Issuu on Google+

Blogue seguinte»

Criar blogue | Iniciar sessão BlogBlogs.Com.Br

ESPELHO DA MODA A MINHA VISÃO DE UM MUNDO QUE ADORO QUE ME FASCINA E NO QUAL TENHO A SORTE DE TRABALHAR.AS MINHAS HUMILDES OPINIÕES SOBRE UM ASSUNTO TÃO DÚBIO COMO É A MODA.

S E G U N D A- F E I R A , 2 9 D E D E Z E M B R O D E 2 0 0 8

ARQUIVO DO BLOGUE

ED FOX: GLAMOUR FROM THE GROUND UP

▼ 2009 (37)

Este é o artigo 69 do meu blog, e como tal

▼ Fevereiro (14)

tinha que ser sexy. E melhor exemplo de

ROSAS DE VERÃO

sensualidade que Ed Fox: Glamour from the

ALL WHITE

Ground Up, é dificil. Neste livro editado pela

DEGRADÊ

taschen, o fotógrafo Ed Fox comemora o pé

MICRO PADRÃO

feminino, criando um estilo único, contemporâneo e tecnicamente impecável. Há uma forte sensação de movimento em suas fotos, reflectindo a sua própria personalidade enérgica. Fox é um nativo de Los Angeles, por isso é sem surpresa que uma das suas especialidades é encontrar o mais atraente e as mais belas na indústria cinematográfica para adultos.

PERFUME DA ÍNDIA METALLIC BLUE POST 100!! O MEU TEXTO NA PARQ. V NECK XXL SMOKING INSPIRED

Fox diz, "Um lindo pé é um extra, o mesmo que uns belos seios ou

ZOOMBIE CHIC

um belo rabo, é tudo parte de uma forma

MUITOS AUSENTES EM NOVA IORQUE

feminina voluptuosa." Consequentemente, a maioria dos seus

ESPELHO DA MODA VOLUME 1

modelos são excepcionalmente curvy de

STEPHEN JONES O SENHOR DOS CHAPÉUS

cima a baixo. Fox foi um dos primeiros a fotografar divas como Dita von Teese,

LENÇOS EM PARIS

assim como Valentina Vaughn, Tera

► Janeiro (23)

Patrick, Brittany Andrews, Jill Kelly, Kelly

► 2008 (69)

Madison, Tall Deusa, Aria Giovanni, Jewel De'Nyle, Belladonna, Terri Weigel, Penny Flame, e Ginger Jolie, muitas das

ACERCA DE MIM

quais aparecem no seu primeiro livro. "A mais tentadora parte do corpo da mulher são os seus pés. Os pés

BRUNO TIAGO PIRES

são o segundo corpo duma mulher, uma visão que posso desfrutar

Apaixonado por

sem ofender ninguém, e nunca imaginei que o meu pequeno segredo

moda,design,arte,arquit

atraía tantas pessoas."-Ed Fox

ectura,musica,gastrono

P U B L I C A D A P O R B R U N O T I A G O P I R E S E M 3:30 HIPERLIGAÇÕES PARA ESTA MENSAGEM

mia tudo o que me

1 COMENTÁRIOS

E T I Q U E T A S : ED FOX, TASCHEN

desperte os sentidos. Para mim só há um pré-requesito MUITO TALENTO

SÁBADO, 27 DE DEZEMBRO DE 2008

VER O MEU PERFIL COMPLETO

XL FEMME NO ARENA LOUNGE DE ONDE É O ULTIMO VISITANTE?

ARENA LOUNGE acabou 2008 com uma série fantástica de concertos e parece que é para continuar, e de borla! Obrigado, sem duvida um dos spots mais interessantes em Lisboa. A não perder, já em 2009 mas parece uma prenda de Natal atrasada, uma não seis, porque são seis as noites que os XL Femme nos vão brindar com a sua sonoridade muito especial, de 6 a 11 de Janeiro. O grupo que deu á luz os Donna Maria, os XL Femme formados em 2000 por Miguel Ângelo Majer, são um projecto que alia uma sonoridade original e contemporânea, com arranjos de Miguel A. Majer e Ricardo Santos,

