Issuu on Google+

INFORMATIVO • 2009

Ano II Nº07 • Jul / Ago

BOTICA chega ao Grande Dirceu Pág. 02

Entrevista: Dr. Vespasiano J. Rubim N. Filho Pág. 05

Exercícios para praticar nas férias

As cores dos alimentos e sua saúde

Pág. 06

Pág. 07


INFORMATIVO • 2009

Ano II Nº07 • Jul / Ago

É inegável a tendência do comércio sair do centro da cidade e se instalar nos grandes bairros. As vantagens são inúmeras para ambas as partes: comerciantes e clientes. No Grande Dirceu, com uma população de aproximadamente 200 mil pessoas, esse movimento é uma tendência que o bairro recebe com naturalidade. A região conta com bancos, postos de serviços, clínicas e consultórios médicos, grandes magazines, óticas, lojas de roupas entre outras. Agora a população vai contar também com uma Farmácia Botica, que se instalou no bairro para oferecer à comunidade, a qualidade dos serviços que já é marca registrada da Botica. Com uma localização privilegiada, na avenida principal do bairro, na nova Botica o cliente pode encomendar medicamentos, chás, Florais de Bach e toda a linha de produtos de beleza e cuidados pessoais que fazem parte dos produtos Botica. A Botica do Grande Dirceu fica na avenida Principal, Q 182, C 10 Teresina Rua São Pedro, 2130/Centro Rua Des. Pires de Castro, 124/Norte Rua Des. Pires de Castro,138 Centro/Sul Rua Des. Pires de Castro, 610 Centro/Sul Riverside • Praça do Caribe Loja V - 65

Central de Atendimento ao Cliente (86) 3221.3204 Parnaíba Av. Presidente Vargas, 720 Centro Central de Atendimento ao Cliente (86) 3322.3204

EDITORIAL Mais uma vez julho, mais uma vez tempo de descansar, rever amigos, armazenar energias para o restante do ano. Nessa edição do Magazine Botica vamos falar de infecção intestinal, uma doença que pode, por um descuido, arruinar as férias de muita gente. Para dar dicas sobre como evitar esse mal, vamos conversar com o gastroenterologista Dr. Vespasiano J. Rubim N. Filho. Mas julho é também época de exercícios ao ar livre. Nós listamos sete

modalidades que podem ser praticadas ao ar livre, no campo, na praia ou na cidade, o que importa é se exercitar para manter a boa forma e uma excelente qualidade de vida. As cores dos alimentos que comemos também dizem muito sobre a nossa saúde, você vai descobrir os alimentos ideais para uma dieta equilibrada. Tudo isso e muito mais nessa edição do Magazine Botica. Uma boa leitura!

EXPEDIENTE Informativo Bimestral da Farmácia de Manipulação Botica Textos e Revisão: Lili Batista DRT - PI 935 Fotos: Botica e Divulgação Fontes: ABC da Saúde e MBPress

Projeto Gráfico e Editoração Eletrônica: 765 Comunicação Gráfica: Gráfica do Povo Tiragem: 2.000 exemplares

Ano II Nº07 • Jul / Ago

Ao contrário de outras partes do corpo as mãos não podem contar com uma cirurgia plástica para reparar a ação do tempo, por isso cuidados diários são necessários. Mãos ressecadas, com unhas manchadas, roídas e quebradiças são queixas comuns principalmente entre as mulheres. Mas cuidados simples podem deixar as mãos macias e as unhas fortes e bonitas. O dorso das mãos tem a pele fina, delicada e com pouca quantidade de glândulas sebáceas, o que as tornam mais sensíveis à desidratação. As mãos são frequentemente vítimas de mudanças bruscas de temperatura e de agentes agressores que podem afetar sua maciez. O uso de hidratantes pode auxiliar no combate ao

INFORMATIVO • 2009

ressecamento da pele, mas infelizmente isso não impede que agentes como o envelhecimento cronológico, ação do sol e outros componentes químicos que estamos em constante contato não provoquem o aparecimento de manchas e o aspecto ressecado. Com os avanços tecnológicos, muitas são as alternativas encontradas para acabar com esse tipo de problema. Consulte um dermatologista e peça orientação. De qualquer forma vale lembrar da importância de continuar utillizando cremes hidratantes frequentemente para manter a umidade normal da pele, filtro solar e o uso habitual de luvas para realizar tarefas domésticas.

