Page 2

página 02

EDITORIAL

É preciso estar atento!

E

stivemos no mês de Março, na cidade de Belo Horizonte, no I Encontro Nacional de Conselhos de Medicina, discutindo temas relevantes da nossa profissão. Foram abordados os desafios da medicina na América do Sul, Central e Caribe, com a presença de colegas médicos da Venezuela, Argentina, Costa Rica e Bolívia, todos com graves problemas de investimento na saúde e com governos ineficazes que procuram por a culpa da falta de estrutura nos profissionais da saúde.

O presidente da Confemel (Confederação Médica Latino-Americana e do Caribe) , Dr. Carlos Janez rechaçou a migração de médicos dirigida por alguns governos, a margem dos requisitos exigidos para a prática médica em cada um dos países, além da constatação da formação de médicos em instituições pouco qualificadas. A vinda de médicos cubanos, a abertura indiscriminada de novos cursos de medicina e a desvalorização dos médicos são práticas comuns adotadas por países do continente que tem em comum governos de esquerda. Os desafios da assistência obstétrica também foram abordados, como o parto humanizado, a “violência obstétrica” e o posicionamento dos conselhos de medicina frente aos desafios que virão em mais um ataque a nossa profissão, como por exemplo o PLC 7633/2014 do Deputado Federal Jean Wyllis, que praticamente exclui o médico do momento do parto. A residência médica, com as mudanças previstas na Lei do Mais Médicos foi amplamente discutida, preocupando a todos, principalmente pelas mudanças de acesso às especialidades, onde ela obriga o cumprimento de pelo menos um ano da residência no Programa de Saúde da Família, uma forma disfarçada de serviço civil obrigatório. O atendimento de pacientes em áreas de alta complexidade por médicos não especialista também foi assunto bastante

debatido entre os participantes, com a presença do renomado desembargador do Tribunal de Justiça do Paraná, Miguel Kfouri Neto, que foi claro ao afirmar que juízes, ao tomar suas decisões, analisam a capacidade técnica do médico. É um tema importante que ainda precisa de novas discussões e abordagens para se ter uma conclusão final. O desaparecimento de crianças no Brasil foi apresentado pelo colega pernambucano Ricardo Paiva, que disse “temos cerca de 50 mil crianças e adolescentes por ano que desparecem todos os anos no Brasil”. A recomendação do CFM 04/2014 alerta que todos devemos ficar atentos ao atender uma criança, há procedimentos que auxiliam na busca por crianças desaparecidas, observando o comportamento dos pequenos pacientes com o acompanhante, como demonstração de medo, choro ou aparência assustada e marcas físicas de violência. Devem os médicos solicitar a documentação do acompanhante e em casos suspeitos, denunciar às autoridades. O nosso conselho está estudando medidas eficazes que apoiem e ajudem a diminuir esta triste realidade.

Eloína Brasil Ferreira Eltes de Castro Paulino Gil Pacífico Tognini Heitor Soares de Souza José Antônio de Carvalho Ferreira Juberty Antônio de Souza Luciana Reis Vaz de Moura Covre Marco Aurélio Ratier Jajah Nogueira Marialda Goulart de Almeida Pedreira Mauro Luiz de Britto Ribeiro Moacyr Battistetti Oldemiro Hardoim Junior Pedro Eurico Salgueiro Rosana Leite de Melo Takeshi Matsubara Eliana Patrícia Sempertegui M. Pires (AMMS)

Fábio Colagrossi Paes Barbosa Faisal Augusto Alderete Esgaib Helena de Lima Chaves Castro José Jailson de Araújo Lima Kléber Francisco Meneghel Vargas Leonildo Herrero Perandre Luciene Lovatti Almeida Hemerly Elias Luis Gustavo Schaefer Maithe Vendas Galhardo Mara Luci Gonçalves Galiz Lacerda Marco Aurélio Bernardes Garcia Patrícia Helou dos Reis Ruiz Renata Ribeiro Duarte Rodrigues Rigoberto Américo de Oliveira Luís Henrique Mascarenhas Moreira (AMMS)

Alberto Cubel Brull Júnior Presidente CRM-MS

EXPEDIENTE DIRETORIA EFETIVA Alberto Cubel Brull Júnior Presidente

Antônio Carlos Bilo Vice-Presidente

Rosana Leite de Melo 1ª Secretária

Kleber Francisco Meneghel Vargas 2º Secretário

Celso Rafael Gonçalves Codorniz 1º Tesoureiro

Eloina Brasil Ferreira Tesoureira

Gil Pacífico Tognini Corregedor Geral

Marialda Goulart de Almeida Pedreira Corregedora Adjunta

CONSELHEIROS TITULARES Alberto Cubel Brull Júnior Alexandre Brino Cassaro Antônio Carlos Bilo Carlos Idelmar de Campos Barbosa Celso Rafael Gonçalves Codorniz

CONSELHEIROS SUPLENTES Alex Fabiano Nametala Finamore Cristina Yamakawa Higashi Darcy da Costa Filho Eduardo Lasmar Pacheco Elza Garcia da Silva Ernani José Vilela dos Reis

Médicos que quiserem enviar sugestões para o jornal do Médico devem encaminha-las para o e-mail: crmms@crmms.org.br, ou para para mais informações entrar em contato pelo telefone: 67 3320-7700. Redação e Produção: Abaetê Comunicação Diretor de projetos: Fábio Sarzi

Jornal do Médico  

Edição do Jornal do Médico de março de 2015.