Page 1

Jornal Escolhas Vivas Vila Real de Sto. António Edição n.º 9 Novembro 2010 Financiado por:


Editorial Novmbro 2010 As castanhas de são Martinho Nesta edição do mês de Novembro, não podemos deixar de partilhar com todos/as o nosso 3.º lugar no Concurso Pela Arte Contra a Pobreza, uma surpresa e uma alegria para o nosso Projecto. O mês de Novembro trouxe o frio e a chuva mas nós no Escolhas Vivas não nos deixámos abater pelo mau tempo e organizámos em torneios de jogos, participámos em oficinas de reutilização de garrafas de plástico, workshop de expressão para o Flamenco… e no meio de tudo isto não faltaram umas deliciosas castanhas assadas!

agradecimentos Santa Casa da Misericórdia e ao Senhor que arranjou a nossa porta de entrada. A todas as pessoas que colaboraram connosco no Mercadinho de Cacela.

Ficha Técnica Patrícia Cardoso (Monitora de CID-NET), Vânia Serrano (Animadora sócio-cultural), Cátia Ribeiro (Coordenadora do Projecto). Jéssica Filhó, Andreia Morais, Ricardo Fonseca, Inês Moutinho, Rosa Vasques, Maria Adelaide, Cristiano Filhó Edite Flores, Daniel Martins, Paulo Martins, Ricardo Fonseca, Débora Freitas, Beatriz Caravela, Pedro Vietgas, Bianca Vinagre (Repórteres), Nuno Pereira (Ilustradores).


Índice

2. editorial agradecimentos ficha técnica 3. índice 4. dia 11 de Novembro: São Martinho 5. actividades: oficina da ciência reutilização de garrafas de plástico 6. hora do conto 7. atelier de trabalhos manuais e pintura 8. personagens de ficção 10. entrevista: gracia diaz 11. histórias vivas: a lâmpada do gênio 12. torneios: yu-gi-ho 14. actuações de flamenco 15. visitas: reportagem do mercadinho 18. torneios: 4 em linha e dómino 19. noticias breves 20. música 21. agenda 22. fotos do mês 24. extras: formações certificadas 26. publicidade: escolhas vivas

Contactos Inovinter Vila Real de Sto António Tel: 281 542 454 Fax: 281 542 453 Morada: Rua de Angola 39 C/V 8900-271 Vila Real de Stº António Email: vrsantonio@inovinter.pt

Escolhas Vivas Tel: 281 543 629 Morada: Beco da Praça de Touros 8900-000 Vila Real de Sto. António

Email: escolhasvivas.vrsa@gmail.com escolhasvivas.pe@inovinter.pt Blog: escolhasvivas.blogspot.com Facebook: facebook.com/escolhas.vivas. Youtube: www.youtube.com/user/EscolhasVivas

03


11 de Novembro Dia de São Martinho “Num dia tempestuoso ia São Martinho, valoroso soldado, montado no seu cavalo, quando viu um mendigo quase nu, tremendo de frio, que lhe estendia a mão suplicante e gelada. S. Martinho não hesitou: parou o cavalo, poisou a sua mão carinhosamente na do pobre e, em seguida, com a espada cortou ao meio a sua capa de militar, dando metade ao mendigo. E, apesar de mal agasalhado e de chover torrencialmente,

preparava-se para continuar o seu caminho, cheio de felicidade. Mas, subitamente, a tempestade desfez-se, o céu ficou límpido e um sol de Estio inundou a terra de luz e calor. Diz-se que Deus, para que não se apagasse da memória dos homens o acto de bondade praticado pelo Santo, todos os anos, nessa mesma época, cessa por alguns dias o tempo frio e o céu e a terra sorriem com a benção dum sol quente e miraculoso.“

No No Escolhas Escolhas Vivas, Vivas, oo Dia Dia de de São São Martinho Martinho foi foi cocomemorado memorado com com muitas muitas castancastanhas has assadas assadas como como manda manda aa tradição. tradição. EE soube soube muito muito bem! bem!

