCem CapaCitação Gratuita Students to Business é oportunidade inédita para jovens potiguares na área de informática

P

ela primeira vez, estudantes do Rio Grande do Norte terão a oportunidade de participar do Students to Business (S2B). Realizado em parceria com o Senac Rio 16

Grande do Norte, o programa da Microsoft objetiva capacitar gratuitamente os interessados no mercado de trabalho no setor de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC).


No total, mais de 500 pessoas se inscreveram para concorrer às vagas do treinamento. A primeira etapa, realizada no dia 25 de abril, no auditório do SESC Centro, contou com aulão e prova eliminatória. O gerente de Prospecção e Inovação Educacional do Senac, Fernando Oliveira, explica que o S2B é dividido em três etapas eliminatórias, totalizando 84 horas de curso em tecnologias da Microsoft. “Os alunos podem se capacitar em soluções Microsoft nas áreas de Infraestrutura de TI e Desenvolvimento de Softwares”, informou. Ao longo do mês de maio, as aulas estão sendo realizadas no Senac Alecrim, em Natal. Durante o programa, os estudantes passam por etapas de capacitação e eliminação. Aqueles que conseguirem chegar até a etapa final, que con-

siste na apresentação de um projeto, terão seus currículos disponíveis em um banco de talentos para empresas de TI. “Os demais participantes poderão baixar softwares da Microsoft, gratuitamente, com licença de seis meses, para dar continuidade à prática do conteúdo aprendido utilizando o computador pessoal”, destaca Fernando Oliveira. Realizado no Brasil desde 2007, o programa da Microsoft responde a necessidade do mercado de tecnologia por formação de mão de obra, com capacitação de jovens em curto espaço de tempo. Até o momento, já foram capacitadas mais de 100 mil pessoas em todo o Brasil, dos quais mais de 10.000 profissionais foram incorporados imediatamente no mercado de trabalho, de acordo com a Microsoft.

17


CULTURA

Com investimento de r$ 3 milHÕes, espetáCulos CirCularão por 15 Cidades Programação gratuita é aposta na democratização do acesso às artes, acontece até dezembro e está disponível no sescrn.com.br

18


O

s 34 projetos culturais realizados pelo Serviço Social do Comércio do Rio Grande do Norte (Sesc RN) percorrerão 15 municípios potiguares este ano. As artes cênicas, visuais, a literatura, a música e o audiovisual são destaques na programação. Para divulgar as ações, o Sistema Fecomércio reuniu a imprensa da capital e do interior, artistas e autoridades em evento que aconteceu na sede da instituição no dia 14 de abril. Com a música da Bossa & Jazz Street Band o evento teve início, logo em seguida teve a apresentação do Coletivo Entrelaça, e um café da manhã. “2015 não é um ano. É um espaço. Preenchidos pelo Sesc com múltiplas linguagens em uma só área: cultura. Para que os potiguares de todo o estado leiam, vejam, ouçam e se encantem. Isso o Sesc faz bem. É isso que o Sesc vai fazer”, explicou o Coletivo sobre as várias linguagens culturais. “Tenho certeza que a programação será um incentivo para a disseminação da produção dos talentos potiguares além da formação de plateia e enriquecimento cultural dos comerciários e dependentes. Ao longo de 2015

investiremos R$3 milhões em 34 projetos que vão viajar 15 cidades do RN, demonstrando a democratização das nossas ações”, garantiu o presidente do Sistema Fecomércio, Marcelo Queiroz. Nas artes cênicas, este ano o Sesc realiza um circuito inédito no Brasil e no Rio Grande do Norte, o Circuito Sesc das Artes Cênicas Potiguar. O projeto A escola vai ao cinema também ganhou força ao determinar dias exclusivos para receber as escolas potiguares. Outra novidade importante na área de cultura foi o edital da Galeria Sesc Restaurante 2015, que há 22 anos abre espaço para exposição de obras de artistas locais e pela primeira vez recebeu inscrições através de um edital. “A cada ano buscamos contemplar as variadas expressões artísticas do nosso estado. Neste ano, apresentamos duas novidades - a Mostra Sesc de Cinema Potiguar, que proporcionará uma maior visibilidade à produção potiguar, e a Galeria Sesc, com exposições de artistas do Rio Grande do Norte. Esperamos que todos aproveitem e prestigiem o que planejamos para 2015”, explica a diretora regional do Sesc RN, Jeane Amaral.

19


Circuito inédito nas artes cênicas potiguar Um dos principais projetos culturais do Sesc, o Circuito Sesc das Artes Cênicas Potiguar começou a ser idealizado em 2013. Uma das mentes que participou do período de construção do edital foi o atual presidente da Fundação José Augusto (FJA), o artista Rodrigo Bico. “O resultado foi satisfatório. A partir dele é possível avaliar o que pode melhorar. O saldo final deve ser muito positivo e apontar novos caminhos para o fortalecimento das artes cênicas do RN”, garantiu Bico. O presidente da FJA destacou o fato de o edital ter premiado grupos de vários municípios como Natal, Mossoró, Parnamirim e Caicó, e também a importância da circulação dos espetáculos em nove cidades do RN. “Haverá um importante intercâmbio entre os municípios e grupos de localidades diferentes”, concluiu. Dos 23 projetos inscritos, foram selecionados “Memórias do Alecrim”, de Álvaro Dantas (Natal); “Por que Paris?”, do Grupo Carmin (Natal); “Meninas”, da Sílabas C. de Dança (Parnamirim); “Dois”, da Cia A Máscara de Teatro (Mossoró); e “P’s”, da União do Sobrado (Caicó).

20

“O Sesc quando entra nessa luta com a gente dá um fôlego diferente pro teatro. Estamos surgindo para levar a luta avante. O primeiro passo é um pontapé”, disse satisfeita Antônia Lúcia da Silva, da Cia A Máscara de Teatro de Mossoró. Cada um dos cinco projetos contemplados recebeu um auxílio no valor de R$ 30 mil, totalizando R$ 150 mil. Além desse suporte, o Sesc também custeia os valores relativos à produção da apresentação em cada cidade. Somado, o investimento nas artes cênicas potiguares chega aos R$ 300 mil, que garantirá verba para montagem e circulação de espetáculos por todo o estado. A previsão é de que cada grupo realize cinco apresentações em nove cidades potiguares entre agosto e dezembro deste ano, totalizando 25 apresentações. O Sesc RN é o primeiro Sesc do Brasil a realizar esse tipo de projeto. “As cidades conhecerão o edital e isso será um incentivo para os demais grupos. Queremos parabenizar o Sesc pelo investimento na cultura e por debater com a classe artística”, ressaltou a atriz Quitéria Kelly, do grupo Carmin. Para Alexandre Muniz, do grupo União do Sobrado de Caicó, um dos pontos fortes do edital é o fato de ele oportunizar a integração com outros grupos e diminuir a dificuldade que os grupos do interior têm, através do investimento para que os espetáculos possam acontecer.

AS CIDADES CONHECERÃO O EDITAL E ISSO SERÁ UM INCENTIVO PARA OS DEMAIS GRUPOS. QUEREMOS PARABENIZAR O SESC PELO INVESTIMENTO NA CULTURA E POR DEBATER COM A CLASSE ARTÍSTICA”

Quitéria Kelly Atriz


Abertura do Palco Giratório em Brasília: Marcelo Queiroz (1º da esq para a dir) é recebido pelo presidente da Fecomércio DF, Adelmir Santana (de gravata vermelha)

