Page 1

CURSO DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL EM ASTROLOGIA

O ZODÍACO E OS SEUS 12 PERFIS

Por: Liliana Pinto Formadora: Isabel Guimarães Outubro 2015


Introdução Desde os primórdios que o Ser Humano tem necessidade de compreender e dominar a realidade que o rodeia, racionalizando-a e sistematizando-a. A essa necessidade sempre acresceu a da busca por um propósito e uma explicação para o sentido primordial da existência. Olhar e buscar nos céus respostas sempre foi, como atestam registos antigos, uma prática comum do ser humano ao longo dos tempos. Nos céus o homem encontrou uma correlação entre o micro e o macrocosmos. Pôde associar eventos celestes aos ciclos da natureza (forte influência na agricultura), definir mapas (direcções através da observação do sol e de certas estrelas), criar um calendário (calendário lunar) e dividir o dia em horas (relógio de sol). Ao longo de várias Eras, por observações constantes de tipo astronómico e astrológico - sendo que outrora as duas ciências estavam directamente ligadas - os mais atentos foram percebendo que o céu era povoado de astros que manifestavam comportamentos sistemáticos (efemérides) e que desses comportamentos resultavam determinados padrões e efeitos, que influenciavam para além da natureza - seus quatro elementos e ciclos - também o destino do homem. Com muito estudo, o homem arquitectou uma forma de monitorizar e ler os céus concebendo modelos padronizados que resultaram na ferramenta que é hoje a Astrologia. Tendo começado como uma vertente de foro divinatório e teológico – mais direccionada para as necessidades do colectivo – vem-se transformando com o tempo numa prática mais humanista e racional, focada na necessidade do auto-conhecimento, mostrando que quando um indivíduo nasce, o céu reflete determinadas características que são únicas naquele momento e as quais influenciarão e se irão reflectir no destino do mesmo.


“O que no princípio não passava de um olhar espantado e respeitoso para o céu, transformou -se num processamento de dados de rigor geométrico, dentro de um esquema normativo, onde até hoje se conservam certos elementos da visão original do espaço, transmiti dos até ao presente momento. Com isto se constitui a moldura conceptual fixa que qualquer época, cultura, religião posterior, inclusive o cristianismo, podia impregnar o seu próprio estilo. Assim o zodíaco, com os seus doze signos, 360º e, antigamente, 7 planetas, não representa nenhum fenómeno celeste perceptível, mas uma construção com que apenas se conseguiu elaborar e interpretar um horóscopo quando foi possível calcular precisamente as posições dos Planetas.” Fonte: Manual de astrologia Faces, Isabel Guimarães. p. 3 e 4

O Mapa Natal: O mapa astral é o horóscopo (go grego: observar a hora) de nascimento e pode ser encontrado mediante a identificação das nossas coordenadas únicas natais: o dia, mês, ano, hora e local de nascimento. Para além destes aspectos resulta da conjugação de muitos outros factores, que tal como um puzzle só faz real sentido com a união total das peças. A sua interpretação é muito vasta e exige muito método. Neste trabalho iremos apenas explorar os primeiros aspectos a ter em consideração na composição da roda. A “roda” – na astrologia ocidental - define-se por um círculo de 360º, o chamado círculo celestial – que tem como referência a eclíptica, ou seja a aparente trajectória do sol em torno da terra. Fundamenta-se num sistema simbólico, inspirado nas constelações zodiacais, que resultou na definição de uma faixa – a faixa zodiacal – dividida em doze partes iguais, fruto de uma visão geocêntrica, na qual os planetas têm a sua órbita aparente à volta da terra, colocando o individuo no centro do mapa, observando a dinâmica dos outros astros em relação a si próprio.


“O céu- as esferas celestes – é considerado perfeito e imutável. O movimento das esferas causa alterações nos 4 elementos da terra, mutáveis e imperfeitos. Assim se explica a influência do céu na terra, onde se inclui o ser humano.” Fonte: Manual de astrologia Faces, Isabel Guimarães. Fonte: manual de astrologia Na prática isto resultou numa circunferência, dividida em doze segmentos – as casas – de 30º cada, dotadas - no zodíaco natural – de um signo regente e da interacção destes primeiros elementos com os luminares (sol e lua), os sete planetas tradicionais (Mercúrio, Marte, Vénus, Júpiter, Saturno) e mais os três modernos (Urano, Neptuno e Plutão). Aos signos e aos planetas - e mais tarde também ao sistema de casas - foram atribuídos conceitos de carácter arquitétipal onde o homem se consegue rever, tornando-se possível fazer valer a lei universal da correspondência, que diz: "O que está em cima é como o que está embaixo. E o que está embaixo é como o que está em cima", ou seja o que é verdadeiro no macrocosmo é também verdadeiro no microcosmos e vice-versa. Outra clara afinidade é para com os quatro elementos: terra, fogo, ar e água e ainda com a rosa-dos-ventos e as suas coordenadas (mas ao contrário), tornando assim possível, entre outras coisas, definir o ponto vernal zero, a partir do qual se define o ascendente, podendo começar-se assim a interpretação individual de cada mapa, bem como traçar quatro principais eixos da roda: o ascendente, o fundo do céu, o descendente e o meio do céu. Há quem considere que a posição destes quatro eixos principais determina o destino da pessoa. Na prática, eles significam que o ascendente é o signo que estava a surgir no horizonte (nascer do sol) no horário de nascimento da pessoa e que no zodíaco tropical corresponde às 6h da manhã; o descendente, o signo que se estava a pôr (pôr do sol) e que condiz com as 18h; o meio do céu, lugar mais alto que o sol atingiu durante o dia de nascimento tendo paralelismo com o meio-dia; o fundo do céu é o lugar mais baixo e diz respeito às 24h do dia.


No que concerne à distribuição das casas a astrologia recorre a dois sistemas principais para além do sistema natural de casas iguais. Plácido e Regymontanus são os mais utilizados no que diz respeito à astrologia natal. Ascendente: é crucial para a interpretação do mapa. Além de nos fornecer dados sobre as condições do nascimento da pessoa, também será o signo que irá marcar ponto de partida da interpretação de um mapa. Irá dar uma perspectiva do temperamento e primeira postura do individuo perante o mundo e tudo o que o rodeia – é a alavanca da personalidade, a primeira impressão que os outros detêm de nós e pode por vezes ter mais força no mapa que o próprio signo solar do individuo. A partir dos 28/29 anos esta força, amadurecida pela influência do retorno de Saturno, tende a manifestarse mais claramente na personalidade do individuo.

