Page 1

São José do Rio Pardo

27 de abril de 2013

Ano 105

R$ 2,00

2.647

Município realiza mutirão contra a dengue ARQUIVO PESSOAL

A cidade já contabiliza 323 pacientes suspeitos, dos quais 112 são casos confirmados; destes, apenas cinco são importados; 165 pessoas aguardam resultado de exames. Durante a se-

mana, vários mutirões de combate à dengue foram realizados. Além de nebulização em prédios públicos, ações foram promovidas em escolas. Na foto abaixo, à direita, equipe do REPORTAGEM

Semana é marcada por acidentes de moto São José do Rio Pardo teve mais uma semana marcada por inúmeros acidentes envolvendo motocicletas. Em um deles, duas motos se chocaram no bairro Dionysio Gue-

des Barreto, à noite, deixando duas pessoas feridas. Há relatos de fratura em pelo menos outra ocorrência. Houve também dois atropelamentos. Página A-7

MINHA CASA MINHA VIDA

Dedicação à Justiça e ao Esporte Além da reconhecida projeção como juiz de Direito e Eleitoral, André Antônio da Silveira Alcântara é um dos raríssimos magistrados brasileiros que também se destaca na área esportiva. Há oito anos ele participa de provas de triathlon no Brasil e até no exterior. Página A-9

Sais realizará sorteio de desempate de famílias Página A-5

PSF do bairro Carlos Cassucci, alunos da Emeb Professora Stella Maris Barbosa Catalano e estagiários do curso Técnico de Enfermagem da Fundação Educacional. Página A-8 DIVULGAÇÃO

Prefeitura fará nova licitação para esgoto Em razão de alterações que foram necessárias ao projeto de saneamento do município, a Caixa Federal e o Ministério das Cidades exigiram nova licitação da obra. O distrato será feito em comum acordo entre a Prefeitura e a Encalso Construções Ltda. O prefeito Santurbano assegurou junto à Caixa Econômica Federal que os recursos serão mantidos e o projeto poderá prosseguir. Página A-5


A-2 - 27 de abril de 2013

Informação ou deformação? Liberdade de imprensa. Ah, esta liberdade tão sonhada pelos profissionais e meios de comunicação social! Sim, ela existe. O Brasil, a propósito, é um forte exemplo de como esta liberdade é fundamental na formação de um país livre e democrático, e de como essa atuação contribui para a fiscalização do Poder Público e para a garantia dos direitos do povo brasileiro. Uma coisa, portanto, leva à outra: não se pode existir uma sociedade democrática sem uma imprensa livre. A imprensa, caro leitor, é um poderoso instrumento formador de opinião, e com a mesma velocidade que constrói, também pode destruir. Não é à toa que ela é considerada o Quarto Poder da sociedade. Mas, como tudo nessa vida, a liberdade também precisa de limites, e a da imprensa não é diferente. É, sim, ainda mais notória essa necessidade de liberdade de imprensa com responsabilidade, que significa respeitar alguns princípios éticos básicos, o que nem sempre é conhecido ou colocado em prática por profissionais da área.

Imprensa livre não é aquela que noticia qualquer fato, mas que noticia fatos verídicos. Da mesma forma, se é direito do jornalista noticiar fatos de interesse público, é dever do profissional a busca pela verdade dos fatos. Publicar o que não foi verificado é irresponsabilidade tanto para com a classe jornalística quanto para com o público. Homens e profissionais que se julgam portadores da sabedoria humana, profundos conhecedores de qualquer área da notícia, deveriam ter, ao menos, a noção do limite dessa liberdade. Expor pessoas ao ridículo, criticar sem fundamento, denegrir imagens, passar dos limites, “fabricar” notícias, tudo isso passa longe do direito de liberdade da imprensa, pois atinge a liberdade do outro. É fácil saber qual o limite: quando a sua liberdade atinge a liberdade do outro. É ditado popular! Mas há quem ignore esta simples regra, na maioria das vezes não pelo coletivo, mas por interesses pessoais ou de um grupinho formado. Por outro lado, não se pode negar que essa liberdade, que é indiscutivelmente bem-vinda, também deixa

a imprensa vulnerável a outros tipos de problemas. Um exemplo clássico pode acontecer após a realização de uma entrevista, quando muitas vezes não é possível checar se as todas as informações passadas pelo entrevistado são condizentes com a realidade. Há inúmeros casos neste sentido, em que um órgão de imprensa se sente impotente (por incrível que pareça!) diante de uma informação duvidosa. Ainda assim, o mais importante é que o papel da imprensa foi feito: procurar as partes e levar ao público a notícia, para que ele próprio julgue conforme seu entendimento. Este não é o caso de deformação da notícia. Deformar é alterar a verdade, mesmo que seja a verdade de um entrevistado, ou alterar o seu sentido original, maquiar, mudar, abafar, esconder. Neste caso, além de a informação passar a ser deformação, o mais prejudicado é o público, que tem sua liberdade cerceada e passa a ser subjugado em sua capacidade de entendimento. Isso, sim, é deformar.

coletti.imprensa@yahoo.com.br

Ações para evitar casuísmo eleitoral Os articuladores de novos partidos foram ao Supremo Tribunal Federal para tentar barrar o projeto de lei aprovado pela Câmara dos Deputados, que reduz as chances eleitorais, em 2014, das legendas recém-criadas. Estão questionando a constitucionalidade das novas regras eleitorais sob a alegação de quebra do direito à “livre organização partidária”. O projeto impede que parlamentares que migrarem para novas legendas levem as fatias do Fundo Partidário e do tempo de televisão e rádio dos partidos pelos quais foram eleitos. O projeto agora vai ser votado no Senado. Um outro movimento paralelo, liderado pela ex-senadora Marina Silva, o senador Aécio Neves e o governador pernambucano Eduardo Campos, está tentando convencer os senadores para que modifiquem o projeto aprovado pela Câmara de forma que sua

aplicabilidade aconteça somente depois das eleições de 2014. “Fazer mudança pontual na legislação eleitoral apenas para prejudicar novos partidos é casuísmo eleitoral. Não é possível ter, em uma mesma legislatura, dois pesos e duas medidas”- disse o senador Rodrigo Rollemberg (PSB-DF), referindo-se ao PSD do ex-prefeito Gilberto Kassab, que conquistou o Fundo Partidário e o tempo de tevê. Os que combatem o projeto aprovado pela Câmara acusam a presidente Dilma Roussef, o PMDB e o PT de tentarem inviabilizar a candidatura da ex-ministra Marina Silva à Presidência da República e atrapalhar o caminho dos candidatos presidenciáveis Aécio Neves (PSDB- MG) e o governador Eduardo Campos (PSBPE).

Duas vitórias Na noite de quarta-feira, os dois movimentos que lutam contra o casuismo eleitoral conseguiram duas vitória. O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, suspendeu a tramitação do projeto que dificulta a criação de partidos. Em liminar, o magistrado determinou que a proposta seja paralisada no Congresso até o julgamento do mérito do mandato de segurança protocolado pelo senador Rodrigo Rollemberg (PSD-DF). Justificando sua decisão, o ministro Gilmar Mendes alerta que houve uma “aparente tentativa casuística de alterar as regras para criação de partidos na corrente legislativa, em prejuízo de minorias políticas e, por conseguinte, da própria democracia”. Sem citar o nome do PSD, criado há dois anos, o ministro do STF destaca que a aprovação do projeto levaria a contradição em uma única legislatura. “A apro-

vação do projeto de lei em exame significará o tratamento desigual de parlamentares e partidos políticos em uma mesma legislatura. Essa interferência seria ofensiva à lealdade da concorrência democrática, afigurando-se casuística e direcionada a atores políticos específicos”, frisou Mendes. Ao entrar com o mandado de segurança, Rollemberg alegou que o projeto de lei é “visivelmente abusivo, casuístico, ilegal e inconstitucional”. Pouco antes de o ministro do STF Gilmar Mendes determinar a suspensão da tramitação da proposta, o governo federal sofreu uma derrota também no Senado. Por falta de quórum, foi derrubado o requerimento de urgência para a apreciação do projeto. Mesmo que tivesse sido aprovado, não teria validade devido a decisão de Mendes.

Destaques Desaposentadoria barrada - O Palácio do Planalto está tentando impedir a votação, na Câmara dos Deputados, do projeto de lei aprovado no Senado prevendo a desaposentadoria. Ou seja, permissão ao trabalhador voltar à ativa para aumentar o valor da sua aposentadoria. Segundo o Ministério da Previdência, se essa lei entrar em vigor, o seu impacto nas contas previdenciárias será da ordem de R$ 70 bilhões por ano. FHC e Lula juntos - O presidente da Câmara está planejando um debate sobre a inserção do Brasil no mundo contemporâneo. As duas estrelas do evento seriam os ex-presidentes Fernando Henrique Cardoso e Lula. Saindo do sufoco - A presidente Dilma Roussef, mais um vez, tira o empresário Eike Batista do sufoco. Ela autorizou o BNDES conceder empréstimo de R$ 935 milhões para o empresário carioca tocar as obras do Porto Sudeste, em Itaguaí (RJ). Eike já havia recebido do governo R$ 10 bilhões. Seca - No dia 8 de maio a Câmara dos Deputados realizará uma Comissão Geral para debater soluções para a atual seca no Nordeste, considerada

a mais grave dos últimos 50 anos. Pesquisadores e especialistas foram convidados para apontar alternativas concretas que possam minorar os efeitos da seca. Abençoada Roseana - Roseana Sarney, atual governadora do Maranhão, filha do todo poderoso expresidente José Sarney, acaba de ser aposentada como servidora do Senado, com salário vitalício de R$ 26,9 mil mensais. Ela ingressou no Senado como integrante de um “trem da alegria”, em 1974. E não trabalhou um dia sequer, já que passou a ocupar seguidamente cargos de deputada, senadora, governadora e assessoria ao presidente José Sarney. Bernardinho na política - O vitorioso técnico da seleção brasileira de vôlei foi convidado pelo presidenciável Aécio Neves a ser candidato dos tucanos ao governo do Estado do Rio de Janeiro, em 2014. Bernardinho é conhecido por sua liderança, sagacidade e muita capacidade de planejamento. Malam - Pedro Malam, ministro da Fazenda durante os oito anos do governo FHC, foi também convidado para entrar na política, disputando o cargo de senador pelo Rio de Janeiro.

Dívidas e mais dívidas A administração municipal passada deixou dívidas que ainda são incontáveis. Somente com operadora de telefonia Vivo, por exemplo, ficou uma dívida de R$ 290 mil, o que acarretou prejuízos na utilização de serviços em alguns departamentos. A atual gestão está em negociação com a operadora há alguns meses, para que seja feito parcelamento do total. Na última sexta-feira foi autorizado o pagamento de oito contas de 2012 da Etec Paula Souza. A Prefeitura espera normalizar os serviços da escola para que os alunos não sejam prejudicados com cortes no serviço. Sinovo Alguns guardas civis municipais foram descolados para o prédio onde funcionava a Sinovo, com vistas a auxiliar na proteção do patrimônio. A ação foi realizada para atender a uma determinação judicial, devidamente amparada pela lei. Esta é a verdade, que contraria boatos infundados espalhados por uns e outros. Roupa boa a gente doa A Polícia Militar do Estado de São Paulo está participando da Campanha do Agasalho, promovida pelo Fundo Social de Solidariedade, tendo como slogan “Roupa boa a gente doa”. Em São José do Rio Pardo, doações de roupas usadas, limpas e em bom estado de conservação podem ser entregues no Batalhão da Polícia Militar, que fica na rua Rui Barbosa, 43. Agora sim! Inaugurado na gestão passada sem condições de uso por não ter meios de acesso, o prédio onde funcionará a Secretaria de Segurança e Trânsito acabou de receber a concretagem da laje de acesso. Outro prédio que poderá ser utilizado em beve é o do PSF do Domingos de Sylos, que recebeu esta semana a aprovação da Vigilância Sanitária. Interrupção de água (I) A Prefeitura comunica que no domingo, 28, o Departamento de Água e Esgoto (DAE) executará obras de prevenção nas instalações elétricas da Estação de Tratamento de Água central, provocando interrupção de água das 7h00 às 12h00, nos bairros Vila Brasil, Jardim Aeroporto, Vila Pereira, Jardim Santa Tereza, Jardim Luciana, Alto da Bela Vista, João Oliveira Machado e Jardim Nova Belmonte. Interrupção de água (II) Ainda no domingo, o DAE substituirá a camada filtrante da ETA no bairro Santo Antônio. O serviço será feito durante quatro domingos, para evitar a interrupção no fornecimento de água nos bairros Vale do Redentor I, II, III e IV, Dionísio Guedes, Nova Esperança, Jardim São Bento, Santo Antônio, Beira Rio, Vale do Rio Pardo e Natal Merli I e II, Caso ocorra a falta de água em algum destes locais durante a execução dos serviços, o abastecimento será normalizado sempre até 12h00. Recicla São José A Secretaria de Assistência e Inclusão Social informou, esta semana, que já está em busca de um local para retorno das atividades do programa Recicla São José, já que o prédio anterior não era apropriado. Para ser funcional, o espaço para o programa necessita de banheiro com chuveiro, refeitório e condições adequadas para a correta armazenagem dos materiais. Menos sujeira e mais segurança Um projeto de lei do vereador José Roque Rueda pretende regularizar a situação dos materiais de propaganda eleitoral, em dia de eleição. Caso seja sancionada a lei, o candidato ficará proibido, no dia da eleição, de jogar material de propaganda nos locais de votação. Foi aprovada por unanimidade em primeira discussão e deverá voltar na próxima sessão. Na Câmara Na próxima sessão ordinária do dia 30, o arquiteto Daniel Garcia Cobra Monteiro ocupará a Tribuna Livre da Câmara Municipal, para falar sobre a implantação do tratamento de esgoto. O coordenador de Planejamento e Obras da Prefeitura foi indicado pelo vereador Marco Antonio Gumieri Valério.

GAZETA DO RIO PARDO é uma publicação semanal de GAZETA DO RIO PARDO LTDA, editada à Avenida Olinda Ralston, 411- Vila Formosa - Fone: (19) 3682-8879 - CEP 13.720-000 - São José do Rio Pardo - SP. Editor: Giselle Torres Biaco Redação: Eduardo Eron Colaboração: Fagner Nasser. Diagramação: Marco Antônio Cassucci. Departamento Comercial: Elisete Paduelli GAZETA na INTERNET: e-mail: redacao@gazetadoriopardo.com.br e-mail: publicidade@gazetadoriopardo.com.br e-mail: diagrama@gazetadoriopardo.com.br e-mail: reportagem@gazetadoriopardo.com.br e-mail: assinante@gazetadoriopardo.com.br http://www.gazetadoriopardo.com.br Circulação Aguaí, Caconde, Casa Branca, Divinolândia, Itobi, Mococa, São José do Rio Pardo, São Sebastião da Grama, São João da Boa Vista, Tapiratiba, Vargem Grande do Sul Os artigos assinados não representam necessariamente a opinião do jornal e são de responsabilidade de seus autores.


27 de abril de 2013 - A-3

Câmara discute doação de terreno ao Crea Após audiência pública, projeto do Executivo é retirado para inclusão de informações

EM DIA COM O LEGISLATIVO José Roque Rueda l Solicita ao prefeito informar sobre os motivos do não atendimento às indicações 11/2013 (lixo esparramado nas esquinas); 42/2013 (galerias de águas pluviais no Jardim Luciana II); 161/2013 (implantar moderno sistema telefônico de atendimento aos munícipes); 163/ 2013 (isenção de IPTU aos idosos); 164/2013 (descontos em pagamento antecipado do IPTU).

Paulo Sérgio Rodrigues l Solicita ao prefeito informações sobre o programa Recicla São José.

Reinaldo Milan l Solicita à CPFL informar motivos do não atendimento à Indicação 201/2013, para remoção ou transferência de poste na Alameda José Meneghetti. l Sugere ao prefeito encaminhar projeto para refinanciamento de dívidas municipais; providenciar poda de copa de árvores para melhorar iluminação pública; substituição de lâmpada queimada na Rua dos Bandeirantes.

Marcelo Nogueira Rocha l Solicita ao prefeito informações atualizadas sobre as obras do tratamento de esgoto da cidade. l Sugere ao prefeito a instalação de lombada e sinalização adequada na Rua José Andreoli; a criação de curso para Torneiro Mecânico, em parceria com o Rotary Club de São José do Rio Pardo; envidar esforços junto aos órgãos responsáveis para serviços de motoniveladora na estrada São José-Divinolândia; a instalação no município de academias adaptadas aos portadores de necessidades especiais.

Márcio Donizeti Macedo l Solicita ao prefeito informações sobre rua do bairro Buenos Aires, ainda sem asfaltamento e outras melhorias. l Sugere ao prefeito instalar bico de luz e lâmpada na Rua Professor Odilon Machado César (Nova Esperança); regularizar a vazão da rede de esgoto no bairro Buenos Aires, em rua que especifica; implantar lombadas na Avenida Brasil, pista bairro-centro, para inibir a alta velocidade no trânsito do local.

Marco Antonio Gumieri Valério l Solicita ao prefeito informar sobre o não cumprimento da Indicação 34/13, que sugeriu o envio de Projeto de Lei Geral Municipal dispondo sobre legislação de incentivo às micro e pequenas empresas.

Matheus de Oliveira Pinto l Solicita ao prefeito informar sobre providências para substituição de químico; atribuições de cargo na Guarda Civil Municipal; a criação do Conselho Municipal de Cultura, sugerida na Indicação 173/2013; atendimento aos termos da Indicação 177/2013, que sugere implantar mototáxi no município; atendimento à Indicação 180/2013, que sugere recadastramento de usuários da farmácia municipal; a viabilidade de atendimento à Indicação 197/2013, que sugere incluir no ensino municipal matéria sobre hortas urbanas; possibilidade de fornecer uniformes aos servidores municipais; o cumprimento da Indicação 134/2013, que sugeriu ampliar a cobertura do ponto de ônibus circular ao lado do Bradesco, no centro; a Indicação 55/ 2013, que sugere a inclusão no Departamento de Turismo de uma diretoria exclusiva para o turismo rural; resultados de estudos relacionados às mudanças propostas para a Lei 2.712 (Estatuto dos Servidores); o cumprimento da Indicação 48/2013, que sugeriu a reconstrução das calçadas que circundam o Cemitério Municipal. l Solicita ao Comandante do Destacamento da Polícia Militar informações relativas à transferência de quatro policiais do efetivo local. l Sugere ao prefeito substituição de lâmpada queimada na Rua Major José O. Machado; providenciar a revisão da porcentagem da insalubridade concedida para Agentes de Controle de Zoonoses; a retirada de entulhos no final da Rua Rui Barbosa; serviços de reparos e melhorias nas dependências do setor de Zoonoses; a instalação de lixeiras na Praça Dr. João Baptista Ribeiro de Lima, Vale do Redentor. l Sugere ao Diretor do Fórum local a inclusão da ONG Unir no rol de entidades que recebem valores referentes às multas decorrentes de processos julgados; viabilizar treinamento para servidores lotados nas secretarias municipais de Educação e Obras; estudos visando à implantação de vias às margens do córrego das Macaúbas; revogar dispositivo da Lei nº 1.885, que trata de descontos a contribuintes do ISSQN, para manutenção de logradouros. l Sugere ao DER providenciar reparos na estrada de acesso à Usina Limoeiro.

FOTOS E FONTE: ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO DA CÂMARA MUNICIPAL

Presenças do arquiteto Daniel, coordenador de Planejamento e Obras, e do secretário de Obras, Cristiano Barella

Na terça-feira, 23, após a sessão ordinária, a Câmara Municipal promoveu audiência pública com a participação do arquiteto Daniel Garcia Cobra Monteiro, coordenador de Planejamento e Obras da Prefeitura, para falar sobre a doação de terreno para construção da sede do Crea – Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Estado de São Paulo. O projeto deu entrada na Câmara em fevereiro, e desde então esteve disponível para apreciação dos vereadores e da Procuradoria Jurídica, para pareceres. Com os pareceres definidos, foi encaminhado para audiência pública, conforme legislação em vigor. Do projeto, consta a justificativa do Poder Executivo definindo o interesse social e a dispensa de licitação, citando legislação em vigor. Foram incluídos também três laudos de avaliação apresentados por diferentes profissionais do setor imobiliário, sugerindo valores de venda da área, que tem 1.197,62 m2 e está localizada no loteamento Buenos Aires, na Avenida Benedito dos Reis Scigliani, s/n. Entretanto, em razão de vários questionamentos por parte dos vereadores e, também, do público presente, a Câmara sugeriu que o projeto fosse retirado para que pudessem ser incluídas outras informações. De acordo com o arquiteto Daniel Cobra Monteiro, as dúvidas geradas foram principalmente em relação ao que é o Crea. “Acho que isso foi bem explicado. Como o Crea é um órgão público, seria uma doação de um órgão público municipal para um órgão público federal, que vem fiscalizar o exercício profissional de engenheiros, agrônomos e técnicos de São José e região”, disse. Segundo ele, atualmente as cidades têm dificuldade de fazer esta fiscalização e a instalação do Crea viria suprir essa necessidade. “São José tem 18 mil imóveis e temos fiscalização da Prefeitura e do Crea, mas são poucos fiscais. Vindo o Crea para cá vai aumentar a estrutura e a Prefeitura tem alguns projetos para formalizar convênio para esse auxílio, principalmente na cons-

trução civil, mas ele atua em todas as engenharias. O Crea está em imóvel na rua Aurelio Santurbano, que precisaria de muitas obras para deixá-lo adequado, é pequeno, empresta espaço para a Associação de Engenharia, e conta com apenas uma inspetora. A intenção é ampliar isto”, explica. O arquiteto acredita que o município tenha necessidade de cinco profissionais e um fiscal, já que atualmente há apenas um fiscal para 18 mil imóveis. A inspetora de São José do Rio Pardo é responsável por sete municípios. “A gama de possibilidades é muito ampla, a Prefeitura tem intenção de fazer um convênio de engenheiro social, ou seja, a Associação de Engenharia junto com Crea e Prefeitura forneceriam profissional para população de baixa renda (0 a 3 salários) para construção de sua moradia.” Daniel informa que, após o projeto ser remodelado de acordo com as justificativas apresentas durante a audiência pública, ele será novamente enviado para apreciação dos vereadores. Sessão ordinária Durante a sessão ordinária da noite deram entrada alguns processos, despachados para pareceres das comissões permanentes. Do Executivo, projeto de suplementação no valor de R$ 650 mil, destinado à Secretaria Municipal de Gestão Pública, com a criação de dotação orçamentária referente à compensação financeira pela utilização de recursos hídricos para geração de energia elétrica no município, conforme autorização dada pela Lei 4.019, de 25/01/ 2013. A urgência não foi assinada pelos vereadores em razão da falta de informações e deverá voltar na próxima semana. Também outra suplementação, a pedido do Executivo, no valor de R$ 52.600, destinado à Secretaria Municipal de Saúde, para aquisição ‘urgente’ de uma ambulância, e segundo a mensagem do Executivo, “considerando a situação de sucateamento da frota da Saúde, que resulta em atendimento irregular e precário no transporte de pacientes”.

Do Legislativo, deu entrada um projeto de autoria do vereador Matheus de Oliveira Pinto, que “Atribui o nome de Sylvio Gilli ao talude (espaço) que margeia o córrego onde foram plantadas espécies arbóreas, localizado entre as ruas Coronel Marçal e Alfredo Gomes de Oliveira, no Jardim Santa Tereza, nesta cidade”. Ordem do dia Constaram da pauta da Ordem do Dia os seguintes processos do Legislativo: projeto que dispõe sobre proibição de espalhar ou distribuir, por qualquer forma, quaisquer papéis de propaganda político-eleitoral, especialmente ‘santinhos’ e panfletos. Aprovado por unanimidade em 1ª discussão; projeto que “Autoriza o ingresso de candidatos no Quadro Pessoal do Poder Legislativo, de acordo com o art. 37, II, da Constituição Federal, e art. 11, X, da Lei Orgânica Municipal”. Aprovado por unanimidade em discussão única. Número de vereadores Foi aprovada em discussão final na sessão ordinária de terça, dia 23, a Emenda nº 27, modificativa da Lei Orgânica Municipal (LOM), que altera o número de vereadores de 10 para 13, na composição da Câmara Municipal a partir de 2017. A proposta foi apresentada por 9 dos 10 vereadores. Apenas a vereadora Lúcia Helena Libânio da Cruz (PTB) votou contra a Emenda, nas duas discussões, a primeira em 26 de março. A Procuradoria Jurídica deu parecer favorável à emenda, baseando-se nos princípios constitucionais, nos prazos de apresentação e votação e na autonomia das Câmaras Municipais quanto à fixação do seu número de vereadores. E acrescentou que o artigo 29 estabelece 24 faixas populacionais nas quais cada município deve se enquadrar para saber até quantos vereadores pode ter. São José do Rio Pardo, com mais de 50 mil, se enquadra na alínea ‘d’ desse artigo, que fixa em até 15 vereadores (número máximo admitido). (Com informações da Assessoria de Comunicação da Câmara Municipal)


A-4 - 27 de abril de 2013

Germek já vende para a Petrobras e Vale Empresa local produz motobombas de combate a incêndio e outros produtos EDUARDO ERON A maior parte dos rio-pardenses não sabe que algumas empresas do município já atingiram um padrão de qualidade muito elevado em seus produtos. Os moradores desconhecem também muita coisa que é feita por essas empresas, os lugares para onde vendem e até mesmo a quantidade de empregos que geram. Uma das empresas que se encaixam nesse perfil é a Germek Equipamentos (Hidromecânica Germek, o nome oficial), que foi fundada pelo patriarca da família, Orlando Germek, em 8 de fevereiro de 1982 e até hoje é identificada por muita gente como sendo apenas uma empresa vinculada a equipamentos de irrigação. Sim, ela continua produzindo conjuntos agrícolas, especialmente em sua filial de Poços de Caldas, mas esses não são seus únicos produtos. Na verdade, a partir de 1992, quando mudou para sua sede atual, ao lado da antiga Ripave (hoje Fiat Vime), a Germek Equipamentos passou a desenvolver uma tecnologia própria para equipamentos de aplicação industrial. Surgiram então os primeiros grupos

geradores e as primeiras motobombas de combate a incêndio, seguidas de motobombas à diesel, também para combater incêndios, utilizando sistema de arrefecimento por trocador de calor ou com radiador. Isso possibilitou novos contatos e encomendas de empresas comerciais e industriais, passando depois para usinas de etanol, refinarias e até em plataformas de petróleo. Obtendo a ISO Em 2000 ocorreu uma nova ampliação na fábrica e novos produtos foram surgindo e sendo aprimorados, a ponto de em 21 de junho de 2007 a Germek ter obtido da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) a ISO 9001:2000. Era o que faltava para que ela se consolidasse como fabricante e montadora de produtos de qualidade técnica suficiente para conseguir vendas diretas à Petrobras (a partir de 2012, mediante autorização conhecida pela sigla CRCC) e indiretas à Companhia Vale do Rio Doce, entre outras grandes empresas. Marcos Orlando Germek, diretor comercial da empresa rio-pardense, lembra, por

exemplo, que há poucos dias a Petrobras perdeu uma motobomba em Angra dos Reis em decorrência de uma maré muito forte que atingiu a plataforma petrolífera na qual o equipamento estava instalado. A Petrobras comprou então uma motobomba de combate a incêndio da Germek por R$ 250.000,00. Já a Vale do Rio Doce adquiriu uma motoventiladora, equipamento montado em São José do Rio Pardo com motor Scania a diesel de 300 cavalos e usado para situações emergenciais. A Germek, porém, monta equipamentos similares que usam motores de até 1.200 HP, com vazão de até 1.200 m3/h, podendo usar tanto água doce como salgada. A pressão é tanta que um jato de água desses equipamentos pode cortar ao meio uma pedra de paralelepípedo. A empresa também disponibiliza todos os acessórios necessários para o funcionamento de uma casa de bombas completa e normatizada: válvulas de alívio, tanques de combustível, manômetros, medidores de vazão,

caixas de contenção, préaquecedores, barriletes de medições etc. 90 funcionários O irmão de Marcos, Ruy Germek, acompanha diretamente a linha de montagem de todos os produtos fabricados ou montados na matriz rio-pardense, supervisionando tudo o que entra e sai da fábrica. A Germek tem atualmente 80 funcionários em São José do Rio Pardo e mais dez (10) em Poços de Caldas, estando no aguardo da liberação da fábrica montada em São João da Boa Vista, onde ficará concentrada a produção dos grupos geradores. Lá serão oferecidos mais 12 empregos imediatos, devendo depois abrir novas vagas de trabalho. Em relação ao futuro, Marcos diz que deverá intensificar uma parceria que já existe com a Valtra (integrante do grupo multinacional AGCO, maior fabricante de tratores do mundo, inclusive dos Massey Ferguson, dos Challenger e dos Fendt).

