Issuu on Google+

INFOMAIL

Medicamentos Gratuitos para os Idosos

MANTER OU FAZER MELHOR?

PÁGINA 04

“Todo o mundo é composto de mudança Tomando sempre novas qualidades” Luís de Camões Queremos uma Câmara Municipal efetivamente ao serviço das pessoas. Queremos uma Câmara Municipal ao lado de todos, sobretudo dos mais necessitados. Queremos uma Câmara Municipal para FAZER MELHOR as coisas certas. O meu compromisso, enquanto candidato a presidente da Câmara, é com as pessoas do meu Concelho. Comigo a Câmara Municipal dará os livros escolares a todas as crianças e jovens até ao 12º ano. Livros que terão que ser adquiridos no comércio local. Comigo a Câmara Municipal garantirá um incentivo de 600€ em bens adquiridos no comércio local por cada bebé nascido no Concelho.

Partido Socialista presente em todas as freguesias

O Projeto do Metro em Famalicão

Comigo a Câmara Municipal assegurará um subsídio de 30 a 45€ para que as famílias jovens possam ter as crianças na creche. Comigo a Câmara Municipal disponibilizará um milhão e quinhentos mil euros por ano para criar emprego para jovens. Comigo a Câmara Municipal garantirá os medicamentos gratuitos para os idosos que tenham um rendimento abaixo dos 419€ mês. Comigo a Câmara Municipal criará um gabinete para ajudar as empresas a exportar: – o Gabinete para a Internacionalização das Empresas. Comigo a Câmara Municipal terá um defensor oficial dos munícipes: o P r o v e d o r d o M u n í c i p e q u e s e r á o Dr. Agostinho Fernandes.

PÁGINA 02

Emprego para Jovens

Comigo a Câmara Municipal ajudará as Instituições a reduzir os custos fixos, comparticipando em 10% os custos de energia e em 50% os custos com a água. As coisas nesta campanha começam a ficar claras. O candidato do PSD/CDS tem uma mensagem espalhada por toda a parte. Ele quer MANTER o rumo. Ou seja, MANTER o poder, MANTER as coisas tal como estão. Nós queremos FAZER MELHOR num tempo em que a sociedade está em mudança. Num tempo de grave crise em que é preciso mudar para apoiar as pessoas e as famílias. Compete ao povo, detentor de um voto livre e consciente escolher e decidir, se quer MANTER as coisas como estão ou se quer um presidente para FAZER MELHOR. Custódio Oliveira

1,5 milhões de euros/ano da derrama para criação de emprego jovem

PÁGINA 04

Criação do Fundo Ativo de Solidariedade – investimento anual de 250 mil euros “O maior dos males da pobreza extrema é o pobre ser uma espécie de morto vivo ao longo de toda a sua existência “ Joseph Wresinski

PÁGINA 04

PÁGINA 04

Fazer Melhor www.custodiooliveira.pt www.facebook.com/custodiooliveira2013 Esperamos pela sua visita! Participe, partilhe, deixe-nos a sua opinião...

VILA NOVA DE FAMALICÃO


Conheça os Nossos Candidatos às Juntas de Freguesia

Jorge Amaral

Carlos Pinto

Manuel Silva

Filipe Martins

Teresa Pinto

União Freguesias Arnoso Stª Eulália, Arnoso Stª Maria e Sezures

Vale São Martinho

Louro

União Freguesias Lemenhe, Mouquim e Jesufrei

Pousado Saramagos

Licenciou-se em Engenharia Electrotécnica e de computadores pela UNIVERSIDADE DO PORTO tendo tirado outras formações complementares na área destacando-se Formação em Sistemas Solares.

Eng.º Civil, de 40 anos, nascido e criado no Louro. Casado, com dois filhos e muita ambição em FAZER MELHOR pelo Louro. “É com muita honra e humildade que encaramos o desafio de vencer as próximas eleições. Fazemo-lo na ambição de traçar um novo rumo para o Louro, mais próximo das vontades e necessidades dos lourenses e baseado n u m a g e s t ã o eficiente dos recursos públicos.”

