Page 1

A CIDADE SOMOS NÓS O CASA DA GENTE especial tem informações históricas, mas revela algo novo em termos de concepção, pois é em quase sua totalidade autoral, com figuras que são reconhecidas dentro e fora da cidade. São amantes e apaixonados pelo município. Os amigos leitores, a cada página, vão se encontrando com esses personagens, da mesma forma que o menino - na foto de Sérgio Gomes - se reconhece ao admirar a paisagem no alto do Parque da Cidade. A todos, o nosso agradecimento. Sorte de ser Niterói! Mário Dias e Luana Dias - Editores


2

NOVEMBRO 2013

440 anos com problemas mas cantando e encantando

O Leitor Fal@ A coluna “O Leitor Fala” do CASA DA GENTE Especial de Aniversário de Niterói traz depoimentos de leitores que compartilharam conosco suas idéias, sentimentos e pontos de vista sobre a sua cidade. Para participar, basta enviar um e-mail para a nossa coluna: oleitorfala@gmail.com

Mário Dias Um povo acolhedor, bairrista, exigente, mas que concede quando vê boa vontade. Assim é o niteroiense, que também vai a luta, grita por melhorias e ao longo dos anos, tem visto a cidade crescer assustadoramente sem infraestrutura, por isso, vem pedindo ação, em passeatas e todo tipo de manifestação. Inovador, o niteroiense tem mostrado para todo o Brasil e até para o exterior, sua vanguarda, sendo fundador do Partido Comunista Brasileiro, criador do Médico de Família, hoje expandido para todo o país com vários apelidos, porém com a mesma essência, além de vários outros projetos e ações, esportiva, cultural e determinações variadas. Sem deixar de protestar, viu nascer o MAC – Museu de Arte Contemporânea de Niterói – hoje indubitavelmente marca da cidade. Breve, será inaugurado o Museu do Cinema e outras intervenções do chamado Caminho Niemeyer. Com certeza, vão chamar a atenção para a eterna capital fluminense. O trânsito continuará sendo um problema, mesmo com a anunciada inauguração do mergulhão. É preciso mais ações concretamente, sem lamentações. A saúde, sério drama, segurança e sustentabilidade também carecem de providências urgentes, mas nada paliativo. Apesar dos pesares, a cidade segue cantando e encantando quem aqui mora ou visita, nosso sorriso não perde o foco. Esta edição é um começo. Vamos continuar lutando! Mário Dias

“Moro em Santa Bárbara, a capital de Niterói. Canto em cada canto da cidade, no Brasil e no exterior. Salve os 440 anos de Niterói”! Andrea Beat – cantora

Fotos Acervo pessoal

“Moro em Maria Paula desde 1989. Vi a evolução do bairro em diversos aspectos. Aqui, tive a oportunidade de periodicamente andar a cavalo na adolescência, de reunir os amigos em churrascos e rodas de música nos fins de semana e de ter uma vida tranquila e calma, distante apenas 15 km do Centro da cidade. Aqui é onde vivo, onde criei minha filha (que hoje mora em Petrópolis), onde ensaio meus projetos musicais, onde reúno meus amigos...enfim, onde sou feliz”. Flávio Farias, 37 anos,cantor, morador de Maria Paula.

“Niterói sempre me encantou desde que morava em Cabo Frio e vinha aqui passear com meus pais e foi a cidade que eu escolhi para viver há exatos 20 anos. Hoje, com trânsito complicado, muito mais gente vivendo aqui, construção civil desenfreada, criminalidade aumentando, ainda assim é a minha cidade do coração e acredito que podemos mudar esta situação e voltar a ser de verdade a cidade sorriso”! Leticia Ortiz – fisioterapeuta e instrutora de Pilates

O JORNAL QUE TEM DE TUDO

Diretor: Mário Dias Tel.: (21) 7823-0943 Editora: Luana Dias E-mail: jornalcasadagente@gmail.com Publicidade e Marketing / Casa da Gente Tel.: (21) 7823-0943 Designer Gráfico: Renato Figueiredo Edição: Casa da Gente Gráfica: Editora Esquema Fotografia: Luana Dias Colaboraram: Kakao Figueiredo, Renato Barreto, Ayrton Seixas, Paulo Roberto Ceccheti, Cezar Rizzo e Jorge Bellas. Fotos: Sergio Gomes, Paulinho Muniz, Beatriz Cunha e Bruno de Lima. Acesse o nosso blog: JORNAL CASA DA GENTE Blog: www.jornalcasadagente.blogspot.com.br

“Agora com as sempre constantes mudanças de governos, o bairro em que moro hoje é chamado de “Alto Icaraí”. E querem saber? Acho muito merecido, pois é um lugar alto mesmo e que fomos presenteados com a bela vista de Icaraí. Sou um profissional da música e há 46 ANOS fui agraciado por Deus para vir ao mundo, fazer o que faço com muito carinho, representando a minha cidade de Niterói, em todos os lugares que me apresento. Amo essa cidade!” Luiz Claudio – Cantor

“Niterói é um cidade que proporciona muitas possibilidades de passeios. Andar pelo Campo de São Bento, subir no Parque da Cidade, visitar os fortes, são momentos muito bons para quem vive em Niterói. Porém, o crescimento desordenado e o trânsito que está cada vez pior. Além da necessidade de revitalização do centro de Niterói” Carlos Alberto Lima Almeida, advogado e professor de Direito


3

NOVEMBRO 2013

A CIDADE É MINHA CASA, OS HABITANTES A FAMÍLIA Fotos Acervo pessoal

Festival de Chorinho no Teatro Municipal, 1975 Por Mario Dias

É

assim que me sinto em Niterói, por todas as regiões da ex-capital fluminense, inclusive na periferia, comunidades e nos bairros, é chegar e aparecer alguém saudando-me: “Dá-lhe, Mario Dias”, nome e sobrenome que plantei em cada logradouro, fazendo reportagens, eventos, campanhas políticas, ouvindo reinvidações e “jogando conversa fora”, sem estrelismo. Nascido em São Gonçalo, vim morar ainda garoto com meus avós no Barreto, em Niterói, embora mantenha minhas origens no vizinho município. Lembro com saudade do extinto Mercado São Sebastião, na Praça Enéas de Castro, no Barreto, onde havia um coreto com programas de calouros e shows comandados por Eugênio Ribeiro, um comunicador da década de 70. No local também aconteciam comícios políticos. O Barreto era chamado da “capital da alegria”, com programação dos clubes Bandeirantes, Cruzeiro, Fiat Lux, Manufatura, Byron, Humaitá e Cinco Julho, estes dois últimos ainda resistindo ao tempo. Desfiles de blocos, principalmente o “Tudo sabe e nada diz”, “Zorro” e “Arrasta tudo”, um bom carnaval de rua, atualmente mantido pelo vereador Paulo Bagueira e outros abnegados. Na Venda da Cruz e Tenente Jardim, os bailes e shows no Miami Social Clube além do Bloco

Bafo de Bode. Na Engenhoca, as escolas de samba Corações Unidos e Canarinhos, além do Clube Guarani e o Bloco da Calça Lee. Na Vila Ipiranga, a escola de samba Sabiá, a mais velha de Niterói, e ainda a Caçadores da Vila. No Fonseca, os bailes do Marajoara, Caixotinho, e principalmente no Fonseca Atlético Clube, onde durante mais de 10 anos a Escola de Samba Acadêmicos do Cubango realizava excelentes ensaios, os quais eu comandava o microfone, sempre supervisionado por Nei Ferreira, fundador da verde-e-branca. Ainda no Fonseca, o Bloco da Chaleira, na Teixeira de Freitas. No Caramujo, a Escola de Samba Combinado do Amor, de onde surgiu a primeira passista internacional, Paula, que foi levada para o Salgueiro. Lá, existia o Figueira, que promovia ótimas noitadas. No Cubango, além da Escola, o Centro PróCubango, com festas embaladas por “charme”, um ritmo que está voltando. Em Santa Rosa, os blocos “Sai tarde, Volta Cedo, “Dominó”, “Preto e Branco” e a banda com o nome do bairro, assim como os clubes, “Pioneiros” e “Marieta”. No Vital Brazil, a Escola de Samba Sousa Soares, disputando popularidade com a Acadêmicos do Beltrão, sendo a “Garganta” berço da Escola de Samba Unidos do Viradouro. Na Zona Sul, fundamos a Banda do Território Livre de Icaraí, batizada pela Banda de Ipanema e que teve a chacrete Fátima Boa Viagem como madrinha;

Reunião de confraternização, ENITUR, 1989 a Unidos de Mem de Sá, com o jogador Gerson, eterno canhotinha de ouro, na bateria do Bloco das Piranhas, agora completando 30 anos; o réveillon da Praia de Icaraí, os três com ajuda de Jerônimo, do Ponto Jovem, na época proprietário do Chalé. O Baile da Tropicália do Clube Central, sempre com a presença de Leila Diniz, que morava em Niterói, falecida muito jovem num desastre aéreo. As noitadas de samba do Regatas Icaraí, onde também aconteciam competições náuticas. Em Charitas, a programação do Aero Clube, agora voltando aos fins de semana na Casa do Caranguejo, disputando espaço com a Aca-

demia de Niterói, em São Francisco, que mantém eventos às sextas-feiras e sábados; os bailes do Havaí e Tropicália, do Jurujuba Iate Clube, que se mantém ativo sob o comando de Jorge Mira; a Banda do Ingá, criação do vereador Gallo, uma tradição; os bailes do Gragoatá, e no Centro de Niterói, o maravilhoso Carnaval – considerado o segundo maior do Brasil por Jorge Amado, quando foi jurado, na Avenida Amaral Peixoto, que agora a União das Escolas de Samba e Blocos tenta resgatar. Na Região Oceânica, o inesquecível Hildo Mello, que era interventor da colônia de pescadores e atualmente a força e organização de

Jorge Bellas, em Itaipu. Reafirmo que em cada bairro ou logradouro de Niterói, tenho dezenas de amigos, formando uma rede de informantes do CASA DA GENTE, aos quais nestes 440 anos da cidade, agradeço com carinho, a sinceridade, com a certeza de que sempre estaremos juntos. Nesta grande família, incluo líderes religiosos, simbolizados pelos padres Wallace e Assis, da Matriz de São João e Igreja de São Jorge; Pastor Nilson do Amaral Fanini (falecido), Miguel Gonçalves, do Centro de Pesquisa Afro-Brasileira e Maria das Dores Rocha, da Casa da Caridade Miguel Arcanjo, em Piratininga. Foto Péricles Rodrigues

Showmício na Praça Araribóia, 1995.


4

NOVEMBRO 2013

CANTORES E MÚSICOS DA MPB SE APRESENTAM NO MUNDO TODO

Fotos Reprodução Facebook

Baby do Brasil De Sérgio Mendes, pianista e cabeça de um grupo musical com sucesso no mundo inteiro, a Caubi Peixoto, chamado de o professor pelos cantores ainda em atividade,

Mauro Costa Jr

Niterói é um verdadeiro celeiro de grandes nomes da MPB. Baby do Brasil, Zélia Duncan, Ithamara Koorax, Claudio Zoli, Byafra, entre outros cantores, além do

mais tradicional grupo musical do país, o MPB 4, os músicos Paulinho Guitarra, Mauro Costa Jr,, Zé da Velha, Silvério Pontes, Márvio Ceribelli e Arthur Maia, atual Secretário de

Cultura, fazem parte o mesmo time que tem ainda o maestro do rei Roberto Carlos, Eduardo Lages. Permanecendo no campo musical, Bia Bedran, que se especializou

Ithamara Koorax em trabalho voltado para crianças. Em bares, restaurantes, academias, casas de shows e nas praças, as vozes dos cantores falam mais alto. São destaque ainda

Denise Pinaud, Claudia Foureaux, Elaine Guedes, Andrea Beat, Luiz Antonio, Renato Dantas, Maurição, Edinho Santos e dezenas de outros que soltam a voz pela cidade e no mundo.

Praia Clube São Francisco faz reveillon das luzes “MASSA DE BACALHAU LEGÍTIMA SÓ NO CANECO GELADO DO MÁRIO”

PASTÉIS DE SIRI, BOLINHO DE BACALHAU E PEIXES VARIADOS, SALGADINHOS FEITOS NA HORA, ALÉM DA BATIDA DE LIMÃO

Com queima de fogos e várias atrações, o Praia Clube São Francisco está apostando no maior réveillon de Niterói, segundo o presidente Luiz Novaes. Os convites estão com uma procura acima da expectativa, com valores diferenciados, mas com o mesmo atendimento, informa o presidente, acrescentando que “a cada ano, a festa se supera”. MUITAS LUZES

Denominado “Réveillon das Luzes”, pela iluminação e decoração feérica, além dos fogos de artifício, a passagem de ano do Praia Clube São Francisco cria um clima de muita paz e alegria, numa confraternização impressionante. Os preços dos convites são R$ 300 para sócios e R$ 390 para quem não for associado. Quem adquirir mesa com seis lugares, pagará R$ 340,00 para não sócio. Além de DJ, a parte musical será da Banda Aerosom. No buffet, consta pratos e bebidas diversas, inclusive uísque, além de doces finos. Mais informações pelo telefone (21) 2711-6295.


5

NOVEMBRO 2013

Luana Dias

SENALBA Setor Administrativo – Senalba RJ Rua XV de Novembro, 182, Centro - Niterói – RJ – 24.020-125 - Tels. 21 2717-5603/21 2721-1344

NITERÓI 440 ANOS A DIRETORIA do Sindicato dos Empregados em Entidades Culturais, Recreativas, de Assistência Social, de Orientação e Formação Profissional do estado do Rio de Janeiro, denominado SENALBA – RJ, com sede nesta cidade, vem parabenizar o histórico de tantos anos, desde sua colonização – “quando aldeia em 1573”. Passando a era colonial, período de transição nos anos de 1806/1836. Engloba a era nacional, a partir daí, quando todas as transformações ocorridas, tiveram a presença do homem; os braços e o suor dos trabalhadores desenvolveram o país, os estados e municípios em doses homeopáticas. Suportando todas essas mudanças sob pressões, que marcaram todas as gerações até a data presente. O material humano muito explorado, pouco aprendeu, vive distante da realidade, assim promovendo o individualismo. Por orientação dos governantes, legisladores e pensadores no mundo contemporâneo ocasionam o medo, a insegurança e o desamor, todos vivendo em verdadeiros cativeiros. Vamos unificar nossas forças pela cultura para que possamos avançar em busca da legalidade, paz e desenvolvimento com responsabilidade social. NITERÓI URGENTE! Choque de Gestão Pública em todos os sentidos. PALIATIVOS NÃO! Niterói... Parabéns, muita paz. Estado do Rio de Janeiro, Niterói, 04 de Novembro de 2013. Alcides Freire – Presidente SENALBA/RJ


6

NOVEMBRO 2013

Niterói e o ROCK AND ROLL (o clássico) Foto Acervo pessoal

Por Renato Barreto (Rio Blues)

H

oje fui surpreendido por um pedido inusitado do meu amigo e irmão Mario Dias, valoroso e célebre repórter das antigas (O Dia e a Notícia), que me entrevistou em épocas remotas, quando eu era um violonista aficionado da MPB. Ele me pediu que escrevesse um artigo sobre o Rock and Roll em Niteroi, desde os últimos 30 anos. Perguntei qual a extensão do texto e ele me respondeu: “Não é muita coisa, não. Uma lauda e meia”. Pânico: afastado dos concursos oficiais desde mais ou menos 1975, eu não tinha a menor idéia de quanto era “uma lauda e meia”. Pior que isto: eu não tive coragem de perguntar. Mas, BINGO, o Google tá aí e se o Aurélio era o PAI DOS BURROS, o Google se transformou no PAI DOS BURROS, BOSSAIS E IGNORANTES, condição na qual me encontrava naquele momento. Fiquei então ressabendo que uma lauda são 25 linhas com 65 caracteres mais ou menos. Até aqui, já gastei quase um terço de lauda e não disse nada sobre o assunto solicitado. Sendo assim, urge começar. Mário, você me solicitou o rock de 30 anos atrás, mas, convenhamos, não tem o menor sentido falarmos do rock dos anos 80 sem falar de suas origens. Em 1964, minha avó me presenteou com uma pérola chamada BEATLES AGAIN. Foi o primeiro de uma série de “n” LPs que constituíram uma coleção fantástica de hits e de lembranças da minha adolescência. Iniciada ao som de Beatles, Rolling Stones, Monkeys, Birds, Mamas & Papas, Bad Finger e vários outros, garotos cabeludos e de calças onde não passava uma laranja enlouqueciam as meninas do Central, do Regatas, dos Pioneiros, IPC, Marieta e vários clubes de bairros onde

o sonho entrava pelos ouvidos e nos transformava em celebridades de cinco minutos. Garotos como Cássio e Dalto (Lobos), Ruy Motta e eu (Corujas), Chiquinho (Mesmos), Arthurzinho (irmão da Renata do Quarteto Nova Era) e Neném (Anjos), Helinho e Kastrup (Corsários) e dezenas ou centenas de outros cabeludinhos com suas calças Saint Tropez caminhavam pelas ruas de Icaraí e curtiam Simon & Garfunkel tocando nos altofalantes que eram colocados nos postes da praia, na versão “de cá” da Feira da Providência. De lá pra cá vimos nascer bandas como Barão Vermelho, Paralamas, Skank, J Quest, Ultrage a Rigor, Gang 90, Plebe Rude, Kid Abelha, no lado nobre da mídia e do lado de cá, mais modestas, mas também com grande brilho e amor pela arte, Linear, Gustavo Canal, Rainha da Noite, Paulinho Guitarra (Ed Motta), com seu projeto solo, Zé Maurício, Colora-

do Country e algumas outras que minha tenra idade me permite esquecer, mas que o coração jamais deixará de sentir. Como disse acima, sempre com amor à arte e a vontade de demonstrar que o Rock corre em nossas veias e imaginações. E desse jeito, na raça, no grito, algumas vezes com as vozes e até com as cordas enferrujadas, a gente vai criando e tocando onde conseguimos. Muitas vezes, de graça ou até pagando. É o amor e o desejo de mostrar aquilo que somos por dentro, a nossa verdadeiraessência. Durante toda a minha vida profissional eu fui economista nas horas vagas porque lá dentro do peito pulsava a vontade imperecível de agarrar uma guitarra e rugir acordes e trinados furiosos, a alma de um verdadeiro eterno adolescente. Atualmente não uso mais uma HP-12C financeira. Disparo pelas BRs do nosso Brasil e, em eventos de motociclismo, cumpro o meu destino: Tocar Rock & Blues.

