Page 1

1

O

EIRA D F ツェ

M

ER

SP

CHURRASCO CADテグ |


VocĂŞ nĂŁo tem aquele negocinho para colocar embaixo, que fica pegando fogo?


Cada vez chego mais à conclusão que não existe nada mais melindroso do que um churrasco caseiro. E, ao mesmo tempo, relaxante. Sim, porque no Brasil todo mundo entende de duas coisas: ou é metido a ser técnico de futebol ou a fazer churrasco. Tem os que sabem. E tem os outros. E é muito difícil você ver alguém fazendo um churrasco e não dar pelo menos um palpite.

Mário Prata Agência Estado

Queimei o dedo! Sei não, eu, por mim, virava essa picanha. Vai torrar, cara.


O evento que pretende ampliar o conhecimento sobre esta grande paixão nacional será realizado no Mercado Municipal Paulistano, entre os dias 28 de novembro e 4 de dezembro de 2011. Popularmente conhecido como Mercadão, o entreposto é um importante mecanismo de escoamento de carnes com foco no atacado. Hoje, somando todos os mercados da Prefeitura de São Paulo que estão envolvidos neste evento, temos 90 açougues e 60 avícolas. Não temos o número exato do volume de comercialização de carnes vermelhas porque este indicador não é fornecido pelos comerciantes para a Prefeitura se SP, por não haver obrigatoriedade legal. Mas, como exemplo do potencial do Mercadão, citamos um número real do açougue Porto Feliz, que vende 2 toneladas de carnes exóticas e 3 caminhões baú de carne bovina e suína por dia, exclusivamente no atacado do centro de São Paulo (hotéis, bares e restaurantes, hospitais, entre outros), atacado que sempre foi o objetivo deste Mercado e também de todos os outros mercado ligados à Prefeitura de São Paulo. O Mercadão está no roteiro oficial da SP-Turis , orgão oficial da cidade de São Paulo, como uma das principais atrações turísticas desta metrópole. Se tornou ponto de encontro dos paulistanos, de turistas do Brasil e do exterior , onde além das compras, frequentam uma sofisticada área Gourmet com diversos restaurantes e quiosques, que servem o tradicional pastel de bacalhau, o sanduíche de mortadela, o especial chopp gelado e uma infinidade de outras iguarias . Os volumes comercializados nestes mercados são de conhecimento das empresas que compõe a ABIEC e SIC. Por isso nossa certeza de um ótimo resultado do evento em função de ser a primeira feira do churrasco realizada no maior centro gastronômico de São Paulo, que consolidará um aumento significativo na venda dos produtos expostos .

Se não abanar, não vai pegar. Vai por mim.

Colocou muito carvão. Vai sufocar o fogo.


10 mil pessoas por dia de 2ª a 6ª feira e mais de

30 mil pessoas por dia nos fins de semana.

4º lugar mais visitiado de São Paulo e uma das

7 maravilhas da cidade

1 milhão de consumidores circularam pelo Mercadão em dezembro de 2010

Não disse? Tá muito alto. Joga água!

Não falei para não jogar água?


O Mercadão, além de ser uma referência nacional por sua diversidade de aromas, cores e sabores , o ambiente com uma arquitetura eclética sedia inúmeros eventos que compõem seu calendario anual. No local acontecem eventos ligados a gastronomia, sustentabilidade, simpósios sobre alimentos, feiras, festivais e lançamento de produtos. A cultura também é destaque das atrações do Mercadão, com apresentações musicais, feiras de artesanato, exposições de arte e lançamentos do segmento. O volume de atividades, opções de compra e lazer, gera grande movimentação diária de visitantes, que em datas especiais como Páscoa, Semana Santa e Natal , aumenta substancialmente em função das compras de produtos típicos da época. Essa diversidade de atividades e atrações, e sua expressiva visitação, fez do Mercadão um local ideal e adequado para a realização de eventos variados com sucesso de público garantido.

Olha aí, apagou. Você é que não abanou. Dá licença?


São pequenas variações, nos temperos, no modo de fazer, na preferência das carnes e cortes. Mas a paixão por churrasco é geral – ninguém passa sem um churrasquinho no fim de semana, com a família, com os amigos, neste hábito que se tornou um dos grandes rituais brasileiros. E o Mercadão tem uma grande afinidade com o churrasco, já que comercializa carnes de todos os tipos, das tradicionais às exóticas, para o varejo e atacado . Este evento tem como objetivo ampliar a demanda de vendas durante o período de realização da feira em todos os 16 açougues, além de divulgar marcas, produtos, cortes, acessórios e informações sobre o alimento, a organização e segredos deste ritual.

Se eu fosse você, colocava a lingüiça na parte de baixo.


O Mercado Municipal Paulistano tem um área específica para eventos e instalação de estandes.Neste espaço as empresas poderão expor seus produtos “in natura” ou através de material promocional bem como em vídeos em monitores de TV. No centro desta área haverá espaço de uso comum, para assar e grelhar carnes para degustação. Também será possível a instalação de displays nos corredores de circulação do público, para divulgação e distribuição de material promocional.