Os signos do zodíaco e as estações do ano Os doze signos representam processos biológicos e psicológicos associados ao ciclo anual das estações da natureza - Primavera, Verão, Outono e Inverno - e estão todos contidos em nós, embora com pesos e medidas variáveis. Sendo que cada estação comporta três signos, podemos dividir os doze em quatro estações, distinguindo-os através de um modo de expressão: cardinal, fixo e mutável. - Cardinal: são signos de incitava e de actividade. Incitam a toma de poder e definem direcções. Expressam novos começos e o início de novos ciclos. Equivalem ao início de cada estação do ano e anunciam actividades que correspondem às grandes divisões psicológicas e climatéricas do ciclo anual da terra.* - Fixo: signos intermédios (meio das estações) que procuram estabilidade, segurança e acordo. Fixam, focam, reforçam e sustêm a natureza de cada estação.* - Mutável: são signos de flexibilidade e adaptação. Sensíveis à diversidade e às diferentes alternativas possíveis. Servem para estabelecer a ligação entre ideias, locais, pessoas e objectos.


Criam a oportunidade para os vários elementos da natureza interagirem e comunicarem entre si. Indicam o final das estações.* *Fonte: Manual de astrologia Faces, Isabel Guimarães. p. 24-27

A instituição da ordem zodiacal e do seu primeiro signo do zodíaco corresponde à definição do ponto vernal O, colocado no ascendente ou leste da carta astral e que inicia o zodíaco natural com o signo de Carneiro, ao qual foram atribuídas as qualidades naturais de um mês de início de estação, no caso a primavera. A roda forma então - por associação com as estações do ano - quatro quadrantes principais, os quais apresentam relação com as quatro idades do Homem: bebé/criança, adolescente/jovem adulto, adulto e ancião.

Os intervenientes do mapa: signos, planetas e casas Signos: São a geografia do território e correspondem aos 12 meses do ano. Apresentam-se como um símbolo de uma determinada estrutura energética da criação, um arquétipo com uma posição fixa, associada no espaço celeste e uma manifestação única e especifica de um determinado elemento da natureza: fogo, terra, ar, água e uma polaridade: masculino ou feminino. Derivam das posições solares nas quatro estações e do ciclo do ano, dependendo mais directamente do dia e mês de nascimento.


Planetas e luminares: São as personagens da carta. Representam as funções vitais do nosso ser físico e psíquico. Cada planeta ou astro representa um arquétipo, um modelo que abarca uma serie de características similares e está envolvido em determinado contexto climatérico ou geográfico, os chamados signos do zodíaco tropical, que podem facilitar ou dificultar a expressão natural desse planeta num mapa. São corpos de luz errantes no firmamento que vão alternando as suas posições relativas a cada dia, ao contrário das estrelas e constelações que mantém as suas posições relativas imutáveis ao longo de milhares de anos. Cada astro está posicionado no céu, no momento do nosso nascimento, num determinado ponto cardeal, associado a uma determinada área de vida (as casas). Existem 7 astros principais na estrutura clássica da astrologia, os quais são visíveis a olho nu: Lua – regente de Caranguejo; Mercúrio – regente de Gémeos e Virgem; Vénus – regente de Touro e Balança; Sol – regente de Leão; Marte – regente de Carneiro e de Escorpião (astrologia tradicional); Júpiterregente de Sagitário e Peixes (astrologia tradicional); Saturno – regente de Capricórnio e Aquário (astrologia tradicional). A Lua e o Sol funcionam como luminares e os restantes como planetas. Os planetas foram chamados de plantas pessoais e são os principais regentes dos signos da astrologia tradicional. A partir do início do séc. XX foram incorporados os planetas Urano, Neptuno e Plutão, os quais foram apelidados de plantas transpessoais e que para a astrologia moderna são, respectivamente, os actuais regentes dos signos de Aquário, Peixes e Escorpião, ficando a co-regência para os seus anteriores regentes.


PLANETA

ASPECTOS POSITIVOS

ASPECTOS NEGATIVOS

Sol Fonte de vida

Energia intensa; coragem Orgulho; Gerador de luz

Falta de vitalidade; Falta de confiança em si próprio; Ostentação; egocentrismo

Lua – Sustentáculo da vida

Capacidade protectora; Nutriente adaptabilidade; Segurança; Generosidade

Egoísta; Medo; Possessividade; insegurança

Mercúrio Comunicador de vida

Raciocínio inteligente; Palavras enganadoras; Discriminação; Vivacidade; Pedantismo sensatez Nervosismo; Falta de simpatia

Vénus Partilha; embelezamento; Amor e beleza da Partilha da paz vida

Ganancia; Auto-indulgência; Indolência

Marte Projector de vida

Manipulação; Cobardia; Abuso sexual

Energia dinâmica; Coragem; Impulso sexual


Júpiter Sabedoria da vida

Expansão; Religiosidade

Desperdício; Hipocrisia; Radicalismo

Saturno Limitações e aprendizagens da vida

Limitações proveitosas; Percepção da estrutura; Autodisciplina; Senso comum

Restrições desnecessários; Calculista em excesso; Falta de sentimentos humanos

Úrano Incitador de vida

Originalidade; Inventivo; Intuição; Reforma social

Excentricidade; Dispersividade; Irracionalismo Anarquismo

Neptuno Visões místicas; Amplo Inspiração de vida alcance de percepção; Tendência artística Plutão Transformador da vida