E lá longe, ainda escuto aquele guri implorando para sua avó: Compre aquela guitarra pra mim e eu serei igual aos Beatles. Dona Nair, eu não fiquei bilhardário como eles, mas fiquei feliz como só o rock and roll e o blues podem nos tornar. E por falar em Blues, (tio avô do rock and roll) seria demeritante para o meu texto,

não falar em BB King, Eric Clapton Steve Ray e, mais pra cá, Celso Blues Boy, Big Joe Manfra, Jefferson Gonçalves e vários outros monstros sagrados do Blues do planeta. E assim, de dó em dó, de sol a sol e de lá pra cá, o rock continua vivo, pulsando, alegre e estilizado apesar de seus já mais de 60 anos de idade.


7

NOVEMBRO 2013

Foto Acervo pessoal

Salvem Icaraí! Por Ayrton Seixas

N

ão faz muito tempo que o saudoso maestro Sylvio Viana disse em uma de suas composições: “recanto azul de minha cidade”. Falava de Icaraí, de “lindas morenas”, que marcavam Icaraí como se fosse um pedaço de Paraíso. Hoje, a realidade é outra. As calçadas são ocupadas por motocicletas, cachorrinhos e cachorrões, sacos cheios de lixo e um morador de rua a cada esquina. Os ambulantes camelôs mudam de ponto, sob o olhar “tolerante” da guarda pretoriana municipal, que se reúne nas esquinas para dis-

Foto Luana Dias

Campo de São Bento

cutir se o Fundo Monetário Internacional será afetado pela proliferação das lagartixas ou das pererecas que habitam o Campo de São Bento. O azul dominante de outrora agora é escuro e companheiro de lixo urbano, garrafas pet e cascas de toneladas de côco vendidos nos fins de semana em toda a orla da praia e arredores. A feérica iluminação da harmoniosa arquitetura do antigo e famoso Cassino Icaraí virou uma “feira de amostras” de anexos aleatórios, que ignoram as tradições da arquitetura dos anos passados. De minha infância e adoles-

cência, resta apenas lembrar do Campo de São Bento, do Cinema Icaraí, hoje um misterioso refúgio de fantasmas materializados pelo abandono e alimentado por demagógicas declarações políticas despidas de verdade. A centenária igrejinha da Boa Viagem foi “escondida” pela modernidade eufórica de um não identificado “disco voador”, que pena o MAC é marco. Não quero ser chamado de saudosista, mas até hoje tenho dúvidas quanto à masculinidade rebolativa do “Zé Carioca” de Walt Disney e o patriotismo caboclo de Carmen Miranda, que transformoua baiana de Salvador em árvore de Natal “made in USA”. Alguém deve lembrar da bola pesada jogada em frente ao Clube Central e do navegador solitário, que brilhava com o médico de alta competência e atleta autêntico – Dr. Kastrupp. Termino fazendo um apelo aos jovens de hoje: - Salvem Icaraí. Nelson Rodrigues dizia que o único defeito da juventude é não ter passado. Está na hora de, enquanto deixarem, salvar o passado para garantirem uma velhice com saudade, mas felicidade por ter vivido. Se o que escrevi desagradou a alguns, peço desculpas. Os que recordarem tanta coisa com as minhas palavras, meu muito obrigado. Não mudarei mais minhas ideias, pois não tenho mais temores. Ayrton Seixas é médico, psiquiatra, artista plástico e jornalista, e tem 80 anos.


8

NOVEMBRO 2013

Fotos Divulgação

QUADROS DE ARTISTA GAÚCHO RETRATAM A CIDADE A mostra “Niterói - Cidade ilustrada” tem aquarelas o artista plástico e ilustrador gaúcho Joaquim da Fonseca A exposição fica em cartaz até o dia 30 de novembro no Solar do Jambeiro e traz uma coletânea com cerca de 60 aquarelas que registram relíquias arquitetônicas, praias, colônias de pescadores, igrejas centenárias, rodas de samba e o dia a dia da população da de Niterói. As obras, reproduzidas com muita sensibilidade pelo artista gaúcho, apresentam a Cidade Sorriso em ângulos pouco explorados e resgata nos niteroienses o prazer de admirar suas belezas e seu cotidiano. Entre as paisagens naturais que encantaram o ilustrador estão as praias da Região Oceânica e a orla de São Francisco. A colônia de pescadores de Jurujuba, as intervenções arquitetônicas de Oscar Niemeyer, como o MAC e o Teatro Popular, além do próprio Solar do Jambeiro, também foram registrados por Fonseca. Joaquim da Fonseca nasceu em Alegrete, em 1935. É artista plástico, designer gráfico e professor universitário. Publicou vários livros sobre viagens e design

gráfico. Em parceria com o escritor Luís Fernando Verissimo, publicou os livros da série “Traçando” sobre Madri, Nova York, Porto Alegre, Roma, Japão e Paris. Como artista, Joaquim da Fonseca se expressa principalmente pelo desenho e aquarela. “Encontrei na aquarela a possibilidade de registrar e documentar as impressões da paisagem litorânea, urbana e rural

que me interessam, procurando explorar os sentidos espaciais de distância e profundidade que os recursos de transparência dessa técnica proporcionam”, relata o gaúcho, que há quatro anos reside em Brasília. O Solar do Jambeiro fica na rua Presidente Domiciano, 195, Ingá, Niterói/RJ. A entrada para a exposição é gratuita. Mais informações (21) 2109-2222

Associação dos Comerciantes e Amigos do Mercado São Pedro Nosso pescado tem controle de qualidade, variedade e bom preço. Há décadas, atendemos o niteroiense e clientes de todo o Brasil, inclusive nos restaurantes do mercado. Fazemos parte dos 440 anos de Niterói! José Augusto Monteiro Presidente da Associação NÃO DEIXE DE ADQUIRIR ANTECIPADAMENTE SEU ABADÁ DO BLOCO DO PEIXE 2014!


9

NOVEMBRO 2013

DO RISO AO DRAMA Os talentos niteroienses do teatro, cinema e TV

Fotos Divulgação

A estrela mirim, Isabela Antunes, ao lado de Grazi Massafera Por Luana Dias A cena esbanja beleza: do alto, avistamos o MAC – Museu de Arte Contemporânea – dividindo a paisagem com as praias de Icaraí e Boa Viagem, seguido pelo movimentado Campo São Bento, até chegar no apartamento onde se iniciou a saga de sucesso de uma das grandes revelações do teatro, cinema e TV brasileiras do momento.

Estas são as imagens do filme “ Minha mãe é uma peça”, que revelam as origens do talentoso ator e dramaturgo niteroiense Paulo Gustavo. Assim como ele, outros atores, dramaturgos e diretores “papa-goiabas” têm se destacado no Brasil e no mundo. Nascida na terra de Araribóia, a atriz Samantha Schmutz iniciou-se na carreira artística aos 5 anos de idade como bailarina. Aos 9

anos, passou no teste para participar do musical “Não Fuja da raia” e daí não parou mais. Ela ficou famosa em todo o Brasil ao interpretar o personagem “Juninho Play” no programa “Zorra Total” e atualmente, ela vive a personagem periguete “Jéssica”, no seriado “Vai que Cola”, no canal pago Multishow. Ainda na comédia, o ator Leandro Hassum já le-

Paulo Gustavo vou milhares de pessoas ao teatro, e conquistou o sucesso com as peças “Lente de aumento” e “Nós na fita”. Na TV, ele faz dupla com o ator Marcius Melhem no quadro “Caras de Pau” do Zorra Total. Outra história de sucesso é protagonizada pela atriz Juliana Paes. A bela – que já foi protagonista de diversas novelas – também é natural de Niterói, e já

Samanta Schmutz protagonizou novelas, filmes, séries e propagandas. Considerada uma das mulheres mais bonitas do Brasil, a atriz atualmente está afastada das telinhas, curtindo a sua segunda maternidade, com a vinda de Antonio, de apenas três meses. A atriz, casada com o empresário Carlos Eduardo Baptista, é também mãe de Pedro, de dois anos. A geração se renova ain-

da mais com a chegada da atriz mirim Isabela Antunes. Com apenas 10 anos, a atriz começou em 2011 com cursos de teatro na Desir, e foi selecionada em 2013 para fazer o papel da personagem “Ester” interpretada por Grazi Massafera, em “Flor do Caribe”, a novela que foi exibida às 18h da Rede Globo. Além da novela, a bela já fez também catálogos de foto para grifes de biquinis e um vídeo clipe.

Série que mistura amor e romance faz sucesso na web Arregaçar as mangas e buscar o seu lugar ao sol. É isso que o produtor, roteirista e cineasta niteroiense Wallace Amado decidiu fazer. Aos 27 anos, ele está a frente da série “De repente, amor”, que estreou em agosto de 2013 na web, e que vem fazendo sucesso na rede, já ultrapassando 2.000 visualizações. A história bateu em cheio no público jovem, e os episódios são gravado inteiramente na cidade de Niterói, em cartões postais da cidade. “Sou de Niterói, e tinha esta vontade de fazer uma produção, mostrando o que há de melhor na minha cidade. Por enquanto, a série é totalmente independente, e estamos buscando patrocínios e apoios para melhorar ainda mais a produção”, conta o artista. Para ver os episódios e seguir a série, basta visitar a página facebook: https://www.face book.com/DareTv ou no You Tube: https://www. youtube. com/user/DareTVproducoes

Rua Cel Gomes Machado, 136 - S/Loja - Centro - Niterói - RJ

Wallace Amado

Tel.: (21) 2719-7322 / 2717-3750 2621-8217 / 2613-4804 www.riomoncao.com.br


10

NOVEMBRO 2013

Fotos Acervo pessoal

E

Há 30 anos, Paulo Robbert é referência em Niterói e no Rio

le é um dos grandes nomes da Beleza, da Arte e do Carnaval no eixo Niterói-Rio. Paulo Robbert é um artista pra lá de multifacetado: cabeleireiro, artista plástico formado em Belas Artes e Educação Artística, Moda e pós-graduando em design, ele atua há mais de 30 anos no mercado de beleza e do Carnaval. Vencedor por vários anos consecutivos do concurso de luxo em fantasias, Paulo Robbert recebeu

o título de hors concours no Rio de Janeiro. Proprietário de um dos maiores salões de beleza de Niterói, ele atende as mulheres mais lindas da cidade, e o seu trabalho é visto no cinema, teatro, TV, revistas de moda e jornais. Seu ateliê– especializado em fantasias elegantes e luxuosas para o Carnaval – veste beldades como a atriz e modelo Dandara; a modelo e rainha de bateria da Viradouro, Raissa Machado; a rai-

Paulo Robbert dando os últimos retoques em Dandara

PAULO ROBBERT Paixão em cuidar das belezas da cidade nha do Carnaval do Rio e madrinha da Cubango, Cris Alves; entre outras belas. “Adoro vestir com pouca roupa e de forma elegante e chique as lindonas, e ver quando elas são elogiadas na Avenida” Amante do Carnaval, Paulo desfila há muitos anos em carros alegóricos tanto no Grupo Especial quanto no Grupo de Acesso. “Confecciono minhas fantasias com o mesmo carinho

e glamour para todas as escolas, e amo os encontros nas quadras das escolas e nos ateliês, que antecedem a data fetiva”, frisa. O artista já viajou por diversos países mostrando a arte do Carnaval, e tem orgulho de ser um representante da cultura brasileira de Niterói para o mundo. PÚBLICO MASCULINO Além de cuidar da beleza das

mulheres de Niterói e Rio, Paulo Robbert acaba de abrir sua nova loja, a Barber Shop, uma barbearia masculina. “Os homens estão altamente exigentes hoje em dia. No novo espaço, eles podem cuidar do visual e desfrutar dos melhores momentos com os amigos, com 30 tipos de cerveja nacionais e importantes, charutos, jogos, num clima londrino”, conta Robbert.

Brilhando como destaque na Marquês de Sapucaí


11

NOVEMBRO 2013

Um município cultural completa 440 anos Por Paulo Roberto Cecchetti Niterói quatrocentão mais quarentão! Sim leitor do CASA DA GENTE, esta casa de cultura impressa que vai abrindo suas portas para divulgar o que há de melhor em nossa “Cidade Sorriso”, como assim a chamava o saudoso poeta Gomes Filho. Foi aqui que vimos nascer correntes de movimentos musicais formadas por Ismael, Ciro e Cauby, Silveirinha e Bola Sete, os irmãos Marília, Marly (saudades!) e Luiz Medalha, Sérgio Mendes, MPB-4, Alex Malheiros, Cristina e Cássio Tucunduva, Arthur Maia, Dalton, Luiz de Castro... entre outros!

Niterói, que na língua tupi significa “água escondida” (niteró escondido, oculto; i - água. Água escondida, água oculta. Antigo nome da Baía de Guanabara. - verbete do livro Topônimos Tupis de Niterói, já em sua quarta publicação - revisada e atualizada - Edição do Autor, esse mestre e imortal Luís Antônio Pimentel (prestes a completar 102 anos de sabedoria e simplicidade). Niterói de desportistas, bailarinas, atores e atrizes, poetas, artistas plásticos, cantores, músicos e compositores consagrados. Alguns deles? Gérson, Leonardo, os irmãos Grael, Clínio Freitas, Márcia Haydée, Leila Diniz, Leopoldo Fróes, Antônio Calado, Abelardo

Paulo Roberto Cecchetti Zaluar, Milton Dacosta, Antônio Parreiras, Celso Kelly, Sérgio Porto, Marco Lucchesi, Levi Carnei-

Música ao vivo, feijoada e samba no 1º domingo do mês Direção: Carlinhos

Rua Visconde de Sepetiba, 610 Centro - Niterói

Bar DATA VENIA Petiscos, cervejas e Música ao Vivo Direção: José Carlos Rua Visconde de Sepetiba n°177 Centro - Niterói (Ao lado da Universo)

ro, Isaac Bardavid, Murílo Benício, André Marques, Cássia Linhares, Leopoldo Miguez, Sávio Soares de Sousa, Lyad de Almeida, Gadé, Pedro Karp Vasquez, Nicete Bruno, Luiz Peixoto, Lili Leitão, Calisto Cordeiro, Xavier Placer, Irineu Marinho, Condessa Pereira Carneiro e tantos... tantos outros mais! Niterói com recantos inesquecíveis: Igreja de São Lourenço, Sambaquis de Itaipu, Ilha da Boa Viagem, Pedra da Itapuca, Museu Antônio Parreiras, Camboinhas, Fortaleza de Santa Cruz, ícones do nosso patrimônio cultural enlaçados à natureza. Vale um olhar revisitado. Niterói da outrora VILA

REAL da Praia Grande e Imperial Cidade, nomes construídos no passado histórico ainda vivo em nossa memória. São quatrocentos e quarenta anos da única cidade imperial, esta terra tupiniquim tão acolhedora. Aqui recebemos a todos, visitantes e moradores, com os braços abertos e um largo sorriso. Saudemos, pois, a cidade que tanto nos orgulha por sermos filhos desta Velha Senhora chamada Niterói! Paulo Roberto Cecchetti é poeta, membro da ANL-Academia Niteroiense de Letras e idealizador do projeto cultural “Escritores ao ar Livro”.


