Page 1

ANESTESIA CONTROLO DA DOR

DESINFEÇÃO & HIGIENE

CIRURGIA

RESTAURAÇÃO & PRÓTESES

O futuro está nas suas mãos Uma clinica SEM DOR

www.inibsa.pt


SABIA QUE ...

9

10

em cada pacientes

declaram sofrer de ansiedade perante as injeções dentárias(2)

1

5

em cada adultos

tem fobia de ir ao dentista pelo que evitam, cancelam e não aparecem nas consultas, por medo da injeção(1)

O desenho básico, o mecanismo e a operação manual da seringa de PRAVAZ,

inventada há mais de anos

150

eram praticamente idênticos à das seringas médicas e odontológicas utilizadas atualmente(1)

AVANce connosco

NOVO sistema de administração de anestesia dentária computorizada que permite:

Sistema

• Aplicar qualquer técnica de injeção tradicional: · Mais comodamente. · Mais facilmente. · Com o mínimo ou ausência de dor. • Aplicar técnicas de injeção inovadoras que não podem ser executadas por outros sistemas de injeção(3): ·P  -ASA – Bloqueio do nervo superior alveolar

anterior palatal ·A  MSA – Bloqueio do nervo alveolar superior médio anterior 1275

(1) Tendencias futuras en el control del dolor. - En: Manual de anestesia local / SF Malamed. - 6ª ed.- Barcelona: Elsevier España, 2013. - p. 356-379. (2) Según Asociación dental Americana (ADA) Krochak M. Friedman N. Compend Contin Educ Dent. 1998 Feb; 198(2): 137-40, 142-3, 146 passim;quiz 150. (3) Técnicas de inyección suplementarias. - En: Manual de anestesia local / SF Malamed. - 6ª ed.- Barcelona: Elsevier España, 2013. - p. 253-276.


COMPONENTES dO sistema “the wand STA”

UNIDADE CENTRAL • Nova tecnologia de sensores de pressão dinâmica (DPS) que permite uma pressão otimizada da injeção do anestésico local segundo a zona a anestesiar.

• Sistema de auto aspiração que permite realizar a aspiração de forma automática.

• Suporte para a peça de injeção que permite voltar a tapar a agulha de forma segura, cómoda e com uma só mão.

pEÇA DE INJEÇÃO DESCARTÁVEL • Suporte para o cartucho de anestesia:

·A  fastado da agulha, logo da cavidade dentária melhorando assim a visibilidade da área a injetar.

·C  ompatível com qualquer cartucho standard de anestesia.

• Agulhas disponíveis em três tamanhos:

· 30G

12 mm. (verde)

· 30G

25 mm. (castanha)

· 27G

32 mm. (azul)


INJEÇÕES COM O SISTEMA “THE WAND STA”

GUIADAS • Proporciona sinais sonoros e visuais que permitem determinar, em tempo real a posição ótima da agulha e da pressão de injeção do anestésico local.

sEM DOR • Impulsiona a anestesia dentro do tecido antes da penetração real da agulha mediante a técnica de pré-aspiração, reduzindo significativamente a sensação da entrada da agulha nos tecidos. • Permite um avanço lento e contínuo da agulha através dos tecidos criando um caminho para a anestesia que ajuda a eliminar o mal-estar, enquanto a agulha vai entrando nos tecidos. • Otimiza os índices de fluxo em função da densidade do tecido e abaixo do limiar da dor.

SEM STRESS • A peça de injeção não se assemelha a uma seringa • Menos stress para o médico

· Segura-se como se fosse uma caneta. · Pode ser rodada facilmente. · Reduz a força necessária para mover a agulha. · Adapta-se a diferentes longitudes para melhorar o acesso a áreas difíceis.


• Menos stress para o paciente

· Não tem uma aparência ameaçadora. · Reduz a ansiedade. · Aumenta a confiança do paciente.

SIMPLES • Aplica injeções intraligamentares com uma técnica previsível, fiável e inócua de modo que passará a usá-la como técnica de eleição para a maioria dos seus tratamentos:

· Permite anestesiar um só dente. · Não anestesia o lábio, língua, nem outros tecidos moles. · Pode realizar procedimentos em múltiplos quadrantes na mesma consulta. · Proporciona anestesia rápida e profunda.

Não dizemos que não possa aplicar uma injeção cómoda, fácil ou sem dor, com um sistema tradicional, no entanto, o sistema “THE WAND STA” facilita que isso aconteça repetidamente


Vantagens face a outros sistemas

INTRALIGAMENTAR STA • Localização e manutenção de uma posição precisa e correta da agulha durante a injeção: · Técnica mais previsível. • Ritmo de administracão da anestesia: · A baixa pressão: - Reduz o risco de lesão tecidular.

- Minimiza a perceção da dor.

· Controlado: - Administração segura de maior volume de anestésico.

- Aumento efetivo da duração do anestésico local (45-60 min).

• Deteção e proteção perante: ·F  ugas de anestesia na boca evitando o sabor desagradável.

· Rutura do cartucho de vidro.

• Tratamento de dentes decíduos, em pacientes pediátricos: · Sem risco de hipoplasia de esmalte.

·S  em afetar o desenvolvimento dos dentes definitivos.

·C  om alterações comportamentais mínimas relacionadas com a dor e stress.

INFILTRAÇÃO TRADICIONAL • Melhor visibilidade. • Maior controlo e sensação tátil. • Colocação da agulha de forma mais delicada. • Maior conforto.

BLOQUEIO TRONCULAR • Rotação bidirecional de 180º da agulha que impede o seu desvio durante a penetração dos tecidos profundos(4).

· Menor incidência dos fracassos anestésicos:

- Menor número de reinjeções.

- Diminuição do mal-estar pós-operatório.

(4) La aguja. - En: Manual de anestesia local / SF Malamed. - 6ª ed.- Barcelona: Elsevier España, 2013. - p. 92-100.


P-ASA e AMSA • Anestesia de múltiplos dentes com uma só penetração da agulha sem anestesiar os tecidos moles faciais, resultando:

- Maior comodidade operatória e pós-operatória para o paciente.

- Avaliações estéticas da linha do riso, não obstaculizadas pela distorção facial.

P-ASA

AMSA

RECOMENDAÇÕES DE USO

PEÇA DE INJEÇÃO (1)

TÉCNICA DE INJEÇÃO

VOLUME DE ANESTESIA(2) Artinibsa 72mg/0,018mg ou 0,009/1.8 ml Solução injetável

ADULTO

30G 12 mm.

CRIANÇA

Xilonibsa 20mg/ml + 0,0125mg/ml Solução injetável

ADULTO

CRIANÇA

DURAÇÃO MINUTOS

0459

0459

Mandibula: pulpar, vestibular. Começar pela distal.

Intraligamentar

1/4 distolingual, 1/4 mesiolingual

1/8 a 1/4 disto-lingual 1/8 a 1/4 mesio-lingual

1/2 distolingual, 1/2 mesiolingual

1/4 distolingual, 1/4 mesiolingual

45 - 60

P-ASA

1/2ducto nasopalatino

1/4ducto nasopalatino

3/4 a 1 ducto nasopalatino

1/4 a 1/2 ducto nasopalatino

60 - 90

Maxilar superior (sector anterior): Pulpar, palatino e vestibular.

1/4 a 1/2 palato

60 - 90

Maxilar superior: pulpar, vestibular, central através do 2º pré-molar.

Maxilar superior: pulpar, vestibular e lingual. Começar pela distal.

ASMA

1/2 palato

1/4 palato

3/4 a 1 palato

Infiltrativa

3/4 a 1

1/2 a 3/4

3/4 a 1

3/4 a 1

60 - 90

Pulpar, vestibular.

PSA

3/4 a 1

1/2 a 3/4

3/4 a 1

3/4 a 1

60 - 90

Bucal, Pulpar, Molares superiores.

Bloqueio mandibular

3/4 a 1

1/2 a 3/4

3/4 a 1

1/2 a 3/4

60 - 90

Quadrante Mandibular direito ou esquerdo.

0459

30G 25 mm.

ÁREAS ANESTESIADAS

27G 32 mm.

(1) Disponíveis em caixas de 50 unidades de um único tipo. (2) As doses recomendadas podem variar segundo cada situação clinica particular e duração.


www.inibsa.pt

Milestone Scientific, INC 220 South Orange Avenue Livingston, NJ 07039 - USA

PDS Nottingham, UK, NG1 1GF T +44 (0) 115-912-4277

Sintra Business Park Zona Industrial da Abrunheira Edificio 1 - 2ยบ I 2710-089 SINTRA T +351 219 112 730 F +351 219 112 023

Contacte-nos:

808 500 028

www.inibsa.pt - ccinibsa@inibsa.pt

Inbsa - The Wand (Catálogo)  

O futuro está nas suas mãos - Uma clinica SEM DOR

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you