NOTABLE BARACK OBAMA QUOTES


à voz cheia de personalidade e carácter de Marisa Pinto. Os XL Femme têm como imagem de marca as versões electrónicas de clássicos da música portuguesa, como o “fado electrónico” entre outros estilos, e assumem-se como vanguardistas da “nova música portuguesa”. De Amália Rodrigues a Madredeus, de Doors a Rolling Stones, apresentam um espectáculo de saudável convivência com a diferença e diversidade, sem com tal, perderem coerência neste conceito que tanto sucesso tem obtido ao longo dos anos. http://www.youtube.com/watch?v=v57UE58sbYQ http://www.youtube.com/watch?v=sLWtLX7bTR8&feature=related P U B L I C A D A P O R B R U N O T I A G O P I R E S E M 2:40 HIPERLIGAÇÕES PARA ESTA MENSAGEM

0 COMENTÁRIOS

E T I Q U E T A S : ARENA LOUNGE, X L F E M M E

Q U I N T A- F E I R A , 2 5 D E D E Z E M B R O D E 2 0 0 8

LOJAS VINTAGE Nestes tempos de crise que atravessamo s, os americanos, talvez os mais afectados por ela são também os mais imaginativos a contornar a falta de doláres. Com menos dinheiro mas com os mesmos desejos de ter roupa nova, ou quase. A solução reside nas lojas de compra-venda e troca de roupa, que por esta altura estão com mais clientela que nunca, e temos para todos os gostos algumas com sportswear e outras apenas com algumas das melhores marcas e estilistas ou ainda a Eleven que mais parece uma exposição do guarda roupa dum filme western, se passar por Nova Iorque estas lojas devem ser pontos a visitar. Por cá só no e-Bay ou na feira da ladra, mas ainda existe algum estigma social sobre quem compra roupa em segunda mão, enfim bem à portuguesa.

P U B L I C A D A P O R B R U N O T I A G O P I R E S E M 3:29

0 COMENTÁRIOS

HIPERLIGAÇÕES PARA ESTA MENSAGEM E T I Q U E T A S : F E I R A D A L A D R A, L O J A S V I N T A G E

Q U A R T A- F E I R A , 2 4 D E D E Z E M B R O D E 2 0 0 8

BOAS FESTAS-O QUE PEDI AO PAI NATAL


Isto foi o que pedi ao pai natal, mas o velho das barbas não dá ouvidos a homens feitos que pedem como prenda uns sapatos da Fratelli Rossetti que custam 500 euros. Mas fica registado o pedido para a posteridade. Aproveito para desejar Boas Festas aos visitantes do meu blog. P U B L I C A D A P O R B R U N O T I A G O P I R E S E M 3:49 HIPERLIGAÇÕES PARA ESTA MENSAGEM

1 COMENTÁRIOS

PRADA EM TEMPOS DE CRISE...INOVA

Prada traz uma novidade na sua campanha publicitária para a Primavera 2009, com a ajuda do ex-estilista Hedi Slimane da Dior Homme, que é usar estreantes como modelos, em tempos de crise o que é preciso é inteligência e contornar as dificuldades, e neste caso o resultado não foi nada mau. Esta é a primeira vez que Slimane trabalha com a Prada num projecto como este. Slimane, que retomou a fotografia na sequência da sua saída da Dior no ano passado, tirou retratos de Louis e Claude Simonon, filhos de Tricia e Paul Simonon, baixista e gerente da banda punk The Clash. Prada disse que os irmãos foram fotografados "em momentos de reflexão e introspecção. Uma abordagem simbólica, homens com o desejo de vestir um novo classicismo com uma orla rebelde." Os Simonons ainda estão na escola, em Inglaterra e nunca tinham trabalhado antes como modelos, nem com Slimane. O artista tem fortes laços com o mundo da música e da fotografia, publicou um livro intitulado, "Diary Rock", no início deste ano. P U B L I C A D A P O R B R U N O T I A G O P I R E S E M 0:31 HIPERLIGAÇÕES PARA ESTA MENSAGEM

0 COMENTÁRIOS

E T I Q U E T A S : HEDI SLIMANE, P R A D A

T E R Ç A- F E I R A , 2 3 D E D E Z E M B R O D E 2 0 0 8

AS PRENDAS DE GARETH PUGH

Nesta quadra, Pugh presenteou-nos com uma árvore de natal em neon com 3 metros de altura e todo o estilo avant-garde do criador, está situada na loja Topshop em Oxford Circus. A outra prenda foi o anúncio de que para a colecção Outono/Inverno 2009 podemos contar com o seu talento e criatividade ao serviço da moda masculina depois de algum tempo apenas no universo feminino. A julgar pelas criações anteriores de Gareth Pugh este vai ser um dos desfiles mais aguardados da moda masculina para o próximo Inverno. Vai ser brilhante e inspirador.