Nomeia membros para composição de Comissão de Sindicância Investigativa da COMDERP.

Ano Rotário 2012/2013 Presidente: José Ruy Junqueira Andreoli Reuniões às quartas-feiras às 20h00

Neste domingo (28/04) a partir das 12 horas o Rotary realizará mais um almoço de companheirismo em sua sede. Com cardápio italiano, os ingressos custam R$ 20,00 (bebidas a parte) e ainda estão sendo comercializados por rotarianos do “Oeste”. Parte da renda será revertida à Agradef rio-pardense...

O Presidente da Companhia Municipal de Desenvolvimento de São José do Rio Pardo – COMDERP, no uso de suas atribuições legais e estatutárias, e nos termos do artigo 15, e inciso III do Estatuto Social, expede a seguinte Portaria: Art. 1º - Tendo em vista o desaparecimento de bens que constavam do imobilizado da empresa conforme vistoria realizada pelos Srs. José Carlos Xavier Diretor Financeiro e Henry Gabriel S. M. João secretário, determino a realização de sindicância investigativa para apurar eventuais responsabilidades, conforme artigo 15 inciso III do Estatuto Social. Art. 2º Nomeia membros para composição de Comissão de Sindicância Investigativa da COMDERP a qual tomara as providencias cabíveis. a) José Carlos Xavier; b) Henry Gabriel Soares Machado João; c) Sandra Maria Destro Nascimento; Art. 3º - Essa portaria entra em vigência na data de sua publicação.

Uma pessoa, rotariana ou não, que contribui com o valor de 1.000 dólares à Fundação Rotária, ou em cujo nome é feita tal contribuição, recebe como reconhecimento o título de “Companheiro Paul Harris”, que consiste de certificado e distintivo. Tais doações formam diversos fundos, que visam o programa internacional de intercâmbios, fundo mundial Polio Plus, projetos de subsídios humanitários etc. Informe-se no Rotary...

na e que ocorre neste final de semana em Ribeirão Preto, a Germek Equipamentos deverá apresentar lá seus novos motores movidos a biogás e, com isso, espera ampliar ainda mais sua crescente carteira de clientes em todo o Brasil.

Motobomba e motoventiladora produzidas pela Germek: maiores empresas do país já as compram de São José do Rio Pardo PORTARIA nº 05/2013, do Presidente da Companhia Municipal de Desenvolvimento de São José do Rio Pardo – COMDERP, de 24/04/2013.

Rotary Clube São José do Rio Pardo “Oeste” Fundado em 19/12/1971

“Já estamos montando cerca de 500 conjuntos geradores por ano, em conjunto com eles, e a idéia é que isso cresça”, confidenciou o diretor comercial. De olho na Agrishow, maior exposição agroindustrial da América Lati-

São José do Rio Pardo 24 de Abril de 2013 JOÃO BATISTA PORTO JUNQUEIRA PRESIDENTE

CÂMARA MUNICIPAL DE SÃO JOSÉ DO RIO PARDO EMENDA Nº 27/2013 À LEI ORGÂNICA MUNICIPAL, DE 24 DE ABRIL DE 1990. (Autoria de acordo com o art. 41, I, da LOM) Altera o número de componentes da Câmara Municipal de São José do Rio Pardo, nos termos do art. 29, IV, “d”, da Constituição Federal. A MESA DA CÂMARA MUNICIPAL DE SÃO JOSÉ DO RIO PARDO, no uso de suas atribuições legais e nos termos do art. 41, seus incisos e parágrafos, da Lei Orgânica Municipal. Faz saber que a Câmara Municipal de São José do Rio Pardo aprovou e ela promulga a seguinte Emenda: Art. 1º Altere-se o art. 10 da Lei Orgânica Municipal, que passa a comportar a seguinte redação: Art. 10 A Câmara Municipal de São José do Rio Pardo será composta de 13 (treze) vereadores, nos termos do art. 29, IV, “d”, da Constituição Federal. Art. 2º Esta Emenda entra em vigor na data de sua publicação, com aplicação nas próximas eleições. São José do Rio Pardo, 24 de abril de 2013. Reinaldo Milan Presidente Paulo Sérgio Rodrigues 1º Secretário

Lúcia Helena Libânio da Cruz 2ª Secretária

Publicada, por afixação, no quadro de editais do Legislativo e no Jornal “Gazeta do Rio Pardo”, em 27/4/2013. Alexandra Santurbano Esteves Diretora Administrativa e Legislativa


27 de abril de 2013 - A-5

Prefeitura fará nova licitação para esgoto Motivos são a qualidade de execução, questões contratuais e alteração no projeto ARQUIVO

Em nota enviada à imprensa na manhã de sexta-feira, 26, o arquiteto Daniel Garcia Cobra Monteiro, coordenador de Planejamento e Obras, e o engenheiro Cristiano Alex Baldo Barella, secretário de Planejamento Obras, confirmaram que a obra de coleta, afastamento e tratamento de esgotos de São José do Rio Pardo está paralisada desde janeiro deste ano. A obra, no valor de R$ 31.424.214,78, com recursos do PACII, do Governo Federal, foi iniciada no ano de 2011, e tem como empresa responsável pela execução a Encalso Construções Ltda., e a empresa Pertécnica Consultoria e Projetos S/S Ltda, que é responsável pela elaboração dos projetos executivos e gerenciamento da obra. De acordo com a Secretaria de Obras, a paralisação se deveu ao fato de que “o projeto inicial precisou ser reprogramado e projetos elétricos das elevatórias, desde então, em meados de setembro de 2012, a obra esteve em ritmo muito lento, paralisando definitivamente em janeiro de 2013, devido também à intensidade das chuvas e a divergência na qualidade de execução, divergências contratuais e as alterações do projeto”. A nota informa, ainda, que “o projeto básico principal foi elaborado no ano de 2004, e que previa uma

Estação de Tratamento com um processo de tratamento biológico utilizando Reatores Anaeróbicos, tipo UASB, seguidos de tratamento físico-químico por flotação com ar dissolvido para separação das fases líquida e sólida do efluente dos reatores UASB, para posterior tratamento terciário da fase líquida com desinfecção do efluente final com utilização de gás cloro”. O secretário e o coordenador de Obras informam que este processo foi muito usado na época, mas que atualmente há soluções mais viáveis que reduzirão o custo de operação, por consumir menos energia elétrica e produtos químicos utilizados como coagulante no processo de flotação. Segundo eles, também há novos parâmetros legais relacionados ao meio ambiente. “A alteração das construções é pequena e talvez até com custo estimado menor para as obras, mas ao trocar o sistema de tratamento, trocam-se tubulações e equipamentos, alteram-se depósitos de produtos químicos e, por isso, há necessidade de reprogramação”, explicam. O que se pretende com a reprogramação, segundo eles, “é única e exclusivamente prever menores custos de operação e manutenção do sistema após implantação e atender legislação”. A Secretaria de Obras ressalta que, ao desenvol-

A Encalso se comprometeu a recuperar todos os trechos que apresentaram problemas, dentro de 60 dias

ver os projetos executivos em paralelo com a obra, foram encontradas divergências quanto ao caminhamento (muitas pedras no subsolo) e quanto à segurança da ponte Adhemar de Barros, por onde está prevista a passagem das tubulações. Alterações no projeto Continua a nota: “A Empresa Pertécnica Consultoria e Projetos S/S Ltda., contratada especificamente para elaborar os projetos executivos e gerenciar as obras, tem seu orçamento vinculado à planilha de liberação da obra principal efetuada pela Encalso. Como o ritmo estava lento, as liberações de pagamentos da CEF/Prefeitura não foram efetuadas e a Pertécnica Consultoria e Projetos S/S Ltda. teve poucos recebimentos financeiros por suas tarefas e, portanto, não teve condições de concluir todos os

projetos executivos”. De acordo com a Secretaria, a Prefeitura Municipal e a Pertécnica elaboraram as alterações necessárias no projeto. “Após desenvolver esse trabalho técnico de reprogramação, consultamos a Cetesb e, em outubro de 2012, protocolamos na Caixa Econômica Federal o pedido de reprogramação da obra. De lá para cá houve várias reuniões e o processo foi encaminhado ao Ministério das Cidades para avaliação. Enquanto isso, a empresa Encalso executava as obras lineares (emissários e estações elevatórias) que não haviam sido alteradas, porém a Estação de Tratamento equivale a 60% do contrato, o que obrigou tanto a empresa quanto a Prefeitura Municipal aguardar a aprovação desta reprogramação.” Somente no mês de abril, a Caixa Econômica Federal e o Ministério das Cidades aprovaram tecnicamente a

reprogramação, porém exigiram que houvesse outra licitação da obra. “O entendimento jurídico é que com as mudanças, mesmo não havendo acréscimo financeiro, alteraria o objeto do contrato da licitação inicial e, por isso, passível a sanções. Sendo assim, em comum acordo, haverá um distrato da obra com a Encalso Construções Ltda. e a Prefeitura Municipal fará uma nova licitação.” O prefeito municipal João Batista Santurbano assegurou junto à Caixa Econômica Federal que os recursos serão mantidos e o projeto poderá prosseguir. Recuperação do pavimento A nota informa que as solicitações de recuperação do pavimento datam de setembro de 2012 até março de 2013, sem que a empresa tivesse efetuado as obras complementares. “Justificase, neste tempo, o período de chuvas em 2013 que foi maior do que o previsto, sendo que a empresa ainda não executou todas as recuperações, pois tecnicamente é inviável a execução de obras de terraplanagem e pavimento asfáltico com as chuvas”. A Encalso se comprometeu, na manhã de quarta feira, dia 24, durante reunião na Secretaria Municipal de Planejamento, Obras e Serviços, a recuperar todos os trechos que apresentaram problemas dentro de 60 dias. Daniel Cobra Monteiro e Cristiano Barella afirmam

que a Prefeitura Municipal não recebeu nenhum trecho da obra e só receberá em totais condições de funcionalidade. Ajuste contratual Desde 2012, a Encalso solicita que a Prefeitura exerça pagamento da ordem de R$ 1.100.000,00, correspondente a correções financeiras (reajuste contratual), e outro pagamento da ordem de R$ 1.050.000,00 por serviços extras não previstos no orçamento original. Os dois pedidos estão sendo analisados pelo corpo técnico da Secretaria de Obras, em conjunto com a empresa Pertécnica e, posteriormente, serão encaminhados à Caixa Econômica Federal. À Gazeta O secretário Barella reafirmou à Gazeta, na sexta-feira, que não houve nenhum desentendimento entre a Prefeitura Municipal e a Encalso. “O distrato que será feito é motivado pela alteração do projeto e não por divergências entre as partes. Existem os casos do aditivo e do reajuste que a Encalso pediu, nós nunca dissemos que não seriam e nem que seriam pagos, apenas estamos analisando criteriosamente as questões financeiras e contratuais, o que ainda não foi concluído”, explicou.

Tapa-buracos é reiniciado 262 casas: Sais fará sorteio em vários locais da cidade de desempate de famílias DIVULGAÇÃO

Foi reiniciada em São José a operação tapa-buracos pela Secretaria de Obras, após o período de chuvas. O serviço vem sendo feito em vários pontos da cidade e, nesta semana, foi realizado nos bairros Jardim Aeroporto (parcialmente), Agenor Taddei, Vale do Redentor IV e avenida Waldemar Poggio. A primeira etapa começou no mês de janeiro, no Distrito Industrial, e até agora 19 bairros foram beneficiados com a operação. Segundo o prefeito João Batista Santurbano, essa demanda elevada reflete o estado de total abandono deixado pela administração passada. Além de buracos por toda a cidade, ela deixou sujeira por todos os bairros, dificultando sobremaneira o serviço de recuperação que

Serviço foi reiniciado após período de chuvas

vem sendo tentado pela administração atual. “A Prefeitura não está medindo esforços para realizar uma força-tarefa de tapa buracos, inclusive aos sábados, quando o tempo ajuda, para melhorar a condição de tráfego para veículos em nossa cidade, oferecendo segurança para a população”, comentou Santurbano. “Vamos continuar percorrendo as ruas da cidade para a execução

dos serviços e esperamos concluir a operação em breve”. O serviço de tapa buracos faz parte de um conjunto de ações que buscam melhorar os serviços públicos realizados pelo município. Outros serviços – troca de lâmpadas, limpeza de guias, de bueiros e terrenos – e a manutenção dos filtros das Estações de Tratamentos de Água também estão sendo realizadas.

REPORTAGEM

A Diretoria Municipal de Habitação de São José do Rio Pardo e a Secretaria de Assistência e Inclusão Social marcaram para o dia 4 de maio, a partir das 8h00, no Ginásio Municipal de Esportes “Tartarugão”, o sorteio de classificação das famílias que ficaram empatadas nos critérios estabelecidos pela Caixa Federal, para o devido enquadramento no programa “Minha Casa, Minha Vida”. De acordo com a secretária de Assistência e Inclusão Social, Rosângela Tinti Lopes, não se trata ainda do sorteio das casas, mas o sorteio de classificação das fichas que ficaram empatadas nos critérios de pontuação. “A lei que norteia este trabalho é a portaria 610/ 2011, do Ministério das Cidades e estamos seguindo à risca o que determina esta legislação. Fizemos a classificação a partir dos critérios que o Conselho Municipal de Assistência definiu e que o Ministério das Cidades também definiu, que são três critérios nacionais e três municipais. As pessoas que se inscreveram foram classificadas de acordo com esses critérios, cada ficha foi analisada minuciosamente por técnicos da Secretaria e foi dada uma pontuação segundo os critérios”, explica Rosângela.

Rosângela Tinti Lopes e Tatiane Romão Milanez

Para o sorteio do próximo dia 4, deverão participar apenas as famílias que obtiveram pontuação de 1 a 4. Elas serão convocadas via Correios e, também, por meio de publicação da lista na imprensa local. “As famílias que pontuaram de 1 a 4 é que participarão do sorteio de classificação. Todas elas receberão em suas residências uma convocação via Correios e serão divulgados através de jornais locais os nomes destas famílias. As famílias que pontuaram entre 5 e 6 pontos automaticamente já estão classificadas, e as que não atenderam aos pré-requisitos automaticamente foram desclassificadas.” De acordo com a diretora municipal de Habitação, Tatiane Romão Milanez, são seis os critérios de classificação, sendo três nacionais

e três adicionais. Nacionais: família residente em área de risco, insalubre ou que tenha sido desabrigada; famílias com mulheres responsáveis pela unidade familiar; e famílias das quais façam parte pessoas com deficiência. Adicionais: famílias com até três filhos; tempo de moradia de cinco anos para mais; e idoso que paga aluguel que comprometa seu salário. A renda é até R$ 1.600, passando deste valor a família é desclassificada. Após o sorteio de desempate, a classificação será encaminhada para a Caixa Econômica Federal, e somente depois será feito o sorteio das casas para os residenciais São José (193 unidades) e Rio Pardo (69 unidades).


A-6 - 27 de abril de 2013

Precatório: economia de R$ 10 milhões Revisão foi determinada pelo prefeito Santurbano nos dois primeiros mandatos

PSDB elege seus representantes regionais Integrantes do PSDB se encontraram na manhã de sábado, 20 de abril, na Câmara Municipal de Mococa, para a eleição que definiu os representantes da região nos diretórios estadual e nacional do partido. O evento contou com a participação de prefeitos, vice-prefeitos, vereadores, ex-prefeitos, presidentes de diretórios municipais e delegados convencionais do partido. Durante a reunião foram eleitos os integrantes da mesorregião de Campinas no Conselho de Prefeitos do PSDB, passando a região a ser representada pelo prefeito de Caconde, Luciano Ribeiro Semensato (titular) e Benjamim Vieira de Souza, prefeito de Nova Odessa. Na oportunidade foram eleitos os representantes titulares e suplentes ao Diretório Estadual, delegado e suplentes à Convenção Nacional do PSDB. O quadro ficou assim composto: Helio Escudero (São José do Rio Pardo) - membro titular do Diretório Estadual; Patrícia Maria Magalhães Teixeira Nogueira Mollo (São João da Boa Vista) - membro suplente do Diretório Estadual; José Benedito de Oliveira (Espírito Santo do Pinhal) - delegado à Convenção Nacional do PSDB; Adilson Guizzo e Guilherme Gomes (ambos de Mococa), suplentes à Convenção Nacional do PSDB. Helio se disse agradecido pela confiança que seus companheiros de partido depositaram nele. “Gostaria de agradecer a confiança dos companheiros dos 16 municípios que compõem a região de São João da Boa Vista, que decidiram

O rio-pardense Helio Escudero foi eleito membro titular do Diretório Estadual do PSDB

nos eleger para membro do Diretório Estadual do Partido. Para mim é uma honra poder participar do Diretório e representar a região. Terei a companhia da Patrícia, que é a vice-prefeita da cidade de São João da Boa Vista, e no Diretório Estadual procuraremos representar à altura o que é nossa região, que tem a liderança do deputado Silvio Torres, e também do Beraldo, que hoje está no Tribunal de Contas. Precisamos começar a trabalhar para as eleições de 2014.” Partido fortalecido Helio acredita que o PSDB esteja fortalecido para a disputa das próximas eleições. “O partido vem forte para as próximas eleições, com candidatos em todos os cargos, de presidente a deputado estadual. Aqui na região temos a definição do deputado federal Silvio Torres, que deve se afastar da Secretaria no próximo ano, para voltar a reivindicar uma vaga na Câmara

Federal. Agora decidiremos com o partido também os representantes que poderão ser candidatos a deputados estaduais.” Para ele, a região está muito bem representada pelo partido na região, principalmente pelo trabalho que tem sido realizado pelo secretário de Estado da Habitação, Silvio Torres. “Discordo totalmente quando dizem que a região está descoberta, não é verdade. Sou testemunha do trabalho que vem fazendo o Silvio Torres, atendendo todos os prefeitos, todos os políticos, vereadores, presidentes de Câmara, partidos, mesmo como secretário da Habitação e também agendando audiências em todas as Secretarias. Inclusive aumentamos a representação política da nossa região, com o Silvio e o Beraldo, que embora não possa participar ativamente da política, é hoje conselheiro do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo.” Segundo ele, em breve o partido fará a escolha da coordenadoria regional, que trabalhará tendo como objetivo as eleições de 2014. “O próximo passo é a eleição do diretório estadual, onde vamos confirmar nossa presença. Depois teremos a formação da coordenadoria regional, são 15 membros e vamos reivindicar que seja um de cada cidade; apenas um município ficaria de fora.”

AGRADECIMENTO E MISSA A família de

MARIA THEREZA FOLHARINI LUZIO Agradecem as manifestações de pesar recebidas de parentes e amigos, em especial ao Dr. Adalberto Cesar Correa, as enfermeiras e enfermeiros do Hospital São Vicente pela dedicação e carinho prestados durante sua enfermidade. E convida para participarem da MISSA DE 7º DIA, que será celebrada por intenção de sua alma, dia 2 de maio, quinta-feira, às 18h30, no Educandário São José.

Está chegando ao fim uma disputa judicial que representará uma economia de cerca de R$ 10 milhões para a Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo. A Justiça do Trabalho, após intenso trabalho jurídico ordenado pelo prefeito João Batista Santurbano, determinou no ano de 2008 a revisão de um precatório judicial que na época era de R$ 7,8 milhões. O processo, proposto por 40 servidores, é do ano de 1994 e a dívida está relacionada à remuneração de servidores municipais, que não teria sido regularmente paga no ano de 1989. Nesta semana, a Justiça do Trabalho homologou os cálculos resultantes daquela decisão de 2008 e apontou um valor a pagar inferi-

or a R$ 170 mil reais. Como a Prefeitura chegou a depositar a quantia que entendia devida (por volta de R$ 250 mil reais), alguns servidores possivelmente terão que devolver dinheiro aos cofres públicos. O advogado Oswaldo Bertogna Júnior, responsável pela grande maioria dos recursos interpostos no caso e também pela coordenação de todo o trabalho vencedor, ressaltou a dificuldade deste processo. “Foram vários anos de disputa judicial e nosso trabalho foi iniciado a partir de uma fase do processo em que a maioria dos profissionais do direito entendia que não havia nada mais a ser feito, pois, em tese, não cabia mais nenhum recurso. Por isso, fomos muito criticados no sentido

de que o trabalho desenvolvido no processo era meramente protelatório. Com o apoio do prefeito Santurbano, que sempre entendeu que tal dívida era abusiva, foram desenvolvidos os recursos jurídicos que possibilitaram essa importantíssima vitória para os cofres públicos. O resultado está aí: uma economia de vários e vários milhões de reais”. De acordo com Santurbano, a Prefeitura não deixou de pagar o precatório. “O que lutamos foi pelo pagamento de um valor justo e felizmente conseguimos. Uma discussão de tantos anos teve um final justo para a Prefeitura e, principalmente, para a população. O que sempre buscamos foi a justiça neste caso, e a justiça prevaleceu.”

Cartão clonado e suas consequências Constantemente nos deparamos com notícias nos jornais e na televisão a respeito de cartões clonados e os prejuízos financeiros acarretados aos consumidores por esta prática ilegal e criminosa. Na maioria das vezes os consumidores possuem muitas dificuldades de reaver junto à instituição financeira os valores sacados indevidamente e alguns consumidores acabam desistindo e ficando com o prejuízo material. Nestes casos, o consumidor possui em seu benefício o artigo 14 do Código de Defesa do Consumidor, que declara que o fornecedor de serviços, no caso, o banco, responde, independentemente da existência de culpa, pela reparação de danos causados aos consumidores por defeitos relativos à prestação dos serviços. Trata-se de uma responsabilidade pelo fato do serviço, isto é, o serviço prestado (sistema de cartão) não respeitou a segurança que o consumidor espera pelo mesmo. Ou seja, se o cartão foi clonado, significa que a segurança do mesmo não é tão eficiente e está adstrita a fraudes.

Além disto, a doutrina e a jurisprudência responsabilizam o banco, nestes casos, pelo próprio risco de sua atividade, isto é, o banco por prestar este tipo de serviço de cartões está passível a fraudes de segurança, tendo responsabilidade, portanto, por sua atividade. Sempre lembrando que, por se tratar de uma relação de consumo, o ônus da prova é da instituição financeira, restando à mesma provar que o prejuízo do consumidor decorreu em razão de sua culpa exclusiva. Os julgados recentes do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo admitem tanto o dano material (saques indevidos, empréstimos não realizados pelo consumidor) quanto o dano moral (perturbação, transtornos e aborrecimentos) aos consumidores pela clonagem de seus cartões. Para melhor entendimento, exemplifico: Romário checa sua conta bancária e verifica que está lhe faltando R$ 2.500,00 sendo que as informações do bankline demonstram que o valor foi sacado no dia anterior. Preocupado com a possibilidade de seu cartão estar clonado, Romário visita sua agência pessoalmente e explica o fato a seu gerente

Manuel. Manuel afirma que foi Romário quem sacou o valor e que nada pode fazer quanto ao estorno, apenas bloqueando o cartão. Romário então ingressa com uma ação indenizatória por danos materiais e morais contra seu banco. De acordo com os julg a d o s d o Tr i b u n a l d e Justiça de São Paulo que aqui faço menção (Apelação nº 90743352 7. 2 0 0 6 . 8 . 2 6 . 0 0 0 0 ; Apelação nº 001173290.2009.8.26.0477), Romário terá razão e a instituição financeira terá que ressarcir Romário pelos R$ 2.500,00 que foram indevidamente retirados de sua conta, além dos danos morais pela perturbação e pelos transtornos que o banco causou a ele. Portanto, consumidor, quando se deparar com uma situação de cartão clonado, além de fazer um Boletim de Ocorrência, converse com seu gerente para tentar solucionar administrativamente a questão. Caso não resolva, não se esqueça de seus direitos e procure usá-los! RUBENS LOBATO PINHEIRO NETO OAB/SP 324.219

MISSA DE 1 ANO DE FALECIMENTO A família de

PEDRO RONDINELLI FILHO Convida parentes e amigos para participarem da Missa de 1 Ano de seu falecimento, que será celebrada por intenção de sua alma, dia 02 de maio, quinta-feira, às 18h30, no Educandário São José.


