Page 1

EDUCAÇÃO INFANTIL DA PREFEITURA DA ESTÂNCIA TURÍSTICA DE SÃO ROQUE


DIRETORA DE EDUCAÇÃO DO MUNICÍPIO MÁRCIA DE JESUS DA COSTA NUNES RESPONSÁVEIS DA DIVISÃO DE EDUCAÇÃO INFANTIL CHEFE DE DIVISÃO: TÂNIA CRISTINA ANTUNES VIEIRA SUPERVISORAS DE EDUCAÇÃO : CLENIRA GORETTI DE CAMARGO CAMPOS MARIA ALICE LOPES MIGUEL


ORGANIZAÇÃO/DISTRIBUIÇÃO 

EMEIS (Período parcial): 16 Unidades Atendendo: 1066 alunos

EMEIS (Período integral): 09 Unidades Atendendo: 524 alunos

CMEIS (Período integral): 11 Unidades Atendendo: 1272 Alunos

CRECHES CONVENIADAS: 02 Unidades Atendendo: 64 Alunos

TOTAL DE ATENDIMENTO:2926 alunos

PROFESSORES DE ED. INFANTIL:195

AUXILIARES DE ED. INFANTIL:110

ESTAGIÁRIAS:42

PROFESSORES COM ESPECIALIZAÇÃO NAS OFICINAS DE PERÍODO INTEGRAL ATUANDO COM (CAPOEIRA, GINÁSTICA ARTÍSTICA E MÚSICALIZAÇÃO): 11


FAIXAS ETÁRIAS

BERÇÁRIO I: de 4 meses a 12 meses completos

BERÇÁRIO II: de 1 ano até 2 anos completos

MATERNAL I: 2 anos

MATERNAL II: 3 anos

1ª FASE: 4 anos

2ª FASE: 5 anos


UNIDADES ESCOLARES E SETORES DE COORDENAÇÃO 

CMEI CARMO – Coord.ª Vanessa Fabíola Góes

 

CRECHE CAMBARÁ – Fabiana Marques da Silveira EMEI PROFª IVONNE TAGLIASSACHI GODINHO

 

CRECHE MARIA EMILIA TOSCHI MACCAGNINI – Gislaine Segura Silva EMEI PROFª GLAUCIA REGINA PESTANA RIZZO

 

CRECHE SÃO JOÃO NOVO –Cleide Aparecida Marques EMEI SÃO JOÃO NOVO

 

CRECHE VILA AMARAL –Luciana Leite Cerrone EMEI PROFª MARLENE FERREIRA BARBOSA

 

 

EMEI DONA RENEE SANTIAGO – Andrea Piccirillo EMEI e CRECHE RUTH MONTEBELLO ZAVARIZZE: inaugurada em 2011 EMEI PROFª NISSIA DE OLIVEIRA BASTOS – Margarete de O. Barros Souza CMEI ALLAN KARDEC


EMEI JUNQUEIRA – Cláudia Helena C. Branco EMEI PROFª ANTONIETA DE ARAUJO CUNHA LAURENCIANO EMEI SÃO RAFAEL

EMEIF LEÔNIDAS ANTONIO DE MORAES – Silvia dos Santos R. de O. Schumacker

 

EMEIF MIRIM – Rute Ap. P. Pedroso

o

EMEIF PROF. ANTONIO CAVAGLIERI – Patrícia D. da Fonseca

CMEI VILA NOVA SÃO ROQUE – Milena C. de Oliveira Cardoso EMEI ADELINA DE CASTRO BOCCATO

 o

 

CMEI ADELINA MISCHIATTI CAPARELLI – Cristiane Flores Gomes Magdaleno EMEI PROFª APARECIDA LEITE DIAS CMEI GOIANÃ – Carmen Lucia de Lara EMEI PROFª IOLANDA LIMA DE OLIVEIRA

CMEI PROFª ROSALINA VILLAÇA SALVETTI – Sandra Cristina Sasso


EMEI ALLAN KARDEC – Célia Regina G. da Silva

EMEI AMASILIA RIBEIRO LOPES

EMEI SÃO JOÃO VELHO

EMEI DONALDO LOPES

EMEI CAMPININHA – Rita de Cassia Soares Campos

EMEI MARIO PINTO DUARTE

EMEI ROQUE DE MORAES GOES

EMEIF BENEDITO DOS SANTOS ROCHA – Maria Lucia da Silva

EMEIF BRUNO FRANCISCO CHIARATO

EMEIF PAULINO PEREIRA FIGUEIREDO

EMEIF PROF. JOAQUIM DA SILVEIRA SANTOS – Cleuza/Marisa Abrão

CRECHE PAISAGEM COLONIAL -Maria Aparecida Negrão


AMPLIAÇÕES E REFORMAS PREVISTAS EMEI Prof.ª Níssia de Oliveira Bastos (Jardim Carambeí)  EMEI Roque de Moraes Góes (Canguera)  EMEI Prof.ª Ivone Godinho (Bandeirantes)  EMEI São João Novo  EMEI Prof.ª Iolanda Lima de Oliveira (Goianã)  Construção das CMEIS: Jardim Villaça e Paisagem Colonial 


PROPOSTA PEDAGÓGICA A primeira infância é uma fase de intensas aprendizagens, em que a criança está construindo a sua identidade, conhecendo valores, experimentando sentimentos e ações. A escola tem o compromisso de, por meio de atividades lúdicas, ampliar os saberes e enriquecer o universo cultural de todos os alunos.  Para o melhor desenvolvimento das crianças, as atividades são planejadas e organizadas respeitando as características e necessidades de cada aluno e promovem as aprendizagens necessárias ao grupo. 