Licenciado em Administração Pública pela Universidade do Minho e inspector da Autoridade de Segurança Alimentar e Económica. "Não haverá candidato sério, candidato justo e responsável em condições de prometer o céu. Mas prometo muito empenho e trabalho! Sabemos que é possivel fazer mais e melhor e melhor por Arnoso Santa Maria, Santa Eulália e Sezures."

É candidato pelo PS á Junta de Freguesia de Vale S. Martinho com o objetivo de FAZER MELHOR pela sua terra, com empenho e dedicação ao serviço de todos.

36 anos, casado e pai de um menino de 10 anos. Desde 2009 é Secretário da Junta de Freguesia de Lemenhe, eleito pelo Partido Socialista. Foi Presidente da Associação de Pais da, agora extinta, EB1 de Lemenhe e membro da Associação de Pais do Jardim de Infância de Lemenhe. "Sinto, sem falsas modéstias, que estarei à altura do desafio. Tenho experiência autárquica,mas também cívica e associativa. Confie em mim, acredite em nós!"

Advogada estagiária, é pós-graduada em Direito das Autarquias Locais e Urbanismo e em Políticas Comunitárias e Cooperação Territorial. “É urgente mudar, construir um novo futuro. Pousada de Saramagos tem o potencial humano necessário para o conseguir. Estamos preparados para encontrar soluções alternativas e dinâmicas, novos caminhos”.

Orlando Couto

António Simões

Bruno Campos

Manuel Ferreira

Lousado

Cruz

Castelões

Brufe

Mogege

Sou empresário e pauto-me pelos valores da seriedade, transparência, dignidade, igualdade e fraternidade, valores que me aproximam do Partido Socialista.

Tenho 31 anos Sou natural de Castelões Sou geógrafo na empresa Proasolutions.Pt no Porto Desde 2005 sou o Secretário da Junta de Freguesia de Castelões

Natural e residente em Brufe, tem 41 anos e é Empresário. Casado, com duas filhas e oriundo de uma família de pessoas que sempre viveram do trabalho.

"Sou candidato para continuar a dar tudo o que sei em prol da freguesia. Continuar a fazer mais e melhor, para uma freguesia de todos e para todos."

"O objetivo desta candidatura é dar continuidade aos serviços de qualidade e de proximidade que pautaram os anteriores executivos."

Licenciado em Direito pela Universidade do Minho. É candidato porque, “Faço-o porque estou motivado e empenhado. Faço-o porque tenho a coragem de lutar para defender as ideias em que acredito. Faço-o porque tenho a força, ambição e determinação para fazer melhor em Mogege. Faço-o porque Mogege está no meu coração.”

Iniciou a sua vida profissional aos 15 anos, na Mabor, como aprendiz. Em 1996, concluiu o curso de Engenharia Eletrónica e Informática. “Quero trabalhar para a nossa freguesia, com espirito altruísta e de missão. Depois, a experiência destes quatro anos de mandato na Assembleia de Freguesia motivaramme. Foi estimulante poder participar nas discussões e procurar contribuir para que as melhores soluções para Lousado fossem encontradas”

“Sou candidato porque conheço esta freguesia como poucos e acredito que fazer trabalho a pensar no futuro resultará em mais qualidade de vida para a população de Brufe.”

Miguel Abreu

No número anterior de FAZER MELHOR, apresentamos:

Duarte Veiga

Agostinho Rocha

António Matos

Carlos Ferreira

União Freguesias Ruivães Novais

União Freguesias Seide S. Paio e Seide S. Miguel

União Freguesias Portela, Vale São Cosme e Telhado

União Freguesias Carreira e Bente

É um jovem de 33 anos, licenciado em Solicitadoria, Pós graduado em Gestão de Ginásios e Health Clubs e trabalha como Club Manager de um Health & Spa Club. "O ativo mais precioso da nossa Terra é a nossa GENTE, a nossa CULTURA e as nossas ASSOCIAÇÕES. O respeito inigualável pelos nossos Avós que nos fizeram chegar até aqui e que muitos ensinamentos nos passam"