O quê??? Vai fatiar a picanha? Peloamordedeus!, isso é uma infâmia!


A primeira Feira de Churrasco do Brasil a ser realizada no maior Shopping Gourmet de São Paulo.

Você precisa comprar uma faca melhor. Olha aí. Isso aqui está estragando a carne.


A Feira do Churrasco faz parte do lançamento da edição 2012 do Guia Mercado Paulista, um eficiente material de consulta para compras nos mercados municipais de São Paulo, que contém matérias abrangentes do setor gastronômico. Esta edição terá como pauta principal o tema Churrasco, com dicas, truques, receitas e demais informações obtidas junto ao SIC - Serviço de Informação da Carne. A programação do evento prevê palestras e cursos diariamente, ministrados por chefs e personalidades da área. Na segunda feira 28/11, haverá pré-abertura do evento dirigida à empresários do setor, proprietários de açougues de todos os mercados municipais, donos de restaurantes e hotéis , e outros profissionais do segmento. A divulgação da feira será feita por assessoria de imprensa da Prefeitura de São Paulo, Mercadão Paulista, SIC - Serviço de Informação da Carne, ABIEC - Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carne e Grupo de Mídia Entreposto junto às editorias da mídia impressa e eletrônica. Por ser o Mercadão o maior centro gourmet do Brasil e pelas diversas atividades nele realizadas, garante uma mídia espontânea editorial que acrescenta grande visibilidade para o evento. O hotsite do evento com todas as informações será utilizado para campanha virtual e interação com redes sociais.

Tá vendo?, pinga a gordura e o fogo sobe. Assim não vai dar. Joga a água.


O Guia Mercado Paulista é uma ferramenta de interação entre consumidores destes mercados municipais, que vão desde simpatizantes da culinária, até Chefs executivos de restaurantes. Em ambos os casos, temos potenciais consumidores para adquirir o que sua empresa vende. O Guia Mercado Paulista tem uma tiragem de 10 mil exemplares, sendo 5 mil distribuídos gratuitamente para restaurantes e hotéis da Grande São Paulo, 2 mil para permissionários de 15 mercados municipais paulistas e 3 mil a venda em pontos localizados na cidade. O Guia Mercado Paulista é uma ferramenta que facilita o acesso a compradores e garante a informação direta com economia de tempo.

Limão? Na picanha?

Aquela lingüiça ali já não está boa? Cadê o pão?


CONVITE

A Feira do Churrasco conta com a colaboração e o apoio da ABIEC-Associação Brasileira das Industrias de Exportação de Carne e SIC-Serviço de Informação da Carne para realização deste grande evento, além da Prefeitura Municipal de São Paulo, por intermédio de sua Secretaria de Abastecimento. O grupo de Mídia Entreposto, responsável pelas divulgação e informações do setor de abastecimento através dos seus canais editoriais e digitais e, pela realização da Feira do Churrasco, convida os associados da ABIEC e SIC e outros interessados para conhecer o projeto comercial do evento e as oportunidades a serem exploradas. Para maiores informações,teremos grande prazer em visitá-los.

Me dá licença? Posso virar a costela? O que é isso que você colocou aqui?


Cuidado que tá quente. Não disse?

E por aí vai, até o fogo apagar de vez.


Existe uma teoria psicanalítica de que quem faz churrasco não precisa fazer terapia. Que os grandes e amadores churrasqueiros são todos pessoas muito bem resolvidas. Deve ser verdade, pois colocam avental com uma feminilidade cativante. Ficam dois ou três homenzarrões abraçados olhando por horas e horas para o fogo ardente, brigando e discutindo como se fossem marido e mulher. Já notou? Já notou quando um queima o dedo, com que carinho é tratado pelos outros? Já vi barbudo chupar o dedo do outro ali, ao lado das brasas da amizade. Se não houvesse o churrasco caseiro, os homens seriam muito mais tristes, muito mais violentos. Fazer um churrasco num sábado, resolve todos os problemas da firma, do casamento e dos filhos. O homem vira um herói de si mesmo.


Citações na internet de amantes do churrasco

Também uso cebolinha picadinha com um pouquinho de azeite, sempre tem uma saladinha diferente. Bebida é mais refrigerante, pouca cerveja. Gosto mesmo é de curtir ficar em casa mesmo que é bom. Motorista está sempre cansado.

Marco Antonio Sena Percival, 39 anos Compro a carne para o mês inteiro aqui no Mercado, há três anos. Como não tem churrasqueira no condomínio, então faço churrasco de forno. Costela, ripa, chuleta, salsichão e linguiça no forno. É o lugar que eu tenho, então me viro pra sair o churrasquinho todo fim de semana, todos os sábados. O açougueiro aqui já sabe o que eu quero. A minha mulher prepara antes, ao meio dia para assar de noite e já fica pronto para o domingo que é o único dia que tem pra dormir até mais tarde. Já o tempero para o frango é o orégano e para a carne, sal grosso. Salada, pão d´água e cerveja, que não pode faltar. Gaúcho tem que ter todo fim de semana um churrasquinho, senão não é gaúcho.