27 de abril de 2013 - A-7

Muitos acidentes de moto e vários feridos Também aconteceram atropelamentos, um assalto e roubo de câmera em escola Esta foi mais uma semana marcada por inúmeros acidentes envolvendo motocicletas. Em um deles, o mais recente (25 de abril), duas motos se chocaram no bairro Dionysio Guedes Barreto, à noite, deixando duas pessoas feridas. Há relatos de fratura em pelo menos outra ocorrência, ocorrida no do dia 22. Houve também dois atropelamentos, sendo que no acontecido no dia 24, em frente a Casa de Cultura e Cidadania, uma moça com criança no colo

foi a vítima e, também neste caso, com suspeita de fratura em uma perna. A polícia militar conseguiu, em três dias, prender dois vendedores de drogas no Vale do Redentor. No total, eles vendiam 21 porções de cocaína, que ocultavam em lugares distintos mas que foram descobertos. Levados, porém, para a delegacia, os vendedores acabaram sendo soltos Confira, a seguir, o que ocorreu no meio policial esta semana:

REPORTAGEM

Há tempos a cidade testemunha um crescimento expressivo de acidentes envolvendo motocicletas (Foto de Arquivo)

NOTAS POLICIAIS Moto contra moto no bairro Dionysio Na noite do dia 25 de abril, no bairro Dionysio Guedes Barreto, duas motocicletas se chocaram no cruzamento da rua dos Riopardenses com a Major Brigadeiro do Ar Luiz da Gama

Monteiro. A primeira moto, uma Yamaha 250cc, preta, ano 2007, era pilotada por J.C.O., de 34 anos, tendo a amásia E.C.S., de 29, na garupa, enquanto a segunda, uma Honda CG 150cc, preta, ano 2008, tinha como piloto L.F.B.R., de 19

anos. Segundo o Boletim de Ocorrência, o motociclista da primeira moto não parou e atingiu a segunda. Os dois pilotos foram socorridos, com ferimentos, pela ambulância do Samu e levados ao Pronto Socorro. O rapaz de 19 anos não é habi-

litado. Bêbado, sem CNH, bateu na moto CG Um Fiesta azul, ano 97, conduzido por um rapaz (S.L.S.) de 27 anos, embriagado, cortou a frente da motocicleta CG 150cc preta, ano 2012, pilotada pela jovem R.B.G.O.A., de 23. O choque entre os veículos aconteceu entre a avenida Waldemar Poggio e a rua Guido Raddi, no Vale do Redentor, na noite do dia 24 de abril. A moça teve ferimentos em um dos pés e foi levada pelo Samu ao Pronto Socorro. O rapaz, além de embriagado, não tinha CNH. Renault não para e moto é atingida Um carro Renault Sandero prata, ano 2012, colidiu contra uma motocicleta CG 150 vermelha, ano 2007, deixando o piloto da moto, A.D.M.J., de 21 anos, ferido. Ele foi levado ao Pronto Socorro e ficou em observação. O acidente aconteceu dia 22, às 13h20, no cruzamento entre as ruas Curupaiti e Dr. Costa Machado. O carro avançou sinal de Pare e ocasionou a colisão. Motocicleta e Gol: relatos não batem Outro acidente envolvendo motocicleta ocorreu na noite do dia 22, no bairro Santo Antônio. O motociclista J.H.S., de 21 anos, afirmou à polícia que subia a rua São Cristóvão quan-

do o condutor de um carro (Gol) que ia à sua frente teria feito uma manobra que cortou sua passagem, causando a colisão. J.H.S. caiu e estava com suspeita de fratura na perna esquerda, não tendo sido socorrido pelo motorista causador da batida. G.F.G., de 50 anos, o motorista do carro, deu outra versão. Afirmou que mora em um dos apartamentos daquele lugar e, ao chegar perto do local onde reside, parou o veículo em frente a um estacionamento e sinalizou para um carro que vinha atrás passar. Não percebeu, porém, que a moto vinha em seguida, em alta velocidade, e aí ocorreu o acidente. O motorista do Gol, entretanto, disse à polícia que a motocicleta não acertou seu veículo e sim o portão do estacionamento. G.F.G. afirmou também que tentou contato com o motociclista mas este, muito nervoso, não aceitou ajuda. Moto suspeita foi achada no centro Dois homens suspeitos foram vistos em uma motocicleta na tarde do dia 25, no centro da cidade, e testemunhas chamaram a polícia. Uma viatura foi ao local e os PMs acharam a moto (Honda CG 150 preta, ano 2012) abandonada na rua Coronel Marçal. Ela estava com a numeração do chassi raspada e só foi possível verificar o número através do quadro da moto. Foi apreendida e recolhida ao pátio da delegacia. Assaltante invade a casa após despistar Houve um assalto à mão armada em uma casa localizada no Jardim Alvorada, na manhã do dia 21 de abril, domingo, mas o assaltante só conseguiu levar um celular e R$ 5 em dinheiro. As vítimas, porém, passaram um grande susto porque o assaltante estava com uma faca e as trancou em um dos quartos da residência. O dono da casa, A.C.L., de 50 anos, disse à polícia que ouviu o interfone tocar e foi verificar. Era um sujeito trajando camiseta verde, colete e calça de moleton. O sujeito pediu dinheiro e A.C.L. disse que não tinha. 0 homem fez menção então de ir embora mas, pouco depois, pulou o muro e entrou na casa, fazendo A.C.L. e seu filho L.C.L., de 22, reféns. Pegou o dinheiro e o celular e sumiu. A polícia militar foi chamada mas não encontrou o assaltante. Câmera da escola Stella foi furtada Houve também uma invasão da área externa da escola E.E.Stella Couvert Ribeiro, no bairro Santo Antônio, e uma câmera de segurança instalada fora do prédio foi levada. Quem praticou o furto ainda arrancou o suporte e o bloco nos quais ela estava. O horário em que isso aconteceu ficou registrado: 01h31 do dia 25 de abril. Não há, por enquanto, informações do autor. Traficantes detidos após tentarem fuga Um moço de 20 anos, A.V.B.V., residente no Vale do Redentor e vendedor de drogas, foi detido pela polícia militar na noite do dia 19. Os policiais o viram chegar a um conhecido ponto de tráfico e ele, vendo a aproximação da viatura, saiu correndo, jogando em um quintal o que tinha nas mãos. Foi alcançado e revistado, mas não tinha drogas. No quintal, porém, foram achadas 14 porções de cocaína e

A.V.B.V. recebeu voz de prisão. Foi levado à delegacia, sendo ouvido e depois liberado. Na noite do dia 21, também no Vale, ocorreu algo semelhante. Um rapaz de 19 anos, A.D.D.S., foi visto por policiais mexendo em um barranco situado na rua Carlos Fernandes Rodrigues, mas levantou-se rapidamente e saiu em direção à rua Domingos Rioli. Foi alcançado, abordado e nada havia com ele. No barranco, porém, foram achados sete papelotes de cocaína. Embriagado, bateu Toyota no Fiat Uno Um Toyota Hillux preto, ano 2006, bateu em um Fiat Uno vermelho ano 96, que era guiado por A.D.A., de 62 anos. O acidente aconteceu pouco antes das 13 horas do dia 20, na Vila Brasil, e o motorista da Toyota, E.A.S., de 46 anos, estava bêbado. Além disso, a Toyota estava com documentação vencida desde 2011. A colisão ocorreu no cruzamento entre as ruas 15 de Agosto e João Gonçalves. O motorista do Toyota, porém, não parou após a trombada e foi seguido pelo filho de A.D.A. até chegar na casa na qual mora. O rapaz chamou a polícia e a PM constatou o estado de embriaguez do motorista da Hillux, que não quis declarar nada. Moça e adolescente foram atropelados Uma moça de 20 anos, A.L.C., foi atropelada na avenida Benedito dos Reis Sigliani, no bairro Buenos Aires, na manhã do dia 24 de abril. O atropelamento envolveu o Gol prata ano 2004 que era dirigido por L.F.C., de 64 anos. Quando ele passava em frente a Casa de Cultura e Cidadania e passava entre dois veículos, aconteceu o acidente. O motorista afirmou à polícia que teve sua visão completamente ofuscada pelo sol que batia no parabrisa do carro e não viu quando A.L.C., com uma criança no colo, fechava a porta de um carro e iniciava a travessia daquela avenida. A vítima foi socorrida e levada ao Pronto Socorro com suspeita de fratura na perna esquerda. Outro atropelamento ocorreu três dias antes. Um adolescente de 15 anos, F.C.S., foi atropelado por uma Parati de cor prata na noite do dia 21, quando tentava atravessar a rua Francisquinho Dias, em frente a praça Barão do Rio Branco. O motorista da Parati não prestou socorro ao rapaz, que foi socorrido por populares mas não apresentou ferimentos graves. Segundo o Boletim de Ocorrência, o jovem usou a faixa de pedestre para tentar atravessar a rua mas o motorista da Parati não respeitou isso, atingindo-o. F.C.S. teve escoriações leves pelo corpo e não quis ser levado pela polícia militar ao Pronto Socorro. Foi preso no albergue, por mandado judicial Um rapaz de 25 anos, D.A.L.P., que tinha contra si um mandado de prisão expedido pelo juiz Christian Robinson Teixeira por roubos no Hotel Ipanema e numa residência no Jardim Alvorada, foi preso na noite do dia 21, na rua Campos Salles. Ele estava no albergue municipal e foi necessário que os policiais militares que cumpriram a determinação judicial usassem algemas para contê-lo, já que o rapaz dizia que “não devia nada à justiça”. Levado para a delegacia, sua prisão foi confirmada.


A-8 - 27 de abril de 2013

Dengue: 112 casos já estão confirmados Mutirões contra a proliferação do mosquito são promovidos em toda o município Até quinta-feira desta semana, o município já contabilizava 323 pacientes suspeitos de ter contraído dengue, dos quais 112 são casos confirmados; destes, apenas cinco são importados. Segundo informações da Vigilância Epidemiológica, 165 pessoas ainda aguardam resultado de exames. A coordenadora da Vigilância em Saúde, enfermeira Denise Rondinelli Cossi Salvador, explica que a situação somente poderá ser considerada epidemia se houver 156 casos confirmados. Por enquanto, os números indicam uma “situação de emergência”. Esta semana, vários mutirões de combate à dengue foram realizados em vários bairros da cidade. No dia 19, a equipe do Programa Saúde da Família – PSF do bairro Carlos Cassucci, alunos da Emeb Professora Stella Maris Barbosa Catalano e estagiários do curso Técnico de Enfermagem da Fundação Educacional realizaram um mutirão no bairro Carlos Cassucci, no sentido de orientar os moradores, vistoriar quintais e detectar possíveis criadouros do mosquito.

Segundo Andréa Estevan Duarte, enfermeira do PSF do Cassucci, tem sido realizado no bairro um trabalho de conscientização e orientação dos moradores sobre o crescimento da dengue na cidade. O Profast e o bairro Eduardo Cassucci também receberam vistoria da equipe do PSF. Na quarta-feira, 24, o mutirão aconteceu no Cemitério Municipal. Funcionários do Centro de Controle de Zoonoses efetuaram a dedetização do local e retiraram objetos que pudessem ser transformados em criadouros do mosquito. A equipe orienta para que as pessoas vistoriem os vasos colocando areia e evitem deixar flores envolvidas com papel celofane, para que não haja retenção de água e formação de criadouros. A Prefeitura Municipal, através da Secretaria Municipal de Saúde, informa que outras ações estão sendo realizadas para o controle da situação. Uma campanha com atividades preventivas e de conscientização começará em poucos dias. Nebulização No fim de semana pas-

REPORTAGEM

Mutirão no bairro Carlos Cassucci envolveu a equipe do PSF do bairro, alunos da Emeb Professora Stella Maris Barbosa Catalano e estagiários do curso Técnico em Enfermagem da Fundação Educacional

sado e, também, durante esta semana, equipes da Vigilância Epidemiológica estiveram em prédios públicos do município, para ações de nebulização e combate aos criadouros do mosquito. Prefeitura, Câmara, Fórum, Delegacia de Polícia, Cemitério e Casa da Agricultura foram alguns dos prédios visitados. Tipo de vírus Denise diz que o resultado da sorologia, indicando o tipo de vírus que circula no município, ainda não chegou, mas que é “muito provável que se confirme o tipo 4”. Ela explica que o quadro é o mesmo, a sintomatologia é que pode ser mais

REPORTAGEM

Prédios da Prefeitura, Câmara, Fórum, Delegacia de Polícia e Casa da Agricultura receberam equipes de nebulização

agressiva. “O quadro que está aparecendo agora é um pouco diferente do que ocorreu em 2011, que era o vírus tipo 1. Este ano, as pessoas estão apresentando as manchas vermelhas que a gente chama de ‘exantema’, que são muito intensas; mãos e pés inchados e queixas mais elevadas; muita dor no corpo, indisposição, gosto amargo na boca.” Entretanto, segundo Denise, independente do tipo de vírus contraído, o quadro da pessoa pode ser muito leve, clássico ou mesmo apresentar complicações decorrentes de fatores como faixa etária, saúde frágil ou demora na procura pelo

atendimento médico. Vacinação contra a gripe Em todo o país, a campanha nacional de vacinação contra a gripe foi prorrogada até o dia 10 de maio. “Gostaria de lembrar a população que quando é feita a vacina, o organismo leva em média 15 dias para formar as células de defesa (anticorpos), e isso posterga a proteção contra a gripe. É importante se proteger das infecções respiratórias, pois a gripe é uma doença grave que pode trazer complicações”, diz Denise. Os grupos prioritários atendidos pela campanha são os idosos com 60 anos

ou mais, crianças a partir de 6 meses até 1 ano, 11 meses e 29 dias (antes de completar dois anos), mulheres grávidas em qualquer tempo da gestação, mulheres que tiveram filho nos últimos 45 dias, e trabalhadores da Saúde. Além destes, a vacinação também atende os pacientes com patologias graves. Até segunda-feira desta semana, Denise informa que apenas 3.770 pessoas receberam a vacina, de um total de 10.500 pessoas, que é a meta da Saúde municipal. Neste sábado, dia 27, cinco equipes da Vigilância em Saúde percorrerão a zona rural do município.

população que precisa dispor de um local digno para acolher seus entes queridos”, disse Barella.

Segundo ele, a Secretaria de Obras está fazendo um levantamento completo das necessida-

des do Cemitério, para que outros serviços sejam realizados numa próxima etapa. DIVULGAÇÃO

Palestras educativas Prefeitura inicia limpeza do Cemitério Municipal para a Terceira Idade Mensalmente, no Centro de Convivência da Terceira Idade, o geriatra Jean Pierre ministra palestras educativas para a turma da melhor idade. No mês de abril, no dia 15, o tema escolhido foi DSTs (Doenças Sexualmente Transmissíveis) e o aumento destas doenças entre pessoas acima dos 50 anos. Após a explanação do médico foram distribuídos preservativos aos presentes, que também participaram de um bate-papo para tirar dúvidas sobre o assunto. A próxima palestra será no dia 13 de maio e os interessados podem obter mais informações no Centro da Terceira Idade, pelo telefone 3682-9360. Recreação Também como parte da programação mensal do grupo, passeios são oferecidos aos idosos com o

objetivo de promover maior integração. Ainda no mês de abril, 75 idosos visitaram a Basílica de Nossa Senhora Aparecida, na cidade de Aparecida do Norte. Para o mês de maio, outros passeios estão sendo preparados. O objetivo destas atividades, segundo a coordenadora Angélica Prado, responsável pelo Centro do Idoso, é desenvolver atividades de formação e informação, culturais, esportivas e recreativas, que proporcionem um envelhecimento saudável, possibilitando à terceira idade espaços de convivência. Para participar, pessoas acima de 60 anos devem procurar o Centro da Terceira Idade, à avenida Maria Aparecida Salgado Braghetta (Perimetral), sem número, e preencher a ficha de cadastro. DIVULGAÇÃO

A Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo, por meio da Secretaria de Planejamento, Obras e Serviços, iniciou nesta terçafeira (23) a limpeza do Cemitério Municipal. O local estava em situação crítica, tendo em vista que a manutenção do espaço não ocorria havia algum tempo. O trabalho deverá se estender por cerca de 10 dias, em razão do tamanho da área abrangida, que é de dois alqueires e meio. De acordo com o secretário de Obras, Cristiano Barella, na primeira etapa serão realizados serviços de pintura, limpeza e a troca do telhado da Capela, que estava com sua estrutura precária. A equipe de limpeza também pretende, com as medidas adotadas, acabar com possíveis criadouros do mosquito da dengue. “A atual administração objetiva realizar serviços permanentes de manutenção e conservação do local, pois sabe da importância dessa medida para a

Pintura do muro de proteção

DIVULGAÇÃO

Serviços internos se estenderão por mais 10 dias

DEC prepara atrações para o dia 1º de maio

Integrantes da Terceira Idade em Aparecida: viagem aconteceu neste mês de abril

O presidente do DEC, José Carlos Zanetti, disse esta semana que na próxima quarta-feira, dia 1º de maio, haverá um evento no Vale do Redentor no período da manhã. O DEC programou esse evento para ter início às 8 horas, devendo estender-se até ao meio-dia, aproximadamente. Passeios em um trenzinho, pipoca e shows com artistas locais serão as atrações previstas para

o Dia do Trabalho naquele bairro, o mais populoso de São José do Rio Pardo. José Carlos descartou, para este ano, a volta do Passeio à Pé, que em décadas anteriores foi a atração principal do município em todos os dias 1º de maio. “Queríamos fazer o Passeio à Pé já neste ano mas não será possível, por questão de segurança”, afirmou. “Para o próximo ano a população pode ter certeza

que ele será realizado e com toda segurança possível”. O evento no Vale, segundo o presidente do DEC, servirá para que os artistas mostrem seus trabalhos musicais à população da cidade e, assim, tenham a chance de se apresentar em público em um feriado nacional. A tradicional banda musical que, na madrugada do dia 1º de maio, percorre ruas e bairros de São José está tam-

bém confirmada. Nos dias 17 e 18 também haverá eventos, mas nas imediações da ponte metálica e em função do aniversário daquela obra de Euclides da Cunha. A data oficial do aniversário é o dia 18, quando deverá acontecer uma cerimônia especial, a ser divulgada na próxima semana, enquanto no dia 17 haverá visitas de alunos de escolas locais à ponte.


A-9 - 27 de abril de 2013

André Alcântara, juiz do ironman triathlon Ele nada 3,8 mil metros, pedala 180 quilômetros e ainda corre 42 quilômetros EDUARDO ERON Talvez não haja, em São José do Rio Pardo, quem não tenha ouvido falar do juiz de direito André Antônio da Silveira Alcântara, que, entre outras coisas, teve atuação marcante como juiz eleitoral da Comarca nas vezes em que ficou encarregado do assunto. O que pouca gente sabe, entretanto, é que ele é um dos raríssimos magistrados brasileiros, se não for o único, que há oito (8) anos vem participando de provas esportivas de triathlon no Brasil e até no exterior. Não só isso: em 2011 fez seu primeiro iroman triathlon em Florianópolis com um tempo total de 10h47s de prova e, no ano seguinte, após seletiva em Fortaleza, conseguiu vaga em sua faixa etária (45 a 49 anos) para representar o Brasil no Mundial de Longa Distância que aconteceu em julho, na Espanha. Prestes a completar 48 anos no dia 9 de maio, André Alcântara conta que desde muito pequeno esteve envolvido com esporte. Jogou futebol durante toda a sua infância e parte da adolescência, em Campinas. “Como era um pouco pesado e grandão, nas brincadeiras me colocavam no gol e acabei gostando”, recorda. “Jo-

guei como goleiro na Ponte Preta e depois no Guarani, nas categorias infantil e juvenil C”. Exército e Deic Quando atingiu a idade para o alistamento militar, André foi servir o Exército Brasileiro e, com isso, acabou se afastando do futebol. O esporte, no entanto, estava no sangue e ele começou a participar de corridas de rua em Campinas e região, em meados dos anos 80. Em seguida, na época em iniciava o curso de Direito e os estágios obrigatórios, passou a fazer natação no Clube Campineiro de Regatas e a treinar com bicicleta na Lagoa do Taquaral. O futuro atleta de triathlon estava surgindo. “Depois, mesmo como advogado e, em seguida, delegado do Deic – Departamento de Investigações sobre Crime Organizado na capital paulista, nas madrugadas, como ainda faço, encontrava tempo para os treinamentos”, prosseguiu. “Entretanto, ao me preparar para o concurso da magistratura, que tinha que adequar com minha atividade de delegado e de professor em cursinhos preparatórios para concurso público, como também os compromissos com o casamento

FOTOS DIVULGAÇÃO

de corrida a pé. Aos poucos ele foi intensificando seus treinamentos e encarando desafios maiores: 1.500 metros de natação, 40 quilômetros de bicicleta e 10 quilômetros de corrida; passou depois para 1.900 metros de natação, 90 quilômetros de bicicleta e 21 quilômetros de corrida. Ironman triathlon Agora, de dois anos para cá, André começou a participar oficialmente das extenuantes e desafiadoras competições de ironman triathlon, que exigem dos atletas um preparo físico tal que muitos acabam desistindo no meio do caminho. Essa modalidade compreende 3.800 metros de natação, 180 quilômetros de bicicleta e 42 quilômetros de corrida. “Este ano participarei novamente da prova em Florianópolis, que será no dia 26 de maio”, garantiu o juiz rio-pardense. “Para mim, o mais importante, além de gostar

muito de treinar, é depender só de mim e da minha vontade para os treinamentos”, comentou. “Esta empolgação acabou envolvendo principalmente minha esposa, que além de me acompanhar em todas as provas que participo, dando-me a maior força, está treinando corrida e participa de algumas provas”. A agora atleta Heloisa Alcântara atua como juíza na comarca de Casa Branca. André não revelou se ela tem a mesma vocação que ele para as duríssimas competições de triathlon, mas uma coisa é certa: ambos formam, possivelmente, o único casal de magistrados em que o esporte é encarado quase que como uma segunda profissão, além, claro, de um lazer pra lá de saudável. E, se os filhos da família Silva Alcântara também seguirem o mesmo caminho, serão sem dúvida um caso único, digno de outras reportagens. É esperar e ver.

Saindo das águas e já partindo para a etapa seguinte, o juiz-atleta compete com adversários

que se aproximava, acabei me afastando do esporte, rendendo-me muitos quilos”.

O casamento Veio então o casamento com Heloisa Margara da Silva Alcântara, que também é juíza de direito. O esporte competitivo, então, foi aos poucos ficando em segundo plano e, enquanto não mudaram para São José do Rio Pardo, as corridas, natações e ciclismos não foram retomados. “Somente retomei o esporte de competição aqui em São José, com a ideia de passar para os meus filhos a importância de estar envolvido neste meio”, comentou. “Acho que com isso acabei me empolgando. Gosto muito de treinar em horários diversos de modo a não atrapalhar minha jornada de trabalho diária”. O juiz-atleta, desde então, participa de provas de triathlon em todas as modalidades, a começar da mais rápida, que é a de 750 metros de natação, 20 quilômetros de bicicleta e cinco (5) quilômetros

Na Espanha, em 2012, André foi um dos representantes do Brasil no Mundial de Longa Distância


A-10 - 27 de abril de 2013

Munhoz & Mariano abrem a festa no RPRS Provas do Circuito Brahma Barretos de Rodeio (PBR) também tiveram início ontem Começou ontem, sextafeira, mais uma edição do Rio Pardo Rodeio Show, no parque de exposições do Jardim Aeroporto. A abertura da festa contou com o show da dupla Munhoz & Mariano, com a presença de um grande público. Também foram abertas as provas do Circuito Brahma Barretos de Rodeio (PBR), que servirá como uma das etapas de classificação para a maior festa do peão do país, em Barretos. Nas próximas noites, as tradicionais provas de Team Penning e Três Tambores, que costumam agitar o público, também marcarão o RPRS. “Optamos por uma programação variada, que reúne grandes shows e, claro, provas de rodeio, com uma das etapas da Brahma (PBR), o

mais respeitado do país. O público pediu e nós atendemos”, ressaltou o empresário e organizador do evento, Guilherme Flamínio. Novidade Uma das novidades do Rio Pardo Rodeio Show 2013 é proporcionar oportunidade para quem tem e quer mostrar seu talento. A cada noite, um novo artista rio-pardense e também de toda a região fará sua apresentação em um dos pontos mais frequentados da festa, a praça de alimentação. “No meio da praça de alimentação foi montado um palco, o Fusion, o qual servirá para que estes novos talentos tenham uma oportunidade de se apresentar para um grande público. É muito bom poder mostrar novos talentos e, talvez, alavan-

DIVULGAÇÃO

A dupla Henrique & Diego se apresentará hoje a noite

car a carreira artística dessas pessoas. Portanto, convido a todos para prestigiar essas apresentações, que serão promovidas antes dos shows principais”, disse Guilherme. Como aconteceu nos anos anteriores, nesta edição o Rio Pardo Rodeio Show também lançará uma campanha para arrecada-

ção de alimentos. Na segunda-feira, dia 29, a entrada será a doação de algum gênero alimentício, sendo que tudo que for arrecadado será doado a entidades assistenciais de São José. “Neste dia, o público, além de ter a chance de ajudar aqueles que mais necessitam, também poderá curtir dois

Conexão Dança é neste sábado, às 8 horas No mês em que se comemora o Dia Mundial da Dança, a Casa de Cultura e Cidadania de São José do Rio Pardo, projeto sociocultural viabilizado pela Lei Rouanet, do Ministério da Cultura, patrocinado pela AES Tietê e realizado pela H. Melillo e Instituto Agires, realiza, neste sábado, dia 27, mais uma edição do Conexão Dança. Os objetivos do evento são promover atividades voltadas à cultura da dança na cidade e em toda a região e, ao mesmo tempo, desenvolver ações de integração entre o projeto social e a comunidade,

proporcionando o desenvolvimento cultural de ambas. O evento tem início às 8h, com oficinas de dança-teatro, breaking e afro. Partindo da improvisação e da repetição, a dançateatro busca ampliar a visão e a expressão dos participantes. A coordenação é da arte-educadora da Casa de Cultura de Caconde, Silvana Oliveira Santos. Gabriel Cremasco Aragão, ex-integrante da Cia Cênica Aruanã, apresenta os movimentos básicos do hip hop no comando da oficina de breaking. Christiano dos Santos, ar-