Natural de Guimarães a residir à 16 anos em Seide S. Paio V.N. de Famalicão. Pertenceu à direcção da Juventude Alegre de Seide S. Paio (JASP) entre 2002 e 2008 sendo tesoureiro entre 2004/2008 "Fazer melhor pelas freguesias de Seide S. Paio e Seide S. Miguel"

Empresário "Sinto, sem falsas modéstias, que estarei à altura do desafio. Tenho experiência autárquica, nomeadamente na Junta de Freguesia de Telhado, da qual fui Presidente, eleito pelo Partido Socialista, mas também empresarial, cívica e associativa."

Carlos Ferreira é operário químico na empresa Continental Mabor, em Lousado. Profissão que conjuga com a paixão pela Música, sendo Tenor, e tendo já várias participações em concertos locais. "Quero dar continuidade ao serviço pela comunidade, estando sempre atento á necessidades das pessoas e fazendo uso da política, para prolongar os laços que sempre se nutriram."

Lina Fernandes - Bairro; Maria José Barbosa - Delães; António José Oliveira - Joane; Avelino Silva - Landim; Cidália Cunha - Oliveira S. Mateus; Liberta Carina - Pedome; José Salgado - Riba de Ave e José Azevedo - Vermoim Faltam ainda apresentar: Nine, Fradelos, União de Freguesias Cavalões, Outiz e Gondifelos, Vilarinho, União de Freguesias Famalicão e Calendário, Oliveira Sta Maria, Ribeirão, União de Freguesias Antas e Abade Vermoim, Avidos, Lagoa, Gavião


Câmara Municipal Custódio Oliveira, candidato pelo PS à presidência da Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão faz-se acompanhar pelos seguintes candidatos á vereação do município famalicense: António Barbosa, Maria José Gonçalves, Luis Moniz, Silvestre Sá Machado, Filipa Cunha, Cristiano Silva, Carlos Silva, Diana Dias, Rui Manuel Carvalho, Joaquim Pinheiro, Ana Sofia Cardoso, João Paulo Carvalho, Manuel Ferreira, Rita Azevedo, Daniel Machado, António Sá, Flávia Oliveira, António Campos, Rui Silva, Candida Vidrago, Ana Paula Costa.

Custódio Oliveira

Assembleia Municipal Manuel Duarte Santos candidato à Assembleia Municipal de Vila Nova de Famalicão faz-se acompanhar dos seguintes elementos:

Manuel Duarte Santos

Emídio Rubim Santos, Maria Madalena Carvalho, Nuno Sá, Paulo Pinto, Maria Adelina Castro, José Lopes, José Reis Campos, Célia Castro, Raul Tavares Bastos, Hugo Sampaio, Carla Faria, Fernando Moniz, Vitor Pereira, Maria José Barbosa, André Filipe Costa, Domingos Peixoto, Cidália Araújo, Hilário Campos, António Ribeiro, Maria Machado, André Azevedo, Francisco Sá, Vera Barbosa, José Pereira, Ricardo Rodrigues, Joana Azevedo, António Jacinto Costa, Luís Miguel Soares, Carla Gonçalves, Bruno Silva, Carlos Soares, Joana Costa, Alberto Oliveira, Daniela Carvalho, Adolfo Oliveira, Susana Magalhães, Álvaro Azevedo, Manuel Ponte, Adília Pinto, Casimiro Carneiro, Joaquim Martins, Liliana Pereira, Ricardo Dias, Pedro Silva, Ana Maria Barroso, Frederico Sá, Hélder Carvalho,Liliana Ferreira, Agostinho Silva, Manuel Oliveira, Manuel Araújo.

