Issuu on Google+

Inúmeras inovações estão sendo incorporadas ao portfólio de ofertas da Essencis com o foco em recuperar e extrair valor dos resíduos. São soluções diferenciadas, que têm em comum a visão da sustentabilidade. Isso significa uma abordagem que visa a extrair ou agregar valor ao resíduo, seja pela reutilização de materiais e E se... matérias-primas, seja pelo seu os resíduos do seu uso como fonte geradora de processo se transforenergia. marem em matériaprima e recursos Com esta unidade de negócios, o para a indústria e a grupo Essencis dá um grande passo em sociedade? direção às práticas sustentáveis, uma vez que desde a chegada da Política Nacional dos Resíduos Sólidos, as empresas buscam soluções ambientalmente mais adequadas para a destinação de seus resíduos.

Unidade de Recuperação de Metais A Recuperação de Metais de Resíduos Industriais e de lodos de ETE trata-se de uma nova tecnologia da Essencis. É um processo físico químico que através do controle de PH recupera por precipitação os metais pesados presentes nos lodos de ETE e nos resíduos industriais de empresas do ramo de galvanoplastia, metalurgia, siderurgia, petroquímicas, agronegócio, entre outras. Localizada em Caieiras, na região metropolitana de São Paulo, a unidade tem mais de dois mil metros quadrados de área construída e capacidade de processamento de 18 mil toneladas por ano. Todo o processo contará ainda com a inclusão de uma fábrica de sais. Entre os metais recuperados, temos o Cobre, Níquel, Cobalto, Molibdênio, Cromo, Ferro, Zinco e Alumínio, que serão comercializados, retornando assim à cadeia produtiva como matéria-prima para outros processos industriais.


Este processo diminui expressivamente a contaminação dos resíduos gerados, pois as cinzas do processo são insolúveis caracterizados como classe II (não-perigosos) em função da baixa quantidade ou ausência de concentração de metais pesados. Consequentemente, ocorrerá a diminuição da extração dos metais em minas e da destinação de resíduos nos aterros, contribuindo para a preservação ambiental.

Levando-se em consideração que 70% dos custos siderúrgicos estão nas matérias primas – carvão, minério e metálicos – a Essencis & HpM resolveu investir nesta tecnologia para, através de uma parceria ganha – ganha, colaborar para a competitividade do setor siderúrgico brasileiro com o mundial.

CTVA Caieiras - SP Acesso pela Rod. Bandeirantes, Km 33 - Caieiras SP. Cx Postal 543 - Franco da Rocha - SP CEP 07803-970 Tel. (11) 4442-7300 vendassp@essencis.com.br

Reforçar imagem do cliente como inovador, sustentável e rentável Melhorar os indicadores de sustentabilidade do cliente Reforçar a imagem da responsabilidade sócio ambiental do cliente Eliminar custos de disposição final de resíduos Eliminar custos de passivos ambientais Minimizar riscos e custos de transporte Alinhamento com a Política Nacional de Resíduos Sólidos

Unidade de Valorização de Resíduos de Siderurgia Tecnologia pioneira que permite a recuperação do ferro metálico e óxido de ferro das lamas de aciaria para a utilização como matéria prima de grande valor agregado na fabricação do aço. Solução desenvolvida em parceria com o cliente e pesquisadores de ponta que contribui duplamente com a Sustentabilidade: além da valorização do resíduo diminuindo o consumo de matéria-prima na produção do aço contribui para a diminuição do impacto ambiental causado pela destinação deste resíduo.

Com a percepção da necessidade da indústria siderúrgica por inovação nos processos de destinação e tratamento dos resíduos, a Essencis buscou junto à Fundação Gorceix processos que pudessem atender à essa demanda de mercado. Com isso, foi identificado o projeto de recuperação de ferro metálico e óxido de ferro nas lamas grossa e fina de aciaria, patenteado pela empresa HpM, a qual veio a ser sócia da Essencis neste negócio, criando assim a Essencis & HpM.

Outras vantagens do processo:

CTVA Betim - MG BR 381, km 499 - Caixa Postal 12 Betim - MG Tel.: (31) 3532-9339 vendasmg@essencis.com.br


Folder Essencis Recuperação e Valorização