P U B L I C A D A P O R B R U N O T I A G O P I R E S E M 18:58 HIPERLIGAÇÕES PARA ESTA MENSAGEM

0 COMENTÁRIOS

E T I Q U E T A S : GARETH PUGH

BILLIONAIRE COUTURE

Billionaire Couture é o projecto nascido em 2005, pela mão de Flavio Briatore e do designer Angelo Galasso e que veio ocupar um lugar ainda por preencher, o da alta costura masculina. Utiliza os materiais mais nobres e como não podia deixar de ser tem acabamentos perfeitos. Desde guardachuvas em pele de crocodilo até blazers em caxemira. Com clientes famosos como Paul McCartney, Mohamed Al-Fayed, Geoffrey Moore, David Beckham, Mike Tindall e Sean "Diddy" Combs. A qualidade e bom gosto são inquestionáveis, mas como o próprio nome da marca dá a entender só está mesmo ao alcance das carteiras de bilionários. Com lojas próprias em Porto Cervo, Las Vegas e Londres, está tambem disponivel em 3 boutiques de luxo na Russia. No que à qualidade diz respeito não tenha duvidas que este é o melhor vestuário, calçado e acessórios de moda, que o dinheiro pode comprar.

P U B L I C A D A P O R B R U N O T I A G O P I R E S E M 16:58

0 COMENTÁRIOS

HIPERLIGAÇÕES PARA ESTA MENSAGEM E T I Q U E T A S : B I L L I O N A I R E C O U T U R E, F L A V I O B R I A T O R E

S E G U N D A- F E I R A , 2 2 D E D E Z E M B R O D E 2 0 0 8

A HIPOCRISIA DE BRUNI

Agora é uma foto de Carla Bruni impressa numa mala da marca francesa Pardon, a agora muito púdica e conservadora primeira dama francesa, vai processar a Pardon por utilizar a sua imagem nua na referida mala, que vem acompanhada duma frase brilhante "o meu homem devia ter comprado a Pardon". O casal presidencial ainda não percebeu que são as suas tentativas de ocultar o passado mais despido de Bruni, que aguçam os media a repescar esses documentos e acontecimentos. Com uma hipocrisia a fazer lembrar a da artista porno de garganta funda que queria retirar os filmes do mercado ao fim de tantos anos para que a sua


filha não tivesse conhecimento do passado XXX da mãe. Tanto esta actriz como Carla Bruni quando realizaram esses trabalhos estavam conscientes do que estavam a fazer, eram adultas, e Bruni não tem que se envergonhar da sua brilhante carreira de modelo. O senhor presidente já conhecia as fotos de Carla, mas em vez de aceitar o trabalho da sua esposa, teve atitudes ridículas e não olhou a custos para tirar alguns desses relatos fotográficos de circulação. É esta a falsa moralidade da política, porque nunca deviamos tentar negar ou apagar uma parte do nosso passado o comportamento deste casal é reprovável e hipócrita. P U B L I C A D A P O R B R U N O T I A G O P I R E S E M 1:02 HIPERLIGAÇÕES PARA ESTA MENSAGEM ETIQUETAS: CARLA BRUNI

1 COMENTÁRIOS

DOMINGO, 21 DE DEZEMBRO DE 2008

INSULTO AOS DESIGNERS É o que fazem certas personalidades por esse mundo fora, que tiram proveito da sua imagem e mediatismo para depois, seja por capricho ou por não terem mais nada para fazer, desatam a brincar aos criadores de moda. Da senhora Beckam a Jlow vários são os pseudos designers, por esse mundo fora, que chamam a si atenções que deviam estar focadas naqueles que estudaram e que realmente têm talento para criar moda. O caso de Posh é flagrante, já que para além de se aproveitar do seu sucesso nas extintas Spice, ainda tem o seu marido super star para desfilar as suas supostas criações. O caso lusitano é o astro do futebol Cristiano Ronaldo, que já fez tanto por Portugal no que ao futebol diz respeito, e devia ficar por aí, porque no campo da moda não marca golo nenhum, as suas lojas CR7 são apenas mais uma das manifestações da sua obsessão pela sua sigla, uma brincadeira que os seus milhões permitem, porque para a moda só tem uma utilidade, que é a de servir de exemplo daquilo que não se deve fazer. Bem podia ter trazido roupa de criadores que não estão presentes em Portugal e tanta falta fazem, ao invés temos roupa vulgar carimbada com com a sigla do astro. Existem raras excepções como a de Pharrell Williams que veio acrescentar qualidade ao vestuário Hip-Hop. P U B L I C A D A P O R B R U N O T I A G O P I R E S E M 23:17 1 C O M E N T Á R I O S HIPERLIGAÇÕES PARA ESTA MENSAGEM E T I Q U E T A S : C R I S T I A N O R O N A L D O, P H A R R E L L W I L L I A M S, V I C T O R I A B E C K A M