CÂMARA MUNICIPAL DE SÃO JOSÉ DO RIO PARDO SÚMULA DA SESSÃO ORDINÁRIA DO DIA 23-04-2013 A) INDICAÇÕES: - Ao Executivo Municipal, sugerindo: - instalar bico de luz e lâmpada na Rua Professor Odilon Machado César (Nova Esperança). - regularizar a vazão da rede de esgoto no bairro Buenos Aires, em rua que especifica. - implantar lombadas na Avenida Brasil, pista bairro-centro, para inibir a alta velocidade no trânsito do local. - encaminhar projeto para refinanciamento de dívidas municipais. - providenciar poda de copa de árvores para melhorar iluminação pública. - substituição de lâmpada queimada na Rua dos Bandeirantes. - substituição de lâmpada queimada na Rua Major José O. Machado. - providenciar a revisão da porcentagem da insalubridade concedida para Agentes de Controle de Zoonoses. - a retirada de entulhos no final da Rua Rui Barbosa. - serviços de reparos e melhorias nas dependências do setor de Zoonoses. - a instalação de lixeiras na Praça Dr. João Baptista Ribeiro de Lima, Vale do Redentor. - viabilizar treinamento para servidores lotados nas secretarias municipais de Educação e Obras. - estudos visando à implantação de vias às margens do córrego das Macaúbas. - revogar dispositivo da Lei nº 1.885, que trata de descontos a contribuintes do ISSQN, para manutenção de logradouros. - a instalação de lombada e sinalização adequada na Rua José Andreoli. - a criação de curso para Torneiro Mecânico, em parceria com o Rotary Club de São José do Rio Pardo. - envidar esforços junto aos órgãos responsáveis para serviços de motoniveladora na estrada São José-Divinolândia. - a instalação no município de academias adaptadas aos portadores de necessidades especiais. - Ao Diretor do Fórum local, sugerindo a inclusão da ONG Unir no rol de entidades que recebem valores referentes às multas decorrentes de processos julgados. - Ao DER, sugerindo providenciar reparos na estrada de acesso à Usina Limoeiro. B) REQUERIMENTOS: - Ao Executivo Municipal, solicitando: - informações sobre rua do bairro Buenos Aires, ainda sem asfaltamento e outras melhorias. - informar sobre os motivos do não atendimento à indicação nº 11/2013 (lixo esparramado nas esquinas). - informar sobre os motivos do não atendimento à indicação nº 42/2013 (galerias de águas pluviais no Jardim Luciana II).

tista educador da Cia Cênica Aruanã, traz aos participantes a diversidade dos ritmos da dança afro. “O evento é importante por conta das trocas que propicia. Estimula a interação entre os oficineiros e o público, além de instigar a criatividade na produção das coreografias”, comenta o coordenador pedagógico da Casa de Cultura e Cidadania de São José do Rio Pardo, Felínio Freitas. Das 13h30 às 17h os participantes irão criar coreografias a partir dos conteúdos oferecidos nas oficinas. O encerramento do Conexão será realiza-

do pelos alunos, que mostrarão as coreografias criadas ao longo do dia em uma apresentação para a comunidade, a partir das 19h30. Serviço: Conexão Dança 08 às 12 horas: Oficinas de dança 13h30 às 17 horas: Criação coletiva de coreografias 19h30:Apresentação Local: Casa de Cultura e Cidadania de São José do Rio Pardo Endereço: Avenida Benedito dos Reis Scigliani, 255 – Buenos Aires Telefone para contato: (19) 3608 – 3031

- informar sobre os motivos do não atendimento à indicação nº 161/2013 (implantar moderno sistema telefônico de atendimento aos munícipes). - informar sobre os motivos do não atendimento à indicação nº 163/2013 (isenção de IPTU aos idosos). - informar sobre os motivos do não atendimento à indicação nº 164/2013 (descontos em pagamento antecipado do IPTU). - Informações sobre o programa Recicla São José. - providências para substituição de químico. - atribuições de cargo na Guarda Civil Municipal. - a criação do Conselho Municipal de Cultura, sugerida na Indicação 173/2013. - atendimento aos termos da Indicação 177/2013, que sugere implantar mototáxi no município. - atendimento à Indicação 180/2013, que sugere recadastramento de usuários da farmácia municipal. - a viabilidade de atendimento à Indicação 197/2013, que sugere incluir no ensino municipal matéria sobre hortas urbanas. - possibilidade de fornecer uniformes aos servidores municipais. - o cumprimento da Indicação 134/2013, que sugeriu ampliar a cobertura do ponto de ônibus circular ao lado do Bradesco, no centro. - a Indicação 55/2013, que sugere a inclusão no Departamento de Turismo de uma diretoria exclusiva para o turismo rural. - resultados de estudos relacionados às mudanças propostas para a Lei 2.712 (Estatuto dos Servidores). - o cumprimento da Indicação 48/2013, que sugeriu a reconstrução das calçadas que circundam o Cemitério Municipal. - informações atualizadas sobre as obras do tratamento de esgoto da cidade. - o não cumprimento da Indicação 34/13, que sugeriu o envio de Projeto de Lei Geral Municipal dispondo sobre legislação de incentivo às micro e pequenas empresas. - À CPFL, solicitando informar motivos do não atendimento à Indicação 201/2013, para remoção ou transferência de poste na Alameda José Meneghetti. - Ao Comandante do Destacamento da Polícia Militar, solicitando informações relativas à transferência de quatro policiais do efetivo local. . C) PROJETOS APROVADOS: AUTORIA LEGISLATIVO - Projeto de Lei nº 8 de 16/04/2013, que “Autoriza o ingresso de candidatos no Quadro Pessoal do Poder Legislativo, de acordo com o art. 37, II, da Constituição Federal, e art. 11, X, da Lei Orgânica Municipal”. - Emenda nº 27 à Lei Orgânica Municipal, de 24/04/1990, que “Altera o número de componentes da Câmara Municipal de São José do Rio Pardo, nos termos do art. 29, IV, “d”, da Constituição Federal”. D) MENSAGEM: A Câmara Municipal informa a todos que as sessões ordinárias são realizadas às terças-feiras a partir das 19:30. Nosso site: www.camarasjriopardo.sp.gov.br; E-mail: cmrpardo@camarasjriopardo.sp.gov.br . Reinaldo Milan Presidente

grandes shows, com Diego & Diogo e Victor Miranda, além da final do rodeio, que promete grandes emoções”, destacou Guilherme. Segurança Para garantir que o grande público possa se divertir sem demais preocupações, Guilherme explicou que a maior parte dos investimentos foi direcionada à segurança da festa. “Contratamos uma empresa especializada, que disponibilizará 60 homens treinados e credenciados, além de 20 brigadistas dos Bombeiros para monitoramento no interior do recinto”, informou. Já na parte externa da festa, a Polícia Militar realizará o policiamento, com viaturas de Rádio Patrulha, Força Tática e Rocam, além de Bases Comunitárias, que estarão dispostas na entrada do evento. A Guarda Civil Municipal também dará suporte ao evento, principalmente na questão do trânsito e proteção do patrimônio público. Hoje tem Henrique & Diego A dupla que se apresenta neste sábado, 27, gravou seu primeiro DVD em 2012 e vem com um repertório novo, que leva ao público músicas românticas, arrocha, vaneirão e moda sertaneja. “Temos

um carinho e uma grande gratidão pelo público do interior de São Paulo. Sabemos o quanto eles aceitaram nossas músicas e só temos a garantir que faremos uma belíssima festa, com muita agitação e emoção. O show é lançamento do nosso DVD e por isso todos poderão conferir músicas que fizeram sucesso ao longo dos 11 anos de nossa carreira e músicas inéditas deste novo t r a b a l h o . A l é m disso, fazemos aquela festa boa com muita música raiz, arrocha, axé, pagode e também músicas românticas que tocarão os corações de todos os casais apaixonados presentes”, afirma Henrique. Diego diz que pretende fazer um show inesquecível para o público do rodeio, “Estamos ansiosos para este show. Além disso, sabemos que a festa está sendo bastante comentada e por isso vamos fazer uma festa boa com todos os presentes”, ressalta. Programação musical Sábado, dia 27: Henrique & Diego Domingo, dia 28: Thiaguinho Segunda-feira, dia 29: Victor Miranda e Diego & Diogo (portões abertos) Terça-feira, dia 30: Luan Santana

São Jose do Rio Pardo – SP CONVOCAÇÃO O Conselho Municipal de Assistência Social CONVOCA todos os Conselheiros TITULARES E SUPLENTES e convida a população para REUNIÃO ORDINÁRIA a ser realizada à Rua Elisário Dias Guillon n.º 670 Jardim Santos Dummont – Prédio da Secretaria de Inclusão e Assistência Social. DIA: 03 de maio de 2013 (Sexta–Feira ) Horário : 9:00 horas Pauta: -Apresentação dos recursos da Assistência Social; -Assuntos diversos relacionados a Assistência Ana Flavia Marquiti Agostinelli Secretaria Executiva


27 de abril de 2013 - A-11

Cooxupé: embarque recorde de sacas Foram 33.945 sacas embarcadas no dia 23 de abril, em 85 containers

Vacinação contra aftosa começa dia 1º Começa no dia 1º e vai até 31 de maio a primeira etapa da campanha de vacinação contra a febre aftosa. Serão vacinados animais abaixo de 24 meses; já os que têm acima desta idade deverão ser apenas declarados até o dia 7 de junho. “Recomendamos comprar a vacina nos lugares que são já conhecidos no município, acondicioná-la com um terço de gelo na caixa, levar a vacina, aplicar com revólver ou seringa, trocar a agulha a cada 10 animais para não ter problema de hematoma na aplicação.”, explica Pedro Luís Mattes Rossi, chefe da Inspetoria de Defesa Agropecuária de São José do Rio Pardo. Segundo ele, a meta a ser atingida é sempre de 100%, mas no ano passado foram vacinados 99,8% do rebanho existente no município e na região, ou cerca de 30 propriedades rurais. “Quem não fez teve que proceder à vacinação assistida, teve auto de infração, todo aquele transtorno.” A novidade deste ano, segundo Pedro, é que o próprio produtor pode declarar a vacina por meio da internet, sem precisar se deslocar até a Inspetoria. “Ao adquirir a vacina, a loja vai declarar no sistema como crédito para ele. Com uma senha, ele vai declarar a vacina pela internet. É um sistema novo, implantado em dezembro. O produtor já está se adaptando e está gostando porque é muito mais prático”, informa. A senha é adquirida por meio do site www.cda.sp.gov.br. O requerimento de acesso deve ser impresso, preenchido e levado à Inspetoria Agropecuária com cópia do CPF e do RG e

comprovante de residência. Pedimos reconhecimento de firma também. “Basta declarar que o sistema já dá baixa”, diz Pedro. Quem não conseguir acessar o site para fazer a declaração do seu rebanho, basta comparecer à Inspetoria Agropecuária de São José do Rio Pardo. O município possui um rebanho de 36 mil a 40 mil cabeças, números que variam em razão das quantidades de abate e de nascimentos. Na região são 150 mil cabeças em duas mil propriedades. Vacinação assistida Pedro explica que a vacinação assistida será feita por meio de sorteio e em propriedades consideradas de alto risco, que fazem limite com lixões e aterros sanitários. “Nas propriedades que não participarem da campanha de maio, em novembro nós vamos assistir de novo a vacina. O produtor será penalizado duas vezes: por não ter vacinado em maio, e em novembro vamos ver se ele irá vacinar.” A multa para quem deixar de vacinar é de R$ 96,80 (por cabeça) e de R$ 56 (por cabeça) para quem deixar de declarar.

A Cooxupé, cooperativa mineira de café com sede em Guaxupé e filial em São José do Rio Pardo e em várias outras cidades da região sul de Minas, começa a registrar um aquecimento no número de sacas embarcadas, tanto para exportação quanto para o mercado interno. Só na tarde de terça-feira, 23 de abril, a cooperativa contabilizou o embarque de 33.945 sacas de café, para exportação e mercado interno, totalizando 85 containers, número recorde na história da cooperativa no embarque de sacas em apenas um dia. O número total de embarque de sacas de café em 2013, registrado até o momento, é de 1.372.481. Segundo Carlos Paulino da Costa, presidente da Cooxupé, os investimentos realizados pela cooperativa em maquinário e tecnologia para alavancar a logística do café estão contribuindo enormemente no processo de embarques. “Estruturas como o Com-

plexo do Japy, investimentos para receber o café granelizado, entre outras ações da cooperativa como os novos armazéns nos deixam preparados para as novas demandas”, avalia. Sobre a Cooxupé A cooperativa mineira de café, com cerca de 11,6 mil cooperados, 96% deles pequenos produtores, atende cafeicultores do Sul de Minas, Cerrado Mineiro e Vale do Rio Pardo. Ao longo dos seus 80 anos de história, a empresa reuniu números expressivos, ganhando liderança nas exportações do grão e ampliando mercados, como o de cafés especiais e certificados. Líder na exportação de café em anos anteriores, a Cooxupé também bateu recorde em 2011, exportando o maior volume de café da história brasileira – 2,46 milhões de sacas. Em 2011 manteve sua liderança na exportação, com 2,11 milhões de sacas exportadas.

DIVULGAÇÃO

A cooperativa já embarcou, em 2013, mais de 1,3 milhão de sacas de café

Vacina contra a raiva No Estado de São Paulo, os pecuaristas não são obrigados a vacinar seu rebanho contra a raiva, mas, de acordo com Pedro, a vacina é recomendável. “Aqui na região nós temos focos grandes em cidades vizinhas e a única forma de prevenir é a vacina. Em São José do Rio Pardo não há casos confirmados da doença, mas ela existe em Mococa, que contabilizou 80 casos de raiva.”

Concurso Público para Professores Efetivo e Substitutos Homologação Final A Diretora Administrativa da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de São José do Rio Pardo, no uso das atribuições legais, bem como do disposto na legislação que trata do assunto, torna público que, após verificação da formalidade e regularidade, defere e homologa o resultado final do Concurso Público para Provimento de Cargos de Professores Efetivo e Substitutos, conforme Edital de Concurso Público Nº 001/2013, publicado os resultados pormenorizados neste mesmo veículo em 20/04/2013.

PROCESSO SELETIVO PARA PROVIMENTO DE CARGOS DE PROFESSORES EFETIVOS E SUBSTITUTOS, EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO Nº 002/2010 RESULTADO FINAL DAS PROVAS DO PROCESSO SELETIVO PARA PROVIMENTO DE CARGOS DE PROFESSORES EFETIVOS (E) E SUBSTITUTOS (S), tendo sido realizadas as Provas: Discursiva, Didática e de Títulos da Área de Letras e Estatística, CONFORME EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO Nº 002/2010, os candidatos obtiveram os seguintes resultados: RESULTADO FINAL

(S) Substitutos (E) Efetivo São José do Rio Pardo, 26 de abril de 2013 Alessandra Arlete Azarias -Diretora Administrativa

Publicado, por afixação, no Quadro de Avisos da Faculdade, Unidade I, na mesma data. São José do Rio Pardo, 26 de abril de 2013 Alessandra Arlete Azarias Diretora Administrativa


A-12 - 27 de abril de 2013

Quando música e arquitetura se unem... Arquiteto rio-pardense juntou formas a acordes para compor as próprias melodias GISELLE TORRES BIACO “Arquitetura é música congelada”, já dizia o filósofo alemão Arthur Schopenhauer em pleno século XIX. O pensamento é antigo, mas sua atualidade é perfeitamente visível nas criações e construções, no Brasil e no mundo. Esta parece ter sido a inspiração do arquiteto rio-pardense Odair Roberto de Oliveira, graduado pela Universidade Santa Úrsula, no Rio de Janeiro, que resolveu unir a arquitetura à música. “Visando uma melhor apresentação dos projetos arquitetônicos, para que meus clientes pudessem melhor entendê-los, por anos estudei os

mais variados tipos de comunicação, e, com este conhecimento, me dei conta que poderia também usar na música”, diz. Foi assim que ele se aventurou pela música e começou a compor suas próprias letras e melodias. Para compor, ele diz que se utiliza de vários métodos, como as situações cotidianas. “Se cada pessoa tem formas diferentes de ver, ouvir e sentir o mundo, por que não unir os vários métodos nas composições musicais?” Odair diz que foram várias as suas influências . “Curti a Jovem Guarda, quando menino, e a formação do conjunto de “rock” com meu irmão Dê-

nisson e seus amigos Willian, Guilão e Azael (“Os Tiranos”), aqui em São José, isso pelos anos 1965”, diz. Desde 2011, quando tudo teve início, já produziu 150 músicas, a maior parte delas com temas românticos. “De todas, 40 delas tem melhor acabamento, a maioria com temas românticos, mas há temas como autoajuda, relaxamento, de alerta social ou ecológico. Uma delas, a música “Onda”, é a preferida dos ouvintes na internet.” Tudo é produzido por Odair. “Produzo a letra, a melodia, canto, coordeno a bateria, acrescento os instrumentos de acabamento. Mas a guitarra fica

por conta do Matheus José de Oliveira. Aí é só gravar em nosso pequeno estúdio. Unir, limpar, mixar, retocar... Mas percebo todos os limites técnicos que temos. Estou certo de que todo esse trabalho é só uma etapa, pois o resultado final poderá melhorar muito, em algum estúdio de gravação especializado.” Para ele, o resultado de tanto trabalho virá por reconhecimento. “Eu penso que alguém poderá explorar estas músicas, mas ainda não consigo definir. Por enquanto procuro fazer o melhor possível e tento cumprir as fases programadas. A intenção é que elas possam ser ouvidas, descobertas, curtidas e compartilhadas. Sei que, de certa maneira, poderei ajudar pessoas a explorar seu lado romântico, e assim fazer alguma diferença. Dizem que amor é o melhor remédio, não é?”, conclui.

DIVULGAÇÃO

O arquiteto, cantor e compositor Odair Roberto de Oliveira

Contatos Odair Roberto de Oliveira no Facebook Youtube ou Google – “odairoberto” e-mail odairoberto@gmail.com

Mococa recebe banda de metal cristão A cidade de Mococa receberá neste sábado, 27 de abril, a banda de metal cristão ‘Antidemon’, no CarpeDiem Club. A venda de convites (R$ 7 antecipado, R$ 10 na portaria mais um litro de óleo ou um quilo de açúcar) será revertida para a ONG Afrive – Espaço Cultural Filhos do Reino. De acordo com a assessoria da banda, em 20 anos de estrada a ‘Antidemon’ já conquistou grande espaço no cenário da música internacional. “É uma categoria difícil de ser alcançada, principalmente por passar valores cristãos e de vida, para um público completamente contrário a este estilo musical. Provando assim, que os valores cristãos cabem como princípio de vida em qualquer cultura, tribo, raça ou nação e, por onde a mensagem do Evangelho chega, pode trazer transformações de vida e de valores que têm destruído os jovens e acarretado tanto problemas sociais e familiares. Apesar de ainda sofrer um pouco com o preconceito, a verdade é que há cada vez mais bandas fazendo um som extremo, mas com ideologia cristã”, declara Thelma Teixeira, assessora do grupo. Criada em janeiro de 1994, em São Paulo, a banda Antidemon mistura

DIVULGAÇÃO

estilos a partir do Death Metal e do Grind Core, mas ao longo do tempo passou a seguir um estilo próprio. É reconhecida pelas turnês por todo o mundo, já tendo se apresentado em 27 países em quatro diferentes continentes. Neste ano, o grupo continua com a turnê “Antidemon World Apocalypsenow Tour” e emprega uma maratona ainda maior com apresentações no Brasil, Chile, Argentina e México e a partir do mês de agosto, a sua quinta temporada na Europa, passando pela Alemanha, República Tcheca, Eslováquia, Bulgária, Sérvia, Polônia, Rússia, Itália, Espanha, Holanda, França, Suécia, Dinamarca, Noruega e Finlândia, dentre outros. Atualmente, a banda é composta dos músicos Batista (baixo e voz), Juliana (bateria) e Natã For-

nazari (Guitarra). ‘Apocalypsenow’ é o título do quarto disco completo de estúdio, recentemente lançado pela banda. ONG Afrive A ONG Afrive, da qual faz parte a ‘Antidemon’, é uma associação sem fins lucrativos que trabalha em parceria com várias instituições, promovendo palestras e ações sociais para conscientização e mobilização de pessoas, no sentido de minimizar problemas sociais, como droga, aborto, suicídio, dentre outros. O trabalho começou há pouco mais de dois anos. “Nossos trabalhos são realmente voltados para sensibilização social e também trabalhamos com formação, tentando, dessa forma, passar valores cristãos para os que conosco buscam apoio e ajuda”, conta Thelma.


27 de abril de 2013 - A-13

INTER LIGAS

Seleção da LRF enfrenta Franca precisando vencer A Seleção da LRF (Liga Riopardense de Futebol), que este ano está sendo representada pela equipe do Botafogo, enfrenta neste domingo, dia 28, a Seleção de Franca pela segunda rodada do grupo 3 do Campeonato Estadual de Futebol Amador de Seleções de Ligas Municipais (Inter Ligas). A partida será realizada a partir das 15 horas no estádio do Botafogo e a equipe rio-pardense precisa da vitória para se recuperar na competição. No

primeiro jogo, realizado contra a Seleção de Brodowski, a equipe do Botafogo perdeu por 1 a 0, na casa do adversário. “A Seleção de Franca estreou com goleada sobre a Seleção de Serrana, sabemos que vamos enfrentar uma das equipes mais fortes da competição e precisamos estar preparados para não ser surpreendidos em casa”, disse Luís Fernando Modica (Pingo), técnico da equipe rio-pardense. Para a partida diante da

Seleção de Franca o técnico rio-pardense está convocando os seguintes jogadores: Danilo Scarcela, Ziquinho, Buizão, Lucas Scoqui, Alexandre ScoquI, Mateus Piriá, Neto, Rodolfo, Bruno Mangão, Léo da Farmácia, Rogério Russo, Diow, Bazinho, Poti, Mexerica, Lipão, Duzinho e Siqueira. A terceira partida da Seleção da LRF está prevista para o próximo dia 12 de maio, contra a Seleção de Serrana, na casa do adversário.

Seleção da LRF precisa vencer para se recuperar da derrota na primeira partida

REGIONAL DE FUTEBOL

Equilíbrio total na sexta rodada dos Veteranos A sexta rodada do Campeonato Regional de Futebol Veteranos 35 anos foi muito equilibrada, com três empates nos três jogos realizados. A rodada foi realizada no último sábado, dia 20, nas cidades de São Sebastião da Grama, São João da Boa Vista e Vargem Grande do Sul. Em São Sebastião da Grama a equipe do Vila Gomes empatou com a AA Divinolandense em 1 a 1, gols de Ronaldo para o Vila Gomes e Amilton para o Divinolandense. Em São João da Boa Vista o time do Cruzeirinho empatou em

3 a 3 com o EC Mogiana (Guaxupé), gols de Delei, Marquinho Nikita e Lica para o Cruzeirinho e André (2) e Zé Eduardo para o Mogiana. Em Vargem Grande do Sul a equipe da AA Vargeana empatou em 1 a 1 com o Grêmio Nestlé, gols de Fabricio para a Vargeana e Celso Ferreira para o Grêmio Nestlé. Neste sábado, mais três jogos serão realizados pela sétima rodada, todos a partir das 15h15. O campeonato está sendo organizado pelo DEC, com apoio da Liga Riopardense de Futebol (LRF).

PRÓXIMOS JOGOS: 15h15 - AA Ponte Preta x Cruzeirinho (Vale Redentor) 15h15 - EC Mogiana x AA Vargeana (Guaxupé) 15h15 - Paraná x Grêmio Nestlé (São Sebastião da Grama)

TAÇA EPTV

DEC/São José estreia dia 29, contra Aguaí A 17ª Taça EPTV de Futsal Central começou oficialmente no último sábado, dia 20, em Aguai. As delegações das 35 cidades participantes desfilaram na abertura do evento, com o público lotando as dependências do Ginásio Municipal de Esportes “Domingos Martucci” (Domingão). A cerimônia contou com a participação da Companhia de Dança Alvo Sports, de Aguaí, que apresentou performance especialmente preparada para a ocasião. Após a solenidade de abertura a Seleção de Aguaí jogou contra a equipe de Guarapiranga e em-

pataram em 3 a 3. A equipe do DEC/São José está no grupo 6 da competição, juntamente com as seleções de Bueno de Andrade, Aguaí e Guarapiranga, devendo fazer sua estreia no dia 29 de abril, contra Aguaí, em rodada a ser realizada na cidade de Caconde. Na última quinta-feira, dia 25, quatro jogos foram realizados pelos grupos 1, 7 e 4, nas cidades de Vargem Grande do Sul e São Carlos. Rodada dia 29: Caconde Aguaí x DEC/São José Caconde x Pirassununga

DEC/São José participou da abertura com a equipe feminina de futsal

Grêmio Nestlé empatou mais uma pelo Campeonato Regional de Veteranos 35 anos

Ponte Preta quer a vitória diante do Cruzeirinho, no jogo do Vale do Redentor

DOMINGÃO DE FUTEBOL

Definidos os semifinalistas da competição As equipes do Carlos e Edgard, Ponte Preta, Padaria São Francisco/Bebidas Potí e Coffee the Morning garantiram suas vagas para a fase semifinal do Campeonato Domingão de Futebol, promovido pelo DEC. As vagas foram obtidas no último domingo, dia 21, após encerramento da última rodada da fase de classificação. No estádio do Botafogo, no primeiro jogo, a equipe da Ponte Preta venceu o time da AAR T3 por 1 a 0, gol de David. No segundo jogo, a equipe do Coffee the Morning goleou o time do Escritório São Lucas por 6 a 0, gols de Ivan (3), Marquinhos Raimundo (2) e Baby. No estádio do Vale Redentor, no primeiro jogo a Padaria São Francisco/Bebidas Potí venceu o Misto do Botafogo por 4 a 2, gols de André Balão (2), Jonas e Breno para a Padaria e Roninho (2) para o Botafogo. No segundo jogo, Carlos e Edgar manteve os 100% de aproveitamento ao golear o time do Chaveiro Melo por 5 a 0, gols de Du Cabeça (2), Japão (2) e Ronaldo. Com esses resultados, no grupo A o time do Coffee the Morning ficou com a primeira colocação e a Ponte Preta em segundo. No grupo B, o time do Carlos e Edgar ficou em primeiro lugar no grupo e a equipe da Padaria São

Francisco/Bebidas Potí em segundo. Na fase semifinal o Coffee the Morning jogará contra Padaria São Francisco e o time do Carlos e Edgar, contra a Ponte Preta. A semifinal será reali-

zada em jogos de ida e volta, em melhor de 4 pontos ganhos; em caso de igualdade nos pontos, as equipes finalistas serão conhecidas através dos pênaltis, a serem cobrados no segundo jogo.

A primeira rodada da fase semifinal será realizada somente no próximo dia 5 de maio em decorrência do jogo entre a Seleção da LRF contra a Seleção de Franca, pelo Inter Ligas da FPF, neste domingo, 28.

Com três vitórias em três jogos, Carlos e Edgar tem a melhor campanha até agora

Goleada garantiu o primeiro lugar do grupo ao time do Coffee the Morning


A-14- 27 de abril de 2013

BOLETIM ESPORTIVO

3.500 kg na terceira etapa dos Festivais A terceira e penúltima ação dos esportistas, só etapa dos Festivais de Fu- posso pedir a Deus que os tebol Beneficente, do pro- ilumine, pois sempre que grama Boletim Esportivo, precisamos eles estão de arrecadou 3.500 quilos de braços abertos para nos alimentos não perecíveis, atender”, finalizou Paulão na Santa Luzia do Galego. da Rádio. O evento foi realizado no As demais equipes partiúltimo domingo, dia 21, e cipantes também trouxena oportunidade mais 8 ram expressivas quantidaequipes (aspirantes e titu- des de alimentos. Somanlares) foram premiadas em do as três etapas realizadecorrência de suas cam- das, até o momento já fopanhas no Concurso de ram arrecadados cerca de Clubes 2012. 6 toneladas de alimentos. “No ano passado foram As entidades assistenciarrecadados 3 mil quilos e ais que serão beneficiadas este ano 3.500, isso mos- são: Agradef, Apae, Asilo tra que os esportistas es- Lar de Jesus, Asilo Padre tão solidários as entidades Euclides Carneiro, Cáritas, assistências do município”, Comunidade Deus Provedisse Paulo Sergio Rodri- rá Riopardense, CERCAgues (Paulão da Rádio), MOR, Creche Francisco de organizador do evento. Assis, Creche São Paulo, A Santa Luzia do Galego Educandário São José, mais uma vez foi a equipe Hospital São Vicente, Igreque mais arrecadou. Sozi- ja Santa Luzia, Igreja São nha, conseguiu mais de Judas, Igreja São Roque, duas toneladas e meia, Lar da Infância, PEVI, Regraças ao empenho dos nascer, Rotary e o SOS. esportistas Luís Carlos PeA quarta e última etapa rillo, Nei Orfei, Mauro As- dos Festivais está prevista tolfo, Nibinha e Marião para acontecer no próximo Morelli. “Não tenho pala- dia 5 de maio, na fazenda vras para agradecer a Dalbon. AMISTOSO

Flamengo/Rondinelli fez amistosos contra Guaranésia A Escolinha Flamengo/ Rondinelli venceu a Escolinha de Guaranésia em três das quatro categorias disputadas em partidas amistosas no último sábado, dia 20, no campo do Botafogo FC. Os jogos foram realizados com garotos entre 9 a 17 anos, os quais foram divididos em quatro categorias. A escolinha rio-pardense é comandada pelo professor Fábio Perri e a Escolinha de Guaranésia pelo professor Cezar Pelezinho. “Esses amistosos são muito proveitosos, além de dar ritmo de jogo aos atletas conseguimos uma boa vitória nas três categorias”, disse Fábio Perri, informando que os jogos foram apitados por Daniel Cruzeirinho e Evandro Zeferino. A escolinha rio-pardense tem como auxiliar técnico o professor de Educação Fisica João Duva Neto. Resultados e escalações: Categoria sub-10: Escolinha Flamengo/Rondinelli 0 x 5 Guaranésia Escalação Escolinha Flamengo - Rick, João, Neto, Lucas Moreno, Pedro Rocha, Samuel, João Lucas, Gustavo Zamai, Mathias,

Guilherme, Adrian, Otávio, Kaka, Daniel e Lucas Herculano. Categoria sub-12: Escolinha Flamengo/Rondinelli 4 x 1 Guaranésia (gols de Paulinho, Marco Antonio, Davi Lima e Gustavo Zulli). Escalação Escolinha Flamengo - Rick, João Paulo Belissário, Neto, Paulinho Balestra, André, Marco, Marco Antonio, Marcos Vinícius, David Lima, Britto, Daniel de Pauli, Lucas, Gustavo Zulli, Gui e David Jr. Categoria sub-14: Escolinha Flamengo/Rondinelli 3 x 0 Guaranésia (gols de João Pedro, Igor Tavares e Alessandro). Escalação Escolinha Flamengo - Guilherme Modena, Vini Moraes, João Pedro, Zé Rossi, Silas Rossi, Paulo Toesca, Lucas Siqueira, Alexssandro, Eduardo Cueva, David’s, Radler, João, Juninho, Matheus, Igor Tavares, Carlos e Silva. Categoria sub-16: Escolinha Flamengo/Rondinelli 2 x 0 Guaranésia (gols de Gabriel e Igor Tavares). Escalação Escolinha Flamengo/Rondinelli - Guilherme Modena, Paulinho, Betinho, Moises, Josué, Igor Tavares, Luan, Otávio, Luan, Gabriel, Gutinho, Guilherme e Bruno.

Fábio Perri e Cesar Pelezinho, com uma das promessas do futebol de Guaranésia

Caminhão com os 3.500 kilos arrecadados no Galego

Paulinho, Zé Victor e João Trentin animaram a festa

Alimentos arrecadados individualmente por Luis Carlos Perillo: 1.000 kg Contribuição da equipe do Bocainas

RESULTADOS DOS JOGOS: Asp. - Santa Luzia do Galego 1 x 1 Juventus Vila Verde Asp. - Água Fria 1 x 0 Bocainas Tit. - Santa Luzia do Galego 2 x 0 Juventus Vila Verde Tit. - Água Fria 2 x 3 Bocainas Asp.- São Paulo 1 x 3 Nacional/Mococa Asp. - Venerando 2 x 0 Vila Maria Tit.- São Paulo 1 x 3 Nacional/Mococa Tit. - Venerando 2 x 0 Vila Maria

Contribuição em alimentos do esportista Nibinha e família: 1.100 kg

TÊNIS

Guilherme Cafola conquista mais uma medalha pela FPT O tenista Guilherme Cafola conquistou mais uma medalha em sua carreira no tênis. Competindo no último final de semana pelo Torneio Regional organizado pela Federação Paulista de Tênis, no Clube de Campo Empyreo, em Leme, o rio-pardense obteve medalha de prata na categoria 16 MA. Guilherme Cafola saiu novamente como cabeça de chave e, em sua trajetória nas partidas, venceu nas quartas de final o

tenista Renan (Campinas) por 2 sets a 0, parciais 6x3 e 6x2, e na final perdeu para Túlio (Catanduva) num jogo de 3 sets intensos: 2 x 1 (parciais 6x3, 4x6 e 6x3. Com o resultado, Guilherme Cafola conquistou a medalha de prata e somou pontos no ranking Estadual Paulista. Atualmente, o rio-pardense é o 11º no ranking. Para disputar os torneios, Guilherme Cafola conta com o apoio do DEC.

Guilherme Cafola durante partida de tênis em Leme

FUTSAL DA LIGA

Bons resultados da AAR/DEC no Regional As equipes sub-11, sub13 e sub-15 da AAR/DEC conquistaram bons resultados no Campeonato Regional de Futsal, organizado pela Liga Rio-pardense de Futsal, nas cidades de Santa Rita do Passa Quatro e Leme. Os jogos foram realizados no último final de semana. Na categoria sub-9, a equipe da AAR/DEC empatou em 4 a 4 com o time do DE/Divinolândia, gols de Breninho (2), Lucas Moreno e Luquinha Ambrósio para a AAR/DEC. A equipe rio-pardense empatou com Adiel, Miguel, Breninho Travesso, Lucas Moreno, Luquinha Ambrósio, Diogo

Yong, Pedro e Kaio Freitas. Na categoria sub-11, o tricolor venceu Leme por 9 a 2, gols de Dalton, Luan, Gú, Paulinho, Teteu, João D’Ornellas (2) e Pedro (2). A equipe venceu com Diogo, Teteu, Gú, Luan, Breno Boaro, Pedro, Dalton, João D’Ornellas e Paulinho. Na categoria sub-13, a equipe rio-pardense perdeu para o time de Leme por 6 a 2, gols de Luis e Porão para a AAR/DEC. A equipe perdeu com Yuri, Gabriel, Juninho, Luis, Porão e Cenir. Na categoria sub-15, a equipe da AAR/DEC venceu Leme por 7 a 3, gols

de João Pedro (3), Luquinhas (2), Alvaro e Lipim para AAR/DEC. O time riopardense venceu com Vini Moraes, Luizão, Zé, Sillas, João Pedro, Alvaro, Luquinhas, Lipim e Yuri.

“O time do SET/Leme é forte candidato ao título e esses jogos servem de base para o seguimento do ano”, disse Lê Malaquias, técnico da AAR/DEC.

Sub-11 da AAR/DEC venceu mais uma pelo Regional


27 de abril de 2013 - A-15

NATAÇÃO

Atletic Comp/Dec/AAR ganha 24 medalhas em Pirassununga A equipe da academia Atletic Comp/Dec/AAR conquistou 24 medalhas na segunda etapa classificatória do Troféu Regional Amigos da Natação de Inverno, realizado no último domingo, dia 21, em Pirassununga. A competição foi realizada em provas de 25 e 50 metros dos nados livre e peito, para as categorias petiz, infantil, juvenil, júnior e sênior, ainda em prova de 100 metros medley, nos estilos borboleta, costas, peito e crawl. Das 24 medalhas conquistadas, 9 foram de ouro, 11 de prata e 4 de bronze. A atleta Mariane Tiezzi conquistou três medalhas de ouro no Troféu Amigos da Natação. Ela está se preparando para o Campeonato Paulista de Inverno, a ser realizado no fim do

mês de junho (28 a 30), em Guaratinguetá. No dia 4 de maio, Mariane competirá em Ribeirão Preto para tentar bons tempos e assim participar do Paulista em série forte. Já a equipe da Atletic Comp/Dec/AAR disputará a terceira e última etapa classificatória do Troféu Amigos da Natação de Inverno, previsto para acontecer no próximo dia 5 de maio, em Porto Ferreira. Confira a classificação dos atletas rio-pardenses na prova realizada em Pirassununga: Pré Mirim - Ana Letícia C. Barbosa (4º e 5º), Tiffany La Verchetta (prata e 4º), Nicole Paulino (ouro e bronze), Gustavo G. Faria (ouro e prata) e Kauã A. Marin (4º e 4º). Master - Cristiane Primi-

ni (bronze e 4º), Marco A. Pegorin (6º e 5º), Adenilson J. Ferreira (10º e 7º), Samuel N. Andreoli (duas pratas), André Luis Paiva (9º e 6º) e Mônica Tiezzi (ouro e prata). Petiz - Gastão Cunha (ouro e 4º), Cecilia S. Escrovi (prata e bronze) e Maria Eduarda F. Raimundo (4º, 5º e 4º). Infantil - Matheus Hipolito (8º e 11º), Luciano Moraes (7º, 5º e 6º), André B. Sassi Sampaio (6º, 4º e 4º), Lucca Villela Paiva (7º) e Murilo Mello (10º). Juvenil - Mariane Tiezzi Mantovani (três ouros), Cassandra Blaschi Benicio (dois ouros e uma prata) e Amanda Nogueira Camargo (três pratas). Sênior - Matheus H. Silva Salotti (prata, bronze e 4º),

Equipe da Atletic Comp/DEC/AAR brilhou no Troféu Regional

TAÇA TVD

FUTSAL

Mais uma rodada neste fim de semana

Santa Cruz das Palmeiras e Leme disputaram o título

A Liga Rio-pardense de Futsal mais uma vez movimentou o salonismo e realizou, no último final de semana e em várias cidades da região, três competições: Campeonato Regional de Futsal Feminino, Campeonato Regional de Categorias Menores e Campeonato Entre Escolinhas

As equipes de Santa Cruz das Palmeiras e de Leme disputaram na noite desta última sexta-feira, dia 26, a final da Taça TVD de Futsal, competição que serve como preparação para a Taça EPTV. O resultado

de Futsal. Os jogos foram realizados nas cidades de São José do Rio Pardo, Santa Rita do Passa Quatro e Porto Ferreira. Os campeonatos de categorias menores e escolinhas têm apoio da Secretaria Estadual de Esportes, Lazer e Juventude do Estado de São Paulo.

será divulgado na próxima edição já que esta página foi encerrada antes da partida. As vagas para a final foram obtidas na noite da última segunda-feira, 22, no Ginásio Municipal de Esportes “Tartarugão”.

Na primeira partida da semifinal, a equipe de Santa Cruz das Palmeiras venceu o time de São Sebastião da Grama por 3 a 1, gols de Rodolfo (2) e Paulo Ricardo para Palmeiras e Daniel Brandi para Grama. No se-

gundo jogo, a equipe de Leme venceu o time de Guaxupé por 3 a 1, gols de Edilson (2) e Eric para Leme e André para Guaxupé. A competição foi organizada pela Liga Rio-pardense de Futsal.

CATEGORIAS MENORES: Sub-11: SET/Leme 2 x 9 AAR Sub-13: SET/Leme 6 x 2 AAR Sub-15: Set/Leme 3 x 7 AAR Sub-17: DME/Santa Rita 2 x 7 SET/Leme Sub-11: DE/Divinolândia 4 x 4 AAR Sub-13: SET/Leme 4 x 5 Derla/Mococa Sub-15: DE/Divinolândia 0 x 2 Derla/Mococa CAMPEONATO ESCOLINHAS: GINÁSIO TARTARUGÃO Sub-09: AAR/DEC – A 1 x 4 DE/Guaranésia Sub-11: AAR/DEC – A 2 x 3 DE/Guaranésia Sub-13: AAR/DEC – A 7 x 3 DE/Guaranésia Sub-15: AAR/DEC – A 4 x 3 DE/Guaranésia Sub-13: AAR/DEC – B 5 x 4 DE/Guaranésia Sub-11: AAR/DEC – B 7 x 0 DE/Guaranésia Sub-15: AAR/DEC – A 4 x 5 DE/Guaranésia CAMPEONATO ESCOLINHAS: GINÁSIO GRÊMIO NESTLÉ Sub-13: DE/Tapiratiba 2 x 5 CMI/Mococa Sub-15: DE/Tapiratiba 6 x 9 CMI/Mococa Sub-11: CMI/Mococa 4 x 1 DE/Arceburgo Sub-17: DE/Tapiratiba 1 x 8 DE/Arceburgo Sub-15: Grêmio Nestle 0 x 3 DE/Arceburgo Sub-13: Grêmio Nestle 1 x 11 DE/Arceburgo Sub-17: Grêmio Nestle 2 x 4 DE/Arceburgo CAMPEONATO REGIONAL FEMININO: Adulto: S. João da Boa Vista 6 x 2 Tigre/Mogi Guaçu Adulto: CA Ferreirense 2 x 2 DE/Divinolândia Adulto: Decet/Casa Branca 1 x 2 D. Messias FSF Adulto: DEC/São José 2 x 7 Derel/Mogi Mirim Sun-15: ACCPE/C. Branca 3 x 1 DE/ Pinhal Sub-19: CA Ferreirense 4 x 0 DEC/São José

DOIS TOQUES Basquete - A equipe sub-17 da AAR/DEC/RPFC/ABS voltou a vencer pela Liga Regional de Iracemápolis. No último sábado, dia 20, jogando no ginásio do Rio Pardo Futebol Clube, a equipe rio-pardense venceu Araras por 67 a 57. Neste domingo, dia 28, o time sub-17 tricolor vai enfrentar Itapira. Já pela categoria sub-14 a equipe da AAR/DEC/RPFC/ABS teve uma difícil tarefa. Jogando fora de casa contra o Nosso Clube/Limeira, o time rio-pardense perdeu por 93 a 38. Basquete II – O time de Campo Mourão Basquetebol, comandado pelo rio-pardense Emerson de Souza (técnico) e Hebinho de Souza (auxiliar), sagrou-se bi campeão da Copa Sul Brasil de Basquete masculino 2013. No último Circuito, realizado na cidade paranaense de Campo Mourão, a equipe da casa venceu o time de Caxias do Sul/Barinsul/Festa da Uva por 85 a 75 e também derrotou a equipe do Brusque/ FME/Unifebe por 90 a 88. Com o resultado, o time de Campo Mourão garantiu sua vaga para a Supercopa Brasil, que será realizada de 1 a 5 de maio, reunindo oito equipes das cinco regiões classificadas em suas respectivas regionais: Sudeste (3), Sul (Campo Mourão e Caxias do Sul), Norte (Assembleia Paraense/PA), Nordeste (1) e Centro-Oeste (1). O campeão e o vice-campeão da Supercopa Brasil garantem vaga no quadrangular que reunirá os dois últimos colocados do NBB 2012/13. Os dois primeiros lugares do quadrangular se credenciam para disputar a próxima temporada do NBB 2013/14, organizado pela Liga Nacional de Basquete (LNB).

Equipes de Leme e Santa Cruz das Palmeiras disputaram a final da Taça TVD ontem, no Tartarugão

ABERTOS DA JUVENTUDE

Futsal Feminino do DEC garante vaga para próxima fase A equipe sub-19 de futsal feminino do DEC/São José venceu o time de Casa Branca por 3 a 2 e garantiu sua vaga para a próxima fase dos Jogos Abertos da Juventude, do Estado de São Paulo. A partida, válida pela final da fase sub-regional, aconteceu na noite da penúltima quarta-feira, dia 17, no Ginásio Municipal de Esportes “Tartarugão”, gols de Giovana e Érica para Casa Branca e Mirele (2) e Michele para o DEC. Com esse resultado a equipe rio-pardense garantiu sua vaga para a fase Regional, de Campinas. A última vez que a equipe de futsal feminina de São José do Rio Pardo se classificou para a fase Regional de Campinas foi em 2008, e, na final da fase, perdeu para a equipe do Guarani (Campinas). A equipe de futsal feminina do DEC/São José é comandada pelo técnico Marco Moreira e pelo assistente técnico Alexandre Luvisaro. Futsal Masculino – A equipe sub-19 de futsal masculino do DEC/São José venceu o time de Casa Branca por 4 a 3 e também garantiu sua vaga para a fase Regional dos

Jogos Abertos da Juventude do Estado de São Paulo, organizado pela Inspetoria Regional de Esporte e Lazer (IREL). A partida foi realizada na penúltima quinta-feira, dia 18, no Ginásio Municipal de Esportes “Tartarugão”, e os gols foram marcados por Rodolfo (2), Ítalo e Fabinho para o DEC e Lucas (2) e Bruno para Casa Branca. Com esse resultado, a equipe rio-pardense também está na final da fase Regional de Campinas. Futebol de Campo - A equipe de futebol de campo do DEC/São José perdeu para o time de Caconde por 4 a 3 nos pênaltis e deu adeus à próxima fase dos Jogos Abertos da Juventude do Estado de São Paulo. A partida foi disputada no último sábado, dia 20, no estádio do Grêmio Municipal. No tempo normal as duas equipes empataram em 0 a 0. O time do DEC se despediu da competição jogando com Breno, Denis, Rafael, Danilo, Yuri, Caique, Rafael Oliveira, Silas, Gian, Pablo, Donizeti, João Marcos, Lucas, Luis Otavio, José Marcos e Hercílio. Técnico Mauricio Maria Gomes Neves, auxiliar Renato Thadeu Farah Ortega.

Sub-19 feminino do DEC/São José, mais uma vez, vai disputar a fase Regional

Futsal masculino sub-19, do DEC/São José, também garantiu vaga para próxima fase

Futebol do DEC/São José não foi feliz nos pênaltis e deu adeus aos Jogos Abertos da Juventude


A-16- 27 de abril de 2013

EDITAIS DE CASAMENTOS Belª. Rosa Helena Marin Foiadelli, Oficial de Registro Civil das Pessoas Naturais e de Interdições e Tutelas da Sede da Comarca de São José do Rio Pardo, Estado de São Paulo. Faço saber que pretendem se casar e apresentaram os documentos exigidos pelo artigo 1525 do Código Civil Brasileiro:

EDITAL Nº 11134 - DANIEL TRIVELATTO SAFARIZ e GIOVANA DASSAN DE OLIVEIRA, sendo o pretendente: solteiro, nascido no dia vinte e quatro de julho de um mil e novecentos e oitenta e um (24/07/1981), de nacionalidade brasileira, Gerente de produção, natural de SÃO JOSÉ DO RIO PARDO - SP, filho de SABINO SAFARIZ e de SANTA TRIVELATTO SAFARIZ; e a pretendente: solteira, nascida no dia dezenove de abril de um mil e novecentos e setenta e nove (19/04/1979), de nacionalidade brasileira, Professora de dança, natural de SÃO JOSÉ DO RIO PARDO - SP, filha de JORGE SAFARIZ e de CARMEN SÍLVIA DASSAN DE OLIVEIRA. EDITAL Nº 11135 - RONALDO DONIZETI VASCONCELLOS e ELIANE VIEIRA DA SILVA, sendo o pretendente: solteiro, nascido no dia vinte e cinco de julho de um mil e novecentos e setenta e sete (25/07/1977), de nacionalidade brasileira, Motorista, natural de SÃO JOSÉ DO RIO PARDO - SP, filho de VITOR CARLOS VASCONCELLOS e de ANA MARIA DA SILVA VASCONCELLOS; e a pretendente: solteira, nascida no dia dois de junho de um mil e novecentos e setenta e seis (02/06/1976), de nacionalidade brasileira, do lar, natural de SÃO JOSÉ DO RIO PARDO - SP, filha de ELIAS VIEIRA DA SILVA e de MARIA DE FÁTIMA MACHADO DA SILVA. EDITAL Nº 11136 - LEONARDO LAZARINI BELEZONI e BEATRIZ APARECIDA RAMOS SOARES, sendo o pretendente: solteiro, nascido no dia onze de maio de um mil e novecentos e oitenta e sete (11/05/1987), de nacionalidade brasileira, oficial de manutenção, natural de SÃO JOSÉ DO RIO PARDO - SP, filho de LUÍS ANTONIO BELEZONI e de DULCE HELENA LAZARINI BELEZONI; e a pretendente: solteira, nascida no dia primeiro de novembro de um mil e novecentos e noventa (01/11/1990), de nacionalidade brasileira, consultora de clientes, natural de SÃO JOSÉ DO RIO PARDO - SP, filha de LUÍS ANTONIO SOARES e de MARIA JOSÉ RAMOS SOARES. Se alguém souber de algum impedimento, oponha-o na forma da lei. Lavro o presente, que afixo no lugar de costume e publico pelo jornal local. São José do Rio Pardo, 26 abril de 2013. O Oficial: Belª. Rosa Helena Marin Foiadelli

VENDEDOR EXTERNO PRONTA ENTREGA Vaga em São José do Rio Pardo Experiência em Vendas no Varejo 2º Grau - Salário+Prêmio , Carro Empresa e Benefícios . CURRICULO PARA

vagas@terra.com.br

FALECIMENTOS

EQUALITER TRIBUTÁRIA

MARIA DE LOURDES PASSARELLI – Dia 29 de março, aos 89 anos de idade, casada com Antonio Passarelli Filho. Filha de Eduardo Domingos e Benedita de Jesus Domingos. JOANA CEZARINA DO NASCIMENTO ASTOLPHO – Dia 19 de abril, aos 60 anos de idade, casada com Antonio Roberto Astolpho. Filha de Agustinho Cezario do Nascimento e Dominga Maria Aparecida. MANOELA FURLAN MINUSSI - Dia 20 de abril, aos 81 anos de idade, casada com Octavio Minussi. Filha de João Furlan e Fortunata Piva. MERCEDES REGINI FRUTUOSO – Dia 5 de março, aos 73 anos de idade, casada com Arlindo Frutuoso. Filha de João Regini e Maria Nunciata Felipeli. TEODORA PEREIRA DA SILVA – Dia 20 de abril, aos 89 anos de idade. LEONICE DO AMARAL SABINO – Dia 17 de abril, aos 79 anos de idade, casada com Gesuino Sabino. Filha de Agenor da Silva Amaral e Paulina Vechini Amaral. JOSÉ NELSON BREDA – Dia 21 de abril, aos 73 anos de idade, casado com Maria Aparecida Moreira Breda. Filho de Pedro Antonio Breda e Irma Boldrin Breda. MARIA APARECIDA MARCON DA COSTA LIMA – Dia 21 de abril, aos 74 anos de idade, casada com Benedicto da Costa Lima. Filha de Antônio Marcon e Ernesta Comin. JAYME DA SILVA RANGEL – Dia 17 de abril, aos 80 anos de idade, casado com Maria de Lourdes Apolinário. Filho de Belirio da Silva Rangel e Alzira Francisca da Silva

CURSO DE ICMS NAS AQUISIÇÕES INTERESTADUAIS PRODUTOS NACIONAIS E IMPORTADOS DIA 16/05/2013 - 19:30 HORAS ACICB - CASA BRANCA- SP HERALDO HORTA RODRIGUES Fiscal de Rendas 1986/2012; MBA FGV Gestão de TributosTel: 19 3671-1147 - Cel: 19 9460-9824 www.equaliter.com.br hhrodrigues_equaliter@hotmail.com

VENDE-SE Área de 10 hectares perto do Cassucci R$ 260.000,00 Tratar (19) 9380-0812 (19) 3608-3023

Funerária São José “Rioli”

VENDE-SE

Oferece o que de melhor existe no ramo funerário, aos particulares e também do seu conhecido PLANO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO FUNERÁRIO, dando total segurança e tranquilidade a todos. Adquira o seu!

CAMINHONETE HILUX

VENDE-SE caminhonete F-1000 Cabine dupla, ano 86, motor MWM, excelente estado, Diesel – R$ 22.000,00 Tratar Fone - 8129-5211

VENDE-SE 1 casa na Vila Formosa com 3 quartos, sendo 1 suíte, 2 banheiros, entrada p/2 carros, quintal grande com pisos novos, 1 quarto c/ banheiro e lavanderia aos fundos, à Rua Luis Botelli, 83 – Vila Formosa e por motivo de mudança vendo – 1 fogão, 1 mesa de verniz clara c/ 6 cadeiras, 1 microondas, 1 camiseira, 1 bufê grande de cozinha. Tratar Rua Rui Barbosa, 430 ou pelo Fone (19) 36083351 – 91186973 - 87206002

DESDE 1950 - ESTA É A SUA GARANTIA

ano 2006 – preta IPVA 2013 pago R$ 75.000,00

Avenida 9 de Julho, 103 - Fone: 3608-5095

Fone: 8275-4000

GARÇON & GARÇON - INDÚSTRIA GRÁFICA LTDA.-ME torna público que recebeu da CETESB a Licença Prévia, de Instalação e de Operação N° 66000113 , válida até 24/04/2016, par a Produtos gráficos; edição e impressão de à AVENIDA NOVE DE JULHO, 186, CENTRO, SÃO JOSÉ DO RIO PARDO

EDSON ADIR DE OLIVEIRA - ME torna público que recebeu da CETESB a Licença Prévia, de Instalação e de Operação N° 66000115 , válida até 24/04/2016, para Produtos gráficos; edição e impressão de à RUA PREFEITO FRANCISCO GONZAGA FRANCO, 19, JARDIM AEROPORTO, SÃO JOSÉ DO RIO PARDO.

60 ANOS

PROJETOS, PUBLICAÇÕES E LICENCIAMENTO-CAMPOS E ASSOCIADOS SÃO JOÃO DA BOA VISTA (19)3622-3494 - SÃO JOSÉ DO RIO PARDO (19) 3681-3371

FERNANDO RODRIGUES TAPIRATIBA - EPP torna público que recebeu da CETESB a Renovação da Licença de Operação Simplificada N° 66000053, válida até 29/10/2017, para Lajes de cimento pre-moldadas, fabricação de à SITIO BELA VISTA, ROD. SP 350, MACAÚBAS, TAPIRATIBA. PROJETOS, PUBLICAÇÕES E LICENCIAMENTO-CAMPOS E ASSOCIADOS SÃO JOÃO DA BOA VISTA (19)3622-3494 - SÃO JOSÉ DO RIO PARDO (19) 3681-3371

REPRESENTANTES VENDEDORES (AS) SHINIKO-IZZA DO BRASIL PEÇAS AUTOMOTIVAS, FERRAMENTAS P/CONCESSIONÁRIAS, AUTO CENTER, INDUSTRIAS, ETC., CONTRATA para São José do Rio Pardo e região. REQUISITOS: Experiência em Vendas,Veículo próprio, Exclusividade. OFERECEMOS: Região fechada,Treinamento e acompanhamento. ÓTIMAS COMISSÕES, Produto de reposição mensal. Possibilidade de trabalhar com Veículo da empresa.

Enviar CV p/ ivan@shinikoizza.com.br

AGRADECIMENTO E MISSA A esposa Carla Russo Risso e a família de

EXTRAVIO Foi extraviado diploma de Magistério – Fundação Educacional de São José do Rio Pardo em nome de Márcia Helena Bertolini. RG 24.676.840 X – CPF – 141.980.328-07 Rua Ayrton Senna da Silva, 155 Caconde-SP

27/4 – 4 e 11/05/2013

SIMPATIA PARA EMAGRECER DE CHICO XAVIER QUARTA FEIRA pela manhã coloque em meio copo de água o número de grãos de arroz correspondentes aos quilos que você deseja perder.Não coloque grãos a mais do que você deseja, pois os quilos perdidos não são recuperados. A noite beba a água deixando os grãos de arroz, completando novamente com meio copo de água. QUINTA FEIRA pela manhã em jejum beba a água deixando os grãos de arroz, completando novamente com meio copo de água. SEXTA-FEIRA pela manhã em jejum beba a água com os grãos de arroz junto. Obs.: Conserve o mesmo copo Publique na mesma semana. Não faça regime pois a simpatia é infalível A.R.S.

A NESTLÉ BRASIL LTDA., torna público que requereu na CETESB a Licença de Operação, para fabricação de produtos de origem vegetal. Sito à Rua Henry Nestlé, S/Nº, Bairro Vila Formosa – CEP 13720-000 / São Jose do Rio Pardo - SP ORAÇÃO A SANTA RITA DE CÁSSIA Ó poderosa e gloriosa Santa Rita,eis a vossos pés um alma desamparada que, necessitando de auxílio,a vós recorre com a doce esperançade ser atendida por vósque tendes o incomparável títulode SANTA DOS CASOS IMPOSSÍVEIS E DESESPERADOS. Ó cara Santa, interessai-vos pela minha causa, intercedei junto a Deus para que me conceda a graça de que tanto necessito (dizer a graça que deseja). Não permitais que tenha de me afastar dos vossos pés sem ser atendido. Se houver em mim algum obstáculo que me impeça de obter a graça que imploro, auxiliai-me para que o afaste. Envolvei o meu pedido em vosso preciosos méritos e apresentai-o a vosso celeste esposo, Jesus, em união com a vossa prece. Ó Santa Rita, eu ponho em vós toda a minha confiança; por vosso intermédio, espero tranquilamente a graça que vos peço. Santa Rita, advogada dos impossíveis, rogai por nós. M.L.R.L. CONVERSA COM JESUS (Orar durante 9 dias seguidos) Meu Jesus, em Vós depositei toda a minha confiança. Vós que sabeis de tudo, Pai e Senhor do Universo. Sois o Rei dos Reis. Vós que fizestes o paralítico andar, morto viver e leproso sarar, façais com que (pedir a graça). Vós que vistes minhas angústias e lágrimas bem sabeis de tudo, Divino amigo, como preciso alcançar de Vós essa grande graça (pedir com fé). Minha conversa com Nosso Mestre me dá ânimo e alegria de viver. Só de Vós espero com fé e confiança (pedir a graça). Fazei, Divino Jesus, que antes de terminar esta conversa, durante 9 dias, eu alcance a graça que peço com fé. Com gratidão publicarei esta oração para que todos os que precisem aprendam a ter confiança em Vossa misericórdia. Iluminai meus passos assim como o sol ilumina todos os dais do amanhecer e testemunhe nosso diálogo. Jesus, eu tenho confiança em Vós. Cada vez mais aumenta a minha fé! Obrigada por tudo senhor. Amém. M.L.R.L. ORAÇÃO A SANTO EXPEDITO Meu Santo expedito das causas justas e urgentes, socorrei-me nesta hora de aflição e desespero, intercedei por mim junto ao Nosso Senhor Jesus Cristo. Vós que sois o Santo guerreiro, Vós que sois o Santo dos Aflitos, Vós que sois o Santo dos desesperados. Vós que sois o Santo das causas urgentes, protegei-me, ajudaime, daí-me força, coragem e serenidade. Atendei ao meu pedido: (Fazer o pedido). Ajudai-me a superar estas horas difíceis, protegei-me de todos os que possam me prejudicar, protegei minha família, atendei ao meu pedido com urgência. Devolveme a paz e a tranqüilidade. Serei grato pelo resto de minha vida e levarei seu nome a todos que tem fé. Muito obrigado, meu santo Expedido! Rezar 1 Pai Nosso, 1 Ave Maria e fazer o Sinal da Cruz. M.E.

ROQUE APARECIDO RISSO Agradecem as manifestações de pesar recebidas por ocasião de seu falecimento e, de modo especial, ao Hospital São Vicente, aos médicos Dr. Eliezer Gusmão, Dr. Roberto Marziale (Ribeirão Preto), ao Hospital São Lucas (Riberania), pela dedicação, atenção e carinho dispensados durante sua enfermidade. A todos o nosso Deus lhes pague! E convidamos para a missa de 30º dia que será celebrada em intenção de sua alma dia 5 de Maio, domingo, às 18h30 no Educandário São José.

A Santa Casa de Misericórdia de São José do Rio Pardo está recrutando estagiários dos cursos de graduação ou técnico, nas áreas de: l Administração; l Contabilidade; l Informática; l Requisitos exigidos: estar devidamente matriculado em um dos cursos acima e ser maior de 18 anos; Os interessados deverão enviar currículo para o email rh@scriopardo.com.br ou entregar pessoalmente na portaria da entidade.


27 de abril de 2013 - A-17

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO JOSÉ DO RIO PARDO A Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo, torna público: Pregão Presencial nº 28-13- Sistema de Registro de Preços para futura e eventual contratação de empresa especializada no fornecimento de 250 m³ de concreto FCK 20 MPA e 250 m³ de concreto FCK 25 MPA para serem utilizados conforme necessidade das Secretarias Municipais, com encerramento dia 13 de maio de 2013 às 15:00 hs. Pregão Presencial nº 29-13- Sistema de Registro de Preços para futura e eventual aquisição do medicamento bortezomide, destinado à Secretaria Municipal de Saúde – Farmácia Municipal- ordem judicial, com encerramento dia 14 de maio de 2013 às 15:00 hs. Pregão Presencial nº 30-13- Sistema de Registro de Preços para futura e eventual aquisição de carnes, para atender a demanda da Secretaria Municipal de Educação – Merenda Escolar, com encerramento dia 14 de maio de 2013 às 09:30 hs, com apresentação de amostras sob pena de desclassificação. Pregão Presencial nº 31-13- Sistema de Registro de Preços para futura e eventual aquisição de gêneros alimentícios - biscoitos, para atender a demanda da Secretaria Municipal de Educação – Merenda Escolar, com encerramento dia 15 de maio de 2013 às 09:30 hs, com apresentação de amostras sob pena de desclassificação. Maiores Informações poderão ser obtidas à Praça dos Três Poderes, 01 , das 12 às 18 hs, ou através dos Telefones (0xx19) 3682-7831-3682-7835 ou pelo site www.saojosedoriopardo.sp.gov.br, com Regina/Roseane/Letícia. ERRATA: por lapso desta Secretaria, a portaria de número: 11385 publicada neste mesmo veículo de comunicação, em sua edição de 20 de abril de 2013, apresentou erro de digitação, onde se lê: 19 de fevereiro de 2013, o correto é ler: 19 de abril de 2013. São José do Rio Pardo, 26 de abril de 2013, Secretaria da Administração. EDITAL DE CONVOCAÇÃO A Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo, convoca o candidato abaixo classificado no Concurso Público nº 01/2012, de MERENDEIRA para comparecer de 29 de abril a 03 de maio de 2013, das 8:00 às 17:00 horas, no Departamento de Recursos Humanos, à Praça dos Três Poderes, 01, centro, munido de documentos, para receber a instruções a respeito de sua admissão MERENDEIRA Class. Nota Nome Inscrição 19º 86,00 Fabiana Gardin Mantovani 000020269 Se o candidato não comparecer até o dia 03 de maio de 2013 , será considerado desistente e sua vaga oferecida ao candidato subseqüente na ordem de classificação, em futuras convocações. São José do Rio Pardo, 26 de abril de 2013. João Batista Santurbano - Prefeito Municipal EDITAL DE CONVOCAÇÃO A Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo, convoca o candidato abaixo classificado no Concurso Público nº 02/2012, de FONOAUDIÓLOGO para comparecer de 29 de abril a 03 de maio de 2013, das 8:00 às 17:00 horas, no Departamento de Recursos Humanos, à Praça dos Três Poderes, 01, centro, munido de documentos, para receber a instruções a respeito de sua admissão FONOAUDIÓLOGO Class. Nome Inscrição 3º Mariana Pereira Zenaro 000020877 Se o candidato não comparecer até o dia 03 de maio de 2013 , será considerado desistente e sua vaga oferecida ao candidato subseqüente na ordem de classificação, em futuras convocações. São José do Rio Pardo, 26 de abril de 2013. João Batista Santurbano - Prefeito Municipal. EDITAL DE CONVOCAÇÃO A Secretaria Municipal da Educação convoca os professores classificados no Processo Seletivo nº 001/2012. Local: Secretaria Municipal da Educação, Avenida dos Lírios, 400 – Centro. Dia: 29/04/2013 Horário: 12h00 Educação Infantil e Ensino Fundamental I - Do nº 51 ao nº. 60 Os candidatos deverão apresentar-se munidos dos seguintes documentos: Cópia do RG; - Cópia do CPF; -Cópia do título eleitoral; - Cópia da certidão de escolaridade exigida para o cargo. São José do Rio Pardo, 26 de abril de 2013. Silvia Masini Jiupato, Secretária Municipal da Educação. PORTARIA N.º 11.389, DE 23 DE ABRIL DE 2013. Dispõe sobre a exoneração, do servidor DANILO DA SILVA BIAJOTTO, do cargo de PROFESSOR DE ENSINO FUNDAMENTAL (5ª A 8ª) – CIÊNCIAS. O Prefeito do Município de São José do Rio Pardo, Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições, de acordo com o Art. 37, II da Constituição Federal e com o Art. 8º, I da Lei Municipal nº 2.712, de 16 de março de 2004, R E S O L V E: Art. 1º - Fica exonerado, o servidor DANILO DA SILVA BIAJOTTO, do cargo PROFESSOR DE ENSINO FUNDAMENTAL (5ª A 8ª) – CIÊNCIAS, nível XXII, desta Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo. Art. 2º - Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação, com efeitos retroativos a 11 de abril de 2013. São José do Rio Pardo, 23 de abril de 2013. João Batista Santurbano, Prefeito Municipal. Publicada por afixação em quadro próprio de editais na sede da Prefeitura Municipal, na mesma data. Antonio Cláudio Faria, Secretário Municipal de Gestão Pública. PORTARIA N.º 11.390, DE 23 DE ABRIL DE 2013. Dispõe sobre a prorrogação de cessão do servidor MARCO ANTONIO FERREIRA DA SILVA, para continuar prestando serviços junto ao Instituto Municipal de Previdência. O Prefeito do Município de São José do Rio Pardo, Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições, R E S O L V E: Art. 1º - Prorrogar a cessão do servidor marco antonio ferreira da silva, para continuar prestando serviços junto Instituto Municipal de Previdência, de acordo com o artigo 67, parágrafo 1.º, 2.º,3.º e 4.º da Lei n.º 1.878 de 19 de Outubro de 1994, alterada pela Lei n.º 2.020 de 22 de Fevereiro de 1996. Art. 2º - Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação, com efeitos retroativos a 01 de abril de 2013. São José do Rio Pardo, 23 de abril de 2013. João Batista Santurbano, Prefeito Municipal. Publicada por afixação em quadro próprio de editais na sede da Prefeitura Municipal, na mesma data. Antonio Cláudio Faria, Secretário Municipal de Gestão Pública. PORTARIA Nº 11.391, DE 23 DE ABRIL DE 2013. Dispõe sobre atribuição de aulas para o docente cadastrado Sr. DANILO DA SILVA BIAJOTTO, aulas livres.O Prefeito do Município de São José do Rio Pardo, Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições, considerando a Lei nº 2.712 de 16/ 03/2004, Título VII, Capítulo Único, artigos 175 e 176, inciso III e Portaria nº 8792 de 5/12/2008. R E S O L V E: Art. 1º - Atribuir para Sr. DANILO DA SILVA BIAJOTTO, 24 horas/aula e 06 horas atividade, semanais, de Matemática, no Ensino Fundamental – Ciclo II, no período da manhã e tarde na EMEB “PROFª STELLA MARIS BARBOSA CATALANO”, desta Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo, no período de 16 de abril a 19 de dezembro de 2013. Art. 2º - Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação, com efeitos retroativos a 16 de abril de 2013. São José do Rio Pardo, 23 de abril de 2013. João Batista Santurbano, Prefeito Municipal. Publicada por afixação em quadro próprio de editais na sede da Prefeitura Municipal, na mesma data. Antonio Cláudio Faria, Secretário Municipal de Gestão Pública. PORTARIA Nº 11.392, DE 23 DE ABRIL DE 2013. Dispõe sobre atribuição de classe para a docente cadastrada Sra. DANIELE APARECIDA DA SILVA, em substituição.O Prefeito do Município de São José do Rio Pardo, Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições, considerando a Lei nº 2.712 de 16/ 03/2004, Título VII, Capítulo Único, artigos 175 e 176, inciso III e Portaria nº

8792 de 5/12/2008. R E S O L V E: Art. 1º - Atribuir para Sra. DANIELE APARECIDA DA SILVA, 01 classe de Educação Infantil, no período da manhã, na EMEB “Fazenda Barreirinho”, desta Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo, no período de 17 de abril a 06 de agosto de 2013. Art. 2º - Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação, com efeitos retroativos a 17 de abril de 2013. São José do Rio Pardo, 23 de abril de 2013. João Batista Santurbano, Prefeito Municipal. Publicada por afixação em quadro próprio de editais na sede da Prefeitura Municipal, na mesma data. Antonio Cláudio Faria, Secretário Municipal de Gestão Pública. PORTARIA Nº 11.393, DE 23 DE ABRIL DE 2013. Dispõe sobre atribuição de classe para a docente cadastrada Sra. ESTELA DE FÁTIMA FERLIN ANDRÉ, em substituição. O Prefeito do Município de São José do Rio Pardo, Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições, considerando a Lei nº 2.712 de 16/03/2004, Título VII, Capítulo Único, artigos 175 e 176, inciso III e Portaria nº 8792 de 5/12/2008. R E S O L V E: Art. 1º - Atribuir para Sra. ESTELA DE FÁTIMA FERLIN ANDRÉ, 01 classe de Ensino Fundamental – Ciclo I, no período da manhã, na EMEB “Profª. Zélia Maria Zanetti”, desta Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo, no período de 16 de abril a 19 de dezembro de 2013. Art. 2º - Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação, com efeitos retroativos a 16 de abril de 2013. São José do Rio Pardo, 23 de abril de 2013. João Batista Santurbano, Prefeito Municipal. Publicada por afixação em quadro próprio de editais na sede da Prefeitura Municipal, na mesma data. Antonio Cláudio Faria, Secretário Municipal de Gestão Pública. PORTARIA N.º 11.394, DE 23 DE ABRIL DE 2013.Dispõe sobre a nomeação de membros para compor a Comissão Municipal de Trânsito -COMITRAN. O Prefeito do Município de São José do Rio Pardo, Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições, R E S O L V E: Art. 1º - Nomear os membros, abaixo relacionados, para compor a Comissão Municipal de Trânsito (COMITRAN), nos termos da Lei Municipal nº 1.164/1983, alterada pela Lei 3.733/2011, artigo 2º: Art. 2º – Fica nomeado para a função de Diretor da COMITRAN o Sr. Luís Carlos Pinto. Art. 3º - Ficam nomeados para a constituição do Conselho Consultivo: I – Representante da CIRETRAN: Márcia Serpa Ferreira de Lima. II – Representante da Polícia Militar: 1º Tenente André da Costa Vieira Ciampone. III – Representante da Câmara Municipal: Antonio Donizete Correa. IV – Representante Secretaria Municipal de Educação: Sérgio Aparecido Accorinte. V - Representante Secretaria Municipal de Saúde: Rafael Henrique Pedroso. VII – Representante da Guarda Municipal:Ademir Cardoso Merki. Art. 4º - Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. São José do Rio Pardo, 23 de abril de 2013. João Batista Santurbano, Prefeito. Publicada por afixação em quadro próprio de editais na sede da Prefeitura Municipal, na mesma data. Antonio Cláudio Faria, Secretário Municipal de Gestão Pública. PORTARIA N.º 11.395, DE 24 DE ABRIL DE 2013. Dispõe sobre a nomeação de membros para compor o Conselho Diretor do Fundo de Assistência ao Trânsito (FATRAN). O Prefeito do Município de São José do Rio Pardo, Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições, R E S O L V E: Art. 1º Nomear os membros, abaixo relacionados, para compor o Conselho Diretor do Fundo de Assistência ao Trânsito (FATRAN), instituída pela Lei Municipal nº 2.436/2001, artigo 6º. I – Secretario Municipal de Segurança e Trânsito: Carlos Donizeti Brambilla. II – Representante do Departamento Financeiro: Ângela Maria Mantovani Rueda.III – Secretario Municipal de Planejamento, Obras e Serviços: Cristiano Alex Baldo Barella.IV – Representante da Comissão Municipal de Trânsito – Comitran: Luis Carlos Pinto.V – Representante da Guarda Municipal: Ademir Cardoso Merki. Art. 2º - Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação. São José do Rio Pardo, 24 de abril de 2013. João Batista Santurbano, Prefeito. Publicada por afixação em quadro próprio de editais na sede da Prefeitura Municipal, na mesma data. Antonio Cláudio Faria, Secretário Municipal de Gestão Pública. PORTARIA N.º 11.396, DE 24 DE ABRIL DE 2013. Dispõe sobre a exoneração do servidor CARLOS HENRIQUE SATKEVICE, do cargo em comissão de COORDENADOR DE TRANSPORTE DA SAÚDE. O Prefeito do Município de São José do Rio Pardo, Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições, de acordo com o Art. 37, II da Constituição Federal e com o Art. 8º, I da Lei Municipal nº 2.712, de 16 de março de 2004, R E S O L V E: Art. 1º - Fica exonerado o servidor CARLOS HENRIQUE SATKEVICE, do cargo em comissão de COORDENADOR DE TRANSPORTE DA SAÚDE, nível XVI, desta Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo. Art. 2º - Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação, com efeitos retroativos a 16 de abril de 2013. São José do Rio Pardo, 24 de abril de 2013. João Batista Santurbano, Prefeito Municipal. Publicada por afixação em quadro próprio de editais na sede da Prefeitura Municipal, na mesma data. Antonio Cláudio Faria, Secretário Municipal de Gestão Pública. PORTARIA N.º 11.397, DE 24 DE ABRIL DE 2013. Dispõe sobre a nomeação do servidor RAPHAEL HENRIQUE PEDROSO, no cargo em comissão de COORDENADOR DE TRANSPORTE DA SAÚDE. O Prefeito do Município de São José do Rio Pardo, Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições, de acordo com o Art. 37, II da Constituição Federal e com o Art. 8º, I da Lei Municipal nº 2.712, de 16 de março de 2004, R E S O L V E: Art. 1º - Fica nomeado o servidor RAPHAEL HENRIQUE PEDROSO, no cargo em comissão de COORDENADOR DE TRANSPORTE DA SAÚDE, nível XVI, desta Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo. Art. 2º - Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação, com efeitos retroativos a 16 de abril de 2013. São José do Rio Pardo, 24 de abril de 2013. João Batista Santurbano, Prefeito Municipal. Publicada por afixação em quadro próprio de editais na sede da Prefeitura Municipal, na mesma data. Antonio Cláudio Faria, Secretário Municipal de Gestão Pública. PORTARIA N.º 11.398, DE 25 DE ABRIL DE 2013. Dispõe sobre a concessão de licença sem remuneração para tratar de assuntos de interesse particular ao servidor MARCO RENE NEVES ORLANDO. O Prefeito do Município de São José do Rio Pardo, Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições, R E S O L V E: Art. 1º Conceder, a pedido, licença sem remuneração, por um período de até dois anos, de acordo com o Art. 81 e seus parágrafos, da Lei Municipal nº 2.712 de 16 de março de 2004, ao servidor MARCO RENE NEVES ORLANDO, Operador de Estação de Tratamento de Água, desta Prefeitura Municipal. Art. 2º - Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação, com efeitos retroativos a 05 de abril de 2013. São José do Rio Pardo, 25 de abril de 2013. João Batista Santurbano, Prefeito Municipal. Publicada por afixação em quadro próprio de editais na sede da Prefeitura Municipal, na mesma data. Antonio Cláudio Faria, Secretário Municipal de Gestão Pública. PORTARIA N.º 11.399, DE 26 DE ABRIL DE 2013. Dispõe sobre a exoneração do servidor MARCELO DONIZETI PRIMINI, do cargo em comissão de SUPERVISOR DE OBRAS E SERVIÇOS. O Prefeito do Município de São José do Rio Pardo, Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições, R E S O L V E: Art. 1º - Fica exonerado o servidor MARCELO DONIZETI PRIMINI, do cargo em comissão de SUPERVISOR DE OBRAS E SERVIÇOS, nível XVII, desta Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo. Art. 2º - Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação, com efeitos a partir de 29 de abril de 2013. São José do Rio Pardo, 26 de abril de 2013. João Batista Santurbano, Prefeito. Publicada por afixação em quadro próprio de editais na sede da Prefeitura Municipal, na mesma data. Antonio Cláudio Faria, Secretário Municipal de Gestão Pública. PORTARIA N.º 11.400, DE 26 DE ABRIL DE 2013. Dispõe sobre a nomeação do servidor MARCELO DONIZETI PRIMINI, no cargo em comissão de COORDENADOR DO DEPARTAMENTO DE ÁGUA E ESGOTO E ILUMINAÇÃO PÚBLICA. O Prefeito do Município de São José do Rio Pardo,

Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições, R E S O L V E: Art. 1º Fica nomeado o servidor MARCELO DONIZETI PRIMINI, no cargo em comissão de COORDENADOR DO DEPARTAMENTO DE ÁGUA E ESGOTO E ILUMINAÇÃO PÚBLICA, nível XXX, desta Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo. Art. 2º - Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação, com efeitos a partir de 29 de abril de 2013. São José do Rio Pardo, 26 de abril de 2013. João Batista Santurbano, Prefeito. Publicada por afixação em quadro próprio de editais na sede da Prefeitura Municipal, na mesma data. Antonio Cláudio Faria, Secretário Municipal de Gestão Pública. PORTARIA N.º 11.401, DE 26 DE ABRIL DE 2013. Dispõe sobre a nomeação do servidor MARCELO DOS REIS MOTTA, no cargo em comissão de SUPERVISOR DE OBRAS E SERVIÇOS. O Prefeito do Município de São José do Rio Pardo, Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições, de acordo com o Art. 37, II da Constituição Federal e com o Art. 8º, I da Lei Municipal nº 2.712, de 16 de março de 2004, R E S O L V E: Art. 1º - Fica nomeado o servidor MARCELO DOS REIS MOTTA, no cargo em comissão de SUPERVISOR DE OBRAS E SERVIÇOS, nível XVII, desta Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo. Art. 2º - Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação, com efeitos a partir de 29 de abril de 2013. São José do Rio Pardo, 26 de abril de 2013. João Batista Santurbano, Prefeito. Publicada por afixação em quadro próprio de editais na sede da Prefeitura Municipal, na mesma data. Antonio Cláudio Faria, Secretário Municipal de Gestão Pública. PORTARIA Nº 11.402, DE 26 DE ABRIL DE 2013. Dispõe sobre alteração da Portaria nº 10.025/2011, que nomeia Comissão de Gestão do Plano de Carreira do Magistério Público Municipal. O Prefeito do Município de São José do Rio Pardo, Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições, RESOLVE: Art. 1º – Alterar o inciso V, da portaria nº 10.025/2011, que compõe a Comissão de Gestão do Plano de Carreira do Magistério Público do Município de São José do Rio Pardo, de acordo com os artigos 57, 58, 59 e 60, capítulo XVI da Lei nº 2.940 de 22 de junho de 2.007. V – Representantes da Equipe Técnico-Pedagógica. Titular: Silvana Lopes Mora; Suplente: Rita de Cássia Zanetti Manzoni. Art. º 2 – Esta Portaria entrará em vigor na data de sua publicação. São José do Rio Pardo, 26 de abril de 2013. João Batista Santurbano, Prefeito Municipal. Publicada por afixação em quadro próprio de editais na sede da Prefeitura Municipal, na mesma data. Antonio Cláudio Faria, Secretário Municipal de Gestão Pública. PORTARIA Nº 11.403, 26 DE ABRIL DE 2013. Dispõe sobre a nomeação de membros para compor o Conselho Municipal de Defesa Civil – COMDEC. O Prefeito do Município de São José do Rio Pardo, Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições legais, R E S O L V E: Art. 1º - Nomear os membros, abaixo indicados, para compor o Conselho Municipal de Defesa Civil – COMDEC, nos termos do art. 5º, incisos II da Lei nº 3.396 de 24 de agosto de 2009 e do art. 5 º incisos I ao X do Decreto nº 3.887 de 26 de Julho de 2010. I - Representante da Câmara dos Vereadores; Titular: Antônio Celso Martins; Suplente: José Osvaldo Costa. II - Representante do Poder Judiciário; Titular: Maria Ângela Morgan; Suplente: Joaquim Alves de Lima Neto. III - Representante da Secretaria Municipal de Segurança e Trânsito; Titular: Zildo Sebastião Inocêncio Júnior; Suplente: Luiz Carlos Pinto. IV - Representante da Secretaria Municipal de Planejamento Obras e Serviços; Titular: Joaquim Alcântara Ribeiro; Suplente: Ricardo Magalhães Silva Passos. V- Representante da Secretaria Municipal de Saúde; Titular: Antônio José Manrique; Suplente: Fabíola Regini Florentino Morgan. VI- Representante da Secretaria Municipal de Assistência e Inclusão Social; Titular: Juliana Helena Pinto Maldonado; Suplente: Solange Barbosa. VII - Representante da Polícia Militar; Titular: 1º Ten. PM André da Costa Vieira Ciampone; Suplente: 2º Sgt. PM Gilmar Donizete da Cruz. VIII - Representante da Polícia Civil; Titular: Márcia Serpa Ferreira de Lima; Suplente: Benedito Antonio Noronha Júnior. IX - Representante da Polícia Ambiental; Titular: 1º Sgt. PM Aluisio Fernando Alves; Suplente: Cabo PM João Batista Coaglio. X - Representante do Corpo de Bombeiros. Titular: Cabo PM Eduardo Souza Silva; Suplente: Soldado PM Gilmar Rosseto Júnior. Art. 2º. Esta Portaria entrará em vigor na data de sua publicação. São José do Rio Pardo, 26 de abril de 2013. João Batista Santurbano, Prefeito Municipal. Publicada por afixação em quadro próprio de editais na sede da Prefeitura Municipal, na mesma data. Antonio Cláudio Faria, Secretário Municipal de Gestão Pública. PORTARIA Nº 10.404, DE 26 DE ABRIL DE 2013. Dispõe sobre a nomeação de membros para compor a Coordenadoria Municipal de Defesa Civil – COMDEC. O Prefeito do Município de São José do Rio Pardo, Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições legais, R E S O L V E: Art. 1º - Nomear as pessoas abaixo indicadas para constituir a Coordenadoria Municipal de Defesa Civil – COMDEC, nos termos do art. 5º, incisos I, III, IV e V da Lei nº 3.396/2009 e do art. 5 º incisos I, III, IV e V do Decreto nº 3.887/2010. Carlos Donizete Brambilla - Coordenador; Ademir Cardoso Merki - Secretário; Joaquim Alcântara Ribeiro - Responsável pelo Setor Técnico; Antônio Celso Martins - Responsável pelo Setor Operativo. Artº 2º. Esta Portaria entrará em vigor na data de sua publicação. São José do Rio Pardo, 26 de abril de 2013. João Batista Santurbano - Prefeito Municipal. Publicada por afixação em quadro próprio de editais na sede da Prefeitura Municipal, na mesma data. Antônio Cláudio Faria, Secretário Municipal de Gestão Pública. PORTARIA N.º 11.405, DE 26 DE ABRIL DE 2013.Dispõe sobre a nomeação da Sra. ELIANA SALLES PACHECO ROSSI, no cargo em comissão de ASSESSOR DE IMPRENSA. O Prefeito do Município de São José do Rio Pardo, Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições, de acordo com o Art. 37, II da Constituição Federal e com o Art. 8º, I da Lei Municipal nº 2.712, de 16 de março de 2004, R E S O L V E: Art. 1º - Fica nomeada Sra ELIANA SALLES PACHECO ROSSI, no cargo em comissão de ASSESSOR DE IMPRENSA, nível XV, desta Prefeitura Municipal de São José do Rio Pardo. Art. 2º - Esta portaria entra em vigor na data de sua publicação, com efeitos retroativos a 15 de abril de 2013. São José do Rio Pardo, 26 de abril de 2013. João Batista Santurbano-Prefeito. Publicada por afixação em quadro próprio de editais na sede da Prefeitura Municipal, na mesma data. Antonio Cláudio Faria - Secretário Municipal de Gestão Pública LEI Nº 4.052, DE 26 DE ABRIL DE 2013.Autoriza a o ingresso de candidatos no Quadro Pessoal do Poder Legislativo, de acordo o art. 37, II, da Constituição Federal e art. 11, X da Lei Orgânica Municipal. O PREFEITO DO MUNICÍPIO DE SÃO JOSÉ DO RIO PARDO, ESTADO DE SÃO PAULO. Faço saber que a Câmara Municipal aprovou e eu sanciono e promulgo a seguinte lei: Art. 1º- Caberá ao Presidente da Câmara Municipal tomar as providências necessárias à realização de concurso público para provimento de uma vaga para o cargo de Contador, do Quadro do Pessoal da Câmara Municipal de São José do Rio Pardo, sob o regime estatutário. Parágrafo único. Para o cargo de contador será exigido o título de Bacharel em Ciências Contábeis. Art. 2º - A remuneração do cargo de Contador corresponde ao nível XXX, conforme Lei Municipal nº 3.877, de 30 de março de 2012. Art. 3º - A Câmara Municipal contratará empresa para o fim específico de organizar e executar o concurso, de acordo com o art. 37 e seguintes da Constituição Federal e Lei nº 8.666/93, com modificações posteriores. Art. 4º - A Presidência, por meio de Portaria, nomeará comissão especial para fiscalização do concurso público, que será composta por três servidores da Câmara Municipal, efetivos ou comissionados. Art. 5º Esta lei entra em vigor na data de sua publicação. São José do Rio Pardo, 26 de abril de 2013. João Batista Santurbano-Prefeito Municipal.


27 DE ABRIL DE 2013 - Pág. A- 18

New Fiesta 1.5 parte de R$ 38.990 DIVULGAÇÃO

FONTE: UOL A Ford apresenta oficialmente todos os detalhes da gama do New Fiesta nacional, que começa a ser distribuído às revendas em maio. O compacto global da marca, que chegava do México via importação, agora é feito em São Bernardo do Campo (SP), após investimento de R$ 800 milhões na fábrica local. A meta para o hatch é chegar à liderança do sub-segmento dos compactos com motor acima de 1 litro. Na lista de rivais oferecida pela própria Ford , c o n s t a m Toy o t a Etios, Chevrolet Onix e Agile, Citroën C3, Renault Sandero, Fiat Palio e Punto, Volkswagen Gol e Fox e Hyundai HB20, cujos propulsores variam de 1,3 a 1,6 litro. Os do New Fiesta são de 1,5 e 1,6 litro. Para ficar à frente de todos eles, o carro da Ford terá de emplacar pelo menos 6 mil unidades por mês (em 2012, o mundo comprou 600 mil New Fiesta). No Brasil, a fabricante americana segue ameaçada de perder o quarto lugar nas

vendas de veículos novos. Antes, a incomodava apenas a Renault, mas agora há também a Hyundai. A vantagem da Ford é de cerca de 3 pontos percentuais sobre a quinta colocada. A fabricação local do New Fiesta respeita o tripé industrial da Ford brasileira: ela faz aqui os compactos, na Argentina os médios, e no México ou fora do Mercosul os modelos superiores (como Fusion e Edge). O futuro do New Fiesta sedã será anunciado até o meio do ano; a linha Rocam, de plataforma antiga, continua no mercado com motores 1.0 e 1.6, e carrocerias hatch e sedã. Focus 3 e Kuga (SUV médio) devem ser anunciados ainda neste semestre. Recheio e preços A gama do New Fiesta agora compreende três versões, ante apenas uma do carro mexicano. Duas delas podem receber a transmissão de dupla embreagem Powershift, de seis marchas (R$ 3.500 extras). A Ford insiste em descrevê-la como “automática”, apesar da ausência do conversor de torque.

Nas apresentações técnicas à imprensa, fica claro que não há nenhuma vontade em se estender sobre o tema — assim como também é óbvio que a concorrência, por usar os polêmicos automatizados IMotion e Dualogic (Volkswagen e Fiat), ou automáticos de apenas quatro marchas (Peugeot, Citroën e Hyundai), facilita as coisas para a Ford quando a questão é comparar. Como é o carro Na parte técnica, vale ressaltar a estreia de um motor Sigma menor que o já conhecido. Com 1,5 litro, ele provavelmente foi criado para ser o primeiro degrau na escada de opções da Ford global-brasileira, que deve aposentar a gama Rocam até o final de 2015. O EcoBoost 3cilindros de 1 litro, usado no EcoSport estrangeiro, entrega mais potência do que esse Sigma. Também é importante notar que o Sigma de 1,6 litro recalibrado e melhorado ganhou interessantes 15 cv de potência em relação ao New Fiesta mexicano, mas descartou 0,2/0,4 kgfm de torque.

É pouco, mas o que sempre se espera de um motor renovado é um ganho de força; jamais qualquer perda (o torque faz diferença nas arrancadas e retomadas). Em todo caso, o Sigma TiVCT acoplado à transmissão Powershift recebeu do Inmetro nota A de consumo, cravando 7,9/9,9 km/l com etanol e 11,4/13,9 km/l com gasolina (cidade/ estrada). O New Fiesta nacional chega com o facelift apresentado no Salão de Paris de 2012, que o alinhou ao design Kinetic 2.0 (cuja melhor tradução é o Fusion atual); a enorme grade trapezoidal que domina a dianteira é a assinatura visual do estilo. O

capô ganhou dois vincos longitudinais, e as luzes de neblina, quando presentes, são redondas (sumiu para sempre o filete diurno de LED). A traseira mudou pouquíssimo. Na versão Titanium Powershift, que UOL Carros já experimentou, há exageradas quatro plaquinhas de identidade (Fiesta, Powershift, 1.6 e Titanium). Em nosso carro branco, ficou parecendo porta de geladeira. Também notamos que a parte inferior do parachoque (em plástico preto que parece menos robusto que o do New Fiesta mexicano) apresentava ligeira deformação perto da saída de escapamento. Vimos isso em outros carros de

teste também. O New Fiesta brasileiro tem apenas um cano, ante dois, paralelos, no mexicano (o que ajuda a “descentralizar” o calor). Em nossa opinião, o New Fiesta é um carro bonito (talvez um dos mais bonitos à venda no país), de linhas contemporâneas e fluidas. O facelift o melhorou. O leitor de UOL Carros pensa assim também. No entanto, quando o modelo estreou no Brasil, em 2011, não existiam HB20 e Onix, nem a nova geração do C3 – isso para citar apenas carros apontados como concorrentes do New Fiesta pela própria Ford. Acrescentamos outro: Peugeot 208, páreo duro quanto à aparência.


C-1 - GAZETA DO RIO PARDO - 27 de abril de 2013

En Passant Me irrita profundamente e fico indignado ao ver, infelizmenmte a toda hora, motoristas e seus “caronas” no trânsito, descartando lixo pelas ruas da cidade, como se nos carros não houvessem porta trecos ou sacolinhas para depositá-lo, esses que os postos de serviço oferecem como brinde. Mesmo sem esses “depósitos”, não entendo a urgência do descarte, pois ao chegar em casa o material indesejado poderia, muito bem, se juntar ao lixo doméstico. Essas pessoas, de todas as classes sociais, têm que entender que ruas e calçadas são extensões de nossas casas, mesmo assim, elas não devem se importar em morar numa enorme “lata de lixo”, isso que a cidade viraria caso todos os “sugismundos” resolvessem jogar seus lixos pelas vias públicas. Uma verdadeira IN DE CÊN CIA !

“O Mundo de Costas” De autoria do conterrâneo Márcio Lauria Filho, a fotografia que ilustra artísticamente a abertura da coluna desta edição compôs a mostra individual intitulada “O Mundo de Costas”, q u e e s t e v e e m c a r t a z n o Ce n t r o d e C o n v e n ç õ e s R e b o u ç a s d i a s 2 3 , 24 e 2 5 d e a b r i l , p o r ocasião do Congresso Mega Brasil de Comunicação - Uma linda imagem! Parabéns, Marcinho!

FONE: 3608-6677 Paragrafo Único “Solidão Solidão não é a falta de gente para conversar, namorar, passear ou fazer sexo... Isto é carência. Solidão não é o sentimento que experimentamos pela ausência de entes queridos que não podem mais voltar... Isto é saudade. Solidão não é o retiro voluntário que a gente se impõe, às vezes, para realinhar os pensamentos... Isto é equilíbrio. Solidão não é o claustro involuntário que o destino nos impõe compulsoriamente para que revejamos a nossa vida... Isto é um princípio da natureza. Solidão não é o vazio de gente ao nosso lado... Isto é circunstância. Solidão é muito mais do que isto. Solidão é quando nos perdemos de nós mesmos e procuramos em vão pela nossa alma...” (Francisco Buarque de Holanda )

FOTOS: PETRONIO CINQUE

Em Sociedade P Márcio Xavier celebrou idade nova na noite de 17 de abril, arregimentando eclético grupo de convidados na residência do querido casal Luciana e Maurício Queiroz, na capital paulista. A recepção prestigiada por amigos de A a Z que se disseram presentes para abraçar o aniversariante, foi super aquecida por saborosíssima Sopa de Abóbora, preparada com muito esmero, e otras cositas más...

Márcio sendo efusivamente cumprimentado pela grande amiga Cristina Pereira de Lima

3682-8803 Rua 13 de Maio, 25 Com os sobrinhos Ricardo e Ana Laura

O aniversariante com Luciana e Maurício Queiroz, co-anfitriões do badalado encontro


C-2 - GAZETA DO RIO PARDO -27 de abril de 2013

Inauguração Os sócios Gabriela, Fábio e Fátima no dia da inauguração da boutique Bossa Brasileira, 22 de abril, um novo conceito e estilo de moda feminina, devidamente instalada à Rua Francisquinho Dias, 608. Confira!

Vai e Vem p Maria do Carmo Bortot Soares e sua filha, Cláudia, regressando de período de férias pelo sul do país, visitando o eixo Foz do Iguaçu-Serra Gaúcha.

p

As amigas Mara Correa e Márcia Rocha, no registro fotográfico clicadas durante estada na Cidade Luz, acabam de aterrissar de tour pela Europa.

1º Sacramento Às 10 horas do dia 14 de abril, na Igreja N.Sra. do Rosário de Pompéia, Miguel, filho de Marcela Vieira Ferreira e de Leonardo Cônsolo Abade, foi levado à pia batismal acalentado pelos avós-padrinhos Helenir Vieira-Robson Abade, assim como pelos padrinhos de consagração, tio Bruno Vieira-avó Cristina Abade, recebendo o 1º Sacramento pelo Pe. José Ricardo. Um almoço em família marcou o acontecimento.

P Wilson Baggio festejou 45 Anos de Idade na capital paulista, durante recepção em família que teve lugar na residência dos pais, Wilson e Amália. Ainda no registro fotográfico, a esposa do aniversariante Sônia, os filhos Giovanni e Giuseppe, os irmãos Willa e Wallace e as sobrinhas Maria Eduarda e Maria Carolina. Atrás da câmera, o cunhado Márcio Marsochi.


27 de abril de 2013 - GAZETA DO RIO PARDO - C-3

Enlace Às 16 horas do dia 20 de abril, na Chácara Meia Pataca, de Adriano Xavier Barbosa, aconteceu o enlace matrimonial de Priscila e Marcelo Fabiano (leia-se Revista Evidência), unindo as famílias Dirceu Lima de Moraes (in memoriam)Cleide Destro de Moraes e José Trinca-Maria Célida Feltran Trinca (in memoriam). Uma íntima recepção servida pelo Buffet Trivial com decór grifada por Bia Isoldi Pizani, selou o acontecimento - Aos noivos votos de perene felicidade!

Em Sociedade P A senhora de nossa sociedade Lúcia Logli de Moraes, na foto de arquivo à esquerda ao lado da amiga Maria Angélica Bordin Buffoni, expertise na Arte Culinária por diletantismo, foi a grande aniversariante de quinta-feira última, 25 de abril, abrindo as portas de sua residência ao cair da tarde para receber os amigos que se lembraram da grande data - Parabéns, Lúcia!

Alertados pela objetiva do Studio Volpi para o álbum de família

P Em minha agenda, o aniversário da cara amiga Inês Feijó, dia 23 de abril – Auguri!

Encontro

Palestra sobre Drogas na Adolescência A Etec de São José do Rio Pardo promoverá, no dia 7 de maio, palestra com o coordenador do SAMU, Dr Vitor de Sá, discorrendo o seguinte tema: “Drogas Psicotrópicas na Adolescência”. A palestra faz parte do projeto “Semana da Saúde”, terá início às 19:30 hs, sendo aberto a toda comunidade. De acordo com a OMS, Saúde é um estado de bem-estar físico, mental e social, e não apenas a ausência de doenças. Há uma estreita relação entre estilo de vida e saúde. A qualidade de vida está ligada a uma alimentação equilibrada, a prática regular de exercícios físicos, ao não consumo de drogas (lícitas e ilícitas), etc. Segundo a professora de Biologia da Etec, Cecília Balbão Filippi Leal, “se o tráfico ganhou a dimensão que tem hoje, foi porque, a cada dia, um número maior de pessoas consome drogas. Os consumidores de drogas são em sua maioria os jovens. O jovem

que começa a usar drogas sente satisfação no início, depois pode terminar em um dos 3 Cs: Clínica de recuperação, Cadeia ou Cemitério. Nós precisamos dar suporte às pessoas saudáveis, para que, no momento da oferta da droga, elas possam, sozinhas, optarem pelo não uso da droga ou sua comercialização. A maioria dos crimes está ligada, de uma maneira ou de outra, ao tráfico e ao consumo de drogas. O caminho é batalhar para reduzir o número de consumidores de drogas e isso só será possível se as autoridades se dispuserem a promover um trabalho sistemático de esclarecimento e educação dos jovens para mostrarlhes que as drogas só os levarão à autodestruição. Através da educação, conscientizamos os alunos para a importância da aplicação dos conhecimentos e preceitos que se destinam a cuidar e preservar a saúde, a qual é um dos pilares fundamentais do processo de desenvolvimento de uma nação”.

A elegante publicitária Camila Mansur, da equipe da Agência MKT Contemporâneo, habitué em nossa cidade onde conquistou um grupo de bons amigos, durante encontro casual em Campinas com Roberto Justus, que dispensa apresentações. Na oportunidade Camila vestia um vermelhinho básico da Dhassô.


GAZETA DO RIO PARDO - 27 de Abril de 2013 - C- 4


Página C-5 - 27 de abril de 2013 - GAZETA DO RIO PARDO

rjdg@terra.com.br

O pescador desdentado A alegria reinava naquele belo trecho do Pantanal, onde doze amigos riopardenses pescavam e muito riam com as piadas do Homero. O hotel confortável estava a alguns passos do caudaloso rio, incrivelmente piscoso. A turma não se conformava em devolver ao rio aqueles enormes peixes que só ficavam nas fotografias para recordações. Todos respeitavam as regras: não levar além do peso estipulado. Não adiantava tentar embromar os guardas nos postos fiscais, tentando passar uns quili-

nhos de lambuja. No quarto dia da pescaria, os doze já tinham completado a quota permitida com excelente pescado. Os outros quatro dias que ainda restavam do pacote turístico seriam para relax. Jogavam baralho, viam televisão, enchiam de prosa o cozinheiro, querendo pratos sofisticados com peixes, pescavam esportivamente, nadavam próximo das margens e riam sem parar. O sessentão alegre Luizinho, exímio nadador, escondia-se do calor dentro daquele mar de água doce. No sexto dia, den-

tro da água, ria tanto das palhaçadas do Homero, que engasgou. No acesso de tosse, sua dentadura soltou-se e afundou... Inconformado, mergulhou o resto do dia tentando encontrá-la. A noite desceu e todos se recolheram. Luizinho, cansado, não participou das brincadeiras no salão do hotel. Não gostou do apelido de “boca de bagre ”, recolhendo-se cedo. De madrugada já estava na sala do café, tentando contratar mergulhadores locais para procurar sua pianada. — Ô Luizinho, amanhã

a gente vai embora e você compra uma dentadura novinha no 1,99! — Ô Luizinho, você ficou bacana sem os dente!... Aquele teu quebra-galho de saia lá da cidade vai gostá da tua boca murcha, não vai? E as brincadeiras sucediam-se... Nestor, que também usava dentadura, resolveu encerrar a temporada com outra brincadeira. Entregou a sua prótese a um índio mergulhador, instruindo-o como entregá-la ao triste Luizinho. O mergulhador voltou à tona, levantando a denta-

dura e gritando: Achei!...Achei!... Luizinho esboçou um sorriso e, rapidamente, foi ao encontro do índio, dando graças a Deus... Pegou a dentadura, olhou-a e colocou-a na boca. Não se encaixava na gengiva. Os onze amigos à sua volta, gozando, insistiam: “É a sua, Luizinho! Você tá nervoso! Experimenta outra vez!... Experimenta!”... Mais uma vez, Luizinho tentou encaixá-la. Insucesso. Tirou-a da boca, olhoua com atenção e, com força, jogou-a no grande rio, gritando:

— Essa merda não é a minha!... Essa porcaria deve ser de algum defunto afogado! O gozador Nestor gritou um “Não” de desespero, vendo sua dentadura voar e cair no caudaloso rio. “Filho da ...! A dentadura é minha!”... “Desgraçado!” ... Naquela tarde, arrumando as malas, e durante a viagem de volta, os dez amigos deliciavam-se, criando piadas cujo alvo eram os dois desdentados, que voltavam com muitos peixes e com “bocas de bagre”. 12/4/2004.

Uma aula de Educação Artística (Teatro), da Profa. Míriam Pipano, no “Euclides da Cunha”, em 1976. Representava-se “A grande família”, sucesso da tevê na época. A peça foi apresentada também no “Cândido Rodrigues” e em Águas da Prata.

José Fernando Folharini (de óculos) representava o avô e Maria Lúcia Dias (Lulinha), o pai de família

Pitinha era a mãe. Atrás, a assistência: Vítor Zerbini, Juçara Petrocelli (de óculos) e Débora (Barbosa). No meio, de cabelos longos, Ana Maria Dias (Toco). Na frente: Ana Marta (de óculos) e Paula Rondinelli Rodrigues.

Patrícia Tessari era a filha. Assistência, da esquerda para a direita: n.i., Gláucia Tessari, Vítor Zerbini, João Bosco Fontão (de óculos), José Ricardo Travesso e Maria de Lourdes Fontão (Neca). Sentada, no meio, Maria Lúcia Silveira Totota (de agasalho branco) e Rita Aguiar (com a mão na boca). Na frente, Tuta Frigo

O árabe foi representado por Cecília Helena Maschietto

O “Melodia Orquestra” animando outro Baile de Gala da Sociedade Henrique Dias. Da esquerda para a direita, os músicos: Mário Sernaglia, Pedro Paias Picareta (atrás), Aparecido Amâncio de Oliveira, Cayubi Jordão (atrás), Vitor Félice e o cantor Guilherme Garcia. Em pé, atrás, na 1ª fila, parte da diretoria: Joaquim Vicente (mais alto), João do Prado (de branco), José (de perfil), Sérgio, n.i., Maria Benedita (Tiúca) e Dácio Virgílio (de óculos).

No Euclides da Cunha, anos 70, uma gincana com alunos do colegial. Esta é a turma do Ciências Físicas e Biológicas. Da esquerda para a direita, na frente: Regina de Oliveira, Carmem Rita Ortega Azevedo, José Antônio Fernandes (Zorrinho), Josete Ferreira Pinto e Carmem Lígia Frozoni, Fila do meio: Mário Bosco Mandoni, Odair Roberto de Oliveira, Antônio Carlos João (Caio), Maria Cecília Allegretti, Rosita Cônsolo, Eliana Lazarini, Mariângela Gonçalves, Marcelo Calsoni Folchetti, Denise Rondinelli Cossi e Rosana Sernaglia. Fila de trás: Olavinho Chelini, Ivete Junqueira Dias, Maria de Fátima Celeste, Luís Antônio Parreira Menechino, Carlos Ferrúcio Ristori e Márcia Vitali Cônsolo.


C-6 - GAZETA DO RIO PARDO - 27 de Abril de 2013

Esse daqui é o 7 vidas Trabalho voluntário A mãe deste gatinho fez o “favor” de criá-lo em cima do telhado do Rio Pardo Futebol Clube; sim, lá em cima mesmo, naquela altura. Os que estavam fazendo academia viram-no caindo lá de cima. Caiu de cara no chão, realmente não sei como está vivo pois estava todo cheio de sangue. Trouxeram para mim e estou cuidando. Demos os primeiros socorros e, posteriormente, foi submetido a tratamento veterinário. Ele ainda não é desmamado e se alimenta com mamadeira. Notamos um pequeno corte em seu céu da boca mas estamos fazendo de tudo para salvá-lo. Se Deus quiser, depois de salvo, será colocado

Domingo passado no município de ITOBI freqüentei as duas escolas municipais onde é realizado Projeto Escola da Família. Junto nada mais nada menos, nosso mascote Hector. Passei para as crianças a importância da preservação da Natureza, cuidados com nossa fauna e flora. Devemos dedicar mais esforços para essas crianças, pois são elas que

para adoção. Interessados podem me procurar:

Matheus Mafepi (19) 3684 1466.

serão parte do nosso futuro.

“Educai os jovens para não punir os velhos”

Assine e leia Gazeta do Rio Pardo

ANIMAIS ENCONTRADOS Mais um final feliz! Graças a Deus mais um peludinho volta para casa. Obrigado à todos os leitores do Jornal Gazeta do Rio Pardo, como também meus amigos da Fan Page Matheus Mafepi, que sempre vem compartilhando estas informações! A Família Bagodi agradece todo nosso empenho. Um abraço e fiquem com Deus Fernanda Primini e sua princesinha Lara

DESAPARECIDO Atende pelo nome de Minie, esta desaparecida a cerca de uma semana. Caso tenha visto por favor entrar em contato pelo telefone (19) 3608-1763 ( Patrícia)

Esse Fox Paulistinha também ficou perdido cerca de 3 dias! Nessa nossa corrente do bem, conseguiu voltar para casa!!!

Filhotes de médio porte sem raça definida. Telefone: (19) 3681-5907 Cães jovens com aproximadamente 7 meses para adoção de grande porte. Interessados podem ligar no telefone: (19) 3681 3734 horário comercial

Envie a foto de seu animalzinho de estimação para os seguintes e-mails

diagrama@gazetadoriopardo.com.br / falecom@matheusmafepi.com.br


C-7 - 27 de Abril de 2013

Narguilé causa maior exposição a substâncias tóxicas do que cigarro FONTE : R7 Pessoas que fumam narguilé tem maior exposição a substâncias tóxicas que podem causar câncer e doença cardíaca. É o que indica estudo de pesquisadores da University of California, San Francisco, nos EUA. A pesquisa mostra que o tabaco fumado com narguilé e com cigarro mostraram padrões diferentes de exposição a substâncias tóxicas do tabaco. Segundo os pesquisadores, o narguilé levou à exposição a agentes que podem causar doenças cardiovasculares e leucemia. “Fumar narguilé em bares se tornou popular entre os jovens nos Estados Unidos, e alguns acreditam que ele é menos prejudicial do que o cigarro. Nós mostramos, pela primeira vez, que as exposições tóxicas do narguilé diferem do padrão do cigarro, com maior exposição a algumas substâncias tóxicas, como monóxido de carbono e benzeno, em fumantes de narguilé”, afirma o pesquisador Peyton Jacob III. Para comparar os níveis de exposição a várias substâncias tóxicas do tabaco, Jacob e seus colegas conduziram um estudo aleatório com 13 voluntários saudáveis, oito homens e cinco mulheres. Todos tinham experiência em fumar cigarros e narguilé. Como diferentes indivíduos excretam quantidades diferentes de produtos químicos tóxicos, mesmo que inalem as mesmas quantidades, a forma mais simples para comparar a exposição foi realizar um estudo “cross-over”, onde a mesma pessoa fumou cigarros e narguilé em dias diferentes. Os voluntários ou fumavam cigarro ou narguilé exclusivamente durante o dia, durante quatro dias. Depois de uma semana ou mais, cada indivíduo foi readmitido no hospital e passou a fumar o outro produto nos quatro dias seguintes. Em média, os voluntários fumaram três sessões com narguilé ou 11 cigarros por dia. Os investigadores recolheram amostras de sangue e urina antes, durante e no final de cada tipo de sessão de fumo. Os pesquisadores descobriram que o fumo de narguilé resultou em cerca de metade da quantidade de nicotina total medida no sangue durante um período de 24 horas em relação ao tabagismo. No entanto, a exposição à nicotina, ainda que em níveis mais baixos, pode sustentar o vício, de acordo com Jacob. Por outro lado, os pesquisadores descobriram que enquanto as pessoas fumavam narguilé, a quanti-

No trabalho, procure priorizar as tarefas que considera mais importantes sua semana será produtiva. Em seu lar, demonstre mais o seu carinho para o pessoal. Boa fase para se aproximar de amigos e gente querida. A dois, busque se aproximar mais de quem ama. Romance recente pode se tornar sério agora. Não desanime diante da complexidade de suas tarefas: concentre-se e verá que não é tão difícil quanto parece. Conflitos não estão descartados no cenário familiar, então mostre maturidade e conseguirá compreender melhor os problemas. Na paixão, evite pressionar o par ou poderá se arrepender depois.

Aproveite as boas vibrações desta semana e siga em busca de seus objetivos profissionais, principalmente os que já estão em andamento. Há boas energias também no seu universo familiar: curta a companhia e participe dos eventos. No campo sentimental, aproxime-se de quem ama e tudo será delicioso.

Concentre-se em suas ambições profissionais e siga em busca dos seus objetivos, pois tudo indica que conseguirá conquistar seu espaço. Os momentos em família devem exigir mais do seu tempo do que você gostaria, mas serão períodos proveitosos. Não faltará sensualidade no seu relacionamento afetivo.

Confie na sua intuição quando o assunto for trabalho. Seu poder de iniciativa estará invejável e você poderá obter ótimos resultados se agir delicadamente. Ambiente agitado em seu lar, só não permita interferências na sua vida sentimental. Mostre sua ousadia com o par, mas sem se esquecer da realidade. Dedique-se com afinco às suas responsabilidades profissionais e colherá bons frutos. Em casa, tensões não estão descartadas, mas você terá o jogo de cintura necessário para amenizar a situação. O clima de sensualidade estará em alta no campo afetivo: aproveite ao máximo os momentos com quem ama.

dade total de monóxido de carbono no hálito medido durante um período de 24 horas foi mais de 2,5 vezes maior do que quando as pessoas fumavam cigarros. Jacob explicou que a exposição elevada ao monóxido de carbono aumenta o risco de eventos agudos, como ataque cardíaco, acidente vascular cerebral ou morte súbita em pessoas que têm doenças cardiovasculares ou pulmonares. Além disso, os dados indicaram que a exposição ao benzeno, um composto orgânico volátil, era consideravelmente superior com o narguilé. Os investigadores detectaram o dobro da quantidade de um metabolito de benzeno na urina dos fumantes de narguilé em comparação com os fumantes de cigarro. Segundo Jacob, a exposição ao benzeno é uma preocupação porque ele é conhecido por causar leucemia nos seres humanos. “As pessoas querem saber se é um risco para a saúde menor se mudar de cigarros para narguilé em uma base diária. Nós descobrimos que fumar narguilé não é uma alternativa segura ao cigarro, nem é provável que seja uma estratégia eficaz de redução de danos”, conclui Jacob.

Sopa de Batata para o inverno TUDO GOSTOSO Ingredientes 1 batata 1 cebola 1/2 de alho poro 1 caldo de legumes Óleo a gosto Água a gosto Sal a gosto Pimenta-do-reino a gosto Modo de Preparo Pique a cebola, a batata e o alho poró em pedacinhos. Aqueça o óleo e coloque a cebola, misture, incorpore o alho poró e cozinhe até ficar transparente. Acrescente a batata e coloque o tablete de legumes. Acrescente água e cozinhe em fogo baixo até ferver, destampe e deixe a batata cozinhar. Retire do fogo e processe até obter uma textura uniforme. Se ficar

Faça do seu ambiente profissional um lugar tão agradável quanto o seu lar e seu serviço vai render mais que o habitual. Em casa, faça o que estiver ao seu alcance para evitar momentos de tensão e evite criticar seus entes queridos. No amor, pense antes de falar e agir para não se arrepender depois.

Nesta semana, você conseguirá enxergar suas próprias limitações e saberá o que fazer para superá-las sem prejuízos. O ambiente familiar conta com boas vibrações e tudo indica que a fase será superpositiva. No amor, tente equilibrar razão e emoção e tudo sairá bem. Na cama, mostre toda a sua inspiração! Desafios podem surgir nesta semana: mostre seu jeito aventureiro e encare-os com alegria e disposição. Nos momentos de folga, prefira se refugiar em seu lar e relaxar curtindo a presença de pessoas queridas. Nos assuntos afetivos, convém baixar expectativas, mas não deixe de se aproximar de quem ama. Fique de olho nas oportunidades que surgirem no setor profissional e mostre toda a sua determinação ao desenvolver suas tarefas. No cenário familiar, não desanime nem brigue por qualquer coisa. O amor está no ar e sua sensualidade vai dar as cartas esta semana. Mas cuidado com desilusões neste período. Prefira trabalhar sem depender dos colegas neste período e verá como suas atividades vão fluir melhor. Em casa, evite brigas. Ouça a opinião dos mais experientes e aprenda lições de vida com eles. No campo sentimental, mantenha o pensamento positivo e tudo deverá entrar em equilíbrio e harmonia. Demonstre que tem iniciativa no trabalho e não espere a ajuda dos demais para cumprir o que é de sua responsabilidade. Comece a prestar mais atenção nos seus familiares e valorize todo o apoio que eles dão a você. Na paixão, evite pressionar ou cobrar quem ama. Busque momentos de alegria a dois.

HOJE - Natália Moraes Ribeiro, Arlete Aparecida Primini Lopes, José Antônio Mattos, Sônia Maria Rodrigues Faria, Anna Christina Rocha Ribeiro, Carlos Filipe Quessada Ribeiro, Maria Elisabette Torres Junqueira de Andrade, Aparecido Francisco do Nascimento, Ida Maria Andreata Rossetto, Inês Maria Andreata Moraes. AMANHÃ - Pryscilla Sousa Ishikawa, Anny Raquel dos Santos, João Carlos Saran, Thais Amato Sigliano, Douglas Spalato, Maria da Glória João Fernandes, Fabiana Aparecida Barbosa, Thaís Calsoni Corsi, João Marcello Valim Ahlberg, Bradford Junqueira Rogers. DIA 29 - Neusa Amâncio de Oliveira Maziero, Orcines Teixeira Filho, Mário Pinesi, Lourenço Cuzim, Viviane Zanata Coelho, Adriana da Costa Moreira. DIA 30 - Ana Lígia de Moraes Oliveira, Adriana Cristina de Moraes, Nathália Nogueira Maríngolo, Ana Vera Rodrigues, Marco Antônio Marsulo, Antônio Henrique Magalhães Júnior, Sérgio N. Rocha, Sumihara Martinez Pedretti Carneiro da Silva, Ferrúcio Carlesso. DIA 1º DE MAIO - Mário de Paula, Maria Cecília Possebon

de Sá Pinto, Maria Ignez Zanatta Egreja, Daniel Balarin Amaral, Maria Adélia Missura da Silva, Reginaldo Roleira, Edson Luiz Safariz, Herbert Braz Medeiros Andreghetto, Danilo Henrique Zuim de Lima, Márcia Aparecida de Souza Ribeiro Boaro, Maria Filomena Andreazza, Cláudio Aparecido César. DIA 2 - Silvia Helena de Brito, Marina de Barros Feltran, Maria Luzia dos Santos, Geraldo Dante Brocadello, Aparecido Tadeu Torres, José Roberto Kastein Rodrigues, Sérgio Raul Zanini, Maria da Glória Machado Spina, Renato Beato, João Francisco Oliveira Netto, Tiago Andreatta Rossetto. DIA 3 - Flávia Emília Rodrigues Calsoni, Márcio Ortega Chelini, Míriam Cláudia Cremasco, Viviane de Oliveira Spósito, Helena Fávero, Antônio Eugênio Mesquita, Aurora Abarca da Silva, José Cervantes Cavaleiro, Carmen Silvia Magalhães de Lima, Neusa Aparecida Cassucci Gaino, Renata Machado Gualdi, Solange Folchetti Zanata Coelho, Ana Aparecida Lima de Souza, Ana Amélia Poli Amato, José Décio Pimentel.

Para acrescentar ou retirar nomes nesta lista, ligue para grossa, acrescente mais um pouco de caldo ou água para diluir a preparação. Tempere com sal e pimentado-reino a seu gosto e sirva com um pouco de cebolinha e azeite de oliva.

3 6 ou8mande 2 -e-mail8 para 879 redacao@gazetadoriopardo.com.br


C-8 - 27 de Abril de 2013

BÍBLIA

O Dano da Segunda Morte (1) Watchman Nee Hebreus 6:4-6 diz: “É impossível, pois, que aqueles que uma vez foram iluminados, e provaram o dom celestial, e se tornaram participantes do Espírito Santo, e provaram a boa palavra de Deus e os poderes do mundo vindouro, e caíram, sim, é impossível outra vez renová-los para arrependimento”. Esses versículos descrevem uma pessoa que possui muitas qualificações. É impossível que ela seja uma pessoa não-salva. Ela viu a luz, provou o dom celestial, que é o próprio Jesus Cristo (João 3:16), tornou-se participante do Espírito Santo, provou a boa palavra de Deus e os poderes da era vindoura - poderes do reino milenar. Os dons e os poderes do Espírito Santo serão particularmente abundantes no reino milenar. O reino milenar será repleto de obras de poder, milagres, maravilhas e outras coisas semelhantes. Dizer que alguém provou os poderes da era vindoura significa dizer que ele provou as coisas do reino milenar. Portanto, esta pessoa é definitivamente uma pessoa salva. Se tal pessoa deixa hoje a palavra de Cristo, que ela recebeu quando creu, e escorrega e cai, não há arrependimento para ela. Ela não pode começar tudo de novo para crer no Senhor Jesus, pois já tem uma longa história com Deus. Ela recebeu muita chuva, porém não produziu coisas boas para Deus e sim cardos e abrolhos. Os versículos 7 e 8 dizem que uma pessoa assim deveria ser como “a terra que absorve a chuva que freqüentemente cai sobre ela, e produz erva útil para aqueles por quem é também cultivada, recebe bênção da parte de Deus” e não o que é citado a seguir: “mas, se produz espinhos

e abrolhos, é rejeitada, e perto está da maldição; e o seu fim é ser queimada” (vs. 7-8). Primeira coisa, ela é “rejeitada”. A palavra “rejeitada” aqui é a mesma usada em 1 Coríntios 9:27, onde Paulo disse que temia que embora tivesse pregado o evangelho a outros, ele mesmo fosse desqualificado e não fosse mais usado por Deus nesta era e no reino. Ser rejeitado, ser desqualificado, significa que Deus rejeitará tal pessoa e não a usará mais no reino. Segunda coisa, esta pessoa “perto está da maldição”. O versículo não diz que ela receberá maldição, mas a punição que receberá é semelhante a uma maldição. Ela não perecerá eternamente, mas sofrerá o dano da segunda morte e padecerá a Geena de fogo no reino. Terceira coisa, “seu fim é ser queimada”. O queimar aqui se refere a algo temporário. Aqui se fala sobre queimar, enquanto Mateus 5 diz que alguns estarão sujeitos à Geena de fogo. Se você puser essas duas passagens juntas, elas se combinarão. Se um cristão recebe todas essas coisas maravilhosas, mas não produz bom fruto para Deus, e sim, cardos e abrolhos, ele será queimado. Entretanto, esse queimar será apenas por breve tempo. Até mesmo um aluno do primário sabe que se você atear fogo em um terreno, o fogo irá parar após todo o mato ser queimado. A queimada no reino durará no máximo mil anos. Quanto tempo vai durar a queimada, na verdade, dependerá de você. Se você tiver produzido muitos cardos e abrolhos, então haverá mais queima. Se tiver produzido poucos cardos e abrolhos, então haverá menos queima. Quantas coisas há em nós que ainda não foram tratadas? Quantas coisas

não foram limpas pelo sangue do Senhor, e quantas coisas ainda não foram confessadas, tratadas e resolvidas com os irmãos e as irmãs? São esses os cardos e abrolhos a que o Senhor se refere. Mateus 5 diz que ninguém poderá sair dali enquanto não pagar o último centavo. Toda dívida terá de ser paga. Quando tudo houver sido queimado, toda dívida terá sido paga. Um cristão é semelhante a um campo, e seu comportamento indevido é comparado a cardos e abrolhos. Suponha que eu possua um terreno de cinco alqueires. Seria possível, depois da queimada, que somente dois alqueires tenham sido deixados intactos e três tenham sido queimados? Pouco provável! O que é queimado são os cardos e abrolhos. O terreno em si não pode ser queimado. Em outras palavras, somente aquelas coisas que foram amaldiçoadas em Adão e deveriam ser removidas, mas não foram, é que serão queimadas. Elas serão o material que será queimado na Geena de fogo. A vida que Deus nos concedeu não pode ser tocada pelo fogo. Portanto, depois que os cardos e abrolhos forem queimados, o terreno ainda permanecerá. Nenhuma parte dele será tirada. Não há absolutamente nenhum problema com a nossa salvação, mas sim com o que vier a crescer sobre ela, com o que for proveniente da carne. Se tais coisas não forem tratadas com o sangue de Jesus, deveremos sofrer algum tratamento. (HÁ UM LUGAR DE ORAJOÃO GABRIEL RIBEIRO, 123, AO LADO DA RAMI CALÇADOS. REUNIÕES ÀS TERÇAS ÀS 20 HORAS, SÁÇÃO NA RUA

BADOS E DOMINGOS ÀS

19H30. PARTICIPE!)

NEURÓTICOS ANÔNIMOS N/A São José do Rio Pardo

NA

A alma do mundo Saad Zogheib “Eis a grande atração do tempo moderno: atingir a mais alta contemplação e manter-se misturado com todos, lado a lado com os homens”. Essas eram palavras esculturais impressas no coração de muitas pessoas que descobriam a felicidade de viver com plenitude o cristianismo na família, no trabalho, na política, nos afazeres da vida cotidiana, nas situações intrincadas de perdão. Os leigos – não mais proletários do espírito, cristãos de segunda classe com relação aos consagrados -, tornavam-se agentes ativos da evangelização no meio do mundo. Na esteira do Concílio Vaticano II, que daria um novo rosto à Igreja, a serviço da humanidade, se inscrevia a história do Movimento dos Focolares, um carisma suscitado para que fosse possível realizar o sonho de Jesus, o seu testamento, comunicado antes de subir ao Calvário: “Que todos sejam um, como Tu, Pai, estás em mim e eu em ti (...) a fim de que o mundo creia”. Em 1962, João XXIII deu a primeira aprovação pontifícia ao Movimento, reconhecendo-o com o nome de Obra de Maria. Paulo VI aprovaria, mais tarde, as várias ramificações que surgiram e as suas estruturas. Tratava-se de uma novidade também do ponto de vista jurídico. Chiara Lubich, a fundadora, pensando na difusão capilar de uma espiritualidade do povo, isto é, destinada a pessoas de quaisquer condições ou estado de vida, sempre defendeu uma estrutura que fosse a mais ágil possível, para não impedir a possibilidade de chegar até os últimos confins da terra. A reciprocidade do amor entre todos contagiava outras pessoas em um silencioso processo de reevangelização. A santidade tornava-se acessível a todos os estados de vida, desde que se vivesse a dimensão do sacerdócio real de Jesus, aberto a todas as vocações. Não mais Igreja pirâmide, mas Igreja Corpo de Cristo projetado na vida secular. Pessoas de

todas as classes sociais partilhavam, além das experiências de vida do Evangelho, os bens materiais, sem assistencialismo ou constrangimento. Culto e cultura não se confinavam em âmbitos impenetráveis. A fé se tornava liturgia vivida nas atividades cotidianas e assim transformava o modo de viver, amar e sentir. Não mais um cristianismo apologético, mas de testemunho, diálogo e ecumênico. Quando Chiara explicava sua experiência sobre as palavras de Jesus: “onde dois ou três estiverem reunidos em meu nome, eu estou ali, no meio deles”, comentava que podia se tratar de um homem e uma mulher, um negro e um branco (e caiam as barreiras raciais), um pobre e um rico (e ruíam as barreiras sociais), um adulto e um jovem (e as gerações se encontravam), um crente e um não crente (e ambos experimentavam uma inefável Presença). Essa novidade fazia entender que o Concílio abrira linhas fundamentais de diálogo com os cristãos não católicos, com as grandes religiões e também com os homens de boa vontade sem nenhuma pertença religiosa. E a dimensão da fraternidade universal inicia com os fragmentos de unidade que permeiam o dia a dia de muitas pessoas. Como afirma o documento conciliar Lumen Gentium, “cada um dos leigos deve ser, perante o mundo, testemunha da ressurreição e da vida do Senhor Jesus e sinal do Deus vivo. Todos juntos e cada um, na medida de suas possibilidades, devem alimentar o mundo com frutos espirituais e devem infundir-lhe o espírito que é próprio dos pobres, dos mansos e dos pacíficos que o Senhor no Evangelho proclamou bemaventurados”. Numa palavra: “o que a alma é para o corpo, sejam os cristãos para o mundo”. Foram preparados pelo Regional Sul II da CNBB os roteiros que usamos para os encontros da Quaresma e Páscoa. Prepararam também um livreto com roteiros para encontros bimensais para os meses de abril até novembro. No setor do qual faço parte fizemos o

primeiro encontro na tarde do domingo passado. Foi muito bom! Estou pedindo a Deus que nos ajude a continuar até o fim. Depois, já será tempo de preparar o Natal. A paz foi o tema daquele primeiro encontro, que foi inspirado no evangelho de São João (Jo 20, 19-23), que narra a aparição de Jesus aos apóstolos na tarde do domingo da Páscoa: Na tarde daquele mesmo dia, que era o primeiro da semana, os discípulos tinham fechado as portas do lugar onde se achavam, por medo dos judeus. Jesus veio e pôs-se no meio deles. Disse-lhes ele: “A paz esteja convosco!” Dito isso, mostrou-lhes as mãos e o lado. Os discípulos alegraram-se ao ver o Senhor. Disse-lhes outra vez: “A paz esteja convosco! Assim como o Pai me enviou, assim também eu vos envio a vós”. Depois destas palavras, soprou sobre eles dizendo: “Recebei oi Espírito Santo. Aqueles a quem perdoardes os pecados, lhes serão perdoados; aqueles a quem os retiverdes, lhes serão retidos”. Para ter paz precisamos estar bem conosco mesmos, com Deus e com o próximo; para isto é indispensável saber perdoar e ser capaz de pedir perdão... conversamos sobre isso, fizemos preces espontâneas. Depois, uma criança trouxe uma folha der papel sobre a qual havia o contorno de uma pomba e, de um em um, mostrou o desenho a todos . O animador do encontro explicou: este desenho representa a pomba da paz. Aqueles dentre nós que sentir o desejo de tornar-se, cada vez mais, construtor de paz escreva seu nome na pomba. Depois da oração do Pai Nosso foi-nos pedida uma ideia para o destino da nossa pomba que estava assinada por todos nós. Ficou decidido que tiraríamos uma cópia para cada um que nos lembrasse sempre da nossa missão de, como cristãos, sermos construtores de paz. O nosso próximo encontro será no final da tarde do Dia das Mães. Uma família do nosso setor assumiu a responsabilidade de preparar o encontro e já está se organizando.

COLUNA ESPÍRITA

Juntos, fizemos a diferença através da Festa da Gratidão As reuniões de serviço que antecederam a 39ª Festa da Gratidão no Rio de Janeiro contribuíram para promover a unidade entre os grupos de NA desta região. Os encontros realizados na casa da companheira Edite se transformaram em “oficina de recuperação” onde os companheiros de diversos grupos e localidades diferentes se reuniram não só para falar de assuntos direcionados à festa da gratidão, mas tam-

bém para confeccionar as lembranças e os materiais para serem distribuídos no dia do evento. As atividades que os grupos desenvolveram no decorrer de cada encontro foram de suma importância para a nossa recuperação, pois aprendemos que a verdadeira unidade só poderá acontecer quando nos despertamos que para viver em unidade não basta estarmos de mãos dadas ou agrupados em um mesmo local, mas uni-

dos e lutando pelos mesmos propósitos, independente das dificuldades e das diferenças individuais que cada ser humano possui. Hoje eu agradeço ao Poder Superior por ter participado da preparação da festa da gratidão, pois aprendi que não basta apenas ser membro de N/A, temos que participar, porque juntos faremos a diferença! JANE – OLINDA/RJ

Reuniões: Segundas-feiras: 19h30 na Matriz, Terças-feiras: 19h30 no Cassucci

Al-Anon e Alateen para familiares e amigos de alcoólicos Numa reunião de Al-Anon vários membros compartilham sobre a mudança de suas atitudes depois que ingressaram no programa AlAnon. Nos Grupos Al-Anon e Alaten existe compreensão. As pessoas usam o primeiro nome e são avisadas para não divulgar quem elas vêem ou as histórias pessoais que elas ouvem numa reunião. Os recém chegados no programa ficam aliviados ao saber que existe um lugar para compartilhar

sem medo de serem julgados. O Al-Anon/Alateen é uma associação mundial de homens, mulheres e adolescentes que tem amigos ou familiares com um problema de bebida. Os membros se reúnem regularmente para compartilhar sua experiência, força e esperança ao lidar com frustações e sentimentos de desamparo causados pela doença do alcoolismo. Os membros do Al-Anon vivem vidas significativas e

satisfatórias, ajudando a si mesmo com a ajuda do AlAnon. Se você está preocupado com a maneira de beber de alguém, entre em contato com o Al-Anon. Grupo Esperança – terçafeira – às 20 horas – Igreja Matriz São José – Salão Ou telefone para Serviço de Informação Paulista AlAnon – 0xx11 3227-2699,ou acesse o site WWW.alanon.org.br São José do Rio Pardo - SP

Análise da Existência Única em Corpo Físico Consideremos o assunto sob outro ponto de vista, deixando de lado o ensinamento dos Espíritos e levando em conta unicamente o aspecto filosófico da questão. Se a reencarnação não existe, o homem possui apenas uma existência em corpo físico, isso é evidente. Se ele possui somente uma existência, a alma de cada homem seria criada por ocasião do seu nascimento, a menos que se admita a anterioridade da alma. Mas, nesse caso, o que era a alma antes do nascimento? Seu estado não poderia constituir, por si só, uma existência sob uma forma qualquer? Aqui não existe meio- termo possível: ou a alma existia antes do corpo ou não existia. Se ela existia, qual era a sua situação? Tinha ou não consciência de si mesma? Se não tinha, é como se não existisse. Mas, se tinha individualidade, ela estaria progredindo ou estaria estacionária? Em ambos os casos, qual era a situação da alma ao encontrar-se com o corpo? Aceitando a crença popular de que a alma nasce com o corpo físico, ou, o que vem a ser o mesmo,

que antes de encarnar ela possuía apenas qualidades negativas, perguntamos: 1- Por que a alma revela aptidões tão diversas e independentes das ideias adquiridas com a educação? 2- De onde vem a aptidão extranormal que certas crianças de tenra idade possuem para determinada Arte ou Ciência, enquanto outras permanecem inferiores ou medíocres durante a vida inteira? 3- Por que somente alguns possuem ideias inatas ou intuitivas? 4- Por que certas crianças possuem instintos precoces para os vícios ou para as virtudes; sentimentos inatos de dignidade ou de baixeza, que não combinam com o meio onde nasceram? 5- Por que homens, independentemente da educação, são mais avançados que outros? 6- Por que existem selvagens e homens civilizados? Por que será que, se pegarmos uma criança hotentote recém-nascida, retirada de uma raça primitiva, e a educarmos nas melhores escolas, não será possível fazer dela um Laplace ou um Newton? Admitamos que as almas já viveram várias existências anteriores e tudo ficará

claramente explicado. Os homens trazem, ao nascer, a intuição do que aprenderam em vidas anteriores; são mais ou menos adiantados de acordo com o número de existências que tiveram ou conforme estejam mais ou menos distantes do ponto de partida. O homem consegue ver apenas o presente; não consegue ver o passado, e é apenas por isso que não compreende o porquê de tantas desigualdades sobre a Terra. Esse raciocínio baseia-se em algum sistema, em alguma suposição gratuita? Não. O raciocínio das vidas sucessivas parte de um fato incontestável: a desigualdade entre as aptidões e o desenvolvimento intelectual e moral que existe entre as criaturas. A Doutrina Espírita é mais abrangente; para ela, não existem diversas espécies de homens, existem apenas homens cujos Espíritos estão mais ou menos atrasados, mas todos sujeitos a progredir. Será que esse princípio não está mais de acordo com a Justiça de Deus? FONTE: “O LIVRO DOS ESPÍRITOS” - ALLAN KARDEC. TEXTO TRANSCRITO POR ELIZABETH REGINA GARCIA DAUD.

Gazeta do Rio Pardo 2647  

Gazeta do Rio Pardo 2647

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you