12

NOVEMBRO 2013

CASAS DE BAMBA

Onde vive o SAMBA DE RAIZ

Nas casas especializadas são destaque o Candogueiro, Toca da Gambá e Papa Goiaba, a mais nova do gênero. O nome vem de um tambor imponente utilizado para saudar os escravos nas rodas de jongo, mas que em Niterói – e no Brasil – acabou virando sinônimo de samba de raiz e tradição: o Candongueiro. A casa, localizada na Estrada Velha de Maricá, 1554, em Pendotiba, faz aniversário no mesmo mês que a cidade de Niterói, e há 23 anos é sinônimo e qualidade quando o assunto é boemia. Ilton Mendes – criador e grande anfitrião do terreiro - é quem comanda os dez músicos da roda ao som da percussão, sempre com um convidado especial. O samba acontece de 15 em 15 dias, e o local já recebeu grandes nomes do mundo do samba como Nelson Sargento, Luiz Carlos da Vila, Beth Carvalho, Monarco, Dona Ivone Lara, entre outros. O clima é sempre de muita descontração e amor ao samba, e para garantir um lugar, o ideal é chegar bem cedo. Além da música de qualidade, outro destaque é a deliciosa feijoada realizada periodicamente por lá. Um outro lugar tradicional de samba na cidade é a “Toca da Gambá”. Seu slogan, “um bar de respeito”, faz jus à sua missão por sinal bem cumprida. Criada há 27 anos como um improvisado ponto de encontro entre amigos, mas há oito consolidada como concorrido ambiente comercial com gastronomia e shows, a “Toca” tornou-se uma das melhores casas de samba da região metropolitana do Rio de Janeiro, prestigiada por compositores de grandes artistas e intérpretes de talento no circuito musical carioca. Localizada na Rua Carlos Gomes 23, no Barreto, a casa conta com infraestrutura completa para eventos com música, uma equipe de atendimento de qualidade e tratamento acústico. À frente do negócio está Jairo

Fotos Divulgação

Candongueiro

Toca da Gambá Pacheco, o Jairinho, de 44 anos, filho do fundador. Formado em Análise de Sistemas com pósgraduação em Internet pela UFF e em Finanças pela FGV, ele foi deixando o antigo trabalho (de

vinte anos na área de informática de uma grande empresa) e aos poucos assumindo a casa de samba após o falecimento do pai. “Primeiro busquei entender o negócio e por que já dava cer-

to sem ter a estrutura adequada. Logo percebi que era preciso mudar sem perder a essência da coisa”, relembra Jairinho Pacheco, que ressalta também a quebra do paradigma de

que a Zona Norte não pudesse ser uma região de entretenimento. “Aos poucos fomos mostrando que tínhamos condições de atrair um bom público com uma boa proposta”. Entre as atrações musicais destacam-se Inácio Rios e o pai Zé Katimba, Marquinhos Diniz e o pai Monarco, Jorginho do Império, Nilze Carvalho, os irmãos Sombra e Sombrinha, entre dezenas de outros apadrinhados por grandes sambistas. Localizada na rua Daniel Torres, a Toca do Leiteiro também agita os finais de semana da cidade, com muito samba tendo como convidados a Familia Clarão, Pedro Ivo, Thiago Cunha, Mônica Mac e muitos nomes do samba. Outro lugar que tem conquistado cada vez mais o público da cidade é o Papa Goiaba. A casa de show – localizada no Gragoatá – também se destaca pelo vasto repertório de samba de raiz, bebida gelada, gente bonita e clima descontraído. No menu, comidas típicas de boteco completam o charme do local.


13

NOVEMBRO 2013

SOMOS uma Escola de Samba Foto Luana Dias

A cada esquina, nas calçadas, em residências, bares, restaurantes e casas de shows, o nosso ritmo-origem faz de Niterói uma grande escola de samba. Dedilhar um cavaco, banjo e um violão, com juito suingue e acordes geniais, com o “molho” de excelentes percussionistas arrepiam qualquer assitente em saraus ou sambas de mesa dos “partidos altos” da eterna cidade sorriso. Completando esta alegria, os fantásticos intérpretes de todas as idades, ambos os sexos, soltam a voz cantando melodias consagradas, mas também com um bom número de compositores locais. Essa constelação de bons de samba tem na figura do intérprete-mirim Guilherme Kauã, 10 anos, a marca da renovação. Com o respeito dos mais tradicionais, como Zé Katimba, Flavinho Machado, Gusttavo Clarão, Bimba, Declar, Miguel BD, Gilberto Gomes, entre outros, assim como dos mais novos, dentre os quais, Inácio Rios, Pedro Ivo, Thiago Cunha, assim como das cantoras Monica Mac, Maria Menezes, Andrea Beat, e dezenas de bandas de

Sambistas reunidos no Regatas Icaraí samba, destacando-se os grupos Família Clarão, Sambaí, Nossa Arte, e os projetos Vai Dar Samba e Samba de Rua. Bons intrumentistas como os irmãos Flavinho Sete Cordas e Marcelo Pizotti, Bebeto do Cava-

co, Maurição e dezenas de outros, reforçados pelo pessoal da percussão, Bebeto Sorriso à frente, incrementam as rodas de samba. Com 82 anos, e vencedor de quase duas dezenas de sambasenredo, David Corrêa, nascido no

Foto Luana Dias

Buraco do Juca, logradouro da excapital fluminense fez questão de dividir este recorde com Zé Katimba e Gusttavo Clarão, que também são apontados como autores do mesmo número de composições para Escolas de Samba, pondo as-

sim o fim de um celeuma. BERÇO DO SAMBA Cidade natal do fundador da primeira Escola de Samba do Brasil, Ismael Silva, criador da “Deixa Falar”, Niterói é reconhecida no Brasil e no exterior como a cidade dos grandes sambistas. Por esta razão, o CASA DA GENTE decidiu reuni-los num grande encontro sem precedentes, nesta fotografia histórica. Documentada no Clube Regatas Icaraí, ali estavam os que fazem sucesso na cidade, no boêmio bairro carioca da Lapa, pelo Brasil e até mesmo em outros países. Do charme e suingue das vozes femininas de Monica Mac e Maria Menezes, à força da experiência de Ignácio Rios e Declar, passando pelos cavacos afinados de Renato e Hernani, e ao ritmo de Mikimba, Branca de Neve e Bimba, da Família Clarão, e do produtor Marcelo Almo, o encontro inédito acabou se transformando numa grande roda de samba, a base de vários cavacos, violões, banjos, instrumentos de percussão dos mais diversos, cantores e intérpretes no sentido mais amplo da palavra.

Fotos Divulgação

NITERÓI PELOS SAMBISTAS “O samba mora em Niterói, mas passeia pelo Rio, Brasil e no mundo” – Hermani do Cavaco “A raiz, a energia e o estado de espírito do samba estão plantados aqui” – Monica Mac

Declar e Hernani do Cavaco

David Correa

“A escola de samba atravessa a ponte de cabeça erguida, se mostrando na vitrine, o Rio de Janeiro” – Maria Menezes “Grandes compositores, intérpretes, músicos e passistas fazem de Niterói a força do samba” – Inácio Rios “Do ‘miudinho’ ao partido alto, do samba enredo ao samba de quadra, sem tirar onda, somos referência” – Branca de Neve “Que sorte ser sambista da capital do nosso ritmoorigem” – Declar “Abram alas, atravessem a ponte, cantem e sambem com a gente” – Bimba “As rodas de samba, começando pelo Beltrão onde vinha Beth Carvalho e muita gente boa, mostram o respeito por Niterói” – Mikimba “Sou um produtor novo, mas sinto a presença da resistência pelo samba como marca da cidade” – Marcelo Almo “As bandas, os intrumentistas, e os grupos tem um imenso carinho com o samba” – Renato do Cavaco

Zé Katimba

Guilherme Kauâ

Gusttavo Clarão


14

NOVEMBRO 2013

Mais um espaço dedicado ao SAMBA O Centro de Niterói ganha nova casa do gênero musical

Niterói acaba de ganhar mais um espaço dedicado ao samba de raiz: a “Sambar” teve a sua noite de estreia com muita alegria e descontração. Situado no Centro de Niterói, o espaço com capacidade de reunir 600 pessoas tem a proposta de trazer a tradição do samba do Rio junto de grandes atrações do samba de raiz do cenário atual. A roda é liderada pelo grupo Deixa Comigo, formado pela própria casa de samba e composta pelos músicos: Alexandre Nunes (cavaco), João Martins (banjo), Mingo Silva (surdo), Rixxa (vocal), Iracema Monteiro (vocal), Pedro e Tiago (percussão), Rafa (pandeiro) Léo Santos (violão 7 cordas). “A ideia é criar um ambiente de amigos, onde o passado do samba encon-

tra o presente; a “Sambar” se define como uma casa legítima da boemia e do samba”, apostam os sócios Beto Paz, Alvim Bellis, Vinicius Sales, Danielle Sales e Alfredo Barcellos. A inauguração da casa contou com um show especial do cantor e compositor Almir Guineto, que fez a alegria do público cantando clássicos como “Conselho”, “Jibóia”, “Lama nas Ruas” e “Mel na Boca”. A programação da casa segue apresentando na quinta-feira, dia 21 de novembro – véspera de feriado na cidade de Niterói - o músico e compositor Monarco e no sábado, dia 30 de novembro, o cantor Marcelinho Moreira. A venda de ingresso está sendo feita através do site http://www.quality pass.com.br ou nos pontos de vendas na cidade.

Fotos Luana Dias

Os sócios Alvim Bellis, Beto Paz, Danielle Sales, Vinicius Sales e Alfredo Barcelos

Almir Guineto foi atração da noite

Percorro diariamente os bairros de Niterói, vendo seus problemas e buscando solução. Orgulho-me de presidir uma casa onde todos trabalham pelo bem comum. Salve os 440 anos de Niterói! Paulo Bagueira Presidente da Câmara de Vereadores de Niterói Casa cheia na inauguração


15

NOVEMBRO 2013

ZALMIR GONÇALVES: fatos e fotos em livro Repórter fotográfico com mais de 50 anos de carreira, Zalmir Gonçalves lançará em dezembro um livro contando boa parte dos fatos que cobriu quando profissional de inúmeros jornais. Zalmir viaja através das imagens em casos como o sequestro e morte de Aninha, na Região dos Lagos, os assaltos a banco comandados por “Gaúcho”, além de fotografias artísticas. “Estou ansioso, mas realizado com esse trabalho” frisou Zalmir Gonçalves, ainda na ativa. Fotos Divulgação/Zalmir Gonçalves

Estação das Barcas

São Pedro do Maruí

Jornal Casa da Gente Acesse nosso blog: www.jornal casadagente.blogspot.com.br E no facebook: www.facebook.com/jornal.casadagente

Niterói a cidade que me acolheu, a cidade que me deu minha família, a cidade onde fiz as maiores e melhores amizades da minha vida. Obrigado aos 2.517 amigos que confiam em mim para ajudar a cuidar da nossa querida Niterói. É por vocês é por nossa Cidade Sorriso, que dedico todos os meus sinceros agradecimentos. Parabéns Niterói pelos 440 anos de história.

Suplente de Vereador JOÃO GUSTAVO


16

NOVEMBRO 2013

Jorge Mira Jurujuba Iate Clube

Paulo Moisés Clube Português de Niterói

Marcos Nelson Gusmão Clube Central

Alfredo Camargo Country Club de Niterói

Josemar Ávila Rio Cricket

Comodoro Cesar Serrão Iate Clube Brasileiro

Sérgio Werneck Presidente da ACN e da AABB - Niterói

Alfeu Cavararo Clube de Regatas Icaraí

Nós recebemos 50 mil pessoas, sócios e dependentes dos 11 clubes da ACN. Promovemos o lazer, integração social, esporte, recreativismo e qualidade de vida.

Carlos Eduardo de Alcântara Itacoatiara Pampo Clube

Em nome de todos, o desejo de paz, prosperidade sustentável e modernização. Salve os 440 anos de emancipação políticoadministrativa da cidade de Niterói! Comandante Fernando Almeida Clube Naval

Luiz Carlos Maciel Novaes Praia Clube São Francisco


17

NOVEMBRO 2013

AABB tem espetáculo de Patinação Artística Evento vai contar com a participação de atletas premiadas em âmbito nacional Foto Luana Dias

Foto Divulgação

Maria Eduarda e Luisa Dangelo com a professora

Presidente Sérgio Werneck e a professora Karen Frischt, com as patinadoras A sede São Francisco da AABB Niterói vai ser palco de um verdadeiro espetáculo de luzes e emoção no sábado, dia 30 de novembro. Com o título de “O Fan-

tástico Mundo dos Doces”, o show será protagonizado pelas atletas da escola Star Patinação Artística, que há anos vem desenvolvendo um trabalho de quali-

Há 35 anos, trabalhando pelo progresso de Niterói. Vamos continuar juntos crescendo com a cidade. ESTALEIRO – escritório Av. Governador Roberto Silveira, 3.500 (antiga Av. do Contorno) Barreto – Niterói/ Rio de Janeiro Tel: (21) 2722 0119/ 2620 7730/ 2620 1379 Fax : (21) 2719-0396 E-mail : equipemar@equipemar.com.br www.equipemar.com.br

dade com meninas de todas as idades no clube de Niterói. A apresentação – com duas horas de duração - irá contar com coreografias em grupo e em solo.

“A coreografia, a cenografia, a trilha sonora, os efeitos de luz, tudo foi cuidadosamente elaborado ao longo de oito meses. O espetáculo vai surpreeender aos admiradores da patinação artística” conta Karen Fritsch, professora e coordenadora da Star Patinação Artística. Entre as atletas que irão se apresentar estão as medalhistas nacionais Luisa D’Angelo – vice na modalidade livre individual – e Maria Eduarda, vice na modalidade free dance no Campeonato Brasileiro de

Patinação Artística, realizado em Santa Cruz Do Sul, no Rio Grande do Sul, em agosto deste ano. “Temos muito orgulho das meninas da equipe, bem como também do trabalho maravilhoso realizado pela professora Karen Fritsch” afirma Sérgio Werneck, presidente da AABB Niterói. A apresentação será às 20h, na AABB Niterói – São Francisco com ingressos a partir de 20 reais. Mais informações e compra de ingressos pelo telefone (21) 99797-9139.