Ilusões; Malicia; Auto dramatização

Transformador; Eliminados Aniquilador; Explosões de de tensão alta potência

*Fonte: Manual de astrologia Faces, Isabel Guimarães. p. 24-27


Casas: Dizem respeito às áreas de vida. Resultam da divisão do espaço circundante, a abobada celeste, tendo como referência o ciclo de 24 horas de passagem do sol, no dia e noite, derivando portanto, do movimento de rotaçao da terra em torno de si própria. Como um grande relógio, as casas apontam para os pontos cardeais do nascer do sol (leste), da culminaçao (sul) do por do sol (oeste) e da anticulminaçao (norte). Sao uma especie de rosa dos ventos, voltada ao contrario. A cada 24h o sol gira em torno do nosso espaço envolvente, atravessando as quatro direcçoes cardeais. Em conjunto com o sol, tamben a posiçao dos planteas gira cerca de 360º, na nossa perspectiva, ao longo de um dia. Fonte: MEDEIROS, João – A Carta. Alfragide: 2013. Temos casas angulares, sucedentes, cadentes. As casas formam eixos entre elas, eixos que podem ser também opostos e complementares. - angulares – correspondem aos signos cardinais e dizem respeito às zonas da vida onde tende a haver mais iniciativa. São as casas mais fortes e poderosas nos seus efeitos.* - sucedentes – correspondem aos signos fixos e mostram os resultados das forças postas em movimento, nas quais exercem uma influencia estabilizadora. Indicam como uma pessoa utiliza os seus recursos e assinalam a maneira como prosseguirá o seu caminho uma vez iniciado alguma coisa. Desenvolvem a natureza básica das posições angulares, acrescentando definição e valores à noção do eu.* - cadentes – correspondem aos signos mutáveis e indicam a direcção a seguir, ou aquelas áreas às quais as pessoas tem melhor capacidade de adaptação às condições da sua vida. Infundem impulsos de dispersão ou difusão; diluem as energias no meio ambiente; concedem adaptação ao pensamento. Estão relacionadas com as alturas do ano que anuncias mudanças no nosso ciclo anual.* *Fonte: Manual de astrologia Faces, Isabel Guimarães. p. 24-27


CASA

PALAVRAS – CHAVE

I

personalidade, corpo e caminho recursos, cofre e capacidades

II III IV V VI VII VIII IX X XI XII

circulação e comunicação fundação e família criatividade, brilho pessoal e lazer saúde, teste e trabalho parcerias e projecções intimidade e intensidade estudo e estrangeira profissão e poder comunidade e causas sociais solidão e salvação

*Fonte: Manual de astrologia Faces, Isabel Guimarães. p. 24-


Indicativos para uma primeira abordagem à leitura do mapa astral Aspectos psicológicos

Planeta

Sua identidade

Sol

Emocional/popularidade

Lua

Vida afectiva

Vénus

Intelecto

Mercúrio

Força interior

Marte

Oportunidades

Júpiter

Desafios

Saturno

Evolução pessoal

Úrano, Neptuno, Plutão

Temperamento/Elementos

Terra, Fogo, Ar e Água


Signos

Elemento

Qualidade

Polaridade

Estação

Planetas

Modalidade

Tipos de casas

Casas

Eixos

Carneiro

Fogo

Quente e seco

Masculino

Primavera

Marte

Cardinal

Angular

I

I / VII

Touro

Terra

Frio e seco

Feminino

Verao

Vénus

Fixo

Sucedente

II

II/VIII

Gemeos

Ar

Quente e húmido

Masculino

Outono

Mercurio

Mutável

Cadente

III

III/IX

Caranguejo

Agua

Frio e húmido

Feminino

Inverno

Lua

Cardinal

Angular

IV

IV/X

Leao

Fogo

Quente e seco

Masculino

Primavera

Sol

Fixo

Sucedente

V

V/XI

Virgem

Terra

Frio e seco

Feminino

Verao

Mercurio

Mutável

Cadente

VI

VI/XII

Balança

Ar

Quente e húmido

Masculino

Outono

Venus

Cardinal

Angular

VII

Escorpiao

Agua

Frio e húmido

Feminino

Inverno

Marte e plutão

Fixo

Sucedente

VIII

Sagitario

Fogo

Quente e seco

Masculino

Primavera

Júpiter

Mutável

Cadente

IX

Capricornio

Terra

Frio e seco

Feminino

Verao

Saturno

Cardinal

Angular

X

Aquario

Ar

Quente e húmido

Masculino

Outono

Saturno e urano

Fixo

Sucedente

XI

Peixes

Agua

Frio e húmido

Feminino

Inverno

Jupiter e neptuno

Mutável

Cadente

XII


Os doze perfis zodiacais


Elemento: fogo / quente e seco Planeta: Marte Polaridade: masculino Quadruplicidade: cardinal Signo oposto e eixo: Balança Frase chave: «eu sou». Palavra-chave: acção dinâmica Palavras básicas – auto-estima, iniciativa, pioneirismo. Palavras positivas – ambição, coragem, empreendimento. Palavras negativas – desejo próprio, temperamento, brusquidão, despotismo. Afinidades: casa - 1 (angular): ascendente, corpo fisico da pessoa e vida da pessoa Vertente fisica: cabeça Missão de vida: “A ti, dou a primeira semente, para que tenhas a honra de plantá-la. Por cada semente que plantares, mais outro milhão de sementes se multiplicará em suas mãos. Não terás tempo de ver a semente crescer, pois tudo o que plantares criará cada vez mais e mais para ser plantado. Tu serás o primeiro a penetrar o solo da mente humana levando Minha Idéia. Mas não cabe a ti alimentar e cuidar desta idéia, nem questioná-la. Tua vida é ação, e a única ação que te atribuo é a de dar o passo inicial para tornar os homens conscientes da Criação. Por este trabalho, Eu te concedo a virtude do Respeito por Si Mesmo. E para que faças um bom trabalho, dou-te a provação do orgulho para dominares e, como bênção, concedo-te o dom da INICIATIVA”. Fonte: http://www.sonhosbr.com.br/horoscopo/cantinho-mistico/a-missao-dos-12-signos-do-zodiaco.html, acessado em outubro 2015


NATIVOS DE CARNEIRO – PERFIL 21 de Março a 20 de Abril São os primeiros do zodíaco e tem paralelismo com o bebé recém-nascido, que tem que ter a garra, a força e a vontade para poder nascer. Quando nasce a criança berra, assemelhando-se o seu grito ao do guerreiro. Guerreiro esse que tem o dom de impulsionar todos os outros a segui-lo, sendo por isso um pioneiro com potencial também para a liderança. Algo inocentes, pois ainda desconhecem as adversidades da vida – acabam por ser honestos e francos optimistas. Vem afirmar a auto-estima, o seu EU e enfrentar o mundo. A ideia do “combate” e de se colocar à prova são conceitos intrínsecos à sua natureza competitiva. Tendem também a ser bastante temperamentais, podendo atingir picos de fúria, tal como uma criança quando não vê satisfeitas as suas vontades. A influência do elemento fogo - que os rege - reforça as reacções impulsivas. A sua urgência de viver pode leva-los a precipitarem-se nas suas decisões e atitudes, tendo tendência a acidentes. Por estarem ligados ao planeta Marte, tem ainda propensão para acções dinâmicas e para questões ligadas a cirurgias e ao corte. Gostam de desafios a curto-prazo, os quais executarão de forma rápida e eficaz. São empreendedores e costumam ter a primeira iniciativa. Precisam aprender a estar mais atentos às necessidades dos outros, bem mais que apenas tomar decisões por eles e por isso tem como oposto o diplomata e indeciso signo de Balança.


