Page 1

Radiação vaza de usina nuclear japonesa após terremoto

Vazamento de radiação nuclear no Japão

Como todos nós sabemos, o Japão sofreu há cerca de um mês atrás, mais especificadamente dia 11 de março de 2011, uma série de fenômenos naturais. O pior de todos, que trouxe mais consequencias, foi o terremoto, de magnitude 8.9 que provocou um tsunami na costa japonesa. A usina nuclear, localizada em Fukushima, foi muito afetada pelos altíssimos tremores, de forma que, enquanto a Tepco (Tokio Eletric Power Co), operadora da usina, trabalhava desesperadamente para reduzir a pressão no núcleo do reator. Houve um tremor que provocou a queda do telhado. Com a grande movimentação das placas tectônicas, a usina ficou mais vulnerável e acabou derretendo após algumas misturas de substâncias químicas, provocando a grande explosão, que resultou no vazamento de radiação nuclear. A radiação nuclear é caracterizada pela origem no núcleo de determinados átomos de elementos químicos que não são estáveis. Essa radiação vazou pela costa japonesa, e afetou muitos outros lugares, devido á sua grande “potência”. Os governos tentaram tranqüilizar a população, porém era inevitável todo esse pânico. Todos já sabiam dos vários riscos que corriam, são eles: câncer, modificação de moléculas, intoxicação de alimentos (peixes e frutos do mar), doenças em geral. Alguns procedimentos foram feitos para que essas consequências não ocorressem, como o afastamento da população num raio de 80 km, alimentos industrializados sem fonte do mar, etc. Os especialistas afirmam que esse vazamento é o maior da história, e muito perigoso, o mundo precisa ter dimensão desse acidente e das consequencias que proporcionará se não houver uma compreensão para o bem de todos no planeta. Houveram especulações de que essas radiações afetariam os Estados Unidos. Com base nas informações, alguns cientistas físicos e químicos afirmaram que seria improvável caso chegasse nos EUA, devido a grande distância e a diluição que provavelmente essas radiações sofreriam. Já outros especialistas, afirmaram que o país da América do Norte seria sim afetado, devido aos


ventos, que traria essa mistura de substância química em forma de nuvem, ou então viriam por correntes marítimas. Atualmente, há uma “calma” maior da população e do governo, pois os estudos apontam que as piores explosões já foram, e o que poderia acontecer, são explosões com dimensões menores, que não causariam danos consideráveis no atual momento dos países afetados. A única preocupação dos cientistas, refere se ás barras de combustíveis expostas ao meio ambiente que podem causar danos ao ar do local. Muitos países tinham projetos reais para construções de usinas nucleares, porém, após esse episódio, os estudos estão sendo feitos com mais atenção e cuidado, para que não haja um acidente desse nível. Os aspectos benéficos seria a preservação de matérias do meio ambiente, o que chama a atenção de grandes potências mundiais. Estudos apontam que seria necessário cerca de 30 anos para que metade dessa substância se diluísse, ou seja, teríamos que aguardar 60 anos para que todos os resíduos desse acidente fosse diluído. Acontecimentos como esse, é novamente um alerta para todos os países e todas as famílias. É preciso uma conscientização maior da atual situação que vivemos e do risco que corremos. Devemos fazer a nossa parte, contribuindo de qualquer forma para o meio ambiente! Se não houver uma mobilização, continuaremos sofrendo com mortes, vítimas, e muitas outras consequências que poderiam ser evitadas. Referências bibliográficas: http://pt.shvoong.com/society-and-news/column/2134838-vazamentoradia%C3%A7%C3%A3o-nuclear-nas-usinas/ http://noticias.terra.com.br/mundo/asia/terremotonojapao/noticias/0,,OI4993314EI17716,00-Explosao+de+usina+nuclear+no+Japao+cria+tensao+na+China.html http://www1.folha.uol.com.br/mundo/887773-radiacao-vaza-de-usina-nuclearjaponesa-apos-terremoto.shtml

Clara Paiva e Fernanda Cavalcanti- 1ºD

Radiação vaza de usina nuclear japonesa após terremoto  

Radiação vaza de usina nuclear japonesa após terremoto

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you