18

NOVEMBRO 2013

DIVERSÃO NA LAPA Confira a programação de teatros, casas de show e bares do bairro mais boêmio da cidade

Dia 22/11 CARIOCA DA GEMA Teresa Cristina e Grupo Semente. Endereço: Av. Mem de Sá, nº 79 - Tel.: 2221-0043

Fotos Divulgação

Preço: quarta, quinta e domingo, R$ 20 (inteira), R$ 10 (meia) e R$ 5 (associa-

dos); sexta e sábado R$ 30 (inteira), R$ 15 (meia) e R$ 8 (associados);

Sábado 23/11 RIO SCENARIUM Moyses Marques e Marina Iris Ingressos a R$25 Endereço: rua do Lavradio, 20 - Tel: (21) 3147 9005

23/11 LEVIANO BAR Festa Leviana – com uma proposta ousada, em parceria com o Festival “Universo Paralello”, a casa traz nomes do cenário eletrônico e performan-

ces circenses produzidas por pin ups. Ingressos a partir de R$ 20 (antecipado) Endereço: Av. Mem de Sá, 47 Telefone: 2507 5779

30/11 CENTRO CULTURAL CARIOCA Sururu na roda – com a cantora Nilze Carvalho. Ingressos a R$25 Rua do Teatro, 37 Telefone: 2252 64 68

Dia 22/11 PARADA DA LAPA Banda Maneva – pela primeira vez no Rio. Ingressos a partir de R$25,00 Endereço: Rua dos Arcos, 24 - Tel: (21) 2524 2950

Até 22/12 TEATRO SESC GINÁSTICO (Av. Graça Aranha, 187, Centro - 2279-4030) Musical “Quando a gente ama”. Toda história de amor tem uma música como tema e, na MPB, muitas dessas canções são do repertório de Arlindo Cruz. Dedicado ao compositor, o musical “Quando a gente ama” traz no título o verso de uma delas. A temporada começa na próxima sexta-feira (15/11), no Teatro Sesc Ginástico, no Centro do Rio, e vai até dezembro, de quarta a domingo, às 19h. O texto é de João Batista, que também assina a direção da nova produção da Cia Dramática de Comédia. De quarta a domingo, às 19h

Teresa Cristina

Com 440 anos, Niterói continua na vanguarda. Quero muito mais para a nossa cidade. Vamos juntos! Vereador CAL Sururu na Roda


19

NOVEMBRO 2013

Arlindo Cruz e Dudu Nobre desvendam os novos Talentos Sucesso em 2012, projeto que valoriza a cultura brasileira continua com premiação em dinheiro

Mais que uma expressão autêntica e popular da cultura musical brasileira, o samba de raiz faz parte da tradição do nosso povo. Para celebrá-lo, o concurso “Talentos do Samba” – realizado pela cervejaria Antarctica - está com inscrições abertas. Este ano, o projeto terá o músico e sambista Dudu Nobre como curador ao lado do embaixador Arlindo Cruz. Incentivar a construção de uma carreira sólida e oferecer um futuro melhor por meio da música são alguns dos objetivos do concurso. Além de ser premiado com R$15 mil reais, o grande Talento do Samba 2013 também terá direito a um curso de empreendedorismo musical e gravação de um CD. “Tenho satisfação em ser embaixador de uma marca que é tão parceira do samba. Me orgulho de apoiar um projeto como o Talentos do Samba que ajuda a revelar novos profissionais e os incentiva a dar continuidade à tradição do samba de raiz, afinal, ele é a

expressão mais autêntica da nossa cultura. Axé!”, reforça o músico Arlindo Cruz. Entre os dias 1º e 30 de novembro, grupos de samba de raiz da cidade do Rio de Janeiro e Região Metropolitana poderão se inscrever no site www.talentos dosamba.com.br. Para participar, é necessário ter umsamba autoral e todos os integrantes devem residir na Região Metropolitana do Rio de Janeiro. PREMIAÇÃO Músico desde os nove anos de idade, Dudu Nobre utilizará sua expertise e propriedade para escolha dos 10 semifinalistas entre os inscritos. Composição própria, qualidade da música, letra, execução musical e interpretação são alguns dos critérios de avaliação. Caberá ao público eleger os cinco melhores por meio de votação popular no site. No início de 2014, júri artístico formado por críticos musicais e sambistas, será responsável pela sele-

ção do 1º, 2º e 3º lugar. Durante festa de encerramento no Bar da Boa, os três finalistas terão oportunidade de dividir palco com Arlindo Cruz e Dudu Nobre, além de terem direito a workshop de empreendedorismo musical, gravação doprograma Boa do Samba na rádio O Dia e participação no CD Talentos do Samba 2013. Além desses prêmios, o grande vencedor leva para casa R$ 15 mil; segundo e terceiro colocados ganham, respectivamente, R$ 10 mil e R$ 8 mil. “Foi uma experiência ótima para nossa carreira e uma grande porta foi aberta pelo concurso. Tudo o que um artista quer é ser reconhecido pelo seu talento e foi isso que o projeto fez. Para nós, que amamos samba, não existe sonho maior do que poder viver da música e o concurso Talentos doSamba nos incentivou a continuar lutando por esse objetivo”, afirmou Leonardo Acioly, vocalista do Grupo LaSamba, um dos vencedores do ano passado.


20

NOVEMBRO 2013

Central : no Beach Soccer, parte social e reveillon

Regata Jurujuba - Paquetá é um grande encontro

bom público sempre prestigia o evento, que conta também com a presença do presidente Marcos Nelson Gusmão. Na programação social, sob a coordenação da diretora Maria de Lourdes Moraes, dia 28 a partir das 20 horas prossegue a “Quinta Dançante”, com a banda “Harmonia do Rio”, com sócios e integrantes dos clubes da parceria social pagando apenas R$ 5,00 e não associados, R$ 15,00. O diretor social, Carlos Aurelio Enrice, informou

associados dos dois clubes. No dia 8 de dezembro, Papai Noel chega pelo mar no Jurujuba Iate Clube, distribuindo brindes e brinquedos para a garotada, dando início assim aos festejos natalinos. Jorge Mira lembra ain-

Marcos Nelson Enquanto mantém sua programação social, recebendo um excelente público nas quintas-feiras dançantes, a partir das 20 horas, sempre com música ao vivo, o Clube Central de Niterói mantém vivo o esporte, participando do Campeonato de Beach Soccer, na Praia de Icaraí. Além do Central, participam os clubes Fluminense, Botafogo e Flamengo. A “arena” para os jogos é em frente à rua Lopes Trovão. O coordenador técnico, Carlos Gariela ressalta que um

que o Réveillon 2014 continua tendo uma grande procura, podendo os convites serem ainda parcelados em duas vezes, estando contratada a Banda Karibe, com a festa acontecendo no salão nobre, que tem vista para a queima de fogos da Praia de Icaraí. Os preços para a festa são: sócios e parceria social, R$ 230,00; convidados de sócios, R$ 330,00; e ingressos normais, R$ 380,00. O buffet é completo. Informações pelo telefone (21) 2711-0899.

Português: show do cantor Roberto Leal é sucesso garantido

Paulo Moisés Dando prosseguimento ao trabalho de

modernização das dependências do clube, o presidente Paulo Moisés Brito Lourenço não esquece os encontros sociais. O show do cantor português Roberto Leal foi garantia de sucesso, lotando o clube e com uma participação de sócios e convidados. Foi um feriado diferente, comentavam as pessoas com relação ao show do

cantor, quando deixavam o Clube Português, acrescentando também que a atração de abertura, “Amigos do Alto do Minho”, foi de ótima qualidade, elogiando ainda o cardápio variado com bebidas e doces saborosos. Afora isso, prosseguem a reza do terço de Nossa Senhora de Fátima todas as quintas-feiras, às 12 horas.

da que a procura pelos convites para o réveillon tem sido excelente, tendo como atração a Banda LG e o DJ Tato. No JIC, o preço é único, R$ 200, podendo ser dividido em duas vezes no boleto, cartão de crédito e cheque.

Jorge Mira Como realiza tradicionalmente, o Jurujuba Iate Clube será ponto de chegada da Regata Jurujuba - Paquetá nos dias 23 e 24 de novembro, sendo esperadas dezenas de embarcações de todas as classes. O comodoro Jorge Mia informou ao CASA DA GENTE que a chegada tanto no sábado quanto no domingo é uma grande confraternização durante a entrega de prêmios e troféus para os participantes e

No Réveilon, Banda LG

Regata e festa no Clube Naval

Fernando Almeida O Clube Naval, que fica em Charitas, irá realizar em novembro, mês de comemoração dos aniversários do Clube e da cidade de Niterói, um importante evento náutico. Trata-se da “Grand Regatta”, uma competição voltada para barcos oceano, em comemoração aos 440 anos de fundação da cidade. a competição acontecerá no dia 30 de novembro e, no mesmo dia, será realizado o tradicional Baile de Aniversário do Clube Naval Charitas. Segundo o comandante Fernando Almeida,

“esta será uma bela festa para celebrar esta importante data”. A festa de aniversário do Clube irá contar com as apresentações de Gustavo Brasília e Banda na Fita, e participação de Ricardo Bheringuer, da Rádio Nativa. O convite para

sócios é R$70, e para não sócios, R$ 90, incluindo um variado coquetel. Para mais informações, basta entrar em contato nos telefones (21) 2109 8109 e (21) 2109 8110 ou acessar o site do clube: www. cncharitas.org.br


21

NOVEMBRO 2013

CLUBE REGATAS ICARAÍ Com 118 anos de Fundação, é uma realidade no recreativismo, esporte e programação social.

Nos 440 anos de Niterói, estamos juntos.

Alfeu Cavararo

PROGRAMAÇÃO MUSICAL Sextas-feiras: Serestas “É só alegria” A partir de dezembro: “Domingo de samba”


22

NOVEMBRO 2013

PIMENTEL: 102 anos de lucidez e história

O jornalista Luiz Antonio Pimentel, 102 anos de idade, nascido em 29 de março de 1912, em Miracema, quando o hoje município ainda era o quinto distrito Santo Antônio de Pádua, é com certeza o profissional de comunicação há mais tempo em atividade no Brasil e no mundo. Vivendo em Niterói desde 1917, quando veio morar em Icaraí, bairro aonde permanece, perdeu as contas de quantas biografias escreveu, pois iniciou-se em 1933, na época para o jornal “A Nação”, uma espécie de “La Nación”, modelo argentino.

Há décadas no jornal “A Tribuna”, diário de Niterói, frisa que é um motivo à parte para “curtir a vida”. Torcedor do Flamengo desde 1950, tem também um carinho especial pelo América. Além de escrever, tem mania de fotografar. “Foi assim que documentei a época áurea do Carnaval de Niterói, fazendo muitas fotos das mulatas da Cubango, minha escola de samba, principalmente “As feiticeiras”, ala que dava show no pé e corpos esculturais”, conta. Com mais de 40 livros publicados, considerado um dos mai-

Mergulhão deve ser inaugurado dia 22

O prefeito de Niterói, Rodrigo Neves, reafirmou seu compromisso de inaugurar a via no dia 22 de novembro, quando se comemora o aniversário da cidade. O mergulhão terá cerca de 300 metros de extensão, sendo 150 metros do túnel e 75 metros de cada rampa.

Segundo o prefeito, a obra do mergulhão é a mais importante e a única de infra-estrutura feita na cidade nos últimos 40 anos. De acordo com ele, será a primeira de muitas que virão, como a Transoceânica, que já tem recursos garantidos pelo Governo Federal.

ores historiadores da cidade, afirma: “Viver ¼ deste tempo é formar uma família imensa. Por isso, virei personalidade, hoje escrevem mais de mim do que escrevo dos outros”. Há alguns anos, foi enredo do bloco dos jornalistas de Niterói, quando a agremiação tinha o nome de “Filhos da Pauta”, hoje “Pauta Quante”. “Se puder, desfilo no Carnaval 2014”, afirma com segurança e uma lucidez que é sua marca registrada. Niterói tem ainda outros moradores com mais de 100 anos de idade.

Correios terão nova iluminação A nova iluminação da fachada do Palácio dos Correios, no centro de Niterói, será inaugurada em novembro, mês do aniversário da cidade. O anúncio foi feito pelo diretor regional dos Correios do Rio de Janeiro, Omar Assis Moreira. O local está passando por obras de restauração previstas para estarem concluídas em

janeiro de 2014. O prédio histórico, que em 2014 completa 100 anos, vai abrigar a agência central do órgão no município e um centro cultural, no segundo andar, que terá salas de exposição e bistrô. A obra integra o projeto de requalificação da frente marítima da cidade e reforça a parce-

ria entre a Prefeitura e o Governo Federal. Orçadas em R$ 15,3 milhões, as obras de reforma e restauração do prédio do Palácio dos Correiosforam iniciadas em dezembro de 2011. Com a obra concluída, além do centro cultural, o imóvel voltará a abrigar a principal agência própria dos Correios da cidade.


23

NOVEMBRO 2013

São Francisco e Charitas com novo Pólo Gastronômico Restaurantes irão promover festivais gastronômicos e eventos culturais

Um dos locais mais badalados de Niterói, a belíssima orla de São Francisco e Charitas é conhecida pela concentração de bares e restaurantes, onde famosos e anônimos circulam e se divertem. Motivados pela oportunidade de gerar va-

lor para os clientes que frequentam os estabelecimentos do local, alguns bares e restaurantes se uniram e formaram o Polo Orla Gastronomia. “Será uma preparação para a Copa do Mundo, vamos fazer outros even-

tos no ano que vem. Será Inspirado pela linda vista da Baía de Guanabara e seu famoso pôr do sol, o objetivo principal dessa união é promover eventos gastronômicos que utilizem a heterogeneidade de seus restaurantes como um dife-

ACADEMIA DE NITERÓI Pimba na Gorduchinha - iscas de filé mignon no pão italiano com creme de gorgonzola BEMDITO Resenha de Futebol - iscas de filé mignon em cesta de tortilha de trigo com gorgonzola e alecrim BOTEQUIM INFORMAL Brazuca Portenha - bife de chorizo com batatas crocantes ao alho e alecrim, acompanhado de arroz portenho e molho chimichurri DUDECK Cavadinha de Camarão - batata asterix grande, camarão, catupiry, molho de camarão, azeite, salsa e especiarias FAMÍLIA PALUDO Espetinho Brasileirinho - brochette de mignon com pimentões e cebola, acompanhado de molho chimichurri e farofa crocante PALUDO GOURMET Risoto Brasil Legal - risoto de camarão com tomate seco e mussarela de búfala QUEEN PIZZAS Pizza Premium da Torcida - mussarela, peito de peru, palmito, tomate seco, búfala, rúcula e azeitona preta À MINEIRA Penne à Canarinho - penne com polvo, lula e camarão refogados com azeite, pimentão amarelo e ervilhas frescas SIRI Camarão Brasileirinho - camarões VG com arroz de açafrão e brócolis SUNSAKI Salmão Gol - patê de atum, alga, shari, lâmina de atum, congro negro com um toque de ovo e molho de maracujá VELHO ARMAZÉM Mix Brasileirinho - mix de filé mignon com linguiça mineira e carne seca, envolta em pimentões verdes e amarelos, gratinados em queijo mussarela WAFFLE STORE Gol de Ouro - waffle com Nutela e morango.

rencial e destacar datas importantes do ano. O Pólo, formado por diversos segmentos da culinária que se complementam, é o grupo de gastronomia mais eclético do Estado. Entre os dias 18 e 30 de novembro, acontecerá na região, organizado pelo Polo (16 estabelecimentos) e com o apoio do SEBRAE, Prefeitura de Niterói, Secretaria de Cultura e Neltur, o primeiro Festival de Gastronomia. O Festival contará com pratos especiais inspirados no futebol e criados especialmente para a ocasião. nos sábados, 23 e 30 de novembro, haverá várias atrações culturais, com previsão de 6 palcos musicais espalhados pela orla.

José Augusto Hosken, presidente do Pólo

José Vicente Filho Vereador Detentor do maior número de mandatos em Niterói, dez como vereador e vice-prefeito nos últimos quatro anos, tenho em cada niteroiense um amigo. Em meu nome e dessa imensa irmandade, vibro com os 440 anos de Niterói.


24 Niterói é um cartão postal

NOVEMBRO 2013

A cidade vista pelas lentes de profissionais da fotografia Por Luana Dias

Dizem que a beleza está nos olhos de quem vê. A máxima popular guarda uma verdade: o belo está diretamente relacionado ao ângulo, à luz,e às emoções do momento que se vive. É neste espírito que o CASA DA GENTE convidou aos fotógrafos Bruno de Lima, Sérgio Gomes, Beatriz Cunha e Paulinho Muniz a abrirem os seu acervos e escolherem imagens que retratem a beleza e poesia de Niterói, numa homenagem à cidade-sorriso. O vai-e-vem das barcas nas águas da Baía de Guanabara; o pôr do sol do alto do Parque da Cidade; a riqueza arquitetônica; a prática de esportes ao ar livre; ou simplesmente o colorido de uma árvore que desabrocha em flores. Tudo serve de inspiração para as lentes destes fotógrafos, que captaram instantes preciosos com a sensibilidade e o carinho que estes profissionais – assim como nós, niteroienses – temos ao olhar a cada dia a nossa cidade.

PAULINHO MUNIZ

As linhas do Caminho Niemeyer e os barcos de Jurujuba

BRUNO DE LIMA

A barca e o entardecer na Baía de Guanabara e a imponência do MAC


NOVEMBRO 2013

BEATRIZ CUNHA

Na Praia de Icaraí, a despedida da lua num domingo, às 6h da manhã; no detalhe, praticantes de surf na montanha em Itacoatiara

SÉRGIO GOMES O belo flamboyant desabrocha em flor em frente à Câmara de Vereadores

25


26 Do outro lado da câmera

NOVEMBRO 2013

Conheça os fotógrafos que retratam a cidade

BEATRIZ CUNHA

BRUNO DE LIMA

Fotos Acervo Pessoal

SÉRGIO GOMES

PAULINHO MUNIZ

Com mais de 10 anos de experiência profissional, o fotógrafo já fez trabalhos de diversas empresas, revistas e jornais, além de participar de coberturas importantes como o Mundial Fifa Soccer Beach, Carnaval da Marquês de Sapucaí, Fashion Rio, Fashion Music Salvador, Prêmio Tim e visitas presidenciais na cidade e no Estado do Rio de Janeiro. Apaixonado por Niterói, ele sonha em poder se mudar em breve para a cidade-sorriso.