DICAS PARA UNHAS BONITAS E SAUDÁVEIS • Assim como a pele, as unhas também necessitam de hidratação. Para garantir que elas permaneçam saudáveis e fortes é preciso aplicar um hidratante. Aproveite quando for hidratar as mãos e passe o produto também nas unhas. • Bases fortalecedoras podem ajudar. Agora fique atento às unhas que sofrem alterações, ou seja, se nunca foram fracas e de repente ficaram, estas devem ser observadas por médicos. • Para evitar o problema de unhas encravadas, nunca deixe que as cortem demais, principalmente nos cantos. Para quem tem uma unha que cisma em crescer para baixo, prendendo na pele, existe uma pequena cirurgia que modifica a direção do crescimento da unha, podendo ser realizada no consultório, com anestesia local. • Para quem tirar toda a cutícula é tão necessário quanto tomar banho, a dica é diminuir essa agressão aos poucos. Uma boa dica é todo dia, logo após o banho, afastar a cutícula. Faz uma diferença enorme. Mas não pode ser com muita força. • E não esqueça de passar filtro solar nas mãos e reaplicar o produto sempre que necessário.


Ano II Nº07 • Jul / Ago

INFORMATIVO • 2009

INFORMATIVO • 2009

Ano II Nº07 • Jul / Ago

ENTREVISTA O Especialista em Gastroenterologia e Endoscopia Digestiva Dr. Vespasiano J. Rubim N. Filho do Hospital da Beneficencia Portuguesa do Rio de Janeiro e Hospital de Ipanema . Além de Intensivista da UTI do Hospital Getulio Vargas e Médico da Fundação Municipal de Saúde, em Teresina é o nosso entrevistado desse mês. Quais os alimentos que mais causam infecção intestinal? Não existe este ou aquele alimento que causa mais infecção intestinal. Em tese, qualquer fonte pode levar a infecção intestinal, basta que esteja contaminada com agentes causadores, ou patógenos, que podem ser bactérias / fungos e / ou vírus.

um quadro diarréico pode até ser fatal para o paciente, visto que a diarréia não deixa de ser um mecanismo de defesa, pois nela estão toxinas que o organismo está eliminando. Como evitar a desidratação? O fundamental é manter a pessoa sempre hidratada, para evitar a desidratação, principalmente as crianças. Oferecer líquidos à vontade e persistentemente, em pequenas quantidades, por todo o dia,em 80% dos casos o quadro cede, sem precisar-se de antibióticos e/ou internação hospitalar. Quando é preciso procurar o médico ou hospital? Procurar o médico sempre, pois a automedicação é perigosa e só ele terá condições de avaliar com segurança, inclusive fazendo um diagnóstico diferencial com outras doenças que também podem vir acompanhadas de diarréia, cólicas, febre, etc.

Como pode ser prevenida a infecção intestinal? Devemos tomar cuidados especiais com a maneira de armazenamento dos alimentos, e é aí que reside o problema. Para cada tipo de alimento há uma forma mais segura de se preservá-lo e um prazo para se consumiComo lo. A regra é sempre respeitar este prazo. Cuidado também “Devemos tomar com o consumo de alimentos cuidados especiais expostos ao meio ambiente, pois a contaminação pelo ar, com a maneira de por mãos mal lavadas, etc, armazenamento favorecem o problema.

Como não ceder às delícias disponíveis em quiosques e restaurantes. Frutos do mar, saladas, frituras, salgadinhos, são tantas as irresistíveis tentações que estão por toda parte nesse período de férias. Mas os riscos de infecções intestinais são grandes e o sofrimento pode durar semanas. Um dos motivos que mais levam a população a procurar um pronto-socorro é a infecção intestinal, que pode ser causada pelo rotavírus ou pelo consumo de alimentos contaminados. Com o calor, as bactérias se proliferam mais e a comida estraga mais facilmente, além disso, o alimento pode ser acondicionado de forma indevida, aumentando o risco de contaminação. Os sintomas da infecção intestinal são vômito, diarréia, febre e desidratação. As crianças e os idosos são as principais vítimas, uma vez que a desidratação pode acontecer com maior facilidade. Entretanto, todos, independente da idade, estão sujeitos à doença. Para saber dicas de como se prevenir e evitar um incômodo durante as férias, conversamos com o gastroenterologista Dr. Vespasiano J. Rubim N. Filho.