Espetáculo Proibido Elefantes abre Palco Giratório em Brasília

Palco Giratório: 11 apresentações em 7 cidades do RN De abril a outubro, serão realizadas 11 apresentações teatrais gratuitas em Natal, Caicó, Mossoró, São Paulo do Potengi, São Gonçalo do Amarante, Assú e Currais Novos. Integram o circuito 2015 no RN os espetáculos Criaturas de Papel (CE), O Descotidiano (SP), Plural (GO), Nina, O Monstro e o Coração Perdido (RS) e Boi de Piranha (RO). O espetáculo “Antes da Chuva” (RJ), da companhia Cortejo, abriu a temporada do maior projeto de intercâmbio e difusão das artes cênicas do Brasil, no Teatro de Cultura Popular (TCP) em Natal, no mês de abril. A entrada dos espetáculos se dá mediante a doação de 2 kg de alimentos não perecíveis. “O Palco Giratório é uma das nossas atividades culturais mais importantes, porque promove o intercâmbio artístico entre grupos locais e outros de várias partes do país. Além de estimularmos a formação de plateia, com o Palco nós damos um apoio enorme aos artistas locais, que ganham a oportunidade de se apresentar em outros estados e de aprender novas técnicas e modos de trabalho”, explica o presi-

dente do Sistema Fecomércio RN, Marcelo Queiroz. Além dos seis espetáculos nacionais, fazem parte do projeto mais três espetáculos de grupos locais. Também serão realizadas 62 horas de oficinas, três intercâmbios - troca de experiências entre um grupo visitante e um local -, e um pensamento giratório - bate papo entre grupo visitante e plateia-, intermediada por um profissional da área. As formas animadas do espetáculo Plural (GO) e as marionetes de Criaturas de Papel (CE) ganham destaque por trazerem novas linguagens ao Circuito Palco Giratório 2015. As apresentações vêm acompanhadas das respectivas oficinas com o objetivo de discutir, difundir e estimular a produção dessa linguagem, quase que inexistente na produção local. “Este ano temos dois grupos potiguares fazendo parte do Circuito e percorrendo os estados brasileiros nos representando, o que é motivo redobrado de orgulho para o Sesc. O Palco Giratório é um dos seis projetos culturais voltados para as artes cênicas que realizamos e o único a nível nacional. Através dele conseguimos levar o teatro a quem nunca teve acesso e também promover nacionalmente a cultura do nosso estado”, comemora a diretora do Sesc RN, Jeane Amaral. 21


Espetáculo Criaturas de Papel (CE)

Boi de Piranha (RO)

O espetáculo “Proibido Elefantes”, do grupo Gira Dança

Grupos do RN no Circuito 2015 Os espetáculos “Proibido Elefantes”, do grupo Gira Dança e “Guerra, formigas e palhaços”, do grupo Estação de Teatro, serão apresentados em quase todos os estados brasileiros, totalizando cerca de 40 apresentações cada grupo. Desde 2006, quando o Clowns de Shakespeare se apresentou pelo 22

Grupo Clareira de Teatro (RS)

Palco Giratório, nenhum grupo potiguar havia circulado pelo projeto. O espetáculo “Proibido Elefantes”, do grupo Gira Dança também foi selecionado para o lançamento oficial do Palco, que aconteceu no mês de março, na cidade de Brasília. Além dos espetáculos selecionados, os dois grupos levarão no repertório “Sobre todas as coisas” (Gira Dança) e a peça infantil “Estação dos Contos” (Estação de Teatro).

Cia. Cortejo (RJ)


A ESCOLA VAI AO CINEMA PERMEIA A EDUCAÇÃO NÃO SÓ PELO ENTRETENIMENTO, MAS TAMBÉM PELO ENVOLVIMENTO COM A ARTE E A EDUCAÇÃO ATRAVÉS DA 7ª ARTE” Daniel Rezende Coordenador de Cultura do Sesc

Projeto A escola vai ao cinema Os filmes são grandes aliados do professor para apresentar ou aprofundar temas. Pensando nisso, o CineSesc disponibiliza seis espaços para exibição gratuita de filmes que não entram nos circuitos comerciais. Os alunos das escolas potiguares terão acesso as produções cinematográficas diferenciadas. História, política, sociedade, cultura e outros temas são abordados tanto na telona quanto fora dela, por meio de oficinas, mostras e palestras. Um catálogo com mais de 80 filmes de nacionalidades diversas está disponível no site do Sesc, abordando os mais variados gêneros: documentário, drama, terror, comédia, suspense, ficção científica, romance e aventura. A classificação indicativa varia de livre a 16 anos. Alguns dos filmes disponíveis são A família Addams I, Macbeth, O dia que durou 21 anos, Românticos Anônimos, Medianeras, A última gargalhada e também os clássicos curtas de Charles Chaplin. Para o Coordenador de Cultura do Sesc, Daniel Rezende, o projeto está em perfeita sintonia com a visão e missão da instituição. “A escola vai ao cinema permeia a educação não só pelo entre-

tenimento, mas também pelo envolvimento com a arte e a educação através da 7ª arte. A proposta do Sesc na área de cinema começa desde o cuidado com o que está sendo exibido, especialmente em se tratando de escolas, onde o público terá ganhos na formação de indivíduo e em suas reflexões no papel de cada um na sociedade”, argumentou Rezende. Cada unidade Sesc reservou de um a dois dias na semana, de acordo com a rotina de cada espaço de exibição, para receber as escolas. É possível agendar, para após a sessão, um bate-papo com o técnico de cultura da unidade sobre cinema e sobre a temática do filme. “O cinema é uma ferramenta de auxílio no aprendizado e também é uma arte que pode gerar reflexões sobre o meio em que esses estudantes estão inseridos e os colocar em contato com novos modos de pensar”, avaliou o técnico em Cultura do Sesc, Augusto Araújo. Os agendamentos podem ser feitos pelo email culturasescrn@gmail.com, com no mínimo 30 dias de antecedência da data desejada. As unidades Sesc que realizam as sessões são: Sesc Restaurante, em Natal, Macaíba, Nova Cruz, São Paulo do Potengi, Caicó e Mossoró. Três salas são de cinema e três são de multiuso totalmente adaptadas para a atividade proposta, com uma média de 40 lugares.

23


EM BRASÍLIA

marCelo Queiroz reÚne empresários, banCada federal e ministro do rn na sede da CnC Evento teve como foco apresentar o trabalho parlamentar feito pela CNC, que acompanha os temas de interesse do setor de Comércio, Serviços e Turismo no Congresso Nacional 24


Da esq. para a dir.: Alexandre Sampaio (presidente da FNHRBS), Gil Siuffo (vicepresidente Financeiro da CNC), ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves (PMDB), senador José Agripino Maia (DEM), Marcelo Queiroz, senadora Fátima Bezerra (PT), suplente da senadora, Jean-Paul Prates, deputada federal Zenaide Maia (PR), deputado federal e coordenador da bancada potiguar no Congresso, Felipe Maia (DEM), senador Garibaldi Filho (PMDB) e deputados federais Walter Alves (PMDB) e Rafael Motta (PROS): autoridades em sintonia com o Sistema Fecomércio RN

O

presidente do Sistema Fecomércio RN, Marcelo Fernandes de Queiroz, reuniu em almoço no dia 29 de abril, na sede da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), um grupo de empresários potiguares e diretores da Fecomércio RN, seis dos oito deputados federais, os três senadores da bancada federal potiguar, e o ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves (PMDB). O encontro, do qual também participaram o vice-presidente Financeiro da CNC, Luiz Gil Siuffo, e representantes da Assessoria Parlamentar (Apel) da entidade, teve como objetivo apresentar o trabalho de acompanhamento dos principais temas de interesse do setor de Comércio, Serviços e Turismo do Bra-

sil, realizado pela Confederação junto ao Congresso Nacional. “Nossa intenção com este evento é aproximar ainda mais a bancada potiguar dos assuntos de maior relevância, que mexem com o dia a dia do nosso setor, o qual é o maior empregador e tem grande peso no contexto econômico do RN e até do país como um todo. A ideia foi mostrar aos parlamentares que, quando nós defendemos um posicionamento acerca de determinado projeto ou tema que possa impactar direta ou indiretamente nas nossas empresas, estamos colocando em debate todo o nosso potencial de geração de emprego e renda. Além disso, lembramos também do grandioso trabalho que realizamos, que é o apoio aos comerciários nas áreas de saúde, 25


Marcelo Queiroz apresenta números da atuação do Sistema no RN

educação, esportes, lazer, cultura, qualificação e capacitação de mão de obra. Defender o setor de comércio, serviços e turismo, garantir sua viabilidade e sua manutenção, é defender, no caso do Rio Grande do Norte, quase 300 mil empregos formais, milhões de reais em impostos e também todo este trabalho que fazemos com o Sistema Fecomércio”, explicou o presidente Marcelo Queiroz. O presidente da Federação também agradeceu à presença maciça dos parlamentares e do ministro do Turismo. “Conseguimos quase toda a nossa bancada e um ministro de Estado. Tenho certeza de que todos estiveram aqui por entender a importância não só do nosso trabalho com o Sistema Fecomércio, mas, também, do setor de Comércio, Serviços e Turismo potiguar para toda a economia. É uma relação de respeito mútuo que queremos preservar e ampliar”, pontuou ele.