Ele é fotógrafo profissional há mais de 40 anos. Expositor, conselheiro e professor da Sociedade Fluminense de Fotografia (nos cursos de Publicidade, Produtos e Moda), com passagens pela imprensa fotografando para o Pasquim e Casseta Popular. Fotógrafo do MAC, com três livros publicados com imagens de Niterói, é um dos grandes nomes da fotografia da cidade. Tem um estúdio montado em Niterói, atuando na área comercial de publicidade e industrial.

Natural de São Gonçalo, ele tem 23 anos de carreira no fotojornalismo. No currículo, cobertura de eventos com vários artistas e personalidades nacionais e internacionais, de Madonna ao expresidente Lula. Já passou pelas redações de jornais como O Dia, Jornal do Brasil, O São Gonçalo, O Fluminense, e Extra. Hoje, trabalha como fotógrafo da Câmara de Vereadores de Niterói.

Profissional desde 2003 tem experiência no mercado fotográfico, produzindo imagens em feiras, congressos, eventos corporativos, esportivos, culturais e sociais. Iniciou sua carreira fotográfica no Jornal O Povo. Trabalhou em O Fluminense e também como freelancer para diversos veículos e agencias de fotografia. Atualmente, fotografa para a Sociedade Hípica Brasileira, Federação Equestre do Estado do Rio, para a Estilista Gisele Barbosa entre outros trabalhos.

CASA DO CARANGUEJO Festival de Camarão – R$ 32,90 Música ao vivo sextas e sábados, a partir das 21h Pratos variados e frutos do mar Av. Quintino Bocaiúva, 737 Charitas, Niterói - RJ, 24370-001 (21) 2611-5482


NOVEMBRO 2013

A Prefeitura de Niterói, através da Secretaria Municipal de Cultura e da Fundação de Arte de Niterói – FAN, está preparando uma grande programação cultural para celebrar os 440 anos da cidade. A festa contará com show da consagrada cantora Maria Rita e a estreia do espetáculo Romeu & Julieta, da Companhia de Ballet da cidade, na Praia de Icaraí; apresentação do cantor Geraldo Azevedo, no Teatro Popular Oscar Niemeyer; uma “Tomada Cultural”, com diversas atividades artísticas, no Campo de São Bento e até uma edição especial do projeto Arte na Rua, em Pendotiba e Icaraí. A agenda inclui, ainda, o projeto “MAC nas Praças”, a “Semana da Consciência Negra” e dezenas de outros eventos envolvendo música, teatro, literatura, artes plásticas, história, dança etc, distribuídos pelos espaços culturais do município. E mais, a partir deste mês de novembro, os moradores da cidade ou nascidos em Niterói terão gratuidade de entrada no Museu de Arte Contemporânea – MAC. Basta apresentar a Carteira de Identidade ou um comprovante de residência.

CONFIRA ALGUNS DESTAQUES: Na quarta-feira, dia 20, será realizada uma edição especial do “Palco Niterói Discos”, às 19h, no Solar do Jambeiro, com a participação de artistas que já gravaram pelo selo, como Sérgio Chiavazzolli, Kiko Continentino, Marcelo Martins, Marcus Nimricther entre outros. No dia 21, a partir das 18h, o cantor e compositor pernambucano Geraldo Azevedo vai mostrar sucessos de sua carreira, na Praça do Teatro Popular, no Centro. O show, resultado de uma parceria entre a Prefeitura de Niterói e o SESI Cultural, será aberto ao público e gratuito. No dia 22 de novembro, sextafeira, dia do aniversário de Niterói, a celebração começa às 10h com uma missa solene, na Igreja São Lourenço dos Índios. Já na Praia de Icaraí, às 18h, haverá a estreia do espetáculo “Romeu e Julieta”, assinado pelo coreógrafo português André Mesquita e com direção de Pedro Pires. A abertura contará com a apresentação da Companhia de Dança Carlos Caetano, da Cia. Fresh Bones, do Grupo Arte de Dançar e da Com Rua Companhia de Dança. O ponto alto da festa na Praia será no dia 23 de novembro, sábado, a partir das 18h, com a cantora Maria Rita, que promete fa-

440 anos com grande PROGRAMAÇÃO CULTURAL

27

Foto Divulgação Tripolli

do com debates e depoimentos de pessoas que sofreram ou sofrem repressão, como mote a pergunta: “Cadé o Amarildo? Cadé o Fernando?”. Às 18h, no Teatro MPB4 - DCE UFF. Gratuito.

O show de Maria Rita será no dia 23 de novembro na Praia de Icaraí zer um show inesquecível, apresentando um repertório com o que há de melhor na música popular brasileira e composições de Elis Regina e Gonzaguinha. As bandas niteroienses Bloody Mary & The Munsters e Brazilian 2wins abrem esta noite de shows. A programação continua até o dia 30 de novembro, quando será realizada uma edição especial do projeto “Arte na Rua”, que promoverá 18 apresentações artísticas distribuídas pela Praça do Largo da Batalha, das 11h às 18h30, e por quatro esquinas da Rua Moreira César, em Icaraí, das 11h às 19h30. PROGRAMAÇÃO 19 a 24/11 (terça a domingo) CINEMA: XII Araribóia Cine - O tradicional Festival de Cinema, que acontece todos os anos junto ao aniversário da cidade, em 2013 terá como tema “Tudo aqui tem o seu lugar” e ocupará diversos espaços do município, levando a sétima arte aos niteroienses. Informações: www.arariboia cine.pro.br 20/11 (quarta-feira) MÚSICA: Edição especial do “Palco Niterói Discos”, no Solar do Jambeiro (Rua Presidente Domiciano, 195, Ingá), às 19h, com a participação de artistas que já gravaram pelo selo, como Sérgio Chiavazzolli, Kiko Continentino, Marcelo Martins, Marcus Nimricther entre outros. Gratuito. MÚSICA: Semana da Consciência Negra - Arte na Rua es-

pecial apresenta “Tributo a Cartola”, às 17h, no Largo da Batalha. Gratuito.

com os grupos da cidade Brazilian2Wins e Blody Mary & The Munsters.

21/11 (quinta-feira) MÚSICA: Show com o cantor e compositor Geraldo Azevedo, às 18h, na Praça do Teatro Popular Oscar Niemeyer (Rua Jornalista Rogério Coelho Neto, s/nº, Centro). Projeto desenvolvido em parceria com o SESI Cultural. Gratuito.

EXPOSIÇÃO: O evento “Irradiação - MAC nas Praças!” vai levar para o Parque Palmir Silva, no Barreto, quatro obras de arte (réplicas), dos artistas contemporâneos Ernesto Neto, Raul Mourão, Jarbas Lopes e Felipe Barbosa. Das 10h às 16h. Gratuito.

22/11 (sexta-feira) LITERATURA: Poesia Passageira - Cada ônibus da cidade terá quatro poesias, em seus vidros, levando um pouco de arte durante os caminhos dos cidadãos. Para o lançamento do projeto foram escolhidos alguns dos maiores poetas brasileiros e portugueses, que fazem parte da formação da cultura brasileira. DANÇA: A Companhia de Ballet de Niterói apresenta o espetáculo “Romeu e Julieta”, a consagrada história de Shakespeare, com coreografia assinada pelo português André Mesquita, a partir das 18h, na Praia de Icaraí. Na abertura, haverá a apresentação da Companhia de Dança Carlos Caetano, da Cia. Fresh Bones, do Grupo Arte de Dançar e da ComRua Companhia de Dança. Gratuito.

23 e 24/11 (sábado e domingo) DANÇA: Apresentação do espetáculo “Romeu e Julieta”, da Companhia de Ballet de Niterói, no Teatro Popular Oscar Niemeyer (Rua Jornalista Rogério Coelho Neto, s/nº, Centro). Sábado e domingo, às 20h. Ingresso: R$ 20.

23/11 (sábado) SHOW: Apresentação da consagrada cantora Maria Rita, em comemoração aos 440 anos de Niterói, às 18h, no palco montado na Praia de Icaraí. No repertório, músicas de Elis Regina e Gonzaguinha. A abertura do show será

24/11 (domingo) MÚSICA: O Grupo Flor do Canto celebra 6 anos de carreira no Solar do Jambeiro (Rua Presidente Domiciano, 195, Ingá), às 17h, e traz um repertório, que vai de Cartola ao Rappa, com arranjos feitos para vozes femininas. Gratuito. 26/11 (terça) DIVERSOS: Ato-Show pela verdade, memória e justiça - Uma atividade político-cultural, em parceria com a Comissão da Verdade em Niterói - CVN e o DCEUFF, que marca os debates sobre a repressão no período da ditadura militar e nos dias de hoje. Através de inserções artísticas, com artistas da cidade, pretendese abordar questões relacionadas as violações dos direitos humanos de “ontem e hoje”, entremea-

29/11 a 1º/12 (sexta a domingo) MÚSICA: “Festival de Jazz de Niterói”. Evento multimídia que vai reunir nomes da música nacional e internacional como a cantora americana Alma Thomas, o duo Pedro Braga e Luiz Chaffin, a Jobim Jazz Orquestra entre outros, em Niterói. A abertura será no dia 29/11, no Teatro Popular Oscar Niemeyer (Rua Jornalista Rogério Coelho Neto, s/nº, Centro). Já no dia 30/11, será montado um palco para apresentações em plena Rua Moreira César (entre as Ruas Lopes Trovão e Otávio Carneiro). O encerramento será no domingo, dia 1º de dezembro, na área externa do Museu de Arte Contemporânea de Niterói – MAC (Mirante da Boa Viagem, s/nº). 30/11 (sábado) EXPOSIÇÃO: O evento “Irradiação - MAC nas Praças!” vai levar para a Praça do Largo da Batalha, quatro obras de arte (réplicas), dos artistas contemporâneos Ernesto Neto, Raul Mourão, Jarbas Lopes e Felipe Barbosa. Das 10h às 16h. Gratuito. TEATRO/LITERATURA: Considerando a língua portuguesa como elemento constituinte da identidade brasileira e da formação da cidade, o Solar do Jambeiro (Rua Presidente Domiciano, 195, Ingá) recebe o espetáculo “Cartas portuguesas”, às 19h, onde três mulheres executam diferentes leituras de uma mesma personagem. DIVERSOS: O projeto “Arte na Rua” terá uma edição especial, em comemoração aos 440 anos de Niterói, e vai realizar vários shows com artistas da cidade e de diversos segmentos culturais, em Icaraí e no Largo da Batalha. No bairro de Icaraí, as apresentações acontecerão em quatro esquinas da Rua Moreira César, são elas: Belizário Augusto, Mariz e Barros, Pereira da Silva e Miguel de Frias, das 11h às 12h30; das 15h às 16h30 e das 18h às 19h30. Gratuito Já no Largo da Batalha, as apresentações serão realizadas na Praça do Largo da Batalha e no Mercado Popular, das 11h às 12h30; das 15h às 16h30; e das 17h às 18h30. Gratuito.


28

NOVEMBRO 2013

Mário e Jerônimo

Fotos Luana Dias

Dois portugueses que são a marca gastronômica da cidade

Dois portugueses, ambos radicados em Niterói há mais de cinco décadas, estabelecidos em Icaraí e Centro da cidade respectivamente, bons de amizade, parceiros de eventos, são pontos de referência da cidade sorriso. São eles: Jerônimo Alves de Souza e Mário Martins, o primeiro nascido no Porto que veio para Niterói com 20 anos, o outro nasceu em Braga, em 1953. Ambos já tem o jeito brasileiro de ser, ótimo humor e espirituosos. Jerônimo foi dono do Chalé, na rua Miguel de Frias, em Icaraí, onde apoiou vários eventos: o Réveillon da Praia, a Banda de Icaraí, o Bloco das Piranhas, quando vendeu a casa e decidiu montar o “Ponto Jovem” onde está estabelecido há 39 anos, recebendo 3 gerações para servir lanches, ganhando notoriedade. Jerônimo tem o reforço da filha Vera Lúcia e um grupo de excelentes funcionários. Ele veio para o Brasil no dia 9 de fevereiro de 1952, e em janeiro completa 82 anos. Ele é casado com Marina

Jerônimo Alves de Souza

Mário Martins

Quando Niterói completa 440 anos, saudamos a cidade e garantimos que está nascendo um novo Pampo. Carlos Eduardo Duarte de Alcântara Presidente Mário Martins Barreiro Sousa. Mário Caneco Gelado, sobrenome adquirido no balcão de seu bar e restaurante, tem fama de preparar a melhor massa de bacalhau da cidade, atraindo turistas do Brasil e do exterior, além de pratos com frutos do mar irresistíveis em termos gastronômicos. Ele tem 60 anos de Brasil, veio em 1953 indo trabalhar num restaurante do Rio, devoto de Nossa Senhora de Fátima. Funcionários dedicados fazem do estabelecimento outra marca da cidade sorriso. Gosta de eventos e ali já foram gravados muitos, inclusive três programas

CASA DA GENTE especiais para a televisão, além de programas para a Rede Globo. “Meu prato preferido é cororoca frita com tomate e cebola” revela. Seu nome completo é Mario Martins, fazendo questão de frisar duas coisas: “Amo Niterói como se aqui tivesse nascido e torço para todos os times”. O nome “Caneco Gelado do Mario” foi dado por um grupo de amigos como o falecido jornalista Hercílio Miranda à frente. Já Jerônimo do Ponto Jovem torce pelo Fluminense, gosta de um bom papo e sobre Niterói, exclama: “É uma maravilha!”.

Programação Especial Aulas para crianças de: Futebol Judô Jiu Jitsu Mai Thai Natação Surf, aulas ministradas pelo hexacampeão internacional Guilherme Herdy Por decisão da diretoria, 10% das vagas são dedicadas às crianças carentes. Para 2014 Carnaval - Matinê – sábado, domingo e terça-feira 24 de maio – Baile de Aniversário Segunda quinzena de junho – festa junina Outubro – Festa Fantasy

Moreira Cezar, 112 – loja 101 - Tel : 2610-3398


NOVEMBRO 2013

LUZ, CÂMERA, AÇÃO!

29

Mauricio Guimarães e suas mais de cinco décadas dedicadas a arte de filmar

São 54 anos dedicados às produções cinematográficas: assim é a vida (e carreira) de Maurício Guimarães, talentoso repórter cinematográfico que completou em setembro deste ano 80 anos de vida. Nascido em Marechal Hermes, ele veio pra Niterói em 1959 e, pela dedicação e amor à cidade, recebeu na década de 80 o título de cidadão niteroiense. Mauricio começou sua carreira nas Produções Cinematográficas Herbert Richers em 1957, onde foi chefe de reportagem dos Jornais de Tela até 1963. Ele trabalhou também como correspondente para esta empresa junto aos governos do Estado do Rio de Janeiro e do Amazonas. A partir de 1962, nomeado cinegrafista do quadro efetivo do Estado do Rio, lotado na Agência Fluminense de Informações, acompanhou os governadores: Roberto Silveira, Celso Peçanha, Badger da Silveira, Geremias Fontes e Paulo Torres. Mais tarde, prestou serviços como free lancer para as televisões: Tupi, Excelsior, Rio e Globo.Em

Fatos marcantes na memória de Maurício “Quando eu era repórter cinematográfico da Herbert Richers, participei da cobertura do famoso quebra-quebra das Barcas no final dos anos 50.” “Em 1961, filmei a multidão acompanhando o féretro do Governador Roberto Silveira, sob chuva intensa, pela Av. Amaral Peixoto (são cenas realmente emocionantes dos milhares de guarda-chuvas!)” “Lembrando que o Clube Canto do Rio está completando 100 anos, filmei o último jogo entre este clube e o Fluminense ( meu time, por sinal!), quando o time de Niterói se despediu da Federação Carioca de Futebol, no início dos anos 60”. “Filmei os desfiles das Escolas de Samba em Niterói; a competição era ganha ora pela Viradouro, ora pela Cubango, até que as duas começaram a desfilar no Rio”. Maurício Guimarães, filmando e na ilha de edição 1988, criou a Emprevídeo Produções e Filmagens, baseada em Niterói, dedicando-se à cobertura de eventos sociais e políticos e produção

de documentários, atividades que desenvolve ainda nos dias de hoje, com seu filho de coração, Marcos Antúlio.