Elemento: terra / frio e seco Planeta: Vénus Polaridade: feminino Quadruplicidade: fixo Signo oposto e eixo: Escorpião Frase chave: “eu tenho” Palavra-chave: estabilidade Palavras básicas – determinação, interesse pelos assuntos mundanos. Palavras positivas – resistência, meticulosidade, conservadorismo, harmonia. Palavras negativas – obstinação, conservadorismo Afinidades: casa - 2 (sucedente): finanças e posses Vertente fisica: garganta Missão de vida: “A ti, Touro, concedo o poder de transformar a semente em substância. Trabalharás com afinco e paciência para que as sementes não se percam ao vento. Não questionarás ou mudarás de idéia até que termines tudo que já foi iniciado, pois a ti compete o processo de concretização da Minha Idéia. E para que realizes um bom trabalho, dou-te a provação do apego para dominares e, como bênção, concedo-te o dom da FORÇA. Trata de usá-la sabiamente.” Fonte: http://www.sonhosbr.com.br/horoscopo/cantinho-mistico/a-missao-dos-12-signos-do-zodiaco.html, acessado em outubro 2015


NATIVOS DE TOURO – PERFIL 21 de Abril a 21 de Maio Tem paralelismo com a criança recém-nascida que requer a atenção dos pais e que os vai seduzindo para que estes não se esqueçam de suprir as suas necessidades básicas. Conforto e segurança são questões primordiais para estes nativos ligados ao elemento terra, que evidenciam ainda uma forte ligação às questões mundanas e aos recursos da natureza. Manifestam aptidão para as finanças, pois a estabilidade e o acesso a todos o tipo de recursos são muito importantes para estes nativos que correm assim o risco de se tornarem demasiado materialistas. A sua praticidade e os seus inúmeros recursos de que dispõem atraem os outros para dependerem dele e por isso se diz que costumam ser bons chefes de família. Tomam decisões de forma fixa e dificilmente serão persuadidos a altera-las. Este aspecto indica-nos também a sua relutância às mudanças, tanto por serem teimosos quanto por serem pessoas lentas e algo conservadoras. Expressam a sua ligação a Vénus na necessidade de se rodearem de conforto e ambientes luxuosos e por serem apreciadores natos dos prazeres da vida. Podem ligar-se à arte, mas de forma mais prática e tenaz, devido à ligação com o elemento terra. Os Taurinos são os construtores do zodíaco: são capazes de construir desde uma relação a um império. Apesar de demorarem o seu tempo a iniciar, possuem uma personalidade determinada e metódica, características que aplicam no decorrer e conclusão das tarefas em mão. Dificilmente se destabilizam ou se irritam, mas quando demasiado instigados podem ter uma reacção bastante violenta, lembrando um touro perante a capa vermelha de um toureiro.


Elemento: ar / quente e húmido Planeta: Mercúrio Polaridade: masculino Quadruplicidade: mutável Signo oposto e eixo: Sagitário Frase chave: “eu penso” Palavra-chave: comunicação Palavras básicas – intelectualidade, assuntos literários, trabalho com as mãos, dualismo. Palavras positivas - versatilidade. Palavras negativas – voláptil, indeciso, superficial Afinidades: casa - 3 (cadente): formas de comunicação Vertente fisica: mãos e pulmões Missão de vida: “A ti, Gêmeos, atribuo a tarefa de comunicar ao mundo Minha idéia. Por isso te dou perguntas sem respostas. Em tua busca pelo conhecimento, inquietarás os que estão ao teu redor, para que compreendam o que vêem e o que ouvem. Tu serás um, mas pensarás e falarás por dois. E para que faças um bom trabalho, dou-te a provação da superficialidade para dominares e, como bênção, concedo-te o dom da INTELIGÊNCIA.” Fonte: http://www.sonhosbr.com.br/horoscopo/cantinho-mistico/a-missao-dos-12-signos-do-zodiaco.html, acessado em outubro 2015


NATIVOS DE GÉMEOS – PERFIL 22 de Maio a 21 de Junho

Os nativos de gémeos mostram afinidade com o momento em que a criança começa a ter curiosidade em explorar o universo à sua volta, interessando-se por várias coisas ao mesmo tempo e perdendo rapidamente o interesse de umas para as outras. São as primeiras tentativas de verbalizar as vontades e comunicar as intenções, aspecto que reforçam utilizando as mãos, gesticulando muito. Comunicador nato, muito ágil e versátil, este nativo regido por mercúrio tem ainda o dom de conceber ideias geniosas e de tecer pensamentos muito variados ao mesmo tempo. Aqui encontra um dos seus principais obstáculos, pois tendo que gerir varias questões ao mesmo tempo, por vezes acaba por não fazê-lo da melhor forma visto que o poder de execução não lhe assiste. A sua capacidade de adaptação, devido à sua mutabilidade, confere-lhe uma jovialidade permanente e até uma personalidade dupla. Como signo de ar, tem facilidade com as questões sociais e faz amigos de todos os tipos de forma muito fácil, atraindo principalmente os mais jovens. Inteligente, o nativo de gémeos adora conversar com o intuto de trocar ideias e expandir o seu intelecto. É geralmente alegre, bem humorado e muito brincalhão, sendo associado à eterna criança do zodíaco. Pode ter dificuldades com compromissos formais ou de longo prazo, não gosta de rotinas, procurando estar sempre em movimento e em busca de novos conhecimentos. É por isso, numa perspectiva mais negativa, acusado de ser frívolo, pouco confiável e volúvel.