Flavio Henrique D’Agostino, 56 anos Estou a passeio, na casa do meu cunhado. “Fui contratado para fazer o churrasco. Ele me bota nesta empreitada de fazer o churrasco, que o homem é fraco. O grande segredo é gostar de fazer churrasco. Tempero e sal grosso, sem muita mudança e bom fogo. Gosto de fazer costela, vazio, picanha, geralmente. Também costumamos fazer uma linguiça que a gente traz da fronteira, que é muito boa. E sem muito pão, que é para não estragar o gosto de churrasco. Mas a grande jogada é a reunião familiar, a partir daí vai rolando. O objetivo principal não é comer, mas a confraternização, o bate papo bem descontraído. E cerveja, evidentemente!

Paulo Roberto Caetano,65 anos Sou motorista de uma empresa. Meu irmão está de aniversário e me convidou para um churrasquinho na casa dele. Vou ter que fazer porque ele não sabe nem acender o fogo. Vim aqui no Mercado comprar uma carnezinha. O segredo é não “apurar” o churrasco. Quanto mais longe do fogo melhor, fica uma carne macia, pega bem o tempero e fica bem gostosa. Só uso sal grosso e boto na hora que ela vai para o fogo. Como acompanhamento, um salsichão, ou um porquinho para aperitivo. E a carne de fundo é a costela. Também faço uma cebolinha assada no espeto, depois a minha mulher tempera. Bebida? Hoje vai ser vinho por causa da temperatura, cai melhor um tinto. O ritual é levantar de manhã, ver se os espetinhos estão prontos, ver o carvão, fazer um fogo. Música? Curto mais samba de raiz, faço uma caipira, o pessoal vai se reunindo, recebo a visita de amigos que tocam samba comigo.

Luzardo Alves dos Santos, taxista, 61 anos Venho buscar ripa, porco, salsichão, coraçãozinho, onde tem o melhor preço. O ritual do churrasco é acordar às 8 horas e preparar a carne. Ali pelas 11 e meia boto no fogo pra comer à meia hora. O tempero normal, sal grosso uma salmourinha pra não queimar muito a carne, um limãozinho - é invenção porque o certo mesmo é só sal grosso, como no churrasco campeiro.

Luiz Torrano, 28 anos Costumo comprar carne no Mercadão. Costela, maminha, vazio, picanha, são os clássicos. E também coraçãozinho, linguiça. Faço o meu churrasco em casa. Hoje vamos fazer um futebol e depois aquela carne. O tempero é sal grosso, coraçãozinho com limão e orégano. Como acompanhamento, cebolinha, batata e cerveja e a pedida da galera, caipirinha. Também gosto de fazer batata doce direto na brasa, no fogo, na grelha, a galera gosta de inventar. “Às vezes faço recheada, com gorgonzola, ou roqueford, enrolada no papel alumínio, ou então no espeto mesmo, é uma receita uruguaia. Sobrtemesa? Abacaxi com canela, vai assando ou bananinha na grelha com casca e tudo, pode fazera banana com chocolate, doce de leite ou canela, é só abrir e colocar. E dá uma grelhadinha.


1

O

EIRA D F ª

M

ER

SP

CHURRASCO CADÃO |

MERCADO MUNICIPAL KINJO YAMATO (CANTAREIRA) MERCADO MUNICIPAL PAULISTANO (CENTRO) MERCADO MUNICIPAL DR. AMERICO SUGAI (SÃO MIGUEL) CENTRAL DE ABASTECIMENTO LESTE MERCADO M. SEN. ANTONIO EMYDIO DE BARROS (PENHA) MERCADO MUNICIPAL ANTONIO MENEGHINI (VILA FORMOSA) MERCADO MUNICIPAL LEONOR QUADROS (GUAIANASES) MERCADO MUNICIPAL DE SAPOPEMBA MERCADO MUNICIPAL TEOTONIO VILELA (SAPOPEMBA) MERCADO MUNICIPAL JOSÉ GOMES DE MORAES NETO (IPIRANGA) MERCADO MUNICIPAL DE SANTO AMARO MERCADO MUNICIPAL DE PIRITUBA MERCADO MUNICIPAL RINALDO RIVETTI (LAPA) MERCADO MUN. ENGº JOÃO PEDRO DE CARVALHO NETO (PINHEIROS) MERCADO MUNICIPAL DE TUCURUVI

GRUPO DE MIDIA

Av. Dr. Gastão Vidigal, 1946 Edsed II - loja 14 a - Ceagesp (11) 3831.4875 www.jornalentreposto.com.br

Feira do Churrasco  

Apresentação do evento

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you