“Fiz um documentário da construção do MAC, desde a pedra fundamental até a inauguração; e também documentei a construção do Caminho Niemeyer” “Filmei a construção do Túnel Roberto Silveira, desde seu início no governo Roberto Silveira à retomada pelo Badger e a finalização e inauguração por Moreira Franco”


30

NOVEMBRO 2013

SEBRAE realiza a Feira do Empreendedor

Foto Divulgação

O evento é considerado o maior de empreendedorismo do mundo e será realizado no Rio

Tenho uma imensa gratidão por Niterói, que é uma jovem aos 440 anos, pois cresce sempre e tem um povo hospitaleiro. Vereador Gallo

De 28 de novembro a 1º de dezembro, o Rio de Janeiro sediará a Feira do Empreendedor, considerado o maior evento presencial de empreendedorismo do mundo. A Feira, realizada no Centro de Convenções SulAmerica, oferecerá gratuitamente aos microempreendedores individuais, proprietários de micro e pequenas empresas e aos potenciais empreendedores com consultorias, oficinas, palestras, informações em geral sobre formalização e gestão, dicas para inserção no mundo digital e apresentação de inovações e de lojas conceito. Os visitantes também encontrarão no local diversas oportunidades de negócios em cerca de 100 estandes distribuídos por 12 mil metros quadrados, nos quais haverá vendas de máquinas e equipamentos, consultoria sobre franquias e opções de serviços e comércio. A feira terá como foco principalmente produtos e serviços demandados pela nova classe C – uma das que mais crescem no país. A expectativa é que cerca de 30 mil pessoas passem pelo local nos quatro dias de evento. - Decidimos trazer o evento de volta ao Rio depois de 10 anos, porque a cidade vive um momento

muito especial. É o foco das atenções do país e do mundo, e passa por uma retomada econômica, com a realização de grandes investimentos. O Rio hoje oferece boas oportunidades não só para as empresas já existentes, como também para novos negócios e não podíamos deixar de promover a Feira, que incentiva o empreendedorismo e dá suporte e ferramentas aos empresários que querem crescer. Na Feira, o empreendedor encontrará tudo o que necessita para o sucesso do seu negócio, é o que chamamos de evento síntese do Sebrae/RJ – explica Cezar Vasquez, diretor-superintendente do Sebrae/RJ. O empreendedor que visitar a Feira poderá encontrar espaços conceito, com dicas de boas práticas para o seu estabelecimento. Serão montados, por exemplo, uma loja conceito, que mostrará o que é correto no varejo de moda, como iluminação adequada, disposição das peças, itens necessários dentro de um provador, entre outras dicas. Também será montado um hotel, mostrando itens necessários para garantir a sustentabilidade. Haverá ainda diversas clínicas tecnológicas, que abordarão eficiência ener-

gética, manipulação correta de alimentos, vigilância sanitária para salões de beleza, design em artesanato, entre outros temas. Estão previstas ainda palestras sobre legalização, formação de preços, controles financeiros, marketing, entre outras. Uma Central de Resolução de Conflitos será montada no local para que empresários possam resolver suas questões com fornecedores, clientes, funcionários e sócios e tirar dúvidas sobre a melhor forma de solucionar problemas sem ter que recorrer à Justiça. E o Google e o Mercado Livre também participarão do evento, auxiliando os empresários a inserirem seus empreendimentos no mundo digital. As inscrições podem ser feitas pelo site www. feiradoempreendedorrj.com.br. São parceiros do evento o Governo do Estado, Light , Bradesco, Banco do Brasil, Caixa, Santander, TV Globo, Sistema Firjan/Instituto Euvaldo Lodi, Unimed Seguros e jornal Extra. O evento é promovido pelo Sebrae em vários estados desde 1994. Considerado o maior evento presencial de empreendedorismo do mundo, contabiliza mais de 140 edições e 1,9 milhão de visitantes.


31

NOVEMBRO 2013

Fotos Acervo pessoal

FABIANNA BRAZIL lamenta o fim do Baile Gay

Em nota para o CASA DA GENTE, a criadora e realizadora do Baile Gay de Niterói fala da criação e lamenta a paralização do evento. Segundo ela, o baile foi realizado durante 20 anos consecutivos até o ano de 2010, e vários foram os motivos para não dar continuidade a esse que foi o pioneiro e tradicional baile e carnaval para o segmento Lgbt em Niterói. “Desde sua criação, embalado pela força do jornalista Carlos Silva, esse baile fez história em nossa cidade. Várias pessoas que hoje estão militando em prol dos LGBT, na época eram bem jovens e alguns nem acreditavam que em Niterói, um baile gay pudesse fazer

sucesso” conta Fabianna. A cada ano era eleita uma Rainha Trans e a disputa sempre foi acirrada e concorrida, pois as candidatas investiam pesado nas suas produções. O baile era referência no carnaval do RJ, e disputava a preferência do público com o também tradicional Baile gay do Scalla Rio. “Um fato curioso na sua 1ª edição foi a não-liberação de vários clubes e locais procurados para a sua realização. Ninguém queria arriscar receber o público LGBT, havia muito preconceito. O único clube que nos abriu as portas foi o Grupo de Regatas Gragoatá, quando o então presidente Roque de Assis nos recebeu e a es-

treia foi lá. Houve muita especulação em torno do sucesso do baile e muita gente apostando que não haveria público. Mas o baile sobreviveu por 20 anos e com muito sucesso. “Até hoje as pessoas me perguntam sobre o baile”, complementa Fabianna. As edições do baile fizeram história: celebridades do mundo gay marcaram presença no evento, entre elas: Andressa Piovani, Milena Ravache, Kassandra Taylor, Michele Prado, Graziela Azevedo, Bruna Vidal, Dominique Laurence, Laysa Versace e Bruna Marx, todas coroadas no baile, e que, hoje, fazem parte do show biz gay no Brasil e no exterior.

Escritório de Advocacia Dr. Carlos Alexandre da Cunha Lapa ADVOCACIA CÍVEL E EMPRESARIAL

Rua Coronel Gomes Machado, 136 sala 1303 – Centro – Niterói - RJ Telefone: (21) 2621 0696 (21) 3617 5691 e-mail: carloslapa@ig.com.br


32

NOVEMBRO 2013

*Uma parceria da Prefeitura de Niter贸i e do Jornal Casa da Gente


33

NOVEMBRO 2013

Dia Nacional do Samba (1)

A Acadêmicos do Cubango vai participar da programação especial da cidade de Niterói em comemoração do Dia Nacional do Samba, celebrado no dia 1 de dezembro, que acontecerá no Caminho Niemeyer. Criado pelo vereador Magaldi – que está hospitalizado – o evento segue tendo a frente o presidente da Fundação de Artes de Niterói (FAN), Andre Diniz.

Dia Nacional do Samba (2)

PAUTA QUENTE Dia 7 de dezembro, no Clube Fluminensinho, ao lado do Mercado de Peixe São Pedro, roda de samba com festa de fim de ano do Bloco Pauta Quente. Na ocasião, o bloco formado por jornalistas irá lançar o enredo 2014.

Corte carnavalesca do Rio

Fotos Divulgação

Ainda em comemoração ao Dia Nacional do Samba, a quadra da Unidos do Viradouro vai receber no dia 01/12, às 18h, o Pagodão dos Arlindos. Arlindo Cruz (foto) e seu filho, Arlindo Neto vão comandar roda de samba recebendo diversos convidados especiais.

A Prefeitura do Rio, por intermédio da Riotur, definiu neste mês de novembro a sua corte para o Carnaval 2014: Wilson Dias da Costa Neto (Rei Momo), Leticia Martins Guimarães (Rainha do Carnaval), Clara Cristina Paixão (1ª Princesa) e Graciele Souza Ferreira (2ª Princesa). Rei e rainha receberão um prêmio de R$ 20 mil cada um, e as princesas ganharão R$ 15 mil.

CD e DVD do Grupo Especial chega às lojas O CD das Escolas de Samba do Grupo Especial para o Carnaval 2014 estará chegando às principais lojas do país no próximo dia 26 de novembro. Já o primeiro DVD das gravações nos estúdios da Cidade do Samba estará à disposição do público a partir do dia 06 de dezembro. Zacarias Siqueira Oliveira, diretor artístico do projeto, está entusiasmado com a qualidade dos dois produtos e muito satisfeito com a participação das Escolas de Samba, estimando que, no total, mais de oito mil sambistas participaram dos dois projetos, no coral das comunidades e na bateria. O lançamento do CD está previsto para o dia 2 de dezembro, na Cidade do Samba, segundo o presidente da Liesa, Jorge Castanheira. Elaine Ribeiro

Rainha das passistas do “Tigre”

A Unidos do Porto da Pedra terá mais uma beldade no seu time de rainhas. Somando-se à Solange Gomes, rainha da agremiação, e Bianca Leão, rainha da bateria Ritmo Feroz, a mulata Elaine Ribeiro será coroada como rainha da ala das passistas. Ela desfila desde criança na escola, e foi através de um concurso para escolher uma rainha da comunidade, que a beldade foi escolhida para reinar à frente dos ritmistas nos anos de 2006 e 2007. Este ano, a convite do presidente Fabio Montibelo e de Giliard Pinheiro, coordenador da ala de passistas, vai reinar à frente do grupo que tem muito samba no pé. A coroação acontecerá na primeira semana de dezembro.

LUTO NO SAMBA A família do samba ficou de luto com a morte do radialista Demétrio de Oliveira Costa, aos 73 anos, sendo há 40 o locutor oficial dos desfiles das Escolas de Samba do Grupo Especial do Rio de Janeiro. A voz de Demétrio foi descoberta em 1958 por Rafael Lauria Neto, que dirigia a Rádio Mantiqueira, de Cruzeiro, SP. Naquela época, com 18 anos, Demétrio era locutor do serviço de alto-falantes da cidade, onde nascera. Trabalhando na Rádio MEC, no Rio de Janeiro, foi convidado a substituir Roberto Faissal, dono de uma das vozes mais bonitas do rádio brasileiro, e que tinha a responsabilidade de apresentar os desfiles das Escolas de Samba.

LUTO NO SAMBA (2) Neste mês, também nos despedimos do cantor e compositor Delcio Carvalho. O sambista, que nasceu em 1939, em Campos, na Região Norte do Rio de Janeiro, tem entre as suas obras músicas como “Sonho meu”, “Acreditar” e “Alvorecer” com a dama do samba, Dona Ivone Lara, “Vendaval da vida”, com Noca da Portela, “Afinal”, com Ivor Lancellotti , entre outras.


34

NOVEMBRO 2013

CINEMA e EXPOSIÇÃO gratuitos Fotos Divulgação

Aliança Francesa de Niterói com programação cultural variada

Assessoria, Administração e Corretagem de Seguros Todos os tipos de seguro. 15 anos no mercado de seguros. Avenida Amaral Peixoto, 467 Sala 1113 – Centro – Niterói Telefone: (21) 2621 4152 e-mail: ctrcorretora@ig.com.br http://ctrseguros.com.br/

Com o objetivo de aumentar os laços entre a cultura francesa e brasileira, a Aliança Francesa de Niterói continua com uma programação cultural variada aberta ao público. O cinema e as artes plásticas são os destaques neste mês de novembro. Como já é tradição, no dia 25 de novembro, última segunda feira do mês, será realizada mais uma sessão do Ciné-club Jean Vigo, às 19h. O filme apresentado será “Les Amants réguliers / Amantes constantes » de Philippe Garrel. O drama romance conta a história de François, um homem que tem 20 anos em Maio de 1968, tempo de revoltas estudantis em França, e mostra os dias, as noites de Maio em Paris, com embates entre policiais e jovens nas ruas. É aí que pela primeira vez se cruza com Lilie, uma jovem muito bela. O filme conquistou Leão de prata na Mostra de Veneza, além dos premios de Melhor Direção e Melhor Fotografia. A sessão inicia às 19h e tem entrada franca, sujeita a lotação do espaço. Já no dia 28 de novembro, será a abertura da mostra “Impulso” de César Ribeiro. Esta mostra exibe sim-

plesmente trabalhos abstratos cuja técnica utiliza tinta acrílica sobre papel canson tamanho A3. Foram usados como ferramentas, para o nascimento das obras, espátulas, pinceis de diversos tipos, esponjas, pentes, todos visando a provocar efeitos visuais ora mais texturizados, ora mais aguados. Em outros momentos (em alguns trabalhos), ganharam a simpática e conveniente companhia do pastel, tudo isso colaborando na gestação dessa “família” originada de tinta, papel e criatividade. “Foi priorizado o gestual em detrimento do laborioso trabalho reflexivo, exatamen-

te por permitir travar um diálogo mais ameno e atraente aos olhos do observador com um cabedal artístico mais modesto. Nem por isso se perdeu potencial criativo nas obras exibidas na exposição” conta o artista Cesar Ribeiro. A exposição tem abertura no dia 28 de novembro, às 19h, e a visitação estará aberta a visitação até dia 14 de dezembro, de segunda a sexta das 8h30 às 20h30, e Sábado das 8h30 às 12h. A entrada é gratuita. A Aliança Francesa fica na Rua Lopes Trovão, 52 – 2º andar – Icaraí. Os telefones para informações são (21) 2710-9619/2610-3966.


35

NOVEMBRO 2013

Itaboraí lança campanha Natal Solidário

Reprodução Internet

O Instituto de Previdência e Assistência dos

Servidores de Itaboraí (Itaprevi) iniciou na se-

gunda-feira, dia 18/11, a campanha Natal Solidá-

rio Itaprevi. A ação, que vai até o dia 13 de de-

zembro, consiste em receber doações de brinque-

dos novos ou usados, desde que em bom estado

de conservação. Os interessados em participar desta boa ação

devem comparecer à sede do Instituto, onde será

instalado um posto de coleta de brinquedos. Vale

ressaltar que não é preciso ser vinculado ao Ita-

previ para participar da campanha. Após a coleta, os brinquedos serão embala-

dos para presente e distribuídos para instituições

do município que cuidam de crianças carentes, com

direito a presença do Papai Noel. A campanha

poderá ser acompanhada pelo site oficial do

Instituto,www.itaprevi.rj.gov.br O Itaprevi fica situado na Rua São João, n°

110, Centro. Horário de funcionamento, das

8h às 17h.

SINDICATO DOS TRABALHADORES EM TRANSPORTE RODOVIÁRIOS DE PASSAGEIROS DE NITERÓI A ARRAIAL DO CABO Transportamos com segurança, carinho e cuidados especiais as famílias de nossa cidade. Nos 440 anos de Niterói, como sempre, estamos juntos. Joaquim Miguel Soares Presidente do Sintronac http://www.sintronac.com.br/


36

NOVEMBRO 2013

Salvador Borges é referência na medicina Foto Luana Dias

Faltando apenas dois anos para completar 50 de profissão, formado em Medicina pela primeira turma da UFF – Universidade Fluminense Federal, ele tem até no nome a determinação maior de tratar pessoas: Salvador Borges Filho. Exercendo de fato o sacerdócio da profissão, Salvador Borges é dos mais renomados cardiologistas do Brasil, já tendo cuidado de milhares de corações, com um devotamento impressionante, tendo salvo um número incontável de vidas.

PREVENINDO E ATENDENDO Voz pausada, inspirando confiança e paz, Salvador Borges Filho atende os clientes sem a menor pressa, examinando minuciosamente, atitude que representa segurança e certeza de tratamento para quem vai procurá-lo. Desde o início de sua trajetória profissional, se dedica à prevenção, num permanente aprendizado. “A cada retrato de um paciente, registro algo novo, podendo assim apurar conhecimentos”, frisa Dr. Salvador. Durante toda a consulta, o médico faz questão de ressaltar que a prevenção é o melhor

para um corpo humano sadio, razão porque age e recomenda esta preocupação. Num traba-

Salvador Borges Filho lho realizado nos bairros, constatou que mais da metade da população tinha pressão alta e ou-

Endereço: Rua da Conceição, 188/901-A (Niterói Shopping) Centro - Niterói - Rj - CEP: 24020-083

Tel: (21) 2622-1975 eiffel@eiffel.com.br

tros problemas, ação que acabou interrompendo por falta de apoio.

FAZENDO ESCOLA Quando formou-se foi trabalhar no Hospital São João Batista, que originou o hoje Hospital Universitário Antonio Pedro. Por sua vontade, foi criado o setor cardiológico do HUAP, com turmas especializadas. Salvador Borges passou por vários hospitais, dentre os quais dos Servidores do Estado, Santa Cruz, e Procordis, organizando a Hemodinâmica, sendo considerado um dos maiores conhecedores de cateterismo, com especialização nos Estados Unidos, onde inclusive seu filho mais velho, Salvador Borges Neto, radicou-se há 25 anos, também cardiologista e Doutor em Medicina Nuclear. Casado com a psicóloga Onezir Rosa Borges, ele tem ainda outro filho, Marcos Borges, médico. Salvador é também autor de vários livros, todos voltados para crianças: “é preciso que trabalhemos para o futuro, educando-as genericamente”. Dr. Salvador foi presidente da Sociedade de Cardiologia do Estado do Rio e é uma verdadeira legenda da Medicina de Niterói, com inúmeros títulos na profissão.