CONCEPÇÃO DE CRIANÇA NA QUAL ACREDITAMOS 

São ativas, agem sobre as experiências, as relações, os materiais.

São produtoras e produto da cultura (aprendem sobre ela ao mesmo tempo em que a produzem).

Têm interesses, ideias e opiniões.

Sentem e pensam o mundo de um jeito próprio.


AS PRODUÇÕES DAS CRIANÇAS ESTÃO RELACIONADAS AO CONCEITO E A CONCEPÇÃO QUE DE CRIANÇA EM QUE ACREDITAMOS

Interagindo com os objetos.

Resolvendo problemas.

-Escolhendo - suas predições.

Interagindo com o outro: criança e adulto.

Experimentando, errando, fazendo de novo.


ORIENTAÇÕES AOS PROFISSIONAIS 

Os orientamos no planejamento das atividades quanto as áreas do conhecimento contidas no planejamento/currículo construído pela rede de ensino e nas propostas de elaboração dos projetos da rede: brincar, meio ambiente e leitura, promovendo a participação das famílias com a intenção de que os mesmos se insiram no processo educativo dos filhos e da realidade da comunidade da qual fazem parte. Orientações sobre as normas a serem seguidas contemplando propostas do cuidar e do educar caminhando juntos no trabalho dos docentes, bem como a da rotina de atividades comuns às faixas etárias que atendemos, tais como: repouso, alimentação, higiene, organização dos espaços e das atividades que são oferecidas em nossas U.Es, e as orientações na conduta de ações que os docentes e coordenação devem seguir para que haja um trabalho de qualidade na Ed. Infantil Municipal.


AVALIAÇÃO 

AS FORMAS DE AVALIAÇÃO SEGUEM a LEI DAS DIRETRIZES CURRICULARES NACIONAIS PARA A EDUCAÇÃO INFANTIL PELO CONSELHO NACIONAL DE EDUCAÇÃO COM BASE NO DOCUMENTO “SUBSÍDIOS PARA DIRETRIZES CURRICULARES NACIONAIS ESPECÍFICAS DA EDUCAÇÃO BÁSICA” ORIENTANDO AS INSTITUIÇÕES DE EDUCAÇÃO INFANTIL PARA QUE CRIEM PROCEDIMENTOS PARA ACOMPANHAMENTO DO TRABALHO PEDAGÓGICO E PARA AVALIAÇÃO DO DESENVOLVIMENTO DAS CRIANÇAS, SEM OBJETIVO DE SELEÇÃO, OU CLASSIFICAÇÃO. NOSSOS ALUNOS DA EDUCAÇÃO INFANTIL SÃO AVALIADOS ATRAVÉS DE OBSERVAÇÕES DIÁRIAS POR PARTE DOS EDUCADORES QUE COM ELES CONVIVEM, OBSERVANDO AS SUAS PREDIÇÕES OU NÃO PELAS ATIVIDADES PROPOSTAS, SEU RELACIONAMENTO COM OS COLEGAS E ADULTOS DA U.E., SUAS CONQUISTAS, DESCOBERTAS E AS DIFICULDADES POR ELE ENFRENTADAS. TENDO A VISÃO DE CADA ALUNO COMO UM SER ÚNICO, NUNCA SENDO COMPARADO AOS OUTROS E SIM SENDO CONSIDERADO EM SUAS CONQUISTAS QUE VÃO ACONTECENDO DENTRO DE SEU RITMO PRÓPRIO E DA SUA MATURIDADE. INSTRUMENTOS UTILIZADOS *Relatório individual do aluno *Sondagens *Portfólio


ATIVIDADES DESENVOLVIDAS PELA DIVISÃO DE EDUCAÇÃO INFANTIL EM 2010 

Iniciamos o ano de 2010 direcionando aos pais de nossos alunos um questionário para que apontassem críticas, elogios e sugestões propondo assim, a participação dos mesmos no processo educacional de seus filhos e da U.E. em que cada um deles pertence, mostrando assim a transparência de nosso trabalho e a busca constante por uma Educação Infantil de qualidade.

Orientação aos PEIs e AEIs sobre a acolhida e adaptação às crianças iniciantes e a readaptação aos que permanecem agora em novas turmas, direcionando ás mesmas uma atenção especial neste processo inicial, conduzindo um trabalho diferenciado em nossas U.Es.

