Page 6

de lixo, as residências possuem muito lixo ao redor, até mesmo o córrego é totalmente poluído, e muitos dos problemas de saúde que a comunidade enfrenta estão relacionados a este fato. Todavia, como o lixo é o sustento de muitas famílias, possui valor até a sua classificação e reciclagem. A umidade e as enchentes são intensas, e também são contribuintes para os problemas de saúde que a comunidade enfrenta. Muitos moradores participam dos programas que o governo oferece para o sustento da família, sendo sua renda baixa. A grande maioria desses moradores está feliz com a possibilidade da mudança, pois desta forma mudarão a situação de vida atual. Não obstante, existem moradores que possuem boas instalações, casas grande e construídas com muito trabalho, com quintal, árvores e flores plantadas com muito carinho. Estes estão tristes e apreensivos, pois as residências da nova área são muito pequenas, e não há o apego que existe com a antiga área. A comunidade conta com alguns serviços que são oferecidos, como o da creche, que atualmente deixou sua sede. Atende em uma casa, na espera das novas instalações. Ela ficava ao lado do galpão de reciclagem que já foi destruído e esta funcionando no novo território. Lá a creche ficará ao lado da Unidade de Saúde e bem próximo do galpão de reciclagem, para assim atender a demanda das recicladoras. A Escola Municipal Imigrantes atende 300 crianças e possui boas instalações. A construção do prédio da escola na nova área ainda não iniciou, não tendo data prevista para sua inauguração. Ainda está funcionando na área atual um centro de reciclagem onde a comunidade se reúne para a reciclagem do lixo. A nova área ainda não possui um nome definido, o qual está em votação. Localiza-se às margens da Avenida Bernardino Silveira Amorim, no Porto Seco. Grande parte das casas foi construída e aos poucos estão sendo habitadas. Os serviços estão sendo transferidos, como o atendimento da Unidade básica e a escola. As obras estão gerando muita polêmica, pois a data de entrega se postergou bastante, houve troca de construtora pela prefeitura e muitos erros de construção no início da obra, além da planta não priorizar alguns itens básicos, como por exemplo, a centralização da Unidade de Saúde,

V Prêmio Educação para o Trânsito EPTC - Categoria Ensino Superior - 1 colocado  

V Prêmio Educação para o Trânsito EPTC - Categoria Ensino Superior - 1 colocado “VILA DIQUE: ENTRE O TRANSITÓRIO E O PERMANENTE” Projeto de...

V Prêmio Educação para o Trânsito EPTC - Categoria Ensino Superior - 1 colocado  

V Prêmio Educação para o Trânsito EPTC - Categoria Ensino Superior - 1 colocado “VILA DIQUE: ENTRE O TRANSITÓRIO E O PERMANENTE” Projeto de...

Advertisement