Com uma programação social e recreativa modernizada, mantemos a tradição de nosso clube e felicitamos Niterói pelos 440 anos. Nossas atividades estão abertas ao quadro social mas também a convidados. Faça sua festa de aniversário, casamento ou confraternização em nosso clube. Attilio Guglielmo Presidente – Charitas Aeroclube


37

NOVEMBRO 2013

BOA MÚSICA COM VISTA PARA O MAR Carla Lanche’s é a boa pedida na Praia da Boa Viagem Fotos Divulgação

Carla Rodrigues e o filho Erick RdS

O quiosque Carla’s Lanches, na Praia da Boa Viagem, está se transformando num verdadeiro point de música e ambiente descontráido. No sábado, a cada 15 dias, rola muita MPB, samba, reggae, forró, rock e pop rock nacional, com “Nathy cristo na orla da Boa Viagem”. O show, que conta também com a participação das meninas da “Mistura Fulô”, começa sempre a partir das 21h. Aos domingos, o Forró do Por-do-Sol com Baião de Rasta, com Rodrigo Sant’Ana, João Guilherme e Andrei Baltz. Todos os eventos com muita animação e vista pro mar. Para saber mais, basta visitar a página: www.facebook.com/Orlaeventos . A organização é de Erick RdS e Carla Rodrigues.

Flagrantes da festa na orla

Federação dos Trabalhadores nas Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e de Material Elétrico do Estado do Rio de Janeiro

Sediada em Niterói, na Rua Coronel Gomes Machado, 122, no Centro, a Federação dos Metalúrgicos do Estado do Rio está integrada na cidade que completa 440 anos, pioneira em muitas lutas, obtendo muitas vitórias. Clamando por sustentabilidade, saúde, educação, segurança, saneamento, asfaltamento dos bairros e qualidade de vida, reitero nossas bandeiras de luta: Jornada de 40 horas semanais Reforma agrária Igualdade de oportunidades entre homens e mulheres Política de valorização dos aposentados 10% do PIB para a Educação 10% do Orçamento para a Saúde Correção da tabela do Imposto de Renda Ratificação da Convenção da OIT 158 Regulamentação da Convenção da OIT 151 Ampliação do Investimento Público

Francisco Dal Prá Presidente da Federação dos Trabalhadores nas Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e de Material Elétrico do Estado do Rio de Janeiro


38

NOVEMBRO 2013

Niterói em números e pioneirismo

de Anchieta, encenado em 10 de agosto de 1586, na então Capela de São Lourenço dos Índios. A primeira Escola Normal foi criada por Joaquim José Rodrigues Torres, há 178 anos. Irineu Evangelista de Soua, o Barão de Mauá, em 1842, criou o Estaleiro Mauá. Em Niterói, também foi encenada a primeira peça constituída exclusivamente por atores brasileiros. A “troupe” foi organizada por João Caetano dos Santos, através da Cia. Dramática Nacional, que criou e apresentou em 2 de dezembro de 1833, no Teatro Praiagrandense, que ele veio adquirir em 25 de dezembro de 1842, e que então a Câmara adquiriu e reformou em 1900, para torná-lo Teatro João Caetano.

EXTENSÃO TERRITORIAL: 134 km² POPULAÇÃO: 497.327 LIMITES: Oceano Atlântico, Baía de Guanabara, São Gonçalo, Maricá e Itaboraí CLIMA: quente e úmido ÍNDICE DE ALFABETIZAÇÃO: 97,7% (menores de 15 anos) ÁGUA TRATADA: 100% ESGOTEAMENTO: 75% Uma frota de veículos superior ao de domicílios, mais de 250 mil veículos (Dados do Censo 2011)

Niterói foi a cidade mais visitada por turistas hospedados na Cidade Maravilhosa durante a Copa das Confederações, a Jornada Mundial da Juventude e o Rock in Rio, segundo o observatório de turismo da UFF – Universidade Fede-

ral Fluminense. Em 2012, o levantamento de visitantes nos principais atrativos da cidade foi: Museu de Arte Contemporânea: 144.622 visitantes  Fortaleza de Santa Cruz: 80.082

 Serra da Tiririca: 43.339 (Fonte :Neltur) Em Niterói, nasceu a primeira Escola Normal e o primeiro estaleiro. A primeira apresentação teatral no Brasil com “O auto de São Lourenço”, de José

Irineu Evangelista de Soua, o Barão de Mauá,

Nas comunidades, clubes, bairros, praias e todo município, sou um fiscal do povo de Niterói. 440 anos de luta e muitas conquistas! Vereador Beto da Pipa O MAC é o mais visitado da cidade

Jornal Casa da Gente Acesse nosso blog: www.jornal casadagente.blogspot.com.br E no facebook: www.facebook.com/jornal.casadagente


NOVEMBRO 2013

39 FUTEBOL DE NITERÓI Entre crises e fusões o futebol de Niterói, mesmo aos (trancos e barrancos) consegue se manter vivo Foto Acervo Pessoal

Por Cezar Rizzo

O

s clássicos sempre foram a grande atração do futebol niteroiense até surgir a fusão com o Estado da Guanabara. O CLÁSSICO DA ZONA SUL Fundados no aristocrático bairro de Icaraí no ano de 1913, Canto do Rio e Fluminense se enfrentaram pela primeira vez em 1919, pois até então o clube alvianil disputava campeonatos em outra entidade, a LFDT. Dispondo ambos de grande quadro social e ligação com a chamada “fina Sociedade”, os clubes dividiam a preferência da elite da zona sul da cidade, mesmo antes do primeiro confronto classificado pelo jornal “O ESTADO DE NITÉROI” como “ o ansiosamente aguardado match entre os clubs prediletos do bairro”. Curiosamente ambos os clubes se mudariam para o centro da cidade nos anos 30/40, deixando para trás a zona sul onde nasceram. O CLÁSSICO DA ZONA NORTE Ao passo que o “ Clássico da Zona Sul” disputava a preferência das altas classes niteroienses, o “Clássico da Zona Norte” era mais popular, pois envolviam dois clubes de origem operária do bairro Barreto: Bayron, ligado à Cia Manufatora Fluminense de Tecidos; e Barreto, ligado a “ Cia. Fiat Lux de Phosphoros”. Os confrontos entre essas duas equipes eram recordistas de público, segundo os jornais da época, e palco de grandes confusões. Algumas recordações desse clássico podem ser encontradas na biografia de Zizinho(o maior jogador/craque) do futebol niteroiense de todos os tempos),e que começou sua carreira no Bayron.

Em meados da década de 1920, dois clubes a até então considerados médios passam ao status de “grandes” da cidade: o Ypiranga e o Nictheroyense Football Club. Na verdade, essa ascensão deve-se ao fortalecimento do Ypiranga, ganhador de vários títulos - tendo o Nichteroyense “pegado carona” na ascensão ypiranguense na condição de ser seu maior rival, no por vezes chamado “Clássico do Centro” (embora o Ypiranga fosse de São Lourenço,bairro muito próximo do Centro da cidade, onde o Nictheroyense tinha sede). O termo “Clássico do Centro” no entanto falhou em se popularizar, em parte devido às dificuldades do Nictheroyense em acompanhar o seu grande rival. Durante a década de 30, o conceito de clássicos por regiões cairia em desuso, e todos os jogos entre os membros do “Grupo do Seis”- Nictheroyense, Fluminense, Canto do Rio, Barreto

Bayron e Ypiranga – eram considerados clássicos. Em meados de 40 a fábrica de fósforos fecharia o Barreto Footbal Club, acabando precocemente com um dos clubes mais populares da cidade. A década marcaria também o enfraquecimento do Nictheroyense, que de “grande” passaria apenas a “tradicional” nos periódicos da época. A partir de 1941 o público de Niterói ainda viu o Canto do Rio,então considerado a maior torcida da cidade, passar a disputar o campeonato carioca, deixando apenas quadros secundários Nas disputas de Niterói.Em meio a grandes clubes de expressão nacional (como Flamengo, Fluminense, Botafogo e Vasco), o clube atrairia a atenção e a simpatia de cada vez mais moradores da cidade monopolizando aos poucos a preferência local, que passaria a acompanhar o Campeonato Carioca – e futuramente torcer

para os times do Rio de Janeiro.. A passagem do Canto do Rio, pelo futebol do Rio de Janeiro tem três registros especiais: A conquista do Torneio Início de Futebol no ano de 1955, quando venceu o Vasco da Gama por 3 X 0 (no tempo normal de jogo) isto no dia 5 de julho de 1953. Vice-campeão do mesmo torneio em 1962 (derrotado pelo Botafogo por 2X0) e a conquista do TROFÉU DISCIPLINA, oferecido pela Federação, ao clube que não tivesse jogador expulso durante a disputa do c campeonato de futebol em seus dois turnos. As décadas de 1950-60 e a ascensão do Fonseca. Em 1950 o Bayron e despejado do terreno da fábrica que passou a ser ocupado pelo Manufatora Atlético Clube, grêmio dos funcionários da fábrica.Sem campo e sem conseguir treinar o Bayron abandona o futebol. Em 1952 o Fonseca se torna

profissional, e começa um domínio no futebol da cidade. Ypiranga e Manufatora também se fortalecem e acompanham o rival no profissionalismo, enquanto o Fluminense passa para um plano mais modesto, enfraquecido junto ao Niteroiense. Fonseca, Ypiranga e Manufatora passam a fazer os clássicos mais importantes da cidade- e uma grande rivalidade - extra camposurge entre os torcedores desses clubes (em especial o Fonseca) e o Canto do Rio. A rixa era motivada pelo fato do Canto do Rio ter se recusado a retornar ao seu campeonato de origem mesmo após o início do profisionalismo fluminense. A grande crise e o último clássico. Após os abandonos do Ypiranga do profissionalismo, em 1959, do Fluminense, em 1958, e do Manufatora em 1963, foi a vez do Fonseca abandonar não só o regime profissional como o próprio futebol em 1965, dedicandose desde então apenas as outros esportes.No inicio da década de 1970 um novo “clássico”, o último a assim seer chamado em Niterói, surgiu entre Manufatora e Costeira,que respectivamente voltou/entrou no profissionalismo.A rivalidade no entanto, aparentemente era restrita entre os sócios dos clubes e incentivada pelo jornais locais, não conseguindo mobilizar o publico de Niterói, já iremediavelmente dominado pelo futebol carioca. Esse último clássico acabou em 1983, ano em que o Manufatora (agora rebatizado para ADN NITERÓI) fechou as suas portas. Aos jogadores de futebol, protagonistas desta história, famosos e não famosos, craques ou não, a nossa homenagem pelos 440 anos da velha província, a nossa querida NICTHEROI. Cezar Rizzo é locutor e jornalista.

Parada Som

Mecânica Geral para todos os tipos de automóveis Parte Elétrica Serviços rápidos, garantidos, bons Revisão profissionais e preços acessíveis, Verificação de Sistema de Freios, etc... sob o comando de Serginho.

Rua Paulo César, 138 - próximo ao Teatro Abel,Santa Rosa


40

NOVEMBRO 2013

Música no Ar Som, Áudio e Tecnologia

KAKAO Figueiredo

www.kkostudio.com Tel.: (21) 2711-3104

@ Tem uma banda de Niterói se destacando na noite em festas, casamentos e bares... É a Banda BR80, tocando rock brasileiro dos anos 80, eles colocam todo o público para dançar e cantar, é uma alegria só. Com músicas novas a cada show, o repertório é bem variado , indo de Blitz a legião Urbana, passando por Lobão, capital e Inicial, Engenheiro do Hawai entre outras...Um ótimo som para você curtir na noite, não importa o local, a BR80 faz a festa.

@ O grande baixista niteroiense Alex Malheiros continua na ativa a mil por hora. Fundador da Banda Azimuth, vai se apresentar com o grupo no dia 28 de Novembro no LAPA JAZZ, convidando Zé Carlos Bigorna na Flauta e Saxofone para tirar um som com a banda. Um show imperdível dessa banda que faz um sucesso perene na Europa, sendo cultuada e até tendo CDs pirateados sendo lançados no mercado de lá... Sucessos como “Na Linha do Horizonte” e “Coração de Pedra” devem preencher a Noite da Fundição Progresso... Não percam...

@O cantor e violonista Evandro Halabey continua se apresentando nos bares e casa noturnas de Niterói e do Rio de Janeiro, com ou sem banda o cantor é um sucesso alegrando a noite com, MPB Folk dos anos 70 e 80, Beatles Neil Young, Oasis, Coldplay e Nirvana, Também fazem parte do repertório. Quem souber que o Evandro vai tocar e cantar, não perca a chance, que a alegria é certa...

@ A Banda Nardones de Niterói anda CAUSANDO por onde passa... Com um rock pesado misturado com punk e trash a cada show os rapazes agregam mais fãs... Dizem que o horror supremo despertou. Caricaturados em suas apresentações , chamam atenção e se destacam de outras bandas... Grite se puder, meu bem... De nada vai adiantar! Os Nardones vem para desmistificar a linha tênue existente entre o bem e o mal. Contos de horror, clássicos B do cinema internacional, histórias macabras e hipotéticas embalam baladas aceleradas, tocadas por veteranos músicos niteroienses, que, entre os anos 1990 e 2000, não passaram despercebidos na cena underground do Rio e Grande Rio, em bandas como Manndark, Bendis e Unearthly. Com uma influência translúcida do punk-rock à la Misfits, somado a traços do Psychobilly e Metal, a Nardones vem para cantar e desencantar o público com músicas românticas, mas em tons lúgubres, em estórias onde o amor e o ódio andam de mãos dadas e em plena consonância. Não percam o próximo show...


NOVEMBRO 2013

41


42 Inscrições para Passeio Ciclístico em São Gonçalo

NOVEMBRO 2013

Foto Divulgação

E

stá chegando o dia do Passeio Ciclístico de São Gonçalo. O evento que tem por tema “Pedalando com Saúde” acontece no dia 24 de novembro, domingo, a partir das 8h, no Centro de São Gonçalo. As inscrições seguem abertas até o dia do evento. A participação é aberta a ciclistas de ambos os sexos. As inscrições podem ser feitas entre 9h e 17h, na Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Rua Uriscina Vargas, 36, Mutondo), no Espaço Vida Ativa (Rua Jaime Figueiredo, Camarão), na Academia New Body (Rua Luis Mota, 15, Alcântara) ou na Loja Tecnobike (Estrada de Itaúna, 09, loja 05, Itaúna). No ato da inscrição deverá ser apresentado um documento de identificação. Os cem primeiros inscritos receberão um kit contendo camisa e garrafinha. Durante o evento ainda será sorteada uma bicicleta Wendy Bike, aro 24, de 18 marchas, ofertada pela loja Tecnobike. Todos os inscritos participa-

rão do sorteio. A largada será em frente ao Espaço Vida Ativa, no Camarão. O passeio terá o seguinte itinerário: Rua Jaime Figueiredo, Rua Dr. Francisco Portela, Rua Carlos Gianelli, Rua Sá Carvalho, Av. Presidente Kennedy e retornando a Jaime Figueiredo. O encontro já é tradicional na cidade e inclui todas as faixas etárias e é realizado pela Secretaria de Esporte e Lazer da Prefeitura de São Gonçalo, que tem por objetivo promover de forma recreativa a prática da atividade física, possibilitando maior facilidade na execução das tarefas diárias e melhorando a qualidade de vida da população. O trânsito será ordenado pela Guarda Municipal e pela Secretaria de Transportes. O 7º Batalhão de Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro fará o policiamento do evento e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) estará à disposição para atender possíveis ocorrências médicas.