26

“A CNC é uma Casa que sempre primou pelo respeito e pela guarda dos princípios da democracia. Criar, manter e fortalecer relacionamentos abertos e francos de diálogo com os parlamentares de todos os estados é fundamental para nosso trabalho, e hoje, graças ao prestígio do presidente Marcelo Queiroz, que conseguiu trazer até aqui três senadores, cinco deputados federais e um ministro de Estado, estamos muito honrados”, afirmou Gil Siuffo. O coordenador da bancada federal potiguar no Congresso, deputado Felipe Maia (DEM), fez questão de registrar que não hesitou em trabalhar em conjunto com a Fecomércio para viabilizar o encontro. “Este tipo de relacionamento é importante para que possamos ter um conhecimento mais amplo do trabalho de instituições como a Fecomércio. Desta forma, teremos a real noção da relevância de uma ou outra deci-


Ministro Henrique Eduardo Alves fala da parceria do Ministério com o turismo potiguar

são que impacte sobre este setor. E entendemos que os impactos não se dão apenas no setor, mas em toda a sociedade potiguar e brasileira”, disse Felipe. O ministro do Turismo, Henrique Alves, ressaltou a importância da proximidade com os empresários do Comércio, Serviços e Turismo. “A atividade turística tem uma importância enorme na economia nacional, mas ainda tem potencial para crescer muito, e isso em todo o país. Em nosso estado não é diferente, e, como potiguar, estando no Ministério, pretendo levar adiante este entendimento e empreender todas as ações necessárias para isso. Contar com a parceria do empresariado, com sua participação e com o conhecimento do setor que eles têm, é indispensável”, disse Henrique Alves. Participaram do almoço, além de Marcelo Queiroz, do ministro Henrique Alves e do vice-presidente da CNC, Gil Siuffo, os em-

presários Gilberto Costa (vice-presidente da Fecomércio RN); Luiz Antonio Lacerda (vice-presidente da Fecomércio); Marcantoni Gadelha (diretor da Fecomércio e da rede de lojas Armazém Pará); Manoel Etelvino (Grupo Nordestão) e o vice-presidente da CNC e deputado federal Laércio Oliveira (Solidariedade). Da bancada potiguar, participaram os senadores Garibaldi Alves Filho (PMDB), José Agripino (DEM) e Fátima Bezerra (PT); além dos deputados federais Felipe Maia (DEM), Rafael Motta (PROS), Antônio Jácome (PMN), Walter Alves (PMDB), Betinho Rosado Segundo (PP) e Zenaide Maia (PR). O primeiro suplente da senadora Fátima Bezerra, Jean-Paul Prates também esteve presente. Os deputados Rogério Marinho (PSDB) e Fábio Faria (PSD) justificaram a ausência em virtude de outros compromissos já agendados para a mesma data.

27


IMAGEM PESSOAL

senaC mÓvel QualifiCa profissionais em CanGuaretama Unidade qualificou cerca de 100 pessoas em cursos como Depilador, Designer de sobrancelhas e Manicure e Pedicure

28


“E

ssa oportunidade de capacitação foi muito importante para as pessoas de Canguaretama, pois representa o caminho para a independência financeira ou mesmo a motivação para um novo começo”. Foi assim que Márcia Luiz da Silva resumiu o impacto dos cursos oferecidos no município, por meio do Programa Senac Móvel. Ela concluiu dois cursos no segmento de Imagem Pessoal, oferecidos gratuitamente pela unidade móvel do Senac, que esteve na cidade durante o primeiro trimestre deste ano. Ao todo, mais de 100 alunos foram beneficiados por meio da parceria entre o Sistema Fecomércio RN e a Prefeitura de Canguaretama. Durante três meses, a carreta-escola do Senac realizou dez turmas na cidade, nos cursos de Automaquiagem, Colorimetria, Corte e Escova, Depilador, Designer de Sobrancelhas, Manicure e Pedicure, Penteados para Festas e Tratamento Capilar. A prefeita Maria de Fátima Borges Marinho destacou a importância do apoio do Sistema

Fecomércio na qualificação da população local. Esta foi a segunda unidade móvel disponibilizada ao município em menos de um ano. Através do Programa Senac Móvel, em 2014, cerca de 140 pessoas foram qualificadas no município com cursos nas áreas de Turismo e Hotelaria. O empresário e conselheiro do Senac, Orlando Caldas, participou da solenidade de formatura dos alunos atendidos, representando o presidente do Sistema Fecomércio RN, Marcelo Fernandes de Queiroz. “Com a capacitação de alto nível oferecida pelo Senac, os formandos poderão atuar de forma autônoma, bem como aumentam suas possibilidades de inserção no mercado de trabalho. O conhecimento é o grande diferencial para quem busca se destacar profissionalmente”, reforçou. Com o objetivo de democratizar o acesso à educação para o trabalho, o Senac conta com três unidades do Programa Senac Móvel, que permanecem alguns meses em municípios onde a instituição não possui estrutura física.

29


RUMO À UNIVERSIDADE

sistema investe r$ 1,4 milHão em aulas Gratuitas para o enem Desde 2012, por intermédio do Sesc, são ofertadas oportunidades a alunos carentes dentro do PCG

O

que parecia ser um sonho se tornou realidade para muitos alunos dos cursos preparatórios para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) oferecidos pelo Sesc. Desde 2012, o Sistema Fecomércio, através do Sesc, proporciona aulas e cursos gratuitos voltados à preparação para o Enem. Até o final de 2014, 1.973 va-

30

gas haviam sido ofertadas para alunos concluintes do ensino médio. Nos dois primeiros anos, as turmas eram oferecidas em Natal, e a partir de 2014 o benefício contemplou também os estudantes de Mossoró e Caicó. A qualidade do material de estudo e das escolas parceiras são destaques, sendo o mesmo utilizado pelos cursos que são pagos.


Destaques

Investimento

• Aprovação em 38 cursos • 102 aprovados em Universidades Federais • 1º lugar na Universidade Federal da Paraíba (UFPB) para o curso de Zootecnia • Aluna aprovada em três Universidades diferentes • Dois 2º lugares para o curso de Pedagogia

NÃO TENHO COMO PAGAR PARA ESTUDAR. COM ESSA OPORTUNIDADE PRETENDO CONSEGUIR MEUS OBJETIVOS E SONHOS E TER UMA FACULDADE, UMA VIDA MELHOR. TENHO EXEMPLOS DE PESSOAS VITORIOSAS NA MINHA CASA E QUERO VENCER TAMBÉM” Gisele Evaristo Aluna

Os resultados têm se mostrado animadores. No último Enem, 102 alunos dos cursos preparatórios foram aprovados em Universidades Federais. “Essa é mais uma ação da democratização de oportunidades. Uma meta do Sistema Fecomércio/Sesc/Senac. Até agora foram investidos R$1,4 milhão na educação e capacitação de milhares de potiguares”, destacou Marcelo Queiroz. Além do conteúdo didático, os alunos recebem o acompanhamento pedagógico de um profissional do Sesc, que semanalmente vai à escola para acompanhar o cronograma de aulas ministrado e ter esse contato direto com eles, seja para dirimir dúvidas ou ouvir sugestões. Em 2014, a equipe do Sesc realizou palestras em torno das profissões que foram apontadas na orientação vocacional. Também no mesmo ano, aconteceu a 1ª Mostra de Profissões, uma oportunidade a mais para tirar dúvidas e conhecer algumas carreiras. A jovem Gisele Evaristo da Silva, 19 anos, moradora do município de Serra Caiada, conquistou uma vaga e é uma das novas alunas dos cursos de 2015. Ela ficou sabendo do cursinho pela internet e resolveu se inscrever. A sua ro-

R$ 403 mil

R$ 507 mil

R$ 493 mil

2013

2014

2015 (previsão)

Total: R$

1.403.000,00

tina não é nada fácil: diariamente ela sai da sua cidade - que fica 66 km distante - até Natal. Depois de trabalhar o dia inteiro numa lanchonete local, Gisele pega o ônibus da prefeitura para assistir às aulas durante a noite, no Êxito Colégio e Curso, localizado no bairro do Alecrim. “Não tenho como pagar para estudar. Com essa oportunidade pretendo conseguir meus objetivos e sonhos e ter uma faculdade, uma vida melhor. Tenho exemplos de pessoas vitoriosas na minha casa e quero vencer também”, declarou. Esses são exemplos de determinação que veem nos estudos uma oportunidade para um futuro promissor. “Eles já são vitoriosos, pois foram selecionados para se prepararem para o Enem. Desejo que conservem a esperança que irão vencer a batalha final que é a aprovação no Exame”, destaca a Diretora Regional do Sesc RN, Jeane Amaral. Em 2015, 100 vagas foram oferecidas para Natal no Êxito Colégio e Curso. Em Caicó são 200 vagas no Colégio Cuca, onde são ministradas aulas de matemática, ciências humanas, linguagens e ciência da natureza. As aulas iniciaram em março e seguem até o dia 30 de outubro. 31