04


ESCOLHAS VIVAS

Actividades

Oficina da Ciência reutilização de garrafas de plástico Um grupo de jovens do Escolhas Vivas foi no dia 6 de Novembro, sábado, a uma visita a Tavira para participar numa oficina de reutilização de garrafas de plástico, no Centro de Ciência Viva. No início da oficina foram apresentados dois professores, o professor Moisés que explicou como podíamos identificar os vários tipos de plástico, como reutilizar os materiais e como fazer as coisas, havia também a professora Rute que era a assistente do professor Moisés. Descobrimos que podemos reutilizar as garrafas de plástico para fazer muitas coisas: jogos, árvores e coroas de Natal, caixinhas, foguetões, castiçais, flores… Para ajudar a fazer esses objectos usámos vários tipos de materiais: tintas, arame, paus, rolhas, tesouras, cordas, fita adesiva, brilhantes e autocolantes. Fizemos muitos trabalhos em grupo com o objectivo de fazer um pouco de tudo para depois podermos trazer para o Escolhas Vivas e ficarmos com mais variedade de objectos. Foi muito engraçado trabalhar com certos materiais e pintar os objectos. Textos de: Pedro Viegas

05


ESCOLHAS VIVAS

Actividades

HORA DO CONTO

Este mês, a actividade da Hora do Conto levou até às Escolas do 1.º ciclo da Manta Rota e de Vila Nova de Cacela, muitas histórias, muitos aventuras e muitas actividades. Durante o mês de Novembro, os livros “A B C” de Luísa Ducla Soares, “A que sabe a lua?” Michael Grejniec, “O Traje Novo do Rei” de Xosé Ballesteros, foram alguns dos livros lidos e trabalhos nas escolas. Para o próximo mês haverá mais histórias com “cheiro” a Natal…

06


Atelier de Trabalhos Manuais e Pintura No Projecto Escolhas Vivas realiza-se, três vezes por semana, a actividade designada Atelier de Trabalhos Manuais e Pintura. Nesta actividade fazemos e pintamos desenhos, colagens, pintamos com tintas, elaboramos trabalhos com diversos tipos de materiais (lãs, missangas, giz, plasticina, pigmentos, etc), além disso tentamos sempre que possível participar em workshops para podermos aprender e experimentar novas técnicas.

07


Escolhas VIVAS Actividades No mundo dos desenhos animados, o meu /minha personagem preferido/a é …

Capuchinho Vermelho (Bianca Vinagre) Barbie (Maria Adelaide)

Capitão Flamingo (Paulo Martins) Jack (Cristiano Filhó)

Monica e Magali (Jéssica Filhó)

08

Ben 10 (Gerson Flores)

Sininho (Rosa Vasques)


Personagens de ficção Peanuts (Patrícia Cardoso)

Woody (Vânia Serrano) Moranguinho (Edite Flores)

Homem-Aranha (Tiago Floro)

Ruca (Daniel Martins)

Casper (Ricardo Fonseca)

09


Escolhas VIVAS

Entrevista

Gracia

Diaz

1 – Como conheceu o projecto Escolhas Vivas? Foi através do primeiro coordenador do projecto, Nuno Ribeiro. Ele veio falar comigo porque ouviu falar do meu trabalho, e tinha muito interesse que a dança flamenca fosse uma actividade prioritária no projecto.

5 – Que projectos futuros tem para o Grupo de Flamenco? Basicamente é dar continuidade ao trabalho desenvolvido. Criar novas coreografias, ensinar a tocar castanholas, participar em eventos culturais…

2 – Qual a actividade que desenvolve neste projecto? Aulas de dança espanhola: sevilhanas e flamenco. Também um bocadinho de percussão flamenca,”cajón”.

6 – Quando e como começou a dançar flamenco? E a dar aulas? Na minha família já havia uma vocação artística. Os meus tios cantavam muito bem sevilhanas e rumbas. Quando havia festas eu queria dançar, mas não sabia, e aliás era extremamente tímida; o que não me permitia fazê-lo de maneira espontânea. Os meus pais perguntaram-me se eu queria ir para uma escola de dança, e eu disse que sim, claro. Tinha nove anos. A dar aulas, foi na sala da minha casa. Comecei ensinando às minhas vizinhas, quando tinha quinze anos.

3 – Há quantos anos colabora com o Escolhas Vivas? Há quatro anos, quase desde o início. 4 – Gosta de dar aulas de Danças Flamencas a estas crianças e jovens? Claro que sim. Quando se trabalha com jovens, sempre temos uma visão do futuro, de continuação. E eu sei, que muito ou pouco, será uma experiência que marcará as suas vidas. Haverá palavras, atitudes, vivências que vão recordar sempre.

10

7 – Gosta daquilo que faz? Porquê? Gosto muito. É uma sorte trabalhar naquilo que mais se gosta de fazer. Também é muito satisfatório quando a população valoriza o trabalho, e sentimos esse apoio muito importante para os artistas. Estou extremamente agradecida e orgulhosa.


Histórias Vivas

A Lâmpada e o Génio Eu ia a passar perto de uma banca de gelados quando de repente, encontrei uma lâmpada, uma lâmpada muito bonita, bonita como o ouro. Quando a apanhei para a limpar, saiu de lá um Génio, um grande e belo Génio que me disse assim: - Concedo-te 3 desejos! Os que tu quiseres! - Todos os que eu quiser?! - Sim, todos os que tu quiseres, só não me podes pedir que te conceda um desejo que tenha a ver com o amor, riqueza ou poderes mágicos, ok?! - Ok!!! Então, eu pedi ao tal Génio para ir para dentro da lâmpada. Fui para minha casa a correr e olhei para a minha mãe e disse-lhe: - Mãe, esta lâmpada contém um Génio muito poderoso! - Bianca, dá-me essa lâmpada! - Toma. A minha mãe fartou-se de esfregar a lâmpada mas nada nem ninguém saiu lá de dentro. Ela (a minha mãe) não gostou nada da brincadeira e mandou-me para o quarto. De seguida, esfreguei a lâmpada e saiu de lá o Génio que me disse: - Ouve, se queres que te conceda os 3 desejos não podes dizer à tua mãe que estou aqui, está bem?! - Está bem – Disse eu muito triste, foi quando me lembrei de pedir o meu primeiro desejo. - Desejo ter uma casa grande! E o Génio concedeu-me o desejo, e eu acordei numa casa luxuosa, tão grande, tão grande que eu nem em 3 dias conseguia descobri-la. Lembrei-me então do meu segundo desejo: - Desejo ter um espelho que veja o futuro! E o Génio concedeu-me o meu segundo desejo. Passados alguns dias, vi que o Génio era prisioneiro e então pedi o meu último desejo: - Desejo que o Génio se liberte para sempre! E o Génio libertou-se. A minha mãe viu o Génio e desmaiou, por causa do medo. O Génio olhou para mim, agradeceu-me e foi-se embora para conhecer o mundo.

Texto de: Bianca Vinagre

11


Torneios YU - GI - HO Tipos de cartas Monstros - São os cartas que o jogador utiliza primariamente para reduzir os pontos de vida do oponente. Cada uma delas possui um número de pontos de ataque (ATK) e defesa (DEF), que são usados no cálculo de dano aos pontos de vida. Se duas cartas de monstros batalham entre si e o ATK de uma delas for maior do que o ATK da outra, a diferença entre os dois valores é descontada dos pontos de vida do dono da carta que tem menor ATK.

Yu-Gi-Oh! Trading Card Game é um jogo de cartas colocináveis japonês desenvolvido e distribuido pela Konami. Regras gerais do jogo

·Se ganha geralmente quando o seu oponente perde todos os pontos de vida. ·O deck (baralho) deve conter no mínimo 40 cartas e no máximo 60 cartas. ·Cada jogador começa com 8000 Life Points atualmente. ·Perde o jogador que não puder sacar mais cartas do baralho. ·Comece com 5 cartas e o máximo deve ser 6 em sua mão. ·Só podera haver 3 cartas com mesmo nome em seu deck (entretanto existem cartas cujo Spell Cards - Mágicas - São cartas de limite é ainda menor, 2, 1 ou mesmo nensuporte que têm vários tipos de ações diferhuma). entes, como aumentar ou reduzir pontos de ATK/DEF, anular ataques ou defesas, proteger ·Apenas uma invocação normal pode ser criaturas, remover cartas do jogo ou recuperar feita por rodada, exceto quando você joga cartas que permitem lhe fazer mais de uma cartas do Cemitério ou do Deck. invocação normal. Invocações especiais podem ser feitas quantas vezes você quiser Trap Cards - Armadilhas - São cartas de suporte com o objetivo básico de surpreender por rodada. ·Para invocações normais, você deve ou não o oponente. São postas inicialmente viradas fazer sacrifícios de monstros, dependendo com a face do desenho para baixo ("facedo número de estrelas que ele possui: down"), e são ativadas na hora em que ocor4 estrelas ou menos: Nenhum sacrifício é rer alguma ação específica (seja invocação de uma Monster Card, ativação de uma Spell necessário. 5 ou 6 estrelas: É necessário sacrificar 1 Card ou outra Trap Card). monstro. 7 ou mais estrelas: É necessário sacrificar 2 monstros. No entanto, existem cartas que exigem sacrifícios de mais do que 2 monstros ou até mesmo de cartas que não são monstros, isso por causa dos efeitos especiais que possuem. ·Invocações especiais não necessitam de tributos, exceto se na carta estiver escrito o contrário.

12


13


Actuações Flamenco Workshop “Emociones a Compás” Durante os dias 22 / 26 , decorreu um workshop de Flamenco com a professora Noemi, para participarmos num teatro. Fizemos uma peça com vários jogos (macaquinho de chinês, macaca e apanhada...) mas tudo com sevilhanas. Depois dançamos o carocha… Aprendemos a expressar as emoções enquanto dançamos. Foi muito divertido, gostaríamos de repetir... Texto de: Andreia Morais

Actuação no Lar da Sta. Casa da Misericórdia

Flamenco – Património da Humanidade No dia 16 de Novembro de 2010, o Flamenco fez para todo sempre história, passou a ser considerado Património Cultural Imóvel da Humanidade pela UNESCO. Viva ao Flamenco!!

14

Actuação no Lare da Sta. Casa da Misericórdia A actuação de domingo, dia 14 de Novembro, do Grupo de Flamenco do Escolhas Vivas foi no Lar de Idosos da Santa Casa da Misericórdia de Vila Real de Santo António. Actuámos da parte da tarde e depois da actuação ofereceram-nos um pequeno lanche, falámos e estivemos todos em conjunto. No Lar tinha coisas interessantes, foi uma das primeiras vezes que entrei lá. Achei esta ida ao Lar divertida e muito interessante. Texto de: Ricardo Fonseca


Ana Catarina Ramos e Ivone Canavilhas EV) Como é que surgiu a ideia do Mercadinho? R) A ideia surgiu de uma conversa muito informal que tivemos no Centro de Investigação… estava eu, a minha colega Ivone e a Catarina Oliveira e entre a conversa… Não foi uma ideia muito trabalhada. Fizemos o primeiro, e a partir daí tem sido um sucesso. EV) Qual a Associação promotora do Mercadinho? R) ADRIP e CIIPC EV) Fazem o Mercadinho com que regularidade? R) Um por estação. Na Primavera e no Outono temos sempre uma parte dedicada às “Trocas e Baldrocas” e velharias e antiguidades porque normalmente é quando fazemos aquelas arrumações em casa e há “n” coisas que a gente descobre que se calhar não utilizamos ou não queremos, temos um lema que é “o seu lixo pode ser o tesouro de alguém”. É nesse lema que se enquadra um pouco a parte das “Trocas e Baldrocas”. Depois além disso, temos sempre uma parte dedicada aos produtos tradicionais e ao artesanato. Nesta edição temos uma coisa fantástica que estamos a tentar implementar que é os vinhos algarvios que são pouco conhecidos, assim estamos a tentar promove-los para que cada vez tenham uma maior visibilidade. Temos cá três adegas de vinhos e esperamos para o Natal ter mais.

Visitas Mercadinho de Outono desde as 10 horas da manhã até às tantas, o horário é flexível tenta-se adaptar consoante a estação. EV) E em relação a perspectivas para o futuro? R) Cada vez melhor. A nossa intenção é continuar esta selecção pois não faz sentido tornar o evento muito maior porque o espaço não o permite. EV) Nos Mercadinhos pode-se sempre encontrar um espaço dedicado à animação. Quem são os grupos que são chamados a actuar? R) Geralmente são os nossos amigos que fazem o favor de vir cá fazer a animação, até porque não tivemos orçamento para contratar ninguém até à pouco tempo, têm sido na base da amizade e do obrigado. EV) De que forma a autarquia colabora neste evento? R) Sim, a Câmara tem participado a nível de logística, e de som, facilitam-nos as mesas, electricidade, mesa e técnico de som, toda essa parte é apoiada pela Câmara. Para além disso, vamos começar a ter algum apoio financeiro.

EV) Para participar no Mercadinho é necessário pagar alguma taxa? R) Não, nós não cobramos nada. O que pedimos é uma peça de cada pessoa, uma prenda ou um presente e depois fazemos rifas. EV) Que é para cobrir o quê? R) Despesas a nível de divulgação, impressão, etc. A Associação não tem lucro mas assim o evento torna-se sustentável. EV) Notam que cada vez vêm mais gente? R) Completamente! No primeiro tivemos muita dificuldade em arranjar cerca de 30 pessoas porque ninguém nos conhecia. Hoje em dia já temos, infelizmente, que dizer que não a muita gente, uma vez que temos o dobro das inscrições, isto é, das pessoas que podemos comportar aqui, devido ao espaço. EV) E é sempre aos domingos que se realizam? R) Também já fizemos um ao sábado mas o nosso dia é o domingo. EV) E qual é o horário? R) O horário depende de altura do ano por exemplo, no Verão não vamos ter aqui as pessoas

15


Visitas Mercadinho de Outono Perguntas 1)Que produtos vende aqui no mercadinho 2)É o Sr. que produz? 3)Há quanto tempo vem cá? 4)O que acha do Mercadinho?

Nuno Marinho R1) Produtos de artesanato e couro alumínio macramé. R2) Sou eu e a minha companheira Tânia. R3) Há 2 anos. R4) Muito bonito.

Sr. Arnaldo Pereira R1) Mel. R2) O mel quem faz é as abelhas. E eu é que trato das abelhas. R3) 40 Anos. R4) É bonito e gosto apesar de de ser furado pelas abelhas.

Sra. Sandra EV) Porque é que vem a esta feira vender este tipo de artigos? R) Porque estou em mudança de casa e vou para uma casa mais pequena. E preciso de livrar-me disto, sobretudo gosto deste ambiente, passa-se um dia super agradável aqui, as pessoas são simpáticas e vamos vendendo umas coisas. EV) Não paga nada por estar aqui? R) Não, não. Isto é gratuito, é por convite. Enviam convite para as pessoas, que conhecem que já tem vindo a fazer outras actividades e depois há um processo de selecção por causa do espaço. EV) E é a primeira vez que vem cá? R) Aqui, é a primeira vez. EV) Então boa sorte. Obrigada.

16


Helene Kaschlun R1) Nós somos da associação ISU - Instituto de Solidariedade e Cooperação Universitária. R2) Estamos aqui a vender produtos, que são trazidos por voluntários, que vão em projectos para populações em desenvolvimento em países africanos. Eles trazem os materiais e nós vendemos. É desta maneira que a associação angaria fundos para depois investir novamente no projecto. R3) Eu não tenho bem a noção, mas eu penso que já há aproximadamente dois anos. R4) Eu pessoalmente adoro e acho que é uma iniciativa excelente que dá oportunidade aos artesãos de expôr aqui os seus produtos.

Ricardo Pita (Fech´ÓPano) EV) Como correu a actuação? R) A actuação hoje correu bem, apesar do tempo de férias que tiveram no verão, começámos os ensaios só esta semana. Correu bem, para o tempo que estiveram parados, não perderam muito. EV) Há quanto tempo é que existe este grupo? R) O grupo está a trabalhar há cerca de um ano. EV) E fazem isto de forma gratuita? R) Hoje foi de forma gratuita. Nós gostamos sempre de ajudar os outros, porque também gostamos que nos ajudem a nós.

17


Torneios Mini-Torneio de 4 em Linha e Dómino No dia 20 de Novembro à tarde, realizou-se no Pavilhão do Escolhas Vivas um torneiro de dominó e outro de 4 em linha. Nos dois torneios houve muitos participantes, meninos e meninas, alguns jogaram dominó e outros 4 em linha e houve quem joga-se os dois jogos. Houve participantes que ganharam e outros que não porque alguns não tinham experiência, alguns ganharam por sorte e foi muito giro porque todos participaram! E tirámos fotos! E até houve participantes vencedores, no 4 em linha foi o Cristiano Filhó e do Dominó foi a Laura Martins… e assim acabaram os jogos e assim terminaram os Mini-Torneios com certificados de participação para todos. Texto de: Cláudia Moutinho

18


Noticias Breves

Banco Alimentar No dia 27 de Novembro, dois grupos de jovens do projecto Escolhas Vivas deslocaram-se ao Supermercado Intermarché de VRSA, para participar como voluntários em mais uma campanha do Banco Alimentar. Segundo os jovens, que gostaram imenso de ter participado nesta acção, foi importante dispensar uma hora do seu dia para contribuir para os que mais precisam.

Árvore de Natal - Cacela Velha Durante o mês de Novembro, aproveitámos o nosso Atlelier de Trabalhos Manuais para colaborar na preparação da Árvore de Natal que vai embelezar o centro de Cacela Velha. Este trabalho irá prolongar-se até Dezembro, mês em que será enfaitada e exposta a árvore de natal. Fica desde já o nosso convite, para que todos vistem Cacela Velha e veja o resultado do nosso trabalhos e de outras entidades.

CEF de Informática Durante o mês de Novembro, as actividades com a turma CEF de Informática, da Escola Secundária de VRSA, foram regulares e no sentido de desenvolver competência pessoais. Além disso, definiu-se juntamente com todos os alunos qual seria o projectp de turma para o ano lectivo 2010/2011.

Vários projectos Em Novembro, foram muitas as reuniões e trabalhos desenvolvidos para a concretização de alguns projectos em que o Escolhas Vivas irá participar/dinamizar junto da comunidade, são eles: o Projecto Muda o Bairro, a Formação em Competência Parentais e o Manual do Morador.

19


Música

Top de Música

1 Rihanna – What’s my name? 2 Mia Rose & Joe Jonas – Nada vou mudar 3 Selena Gomez & The scene – A year without rain 4 Possessivo – Estou farto 5 We the Kings & Demi Lovato - We’ll be dream 6 Barbosa & Dudu & Ddn – You and mee 7 Márcia – Única 8 Puto Prata – Zuata Zuata 9 Djodje – Close your eyes 10 Denis Graça & Neuza – The one 11 Cheryl Cole – Parachute

Miley Cyrus - Parachute Para-quedas I don’t tell anyone about the way you hold my hand I don’t tell anyone about the things that we have planned I won’t tell anybody Won’t tell anybody They want to push me down They want to see you fall (down) Won’t tell anybody how you turn my world around I won’t tell anyone how your voice is my favourite sound Won’t tell anybody Won’t tell anybody They want to see us fall They want to see us fall Chorous: I don’t need a parachute Baby, if I’ve got you Baby, if I’ve got you I don’t need a parachute You’re gonna catch me You’re gonna catch if I fall Down, down, down Don’t believe the things you tell yourself so late night and You are your own worst enemy You’ll never win the fight Just hold on to me I’ll hold on to you It’s you and me up against the world It’s you and me Chorous

20

I won’t fall out of love I won’t fall out of, I won’t fall out of love I won’t fall out of, I won’t fall out of love I won’t fall out of, I won’t fall out of love I’ll fall into you Chorous 2X

Eu não digo a ninguém sobre o jeito que seguras a minha mão Eu não digo a ninguém sobre as coisas que nós planejamos Eu não vou dizer a ninguém Não vou dizer a ninguém Eles querem me empurrar pra baixo Eles querem te ver cair (cair) Não vou dizer a ninguém como tu fazes o meu mundo girar Eu não vou dizer a ninguém como a tua voz é meu som preferido Não direi a ninguém Não direi a ninguém Eles querem nos ver cair Eles querem nos ver cair Refrão: Eu não preciso de pára-quedas Querido, se eu te tiver a ti Querido, se eu te tiver a ti Eu não preciso de pára-quedas Tu vais me segurar Tu vais me segurar se eu cair Cair, cair, cair. Não acredites nas coisas que tu dizes a ti mesmo de madrugada Tu és o teu próprio pior inimigo Tu nunca vais ganhar a luta Só se te segures em mim Eu me segurarei em ti Somos tu e eu contra o mundo Somos tu e eu Refrão Eu não vou me desapaixonar, Eu não vou me, Eu não vou me desapaixonar, Eu não vou me, Eu não vou me desapaixonar, Eu não vou me, Eu não vou me desapaixonar, Eu vou me apaixonar por ti. Refrão 2X


Dia 6 – Sessão de Cinema com a Turma CEF - Filme Juno De 11 a 15 – Escolhas Portas Abertas Dia 11 - Seminário Portas Abertas para a Inclusão Dia 11 - Tour Escolhe dançar por um mundo com Escolhas Dia 12 - Animação na Praça Marquês de Pombal Dia 13 - Workshop de Danças Flamencas Dia 14 - Workshop de Artes de Novo Circo De 20 a 30 - Férias de Natal

Agenda

De 11 a 31 - Exposição de Fotografia “Escolhas 2010” na Escola EB1 Manuel Cabanas em Vila Nova de Cacela De 11 a 31 - Exposição de Pintura “Traços de Diferença” na Biblioteca Municipal Vicente Campinas

s o i r á s r Anive s ê M o d

Rosa Vasques 27 de Novembro

Dia 04

Patrícia Ferramacho

Dia 08

Beatriz Caravela Catarina Soares Cristiano Filhó Jéssica Filhó

Dia 21

Patrícia Vasques

Dia 25

Maria de Jesus

Dia 30

Paulo Martins

o r b m e Dez

21


F

s ĂŞ M o d s o ot


Extras

CID - NET Formações Certificadas Formação em Aplicações de Apresentação Gráfica Formação Certificada em aplicações de apresentação gráfica (Microsoft PowerPoint).

Out

Nov Dez

No mês de Dezembro a formação de Power Point está aberta a todos os incritos no Escolhas Vivas que estejam interessados em certificar os seus conhecimentos.

Do que é que estas à espera?!

O que é o PowerPoint?

24

O PowerPoint é um programa que permite a criação e exibição de apresentações cujo objectivo é informar sobre um determinado tema, podendo usar imagens, sons, textos e vídeos que podem ser animados de diferentes maneiras. O PowerPoint tem uma ampla gama de modelos de apresentação pré-definidos e uma vasta galeria de objectos (ClipArt). Há uma extensa gama de efeitos de animação e composição de slides.


Inscreve-te! Formação de Iniciação às TIC

Jan

Formar e permitir a entrada no mundo das novas tecnologias e certificar a sua formação o âmbito das novas tecnologias.

Fev

Formação de Iniciação em Processador de Texto Formação básica em processador de texto, criação de documentos especificos e iniciação às ferramentas básicas.

Mar Abr Mai Jun

Formação de Iniciação em Folha de Cálculo

Jul

Formação básica em folha de cálculo, iniciação às ferramentas básicas.

Ago

Formação em Aplicações de Apresentação Gráfica

Out

Formação de tarefas e ferramentas básicas para a construção de apresentações gráficas do uso de software específico.

Dez

Formações Iniciais

Set

Nov

25


Teatro

queres saber mais... Tel: 281 543 629 Morada: Beco da Praรงa de Touros 8900-000 Vila Real de Sto. Antรณnio (Perto do Restaurante Fantรกstico)

Email: escolhasvivas.vrsa@gmail.com escolhasvivas.pe@inovinter.pt


Jornal de novembro  

jornal de novembro Escolhas Vivas, projecto de Vila Real de Santo António

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you