Q U I N T A- F E I R A , 1 8 D E D E Z E M B R O D E 2 0 0 8

2009 O ANO DE CAVALLI

2009 é o ano de Cavalli, qual fénix renascido das cinzas, e depois de alguns anos na sombra, Roberto Cavalli escolheu uma igreja do século 15 em Florença como localização do seu primeiro clube nocturno, que foi inaugurado dia 13, com uma festa marcada pela presença de convidados como Gerri Halliwell e Asia Argento. Este é apenas o primeiro passo para o criador neste campo, pois outros estão definidos para abrir no Dubai, no final de janeiro, e em Milão, em fevereiro. No Dubai, o designer vai vender merchandising Cavalli Club. Cavalli disse que sente que ajudou a recuperar uma verdadeira jóia referindo-se à igreja que alberga o seu clube e que custou 3 milhões de euros. Um bar lounge está localizado no piso térreo, um palco com um piano


onde era o altar, e um restaurante no piso superior. Cavalli optou por reproduzir o conceito das suas lojas no clube, e completou a decoração com uma alegoria da natureza: um tecto de aço espelhado, colunas com detalhes em ouro, uma enorme serpente de aço ao lado do bar, um aquário de grandes dimensões e assentos estofados com estampas animais são alguns dos elementos principais e são também imagens de marca de Cavalli. A juntar a este grande projecto temos a colecção de verão 2009 onde Cavalli está brilhante, principalmente com os seus fatos, que parecem um restyling perfeito dos fatos de Vito Corleone, com casacos assertoados bem justos e calças de pinças bem largas, resultam num look fantástico. Um regresso em grande, com o qual o mundo da moda só sai a ganhar.

P U B L I C A D A P O R B R U N O T I A G O P I R E S E M 3:10 HIPERLIGAÇÕES PARA ESTA MENSAGEM ETIQUETAS: ROBERTO CAVALLI

0 COMENTÁRIOS

S E G U N D A- F E I R A , 8 D E D E Z E M B R O D E 2 0 0 8

PHILIP CRANGI

Com as laminas de barbear, chapas de soldados e pulseiras de corda de Dinh Van, que desde que se estreou com uma loja em Portugal, o que foi uma estreia em termos de franchisados, até agora a marca só contava com lojas próprias, conquistou adeptos até na assembleia, prova disso é o Dr. Pedro Santana Lopes com a sua pulseira Dinh Van. Depois de Van, o mundo da joalheria passou por um deserto de ideias verdadeiramente inovadoras e arrojadas, que terminou com a entrada em cena de Philip Crangi. Este hippie está na berra em Nova Iorque e tem como suas clientes várias vedetas de hollywood, tais como Drew Barrymore, Cameron Diaz, Demi Moore, Linsay Lohan, Lucy Liu e Julianne Moore. Formou-se na prestigiada Rhode Island School of Design, lançou a sua primeira colecção em 2001, e o reconhecimento oficial chegou em 2007, ano em que ganhou o prémio de melhor designer de acessórios do ano CFDQ/Vogue Fashion Award, uma especie de óscares da moda. Crangi é colecionador compulsivo, tem de tudo desde almofadas em ponto cruz até animais embalsamados, este gosto pelo passado reflecte-se no seu brilhante trabalho,


inspirado em artefactos Greco-Romanos, armas japonesas e peças barrocas em ferro. Philip é vintage, mas do melhor que pode encontrar. O seu trabalho é sem duvida uma pedrada no charco, como à muito não se via no mundo das jóias. Extrovertido e com bom gosto é frequentemente nomeado um dos mais bem vestidos dos eventos em que participa. A última manifestação da sua rebeldia foi a sua sessão fotográfica para a revista Key em que aparece nu. Do meio do turbilhão de supostas manifestações de talento, que surgem em Nova Iorque, Crangi destaca-se, tem talento e ninguem lhe fica indiferente. Esperemos que o seu trabalho chegue a Portugal. P U B L I C A D A P O R B R U N O T I A G O P I R E S E M 21:51 HIPERLIGAÇÕES PARA ESTA MENSAGEM ETIQUETAS: PHILIP CRANGI

Janeiro 2009

Página inicial

Subscrever: Mensagens (Atom)

 

0 COMENTÁRIOS

Novembro 2008


espelhodamoda edição nº3 Dezembro2008