GASTRONOMIA

finGer food desponta Como tendÊnCia GastronÔmiCa

Nova oficina gastronômica do Senac terá como foco o preparo de alimentos em pequenas porções

32


T

Chef Rodrigo Santana, experiência e reconhecimento

ALÉM DA PRATICIDADE PARA QUEM SERVE E PARA QUEM DEGUSTA, O FINGER FOOD COLABORA NA DECORAÇÃO DO EVENTO, VISTO QUE AS DELICIOSAS MINI-PORÇÕES SÃO SERVIDAS DE FORMA SIMPLES E AO MESMO TEMPO ELEGANTE EM CHARMOSOS RECIPIENTES INDIVIDUAIS”

endência no setor de gastronomia para eventos, finger food, em uma livre tradução, significa comida para comer com as mãos. Mas, para entender melhor, o termo é utilizado para se referir às refeições servidas de forma simplificada e moderna, em porções únicas, permitindo que as pessoas possam pegar os alimentos sem talheres. O instrutor de gastronomia do Senac, Rodrigo Santana, explica que, com o crescimento e a valorização da alta gastronomia, a oferta de produtos diferenciados é um mercado em plena expansão. “Atualmente é muito comum os petiscos serem servidos em pequenas porções. Além da praticidade para quem serve e para quem degusta, o finger food colabora na decoração do evento, visto que as deliciosas mini-porções são servidas de forma simples e ao mesmo tempo elegante em charmosos recipientes individuais”, explicou. O assunto será abordado durante uma nova oficina gastronômica no Senac, oferecida a partir do dia 25 de maio, no turno noturno. Com uma semana de duração, a oficina permitirá aos interessados no ramo a obtenção de conhecimentos de pratos diversificados e que podem ser feitos em casa ou em um ambiente profissional. “Esse estilo diferenciado, pela

qualidade, requinte e apresentação, exige um profissional capacitado para atuar no preparo. No entanto, mesmo quem não é profissional do segmento de gastronomia, pode participar do curso. O perfil de alunos das oficinas temáticas de curta duração é composto por pessoas que normalmente querem aprender a cozinhar ou pretendem aprimorar uma técnica. Também há muitos profissionais que precisam se aperfeiçoar nas atividades que desempenham. Trabalhamos o conteúdo de modo a atender a esses diversos públicos”, destacou Rodrigo Santana. A proposta da oficina gastronômica é ser prática. Os alunos serão estimulados a desenvolver preparações em grupos orientando-se pelas fichas técnicas para elaboração de receitas que favoreçam o desenvolvimento da criatividade, agilidade e assertividade. Também serão trabalhadas técnicas de apresentação. SERVIÇO: Oficina Preparo de Finger Food Data: 25 a 29 de maio de 2015. Horário: 18h às 22h. Investimento: R$ 280,00 (duzentos e oitenta reais) Local: Senac Barreira Roxa (Rua São Tomé, 444, Cidade Alta, Natal/RN CEP: 59025-030)

Rodrigo Santana

O instrutor de gastronomia do Senac

33


ALTERNATIVA

proJeto prevÊ nova utilização do antiGo aeroporto auGusto severo A ideia da Fecomércio é transformar o equipamento em um Centro de Convenções, Museu Aeroespacial e Complexo Comercial

O

futuro do antigo Aeroporto Internacional Augusto Severo, em Parnamirim, foi discutido mais uma vez. O assunto chegou à Assembleia Legislativa e em março, foi promovida uma audiência pública, na qual a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (Fecomércio RN) apresentou uma proposta de uso do equipamento. Na ocasião, o diretor executivo da Fecomércio RN, Marcus Guedes, expôs a ideia da entidade de utilizar o equipamento de mais de 420 mil metros quadrados tanto como um novo Centro de Convenções para a Grande Natal - para atender uma demanda reprimida do Turismo de Eventos -, quanto como um Centro Cultural Aeroespacial, com modernas estruturas e esculturas, criando um ambiente que direcione o olhar para a cultura

34

aeronáutica, algo forte em Parnamirim pela Segunda Guerra Mundial. “A ideia que a Fecomércio desenvolveu é o aproveitamento do aeroporto como um Centro de Convenções, o que Natal já comporta, um museu aeroespacial e um centro comercial, que sustentaria o complexo”, afirmou Marcus. O projeto elaborado pela Federação é fruto de discussões iniciadas há mais de três anos, logo após o anúncio da desativação do aeroporto de Parnamirim. Para o presidente do Sistema Fecomércio RN, Marcelo Queiroz, “a Federação deu o pontapé inicial de um debate que tem tudo para ser profícuo”. A proposta da entidade já foi apresentada ao governador Robinson Faria em dois momentos: quando o mesmo ainda era candidato a


Diretor exceutivo da Fecomércio, Marcus Guedes apresenta projeto

A FEDERAÇÃO DEU O PONTAPÉ INICIAL DE UM DEBATE QUE TEM TUDO PARA SER PROFÍCUO” Marcelo Queiroz

Presidente do Sistema Fecomércio RN

chefe do Executivo estadual e quando Faria assumiu a Governadoria. Interessado sobre o assunto, Robinson Faria solicitou à Federação uma cópia do projeto para análise. A sugestão da Fecomércio RN já foi aprovada pelo titular da Secretaria de Estado de Turismo (Setur), Ruy Gaspar, que elogiou o projeto desenvolvido pela entidade. “Tive acesso ao projeto da Fecomércio e é uma ideia interessante e viável. A Federação não faria um estudo sem viabilidade”, destacou Gaspar. A Força Aérea, que é atual responsável pela manutenção do equipamento, também teve acesso ao projeto, que foi bem acolhido pelos militares. O Brigadeiro da Força Aérea, Hudson Potiguara, aproveitou o momento e apresentou um projeto semelhante ao da Fecomércio, mostrando que as entidades estão em consonância. O projeto militar contempla também um Centro de Convenções, com um Centro de Treinamento Operacional para uso de todos os estados brasileiros. “Temos um co-

mum acordo, estamos caminhando bem com a Federação, estreitando o relacionamento. Precisamos apenas ajustar alguns pontos”, disse. Caso o projeto desenvolvido pela Fecomércio RN seja aceito pelos governantes e a sociedade como um todo, um Masterplan será elaborado para definir todos os detalhes do novo Centro de Convenções, incluindo capacidade de público, estacionamento, espaços, formatação, empregos a serem gerados. Para a viabilização, haveria uma parceria com a iniciativa privada no desenvolvimento do projeto básico, compreendendo os estudos de viabilidade econômica, financeira e jurídica. “O aeroporto está localizado em um lugar estratégico, em uma área nobre e não pode ficar sem um uso apropriado”, ressaltou Guedes. Ainda segundo o diretor executivo da Fecomércio, há empresas interessadas em bancar a implantação do Centro de Convenções, do Museu Aeropespacial, as quais teriam o direito de utilizar o complexo comercial. 35


COLUNA

VOZES dos Sindicatos

Reunião de Diretoria discute temas diversos Os presidentes do Sindicato do Comércio Atacadista do RN, Sérgio Cirne; Sindicato do Comércio Varejista de Currais Novos, Hélder Araújo; Sindicato do Comércio Varejista de São Paulo do Potengi, Antônio Francisco de Oliveira; Sindicato do Comércio Varejista de Mossoró, Michelson Frota; Sindicato do Comércio Varejista de Santa Cruz, Márcio Macêdo; Sindicato do Comércio Varejista de Nova Cruz, Raimundo Martins; e do Sindicato do Comércio Varejista de Assú, Francisco de Assis Barbosa, estiveram presentes na reunião de diretoria da Fecomércio, que aconteceu na sede da entidade, no dia 26 de março. Na pauta, entre outros assuntos: cursos direcionados para colaboradores das empresas ligadas aos sindicatos filiados, um balanço das ações da instituição nas mídias sociais, e das inserções do Sistema nas mídias espontâneas (impresso, virtual e TV), entre os meses de janeiro e fevereiro. A reunião contou ainda com uma palestra do consultor do Sebrae, Marcus Rosa, que falou sobre “Gestão com foco em resultados”.