evitar quadros semelhantes no futuro? A profilaxia da infecção intestinal é o mais importante, evitando-se o consumo de alimentos expostos nas ruas, que não estejam cobertos, observando-se o prazo de validade dos alimentos. do que se está comprando, as condições daquelas pessoas que É aí que reside Como fica a alimentação estão vendendo o produto (devem o problema”. do paciente com infecção estar com luvas e toucas na cabeça, intestinal? no caso da venda de carne, por exemplo), se O paciente com quadro de vômito, o produto tem o rotulo do órgão fiscalizador dor abdominal, diarréia e/ou febre, (vigilância sanitária), bem como se o com consequente queda do estado estabelecimento está legalmente autorizado geral (desidratação), merece cuidados para tal. Sem falar dos cuidados básicos de especiais, e até internação hospitalar, higiene, que são muito importantes (lavar se assim o médico indicar. Para casos sempre e com frequencia as mãos, pratos, mais brandos, uma alimentação leve, colheres, etc). com pouco resíduo, sem gorduras e sem excesso de massas e carne vermelha, acompanhada de muita ingestão de líquidos, com uma medicação sintomática ( antieméticos, Dr. Vespasiano J. antiespasmódicos, estimuladores da Rubim N. Filho. flora intestinal, etc.) resolve o problema. CRM 01495 - PI. Antibióticos só usamos em casos Consultório, Rua 19 de graves e sempre com acompanhamento Novembro, 71, C /N, médico. Um alerta deve ser dado aos Teresina-PI antidiarréicos, principalmente do grupo (86) 9452.1506 da loperamida. Medicação para suspender 3222.2837


Ano II Nº07 • Jul / Ago

INFORMATIVO • 2009

Fim de semana, feriados prolongados e férias, que delícia! São dias em que queremos estar livres para fazer o que bem entendermos, nos divertir, passear, bater um bom papo, reunir os amigos ou familiares a fim de proporcionar horas de lazer, bem-estar, alegria e motivação para recomeçar. O clima de férias é convidativo para a prática de esportes. Na praia, no campo ou mesmo na cidade, o importante é aproveitar a animação que o sol nos proporciona. Para se divertir e queimar calorias ao mesmo tempo, o Magazine Botica dá algumas opções de exercícios para fazer nas férias. No entanto, vale ressaltar que é muito importante começar aos poucos, não adianta exagerar na carga dos exercícios em duas semanas de férias. Isso pode ocasionar dores musculares e até mesmo lesões. Confira as dicas, escolha seu esporte preferido e mexa-se nestas férias. CAMINHADA Simples e prazerosa, a caminhada pode ser feita em qualquer lugar. Porém, procure caminhar em lugares que tenham sombra, para evitar desgaste em excesso, e insolações. O uso de meia e tênis é fundamental para não prejudicar a coluna e o tornozelo. Calorias perdidas por 30 minutos do exercício: 276 kcal. CAMINHADA NA AREIA

praticar vôlei se nunca tiver jogado antes. Escolha um time de iniciantes e comecem a atividade juntos. BICICLETA Pode ser em uma ciclovia ou na areia da praia, mas procure sempre pedalar em linha reta. Começar devagar é importante para quem não tem o costume de praticar o exercício. Aumente o percurso e a intensidade das pedaladas conforme o tempo de prática. Calorias perdidas por 30 minutos do exercício: 126 kcal

Calorias perdidas por 30 minutos do exercício: 270 kcal

Calorias perdidas por 30 minutos do exercício: 260 kcal

NATAÇÃO Essa atividade promove um grande gasto calórico e é a mais refrescante de todas. Piscinas são uma ótima opção. Se preferir o mar, tome cuidado com a correnteza e com a mudança das marés.

FRESCOBOL

ATIVIDADES LIVRES NA PRAIA

Exercitar-se e melhorar a coordenação motora são os principais benefícios desta atividade. A diversão também é garantida ao jogar frescobol.

Algumas praias oferecem atividades gratuitas feitas em grupo. Geralmente, são aulas de alongamento e dança. Os horários são bem flexíveis e levam em consideração o cuidado com a exposição solar (as aulas são de manhãzinha ou no final da tarde).

VÔLEI DE PRAIA Apesar de divertido e de proporcionar interatividade, é preciso ter certa noção de como jogar para não atrapalhar os demais integrantes do time. Mas isso não significa que você não possa

INFORMATIVO • 2009

Quem nunca ouviu falar que um prato saudável é um prato colorido? A cor dos alimentos pode ser um grande aliado da sua saúde. Quanto maior a variedade de cores maior a quantidade de nutrientes diferentes que estaremos ingerindo. As cores dos alimentos são determinadas pela presença dos pigmentos. Estas substâncias, além de colorir, desempenham frequentemente papéis importantes na prevenção e na proteção do organismo contra doenças infecciosas. Uma dieta colorida tem mais chances de ser mais saudável. Veja a seguir o que está por trás das cores dos alimentos.

Calorias perdidas por 30 minutos do exercício: 150 kcal

Andar na beira do mar não só queima calorias, como também fortalece os músculos inferiores. Para você, que está começando a se exercitar, faça sua caminhada com a água do mar na altura do tornozelo. Se você já é assídua da atividade, pode caminhar com a água até o joelho. Além de refrescar, a água dá uma sensação agradável ao exercício.

Calorias perdidas por 30 minutos do exercício: 190 kcal

Ano II Nº07 • Jul / Ago

Tomar cuidado com o horário do sol é fator importante para todos os exercícios feitos ao ar livre. O ideal é que sejam praticados antes das 10 da manhã ou depois das 4 da tarde. E não se esqueça de passar o protetor solar.

Alimentos Brancos Os alimentos de cores brancas como o leite, queijo, couveflor, batata, arroz, cogumelo e banana são as melhores fontes de cálcio e de potássio. Estes minerais são importantes para o funcionamento do organismo, porque: 1.Contribuem na formação e manutenção dos ossos. 2.Ajudam na regulação dos batimentos cardíacos. 3.São fundamentais para funcionamento do sistema nervoso e dos músculos. Alimentos Vermelhos O licopeno é uma substância que age como antioxidante e é responsável pela cor vermelha do morango, tomate, melancia, caqui, goiaba vermelha, framboesa, cereja. Mais recentemente foi apontado como um protetor eficaz contra o aparecimento de câncer de próstata. Os alimentos vermelhos contêm, ainda, antocianina que estimula a circulação sanguínea. Alimentos Amarelos O mamão, a cenoura, a manga, a laranja, a abóbora, o pêssego e o damasco são alimentos de cores amarela ou alaranjada que são ricos em vitamina B-3 e ácido clorogênico. São substâncias que mantêm o sistema nervoso saudável e ajudam a prevenir o câncer de mama. Para completar, eles também possuem beta-caroteno, um antioxidante que ajuda a proteger o coração.

Alimentos Arroxeados Os alimentos azulados e arroxeados, como a uva, a ameixa, o figo, a beterraba ou repolho-roxo contêm ácido elágico, substância que: 1.Retarda o envelhecimento. 2.Neutraliza as substâncias cancerígenas antes mesmo delas alterarem o código genético. Alimentos Verdes Os alimentos de cor verde como os vegetais folhosos, o pimentão, o salsão e as ervas contêm clorofila e vitamina A, substâncias com os seguintes efeitos: 1.Desintoxicam as células. 2.Inibem os radicais livres — substâncias que danificam as células. 3.Tem efeito anticancerígeno e ajudam a proteger o coração. 4.Protegem o cabelo e a pele. Alimentos Marrons As fibras e vitaminas do complexo B e E são, principalmente, encontradas nas nozes, aveia, castanhas e cereais integrais, que por sua vez tem uma cor marrom. Tais substâncias e nutrientes têm importâncias vitais no organismo: 1.Melhoram o funcionamento do intestino. 2.Combatem a ansiedade e a depressão. 3.Previnem o câncer e as doenças cardiovasculares. Uma Dica: Experimente incluir na sua alimentação no mínimo 1 alimento de cada grupo e observe as melhorias ao longo de 1, 2 e 3 meses.


INFORMATIVO • 2009

Ano II Nº07 • Jul / Ago

8 JEITOS DE MUDAR O MUNDO NÓS PODEMOS


Jornalbotica07edicao