Page 362

XXI - Proposta Pedagógica - 361

Etapa 2 - Justificativa e desenvolvimento da proposta A rigor, alguns aspectos discutidos, abaixo, devem ser entendidos e desenvolvidos antes da elaboração da proposta curricular. Na prática, no entanto, as escolas, por pertencerem a um sistema de ensino, normalmente partem de uma proposta mais concreta - pré-existente, enviada pela Secretaria, e a partir dela elaboram suas próprias concepções e ajustes. No início do processo de aprender a elaborar propostas pedagógicas, o mais importante, independentemente da ordem, é a escola entender o que está fazendo e por que está apresentando ou utilizando uma determinada proposta. Quanto mais autonomia intelectual e técnica a escola tiver, mais ela será capaz de definir, por si só, sua proposta. A justificativa deve ser capaz de conectar: • a missão, visão e objetivos da escola; • as prioridades estabelecidas no PDE, referentes aos problemas e desafios mais urgentes da escola, face a seus alunos e comunidade; • o embasamento teórico e conceitual para as escolhas de estrutura, conteúdo e métodos de ensino e avaliação (paradigma curricular); • as atividades curriculares e as demais atividades da escola; • os objetivos com os resultados esperados. Justificar adequadamente um currículo depende muito das competências existentes na escola e do grau de consenso, sobretudo dos professores e dirigentes, a respeito do que entendem como educação e ensino. Essas discussões costumam ser muito polarizadas - quer pela dominância de uma determinada orientação, quer pela existência de grupos com orientações radicalmente diferentes, quer pela falta de segurança ou domínio das posições defendidas, que levam a posturas defensivas. A falta de preparo, a insegurança e falta de experiência na discussão de questões pedagógicas muitas vezes têm levado a discussão a um terreno pouco produtivo, em que predominam teorias ou conceitos mal assimilados, obediência cega a formalismos ou exigências burocráticas, ou, simplesmente, à discussão radical ou ideológica de preferências ou pontos de vista pessoais. Daí a importância da liderança do diretor em criar as competências básicas e um clima adequado para uma discussão produtiva.

Escola Eficaz  
Escola Eficaz  

Concetos, instrumentos e ingredientes que tornam uma escola eficaz.

Advertisement