Sérgio Cirne Presidente do Sindicato do Comércio Atacadista do RN

Michelson Frota Presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Mossoró

36

Hélder Araújo Presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Currais Novos

Márcio Macêdo Presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Santa Cruz

Antônio Francisco de Oliveira Presidente do Sindicato do Comércio Varejista de São Paulo do Potengi

Raimundo Martins Presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Nova Cruz

Francisco de Assis Barbosa Presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Assú


Luiz Lacerda e Itamar Manso prestigiam lançamento da unidade móvel Sesc Saúde da Mulher, em Natal

Os presidentes do Sindicato do Comércio Varejista de Macaíba, Luiz Lacerda, e do Sindicato do Comércio Varejista de Peças e Acessórios para Veículos, Itamar Manso, prestigiaram o lançamento da unidade móvel Sesc Saúde da Mulher, no dia 18 de março. A carreta esteve estacionada no Sesc de Ponta Negra e realizou atendimentos gratuitos para comerciárias e para a comunidade em geral.

Jaciratan Ramos participa de reunião do Conselho Regional do Senac

O presidente do Sindicato dos Representantes Comerciais e das Empresas de Representação Comercial, Jaciratan Ramos, participou da reunião mensal do Conselho Regional do Senac RN. O encontro dos conselheiros aconteceu na sede da Fecomércio, no dia 25 de março.

37


Cleide Nogueira participa de aula inaugural de curso preparatório para o Enem 2015

Na segunda-feira, 6 de abril, a presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Caicó, Cleide Nogueira, participou da aula inaugural do curso preparatório para o Enem 2015, promovido pelo Sistema Fecomércio RN, através do Sesc e em parceria com o Sindivarejo local. A aula aconteceu no Sesc Seridó e os 200 alunos beneficiados puderam assistir a uma palestra motivacional, intitulada “Superando o Enem 2015”, e ministrada pela orientadora pedagógica do Sesc RN, Iriana Costa.

George Ramalho e Geraldo Paiva participam de evento com o governador Robinson Faria

O governador do Estado, Robinson Faria, participou na segunda-feira, 13 de abril, do projeto RN Em Foco, da Fecomércio. Na ocasião, ele apresentou um balanço dos 100 dias de gestão à frente do Executivo estadual. Entre os convidados do evento estiveram os presidentes do Sindicato do Comércio Varejista e de Serviços do Rio Grande do Norte, George Ramalho e do Sindicato do Comércio Varejista de Gêneros Alimentícios, Geraldo Paiva.

Presidente do Sincofarn prestigia evento que promoveu lançamento de projetos culturais do Sesc RN

Na terça-feira, 14 de abril, a presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Produtos Farmacêuticos, Luzia Diva, prestigiou o evento que marcou o lançamento dos projetos culturais do Sistema Fecomércio RN, por meio do Sesc. A cerimônia aconteceu na sede da Federação.

38


LEGISLATIVOS

atuação nos leGislativos muniCipal de natal e estadual É reforçada Em visita aos presidentes da Câmara e da AL, Marcelo Queiroz apresenta trabalho de acompanhamento do legislativo

S Presidente da Câmara de Natal, Franklin Capistrano recebe Queiroz

Presidente da AL RN, Ezequiel Ferreira (ao centro) e deputado Hermano Morais recebem o presidente Marcelo Queiroz

empre em busca de parcerias que auxiliem o desenvolvimento do setor de Comércio, Serviços e Turismo, o presidente do Sistema Fecomércio RN, Marcelo Fernandes de Queiroz, esteve nos primeiros meses de 2015 na Câmara Municipal de Natal e na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte, a fim de reafirmar parcerias com os presidentes das Casas. A primeira visita aconteceu no dia 10 de fevereiro, onde Queiroz esteve na sede do legislativo municipal e reuniu-se com o presidente da Câmara Municipal, Franklin Capistrano (PSB). Acompanhado do Assessor da Presidência, Laumir Barrêto, o presidente do Sistema Fecomércio aproveitou para pedir apoio do vereador para acompanhar, opinar e sugerir tópicos em Projetos de Lei que venham a tramitar na Casa, e que tenham algum impacto direto ou indireto nas atividades representadas pela Fecomércio RN. O vereador mostrou-se bastante solícito ao pleito de Marcelo Queiroz, e colocou a Câmara e a estrutura da Presidência à disposição da Fecomércio, com objetivo

de firmarem cooperações entre os legisladores e o arcabouço jurídico que envolve a atividade produtiva na capital potiguar. Já a visita ao presidente da Assembleia Legislativa aconteceu no dia 10 de março, quando Queiroz foi recebido por Ezequiel Ferreira de Souza (PMDB). Na audiência, Marcelo Queiroz entregou um documento em que trata de parcerias entre a Fecomércio e a AL. Entre os projetos está a criação do “Domingo Melhor”, ação cultural a ser realizada pela Federação e a Assembleia, e que contará com apresentações artísticas e de oficinas de artesanato e gastronomia. A ideia é que o projeto seja realizado no último domingo do mês na Praça 7 de Setembro, em frente a Assembleia Legislativa do RN. Outra novidade é a parceria entre a Fecomércio e a TV Assembleia na criação de um programa semanal de economia. Participaram também do encontro, o assessor especial da presidência da Fecomércio, Laumir Barrêto, o deputado estadual Hermano Morais (PMDB) e o diretor da TV Assembleia, Bruno Giovanni. 39


RN EM FOCO

Governador faz balanço dos 100 dias Empresários e lideranças políticas, participaram de encontro promovido pela Fecomércio durante almoço no mês de abril

C

ompletados 100 dias de mandato, o governador Robinson Faria fez, no dia 13 de abril, um balanço da sua gestão à frente do Executivo estadual, em uma edição especial do programa “RN em Foco”, da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do estado (Fecomércio RN). Além da explanação do governador, foi assinado o contrato de renovação do convênio de parceria entre o Sistema Fecomércio, através do Sesc RN, e o Governo do Estado para ações no âmbito do projeto “RN Vida”. 40

O governador abriu a primeira edição 2015 do RN em Foco com o propósito de debater assuntos que interessam, de uma maneira geral, à classe empresarial potiguar. Robinson Faria falou sobre temas como a redução do ICMS no combustível da aviação, a obtenção e renovação de licenças ambientais, e a segurança pública do Estado. “O empresário quer um Estado em que possa confiar, que ofereça segurança jurídica para empreender. Estamos buscando dar agilidade e eficiência às licenças ambientais. Em três meses, fo-


Na mesa central (da esq. para a dir.): Afrânio Miranda (FCDL RN), Itamar Maciel (Facern); Amaro Sales (Fiern), governador Robinson Faria; Marcelo Queiroz; José Vieira (Faern e CD Sebrae RN), Gilberto Costa (Vice-presidente Fecomércio); Marcantoni Gadelha (Diretor Fecomércio); e Eudo Laranjeiras (Fetronor)

Marcelo Queiroz e o governador renovam RN Vida

ram emitidas cerca de 800 delas”, exemplificou. Robinson Faria completou falando do trabalho na segurança pública, assunto relacionado diretamente ao setor de Comércio. “De uma forma geral, conseguimos reduzir em 30% os índices de criminalidade. Estamos protegendo a classe empresarial e também a população como um todo”, completou. O governador do Rio Grande do Norte enfatizou, ainda, que “os empresários querem um governador com visão empreendedora” e garantiu, “vamos manter o diálogo com o setor produtivo”. O presidente do Sistema Fecomércio RN, Marcelo Queiroz, reforçou que o governador mantém, desde a época da campanha eleitoral, uma boa abertura ao diálogo com o setor produtivo, que impulsiona a economia potiguar. “Ainda candidato, o senhor esteve na sede da nossa entidade e ouviu os nossos pleitos, angústias e nossas ideias para criar, fortalecer e manter um canal direto de diálogo e parceria entre o nosso segmento e o poder público estadual”, declarou Queiroz. Marcelo Queiroz relembrou a carreira empresarial de Robinson Faria, afirmando que o gestor conhece as dificuldades de empre-

ender no país. Mesmo diante de dificuldades financeiras, Faria ressaltou que “este é um momento de fortalecimento fundamental para conseguirmos atravessar a fase de turbulências econômicas que temos enfrentado”. RN VIDA Aproveitando o encontro com os empresários e dirigentes do Sistema Fecomércio RN, foi assinada a renovação do convênio que o Sistema mantém, através do Sesc, com o Governo do Estado para apoio ao RN Vida. O projeto existe desde 2013 visando oferecer a crianças e adolescentes em situação de risco social, oportunidades e atividades que ajudem-nas a se manter longe das drogas, por meio da prática de atividades culturais e esportivas. Além disso, o projeto terá um trabalho de qualificação profissional com recursos do programa Mão Amiga, operado pela AGN (Agência de Fomento do estado). “A Fecomércio, por meio do Sesc RN, disponibiliza profissionais qualificados de educação física e música para atender a esses jovens. Doamos fardamentos e equipamentos para as atividades lúdico-esportivas. Em 2014, investimos mais de R$ 130 mil e para este ano, R$ 142 mil”, destacou Queiroz. 41


