Page 1

Edição Especial - 40 anos CAV / UDESC

Editorial Para lembrar de todos os 40 anos da UDESC em Lages seria necessário um pouco mais que um Boletim Eletrônico, mas aqui vão algumas “notícias” que o foram no seu momento. Algumas foram encontradas em livros de atas do CONSECAV, outras em portarias amareladas, outras constando em algum Boletim do CAV feito no mimeógrafo.

No final, vai a programação das comemorações e os desejos de que todos participem dos eventos( além dos de uma programação paralela organizada por ex-alunos). Nos veremos em abril. Fernando Cannella Pedemonte Coordenador de Comunicação CAV / UDESC

LAVRADA 1ª REUNIÃO EM ATA DA ESMEVE Estiveram presentes em 28 de maio de 1976 na 1ª reunião em ata do Conselho Departamental da ESMEVE os professores Antonio Pereira, Antonio Macedo, Luiz Heitor, Luiz Carbone, Ivo Bianchini e Pedro da Silva. Foram tratados como pauta a

chegada de mais material didático cedido pelo MEC; processo seletivo de alunos para o projeto Rondon, monitorias de genética, bioquímica e parasitologia; e curso de verão para adiantamento de fase. O livro foi lavrado por José Dotta.


CURSO INTENSIVO DE PARASITOLOGIA

No Curso os alunos participaram de aulas práticas com parasitas bovinos

A ESMEVE realizou de 2 a 6 de dezembro de 1974 o curso intensivo de parasitologia com o médico veterinário Mário Kazuo Shiniki. Entre as práticas promovidas

os alunos trabalharam com helmintose de bovinos e equideos, carrapatos, técnicas de necrópsia e de laboratório, além de debater no último dia acerca da defesa sanitária animal.

CAV REALIZA PRIMEIROS EXPERIMENTOS COM CHUVA SIMULADA

Experimento tratá novas soluções no plantio e controle da Erosão

Em convênio com o Colégio Agrícola Caetano Costa (Cacc), O Centro de Ciências Agroveterinárias (CAV-UDESC), está realizando o projeto de pesquisa: “Estudo da erosão hídrica em sistemas de semeadura direta com chuva simulada”. Esse estudo permite avaliar a erosão e contaminação do solo ante os diferentes tipos de intensidade de

chuvas, o que é importante para a conservação da riqueza dos solos agrícolas. O professor Ildelgardis Bertol e sua equipe estiveram acompanhando uma demonstração realizada na quinta-feira 11 de março de 2004, no Colégio Caetano Costa. Durante o evento, foram explicados os detalhes dessa importante iniciativa.


REALIZADA 1ª JORNADA DE PESQUISA Nos dias 22 e 23 de outubro de 1985, o CAV, realizou sua primeira Jornada de Pesquisa. Durante o evento, foram apresentados trabalhos que foram desenvolvidos por professores e bolsistas de iniciação científica do CAV-UDESC. A repercussão das ideias, alia-

da principalmente a qualidade dos trabalhos, mostra que a pesquisa universitária, é um dos principais pilares do ensino. A transmissão de conhecimento e sua produção, por intermédio de pesquisa e extensão, valoriza a instituição, e fomenta a discussão acadêmica.

ENCONTRO DOS 30 ANOS DO CAV REUNE EGRESSOS

O CAV está completando 30 anos em 2003, e como parte da programação de aniversário, foi realizada no dia 19 de abril, uma confraternização entre ex-alunos da instituição. O principal objetivo foi festejar e relembrar o período vivido dentro da universidade, dificilmente esquecido por qualquer pessoa que passou pelas cadeiras do CAV. Houve também a troca de ex-

periências e a realização de uma palestra “Os ex-alunos como starters universitários”, ministrada pela engenheira agrônoma e ex-aluna, Andréia Hoster. Em 30 anos, o Centro de Ciências Agroveterinárias, formou cerca de 1,500 Médicos Veterinários e quase mil Engenheiros Agrônomos, durante os 23 anos de existência deste curso.


ESTUDANTE ESTRANGEIRA RECEBE BOLSA PARA ESTUDAR NO CAV

Natalina Ingressa no CAV com esperança de novos rumos em sua terra natal

A partir do início do ano letivo de 2013, o Centro de Ciências Agroveterinárias (CAV-UDESC), recebe a primeira estudante de intercâmbio integral vinda do Timor Leste. A aluna Natalina Mendonça Ribeiro, de 21 anos, chegou ao Brasil por intermédio do programa Bolseiros do Timor, patrocinado pelo governo timorense, e que tem duração média de cinco anos. Há três semanas no país, Natalina diz que “A adaptação tem

sido um pouco difícil na questão da linguagem, pois o português falado em Timor é o de Portugal. Mas isso faz parte do processo”. A Medicina Veterinária é uma área que não pode ter acesso, pela falta de estrutura tanto física como estudantil, e por diversos problemas pelo qual seu país passa. No entanto são realizadas pesquisas no campo da biologia veterinária. Devido a isso, a nova aluna do CAV, almeja criar o primeiro hospital veterinário em seu país.


UDESC OBTÉM ÓTIMO CONCEITO EM EXCELÊNCIA EDUCACIONAL

Sede da UDESC em Florianópolis na Avenida Madre Benvenuta

No inicio do trimestre de 2013 o Conselho Estadual de Educação (CEE/SC) encerrou uma das etapas de Avaliação Institucional Externa da UDESC. O conceito atribuído a universidade foi de "além do referencial mínimo de qualidade". Dentro do CEE/SC o conceito dado a UDESC é referente à quatro estrelas das cinco possíveis. A UDESC obteve em três das dimensões o conceito máximo, de "muito além do referencial mínimo de qualidade": a missão e o Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI)

a responsabilidade social da instituição; e a organização e a gestão da instituição. O Excelentíssimo Reitor Antonio Heronaldo de Souza afirmou a imprensa, "Acreditamos que a UDESC está no caminho certo e muitas das ações apontadas estão previstas no Plano de Gestão atual da universidade. Mesmo obtendo um conceito elevado, queremos a nota máxima e por isso vamos criar um plano de melhoramento institucional".


EXPEDIENTE PERIÓDICO ELETRÔNICO DO CAV Coordenação de Comunicação Bolsista Comunicação: Ivan Siqueira. Rominic Herde

Diagramação e Montagem: Fabrício Duarte Rodrigues. Edição Mensal Recepção de Notícias: comunicacao@cav.udesc.br

CENTRO DE CIÊNCIAS AGROVETERINÁRIAS UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA

Boletim Eletrônico - 11ª Edição  

boletim eletronico do cav