Elemento: agua / frio e humido Planeta: Lua (luminar) Polaridade: feminino Quadruplicidade: cardinal Signo oposto e eixo: Capricórnio Frase chave: “eu guardo” Palavra-chave: apego Palavras básicas – amor ao lar, capacidade para construir lares, impressionabilidade. Palavras positivas – simpatia, sensibilidade, arte. Palavras negativas – timidez, indolência, inquietude, exclusivista. Afinidades: casa – 4 (angular): formas de comunicação Vertente fisica: estomâgo e seios Missão de vida: “A ti, dou a missão de implantar no coração do homem a emoção. Minha Idéia se fará sentir por meio de risos e lágrimas, para que todo o conhecimento adquirido atinja plenitude interior. Tu multiplicarás os sentimentos com teu instinto de preservação, de modo que os homens se reunam em famílias. Para que realizes um bom trabalho, dou-te a provação da fragilidade para dominares e, como bênção, concedo-te o dom da FERTILIDADE.”Fonte: http://www.sonhosbr.com.br/horoscopo/cantinho-mistico/a-missao-dos-12-signos-do-zodiaco.html, acessado em outubro 2015


NATIVO DE CARANGUEJO – PERFIL 22 de Junho a 22 de Julho Representa a criança que começa a ter consciencia do seu seio familiar. É a criança que depende dos seus progenitores, da sua protecção e nutrição emocional: afectuosa. Através deste arquétipo surgem as primeiras noções de laços familiares e afectivos. São ensinados os primeiros valores morais e sociais. Este acolhimento familiar pode levar a que se torne tímido e reservado perante os grandes grupos. Ao signo de caranguejo é atribuido um lado emotivo – sentimentalista - pois pertence ao elemento água, sendo portanto também muito intuitivo e dotado para as artes, particularmente para o artesanato e a dança. Este lado intuitivo é reforçado pela ligação à Lua, seu regente natural. Há por consequência uma forte ligação à mãe e ao lar, o qual gosta de cuidar à sua maneira e no qual se sente bem por natureza. O seu forte sentido maternal leva-os a querer constituir família cedo e de preferência numerosas. Pelo seu caracter reservado, que às vezes se torna tímido, tornam-se facilmente nos conselheiros e nos “ouvintes” daqueles que os rodeiam. Como signo cardinal que é, está habituado a tomar inciativa no que diz respeito à gestão e dinâmica familiar, correndo o risco de se acharem imprescindiveis para os outros familiares. Quando este reconhecimento nao acontece podem tornar-se muito carentes e melindrosos. A sua boa memória e a sua forte ligação aos eventos do passado levam a que não esquece nada, para o bem e para mal, sendo que quando magoados podem tornar-se fechados, colocando a carapaça tipica do caranguejo.


Elemento: fogo / quente e seco Planeta: Sol (luminar) Polaridade: masculino Quadruplicidade: fixo Signo oposto e eixo: Aquário Frase chave: “ eu quero” Palavra-chave: auto-expressão Palavras básicas – vitalidade. Palavras positivas – afeição, criatividade, nobreza, generosidade, lealdade, dignidade, liderança. Palavras negativas – arrogância, autocracia, crueldade, despotismo, vaidade, ostentação. Afinidades: casa – 5 (sucedente): criatividade Vertente fisica: coração e costas (lombar) Missão de vida: “A ti, Leão, atribuo a tarefa de mostrar ao mundo o esplendor de minha Criação. Tu iluminarás os corações humanos com Minha Luz, acendendo em cada um o entusiasmo de assumir a própria existência. Mas peço-te que não confundas as coisas e lembra-te que é Minha a Idéia, e não tua. Para que faças um bom trabalho, dou-te a provação da vaidade para dominares e, como bênção, concedo-te o dom da HONRA.” Fonte: http://www.sonhosbr.com.br/horoscopo/cantinho-mistico/a-missao-dos-12-signos-do-zodiaco.html, acessado em outubro 2015


NATIVO DE LEÃO – PERFIL 23 de Julho a 23 de Agosto

São as primeiras formas de auto-expressao da criança que começa agora as suas brincadeiras com outros seus pares fora do seio familiar. Surgem os primeiros amores, as primeiras formas teatralizadas, a necessidade de ganhar espaço e destaque entre os demais. Sendo o signo do sol está dotado de uma grande vitalidade. É brincalhão por natureza e adora jogos e diversão. Com um forte carisma é normal que elejam os palcos, bem como os lugares de destaque e os cargos de chefia como o seu território de eleição. Alias a palavra territorial define bem o rei da selva que é portanto um líder nato e coacher por excelência. Sua personalidade é voluntariosa e por vezes autoritária, no entanto são por norma justos, leais e bondosos – dai a expressão: coração de leão. O charme, a criatividade e espontaneidade são alguns dos seus atributos principais no que toca à conquista dos meios sociais, onde adoram estar inseridos e ser o centro das atenções. Gostam de dominar o ambiente e ostentar poder e fausto. Sendo regidos pelo elemento de fogo, que lhes confere uma personalidade muito forte e fulminante, chegam a impor muitas vezes a sua vontade. A afirmação da sua identidade é um princípio crucial deste nativo que é firme e fixo nas suas decisões. Adoram encetar grandes projectos, os quais dirigem com muito entusiamo, nao tendo paciencia para pessoas fracas ou inseguras. Tem um poder natural, de inspiração nobre o que por vezes os faz cair no pretensiosismo..


Elemento: terra / frio e seco Planeta: mercúrio Polaridade: feminino Quadruplicidade: mutável Signo oposto e eixo: Peixes Frase chave: “eu analiso” Palavra-chave: organização Palavras básicas – serviço, perfecionismo, praticidade, organizaçao. Palavras positivas – compartimentação, análise, higiene, pureza, estudioso. Palavras negativas – crítico, cinismo, introspecção, medo de doenças Afinidades: casa – 6 (cadente): saúde e trabalho Vertente fisica: aparelho digestivo Missão de vida: “A ti, Virgem, dou a missão de examinar em detalhes o que os homens têm feito com Minha Criação. Tu analisarás seus passos e revelarás seus erros para que, por intermédio de ti, Minha Idéia mantenha-se pura e possa ser aperfeiçoada. Para realizares um bom trabalho, dou-te a provação da ceticismo para dominares e, como bênção, concedo-te o dom da DISCERNIMENTO. Fonte: http://www.sonhosbr.com.br/horoscopo/cantinho-mistico/a-missao-dos-12-signos-do-zodiaco.html, acessado em outubro 2015


NATIVO DE VIRGEM – PERFIL 24 de Agosto a 23 de Setembro

Relaciona-se com a criança que assume as primeiras responsabilidades e estabelece as primeiras rotinas. O ingresso na escola representa uma espécie de primeiro trabalho e o primeiro compromisso com os estudos e o lado prático do pensamento. O nativo de virgem, que é do elemento terra, tem necessidade de tornar o seu pensamento mercuriano – planeta que o rege – prático e de natureza material. Ao praticismo acrece uma boa de racionalidade pela qual pautam todos os aspectos da sua vida. As questões do dia-a-dia, bem como as rotinas, são assuntos que agradam ao virginiano que adora ainda organizar e planear tudo com muito rigor e detalhe. Apesar de ser um signo mutável, nao é grande adepto de mudanças. Muito inteligentes e atentos gostam de obter informação que normalmente tendem a compartimentar e a partilhar com os demais. São perfecionistas por natureza e por isso muito exigentes consigo e com os outros, que podem ferir devido à sua critica excessiva. Levam o brio muito a sério, costumando ser extremamente limpos e aprumados. Estão ligados às questões da saúde e devido a esse factor podem tornar-se facilmente hipocondriacos. Sofrem de algum nervosismo e ansiedade devido à urgencia de serem prestativos. O serviço e o princípio do trabalho são motores fundamentais para o Virgem que vê desta forma um meio para poder ser útil.


Elemento: ar / quente e húmido Planeta: venús Polaridade: masculino Quadruplicidade: cardinal Signo oposto e eixo: Carneiro Frase chave: “eu relaciono-me” Palavra-chave: equilibrio Palavras básicas – cooperação, parceria, equidade, justiça, harmonia, arte Palavras positivas – pacisfistas, cortesia, esperança, diplomacia, subtileza Palavras negativas – indeciso, falta de equilíbrio, flutuação emocional Afinidades: casa – 7 (angular): associações e parcerias Vertente fisica: rins Missão de vida: “A ti, dou a missão de unir os homens em torno da Minha Ideia. Tu depertarás o desejo da cooperação, por meio da capacidade de se colocar no lugar do outro e então sentir o que o outro sente. Estarás onde houver desavença, para que possas mostrar o valor do acordo e da justiça. E para que faças um bom trabalhp, dou-te a provação da indolência para dominares e, como benção, concedo-te o dom da PAZ.” Fonte: http://www.sonhosbr.com.br/horoscopo/cantinho-mistico/a-missao-dos-12-signos-do-zodiaco.html, acessado em outubro 2015


NATIVO DE BALANÇA – PERFIL 24 de Setembro a 23 de Outubro

Encontra afinidade com o jovem adolescente que começa a criar os primeiros laços afectivos de cariz mais duradouro: os melhores amigos, o primeiro namoro. São as primeiras parcerias e a passagem do universo mais familiar para o meio social. Surge a noção do outro e das suas necessidades, começando o adolescente a tomar consciência da importância de se harmonizar com os seus pares. Sendo regido pelo planeta de Vénus, podemos dizer dos liberianos que estes têm uma pré-disposição para os assuntos da arte e da beleza em geral. A Vénus traz-lhe também encanto, subtiliza e doçura nas atitudes. Há certa vaidade e alguma tendência para se tornarem dependentes da aprovação de terceiros. A harmonia e o equilíbrio são ainda características primordiais deste signo influênciado pela deusa do amor e da beleza. Sofre por ser indeciso, o que o leva a ser por vezes também um pouco medroso. Podem parecer também um pouco inseguros, quando se sentem em desiquilibrio ou em flutuações emocionais. Querem sempre ser justos e por isso cobram-se muito quando não o conseguem. Por ser um signo cardinal, há uma disposição e mestria no que toca a unir as pessoas e representar as reinvindicações do grupo, sendo ainda excelentes na capacidade de perceber as necessidades dos seus pares. São muito diplomatas e perturbam-se diante dos atritos e discussões, pois prezam muito a paz e o equilíbrio. Devido ao seu elemento ser ar, gostam de convívios sociais e de conversar com os amigos com os quais são muito calorosos.


Elemento: água / frio e húmido Planeta: plutão e marte Polaridade: feminino Quadruplicidade: fixo Signo oposto e eixo: touro Frase chave: “eu renasço” Palavra-chave: profundidade emocional Palavras Básicas – intimidade, sexo, forças secretas da natureza, poder curador, assuntos militares, cirurgia, magia Palavras Positivas – regeneração, coragem, desenvoltura, habilidades para investigações secretas Palavras Negativas – discórdia, abuso do sexo, paixão, temperamento, teimosia, vingança, ciúmes Afinidades: casa – 8 (sucedente): transformação, morte e sexo Vertente fisica: orgãos sexuais e excretores Missão de vida: “A ti, Escorpião, peço que não te afastes de mim quando doer em teu coração as maldades que presenciares. Terás a capacidade de penetrar na mente dos homens e, conhecendo-a, perceberás que não sou Eu, mas a perversão da Minha Idéia que está causando tua dor. Chegarás a conhecer o homem em seu instinto animal e lutarás contra o próprio dentro de ti. Para que faças um bom trabalho, dou-te a provação do extremismo para dominares e, como bênção, concedo-te o dom do RENASCIMENTO.”Fonte: http://www.sonhosbr.com.br/horoscopo/cantinho-mistico/a-missao-dos-12-signos-do-zodiaco.html, acessado em outubro 2015


NATIVO DE ESCORPIÃO - PERFIL 24 de Outubro a 22 de Novembro

O jovem adulto começa a perceber a fugacidade da vida. Surgem questões sobre a morte, bem como as primeiras crises existenciais. A curiosidade pelo lado oculto ou mistico da vida também se pode afigurar. . Vincam-se traços da personalidade e o lado sexual, bem como a sua actividade, ganham grande destaque. Considerada a personalidade mais forte do Zodíaco, os nativos de escorpião são normalmente temidos devido ao seu ar misterioso e algo implacável. Costumam ser seres discretos e muito observadores, impenetráveis à primeira vista daí se tornarem para os demais magnéticos e sedutores. Aliás a sedução é uma das principais características deste signo, bem como os jogos e tudo o que diga respeito à questão da sexualidade. Acostumados às profundezas da terra, estes nativos que são do elemento água, são seres muito resistentes, dotados de um enorme poder de regeneração. Muito intutitivos e ultra sensíveis, tem a capacidade de decifrar mensagens sublimares e penetrar as almas humanas, descortinando os seus segredos mais profundos ou ocultos. Sendo regidos por Plutão costumam trazer na sua postura toda a força e poder deste planeta, criando transformações profundas nos meios onde se movem. Vivem nos limites das coisas, oscilando entre o 8 e o 80, raramente experienciando meios termos. Como signo fixo manifestam grande determinaçao e preserverança. Valorizam imenso as suas relações, que alias costumam ser poucas e muito restritas, e não costumam lidar bem com traições ou desconfianças. Quando confiam são verdadeiramente devotos A obsessão, a teimosia e o seu temperamento avassalador, influência do planeta Marte, costumam ser alguns dos aspectos negativos deste signo. Os segredos da vida e da morte, o desconhecido são aspectos aos quais costuma ligar-se de forma viceral.