QUALIFICANDO

senaC disponibilizará 9 mil vaGas na área de turismo este ano Anúncio do estoque de vagas para 2015 foi feito durante a Feira dos Municípios e Produtos Turísticos, da qual entidade foi parceira

O

Sistema Fecomércio RN, por meio do Senac, disponibilizará, ao longo de 2015, cerca de nove mil vagas em cursos para qualificação de mão 42

de obra com foco no segmento de Turismo, Hospitalidade e Lazer. O anúncio foi feito durante a abertura do VI Fórum de Turismo do RN e da Feira dos Municípios


Coordenador da Câmara do Turismo, George Gosson, na abertura do evento

TEMOS PERCEBIDO UM CRESCIMENTO CONSTANTE NO NÚMERO DE VISITANTES QUE ESCOLHEM O RIO GRANDE DO NORTE COMO DESTINO. E O MAIS IMPORTANTE É QUE TODAS AS PESQUISAS REALIZADAS NOS ÚLTIMOS ANOS PELA FECOMÉRCIO REVELAM UM ÍNDICE DE SATISFAÇÃO DOS TURISTAS SUPERIOR A 90%” George Gosson

O coordenador da Câmara Empresarial do Turismo da Fecomércio

e Produtos Turísticos do Estado (Femptur-RN); eventos realizados no Centro de Convenções de Natal, pela Argus Eventos de Turismo, no mês de março. O coordenador da Câmara Empresarial do Turismo da Fecomércio, George Gosson, representou o presidente do Sistema Fecomércio RN, Marcelo Queiroz, no evento. Ele destacou que, do total de vagas disponibilizadas pelo Senac ao segmento, mais de 80% serão destinadas ao público de baixa renda, por meio de iniciativas de democratização de acesso ao ensino, como o Programa Senac de Gratuidade (PSG). George Gosson também reafirmou que o momento é de otimismo para o turismo potiguar. “Temos percebido um crescimento constante no número de visitantes que escolhem o Rio Grande do Norte como destino. E o mais importante é que todas as pesquisas realizadas nos últimos anos pela Fecomércio revelam um índice de satisfação dos turistas superior a 90%. Além disso, o cenário econômico atual está extremamente favorável às viagens nacionais, uma rica oportunidade para que o segmento continue a crescer”, afirmou.

Para o presidente do Sistema Fecomércio RN, Marcelo Queiroz, o Fórum de Turismo foi um evento diferenciado por promover o debate de importantes temas ligados à cadeia produtiva do turismo, reunindo todos os atores envolvidos. “As ações da Fecomércio têm sempre refletido a importância de fortalecer a cadeia produtiva do turismo, em todas as regiões do estado. Em especial por meio do Senac, temos focado no acesso às oportunidades de capacitação, pois a qualificação profissional se reflete diretamente na melhoria do padrão dos serviços prestados, contribuindo para a consolidação e expansão dessa atividade econômica que é tão importante”, disse. Ao longo da programação dos eventos, o Senac esteve presente no Centro de Convenções, com uma equipe que prestou informações sobre as formas de ingresso nos cursos e diferenciais oferecidos pela instituição. No RN, há mais de 100 cursos no portfólio do Senac voltados para qualificação no segmento de Turismo, Hospitalidade e Lazer. Destacam-se, ainda, os programas específicos nos idiomas inglês, espanhol, francês, italiano e alemão.

43


INTERNACIONAL

sistema feComÉrCio Comemora parCerias Com visita de Comitiva alemã A Federação recebeu cerca de 40 políticos e empresários da Renânia Palatinado para troca de experiências entre os dois povos

44


45


E

rfolg! Ou como no bom português, sucesso! É dessa forma que o Sistema Fecomércio RN define a vinda da comitiva alemã para Natal, em 23 de abril. Com uma programação intensa, os 40 visitantes do estado da Renânia-Palatinado tiveram a oportunidade de conhecer um pouco da cultura potiguar e do trabalho desenvolvido pelo Sistema, Sesc e Senac, além de firmar parcerias futuras. No início da manhã, o grupo de alemães participou de uma rodada de negócios entre os produtores alemães de vinho e importadores, comerciantes e especialistas potiguares. Cerca de 30 pessoas participaram do encontro para conhecer os vinhos produzidos nos estados alemães, momento capitaneado pelo Sistema Fecomércio em parceria com estado da Renânia-Palatinado. Com esse contato, a ligação entre os dois interessados será estreitada e negócios po-

Rodada de Negócios dos Vinhos alemães: compromisso cumprido

46

dem ser feitos com mais facilidade. Os produtores alemães Rosmarie e Klaus Becker expuseram as garrafas de vinho produzidas em vinícolas no país europeu, e ofereceram a degustação dos produtos. Para eles, o vinho é o maior embaixador na região, tendo fundamental importância econômica. “Temos a oferecer os nossos vinhos aos potiguares. Temos duas vinícolas e produzimos também espumantes. Com esse encontro esperamos que o nosso vinho seja exportado para cá”, declarou Rosmarie. Por ano, as vinícolas produzem aproximadamente três milhões de garrafas para o consumo interno e externo. “Vi a carta de vinhos aqui e não tem vinho alemão da nossa região. Vamos fazer a conexão entre os dois povos e trazer para cá. É o que queremos”, afirmou Klaus. Para comemorar o estreitamento das relações entre o Brasil

ESSE ENCONTRO COM OS PRODUTORES DE VINHO PODE GERAR POSSÍVEIS NEGÓCIOS, ALÉM DA TROCA DE EXPERIÊNCIAS DE COMO O SEGMENTO É TRABALHADO NA ALEMANHA E O QUE PODE SER FEITO AQUI NO ESTADO”

Marcelo Queiroz

Presidente do Sistema Fecomércio RN


Comitiva alemã e autoridades locais assistem à Banda da PM: hinos

Ministra Lemke conhece unidade do Senac de Saúde e Beleza

Queiroz explica trabalho do BiblioSesc à ministra alemã

e a Alemanha, os produtores irão criar um drink e chamá-lo de Batida da Amizade, composta por ingredientes brasileiros, como canela, açúcar e limão, e o vinho alemão. Do outro lado da mesa, empresários potiguares conheceram um pouco mais da cultura, cultivo e do produto alemão. Por meio da Fecomércio RN, esse é o primeiro contato mais próximo feito entre produtor e fornecedor, atitude elogiada pelo importador Evaristo Zaranza. “Vejo isso como uma via de acesso mais rápido ao produtor. Esses encontros já acontecem nas principais capitais do Nordeste e

nós tínhamos que ir até lá. Dessa forma, estimula outras capitais a virem até Natal para fazer também esse contato”, comentou. Zaranza garantiu que nesta primeira conversa, a relação será ainda mais estreitada, permitindo negócios futuros e promissores. “Esse encontro, com degustação, conversa técnica, facilita e diminui quatro meses de trabalho”, acrescentou. Para o presidente da Federação, Marcelo Queiroz, “esse encontro com os produtores de vinho pode gerar possíveis negócios, além da troca de experiências de como o segmento é trabalhado na Alemanha e o que pode ser feito aqui no 47


Estado. Além disso, vai aprimorar o nosso relacionamento e, paralelamente, fomentar a cadeia turística potiguar”, justificou Queiroz. Logo em seguida, os presentes participaram de um workshop, realizado em parceria com a Dehoga, para abordar o trabalho de promoção e gestão da atividade turística do estado da Renânia Palatinado. Estiveram presentes no evento o presidente da Federação, Marcelo Queiroz, o secretário de Turismo do RN, Ruy Gaspar, além de outras autoridades e empresários potiguares ligados ao trade turístico. A exposição foi feita em conjunto pela assessora de imprensa e relações públicas do Estado da Renânia Palatinado, Christina Schreiner, e pelo presidente da Dehoga (Associação do Setor do Comércio Ho-