Direcionamento ao Planejamento das EMEIS, CRECHES E EMEIS DO PERÍODO INTEGRAL orientadas pela equipe da Divisão de Educação Infantil e coordenadores pedagógicos. Organização dos procedimentos a serem abordados em cada faixa etária e área de conhecimento orientando os Coordenadores que orientarão suas equipes e momentos de orientação dos professores feitos diretamente pelo D.E.

Organização dos processos seletivos, atribuição de turmas (estagiárias, AEI, PEI. e das oficinas ou projetos ao período integral), organização de licenças, férias, documentações ligadas ao RH e ao jurídico da prefeitura e ao judiciário (Fórum).

Organização de turmas e salas, cargas horárias dos professores do período integral, reuniões semanais com os coordenadores das U.E(s).


Organização e Contatos Relacionados às Capacitações de nossos Profissionais.

Reorganização demandas.

Reuniões com Coordenadoras onde direcionamos nossas práticas as U. E(s) provendo envolvimento às famílias no processo educacional das crianças, tratamento afetivo e de estimulação das crianças.

Orientações aos coordenadores quanto á formação dos Conselhos de Escola e APMs (direcionamento das verbas empregadas nas U.E(s)).

Supervisão nas U.E(s) municipais e particulares

Compras: Verificação de necessidades de cada U.E; análise de materiais e produtos a serem adquiridos, encaminhamentos às compras adequados as faixas etárias.

de

espaços

e

salas

para

atendimento

das


MOMENTOS 2010 

Aula inaugural direcionada aos P.E.Is com a presença de Marilena Flores expondo em sua palestra “ A importância do Brincar nos espaços de Educação Infantil”.

Início do Curso PROINFO com a participação de 27 PEIs.

Programa Com gosto de quê? oferecido pela Divisão da Merenda escolar onde diversas de nossas U.Es aderiram ao programa tendo o apoio de apresentação de teatro aos alunos e palestras de nutricionista aos pais dos alunos.

Formação de P.E.Is em 17/02/10 com o grupo MATHEMA “ BRINCANDO E APRENDENDO MATEMÁTICA”.


PARTICIPAÇÃO DO PROGRAMA ENTRE NA RODA COM A PARCERIA DO CENPEC E VOLKSWAGEN ONDE A SUPERVISORA CLENIRA CAMPOS, A COORDENADORA FABIANA SILVEIRA E AS PROFESSORAS REGINA MELLO E ROSA CRISTINA BARROS PARTICIPARAM APRENDENDO TÉCNICAS QUE INCENTIVAM AS PRÁTICAS DE LEITURA NOS ESPAÇOS DE EDUCAÇÃO INFANTIL TRAZENDO A CONTRIBUIÇÃO DE ACERVO DE BAÚ COM LIVROS PARA DUAS U.ES MUNICIPAIS.


-

- Participação mensal de P.E.Is e A.E.Is que possuem alunos com necessidades educacionais especiais de formação com a equipe de profissionais de inclusão do D.E.

-

-Participação de coordenadores de Ed. Infantil na formação Trilogia onde os mesmos são orientados a condução de melhoria nos relacionamentos em seus espaços escolares.

-

Programa Vá ao Cinema (maio de 2010) em parceria com o Ministério da Cultura incentivando os alunos e professores da Ed. Infantil a explorarem as possibilidades de entretenimento que a arte do cinema propicia. Este ano com a exibição do filme: Xuxa e o Fantástico Mistério de Feiurinha.


Palestra aos PEIs no retorno do 2.º semestre com Beatriz Ferraz orientadora do MEC com a palestra : “Concepções que permeiam a prática pedagógica na Educação Infantil” (julho de 2010).

Oficina: Estimulação Precoce direcionada às A.E.Is com a terapeuta ocupacional : Ana Gláucia Capucci (julho de 2010) e palestras sobre a Inclusão na Educação Infantil conduzida pela

Setembro de 2010 a Educação Infantil de são Roque sedia o encontro do PROINFÂNCIA do MEC com as orientações de Karina Rizeck.

Oficinas direcionadas à professoras, estagiárias e auxiliares de Educação Infantil : Contadores de Histórias conduzida pela coordenadora Sandra Camargo e Você pode nos Proteger conduzida pela coordenadora Ana Maria Brossa.

Formações com os A.E.Is ingressantes em setembro de 2010 (de setembro a dezembro) com a proposta de encontros após o horário de trabalho com as crianças onde orientações sobre os assuntos: planejamento e organização dos espaços de creche,


“A principal meta da educação é criar

homens que sejam capazes de fazer coisas novas, não simplesmente repetir o que outras gerações já fizeram. Homens que sejam criadores, inventores, descobridores.

A segunda meta da educação é formar mentes que estejam em condições de criticar, verificar e não aceitar tudo que se propõe”. Jean Piaget

Educacao infantil na cidade de sao roque - SP  

Atividades desenvolvidas pela Educacao Infantil na cidade de Sao Roque - SP