Elemento: fogo / quente e seco Planeta: júpiter Polaridade: masculino Quadruplicidade: mutável Signo oposto e eixo: gémeos Frase chave: “eu procuro” Palavra-chave: introspecção Palavras Básicas – aspiração, idealismo, filosofia, lei. Palavras Positivas – generosidade, amor a vida ao ar livre atlético . Palavras Negativas – excesso de confiança, dogmatismo, fanatismo. Afinidades: casa – 9 (cadente): estudos superiores, filosofias Vertente fisica: pelve, quadris e coxas Missão de vida: “A ti, Sagitário, atribuo a missão de ensinar o riso e a esperança, para que no meio das incompreensões da Minha Criação o homem não se torne amargo. Através da esperança, implantarás no coração humano a fé e através da fé voltarás teus olhos para Mim. Expandirás assim Minha Idéia por todos os cantos e os mais longínquos lugares. E para que realizes um bom trabalho, dou-te a provação da intolerância para dominares e, como bênção, concedo-te o dom da GENEROSIDADE.” http://www.sonhosbr.com.br/horoscopo/cantinhomistico/a-missao-dos-12-signos-do-zodiaco.html, acessado em outubro 2015


NATIVO DE SAGITÁRIO – PERFIL 23 de Novembro a 21 de Dezembro Com Sagitário, é chegada a hora de o nosso jovem adulto fazer escolhas numa perspectiva mais filosófica - a busca pelo sentido da vida e pelo significado mais profundo da existência humana. Escolhe uma filosofia de vida, assume uma vertente religiosa, pondera a via dos estudos mais aprofundados, de cariz académico e começam a querer descobrir o mundo e as suas várias culturas, com longas e aventureiras viagens. Sendo um signo de elemento fogo, regido por Júpiter, o resultado são pessoas optimistas, entusiasmadas, expansivas e divertidas. Como detêm muita energia, precisam dedicar-se a actividades desportivas e realizações de foro mais activo. Pecam pela excessiva franqueza e por desvalorizarem os assuntos triviais da vida, podendo até condenar os gestos de gentiliza comuns entre as pessoas. Não costumam ser apegado a bens materiais e amam ser livres. Tem uma tendência étnica por natureza devido à sua capacidade camaleónica – mutavel - que lhes permite se fundirem com qualquer cultura. Com Júpiter - o rei dos deuses e do olimpo - a reger estes nativos, apenas os assuntos relativos a esferas mais elevadas lhes interessam, correndo por vezes o risco de se tornarem fanáticos. Gozam por isso de uma espécie de protecção divina que reforça o seu lado esperançoso e a elevada fé que normalmente demonstram ter. Há um impulso natural para quererem se elevar acima da natureza animal em direcção às esferas divinas. A afinidade com o elemento fogo permite-lhes serem muito rápidos nas suas aprendizagens, as quais valorizam imenso devido ao seu lado mais filosófico e intlectual. Gostam de festas e grandes convivios, nos quais normalmente tem lugar de destaque.


Elemento: terra / frio e seco Planeta: saturno Polaridade: feminino Quadruplicidade: cardinal Signo oposto e eixo: caranguejo Frase chave: “eu domino” Palavra-chave: ambição Palavras Básicas – autoridade, posição, honra, ambição. Palavras Positivas – Justiça, organização, precaução, economia, autoridade. Palavras Negativas – Orgulho, suspeito, pessimismo, ressentimento, guarda mágoa, justiça sem piedade Afinidades: casa – 10 (angular): vocação, estatuto, projecçao social Vertente fisica: joelhos, articulaçoes, pele e ossos Missão de vida: “A ti, Capricórnio, dou a tarefa de mostrar com o suor de teu rosto o valor do trabalho. Fincarás com disciplina os alicerces de Minha Criação, para que nada destrua suas bases. E tua alegria pelo dever cumprido ensinará que a responsabilidade não é um fardo e sim uma condição natural. E para que faças um bom trabalho, dou-te a provação da culpa para dominares e, como bênção, concedo-te o dom da AUTORIDADE.” Fonte: http://www.sonhosbr.com.br/horoscopo/cantinho-mistico/a-missao-dos-12-signos-do-zodiaco.html, acessado em outubro 2015


NATIVO DE CAPRICÓRNIO – PERFIL 22 de Dezembro a 20 de Janeiro A escolha de uma carreira, a busca do status e a sensação da conquista de um lugar no mundo consolidam a vida adulta. Uma conquista da qual dependerá uma constante tenacidade e foco em metas e realizações em longo prazo. O rumo, ou o norte deste nativo são incentivados por uma inerente ambição e necessidade de concretização material. Esta jornada até ao topo, implica uma assimilação de toda a dinâmica da vida, trazendo ao nosso nativo um lado sábio, que prima pela paciência e sensatez. O merecido prestígio concede-lhe o estatuto de autoridade máxima. Sendo do elemento terra observamos nos Capricornianos um lado muito sério e até frio, que por vezes os distância de seus pares. Tem tendência para controlar os seus sentimentos, no entanto quando dedicam a sua vida a alguém, comprometemse verdadeiramente, pois são também signos muito ligados às tradições e imposições socais. Quando desiludidos com alguém ou alguma coisa, anulam muito rapidamente essa energia, pois não gostam de perder o seu precioso tempo com águas passadas. Geralmente, amadurecem cedo e acham que têm que dar conta de tudo sozinhos sem pedir ajuda pois tendem a ser muito auto-disciplinados. São as chamadas crianças velhas, regidas pelo planeta saturno. Esta energia saturnina trás numa vertente negativa, muito peso à sua vivencia e até alguma castração. A sua reserva é também o que lhes confere o estatuto de amigos fiéis. São pontuais, metódicos e grandes planeadores. Algo avarentos, costumam deter boas condições financeiras porque como tudo em sua vida demora muito para ser conquistado não costumam gastar dinheiro com coisas supérfulas. Óptimos observadores e com uma excelente memória, não deixam ainda de surpreender pelo seu sentido de humor peculiar - carregado de comentários espirituosos.


Elemento: ar / quente e húmido Planeta: urano e saturno Polaridade: masculino Quadruplicidade: fixo Signo oposto e eixo: Leão Frase chave: “ eu sei” Palavra-chave: grupos e causas sociais Palavras básicas – humanitarismo, ciência, novos sistemas, corporações, universalismo, amizade universal. Palavras positivas – filantropia, progresso, cooperação, diplomacia. Palavras negativas – impraticabilidade, sob avaliação de amizade pessoal, ditador. Afinidades: casa – 11 (sucedente): grupos e causas sociais Vertente fisica: pernas, tornozelos, sistema circulatório Missão de vida: “A ti, Aquário, dou a missão de abrir os olhos dos homens para novas possibilidades. Por isso terás o conceito do futuro e do amor fraternal. Sentirás a solidão dos que vivem à frente do seu tempo, pois não lhe permito personalizar Meu Amor. Viverás livre para que possas servir à humanidade renovando a Minha Criação. Para que faças um bom trabalho, doute a provação da rebeldia para dominares e, como bênção, concedo-te o dom do PROGRESSO.” Fonte: http://www.sonhosbr.com.br/horoscopo/cantinho-mistico/a-missao-dos-12-signos-do-zodiaco.html, acessado em outubro 2015


NATIVOS DE AQUÁRIO – PERFIL 21 de Janeiro a 19 de Fevereiro

Depois de cumprir com todas as obrigações familiares e profissionais chega a altura de encontrar um grupo de amigos com quem se possa partilhar de ideais e interesses mais filantrópicos. Aqui entram na esfera do colectivo e reconhecem a necessidade de pertença a um grupo, uma comunidade ou simplesmente uma organização. Adoptar livremente uma causa deixa perceber neste signo toda a sua rebeldia e necessidade criar novos conceitos sociais, sendo por isso conhecido como os grandes utopistas, ou visionários do zodíaco. Excêntricos por natureza gostam de expor as suas ideias de forma original e inovadora. Apesar de todo este lado vanguardista, de influência uraniana, podem também se revelar bastante conservadores e de ideias fixas. Este conservadorismo, fruto da influência de saturno leva-os a fazerem poucas amizades verdadeiras, apesar de constantemente se encontrarem rodeados de pessoas. Não gostam de expor o seu íntimo, que reservam para si com muito afinco, mas no entanto são nativos muito sociáveis, encontrando na troca e partilha de ideias; no argumento e contra-argumento uma espécie de hobbie e um pleno sentido de concretização. Lutam incessantemente pela paz mundial e por um mundo melhor, tendo no entanto alguma dificuldade com os relacionamentos mais restritos, dos quais parecem muitas vezes alienados. Detestam normas, regras, restrições e são muitas vezes chamados de agitadores, apesar da sua energia calma e do seu tipico e habitual bom humor.


Elemento: àgua / frio e húmido Planeta: neptuno e jupiter Polaridade: feminino Quadruplicidade: mutavel Signo oposto e eixo: virgem Frase chave: “eu creio” Palavra-chave: trancendência Palavras Básicas – intuição, inspiração, compaixão, renúncia, espirito sacrificial, unicidade, misticismo Palavras Positivas – sensibilidade a influências suprafísicas, inconsciente, destino maduro Palavras Negativas – negativismo psíquico, introspecção, falta de confiança, secreto, procrastinação, tristeza Afinidades: casa – 12 (cadente ): inconsciente Vertente fisica: pés e sistema linfático Missão de vida: “A ti Peixes, não foi a toa que te deixei por ultimo, pois te dou a mais difícil de todas as tarefas. Peço-te que reunas todas as tristezas dos homens e as tragas de volta para Mim. Tuas lágrimas serão, no fundo, minhas lágrimas. A tristeza e o padecimento que terás de absorver são os efeitos das distorções impostas pelo homem à Minha Idéia, mas cabe a ti levar até ele a compaixão, para que possa tentar de novo. Será tua a missão de amparar e encorajar a todos teus irmãos, fazendo-os acreditar que eles são capazes, e sempre podem tentar novamente. Por esta tarefa, Eu te concedo o Dom mais alto de todos: tu serás o único de Meus doze filhos que me Compreenderás. Mas este Dom do ENTENDIMENTO é só para ti, Peixes, pois quando tentares difundi-lo entre os homens eles seguirão e poucos te escutarão.” Fonte: .” http://www.sonhosbr.com.br/horoscopo/cantinho-mistico/a-missao-dos-12-signos-do-zodiaco.html,

acessado em outubro 2015


NATIVOS DE PEIXES - PERFIL 20 de Fevereiro a 20 de Março A capacidade de encontrar uma vertente mais espiritual e mais transcendente da vida chega-nos atráves deste arquétipo que está fortemente ligado ao lado místico da vida e ao inconsciente colectivo. O nativo de peixes - o mais intuitivo e sensivel dos signos de água – tende a estar fortemente conectado com o seu lado emocional e também com o dos outros. Assim tem têndencia a assimilar os sentimentos e particularmente os sofrimentos da humanidade em geral. Devido a este aspecto sentem constantemente que tem uma missão especial a cumprir junto dos seus pares, que passa por incutir-lhes – docemente e com a sua tipica subtileza - o sentido da Fé e a importância de manter a esperança e a capacidade de romancear e sonhar. Costumam ser bondosos e tem um espirito sacrificial que muita vezes os coloca no papel de vitimas. São portanto muito idealistas caindo por vezes nas malhas da ilusão e da fantasia, da qual tem dificuldade em sair devido ao seu temperamento volaptil e algo disperso. Preferem levar a vida ao sabor da flutuação das ondas – pois são extremamente crentes, devido à influência jupiteriana - e nas horas mais tensas há falta de firmeza para dizerem não a alguma situação menos favoravel, tornando-os alvos fáceis. Denotam uma aptidão muito forte para todas as formas de expressão artisitica e devido à sua capacidade de alineaçao (estados de transe) acedem facilmente a outras esferas. Problemas com todo o tipo de vicios sao recorrentes até que aprendam a aceitar a sua extrema sensibilidade, o seu lado mistico e no caso dos homens a forte energia feminina que emitem.


Bibliografia e Sites consultados

Manual de Astrologia. Faces, Isabel Guimarães MEDEIROS, João - “A Carta”. Alfragide: 2013 http://www.signosdozodiaco.com/as-frases-dos-signos/, acessado em Outubro http://www.sonhosbr.com.br/horoscopo/cantinho-mistico/a-missao-dos-12-signos-do-zodiaco.html, acessado em Outubro

.


Profile for FacesIsabelGuimaraes

O Zodiaco e os seus 12 perfis  

Trabalho de final do curso de formação de astrologia - nível 1, pela formanda Liliana Pinto

O Zodiaco e os seus 12 perfis  

Trabalho de final do curso de formação de astrologia - nível 1, pela formanda Liliana Pinto

Advertisement