Page 48

Mercado Notas

FAPEMIG MARCA PRESENÇA NA 62ª REUNIÃO DA SBPC

NÚCLEO DE DIFUSÃO CIENTÍFICA COMEÇA A SE ESTRUTURAR Divulgar a ciência, a tecnologia e a inovação para o público leigo por meio de diferentes meios de comunicação que incluem rádio, TV e internet. Essa será a missão do Programa de Comunicação Científica, Tecnológica e de Inovação (PCCT) da FAPEMIG. O primeiro passo para sua implantação foi dado em julho, com o lançamento do edital do Programa que convidava profissionais da área a se candidatar a uma vaga na equipe. Ao todo, 58 propostas foram recebidas para análise. Os candidatos já realizaram uma prova prática, que simulou uma coletiva com pesquisadora. A equipe de julgamento irá avaliar a capacidade de síntese, correção e o uso dos elementos textuais próprios de cada veículo de comunicação. A previsão é que o resultado seja divulgado em outubro para que o grupo comece seu trabalho ainda em 2010. “A divulgação da ciência, dos avanços proporcionados por ela e também dos conflitos gerados faz parte da missão da FAPEMIG. Essa nova equipe de profissionais formará um núcleo de produção em jornalismo científico que irá contribuir para a democratização do conhecimento”, opina a assessora de comunicação social da FAPEMIG e coordenadora geral do PCCT,Vanessa Fagundes.

48

MINAS FAZ CIÊNCIA - MAR. A MAIO / 2010

oportunidades de bolsas para estudantes e seu programa de divulgação científica Minas Faz Ciência, composto por revista e vídeos. Neste ano, a FAPEMIG também apresentou em seu estande o projeto “Animais peçonhentos – conhecer e não temer”, da Fundação Ezequiel Dias (Funed). O projeto, que recebeu apoio da FAPEMIG dentro de seu edital de popularização da ciência, é composto por banners explicativos e réplicas de serpentes que ajudam a demonstrar a diferença entre cobras peçonhentas e não peçonhentas. Além disso, o projeto é ponto de partida para falar sobre a importância desses animais para a ciência e alguns dos resultados já obtidos a partir de seu estudo, como medicamentos para hipertensão.

Foto:Vanessa Fagundes

Estande da FAPEMIG na reunião da SBPC apresentou as modalidades de apoio e o programa de divulgação científica da Fundação.

PARCERIAS COM EMPRESAS JÁ TÊM RESULTADOS A indução e o fomento à inovação também fazem parte da missão da FAPEMIG. Para isso, a Fundação mantém um diálogo com empresas que têm interesse em investir em ciência e tecnologia. O resultado é que, em 2010, quatro editais, frutos de parceria entre o governo e o setor empresarial, foram lançados pela Fundação: a chamada de proposta 01/2010, em parceria com a Vale; os editais 11/2010 e 12/2010, em parceria com a Whirlpool; e o edital 13/2010, em parceria com a Fiat. Por meio deles, será investido cerca de R$45 milhões para o desenvolvimento de projetos com foco em inovação. A novidade foi a realização de seminários técnicos para esclarecer dúvidas e orientar a elaboração de propostas. Os pesquisadores das áreas tema dos editais que possuíam cadastro na FAPEMIG foram convidados a participar. Neste encontro, após uma apresentação dos parceiros e do edital, um grupo formado por representantes da empresa e da Fundação colocavam-se à disposição dos presentes para responder as perguntas. De acordo com Mario Neto Borges, presidente da FAPEMIG, o objetivo geral dos seminários técnicos é estimular a apresentação de propostas e divulgar as parcerias. “Esse trabalho conjunto é importante porque incentivar a articulação entre três elos - empresa privada, meio acadêmico e governo - que historicamente têm deficiências de comunicação”, opina. O seminário mais recente teve como tema o edital da Fiat. “O sucesso do Seminário surpreendeu nossas expectativas. Mestres e doutores renomados se mostraram engajados no projeto, apresentando questionamentos e intenções de propostas extremamente relevantes e em sintonia com o que esperamos”, conta João Ciaco, diretor de Publicidade e Marketing de Relacionamento da Fiat Automóveis. Ele completa: “A parceria com a FAPEMIG possibilita a aproximação entre a Fiat e as instituições de ensino do Estado, o que nos permite fomentar a geração do conhecimento aplicado, promovendo a inovação”. Atualmente, os editais em parceria com a Vale e a Whirlpool encontram-se em fase de análise e julgamento enquanto o edital com a Fiat ainda recebe propostas – o prazo máximo é 30 de setembro. Seminário técnico Fiat. Após apresentação, pesquisadores tiraram dúvidas com a empresa.

Foto:s Divulgação FIAT

De 25 a 30 de julho, a Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) realizou sua 62ª reunião, que teve como tema central as Ciências do Mar. O encontro foi realizado na Universidade Federal do Rio Grande do Norte, em Natal (RN). Durante esses cinco dias, estudantes, pesquisadores e outros profissionais ligados à área da ciência, tecnologia e inovação participaram de palestras, apresentações de trabalhos, entre muitas outras atividades. Durante a reunião, foi realizada a feira Expotec, uma grande mostra de ciência e tecnologia. Pelo segundo ano consecutivo, a FAPEMIG esteve presente na feira, que registrou uma média de seis mil visitantes por dia. Em seu estande institucional, a Fundação apresentou suas linhas de apoio, as

Minas Faz Ciência 41  

Empreendedorismo - Merenda escolar- Redes de pesquisa - Engenharia sanitária - Biodiversidade

Minas Faz Ciência 41  

Empreendedorismo - Merenda escolar- Redes de pesquisa - Engenharia sanitária - Biodiversidade

Advertisement