Custódio Oliveira apresentou os Mandatários Financeiro e Concelhio da sua Candidatura O mandatário financeiro será o Dr. Domingues de Azevedo, Bastonário da Ordem dos Técnicos Oficiais de Contas e membro da Assembleia Municipal de Vila Nova de Famalicão. O mandatário Concelhio é Joaquim Lopes ex-trabalhor têxtil e ex-presidente de Junta de Lousado. Um homem simples e honrado que subiu a pulso na vida. Domingues Azevedo e Joaquim Lopes aceitaram ser mandatários porque acreditam na candidatura, na pessoa, nas ideias e projectos de Custódio Oliveira. Acreditam que só com o candidato PS à Câmara de Famalicão será possível mudar e FAZER MELHOR pelos famalicenses.


O Projeto do Metro em V.N de Famalicão

Medicamentos gratuitos para os idosos

“O Município de Vila Nova de Famalicão precisa de uma voz que se faça ouvir e de uma intervenção eficiente que corresponda à sua importância socioeconómica e cultural. Uma voz livre que coloque acima de tudo os interesses legítimos do Concelho.”

Criação de uma Comissão Municipal de Proteção à Pessoa Idosa

Está previsto o Metro do Porto ter uma linha até à Trofa a construir proximamente. Nesta perspetiva Custódio Oliveira, candidato do PS a presidente de Câmara, assume dar prioridade à elaboração de estudos preliminares que avaliem e avalizem a necessidade do impacto e vantagens do Metro em Famalicão. Caso este estudo considere ser o Metro um projecto positivo e necessário, Custódio Oliveira assume exigir junto do Governo o prolongamento da linha do Metro desde a Trofa e Famalicão.

Criação de Emprego Jovem 1,5 milhões de euros/ano da derrama Porque os jovens são uma das preocupações e prioridades para Custódio Oliveira e face ao drama do desemprego vivido no nosso concelho, criou-se uma medida de incentivo e promoção ao emprego jovem. Ao desemprego soma-se a ausência de oportunidades para os jovens. Muitos, depois de formados (e essa formação superior custa ao país centenas de milhares de euros), são forçados a emigrar, indo criar riqueza para outros países. Trata-se de “reter” 25% da verba resultante da derrama (à volta de 1.5 milhões de euros ano) para um programa ao qual podem concorrer empresas, IPSS, Escolas etc., que tenham projetos de criação de emprego para jovens.

Mensagens de Apoio o

Pensando nos idosos que são a classe mais frágil e vulnerável da sociedade o candidato a presidente da Câmara pelo PS assume o compromisso de atribuir um apoio à compra de medicamentos na parte não comparticipada, aos idosos cujos seus rendimentos sejam iguais ou inferiores ao indexante de apoios sociais (IAS = cerca de 419€).

Custódio Oliveira, assume ainda o compromisso de relançar o Cartão do Idoso que confere o benefício no acesso aos serviços da autarquia como transportes, piscinas, serviços sociais e outros serviços. Soma ainda a estes compromissos criar no âmbito dos transportes municipais um serviço de Transportes para as Pessoas com Mobilidade Reduzida, e um serviço de Enfermagem ao Domicilio. Por fim, e porque os idosos merecem uma qualidade de vida justa e digna o candidato do PS promete um serviço SOS IDOSO que proporciona aos mais velhos a realização de pequenas obras ao domicílio permitindo maiores índices de mobilidade e conforto.

Criação do Fundo Ativo de Solidariedade – 250 mil euros A pobreza é uma ameaça permanente de exclusão social. As situações de pobreza estão a agravar-se em toda a Europa. A solidariedade ativa é uma resposta e um dever dos poderes públicos da sociedade em geral. Queremos um Concelho onde a pobreza seja encarada e combatida como um problema grave e um risco permanente de exclusão social. Uma Câmara Municipal ao serviço das pessoas tem que assumir políticas proactivas de combate a todas as formas de pobreza e exclusão social. Neste sentido Custódio Oliveira assume o compromisso de criar um Fundo Ativo de Solidariedade (FAS) a ser gerido por uma entidade exterior à Câmara Municipal publicamente creditada, para o qual podem contribuir pessoas singulares e colectivas, por forma a existirem recursos para combater as situações de pobreza e exclusão social. A Câmara Municipal, enquanto durar a actual situação de crise, contribuirá com uma verba anual de 250 mil euros, para este fundo.


FAZERMELHOR2