Page 1

HIPERCROMIA: REVISÃO BIBLIOGRÁFICA Márcia Adriana Pontes1, Raquel Levin2 1

Pós-graduanda em Estética pela Faculdade Método de Ensino.

2

Professora do Curso de Pós-graduação em Estética da FAMESP e Orientadora do

trabalho. RESUMO O aparecimento de manchas escuras, principalmente na face, se configura em incômodo e preocupação por parte de um número cada vez maior de pessoas, principalmente mulheres, já que é um problema estético desagradável, muito visível e com tendência a se agravar com o tempo. Conhecida como hipercromia, estas manchas escuras resultam de duas situações: produção excessiva de melanina ou aumento do número de melanócitos e visualmente deixam algumas regiões da pele mais escuras que o normal. A origem das manchas pode ser congênita ou adquirida e surgirem devido ao sol, envelhecimento, variações hormonais, inflamações, alergias, dentre outros. Na maioria dos casos, o tratamento dermatológico estético destas manchas as ameniza ou até as elimina. É foco deste artigo, a hiperpigmentação em todas as suas ocorrências, principalmente aquelas que se localizam frequentemente em áreas fotoexpostas, suas causas e os variados e eficazes tratamentos existentes na dermatologia estética, com base em revisão bibliográfica. Palavras-chave: Hipercromia. Hiperpigmentação. Melanina. Melasma.

INTRODUÇÃO A hipercromia ou hipermelanose é a mais frequente das discromias e caracteriza-se pelo aparecimento de manchas escuras, localizadas principalmente em áreas fotoexpostas como face, antebraços e pescoço, conforme Tedesco, Adriano e Silva (2007). De acordo com Gonchoroski e Corrêa (2005), sua ocorrência deriva de duas situações: produção excessiva de melanina (pigmento que dá coloração à pele) ou aumento do número de melanócitos (célula produtora do pigmento). As hipercromias de maior ocorrência são o melasma (cloasma), a melanose solar, as efélides (sardas), a fitofotomelanose e a hipercromia pós-inflamatória (ALCHORNE; CESTARI, 2001; RIBEIRO, 2010).

Profile for FAMESP

Hipercromia  

Hipercromia  

Profile for famesp
Advertisement