Workshop da Dehoga sobre atividade turística

48

teleiro e de Restaurantes Alemão para o Estado Federal da Renânia Palatinada), Gereon Haumann. Na primeira parte do workshop, Schreiner apresentou as características do estado alemão, enfatizando as belezas e o grande potencial turístico da Renânia Palatinado. Segundo a assessora de imprensa, esse potencial é favorecido por fatores econômicos, sociais e democráticos que fazem o estado possuir economia e moeda estável, e uma consequente boa relação entre preços e produtos. Christina Schreiner disse que o marketing é um dos grandes responsáveis pelo fato da Renânia Palatinado ser o estado alemão número 1 no que diz respeito à visita de estrangeiros. Schreiner explicou ainda que essas visitas se dão prin-

SE O GOVERNO ATUA E AS EMPRESAS NÃO ATENDEM BEM, O TURISTA NÃO VOLTA; PRECISAMOS DE UM TRABALHO EM CONJUNTO” Gereon Haumann Presidente da Dehoga


NATAL SE SENTE ESPECIAL EM PODER RECEBER PESSOAS DO GOVERNO E EMPRESÁRIOS DA ALEMANHA QUE VIERAM ATÉ AQUI, MUITO PROVAVELMENTE, PARA ESTABELECER VÍNCULOS ECONÔMICOS”

Carlos Eduardo Prefeito de Natal

cipalmente a partir de dois eixos, o de “saúde e bem-estar”, e o de “cultura e culinária”, estando incluído neste último eixo a procura pelas vinícolas e vinhos de alta qualidade produzidos no local. O presidente da Dehoga destacou, em sua apresentação, a importância do setor turístico para a economia do estado. Gereon Haumann afirmou que a Renânia Palatinado possui cerca de 16 mil empresas na área de hospedaria e gastronomia, e que elas movimentam cerca de 7,5 bilhões de euros, o que corresponde a 5% do PIB local. Haumann apontou ainda que em média 200 mil pessoas vivem do turismo no estado da Renânia Palatinado. Outro ponto abordado no workshop foi a experiência do Sistema Dual, que se firma em dois pila-

res, sendo um prático – nas empresas –, e outro teórico – nas escolas. Haumann informou aos presentes que o sistema busca a capacitação e excelência dos profissionais e empresas do setor turístico, o que é essencial para que se possam ser alcançados resultados positivos. Essa capacitação tem duração de três anos, e desde o primeiro dia os alunos são remunerados pelas empresas em que se submetem à parte prática do projeto. Gereon Haumann enfatizou ainda a necessidade da boa relação entre setor público e privado na alavancada do turismo. “Se o governo atua e as empresas não atendem bem, o turista não volta; precisamos de um trabalho em conjunto”. Haumann explicou que existem duas vias para se atrair vi-

Almoço com empresários do turismo oferecido para comitiva

49


Jantar de encerramento da programação teve opções culturais e gastronomia local para os alemães

sitantes a um lugar: uma delas é a baixa do preço, e a outra é a apresentação da qualidade dos produtos e serviços ofertados. Para ele, a opção correta é sempre ter e mostrar a qualidade tanto através de ações de marketing, quanto junto aos turistas que chegam ao estado. Sobre o Rio Grande do Norte, o presidente da Dehoga afirmou tratar-se de um lugar de muitas belezas, que precisam ser bem enxergadas. “Como na Renânia Palatinado, aqui o governo precisar identificar e apresentar bem os atrativos que irão trazer os hóspedes; precisa também promover e incentivar os empresários para que os turistas sejam bem recebidos e voltem”. Ao término do workshop, os convidados seguiram para almoço oferecido pela Câmara de Comércio e Indústria Brasil-Alemanha. Na ocasião, o secretário de turismo do RN, Ruy Gaspar, destacou 50

o potencial turístico do estado e apontou, junto à Ministra da Economia e do Turismo da Renânia Palatinado, Eveline Lemke, possíveis parcerias entre o Rio Grande do Norte e a Alemanha. Na parte da tarde, a comitiva da Renânia Palatinado foi ao Parque da Cidade, a convite do prefeito Carlos Eduardo Alves e o presidente da Fecomércio RN, Marcelo Queiroz. No equipamento, foram apresentadas as cinco unidades móveis do Sesc (BiblioSesc, Sesc Saúde Mulher e OdontoSesc) e Senac (Hotelaria e Turismo, Moda e Beleza), que, pela primeira vez, estavam juntas e em pleno funcionamento para atender ao público presente. Na ocasião, Queiroz e os diretores regionais do Sesc, Jeane Amaral, e Senac, Fernando Virgílio, explicaram à ministra, Eveline Lemke, como é realizado o trabalho das unidades móveis, que prestam


Ministra da Renânia Platinada, Eveline Lemke

atendimento em diversos municípios do Rio Grande do Norte. Além disso, comentaram sobre o trabalho de capacitação que a instituição oferece, estimulando os potiguares a empreender, gerando renda, emprego e independência financeira. Logo após, as autoridades seguiram para o Olimpo Recepções, onde aconteceu um jantar de congraçamento para comemorar o sucesso da visita da comitiva alemã, com a presença de políticos e empresários locais. O prefeito de Natal agradeceu a visita do grupo e ressaltou o desejo que boas parcerias econômicas sejam realizadas entre a Alemanha e Natal. “Natal se sente especial em poder receber pessoas do governo e empresários da Alemanha que vieram até aqui, muito provavelmente, para estabelecer vínculos econômicos. Quem sabe esse não é o início de boas parcerias para a nossa cidade. Vamos esperar que sim”, destacou Carlos Eduardo. A ministra da Renânia Platinada, Eveline Lenke, agradeceu a receptividade potiguar. “É muito bom estar aqui em Natal e, principalmente,

Ministra presenteia o cônsul honorário da Alemanha no RN, Axel Geppert, o secretário do Estado de Desenvolvimento Econômico, Paulo Roberto Cordeiro e o presidente Marcelo Queiroz

discutir sobre bons projetos e novas possibilidades de parceria para a economia do Rio Grande do Norte”, disse a ministra. O presidente do Sistema Fecomércio RN, Marcelo Queiroz, relembrou que a parceria entre o estado e a Renânia Palatinado vem sendo costurada desde 2013, com a ida de uma comitiva liderada pela Federação, e composta por empresários do trade turístico. “Os laços de amizade, respeito e apoio mútuo ao desenvolvimento de nossos estados são hoje muito mais fortes”, disse. Queiroz citou que algumas ações já estão sendo desenvolvidas, como a distribuição, junto com a Associação das Agências de Viagem do RN, de um catálogo para os operadores locais oferecerem a Renânia como destino turístico. “Temos visto prosperar entendimentos de cooperação nas áreas de tecnologia, indústria, comércio, ensino profissionalizante e turismo, entre tantas outras que ainda podem descortinar. Tenho certeza que o trabalho do Sistema Fecomércio e a economia do Rio Grande do Norte têm muito a ganhar com esta troca de experiências”, disparou.

Em sua fala, Queiroz destacou parcerias reforçadas

51


Senac Alimentos Qualidade no serviço e segurança para o consumidor O Senac capacita empresas do setor de alimentos e bebidas na implantação das boas práticas com a metodologia do Programa de Alimentos Seguros (PAS). Além disso, orienta a adoção de ferramentas de qualidade e técnicas de trabalho que elevam o nível dos serviços oferecidos, através de consultorias e cursos personalizados.

Procure o Senac e aumente a competitividade do seu negócio. Restaurantes | Bares | Hotéis | Pousadas | Padarias | Açougues Cozinhas Industriais e Escolares | Hipermercados | Supermercados

Mais informações:

(84) 4005-1000 www.rn.senac.br


Camarão crocante com Guacamole Finger food são comidinhas, petiscos e canapés que se come com as mãos, sem a necessidade de talheres. São perfeitos para festas, casamentos e reuniões. Confira receita do instrutor de gastronomia do Senac, Rodrigo Santana. Serve 15 porções.

Ingredientes 300g de camarão filé 100ml de leite integral 2 ovos 100g de farinha de rosca Sal a gosto Pimenta do reino a gosto Óleo para fritar Preparo: Tempere os camarões e empane. Frite por imersão e reserve. Guacamole 100g de tomates sem sementes 1 pimenta dedo-de-moça ou tabasco 1/2 maço médio de coentro 150g de abacate 50 ml de suco limão 50g cebola picada 30 ml de azeite de oliva Sal a gosto

Preparo: Pique o tomate em cubos bem pequenos. Abra a pimenta ao meio, elimine as sementes com os filamentos brancos e pique-a em pedaços bem pequenos. Pique finamente as folhas de coentro e reserve. Descasque o abacate, retire o caroço e coloque a polpa num prato fundo. Amasse com um garfo, deixando alguns pedaços e regue com o suco de limão. Adicione o tomate, a pimenta, o coentro, a cebola, o azeite de oliva e o sal e misture. Sirva em seguida.


INTERCÂMBIO

Comitiva potiGuar partiCipa do 31° ConGresso naCional de sindiCatos patronais, em alaGoas Liderados pelo presidente do Sistema Fecomércio, Marcelo Queiroz, representantes do RN acompanharam programação técnica e social do evento

L

iderada pelo presidente do Sistema Fecomércio RN, Marcelo Queiroz, uma comitiva potiguar composta por diretores e presidentes de sindicatos do Rio Grande do Norte participou da 31ª edição do Congresso Nacional dos Sindicatos 54

Patronais do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNSP), no Centro Cultural e de Exposições Ruth Cardoso, em Maceió-AL. O grupo contou com cerca de 40 membros, e entre os dias 15 e 17 de abril pôde acompanhar uma rica programação


CRESCEREMOS MENOS QUE OS PAÍSES DESENVOLVIDOS E MENOS QUE OS PAÍSES EM DESENVOLVIMENTO. ESTAMOS, DE FATO, INDO PIOR QUE OS OUTROS, E NÃO PODEMOS CULPAR NOSSOS VIZINHOS, SEJAM DAS AMÉRICAS, SEJAM DA EUROPA” Samy Dana Palestrante

técnica e social oferecida pelo CNSP. Promovido pela Confederação Nacional do Comércio (CNC), o encontro deste ano teve como tema “Guerreiros a serviço do desenvolvimento” – em alusão aos “folguedos” de Alagoas –, com o intuito de reforçar a luta do empresário, sempre pronto para enfrentar e vencer entraves burocráticos nacionais. Durante o evento, reuniram-se empresários, dirigentes executivos, assessorias jurídicas e profissionais do setor de todo o país, que puderam fazer um intercâmbio de ideias acerca dos mais variados temas ligados ao desenvolvimento do comércio e ao sindicalismo patronal brasileiro. O 31º CNSP ofereceu aos participantes uma extensa programação técnica, com palestras, reuniões e debates. Entre os palestrantes, estiveram o professor da Escola de Economia de São Paulo da Fundação Getúlio Vargas, Samy Dana, e o fundador da Associação Desportiva para Deficientes, Steven Dubner, que abordaram respectivamente os temas “Perspectivas para o comércio” e “Não sabendo que era impossível, ele foi lá e fez”. Em sua palestra magna, Dana tratou do cenário econômico brasileiro e afirmou acreditar que os empresários do país são verdadeiros heróis, pois sempre foi difícil fazer negócios no Brasil. “Cresceremos menos que os países desenvolvidos e menos que os países em desenvolvimento. Estamos, de fato, indo pior que os outros, e não podemos culpar nossos vizinhos, sejam das Américas, sejam da Europa”, disse o economista ao se referir à previsão do FMI para o PIB brasileiro de redução de 1,1% para este ano. Mas, ainda segundo o palestrante, nem todo o cenário econômico brasileiro mostra-se negativo. Um dos pontos positivos citados por Samy Dana é o potencial da po-

pulação jovem para o consumo no contexto atual. “O País tem cerca de 100 milhões de brasileiros com menos de 30 anos, o que significa um potencial de vendas enorme”, afirmou. Ele ainda disse que os jovens consomem mais, por vários motivos, entre eles a existência de uma indústria com mais ofertas voltadas para esse grupo. “Temos um potencial de consumo invejável”, afirmou ainda o economista. Dana tratou também de questões relacionadas aos fatores que afetam os negócios realizados no Brasil; produtividade e impostos; sobre este último ponto o professor garantiu que “a lógica de aumentar impostos está longe da lógica de uma economia livre”. José Paulo da Rosa e César Sousa também fizeram suas exposições em torno dos temas “A gestão do melhor sindicato do mundo” e “Dificuldade do empresário nas relações trabalhistas”. Rosa é Doutor e Mestre em Educação, e atualmente é diretor regional do Senac RS; César Souza é considerado referência no tema liderança no Brasil, e possui 20 anos de experiência internacional como executivo de grandes empresas. Para José Paulo, a gestão de excelência é o caminho para o sindicato atingir seus objetivos e cumprir sua missão. Ainda segundo o diretor regional do Senac RS, empreender é um desafio, principalmente com as dificuldades do cenário brasileiro, com barreiras burocráticas, legislativas e de alta tributação. Neste contexto Rosa aponta ainda a liderança como sendo um papel importante, pois “o dirigente sindical deve ser um líder, representando o empresariado, mas também ser um gestor, administrando a entidade com foco em sua sustentabilidade”. César Souza, por sua vez, destacou que é necessário se planejar bem para os tempos de crise que

55


ainda estão por vir. Acerca de previsões sobre a situação econômica do país, Souza acredita que virão tempos difíceis. “Em 2015, estamos numa tempestade. Em 2016 estaremos só com um céu carregado de nuvens pretas, mas sem chover. Quando acordamos em 2017 teremos esse sol lindo como este aqui no céu de Maceió”, brincou ao referir-se à cidade que recebe o Congresso pela segunda vez. No último dia de evento, a comitiva potiguar participou do ato cívico “Empresários pela paz”, na Praia da Ponta Verde. Um coquetel encerrou as atividades da edição 2015 do CNSP; na ocasião, vários participantes foram homenageados. O encerramento do evento foi marcado ainda pela elaboração de dois manifestos dirigidos ao presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, e ao presidente do Senado Federal, Renan Calheiros. Nos documentos, os líderes sindicais e empresariais do comércio manifestam o posicionamento do setor em relação a dois temas que estão na ordem do dia e têm grande impacto para o país: o apoio ao Substitutivo

56

ao Projeto de Lei 4.330/2004 e o repúdio aos atos de corrupção que atingem o país. Além da vasta programação, complementada com dez estandes que trouxeram serviços diversos destinados a entidades sindicais e federações, a organização do Congresso se preocupou em reservar um espaço para as mulheres. Durante dois dias, serviços de design de sobrancelhas, higienização facial, maquiagem, penteados e massagem estiveram disponíveis para um momento de relaxamento e beleza, proporcionado pelo Senac AL. O destino dos empresários em 2016 é Blumenau. Em terras catarinenses a comitiva potiguar, que já recebeu o evento no ano de 2012, participará do 32º Congresso Nacional de Sindicatos Patronais do Comércio de Bens, Serviços e Turismo, que a cada ano se empenha na promoção da troca de ideias sobre os mais variados assuntos ligados ao desenvolvimento do comércio e ao sindicalismo patronal do Brasil. *Com informações na CNC e da organização do 31º CNSP

Comitiva potiguar: liderada pelo presidente Marcelo Queiroz e com diretores e presidentes de sindicatos filiados


(facebook.com/ FecomercioRN): No mês de março, a matéria de maior repercussão na página do Facebook da Fecomércio foi a reunião entre o presidente da entidade, Marcelo Queiroz, e os gestores do Sesc RN. Foram mais de 500 acessos à postagem. A matéria sobre a apresentação feita à Assembleia Legislativa do projeto da Fecomércio para uso do antigo aeroporto Augusto Severo, somou quantidade semelhante de acessos. O diretor executivo da Federação, Marcus Guedes, expôs a ideia de utilizar a estrutura de mais de 420 mil metros quadrados para instalar um complexo com um novo Centro de Convenções para a Grande Natal e um Centro Cultural Aeroespacial.

No Twitter, o assunto que mais movimentou a conta da Fecomércio coincidiu com uma das matérias de destaque no Facebook, que foi a apresentação à Assembleia Legislativa de projeto de uso do antigo aeroporto Augusto Severo. Foram três posts que somaram nove ações por parte dos seguidores, entre elas retweets, curtidas e menções.

O governador Robinson Faria assinou decreto que reduz ICMS sobre QAV de 17% para 12%, e o assunto repercutiu no Instagram da Fecomércio. A foto postada mostra o presidente Marcelo Queiroz participando de conversa prévia com representantes das companhias aéreas e secretários de Tributação, André Horta, e de Turismo, Ruy Gaspar.

57


W W W. R N . S E B R A E . C O M . B R / L I G A D O N A E C O N O M I A

|

0800 570 0800


Abril - Maio 2015  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you