APLANSNIT Corte feminino e masculino/Escova/coloração/ hidratação/reconstrução, relaxamento/ definitiva/ relfexo/balayagem/californiana/escova de redução de volume/ manicure e pedicure/ sobrancelha/ maquiagem entre outros serviços

PROMOÇÃO Corte + escova = grátis hidratação Qualquer química = grátis hidratação

(21) 2625-7295 / 7513-1 659 Rua Miguel de Frias, 172 – Loja 23 Icarai – Niteroi – RJ

mhairclub@gmail.com

Associação dos Proprietários de Lojas de Antiguidades e Similares de Niteroi

Em fase de criação, objetivando o incremento do Turismo, Cultura e Reciclagem da cidade, desejamos muito progresso para Niterói nos seus 440 anos. A Comissão Organizadora

Obs: Os integrantes da APLANSNIT são empresários da rua Visconde de Itaboraí


43

NOVEMBRO 2013

Caminho Niemeyer recebe

Foto Divulgação

SALÃO DE TURISMO Evento estadual reúne negócios, conhecimento, gastronomia, moda e cultura

O Estado do Rio de Janeiro dá uma mostra de seus encantos, apresentando no Salão Estadual de Turismo 2013 o melhor dos atrativos turísticos, oportunidades de negócios, conhecimento sobre o setor, produção cultural, moda e gastronomia do interior fluminense. O evento acontece nos dias 22, 23 e 24 de novembro em uma área de 10 mil metros quadrados, localizada em um dos cartões postais mais famosos do mundo: o Caminho Niemeyer, em Niterói. A Secretaria de Estado de Turismo, produtora do evento, espera receber mais de 50 mil visitantes na terceira edição do Salão. Além de possibilitar que milhares de pessoas conheçam os atrativos e produtos turísticos do estado que incluem desde os destinos mais badalados aos mais novos roteiros do turismo cultural, ecológico, religioso, de aventura, náutico, esportivo e rural - o Salão Estadual do Turismo proporcionará ao público a experiência de conhecer os requintes do artesanato, a tradição folclórica e contemporânea das produções culturais e a gastronomia

típica dos 92 municípios do estado. Na programação, aberta ao público e gratuita, o visitante ainda encontrará exposição de carros antigos, estande de aventura com escaladas, passeios de saveiro pela Baia de Guanabara e visitas guiadas por todo o Caminho Niemeyer e outros roteiros locais, além de shows e muitas atrações musicais e artísticas. O evento, de grande importância para a consolidação do turismo flumenense tem por objetivo divulgar as maravilhas do Estado do Rio de Janeiro como destino turístico, reunindo o que há de melhor do turismo fluminense e de outros estados brasileiros. Durante o encontro haverá, ainda, rodada de negócios, oficinas, mostra e venda de artesanato e de produtos agrícolas de produção familiar. Serão oferecidas também palestras, minicursos, oficinas e mesas redondas para a apresentação, discussão e qualificação profissional sobre diversos temas de grande relevância para os interessados no setor, dando a oportunidade para trocas e compartilha-

mento de informações, experiências de sucesso e inovações no setor. Segundo Ronald Ázaro, secretário de estado de Turismo, as duas últimas edições do encontro reuniram mais de 100 mil pessoas. Em 2011, 41 mil pessoas visitaram o Salão realizado na praia de Copacabana E em 2012 esse número saltou para 62 mil visitantes no evento realizado no Cais do Porto. A SETUR conta com a parceria da Prefeitura Municipal de Niterói, município anfitrião, através da NELTUR – Niterói Empresa de Lazer e Turismo, e apoio da Secretaria de Estado de Cultura, Secretaria de Estado de Agricultura e Pecuária, SEBRAE RJ e Universidade Federal Fluminense – UFF, além de outras importantes instituições do setor. O Salão acontece nos dias 22 e 23 de novembro, das 10h às 22h no Caminho Niemeyer (Avenida Jornalista Rogério Coelho Neto, s/nº, atrás do terminal João Goulart) com entrada gratuita. Para saber mais, acesse: www.salaoestadualdeturis mo2013.com.br

Flavio Chame Contabilidade 40 anos de experiência Contabilidade para empresas e pessoas físicas Também especializado em Imposto de Renda. Av. Amaral Peixoto, 455/ Sala 808 – Niterói RJ Telefones: (21) 2717 6157/ (21) 2621 8526


44

NOVEMBRO 2013

ITAIPU - “Pedra que canta” Fotos Acervo Pessoal

te Frederico Vilar, o qual foi responsável pela Fundação de todas as Colônias de Pescadores no Brasil. - 1958 – A atual Praia de Camboinhas, era uma extensão da Praia de Itaipu. O nome Camboinhas, teve origem com um acidente naval ocorrido em junho de 1958 onde um cargueiro chamado Camboinhas, encalhou, na Praia que fazia parte de Itaipu, passando assim a se chamar esse trecho de Camboinhas. Em meados da década de 1970 é construído o Canal de Itaipu que liga o mar a Lagoa de Itaipu, separando assim a Praia de Itaipu da Praia de Camboinhas. - 1961 – neste ano a União cedeu o Canto Sul da Praia de Itaipu para os Pescadores tradicionais sob administração da Colônia.

Por Jorginho Bellas

E

m 1970, acompanhando meu pai, Jorge Bellas, aos meus 7 anos de idade, aportei neste paraíso de águas calmas, limpa e de uma beleza natural inigualável. Com vista para a Praia de Copacabana, Pão-de-Açúcar e para o Cristo Redentor, que é uma das sete maravilhas do mundo, a Praia de Itaipu. Em sua Vila dos Pescadores, tem a pesca e o comércio deste pescado como base da sua economia. A maneira como desfrutar deste presente da natureza fica a critério do visitante: desde frequentadores assíduos, a turistas de primeira viagem têm a oportunidade de levar um peixe fresquinho para suas casas e elaborarem o seu próprio preparo ou, então, saboreá-los nos diversos bares e restaurantes de alta qualidade, especializados em frutos do mar, que a Praia de Itaipu tem a oferecer. A culinária local é bastante familiar, passada de geração em geração, o que acabou tornando uma tradição degustar um enorme cardápio de frutos do mar, contemplando um pôr-do-sol que está entre os mais belos do mundo, e, claro, acompanhado de uma boa cervejinha gelada. Para tornar esse passeio mais especial, a Praia de Itaipu conta com a história local. O visitante tem a oportunidade de conhecer a história da Igreja de São Sebastião, fundada pelos Jesuítas em 1722, e o Convento de Santa Tereza, onde hoje abriga o Museu Arqueológico de Itaipu. E, dando aquela última pincelada na obra da natureza, a Duna Grande, que é um sítio arqueológico, e a Serra da Tiririca dão um toque especial de beleza, romantismo e nostalgia a nossa praia. CRONOLOGIA E FATOS MARCANTES - 1716 – Já existia uma Capela destinada a atender a comunidade dos pescadores e índios catequizados. Sua fundação Jesuíta foi dedicada a São Sebastião, sendo promovida à Paróquia de São Sebastião de Itaipu em 1722, atualmente, muito bem representada pelo Padre Casemiro e Padre Juliano. - 1920 – a Festa de São Pedro foi criada em 1920 pela tripulação de seu Manduca. - 1921 – Fundação da Colônia de Pescadores pelo Almiran-

Por do sol em Itaipu; Jorginho, Adílio e Robson e o goleiro do Botafogo, Wagner com sua família, visitando o Bar do Jorginho

DO COMÉRCIO Na década de 50, o comércio em Itaipu era basicamente para atender a demanda local, onde mercearias bem primárias atendiam os moradores (pescadores), como no caso do Sr. José Bonifácio (avô do Seu Chico) e Seu Lelêgo, muito lembrado por vender fiado aos moradores. Nos anos 60/70, a pensão da Tia Joana (atualmente Bar da Tia Joana), o Bar e Restaurante Varandão e o Bar Último Furo (famoso pelos seus bolinhos de peixe) chamaram a atenção de turistas, que passaram a frequentar cada vez mais. A partir dos anos 80, com uma demanda cada vez maior, muitos pescadores passaram a dividir seus ranchos (barracões) com seus barcos, abrindo lugares para colocar mesas e vender seu peixe já preparado para ser consumido no local. A princípio, seus familiares (mulher e filhos) eram a mão de obra, desenvolvendo, assim, uma culinária original e tradicional da nossa Praia de Itaipu. Neste momento, surgia o Pólo Gastronômico, especializado em Frutos do Mar, no qual podemos citar alguns bares e restaurantes mais antigos que preservam a qualidade tradicional de sua culinária até os dias atuais, entre eles, destacamos o Bar e Restaurante do Jorginho, Panela Furada, Casa da Sogra, Bar do Paulinho, Bar da Déia, Léo Velasco, Sabino’s, Canoas, Tia Joana e Varandão. (continua na página 45)


45

NOVEMBRO 2013

Fotos Acervo Pessoal

Não poderíamos deixar de mencionar o Grupo Garoupa que era formado por mergulhadores, pescadores e frequentadores da Praia de Itaipu, que tiveram grande influência nas melhorias de infraestrutura e interação social no fim dos anos 70 e no decorrer dos anos 80, os quais promoveram a Festa de São Pedro, famosa até hoje, em um grande evento turístico da Cidade de Niterói. Com o aumento da frequência turística, comerciantes, pescadores e moradores se uniram em busca de soluções e ordenamento para a preservação do local, surgindo, assim, associações como a ACOMPI (Associação de Comerciantes e Moradores da Praia de Itaipu), ALPAPI (Associação Livre de Pescadores e Amigos da Praia de Itaipu) e AMAITA (Associação de Moradores de Itaipu) gerando uma maior interação com o Poder Público, como a Prefeitura de

O cuidado com as tartarugas Niterói, SEDRAP, SPU, INEA, MPF entre outros. Sempre em busca de meios para melhorar o desenvolvimento econômico, preservando o meio ambiente através da sustentabilidade. Dentre várias ações, podemos destacar duas conquistas recentes oriundas dessa união: a RESEX (Reserva Extrativista Marinha de Itaipu) e o Projeto Pequenas Dunas de Itaipu. A RESEX, Reserva Extrativista Marinha de Itaipu, foi uma conquista dos pescadores tradicionais, apoiados pela maioria

Clínica dos Pés e Corpo Referência em Podologia Sede Própria Ambiente Super Requintado Podóloga: Maria José Alvares Cunha Experiência: 28 anos no mercado, inclusive internacional Tratamento especializado dos pés, inclusive para diabéticos. Manicure - Esteticista - Depilação Cabelereiro Unissex. Rua Luiz Leopoldo Fernandes Pinheiro, 521, salas 502 e 505 - Centro - Niterói (ao lado da Fac. Cândido Mendes)

Tel: 2717-9862 / 2717-9890

Peixe à Itaipu do Bar do Jorginho

dos moradores e comerciantes da Praia de Itaipu, cujo propósito é defender seu modo de vida e a manutenção de sua cultura. O Projeto Pequenas Dunas de Itaipu. é uma integração sócio educativa desenvolvida pela Igreja de São Sebastião de Itaipu, representada pelo Padre Casimiro, em parceria com o Museu Arqueológico de Itaipu e com as Associações de comércio, moradores e pescadores da Praia de Itaipu, a partir da qual será realizado o plantio de restinga, revitalizando a vegetação nativa, com o objetivo maior de preservar o meio ambiente. É mister salientar que o Projeto Aruanã., representado pela bióloga e pesquisadora Suzana Guimarães e sua equipe, realizam o importante papel de cuidar, acompanhar e preservar as tartarugas marinhas que habitam a Praia de Itaipu há uma década. Com um histórico tão rico e uma tradição que atravessa séculos, eu, Jorginho Bellas, tenho muito orgulho de ser um cidadão niteroiense e fazer parte da história de Itaipu. Jorginho Bellas é Presidente da Associação do Comércio e Moradores de Itaipu

PADILHA IMÓVEIS ADMINISTRAÇÃO DE IMÓVEIS ASSISTÊNCIA JURÍDICA IMOBILIÁRIA LOCAÇÃO VENDA COBRANÇA

Segurança e Qualidade Av. Amaral Peixoto, 334 - Grupo 601 Ed. Guanabara - Centro - Niterói - RJ

Tel.: 2717-0806 Fax.: 2612-8137


46

NOVEMBRO 2013

Foto Luana Dias

Corte da FOLIA Concurso do Carnaval 2014 agitou o Praia Clube São Francisco

O

Praia Clube São Francisco foi palco de uma festa repleta de emoções no início de novembro: a escolha da Corte para o Carnaval 2014 de Niterói. Treze beldades e oito foliões participaram da disputa, que elegeu as Princesas, a Rainha e o Rei Momo da cidade. O concurso - realizado pela Prefeitura de Niterói através da Neltur - contou com um público caloroso, que compareceu ao salão do Praia Clube São Francisco para vibrar pelos seus candidatos preferidos. A festa começou com a apresentação das candidatas em traje de banho, onde além de exibir sua simpatia ao público, cada concorrente deveria mostrar sua desenvoltura, respondendo às perguntas dos apresentadores. Em seguida, foi a vez da primeira entrada dos candidatos a Rei Momo, que também puderam comprovar sua capacidade de comunicação com o público.Os jurados avalia-

vam tudo com bastante atenção. No intervalo, o público curtiu o show da banda “Papagaio Sabido”, com muito samba de raiz e pagode. Em seguida, foi a vez da segunda parte da apresentação dos candidatos, em traje de festa. Para dar um clima de Carnaval, entrou em cena a bateria da Unidos Da Região Oceânica, com os candidatos e candidatas dando um show de samba no pé, quesito fundamental para a corte momesca. Após a apuração, chegou a hora mais esperada: o anúncio do resultado do concurso. Jair Ribeiro foi consagrado pela sétima vez Rei Momo, seguido da segunda princesa Thamyres Melo, da primeira princesa Nathy Fernandes e da Rainha do Carnvaval de Niterói, Andreza Clemente. As lágrimas e o discurso emocionado dos vitoriosos foram presenciados pelo público, que recebeu com carinho a Corte do Carnaval 2014 de Niterói.

A Rainha Andreza Clemente e o Rei Jair Ribeiro

KATITA STUDIO Para cuidar mais da sua saúde

Um centro especializado na promoção da saúde através do recondicionamento físico. Assim é o Katita Studio, que atua nesse segmento há 14 anos, em uma área climatizada, limpa e estruturada, o que propicia ao aluno a sensação agradável de bem-estar, indispensável para o aproveitamento pleno de seu treinamento físico e relaxamento mental. “Ajudamos o aluno a desenvolver uma sensação prazerosa com a prática regular de exercícios físicos, melhorando sua qualidade de vida e preparando-o para desempenhar, com êxito, as atividades físicas e mentais que lhe são impostas em sua vida diária”, explica Ana Cláuida Soares, responsável técnica do Katita Studio. Para cumprimento de sua missão o Studio se utiliza dos melhores e modernos equipamentos de ginástica e conta com a assistência e suporte técnico de profissionais qualificados quanto a competência e proficiência. Para mais informações, acesse: http://katitastudio.com.br/

Rua Presidente Domiciano, 31 Ingá - Niterói


FATOS & FOTOS

NOVEMBRO 2013

Fotos Luana Dias

Pedro Ivo, cantor revelação no mundo do samba, percorre todas as casas especializadas de Niterói.

A professora Rejane Lucia comemorou o aniversário de 32 anos ao lado da família no restaurante Attiva. Na foto, com o marido, Tadeu Duarte e seu filho, Matheus.

47

A bela rainha de bateria da Unidos do Viradouro, Raissa Machado, ao lado de seu marido, o presidente da Câmara de Vereadores de Niterói, Paulo Bagueira, e o presidente do Praia Clube São Francisco, Luiz Novaes.

Fotos Sérgio Gomes

Marina Diuana Martins recebeu os amigos no Country Club de Niterói para festejar os seus 15 anos. Ela é filha dos jornalistas Vinicius Martins e Lucia Diuana, que tem também outra filha, a Camila.

Larissa Haddad, a aniversariante e Mirela Letta

INVICTOR

Marina entre os padrinhos, Lerandra e Gustavo Martins

BATERIAS, SILENCIOSOS, ASSISTÊNCIA ELÉTRICA E MECÂNICA

SOM - ALARME VIDRO E TRAVA ELÉTRICA

MANUTENÇÃO E INSTALAÇÃO

440 anos de um paraíso chamado Niterói. Meu céu, minha família, a paz! Obrigado, niteroienses. Vereador Paulo Henrique

PREÇOS E SERVIÇOS EXCELENTES ATENDIMENTO À DOMICÍLIO

Rua Paulo César, 250 Santa Rosa - Niterói Tels.: 2717-7105 2722-3167


48

NOVEMBRO 2013

Sindicato das Entidades Culturais, Recreativas, de Assistência Social, de Orientação e Formação Profissional do Estado do Rio de Janeiro e

Federação Nacional de Cultura

Parabenizam Niterói pelos 440 anos de emancipação político-administrativa e ressaltam a grande força cultural da eterna capital do antigo Estado do Rio de Janeiro.

Almero Mota – Presidente da FENAC e do SECRASO

Profile for Equipe Jornal Casa da Gente

Casa da gente novembro completo  

Casa da gente novembro completo  

Advertisement

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded