Issuu on Google+

guia da secretaria municipal de cultura | fevereiro 2014 | nº 75

Obras do agitador cultural, artista plástico e arquiteto são reunidas no Ibirapuera, pág. 34

na Oca

Flavio de Carvalho

| OSM recebe La Fura Dels Baus em concerto multimídia no Municipal, pág. 31

Samba Sampa

| Bailarinos do Balé da Cidade mostram seu lado coreógrafo na Galeria Olido, pág. 32

emcartaz | FEVEREIRO DE 2014

1


de

São Paulo Procurando criar melhores condições para os desfiles de bandas, blocos e cordões carnavalescos, desde a saída até o conforto dos foliões e cidadãos, a Prefeitura convidou os grupos para se cadastrar e, com essas informações, fazer um planejamento. Para mais informações, acesse www.carnavalderuadesaopaulo.com.br


emcartaz

siga-nos no twitter:

@revistaemcartaz http://www.facebook.com

cinema A que distância, filme de Tania Hermida

música

Marcos VilasBoas

/revistaemcartaz

Cine Olido exibe filmes realizados recentemente no Equador, pág. 2

Espetáculo Oras bolas/Vitor Vieira

teatro

Bárbara Eugenia canta músicas do último e premiado CD, “É o que temos”, pág. 24

2

cinema

18 teatro

Cia. Noz festeja dez anos reencenando quatro peças para crianças, pág. 23

Bob Wolfenson

encontros

24

música

32

dança

34 exposições 39

cursos e oficinas

42

palestras, debates e encontros

46 na

estante

47 nossos

Carnaval da Trupe Chá de Boldo recebe Marcia Castro, Mariana Aydar e Maria Alcina, pág. 42

endereços

Nossa programação é fechada com antecedência e está sujeita a alterações emcartaz | FEVEREIRO DE 2014

1


cinema CINEMA EQUATORIANO CHEGA AO CINE OLIDO

A

inda pouco conhecido no circuito mundial, o cinema produzido no Equador ganha espaço em São Paulo durante a Mostra de Filmes Equatorianos, que chega ao Cine Olido, entre os dias 18 de fevereiro e 16 de março. Produzida em parceria com o Conselho Nacional de Cinematografia do Equador (CnCine) e a produtora Klaxon Cultura Audiovisual, a programação exibe os títulos mais relevantes dos últimos dez anos, lançados com a ajuda da primeira lei de incentivo ao cinema no país, criada em 2006. A seleção privilegia os filmes mais premiados em festivais internacionais e também aqueles que obtiveram destaque de bilheteria no Equador. Considerada pioneira no renascimento da cinematografia do país, Tania Hermida tem dois de seus longas-metragens na mostra: “A que distância” (2006) e “Em nome da filha” (2011). O primeiro conferiu à cineasta o prêmio de Diretor Estreante no Festival de Havana (Cuba) e o de Melhor Longa de Estreia, em Montreal (Canadá). O segundo título faturou prêmios nos festivais de Roma (Itália) e também de Havana. Diretor mais prestigiado internacionalmente, Sebastián Cordero tem sua produção represen-

tada por “Pescador” (2011), filme premiado nos festivais de cinema de Guadalajara (México), San Sebastián (Espanha) e Cartagena (Chile). O enredo acompanha um jovem totalmente deslocado por morar com a mãe em uma aldeia de pescadores. “Melhor não falar de certas coisas” (2012), de Javier Andrade, longa escolhido para representar o Equador no Oscar 2013, também integra a programação do Olido e leva à tela a discussão sobre o consumo de drogas entre dois irmãos. Para o público infantojuvenil, a mostra traz “Sara, o espantalho” (2007), de Jorge Vivanco, que trata da boneca tão bela que atrai, ao invés de afugentar, os pássaros de uma fazenda. Também compõem a seleção filmes de novos diretores, como Juan Carlos Donozo Gomez, com “Saudade” (2013), que fez parte da 37ª Mostra Internacional de Cinema em São Paulo, em outubro do ano passado. A produção acaba de estrear no Equador e aguarda lançamento na Europa como parte da programação do Festival de Cinema Latino-Americano de Toulouse (França). | Natália Tayota | Veja programação na página 7.

Dirigido por Sebastián Cordero, “Pescador” foi premiado em Guadalajara, San Sebastián e Cartagena 2

FEVEREIRO DE 2014 | emcartaz


Robert Downey Jr. protagoniza “Chaplin”, longa de Richard Attenborough

CINEBIOGRAFIAS BIBLIOTECA PÚBLICA PEDRO NAVA | ZONA NORTE | 5ª | LIVRE | GRÁTIS | Todas as projeções têm suporte em DVD.

FRIDA (México/EUA, 2002, 122 min). Dir.: Julie Taymor. Com Salma Hayek, Alfred Molina, Antonio Banderas e outros. +14 anos.

Frida Kahlo foi um dos principais nomes das artes mexicanas. Teve um agitado casamento aberto com o também pintor Diego Rivera, com quem modernizou a produção artística do país, um controverso caso com o revolucionário Leon Trotsky, além de provocantes romances com mulheres. | Dia 6, 14h

CHAPLIN (Inglaterra/EUA, 1992, 138 min). Dir.: Richard Attenborough. Com Robert Downey Jr., Geraldine Chaplin, Dan Aykroyd e outros. +12 anos.

A comovente história de um dos maiores gênios do cinema, Charlie Chaplin, retratada desde sua infância pobre na Inglaterra até o recebimento de um Oscar Especial e as circunstâncias que o levaram a ser expulso dos Estados Unidos e se exilar na Suíça. | Dia 13, 14h

NOEL - POETA DA VILA (Brasil, 2006, 99 min). Dir.: Ricardo van Steen. Com Rafael Raposo, Camila Pitanga, Paulo César Pereio e outros. +12 anos.

Biografia do compositor carioca Noel Rosa, que, após o sucesso do samba “Com que roupa?”, ficou conhecido em todo o Brasil, sem largar, no entanto, a vida de farra e boemia que o conduziram a uma morte precoce, aos 26 anos. | Dia 20, 14h

VIOLETA FOI PARA O CÉU (Violeta se fue a los cielos, Chile/Argentina/Brasil, 2011, 110 min). Dir.: Andrés Wood. Com Francisca Gavilán, Christian Quevedo, Thomas Durand e outros. +14 anos.

Vida da pintora, escultora, poeta e cantora Violeta Parra, considerada a fundadora da música popular chilena. | Dia 27, 14h

CINECLUBE DO IPIRANGA: FESTIVAL 16MM BIBLIOTECA PÚBLICA ROBERTO SANTOS | ZONA SUL | SÁB. | +14 ANOS | GRÁTIS | Todas as projeções têm suporte em 16mm. emcartaz | FEVEREIRO DE 2014

3


O ANJO DA MORTE

MAIS UMA VEZ AMOR

(Smrt si rika engelohen, Tchecoslováquia, 1963, 111 min, PB). Dir.: Jean Kadar e Elmar Kllós. Com Jan Kacer, Eva Polakova e outros.

(Brasil, 2005, 95 min). Dir.: Rosane Svartmann. Com Dan Stulbach, Christiane Fernandes, Juliana Paes e outros. +12 anos.

História da resistência tchecoslovaca contra a Alemanha na Segunda Guerra Mundial, contada por meio das memórias de um de seus soldados (filme inédito no Brasil).

Casal vive uma tórrida história de amor ao longo de muitos anos, apesar de sempre se relacionarem com outras pessoas.

| Dia 1º, 19h

HORÁRIO DE VISITAS (Visiting hours, Canadá, 1982, 105 min). Dir.: Jean Claude Lord. Com Willian Shatner, Michael Ironside, Lee Grant e outros.

Ex-jornalista sensacionalista é internada em um hospital para se recuperar do ataque de um maníaco, sem saber que o perigo está mais próximo do que ela poderia imaginar. | Dia 8, 19h

PAIXÕES QUE ALUCINAM (Shock corridor, EUA, 1963, 110 min). Dir.: Samuel Fuller. Com Peter Breck, Contance Tower, Gene Evans e outros.

Jornalista investigativo interna-se em um hospício para descobrir o autor de um assassinato. | Dia 15, 19h

O MODERNO BARBA AZUL (El moderno Barba Azul, México, 1946, 100 min, PB). Dir.: Jaime Salvador. Com Buster Keaton, Luiz G. Barreiro e outros.

| Dia 13, 14h30

MEU NOME NÃO É JOHNNY (Brasil, 2008, 126 min). Dir.: Mauro Lima. Com Selton Mello, Cléo Pires, Júlia Lemmertz e outros. +14 anos.

João Guilherme Estrella é um típico jovem da classe média carioca. Inteligente e simpático, ele é adorado pelos pais e popular entre os amigos. Abusando do espírito aventureiro e boêmio, torna-se rei do tráfico de drogas da zona sul e é preso. | Dia 20, 14h30

GATÃO DE MEIA-IDADE (Brasil, 2006, 89 min). Dir.: Antônio Carlos da Fontoura. Com Alexandre Borges, Júlia Lemmertz, Marcio Kieling e outros. +16 anos.

Charmoso designer quarentão vive conflitos típicos da idade, mas curte a vida com total disponibilidade para as namoradas e os amigos, enquanto tenta administrar a relação com a filha e a ex-mulher. | Dia 27, 14h30

CINEMA NA PAULO SETÚBAL

Comédia sobre as desventuras de um marinheiro sobrevivente de guerra que é confundido com um serial killer mexicano, preso numa cela com um bandido americano.

BIBLIOTECA PÚBLICA PAULO SETÚBAL | ZONA LESTE | 2ª | GRÁTIS

| Dia 22, 19h

SCOTT PILGRIM CONTRA O MUNDO

CINEMA NACIONAL BIBLIOTECA PÚBLICA CORA CORALINA | ZONA LESTE | 5ª | LIVRE | GRÁTIS | Todas as projeções têm suporte em DVD.

| Todas as projeções têm suporte em DVD.

(Scott Pilgrim vs. the world, EUA, 2010, 113 min). Dir.: Edgar Wright. Com Alison Pill, Johnny Simmons, Kieran Culkin e outros. +12 anos.

Integrante de uma banda de colégio conhece a mulher de seus sonhos, mas só poderá conquistar seu coração se lutar contra os sete ex-namorados dela. | Dia 10, 16h

OS DESAFINADOS (Brasil, 2008, 138 min). Dir.: Walter Lima Jr. Com Rodrigo Santoro, Selton Mello, Ângelo Paes Leme e outros. +12 anos.

SENNA

Na década de 60, cinco amigos formam uma banda e sonham tocar no Carnegie Hall. Arriscando tudo, partem para Nova York e criam o grupo Os Desafinados, integrando o movimento da Bossa Nova.

Documentário sobre o piloto Ayrton Senna, tricampeão mundial, desde a ascensão no automobilismo até sua morte em pleno GP de San Marino, em 1994, passando pela rivalidade com Alain Prost e os problemas enfrentados nos bastidores da Fórmula 1.

| Dia 6, 14h30 4

FEVEREIRO DE 2014 | emcartaz

(Brasil, 2010, 107 min, documentário). Dir.: Asif Kapadia. Com Ayrton Senna, Jackie Stewart, Nelson Piquet e outros. Livre.

| Dia 24, 16h


Baseado em história em quadrinhos, “Scott Pilgrim contra o mundo” mostra rapaz enfrentando os ex-namorados de uma garota

CINEMA NA PENHA CENTRO CULTURAL DA PENHA | TEATRO MARTINS PENNA | ZONA LESTE | 3ª | GRÁTIS | Todas as projeções têm suporte em DVD. | Retirar ingresso a partir das 18h30.

A LENDA DO CAVALEIRO SEM CABEÇA (Sleepy Hollow, EUA, 1999, 111 min). Dir.: Tim Burton. Com Johnny Depp, Christina Ricci, Michael Gambon e outros. +14 anos.

Em 1799, uma série de inocentes tem suas cabeças cortadas no pequeno vilarejo americano de Sleepy Hollow. O detetive Ichabod Crane, um excêntrico oficial de polícia, é chamado para solucionar o caso. | Dia 4, 19h30

CIDADE CINZA (Brasil, 2013, 80 min). Dir.: Marcelo Mesquita e Guilherme Valiengo. Livre.

Nas ruas de São Paulo, nasceu uma nova forma de graffiti, na qual o hip-hop americano foi substituído pela cultura regional brasileira. Rapidamente, obras de Osgemeos, Nunca e Nina Pandolfo se espalharam pelas ruas e, depois, pelas galerias do mundo. A partir de um episódio envolvendo a dupla Osgemeos, o documentário trata de temas como apropriação do espaço urbano e dos impasses entre grafiteiros e autoridades públicas. | Dia 11, 19h30

EDWARD MÃOS DE TESOURA (Edward Scissorhands, EUA, 1990, 105 min). Dir.: Tim Burton. Com Johnny Depp, Winona Ryder, Dianne Wiest e outros. +16 anos.

Vendedora de cosméticos conhece o jovem excêntrico que mora sozinho em um castelo localizado no topo da montanha. Criado por um inventor, o rapaz tem lâminas no lugar das mãos e isso impede que ele se aproxime dos humanos. | Dia 18, 19h30

O ESTRANHO MUNDO DE JACK (The nightmare before Christmas, EUA, 1993, 76 min, animação). Dir.: Henry Selick. +12 anos.

Entediado com a vida na Cidade do Halloween, local habitado por criaturas fantásticas, um ser atravessa o portal do Natal. Ao retornar, tenta convencer seus companheiros a sequestrarem o Papai Noel. | Dia 25, 19h30

COMO FICAR MILIONÁRIO EM 16 PASSOS FALSOS BIBLIOTECA PÚBLICA ROBERTO SANTOS | ZONA SUL | DE 2 A 28 | GRÁTIS | Todas as projeções têm suporte em DVD.

emcartaz | FEVEREIRO DE 2014

5


O ASSALTO

BONNIE E CLYDE - UMA RAJADA DE BALAS

(Heist, EUA, 2007, 107 min). Dir.: David Mamet. Com Gene Hackman, Danny DeVito, Delroy Lindo e outros. +14 anos.

(Bonnie and Clyde, EUA, 1967, 111 min). Dir.: Arthur Penn. Com Warren Beatty, Faye Dunaway, Michael J. Pollard e outros. +14 anos.

Flagrado por uma câmera enquanto fugia de um roubo, ladrão precisa convencer seus comparsas a praticar mais um assalto para agradar ao receptador, que está insatisfeito com a falha ocorrida durante a ação. | Dia 2, 16h

PRENDA-ME SE FOR CAPAZ (Catch me if you can, EUA, 2002, 140 min). Dir.: Steven Spielberg. Com Leonardo DiCaprio, Tom Hanks, Christopher Walken e outros. +12 anos.

Cinebiografia adaptada do famoso casal de amantes e bandidos, Clyde Barrow e Bonnie Parker, que aterrorizou o interior dos EUA durante a Depressão. | Dia 9, 16h

JOGOS ENTRE LADRÕES (The code, EUA/Alemanha, 2009, 103 min). Dir.: Mimi Leder. Com Morgan Freeman, Antonio Banderas, Radha Mitchell e outros. +14 anos.

Rapaz, mestre em disfarces, dá golpes milionários e é perseguido por um agente do FBI.

Criminoso que precisa quitar uma dívida com a máfia conhece um experiente ladrão que o convida a roubar uma valiosa joia russa.

| Dia 2, 18h

| Dia 9, 18h

LADRÃO DE DIAMANTES

AS LOUCURAS DE DICK E JANE

(After the sunset, EUA, 2004, 100 min). Dir.: Brett Ratner. Com Pierce Brosnan, Salma Hayek, Woody Harrelson e outros. +12 anos.

(Fun with Dick and Jane, EUA, 2005, 90 min). Dir.: Dean Parisot. Com Jim Carrey, Tea Leoni, Alec Baldwin e outros. +14 anos.

Após um grande roubo, assaltante decide abandonar a vida de crimes para morar com sua namorada em uma ilha. Um agente do FBI vai até o lugar para se certificar de que o ladrão cumprirá a promessa.

Desempregado, casal que vivia confortavelmente decide sobreviver dando golpes. Um, em particular, pode torná-lo milionário. | Dia 14, 16h

| Dia 7, 16h

O BANDIDO DA LUZ VERMELHA

MAVERICK

(Brasil, 1968, 92 min). Dir.: Rogério Sganzerla. Com Paulo Villaça, Helena Ignez, Sérgio Hingst e outros. +16 anos.

(EUA, 1994, 127 min). Dir.: Richard Dooner. Com Mel Gibson, Jodie Foster, James Garner e outros. +12 anos.

Para conseguir o dinheiro da inscrição de um grande campeonato de pôquer, um esperto jogador vive diversas aventuras e chega ao Oeste, onde engana bandidos e índios. | Dia 7, 19h

Conhecido como Bandido da Luz Vermelha por usar uma lanterna, assaltante de mansões em São Paulo planeja roubos com fugas mirabolantes, relaciona-se com suas vítimas, engana a polícia e conhece uma provocante prostituta da Boca do Lixo. | Dia 14, 19h

Steven Spielberg dirige Leonardo DiCaprio em “Prenda-me se for capaz”, comédia sobre um ladrão mestre em disfarces 6

FEVEREIRO DE 2014 | emcartaz


NOVE RAINHAS (Nueve Reinas, Argentina, 2000, 115 min). Dir.: Fabián Bielinsky. Com Ricardo Darín, Gastón Pauls, Leticia Brédice e outros. +12 anos.

Dois golpistas se juntam para participar de uma negociação milionária envolvendo uma série de selos falsificados, conhecidos como Nove Rainhas, objeto de desejo de um milionário espanhol. | Dia 16, 16h

GOLPE DE MESTRE (The sting, EUA, 1973, 129 min). Dir.: George Roy Hill. Com Paul Newman, Robert Redford, Robert Shaw e outros. Livre.

Ambientada nos anos 30, esta comédia retrata as ambições de um pequeno vigarista e de um jogador veterano que tentam se vingar de um poderoso gângster pelo assassinato de um amigo.

Paul Newman em cena de “Golpe de mestre”

| Dia 16, 18h

A TRAPAÇA PICKPOCKET, O BATEDOR DE CARTEIRAS (Pickpocket, França, 1959, 75 min). Dir.: Robert Bresson. Com Cesar Gattegno, Dolly Scal, Jean Pelegri e outros. +14 anos.

(Il bidone, França/Itália, 1955, 104 min). Dir.: Federico Fellini. Com Broderick Crawford, Giulietta Masina, Richard Basehart e outros. Livre.

Inspirado no romance “Crime e castigo”, de Fiódor Dostoiévski, o filme relata a trajetória de um batedor de carteiras.

Em Roma, três vigaristas ganham a vida dando pequenos golpes, aproveitando-se da ingenuidade dos camponeses, mas um deles decide mudar de atitude.

| Dia 21, 16h

| Dia 28, 16h

ACOSSADO

60 SEGUNDOS

(A bout de souffle, França, 1959, 90 min). Dir.: Jean-Luc Godard. Com Jean-Paul Belmondo, Jean Seberg, Daniel Boulanger e outros. +12 anos.

(Gone in 60 seconds, EUA, 2000, 120 min). Dir.: Dominic Sena. Com Nicolas Cage, Angelina Jolie, Giovanni Ribisi e outros. +14 anos.

Ladrão parisiense se envolve com uma jovem norte-americana que o ajudará a escapar da polícia.

Depois de abandonar a incrível atividade de roubar carros por apenas 60 segundos, homem volta a agir para tentar livrar o irmão caçula do mesmo destino.

| Dia 21, 19h

ONZE HOMENS E UM SEGREDO (Ocean’s eleven, EUA, 2001, 117 min). Dir.: Steven Soderbergh. Com George Clooney, Brad Pitt, Julia Roberts e outros. +12 anos.

Recém-saído da cadeia, ladrão reúne 11 assaltantes para dar um golpe em três cassinos de Las Vegas em apenas uma noite, enquanto ocorre uma luta que vale o título mundial dos pesos-pesados. | Dia 23, 16h

O GRANDE GOLPE (The killing, EUA, 1956, 84 min). Dir.: Stanley Kubrick. Com Sterling Hayden, Coleen Gray, Vince Edwards e outros. +12 anos.

Para conseguir assaltar o hipódromo, ladrão elabora um plano perfeito em que nada pode sair do combinado. | Dia 23, 18h

| Dia 28, 19h

FILMES EQUATORIANOS GALERIA OLIDO | CINE OLIDO | CENTRO | DE 18/2 A 16/3 | R$ 1 Parceria: Conselho Nacional de Cinematografia do Equador (CnCine) e produtora Klaxon Cultura Audiovisual.

Veja destaque na página 2. | Todas as projeções têm suporte em DVD.

SAUDADE (Equador/Argentina/Canadá, 2013, 100 min). Dir.: Juan Carlos Donoso Gomez. Com Pancho Baquerizo Racines, Joaquin Davila, José Luis Trujillo e outros. +14 anos.

Quando descobre que sua mãe biológica, que nunca conheceu, está gravemente doente, um jovem se vê obrigado a reinventar seu mundo até então sob controle. | Dia 18, 19h emcartaz | FEVEREIRO DE 2014

7


A QUE DISTÂNCIA

SARA, O ESPANTALHO

(Qué tan lejos, Equador, 2006, 93 min). Dir.: Tania Hermida. Com Tania Martinez, Cecilia Vallejo, Pancho Aguirre e outros. +14 anos.

(Sara, la espantapájaros, Equador, 2007, 70 min). Dir.: Jorge Vivanco. Com Flormarina Montalvo, Lenin Zambrano, Elena Larrea e outros. Livre

Enquanto viajam pelas montanhas de Cuenca, no Equador, Esperanza e Tristeza mergulham numa jornada de autodescoberta.

Farta pelo fato dos pássaros comerem o milho de sua propriedade, a família de Yuyari o encarrega de fabricar um espantalho. O resultado é Sara, que fica bela a ponto de atrair mais pássaros. Ao ganhar vida, a boneca confessa que seu maior desejo é voar, fazendo Yuyari partir em uma aventura para ajudá-la.

| Dia 19, 17h

PROMETEU DEPORTADO (Prometeo deportado, Equador/Venezuela, 2010, 111 min). Dir.: Fernando Mieles. Com Carlos Gallegos, Ximena Miles, Juana Guarderas e outros. +12 anos.

Diante das janelas de imigração, passageiros fazem fila com os documentos nas mãos. Os membros da União Europeia passam sem problemas pela alfândega, enquanto os “outros” esperam. Em meio a queixas e reclamações, um grupo de equatorianos é detido. Todos escondem algo. Entre eles estão Prometeu, um jovem que carrega um baú de mágica em sua bagagem, mas é acorrentado como delinquente, e Afrodita, que esconde sua verdadeira identidade.

PESCADOR (Equador/Colômbia, 2011, 96 min). Dir.: Sebastián Cordero. Com Andrés Crespo, María Cecilia Sánchez, Carlos Valencia e outros. +16 anos.

IMPULSO

Blanquito tem 30 anos e mora com a mãe num pequeno povoado pesqueiro da costa norte do Equador. Ele não é pescador, sente que esse não é seu destino e, diariamente, ameaça partir em busca de seu suposto pai. Lorna, a misteriosa mulher por quem é obcecado, também deseja sair dali. Em uma manhã, quando uma série de caixas é levada à beira da praia pela maré, eles verão uma oportunidade de deixar o povoado.

(Equador, 2009, 83 min). Dir.: Mateo Herrera. Com Cecilia Vallejo, Erika Granda, Carlos Racínes e outros. +16 anos.

| Dia 22, 17h

COM MEU CORAÇÃO EM YAMBO

Cansada de sua vida na cidade, Jessica decide ir para o campo em busca do pai. Recebida pelos tios e um primo em uma fazenda inicialmente acolhedora e familiar, ela passa a vivenciar acontecimentos estranhos. Enquanto inicia um relacionamento amoroso com o primo, o ambiente fica cada vez mais inquietante.

(Con mi corazón em Yambo, Equador, 2011, 140 min, documentário). Dir.: Maria Fernanda Restrepo. +12 anos.

| Dia 20, 17h

| Dia 20, 19h

ATRÁS DE TI (A tus espaldas, Equador/Venezuela, 2010, 76 min). Dir.: Tito Jara. Com Gabino Torres, Jenny Navas, Lili Alejandra e outros. +14 anos.

A estátua da Nossa Senhora que coroa El Panecillo, monte que divide a capital Quito em duas, observa e sorri ao norte da cidade, onde vivem as pessoas mais bem estabelecidas. Ao sul, área mais populosa, os pobres apenas conseguem ver as costas da Nossa Senhora. Nesse contexto, um jovem trabalha em um banco e procura esquecer e ocultar a própria origem humilde e sua identidade racial mestiça. | Dias 21 e 27, 17h 8

| Dia 22, 15h

FEVEREIRO DE 2014 | emcartaz

Em 1988, quando a diretora tinha 10 anos, seus dois irmãos, de 14 e 17 anos, deveriam buscá-la em uma festa infantil, mas não apareceram. Depois de um ano de angústia, ela descobre que naquele dia os rapazes foram torturados e assassinados pela polícia equatoriana, sem razão alguma, e seus corpos nunca foram encontrados. | Dia 22, 19h

EM NOME DA FILHA (En el nombre de la hija, Equador, 2011, 103 min). Dir.: Tânia Hermida. Com Eva Mayu Mecham Benavides, Markus Mecham Benavides e outros. Livre.

Ambientada no verão de 1976, a história conta a luta de uma menina de 9 anos cujo nome está em disputa. Manuela tem o nome de seu pai, socialista e ateu, mas sua avó, católica e conservadora, insiste em chamá-la, como a todas as primogênitas da família, Dolores. Determinada a defender as ideias do pai, Manuela enfrenta os parentes, até que um encontro inesperado a obriga a enfrentar a si mesma. | Dia 23, 15h


De Javier Andrade, “Melhor não falar de certas coisas” foi o filme que representou o Equador no Oscar em 2013

MELHOR NÃO FALAR DE CERTAS COISAS (Mejor no hablar de ciertas cosas, Equador, 2012, 100 min). Dir.: Javier Andrade. Com Andrés Crespo, Victor Aráuz, Francisco Savinovich e outros. +14 anos.

Paco e Luis, seu irmão mais novo, levam vidas sem rumo, com grande consumo de drogas. Certo dia, em desespero, eles decidem roubar um cavalo de porcelana da casa de seus pais, dando sequência a momentos que os assombrarão para sempre. | Dia 23, 17h

AVÔS (Abuelos, Equador/Chile, 2010, 92 min, documentário). Dir.: Carla Valencia Dávila. Livre.

Viagem pessoal em busca de dois avôs. Dois sonhos que se refletem em duas paisagens: uma de frondosas montanhas, outra do desolado e árido deserto de Atacama. | Dia 25, 19h

QUANDO A MORTE NOS VISITOU (De cuando la muerte nos visitó, Equador, 2003, 81 min, documentário). Dir.: Yanara Guayasamín. +12 anos.

Todos os povos do mundo criaram lendas, relatos e mitos tentando encontrar um sentido, talvez um antídoto, para a inexorabilidade da morte. Num dia qualquer de um recôndito povoado da costa equatoriana, sucessivos personagens apresentam a verdadeira protagonista da história. | Dia 26, 17h

OS MUROS SILENCIOSOS (Labranza oculta, Equador, 2010, 65 min). Dir.: Gabriela Calvache. Com Segundo Caiza, Luis Cando, Julio Ambas e outros. +12 anos.

É no interior das moradias, atrás de suas paredes silenciosas, que se escondem os mais recônditos e intensos segredos

humanos. Assim acontece com a Casa de Alabado, parte do centro histórico de Quito sobrevivente do tempo e de toda sorte de mudanças, local de extraordinária beleza que esconde a trágica história das massas indígenas. | Dia 27, 19h

BALTAZAR USHKA, O TEMPO CONGELADO (Baltazar Ushka, el tiempo congelado, Equador, 2008, 22 min, documentário). Dir.: Igor e José Antonio Guayasamín. +12 anos.

A 6.267 metros de altura, no vulcão mais alto do mundo, trabalha Baltazar Ushka há mais de 30 anos. Toda uma comunidade costumava tirar gelo do vulcão, transportá-lo e depois vendê-lo, mas agora só resta Baltazar. O filme viaja no tempo de maneira circular, coerente com a cosmovisão indígena, fazendo um retrato da vida do último “geleiro” do Chimborazo.

YAKUAYA, A ESSÊNCIA DA ÁGUA (Yakuaya, la esencia del agua, Equador, 2012, 54 min, documentário). Dir.: Marcelo Castillo. Com Washington Serrano, Segundo Duqye e Gabriela C. Zambrano. +12 anos.

Yakuaya (Yaku = água, aya = essência, sangue e espírito) é um documentário que acompanha a viagem de uma gota d’água, desde sua origem em uma geleira até a chegada ao mar. Em seu trajeto, o líquido influi na vida de um camponês, reveste o ritmo de uma fábrica, reúne as pessoas de uma cidade, revitaliza a vida de um homem e de uma mulher, conduz o navegante de um rio, desperta a esperança num deserto e acolhe a inocência das crianças na beira do mar. | Exibições seguidas. Dia 28, 17h emcartaz | FEVEREIRO DE 2014

9


MELODRAMA: CLÁSSICOS E VARIAÇÕES BIBLIOTECA PÚBLICA VIRIATO CORRÊA | SALA LUIZ SERGIO PERSON | ZONA SUL | DE 1º A 15 | GRÁTIS | Todas as projeções têm suporte em DVD.

IMITAÇÃO DA VIDA (Imitation of life, EUA, 1959, 125 min). Dir.: Douglas Sirk. Com Lana Turner, John Gavin, Sandra Dee e outros. +12 anos.

Criada na casa de uma atriz que se torna famosa, garota se nega a aceitar que é afrodescendente e que sua mãe é a empregada. | Dia 1º, 15h

ALI, O MEDO CORRÓI A ALMA (Angst essen seeleauf, Alemanha, 1974, 93 min). Dir.: Rainer Werner Fassbinder. Com Brigitte Mira, El Hedi Ben Salem, Barbara Valentin e outros. +14 anos.

Viúva enfrenta o preconceito da família e dos amigos depois que resolve se casar com um homem negro e muçulmano, vinte anos mais novo que ela.

Angelina Jolie protagoniza “A troca”, drama de Clint Eastwood

| Dia 1º, 17h

ROLETA CHINESA

ASSIM ESTAVA ESCRITO

(Chinesisches roulette, Alemanha/França, 1976, 86 min). Dir.: Rainer Werner Fassbinder. Com Anna Karina, Brigitte Mira e outros. +18 anos.

(The bad and the beautiful, EUA, 1952, 118 min). Dir.: Vicente Minelli. Com Lana Turner, Kirk Douglas, Walter Pidgeon e outros. Livre.

Uma atriz de cinema, um diretor e um roteirista de sucesso são chamados para ajudar um produtor em decadência que, no passado, contribuiu com o êxito profissional deles. Porém, más recordações dessa época podem impedir que eles o auxiliem. | Dia 2, 17h

LONGE DO PARAÍSO (Far from heaven, EUA, 2002, 106 min). Dir.: Todd Haynes. Com Julianne Moore, Dennis Quaid, Dennis Haysbert e outros. +14 anos.

Nos anos 50, mulher leva uma vida tranquila de dona de casa até descobrir que o marido é homossexual. Aproxima-se, então, do jardineiro, que é negro, e é hostilizada pelos membros da comunidade. | Dia 7, 15h

SEGREDOS E MENTIRAS (Secrets & lies, França/Inglaterra, 1996, 142 min). Dir.: Mike Leigh. Com Brenda Blethyn, Timothy Spall, Marianne Jean-Baptiste e outros. Livre.

Mulher negra, adotada quando criança, decide conhecer seus pais biológicos e descobre que a mãe é branca, casada e tem outra filha. | Dia 7, 17h 10

FEVEREIRO DE 2014 | emcartaz

Casal resolve passar o fim de semana no castelo da família, cada um com seu amante, e são surpreendidos pela filha, desconfiada da infidelidade dos pais. | Dia 8, 15h

A FELICIDADE NÃO SE COMPRA (It’s a wonderful life, EUA, 1946, 130 min). Dir.: Frank Capra. Com James Stewart, Donna Reed, Lionel Barrymore e outros. Livre.

Na véspera de Natal, homem está à beira do suicídio quando é salvo por um anjo da guarda em missão para ganhar suas asas. O suicida descobre como a cidade seria diferente se ele não tivesse nascido. | Dia 8, 17h

LONGA JORNADA NOITE ADENTRO (Long day’s journey into night, EUA, 1962, 170 min). Dir.: Sidney Lumet. Com Dean Stockwell, Jason Robards, Katharine Hepburn e outros. +14 anos.

Relato autobiográfico da explosiva vida familiar de Eugene O’Neill, adaptada de texto teatral. A mãe viciada em drogas tenta aceitar a morte do filho, o pai afunda-se na bebida e o irmão mais velho permanece instável e desajustado. | Dia 9, 17h


OS EXCÊNTRICOS TENENBAUMS (The royal Tenenbaums, EUA, 2001, 110 min). Dir.: Wes Anderson. Com Gene Hackman, Gwyneth Paltrow, Luke Wilson e outros. +14 anos.

Casal tem três filhos, mas resolve se separar. Cada um dos herdeiros torna-se bem-sucedido. Vinte anos depois, o pai decide reatar os antigos laços com a família e lutar pelo amor da ex-esposa. | Dia 14, 15h

A TROCA (Changeling, EUA, 2008, 141 min). Dir.: Clint Eastwood. Com Angelina Jolie, Gattlin Griffith, Michelle Martin e outros. +16 anos.

Ao constatar que o filho desapareceu, telefonista de Los Angeles inicia uma peregrinação desesperada para encontrá-lo. | Dia 14, 17h

AS LÁGRIMAS AMARGAS DE PETRA VON KANT (Bitteren tranen der Petra von Kant, Alemanha, 1972, 124 min). Dir.: Rainer Werner Fassbinder. Com Margit Carstensen, Hannah Schygulla e outros. +14 anos.

Estilista de moda de prestígio e arrogante se apaixona por uma jovem aspirante a modelo que vai morar em sua casa.

agência paulista de fomento à produção e distribuição de obras audiovisuais, trazendo longas-metragens que contaram com apoio de programas de fomento da Secretaria Municipal de Cultura. | Todas as projeções têm suporte em DVD.

AMANHÃ NUNCA MAIS (Brasil, 2011, 78 min). Dir.: Tadeu Jungle. Com Lázaro Ramos, Maria Luisa Mendonça, Milhem Cortaz e outros. +14 anos.

Durante a noite, anestesista sai de casa para comprar um bolo de aniversário para a filha. O que seria um mero fato cotidiano, transforma-se numa verdadeira sequência de situações surrealistas. | Dia 1º, 15h

ESTRANHO ENCONTRO (Brasil, 1975, 92 min). Dir.: Walter Hugo Khouri. Com Mário Sérgio, Andrea Bayard, Sérgio Hingst e outros. +12 anos.

Durante uma viagem, rapaz encontra uma bela mulher à beira da estrada. Fugindo do amante, ela pede carona e o estranho a conduz até sua casa de campo. Lá, escondidos, iniciam um relacionamento amoroso, mas passam a sofrer com as constantes investidas do caseiro.

| Dia 15, 15h

| Dias 1º e 13, 17h

MEMÓRIA AUDIOVISUAL PAULISTA

TRABALHAR CANSA

GALERIA OLIDO | CINE OLIDO | CENTRO | ATÉ DIA 16 | R$ 1 Festejando os 460 anos da cidade de São Paulo, comemorados em 25 de janeiro, esta mostra enfoca o cinema paulista, exibindo títulos realizados entre as décadas de 50 e 80 por importantes cineastas. A seleção também homenageia a recente criação da SP Cine, nova

(Brasil, 2011, 99 min). Dir.: Juliana Rojas e Marco Dutra. Com Helena Albergaria, Marat Descartes, Gilda Nomacce e outros. +14 anos.

Dona de casa decide montar um minimercado e contrata uma empregada para cuidar dos afazeres domésticos. Quando o marido perde o emprego, a relação dos três sofre uma reviravolta e um incidente do passado vem à tona. | Dia 1º, 19h. Dia 16, 17h

Selecionado para a mostra On Certain Regard, no Festival de Cannes 2011, “Trabalhar cansa” marca a estreia de Marco Dutra e Juliana Rojas na direção de longas-metragens emcartaz | FEVEREIRO DE 2014

11


Marat Descartes (foto) é dirigido por Sérgio Bianchi em “Os inquilinos”

NA SENDA DO CRIME

O BANDIDO DA LUZ VERMELHA

(Brasil, 1954, 71 min). Dir.: Flaminio Bollini Cerri. Com Miro Cerni, Cleide Yáconis, Renato Consorte e outros. +12 anos.

(Brasil, 1968, 92 min). Dir.: Rogério Sganzerla. Com Paulo Villaça, Luiz Linhares, Helena Ignez e outros. +16 anos.

Acostumado a regalias, rapaz tenta encontrar um modo fácil de ganhar fortuna. Com a ajuda de uma quadrilha, planeja assaltar uma milionária.

Conhecido como Bandido da Luz Vermelha por usar uma lanterna, assaltante de mansões em São Paulo planeja roubos com fugas mirabolantes, relaciona-se com suas vítimas, engana a polícia e conhece uma provocante prostituta da Boca do Lixo.

| Dia 2, 15h. Dia 13, 19h

O CORINTIANO (Brasil, 1966, 100 min). Dir.: Milton Amaral. Com Amácio Mazzaropi, Elizabeth Marinho, Lúcia Lambertini e outros. Livre.

Barbeiro teimoso e fanático pelo Corinthians entra em conflito com a mulher, os filhos e os vizinhos palmeirenses depois que ganha, na rifa, um burro preto e branco. | Dias 2 e 12, 17h

LUZ NAS TREVAS - A VOLTA DO BANDIDO DA LUZ VERMELHA (Brasil, 2010, 83 min). Dir.: Helena Ignez e Ícaro Martins. Com Ney Matogrosso, André Guerreiro Lopes, Djin Sganzerla e outros. +14 anos.

Baseado em roteiro original, escrito por Rogério Sganzerla e Helena Ignez, o filme traz o cantor Ney Matogrosso na pele do anti-herói do clássico “O bandido da Luz Vermelha”, longa-metragem de Sganzerla rodado em 1968. Aqui, enquanto um idoso Luz Vermelha está na cadeia, seu filho segue os passos do pai, assaltando e aproveitando os prazeres da vida. | Dia 4, 17h. Dia 8, 15h 12

FEVEREIRO DE 2014 | emcartaz

| Dia 4, 19h. Dia 8, 17h

ANTÔNIA - O FILME (Brasil, 2006, 90 min) Dir.: Tata Amaral. Com Negra Li, Cindy Mendes, Leilah Moreno e outros. +12 anos.

História de quatro cantoras de hip-hop da Vila Brasilândia, bairro da zona norte da periferia de São Paulo. Contra todas as adversidades, elas montam um grupo e despontam para o sucesso. | Dias 5 e 9, 17h

OS INQUILINOS (Brasil, 2009, 103 min). Dir.: Sérgio Bianchi. Com Marat Descartes, Ana Carbatti, Umberto Magnani e outros. +14 anos.

Casal mora tranquilamente com os filhos num bairro periférico de São Paulo até que três rapazes suspeitos e arruaceiros ocupam a casa vizinha. | Dia 5, 19h


BEBEL, GAROTA PROPAGANDA

SIMÃO, O CAOLHO

(Brasil, 1967, 103 min). Dir.: Maurice Capovilla. Com Rossana Ghessa, Paulo José, Maurício do Valle e outros. +14 anos.

(Brasil, 1952, 95 min). Dir.: Alberto Cavalcanti. Com Mesquitinha, Yara Aguiar, Carlos Araújo e outros. Livre.

Garota de origem humilde procura a fama como modelo por meio de ligações amorosas com um jornalista, um homem rico, um produtor de TV e um publicitário.

Corretor de negócios caolho busca sorte na vida e deseja recuperar a vista perdida. Para tanto, submete-se às experiências de um inventor maluco. | Dia 12, 19h. Dia 16, 15h

| Dia 6, 17h. Dias 11 e 15, 19h

A SUPER FÊMEA (Brasil, 1973, 101 min). Dir.: Anibal Massaini Neto. Com Vera Fischer, Perry Salles, Walter Stuart e outros. +14 anos.

Bela modelo é contratada para fazer a campanha de uma pílula contraceptiva masculina, mas os homens desconfiam que o produto causa impotência. | Dia 6, 19h. Dia 11, 17h

A DAMA DO CINE SHANGHAI (Brasil, 1988, 114 min). Dir.: Guilherme de Almeida Prado. Com Maitê Proença, Antonio Fagundes, José Mayer e outros. +16 anos.

Numa noite de verão, um corretor de imóveis e ex-boxeador entra num cinema do centro para ver um filme policial. Na sala escura, conhece uma bela e misteriosa mulher, muito parecida com a protagonista. A partir desse encontro, ele se envolve numa aventura de suspense, paixão e assassinato. | Dia 7, 17h

CIDADE OCULTA (Brasil, 1986, 75 min). Dir.: Chico Botelho. Com Carla Camurati, Arrigo Barnabé, Cláudio Mamberti e outros. +16 anos.

Marginal sai da cadeia e decide se afastar de problemas, mas reencontra seu parceiro de gangue, que pede ajuda para reaver o dinheiro de um roubo. Ao mesmo tempo, conhece uma estrela de boates decadentes. | Dia 7, 19h. Dia 9, 15h

ESTA NOITE ENCARNAREI NO TEU CADÁVER (Brasil, 1967, 107 min). Com José Mojica Marins, Roque Rodrigues, Nádia Tell e outros. +16 anos.

O personagem Zé do Caixão retorna nesta saga depois de sobreviver ao ataque sofrido em “À meia-noite levarei sua alma”. Neste filme, a antiga busca pela mãe ideal para gerar seu filho continua. Ao raptar seis moças com a intenção de descobrir, por meio de torturas, qual é a mais corajosa, mata uma grávida, o que lhe causa enorme remorso. | Dia 8, 19h

FILME DEMÊNCIA (Brasil, 1985, 90 min). Dir.: Carlos Reichenbach. Com Enio Gonçalves, Emilio Di Biasi, Imara Reis e outros. +16 anos.

Burguês perde a fábrica de cigarros e a mulher, que quer se separar dele. Desencantado, rouba uma arma e sai pelas ruas da cidade em busca de um paraíso imaginário. | Dia 14, 17h

A MARGEM (Brasil, 1967, 96 min). Dir.: Ozualdo Candeias. Com Mário Benvenutti, Valéria Vidal, Lucy Rangel e outros. +16 anos.

Às margens do Rio Tietê, histórias de amor se desenrolam em meio à violência da metrópole. | Dia 14, 19h

BRÓDER (Brasil, 2010, 92 min). Dir.: Jefferson De. Com Jonathan Haagensen, Silvio Guindane, Caio Blat e outros. +14 anos.

Três amigos de origem pobre seguem rumos diferentes na vida: Jaiminho joga futebol num clube europeu, Pibe trabalha como corretor de seguros e Macu envolve-se com o crime. No dia do aniversário de Macu, os três se reencontram. | Dia 15, 15h

SÃO PAULO S/A (Brasil, 1965, 111 min). Dir.: Luiz Sergio Person. Com Walmor Chagas, Eva Wilma, Darlene Glória e outros. +14 anos.

Operário se torna sócio de uma firma de autopeças, mas vive angustiado e insatisfeito. Em busca de uma nova forma de vida, abandona a mulher, o filho e o emprego. | Dia 15, 17h

MUSICAL: CLÁSSICOS E VARIAÇÕES BIBLIOTECA PÚBLICA VIRIATO CORRÊA | SALA LUIZ SERGIO PERSON | ZONA SUL | DE 15 A 28 | GRÁTIS | Todas as projeções têm suporte em DVD.

emcartaz | FEVEREIRO DE 2014

13


SINFONIA EM PARIS (An american in Paris, EUA, 1951, 113 min). Dir.: Vincent Minnelli. Com Gene Kelly, Leslie Caron, Nina Foch e outros. Livre.

Triângulo amoroso entre um pintor norte-americano que tenta a sorte em Paris, uma rica empresária interesseira e uma jovem. | Dia 15, 17h

A RODA DA FORTUNA (The band wagon, EUA, 1953, 111 min). Dir.: Vincent Minnelli. Com Fred Astaire, Cyd Charisse, Oscar Levant e outros. Livre.

Ator decadente aceita participar de uma nova montagem musical escrita por seus amigos e que deverá estrear na Broadway. A produção, porém, contrata um diretor que o público não aceita e uma bailarina problemática. | Dia 16, 17h

NÚPCIAS REAIS (Royal wedding, EUA, 1951, 93 min). Dir.: Stanley Donen. Com Fred Astaire, Jane Powell, Peter Lawford e outros. +14 anos.

Casal de irmãos vai à Inglaterra para a festa de coroação da rainha Elizabeth II e cada um encontra seu amor. Neste musical, está uma das mais famosas coreografias de Fred Astaire, em que ele dança no teto de um quarto.

por um bissexual e ambos se envolvem com um nobre milionário alemão. | Dia 22, 17h

HAIR (EUA, 1979, 120 min). Dir.: Milos Forman. Com John Savage, Treat Williams, Beverly D’Angelo e outros. +18 anos.

Recrutado para a Guerra do Vietnã, jovem é adotado por um grupo de hippies que não aceita os princípios da sociedade. | Dia 23, 17h

DIRTY DANCING - RITMO QUENTE (EUA, 1987, 100 min). Dir.: Emile Ardolino. Com Jennifer Grey, Patrick Swayze, Jerry Orbach e outros. +14 anos.

Em férias com a família em um acampamento de verão, uma tímida e recatada garota se apaixona pelo professor de dança. | Dia 28, 15h

AMORES PARISIENSES (On connaît la chanson, França/Inglaterra/Suíça, 1997, 120 min). Dir.: Alain Resnais. Com Pierre Arditi, Sabine Azéma, Jean-Pierre Bacri e outros. +12 anos.

Enquanto Odile encontra um apartamento maior para morar na cidade de Paris, sua irmã, Camille, apaixona-se pelo corretor do imóvel. | Dia 28, 17h

| Dia 21, 15h

AMOR, SUBLIME AMOR (West side story, EUA, 1961, 151 min). Dir.: Jerome Robbins e Robert Wise. Com Richard Beymer, Natalie Wood, Rita Moreno e outros. Livre.

Versão musical da peça “Romeu e Julieta”, de Shakespeare. O longa retrata as brigas por território entre duas gangues de Nova York, uma delas de porto-riquenhos, e o amor entre um rapaz de um dos grupos e uma garota do lado inimigo. | Dia 21, 17h

A BARONESA TRANSVIADA (Brasil, 1957, 100 min, PB). Dir.: Watson Macedo. Com Dercy Gonçalves, Grande Otelo, Catalano e outros. Livre.

Manicure herda uma fortuna que lhe permitirá realizar o antigo sonho de atuar em um filme carnavalesco, consagrando-a como estrela. | Dia 22, 15h

CABARÉ (Cabaret, EUA, 1972, 124 min). Dir.: Bob Fosse. Com Lisa Minelli, Michael York, Joel Grey e outros. +14 anos.

Nos anos 30, enquanto o nazismo cresce em Berlim, cantora americana se apresenta em um cabaré e sonha ser uma estrela. Ela se apaixona 14

FEVEREIRO DE 2014 | emcartaz

Bryan Cranston em cena da série “Breaking bad”


SESSÃO FOLHETIM: BREAKING BAD GALERIA OLIDO | CINE OLIDO | CENTRO | DE 18/2 A 14/3 | 3ª E 6ª | +16 ANOS | R$ 1 Nova programação exibida às terças e sextas-feiras, dedicada às séries televisivas. Inaugura o projeto “Breaking bad”, recentemente vencedora do Globo de Ouro e Screen Actors Guild (SAG) Award. Criada por

SESSÃO NOSTALGIA BIBLIOTECA PÚBLICA ROBERTO SANTOS | ZONA SUL | 4ª | +14 ANOS | GRÁTIS | Todas as projeções têm suporte em DVD.

FÚRIA NO ALASKA (North to Alaska, EUA, 1960, 122 min). Dir.: Henry Hathaway. Com John Wayne, Stewart Granger e outros.

Vince Gilligan, a história acompanha a saga de um

Faroeste que satiriza a corrida do ouro no Alaska.

professor de química que começa a produzir e vender

| Dia 5, 19h

metanfetamina numa cidade do estado do Novo México. Outras atrações programadas são “Twin

QUANDO O CORAÇÃO FLORESCE

peaks” (1990), sucesso de David Lynch; e a série

(Summer time, EUA, 1955, 100 min). Dir.: David Lean. Com Rossano Brazzi, Isa Miranda, Katherine Hepburn e outros.

policial alemã “Face a face com o crime” (2010). | Todas as projeções têm suporte em DVD.

1º EPISÓDIO - PILOTO (EUA, 2008, 50 min). Dir.: Vince Gilligan. Com Bryan Cranston, Anna Gunn, Aaron Paul e outros.

Após seu aniversário de 50 anos, Walter White, um modesto professor de química, descobre ter um câncer de pulmão incurável. Disposto a juntar dinheiro para sua família, ele faz uma parceria com Jesse, seu ex-aluno, e transforma um antigo trailer num laboratório de produção de metanfetamina puríssima, mas são prejudicados por traficantes.

2º EPISÓDIO - O GATO ESTÁ NA BOLSA (The cat’s in the bag, EUA, 2008, 50 min). Dir.: Vince Gilligan. Com Bryan Cranston, Anna Gunn, Aaron Paul e outros.

Walter e Jesse enfrentam as consequências da venda de drogas, que não deu certo. | Exibições seguidas. Dia 18, 17h. Dia 21, 19h

3º EPISÓDIO - E A BOLSA ESTÁ NO RIO (And the bag’s in the river, EUA, 2008, 50 min). Dir.: Vince Gilligan. Com Bryan Cranston, Anna Gunn, Aaron Paul e outros.

Walter enfrenta uma decisão de vida e morte e faz uma dolorosa confissão à mulher, Skyler. Enquanto isso, seu cunhado suspeita que ele esteja fumando maconha.

4º EPISÓDIO - HOMEM CÂNCER (Cancer man, EUA, 2008, 50 min). Dir.: Vince Gilligan. Com Bryan Cranston, Anna Gunn, Aaron Paul e outros.

Walter e a mulher revelam para a família a situação do câncer de pulmão. Enquanto isso, Jesse é vítima de uma paranoia ao consumir metanfetamina. | Exibições seguidas. Dia 25, 17h. Dia 28, 19h

Norte-americana está de férias em Veneza e se apaixona por um charmoso italiano que conhece. Ela não sabe, porém, que ele é casado. | Dia 12, 19h

MEDIDAS DESESPERADAS (Desperate measures, EUA, 1987, 110 min). Dir.: Barbet Schroeder. Com Michael Keaton, Andy Garcia e outros.

Policial precisa, desesperadamente, encontrar um doador de medula para seu filho. | Dia 
19, 19h

DINAMITE JACK, O TERROR DO ARIZONA (Dynamite Jack, França, 1971, 102 min). Dir.: Jean Bastia. Com Fernandel, Eleonora Vargas, Georges Lycan e outros.

Em 1880, aventureiro francês vai a uma pequena cidade no Arizona em busca de um velho amigo e encontra um perigoso bandoleiro que é seu sósia. | Dia 26, 19h

Infantojuvenil

CINE GAROTADA BIBLIOTECA INFANTOJUVENIL MONTEIRO LOBATO | CENTRO | 3ª | LIVRE | GRÁTIS | Todas as projeções têm suporte em DVD e são dubladas.

A FANTÁSTICA FÁBRICA DE CHOCOLATE (Charlie and the chocolate factory, EUA, 2005, 106 min). Dir.: Tim Burton. Com Johnny Depp, Freddie Highmore, David Kelly e outros.

Cinco crianças acham uma barra de chocolate premiada que lhes permite fazer uma excursão, monitorada pelo proprietário, a uma lendária fábrica jamais visitada antes. | Dia 4, 15h emcartaz | FEVEREIRO DE 2014

15


MOGLI, O MENINO LOBO

DUMBO

(The jungle book, EUA, 1967, 78 min, animação). Dir.: Wolfgang Reitherman.

(EUA, 1941, 64 min). Dir.: Ben Sharpsteen. Livre.

Mogli é um menino que foi criado por lobos na floresta. Quando eles sabem da presença do tigre Shere Kahn, resolvem mandá-lo para uma tribo humana. No caminho, ele encontrará diversos animais. | Dia 11, 15h

WALLACE & GROMIT - A BATALHA DOS VEGETAIS (Wallace & Gromit: the curse of the were-rabbit, Inglaterra, 2005, 94 min, animação). Dir.: Steve Box e Nick Park.

Wallace e seu cão fiel investigam o mistério por trás da praga que dizima as hortas de uma cidade, ameaçando o tradicional concurso anual de vegetais gigantes. | Dia 18, 15h

A MARCHA DOS PINGUINS (La marche de l’empereur, França, 2005, 85 min, documentário). Dir.: Luc Jacquet.

A saga dos pinguins-imperadores para preservar a procriação da espécie em um local no interior da Antártica. | Dia 25, 15h

SESSÃO INFANTIL NA PAULO SETÚBAL BIBLIOTECA PÚBLICA PAULO SETÚBAL | ZONA LESTE | 2ª E 4ª | GRÁTIS | Todas as projeções são animações com suporte em DVD e dubladas.

CORALINE E O MUNDO SECRETO (Coraline, EUA, 2009, 101 min). Dir.: Henri Selick. +10 anos.

Ao descobrir na nova casa uma porta que conduz a um mundo estranho, garota decide atravessá-la e percebe que foi aprisionada pelos habitantes que têm a cara de seus pais, exceto os olhos. | Dia 3, 14h

MEU MALVADO FAVORITO (Despicable me, EUA, 2010, 95 min). Dir.: Pierre Coffin e Chris Renaud. Livre.

Famoso vilão planeja roubar a Lua. Para isso, adota três meninas órfãs que acabam mudando sua forma de encarar o mundo. | Dia 5, 14h 16

FEVEREIRO DE 2014 | emcartaz

Dumbo é um bebê elefante que nasceu com orelhas enormes. Com a ajuda de um simpático ratinho, ele se transforma na principal atração de um circo por conseguir voar. | Dia 12, 14h

PARANORMAN (EUA, 2011, 92 min). Dir.: Sam Fell e Chris Butler. +10 anos.

Hostilizado pela cidade por falar com mortos, garoto recebe a missão de livrar o local da maldição de uma antiga feiticeira que dizia que mortos-vivos atacariam os moradores. | Dia 17, 14h

PROCURANDO NEMO (Finding Nemo, EUA, 2003, 100 min). Dir.: Andrew Stanton e Lee Unkrich. Livre.

Após ter seu filho sequestrado do coral em que vive, o pai de um peixe-palhaço decide partir à sua procura. | Dia 19, 14h

BAMBI (EUA, 1942, 70 min). Dir.: David Hand. Livre.

Filhote de cervo é considerado o Príncipe da Floresta devido ao respeito conquistado por seu pai. Ao crescer, ele precisa conduzir os animais que fogem dos caçadores. | Dia 26, 14h

SESSÃO INFANTIL NA VIRIATO BIBLIOTECA PÚBLICA VIRIATO CORRÊA | SALA LUIZ SERGIO PERSON | ZONA SUL | DOM. | LIVRE | GRÁTIS | Todas as projeções são animações com suporte em DVD e dubladas.

A FAMÍLIA DO FUTURO (Meet the Robinsons, EUA, 2007, 96 min). Dir.: Stephen J. Anderson.

Rapaz cria uma máquina para escanear a memória a fim de poder encontrar sua mãe biológica. A invenção é roubada e ele recebe a visita de um homem misterioso que o leva para uma viagem no tempo, onde conhece pessoas que o ajudam a recuperar o aparelho. | Dia 2, 15h

POR ÁGUA ABAIXO (Flushed away, EUA/Reino Unido, 2006, 84 min). Dir.: David Bowers e Sam Fell.

Rato de estimação vive em um apartamento de luxo até que é conduzido a um mundo desconhecido, no meio do esgoto, ao ser tragado pela descarga da privada. | Dia 9, 15h


BRANCA DE NEVE E OS SETE ANÕES

VOLTE PARA CASA, SNOOPY

(Snow White and the seven dwarfs, EUA, 1938, 83 min). Dir.: David Hand.

(Snoopy, come home, EUA, 1972, 92 min, animação). Dir.: Bill Melendez. Livre.

Com a vida ameaçada por uma rainha malvada que inveja sua beleza, a princesa Branca de Neve foge para a floresta e consegue abrigo na casa de sete anões.

Snoopy vai visitar sua ex-dona, uma garotinha que está no hospital, e fica em dúvida se deve voltar para seu atual dono e amigo, Charlie Brown.

| Dia 16, 15h

ONDE VIVEM OS MONSTROS

FANTASIA

(Where the wild things are, EUA, 2009, 100 min). Dir.: Spike Jonze. Com Catherine Keener, Mark Ruffalo, Pepita Emmerichs e outros. +10 anos.

(EUA, 1940, 120 min). Dir.: James Algar, Samuel Armstrong, Ford Beebe, Hamilton Luske, Jim Handley, Norman Ferguson, T. Hee, Wilfred Jackson, Bill Roberts e Paul Sattersfield.

Clássico dos estúdios Disney que ilustra com cenas de animação peças da música erudita, como “A pastoral”, de Ludwig van Beethoven, que mostra seres mitológicos; e “A dança das horas”, da ópera “La Gioconda”, de Amilcare Ponchielli, dançada por jacarés, avestruzes e hipopótamas. | Dia 23, 15h

SESSÃO INFANTIL NA ROBERTO SANTOS BIBLIOTECA PÚBLICA ROBERTO SANTOS | ZONA SUL | SÁB. | GRÁTIS | Todas as projeções têm suporte em DVD e são dubladas.

| Dia 1º, 16h

O clássico livro homônimo de Maurice Sendak ganha versão cinematográfica. A história mostra um garoto que, após discutir com a mãe, refugia-se em um mundo imaginário, habitado por monstros. | Dia 8, 16h

O CASTELO ANIMADO (Hauru no ugoku shiro, Japão, 2004, 120 min, animação). Dir.: Hayao Miyazaki. Livre.

Jovem é amaldiçoada e se transforma em uma velha que passa a morar no castelo de um bruxo notável. | Dia 15, 16h

31 MINUTOS - O FILME (31 minutos - la película, Chile/Espanha, 2008, 89 min, animação). Dir.: Alvaro Diaz e Pedro Peirano. Livre.

A atrapalhada equipe do programa “31 Minutos” iniciará uma busca alucinada por um amigo e companheiro de trabalho. | Dia 22, 16h

Animação japonesa indicada ao Oscar, “O castelo animado” tem direção de Hayao Miyazaki emcartaz | FEVEREIRO DE 2014

17


teatro MEMÓRIA ROUBADA TEM 2ª TEMPORADA NO ALFREDO MESQUITA

D

uas importantes companhias no uso do teatro físico em suas montagens, Linhas Aéreas e Solas de Vento, juntaram-se ao diretor australiano Mark Bromilow para encenar “Memória roubada”. Utilizando também recursos aéreos, multimídia e bonecos, o espetáculo, depois de estrear no Centro Cultural São Paulo, ganha uma segunda temporada a partir do dia 7 no Teatro Alfredo Mesquita. A história acompanha duas mulheres: Aparecida, uma senhora de mais de 90 anos que se encontra no leito do hospital, e Renata, uma bibliotecária que lê livros para ela. Fragmentos históricos, como a Segunda Guerra Mundial e a ditadura militar, são relembrados em meio a fatos mais atuais. Dividem o palco os atores Adriana Telg, Bruno Rudolf, Natalia Presser, Ricardo Rodrigues e Ziza Brisola. Em off, a atriz Walderez de Barros empresta sua voz à personagem Aparecida. A concepção cenográfica justapõe dois universos: um da forma, da ciência do cotidiano e da razão, e outro do espírito, da memória, do sonho, do não dito. “O cenário não dá apenas o contexto da história, como também permite integrar as tecnologias do áudio e vídeo na peça com significado

e coerência”, conta Bromilow. Em contraponto, os atores podem flutuar em determinadas cenas e propagar a ideia de possibilidades surreais por meio da sensibilidade poética, registrada nas experiências pessoais dos envolvidos neste intenso projeto. Os canadenses Michel Robidoux e Yves Dubé (da Cia. Les Deux Mondes, de Montreal) também integram a equipe como artistas convidados. Das cenas que envolvem o colorido de uma viagem à Indonésia às lembranças de um passado sofrido, a encenação é embasada em vários planos e camadas que são revelados ao longo da trama, desenvolvida após um longo período roteirizando experiências pessoais e transferindo-as para uma perspectiva teatral que desperta a sensibilidade do espectador. A vinda dos artistas estrangeiros ao Brasil, entre maio e setembro de 2011, resultou na primeira versão do roteiro e de algumas cenas e trabalhos de áudio e vídeo, realizados juntamente com as companhias brasileiras. | Amanda Monteiro | Teatro Alfredo Mesquita. Zona Norte. De 7/2 a 9/3. 6ª e sáb., 21h. Dom., 19h (dias 28/2 e 1º/3, não haverá apresentações). R$ 10 Paulo Barbuto

Recursos multimídia, aéreos, de teatros físico e de animação são utilizados na concepção do espetáculo 18

FEVEREIRO DE 2014 | emcartaz


teatro

João Caldas

“Odisseia” mostra uma visão contemporânea da saga do herói que venceu a Guerra de Troia

ABNEGAÇÃO

MEDO DE ESCURO

Dir.: Alexandre Dal Farra e Clayton Mariano. Com Alexandra Tavares, André Capuano, Carlos Morelli e outros. +14 anos.

Teatro Widia. Texto: Julinho Bittencourt. Dir.: Platão Capurro Filho. Com Fabíola Moraes e Ernani Sequinel. Participação virtual: Camila Baraldi, Barbara Braw e Marcia Marques. 60 min. +14 anos.

Em uma casa de campo, quatro homens e uma mulher se reúnem para decidir sobre um assunto de dimensões nacionais, revelando como se comportam as pessoas em situações-limite. | Centro Cultural São Paulo – Espaço Cênico Ademar Guerra. Centro. De 14/2 a 30/3. 6ª e sáb., 20h30. Dom., 19h30. R$ 20 (dia 1º/3, preço popular: R$ 3)

OS ADULTOS ESTÃO NA SALA A Má Companhia Provoca. Texto e dir.: Michelle Ferreira. Com Flávia Strongolli, Maura Hayas e Michelle Boesche. 70 min. +14 anos. Veja destaque na página 21.

Em uma metrópole do terceiro mundo, enquanto uma ponte é construída, menino tenta entender a conversa entre três mulheres que estão na sala de um apartamento. | Centro Cultural da Penha – Teatro Martins Penna. Zona Leste. De 8/2 a 2/3. Sáb., 20h. Dom., 19h. R$ 10

HAIRSPRAY Grupo Cottal (Comissão Teatral da E.E. Tarcísio Álvares). 120 min. +12 anos.

Baseado no filme homônimo de John Waters, o musical acompanha a história da garota gordinha que sonha dançar num programa de TV para adolescentes, nos anos 60. | Centro Cultural da Juventude – anfiteatro. Zona Norte. Dias 7 e 8, 19h. Grátis (retirar ingresso, até dois por pessoa e apresentando RG, a partir das 18h, na recepção do CCJ)

História contemporânea sobre o relacionamento de um músico cover do ex-beatle George Harrison e uma designer de moda, ambos vulneráveis aos encantos da cultura pop e que vivem enclausurados num universo repleto de heróis às avessas. | Teatro João Caetano. Zona Sul. De 7/2 a 2/3. 6ª e sáb., 21h. Dom., 19h. R$ 10

MEMÓRIA ROUBADA Solas de Vento e Linhas Aéreas. Dramaturgia e dir.: Mark Bromilow. Com Adriana Telg, Bruno Rudolf, Natalia Presser e outros. Voz de Aparecida: Walderez de Barros. 120 min. +14 anos. Veja destaque na página ao lado.

Transitando pelo universo lírico do circo antigo, a solidão da vida contemporânea e as feridas abertas durante a ditadura militar brasileira, a trama se desenvolve entre as memórias de Dona Aparecida e o percurso de Renata, levando ambas a confrontar seus passados. | Teatro Alfredo Mesquita. Zona Norte. De 7/2 a 9/3. 6ª e sáb., 21h. Dom., 19h (dias 28/2 e 1º/3, não haverá apresentações). R$ 10

ODISSEIA Estúdio da Cena. Dir.: Marco Antonio Rodrigues. Dramaturgia: Samir Yazbek e grupo. Com Camila Caparroz, Fernanda Aloi, Gabriel Muglia e outros. 110 min. +16 anos.

Versão contemporânea da lendária saga de Odisseu, herói que venceu a Guerra de Troia, enfatizando sua perplexidade ao voltar para Ítaca, sua terra natal. | Teatro Cacilda Becker. Zona Oeste. De 7/2 a 2/3. 6ª e sáb., 21h. Dom., 19h. R$ 10 emcartaz | FEVEREIRO DE 2014

19


teatro

VEREDICTO: FEIA, UMA ÓPERA IRRESPONSÁVEL Cia. Caligraferia de Teatro Musical. Texto e dir.: Fábio Pinheiro. Com Joyce Fernandes, Ângela Calderazzo, Denise Yamaoka e outros. Músicos: Eduardo Albertino (piano) e Vanessa Kivian (flauta). 120 min. +14 anos.

Com versões de grandes clássicos da música erudita, este musical cômico conta a história de Deolinda, moça feia que espera pelo príncipe encantado. Sua mãe tem a ideia de lançar um concurso nacional para casar a filha. | Teatro Leopoldo Fróes. Zona Sul. De 7/2 a 9/3. 6ª, sáb. e dom., 20h. R$ 10

VIRGEM AOS 40.COM Texto: Aziz Bajur. Dir. e adapt.: Miriam Lins. Com Aldine Müller e Rafael Fernandes. 70 min. +14 anos.

No dia de seu aniversário, Norma se dá um presente inusitado: um acompanhante. A partir daí, situações engraçadas vão se desenrolando. | Teatro Zanoni Ferrite. Zona Leste. De 7/2 a 9/3. 6ª e sáb., 20h. Dom., 19h. R$ 10

Últimos dias

RICARDO III Texto: William Shakespeare. Trad. e adapt.: Jorge Louraço. Dir.: Marcelo Lazzaratto. Com Mayara Magri, Chico Carvalho, Imara Reis e outros. 150 min. +12 anos.

Ambientada no fim da Guerra das Rosas, a peça enfoca o conflito pela sucessão ao trono inglês entre 1455 e 1485, revelando os bastidores políticos cheios de traições, complôs e outras perversidades movidas pela ambição.

Por sua atuação com o protagonista, Chico Carvalho foi indicado ao Prêmio Shell (o resultado sai em março). | Centro Cultural São Paulo – Sala Jardel Filho. Centro. Até dia 23. 6ª e sáb., 20h30. Dom., 19h30. R$ 20 (dia 21, preço popular: R$ 3)

TRILOGIA PIRANDELlO Texto: Luigi Pirandello. Dir.: Roberto Bacci. Com Cacá Carvalho. 75 min.

Encenação de três monólogos de autoria de Pirandello: “O homem com a flor na boca” (6ª), “A poltrona escura” (sáb.) e “UmNenhumCemMil” (dom.). Em cena, o ator Cacá Carvalho vive as contradições da natureza humana nestas três premiadas montagens. | Centro Cultural São Paulo – Espaço Cênico Ademar Guerra. Centro. Até dia 9. 6ª e sáb., 21h. Dom., 20h. R$ 10

Infantojuvenil

O BECO DOS GATOS Núcleo Educatho. Dir.: Juliano Barone. Texto: Livia Gaudêncio. Com Daniela Mota, Leila Bass, Lucas Lentini e outros. 60 min. Livre.

Em um beco, moram diversos gatos que vivem tranquilamente à espera que alguém apareça com algo para beber ou comer. Certo dia, um morador de rua chega com um livro de contos e tudo muda naquele pequeno grupo de felinos. | Teatro Cacilda Becker. Zona Oeste. De 8/2 a 2/3. Sáb. e dom., 16h. R$ 10

“O beco dos gatos” traz para a cena o encanto proporcionado pelos livros de contos 20

FEVEREIRO DE 2014 | emcartaz


Chica e Olga Ateliê de Criações. Concepção e interpretação: Livia Rios e Sílvia Brunello. Dir.: Natália Coelho. 55 min. Livre.

Usando o Fogão Maravilhoso, duas palhaças cozinheiras vivem uma grande aventura em busca de um ingrediente secreto para vencer o famoso Festival Gastronômico da Tia Gertrudes. | Teatro Zanoni Ferrite. Zona Leste. De 8/2 a 9/3. Sáb. e dom., 16h. R$ 10

FORA DO BUMBO - O MUSICAL Cia. Le Nez. Texto e dir.: Cintia Alves. Com Caco Mattos, Valdir Rivaben, Katia Naiane e Renato Ribeiro. Voz do Senhor Coruja: Heitor Goldflus. 50 min. +4 anos.

Musical criado a partir do universo do poeta inglês Edward Lear, pai do “nonsense” (sem sentido). Na história, o músico brasileiro Will, que toca um exótico funil, sai pelo mundo em busca de parceiros para montar um grupo e disputar o Festival Internacional de Bandas da Rússia. Ele se une a Suedya, um bailarino poliglota da Turquia; a Sagoni-Sagoná, do Pajão, musicista especializada em zelubão (instrumento criado para o espetáculo); e ao exótico Doutor Zaga Zaga da Zala Zabra, médico da Cochinchina. | Centro Cultural São Paulo – Sala Jardel Filho. Centro. Até dia 2/3. Sáb. e dom., 16h. R$ 15 (dia 1º/2, preço popular: R$ 3)

PARLENDAR Cia. de Teatro Uni-Duni-Tê. Texto: José Wagner de Souza. Dir.: Patrícia Nepomuceno. Com Lúcia Sallete Leão Nunes, Patrícia Nepomuceno, Frances Reggio do R. Silva e outros. 50 min. Livre.

Resgatando antigas brincadeiras de rua e cantigas de roda, o espetáculo gira em torno de Aninha, menina curiosa, nascida na era tecnológica, que sonha com a infância de sua avó.

U

m sofá e três mulheres, uma mãe solteira, ex-viciada em drogas, uma maníaca por cirurgias plásticas e gim e uma escritora diabética se encontram na sala de um apartamento de uma metrópole de terceiro mundo para discutir as neuroses do ser humano. Preocupações com a aparência, o uso de drogas e álcool, o consumo e a necessidade de dinheiro para trazer felicidade marcam a trama de “Os adultos estão na sala”, que o grupo A Má Companhia Provoca reencena a partir do dia 8, desta vez no Teatro Martins Penna. Enquanto as personagens Dulce Vicente, Ivone Dim e Clara Day relatam seus conflitos, no cômodo ao lado há um menino que nunca aparece, mas ouve toda a conversa. A fronteira entre o mundo da criança e o dos adultos dá o tom da peça, que também aborda a questão da inércia, uma vez que as mulheres ficam isoladas no apartamento, não realizam nada e não saem do lugar, apenas falam. A encenação é a primeira montagem deste grupo que nasceu no Centro de Pesquisa Teatral (CPT), de Antunes Filho. A peça tem texto e direção de Michelle Ferreira e, no palco, as atrizes Flávia Strongolli, Maura Hayas e Michelle Boesche. | Natália Tayota | Centro Cultural da Penha – Teatro Martins Penna. Zona Leste. De 8/2 a 2/3. Sáb., 20h. Dom., 19h. R$ 10 Ligiane Braga

| Centro Cultural da Penha – Teatro Martins Penna. Zona Leste. De 8/2 a 9/3. Sáb. e dom., 16h. R$ 10

PEÇA NO MARTINS PENNA ENFOCA AFLIÇÕES DO COTIDIANO

teatro

EM BUSCA DO INGREDIENTE SECRETO

Na sala de um apartamento, três mulheres discutem sobre aparência, vícios e sociedade de consumo emcartaz | FEVEREIRO DE 2014

21


teatro

transforma em situações divertidas, nas quais personagens, produtos e embalagens dialogam com o mundo da publicidade e da moda. | Dias 8 e 9, 16h

100 + NEM MENOS Concepção e dir.: Anie Welter. Com Renata Andrade, Luciana Venâncio, Jota Rafaelli e outros. 42 min. Livre.

Primeiros contatos da criança com o mundo dos números e do desenho. Linhas coloridas flutuam formando algarismos, bonecos e figuras inspiradas no traço infantil, que surgem e desaparecem de forma inesperada. | Dias 15 e 16, 16h

Solas de Vento encena “A volta ao mundo em 80 dias”

OS 3 PORQUINHOS Cia. Le Plat du Jour. Criação: Alexandra Golik, Carla Candiotto e Alexandre Roit. Dir.: Alexandre Roit. Com Flávia Bertinelli e Vivian Bertocco. 55 min. Livre.

A história é contada por dois “açougueiros” que vendem carnes feitas de óculos, martelo, banana, menos de animal. Quando alguém deseja comprar carne de porco, começa a confusão e um dos açougueiros se veste de lobo para conseguir o alimento. | Teatro Leopoldo Fróes. Zona Sul. De 8/2 a 9/3. Sáb. e dom., 16h. R$ 10

A VOLTA AO MUNDO EM 80 DIAS Solas de Vento. Adaptação livre do romance de Júlio Verne. Dramaturgia e dir.: Carla Candiotto. Com Bruno Rudolf e Ricardo Rodrigues. 70 min. Livre.

Aventuras ao redor do mundo durante 80 dias, vividas por um lorde inglês e seu fiel criado francês, perseguidos por um vilão que tenta atrapalhá-los. | Teatro Alfredo Mesquita. Zona Norte. De 8/2 a 9/3. Sáb. e dom., 16h (dia 1º/3, não haverá apresentação). R$ 10

MOSTRA DA CIA. NOZ DE TEATRO, DANÇA E ANIMAÇÃO TEATRO JOÃO CAETANO | ZONA SUL | DE 8/2 A 2/3 | SÁB. E DOM. | R$ 10

Veja destaque na página ao lado.

POP Concepção e dir.: Anie Welter. Com Sheyla Coelho, Luciana Venâncio, Valcrez da Silva Siqueira e Jota Rafaelli. 42 min. Livre.

Reinvenção da arte pop por meio do cotidiano de uma dona de casa. Um simples ato de ir ao mercado, adquirir uma roupa ou assistir a TV se 22

FEVEREIRO DE 2014 | emcartaz

ORAS BOLAS Concepção e dir.: Anie Welter. Com Sheyla Coelho, Renata Andrade, Laís Andriollo e outros. 45 min. Livre.

Bolas e outras formas geométricas, baldes e balaios viram protagonistas de histórias permeadas por canções. | Dias 22 e 23, 16h

COCÔ DE PASSARINHO Texto livremente inspirado em obra homônima de Eva Furnari. Dir.: Anie Welter. Criação e interpretação: Valcrez da Silva Siqueira, Lais Trovarelli, Luciana Venancio e outras. 50 min. +3 anos.

Enquanto moradores reclamam que pássaros estão atrapalhando seu lazer na pracinha, um vendedor ambulante chega a uma pequena cidade e muda a vida de todos. | Dias 1º e 2/3, 16h

PROJETO NA CONTRAMÃO DO GLAMOUR TEM... A COISOLÂNDIA - LUGAR DE LIXO E AMOR CENTRO CULTURAL SÃO PAULO | PISO FLÁVIO DE CARVALHO | CENTRO | DE 1º/2 A 2/3 | SÁB. E DOM. | LIVRE | GRÁTIS O projeto tem como tema principal a transformação do lixo. Parceria: coletivo GRÃO de Arte e Cidadania. | Não é necessário retirar ingresso.

O COISO E A COISA - UMA HISTÓRIA DE LIXO E AMOR Coletivo GRÃO de Arte e Cidadania. Coord. e dir.: Cintia Alves. Com Nana Pequini, Anderson Pinheiro, Vinicius Ramos e outros. 70 min.

Início da encenação da história de amor entre o Príncipe Coiso e Aurora e visitação à instalação que será cenário da peça “A coisolândia”. O enredo acompanha Coiso, um nobre anti-herói que é catador de papel num lixão. | Até dia 2/3. Sáb. e dom., 11h


teatro “Cocô de passarinho” foi escolhido Melhor Espetáculo Infantil de Animação/Bonecos de 2013 pela APCA Rodrigo Hypolitho

CIA. NOZ REENCENA COCÔ DE PASSARINHO E MAIS 3 PEÇAS

S

entar-se numa praça arborizada para ler ou espairecer é uma delícia. O problema é que, às vezes, o cocô que os passarinhos fazem sobre nossas cabeças atrapalha, e muito. Foi inspirando-se nessa observação que a autora de livros infantis Eva Furnari escreveu “Cocô de passarinho”, obra que a Cia. Noz de Teatro, Dança e Animação transformou em peça teatral e com a qual recebeu, no ano passado, o Prêmio APCA (Associação Paulista de Críticos de Arte) de Melhor Espetáculo Infantil de Animação/Bonecos, além de ter sido indicada ao Prêmio CPT (Cooperativa Paulista de Teatro) como Melhor Espetáculo Infantojuvenil de 2013. A partir do dia 8 de fevereiro, durante quatro fins de semana seguidos, sempre às 16h, serão reapresentadas, no Teatro João Caetano, quatro peças da companhia: “Pop” (dias 8 e 9), “100 + nem menos” (dias 15 e 16), “Oras bolas” (dias 22 e 23), além de “Cocô de passarinho” (dias 1º e 2 de março). “Com esta mostra, que comemora os dez anos de existência do nosso grupo, fazemos uma retrospectiva dos espetáculos que realizamos nesse período, colocando em prática uma nova maneira de fazer teatro

infantojuvenil, que mescla teatro, dança, artes plásticas, música e animação de objetos e bonecos”, diz Anie Welter, diretora e fundadora da companhia em 2004. Para criar o grupo, Anie, que também é bailarina, valeu-se de seus quase 15 anos de experiência como integrante do XPTO e, mais tarde, participando do Teatro de Papel e do Circo de Bonecos. “Trabalhamos em conjunto e todos os componentes da Cia. Noz tomam parte das pesquisas para a criação das montagens, dando ideias, procurando novos materiais, sugerindo gestos, situações e coreografias”. Apesar de “Cocô de passarinho” ter um enredo formal, os outros espetáculos do grupo não seguem essa linha. “‘Oras bolas’, por exemplo, aborda o universo de bolas de todos os tipos e tamanhos; ‘100 + nem menos’ fala dos primeiros contatos da criança com números e desenhos; e ‘Pop’ mostra o cotidiano de uma dona de casa interagindo com objetos, produtos de limpeza e embalagens comerciais”, conta a diretora. | Gilberto De Nichile | Veja programação na página ao lado. emcartaz | FEVEREIRO DE 2014

23


música BÁRBARA EUGENIA CANTA NO DÉCIO DE ALMEIDA PRADO

G

Marcos Vilas Boas

anhadora do Festival MPTM (Música Para Todo Mundo), do selo Oi Música, Bárbara Eugênia viu a oportunidade ideal para preparar “É o que temos”, seu segundo álbum. “Eu já tinha um monte de canções, toda a ideia do disco na cabeça e estava pensando como poderia viabilizar um novo trabalho. Quando rolou o lance da Oi, foi a chance de botar a mão na massa rapidamente”, explica a cantora, que leva sua produção mais recente ao palco do Teatro Décio de Almeida Prado nos dias 15 e 16. “É o que temos” foi lançado em 2013, três anos após “Journal de BAD”, primeiro álbum de Bárbara. Apesar de curto, o período que os distancia foi significativo. “Houve separação, mudança de casa, início de uma transformação

pessoal muito grande, passei dos 30, mudei a banda… bastante coisa”, justifica a intérprete. Há traços das composições anteriores em todas as faixas, embora o disco novo seja mais maduro. Ela também canta em inglês (“I wonder”, “You wish” e outras) e em francês (“Jusq’a la mort”). Nomes conhecidos da cena musical atual a acompanharam nesse processo, entre eles Guizado, Pélico e Mustache e os Apaches, que realizam participações especiais nas músicas, além de Clayton Martin (da banda Cidadão Instigado) e Edgard Scandurra, responsáveis pela produção do álbum. “Ouvi muito o disco do Chankas [da banda Astronauta Pinguim] nos últimos anos e queria ter a presença dele de alguma forma. Acabei chamando para fazer o arranjo de ‘Não tenho medo da chuva e não fico só’, que tem a participação de Tatá Aeroplano nos vocais”, acrescenta, ao explicar como definiu os convidados do álbum. Embora seja um show focado na divulgação do disco mais recente, a cantora garante que composições do início da carreira entram no repertório. “Tenho tocado algumas do ‘Journal’ sempre nos shows. Acho que ‘A chave’ é uma que nunca deixou de ser tocada”, revela. Em 2007, antes de entrar em estúdio pela primeira vez, a intérprete foi convidada para participar da trilha sonora do filme “O cheiro do ralo”, de Heitor Dahlia. Desde então, sua incursão no meio musical se intensificou. É ela quem canta a música-tema do filme “Abismo prateado”, de Karim Ainouz; participou da gravação do programa “Som Brasil” (TV Globo) e também esteve na segunda temporada do programa “Cantoras do Brasil” (Canal Brasil), dedicado a Vinicius de Moraes. | Lidyanne Aquino

Bárbara Eugenia interpreta músicas do último CD, “É o que temos” 24

FEVEREIRO DE 2014 | emcartaz

|Teatro Décio de Almeida Prado. Zona Oeste. Dia 15, 21h. Dia 16, 19h. Grátis (retirar ingresso, um por pessoa, a partir de uma hora antes).


Música popular

APANHADOR SÓ Veja destaque na página 29.

O quarteto de Porto Alegre apresenta o aclamado CD “Antes que tu conte outra”, vencedor do Prêmio APCA de melhor disco de 2013. Prestes a subir ao palco no Festival Lollapalooza, o grupo aposta em arranjos e melodias pautados pelo experimentalismo, a exemplo de canções como “Despirocar”, “Mordido” e “Vitta, Ian, Cassales”. No estúdio e ao vivo, instrumentos convencionais dividem espaço com técnicas de circuit bending e sucatas. | Centro Cultural da Juventude – anfiteatro. Zona Norte. Dia 15, 19h30. Grátis (retirar ingresso, até dois por pessoa e apresentando RG, a partir das 16h)

BÁRBARA EUGÊNIA Show: “É o que temos”. 60 min. Veja destaque na página ao lado.

A cantora carioca, que participou da trilha sonora do filme “O cheiro do ralo” (2007), de Heitor Dahlia, juntou-se no ano seguinte a Edgard Scandurra e a outros músicos para criar o projeto “Les Provocateurs”, que presta homenagem ao cantor e compositor francês Serge Gainsbourg. “É o que temos” rendeu a Bárbara o Prêmio Multishow de Música Brasileira na categoria Versão do Ano pela faixa “Porque brigamos”, sucesso de Neil Diamond, cantado em português no Brasil pela cantora Diana.

Músicos: Ruy Weber, João Poleto e Roberta Valente. 60 min.

O trio interpreta clássicos da música brasileira em gêneros como choro, samba e bossa nova. No repertório, músicas de Pixinguinha, Jacob do Bandolim, Hermeto Paschoal, entre outros compositores, além de obras dos integrantes do grupo Ruy Weber e João Poleto. | Em frente ao Centro Cultural da Penha. Zona Leste. Dia 22, 11h. Grátis (não é necessário retirar ingresso)

COMBO BRASILEIRO E SEU CORO Show: “Mas é carnaval!”. 60 min. Veja destaque na página 30.

Banda que reúne mais de 20 músicos e um coro, celebrando a brasilidade e a sofisticação de grupos nacionais, como a Orquestra Tabajara, em sambas, frevos e marchinhas carnavalescas populares, entre elas “General da banda”, “Aquarela brasileira” e “Mamãe, eu quero”. | Galeria Olido – Sala Olido. Centro. Dia 22, 18h. Grátis (retirar ingresso, um por pessoa, a partir das 17h)

COMMA Lançamento do CD “Outside”. Com Mini Lamers (vocal, violão e guitarra) e Didi Cunha (bateria e backing vocais).

Power dupla de garotas paulistas que toca pop-rock desde 2006. No show, repertório de composições próprias em inglês, com influências que vão de Smiths a Cat Power. | Centro Cultural da Juventude – anfiteatro. Zona Norte. Dia 16, 18h. Grátis (retirar ingresso a partir das 17h, na recepção do CCJ) Stela Handa

| Teatro Décio de Almeida Prado. Zona Oeste. Dia 15, 21h. Dia 16, 19h. Grátis (retirar ingresso, um por pessoa, a partir de uma hora antes)

CHORINHO NA PRAÇA: TRIO MANDANDO BALA

João Poleto (à esq.), Roberta Valente e Ruy Weber formam o Trio Mandando Bala emcartaz | FEVEREIRO DE 2014

25


Rogério Von Krüger

Dandara e Paulo Monarco levam o espetáculo “Dois tempos de um lugar” ao Teatro Décio de Almeida Prado

DAN NAKAGAWA Show: “Bloco do prazer”. 60 min.

Na turnê do show, Dan reúne repertório dos CDs “O primeiro círculo”, “O oposto de dizer adeus” e do mais recente, “Dan Nakagawa convida Ney Matogrosso”. Também estão no espetáculo sucessos gravados por Gal Costa, como “Dê um rolê”, “Negro amor” e o que dá nome ao show, “Bloco do prazer”. | Teatro Décio de Almeida Prado. Zona Oeste. Dia 22, 21h. Dia 23, 19h. Grátis (retirar ingresso, um por pessoa, a partir de uma hora antes)

LANÇAMENTO DE CD: MC ROCHA MIRANDA | Galeria Olido – Vitrine da Dança. Centro. Dia 15, das 19h às 20h30. Entrada franca (não é necessário retirar ingresso)

PAULO MONARCO E DANDARA Show: “Dois tempos de um lugar”. Dir.: Vinicius Calderoni. 60 min.

WOJCZECH E WHO’S MY SAVIOUR? (Alemanha) Veja destaque na página ao lado.

Após mais de dez anos, o grupo alemão de grindcore volta ao Brasil para divulgar o novo LP, “Grinding the ruins”. Também da Alemanha, a banda Who’s My Saviour faz o show de abertura. | Centro Cultural da Juventude – anfiteatro. Zona Norte. Dia 14, 20h. Grátis (retirar ingresso a partir das 18h, na recepção do CCJ)

QUARTA FLOW GALERIA OLIDO | VITRINE DA DANÇA | CENTRO | 4ª | GRÁTIS | Não é necessário retirar ingresso.

Monarco e Dandara apresentam um espetáculo no qual os personagens se entrelaçam por meio de canções que dão vida à história de dois jovens artistas, suas inquietudes e necessidades de se reinventar. No repertório, canções de Monarco e seus parceiros e de outros compositores, como Mauricio Pereira, Túlio Borges e Celso Viáfora.

SNJ - SOMOS NÓS A JUSTIÇA

| Teatro Décio de Almeida Prado. Zona Oeste. Dia 8, 21h. Grátis (retirar ingresso, um por pessoa, a partir das 20h)

| Dias 5, 12, 19 e 26, 19h

26

FEVEREIRO DE 2014 | emcartaz

Músicos: Sombra, Bastardo, Cabeça, Cris e Rebelde. 90 min.

Formado em 1996, o grupo já lançou os álbuns “Se tu lutas, tu conquistas” (2001), “O show deve continuar” (2003), “SNJ - DVD e CD ao vivo” (2004) e “A esperança é o alimento da alma” (2007).


Wojczech apresenta a “Brasilian blast beat crusher tour”, com músicas do álbum “Grinding the ruins”

M

ais de dez anos depois de ter realizado a primeira turnê pelo Brasil, a banda alemã de grindcore Wojczech volta ao país, acompanhada da também alemã Who’s My Saviour, apresentando sua “Brasilian blast beat crusher tour”. Os grupos dividem o palco do anfiteatro do Centro Cultural da Juventude, dia 14, às 20h. Formada em 1995, a Wojczech faz um som com dissonâncias experimentais, unindo a powerviolence dos anos 90 e o grindcore a letras que exploram temas relacionados à política, negação niilista e misantropia. O repertório do show conta com músicas do LP “Grinding the ruins”, lançado especialmente para a turnê, além de músicas que integram os discos “Sedimente” e “Pulsus letalis”. A parceria com bandas brasileiras do mesmo gênero vem de longa data. O grupo lançou alguns splits (quando duas bandas dividem a gravação de um disco ou CD) com nomes importantes da cena nacional, como Rot, em 2004, e Abuso Sonoro, em 1999. A abertura do show fica por conta do Who’s My Saviour, trio formado por Andy Colosser, Stephan Haasser e Peat, que apresenta músicas dos discos “Glasgow smile” e “Wall of sickness”. | Luísa Bittencourt | Centro Cultural da Juventude – anfiteatro. Zona Norte. Dia 14, 20h. Grátis (retirar ingresso a partir das 18h, na recepção do CCJ)

QUINTA DO SAMBA ROCK GALERIA OLIDO | VITRINE DA DANÇA | CENTRO | 5ª | GRÁTIS Não é necessário retirar ingresso.

ZUCAS A banda dá nova roupagem a canções de artistas como Tim Maia, Seu Jorge, Wilson Simonal e outros. | Dias 6, 13, 20 e 27, 19h Thiago Cadena

BANDAS ALEMÃS FAZEM SHOW NO CCJ

Banda Zucas toca na 5a do Samba Rock, na Olido

SHOWS NO AUDITÓRIO AUDITÓRIO IBIRAPUERA | ZONA SUL | R$ 20

EMICIDA Show: “O glorioso retorno de quem nunca esteve aqui”. Participações: DJ Nyack e os músicos Carlos Café, Doni Jr., Monica Agena e Samuel Bueno. 90 min.

O rapper mostra seu último trabalho, que passeia por gêneros que vão do funk ao samba, com forte influência percussiva. | Dia 2, 19h emcartaz | FEVEREIRO DE 2014

27


Edu Moraes

ULLY COSTA Show: “Quem sou eu”. Participações: Yaniel Matos (violoncelista cubano), Pagode da 27 (grupo do Grajaú) e KL Jay (DJ do Racionais MC’s). 90 min.

Vocalista do Sandália de Prata, a cantora mostra seu primeiro trabalho solo, que conta com música negra e outras tendências. | Dia 7, 21h

AUTORAMAS Músicos: Gabriel Thomaz (guitarra e vocal), Flávia Couri (baixo e vocal) e Bacalhau (bateria). 90 min.

O trio de rock apresenta seus recentes trabalhos, o CD “Música crocante” e o DVD “Autoramas internacional”, financiados pelos fãs. | Dia 15, 21h

BANDA MANTIQUEIRA Regência: Nailor Proveta (diretor artístico do Auditório Ibirapuera). 90 min.

Apresentação contagiante da big band brasileira formada por 11 músicos. | Dia 16, 19h

ALPHA PETULAY Show: “Take me”. 90 min.

Nascida na África, criada no Brasil e morando na França, a cantora apresenta músicas de seu mais recente álbum. Gabriel Matarazzo

| Dia 23, 19h

Cérebro Eletrônico lança o CD “Vamos pro quarto”, no CCSP

SHOWS NO CCSP CENTRO CULTURAL SÃO PAULO | SALA ADONIRAN BARBOSA | CENTRO | R$ 20 | Ingressos podem ser adquiridos a partir de duas horas antes.

KAION E DJ HUM Lançamento do CD e do vinil “Momento bom”, produzidos pelo DJ Hum. | Dia 8, 19h

CÉREBRO ELETRÔNICO Lançamento do CD “Vamos pro quarto”, num show que mistura música, teatro e cinema. | Dia 9, 18h

AUDAC A banda de Curitiba apresenta seu disco de estreia. | Dia 15, 19h

SACO DE RATOS A banda de rock/blues retrata em suas composições e letras a vida boêmia de seus integrantes. Ully Costa faz show no Auditório Ibirapuera 28

FEVEREIRO DE 2014 | emcartaz

| Dia 16, 18h


LULINA Com 12 anos de carreira e dez discos lançados artesanalmente, a cantora e compositora pernambucana faz show de seu novo álbum, “Pantin”. | Dia 22, 19h

BIG BANG | Dia 23, 18h

TERÇA DE SAMBA GALERIA OLIDO | VITRINE DA DANÇA | CENTRO | 3ª | GRÁTIS | Não é necessário retirar ingresso.

RODA DE SAMBA DO SINO 90 min.

Fundada em 2008, esta roda de samba, que tem como patrono Paulinho da Viola, valoriza grandes compositores da velha guarda do samba. | Dias 4, 11, 18 e 25, 19h

Música erudita

ORQUESTRA SINFÔNICA MUNICIPAL E LA FURA DELS BAUS Regência: John Neschling. Dir. cênica: La Fura dels Baus. Veja destaque na página 31.

O grupo teatral catalão se junta à OSM para encenar “Trilogia romana”, de Ottorino Respighi, apresentando as peças “Festas romanas”, “As fontes de Roma” e “Os pinheiros de Roma”.

O

álbum “Antes que tu conte outra”, da banda gaúcha Apanhador Só, já contraria toda e qualquer forma de tradicionalismo a partir de sua concepção. Com faixas como “Despirocar”, “Cartão postal” e “Vitta, Ian, Cassales”, o CD, disponível para download gratuito, chegou ao público em 2013 graças a um financiamento coletivo promovido pelo próprio grupo no fim de 2012. No dia 15, às 19h30, a banda, composta por Alexandre Kumpinski, Felipe Zancanaro, Fernão Agra e André Zinelli, mostra parte desse trabalho no Centro Cultural da Juventude. Deixando de lado as dores do coração presentes no disco anterior (“Apanhador só”, de 2010), seu sucessor apresenta um punhado de críticas sociais e é marcado por uma sonoridade ainda mais expressiva. Produzido por Zé Nigro e Gustavo Lenza, venceu o Prêmio APCA (Associação Paulista de Críticos de Arte) na categoria Melhor Disco de 2013. Nos últimos anos, a banda fez “intervenções” pelas cidades, tocando em parques, estações de metrô e praças. O projeto deu origem ao álbum “Acústico-Sucateiro”. A utilização de instrumentos peculiares, como sacos plásticos, sinetas e ralador de queijo, virou recurso no trabalho mais recente, mesclando-se ao som de instrumentos convencionais de maneira curiosamente harmoniosa. | Lidyanne Aquino | Centro Cultural da Juventude – anfiteatro. Zona Norte. Dia 15, 19h30. Grátis (retirar ingresso, até dois por pessoa e apresentando RG, a partir das 16h) Roberta Sant’Anna

| Theatro Municipal de São Paulo. Centro. Dia 15, 20h. Dia 16, 17h. R$ 20 a R$ 60

BANDA APANHADOR SÓ, GANHADORA DO APCA, TOCA NO CCJ

Faixas do premiado CD “Antes que tu conte outra” estão no repertório do show da banda Apanhador Só emcartaz | FEVEREIRO DE 2014

29


C

om marchinhas, sambas, frevos e outros gêneros musicais que fazem parte da história do nosso carnaval, o grupo instrumental Combo Brasileiro leva para a Sala Olido, dia 22, às 18h, o show “Mas é carnaval!”. Segundo Paulo Serau, arranjador e responsável pelo grupo, um combo, em linguagem musical, é um pequeno conjunto instrumental com um número de componentes, normalmente, não superior a oito. “Como éramos poucos e estávamos envolvidos na pesquisa da história da música brasileira, resolvemos, em 2010, quando formamos nossa banda, denominá-la Combo Brasileiro. Com o passar do tempo, fomos crescendo e, hoje, embora com uma formação de mais de 20 músicos, decidimos manter o nome original com o qual ficamos conhecidos.” Para a apresentação na Olido, o grupo, lembrando uma big band americana, coloca no palco 12 instrumentos musicais, entre eles trompetes, saxofones, piano, percussão e violão, além de um coral feminino composto de três vozes. “Mesmo nos utilizando de uma linguagem mais moderna e sofisticada, queremos passar ao público o clima dos antigos bailes de carnaval, onde orquestras tradicionais, entre elas a Tabajara, Sylvio Mazzuca e Severino Araújo, levantavam as plateias com a execução de clássicos como ‘General da banda’, ‘Mamãe, eu quero’, ‘Aquarela brasileira’ e ‘Vassourinhas’”, conta o arranjador. Filho de um engenheiro e de uma pedagoga, que desejavam ter um médico na família, Serau desde adolescente começou a se interessar pela música popular brasileira e traçou sua carreira quase como autodidata, tornando-se, com o tempo, músico, compositor, produtor musical, historiador de arte e pesquisador de cultura popular. Há três anos estuda arranjo e orquestração com o maestro Roberto Sion.

Douglas Tadeu

COMBO BRASILEIRO MOSTRA A HISTÓRIA DO CARNAVAL

| Gilberto De Nichile | Galeria Olido – Sala Olido. Centro. Dia 22, 18h. Grátis (retirar ingresso, um por pessoa, a partir das 17h) 30

FEVEREIRO DE 2014 | emcartaz

Paulo Serau é arranjador e responsável pela banda


Referências aos quatro elementos –terra, ar, água e fogo– estão presentes na concepção do grupo espanhol

OSM E LA FURA DELS BAUS FAZEM CONCERTO MULTIMÍDIA

U

ma combinação de sonoridade vigorosa com efeitos visuais de grande impacto são elementos que traduzem o sucesso da companhia La Fura Dels Baus, fundada em Barcelona (Espanha) em 1979. Depois da abertura dos Jogos Olímpicos, em 1992, na capital catalã, o grupo ganhou projeção internacional. Nos dias 15 e 16, eles chegam a São Paulo com a releitura da “Trilogia romana”, de Ottorino Respighi, que será acompanhada, no Theatro Municipal de São Paulo, pela Orquestra Sinfônica Municipal, sob a regência de seu maestro titular, John Neschling, também diretor artístico da casa lírica. Abrindo a temporada sinfônica, a obra “Trilogia romana” é formada por três poemas, “Festivais romanos”, “Fontes de Roma” e “Pinheiros de Roma”, definidos pelos cenários urbanos da cidade eterna. Neste concerto multimídia, a música é a verdadeira protagonista, evidenciando a riqueza da partitura. Mas, com a ajuda da tecnologia, o público poderá sentir-se transpor-

tado para as ruas e praças romanas. “Pinheiros de Roma” fez parte do desenho de animação da Disney, “Fantasia 2000”, quando baleias nadavam e saltavam ao som da música de Respighi. Mais conhecido pelas composições que integram esta trilogia, o autor foi diretor da Orquestra da Academia Nacional de Santa Cecília, em Roma (Itália). No início do século 20, também criou, além de obras sinfônicas, diversas óperas. Em entrevista concedida a um veículo espanhol em 2011, ano da estreia do espetáculo, Carlos Padrissa, diretor do La Fura, ressaltou que, mais uma vez, o que se tornou o DNA da companhia catalã estará igualmente presente nesta montagem. Trata-se da referência aos quatro elementos –terra, ar, água e fogo–, enfatizada em todas as criações do grupo. | Giovanna Longo | Theatro Municipal de São Paulo. Centro. Dia 15, 20h. Dia 16, 17h. R$ 20 a R$ 60 emcartaz | FEVEREIRO DE 2014

31


dança

Bailarinos da companhia assinam oito peças inéditas, encenadas em sequência na Galeria Olido Joaquim Tomé

BALÉ DA CIDADE REÚNE COREOGRAFIAS EM DISCOGRAPHISMUS

B

ailarinos do Balé da Cidade de São Paulo mostram seu lado criativo na programação apresentada entre os dias 20 e 23 na Sala Paissandu, localizada no Centro de Dança Umberto da Silva, na Galeria Olido. Batizada de “Dançographismus”, a mostra reúne oito peças inéditas, apresentadas em sequência, cada uma abordando um tema distinto. Os coreógrafos partilham a importância de dar vida ao seu próprio trabalho e, a partir disso, aprimorar novas vertentes relacionadas à criação. “Estes processos permitem que olhemos de uma maneira diferente para nossa própria atividade enquanto bailarinos, além de permitir que identifiquemos possíveis domínios de atuação futuros, nos quais poderemos nos aprofundar quando desejarmos ampliar nosso campo de ação na dança, além da atividade como intérprete”, explica Simone Camargo, responsável por “Certas distâncias”. Sua coreografia exibe um solo feminino seguido de duetos interpretados por rapazes e entradas de outras figuras femininas. “Essas imagens poderiam corresponder a diferentes desdobramentos da mesma mulher inicial, como numa alusão às diversas influências que recebemos no contato

32

FEVEREIRO DE 2014 | emcartaz

com as pessoas de outros lugares e as formas de manifestação que assumimos nestes contextos de deslocamentos”, conclui a coreógrafa. Por se tratar de trabalhos independentes, a pluralidade dos assuntos abordados é acentuada. Gleidson Vigne enfoca o universo do samba, Igor Vieira inspirou-se em um documentário que explica a nanotecnologia, Liliane de Grammont explora as nuances da pele e Jaruam Miguez trata da febre pelo UFC. Há claras referências também à literatura. Joaquim Tomé baseia-se no romance “O mestre e a margarida”, de Mikhail Bulgakóv. “Sua narrativa polifônica, a fartura de seus personagens e seu universo realista fantástico me pareceram um prato cheio para inspirações estéticas e pulsos de tensões dramáticas”, conta Tomé. Fernanda Bueno, por sua vez, acrescentou ao texto “O candidato”, do dramaturgo Harold Pinter, sua experiência em Israel, onde realizou um curso de férias com o célebre coreógrafo Ohad Naharin. | Lidyanne Aquino | Galeria Olido – Sala Paissandu. Centro. De 20 a 23. 5ª a sáb., 20h. Dom., 19h. Grátis (retirar ingresso uma hora antes)


Sergio Matta

DANÇA TRANSCENDE BARREIRA DA MEMÓRIA Associação de Balé para Cegos Fernanda Bianchini dança no Auditório Ibirapuera

ASSOCIAÇÃO DE BALÉ PARA CEGOS FERNANDA BIAnCHINI 90 min. Livre.

O grupo interpreta um divertissement com diversas coreografias. | Auditório Ibirapuera. Zona Sul. Dia 14, 21h. R$ 20

BALÉ DA CIDADE DE SÃO PAULO Espetáculo: “Discographismus”. 90 min. Livre. Veja destaque na página 32.

Coreografias inéditas do BCSP criadas pelos próprios bailarinos. | Galeria Olido – Sala Paissandu. Centro. De 20 a 23. 5ª a sáb., 20h. Dom., 19h. Grátis (retirar ingresso uma hora antes)

CIA. DANÇANTEATO (RJ) Espetáculo: “De Porto e Alma”. Coreografia e dir.: Vanda Mota. Com Carol Raed, Diana Del Pinho, Francisco Sidcley e outros. 50 min. Livre. Veja destaque ao lado.

O grupo de Paraty mostra uma cidade vista através dos olhos da alma. Um lugar de chegadas e partidas que existe em cada um e no cotidiano daqueles que habitam as localidades turísticas, onde as relações se dão de forma inusitada, nem sempre como sugere o cartão postal.

| Amanda Monteiro | Galeria Olido – Sala Paissandu. Centro. De 13 a 16. 5ª a sáb., 20h. Dom., 19h. Grátis (retirar ingresso uma hora antes) André Azevedo

| Galeria Olido – Sala Paissandu. Centro. De 13 a 16. 5ª a sáb., 20h. Dom., 19h. Grátis (retirar ingresso uma hora antes)

F

azer uma interface com a poesia por meio de aparelhos multimídia é o conceito da montagem de “De porto e alma”, espetáculo que estreia dia 13 na Galeria Olido. Encenada pela Cia. DançanteAto, da cidade de Paraty (RJ), a apresentação tem coreografia e direção de Vanda Mota e traz para o palco desde vídeos que englobam as vertentes interpretativas do teatro até a expressão corporal. O trabalho busca levar para a cena os fragmentos oriundos das escolhas difíceis feitas pelo homem, entre elas enfrentar ou não novas oportunidades. Como se fossem um porto de embarque, essas sensações, guardadas na memória, transformam-se em importante bagagem de vida. Esse é o cenário que marca o ponto de partida para uma viagem transcendental que explora, por meio do universo da dança, as relações interpessoais e o despertar dos sentidos. Concluído após um longo período em laboratório, o espetáculo enxerga uma cidade vista com os olhos da alma. “Nesse momento, recorremos a ressignificação constante dos movimentos, experimentando a cada encenação novas relações de seus sentidos ocultos”, explica Vanda, que é, também, idealizadora do projeto.

“De porto e alma”, da Cia. DanceAto, reflete sobre as escolhas difíceis que se tornam bagagem de vida emcartaz | FEVEREIRO DE 2014

33


exposições

Montagem da arena que reproduzirá a irreverente “Experiência nº 2” Sylvia Masini

OCA EXPÕE ACERVO MUNICIPAL DE FLAVIO DE CARVALHO

N

este ano, a cidade de São Paulo celebrou 460 anos de fundação. E a Oca, edifício projetado por Oscar Niemeyer, que assina também a criação de todo o Parque Ibirapuera no entorno, completará 60 anos em agosto. Para marcar a importância dessas datas, será inaugurada, dia 5, às 19h, a exposição “Flavio de Carvalho - a experiência como obra”, que reúne itens criados pelo artista e que integram as coleções municipais pertencentes a instituições, como o Museu da Cidade de São Paulo, o Arquivo Histórico de São Paulo e a coleção de figurinos do Theatro Municipal de São Paulo. Ao todo, cerca de 190 itens estarão em exibição, representando as diversas fases artísticas do carioca que sacudiu por diversas vezes a cena cultural. Além das obras convencionais –se é que podemos usar tal termo para definir Flavio de Carvalho–, haverá um ambiente em formato de arena, que contará com projeções e trilha sonora especialmente criadas para a exposição, convidando o público a reviver a “Experiência nº 2”, performance icônica realizada em 1931. Naquela ocasião, o artista escolheu uma procissão de Corpus Christi para testar os limites da tolerância. Ao caminhar no sentido oposto ao fluxo 34

FEVEREIRO DE 2013 | emcartaz

dos transeuntes, usando, irreverentemente, um chapéu verde na cabeça, ele quase foi linchado, refugiando-se em um comércio, onde foi protegido por policiais. A experiência deu origem a um livro, no qual o autor analisa o comportamento das massas, à luz de conceitos da psicanálise. No campo das artes plásticas, a obra de Carvalho é definida ora como expressionista, ora como surrealista. Talvez tamanha diversidade tenha sido uma tentativa do próprio artista de fugir de rótulos para definir seu trabalho. Como retratista, deu contornos únicos a Mário de Andrade e Oswald de Andrade. Com pinceladas bem marcadas, evidenciava o rosto como forma de valorizar a expressividade e personalidade de cada modelo. A exposição traz quatro grandes blocos de obras que não estão organizados cronologicamente, mas têm a função didática de apresentar o universo amplo e irrestrito da criatividade de Carvalho. | Giovanna Longo | Oca. Zona Sul. Abertura: dia 5, 19h. Até dia 18/5. 3ª a dom., das 9h às 17h. Grátis


Abertura

FLAVIO DE CARVALHO Veja destaque na página ao lado. | OCA. Parque Ibirapuera. Centro. Abertura: dia 5, 19h. Até dia 18/5. 3ª a dom., das 9h às 17h. Grátis

PLANETA LUZ Curadoria: Carlos Augusto de Almeida.

Exposição temática em meio ambiente que reúne representantes da arte visual do Brasil, trazendo obras com técnicas variadas, como pintura, colagem, fotografia e cerâmica. | Biblioteca Pública Prestes Maia. Zona Sul. Abertura: dia 22, 11h. Até dia 21/3. 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h. Grátis

Em cartaz

DA INDEPENDÊNCIA AO GRITO: HISTÓRIA DE UMA CASA DE PAU A PIQUE Curadoria: Margarida Andreatta (arqueóloga do Museu Paulista).

A mostra revela aspectos da casa histórica do Parque da Independência por meio de imagens, desenhos e fragmentos do cotidiano. | Casa do Grito. Zona Sul. 3ª a dom., das 9h às 17h. Grátis

DA INDEPENDÊNCIA AO GRITO: UM PROJETO DE MONUMENTO Curadoria: Cecília Salles (historiadora) e Ricardo Bogus (museólogo), ambos do Museu Paulista.

| Monumento à Independência – Capela Imperial. Zona Sul. 3ª a dom., das 9h às 17h. Grátis

DIÁLOGOS ENTRE TÉCNICAS E GERAÇÕES Exposição de trabalhos dos alunos dos cursos de xilogravura em várias técnicas, realizados de fevereiro a dezembro de 2009, coordenados pelos artistas Valter Eduardo e Ezequiel. | Biblioteca Pública Belmonte – sala de oficinas. Zona Sul. 2ª a 6ª, das 10h às 19h. Sáb., das 9h às 16h. Grátis

ESCAVANDO O PASSADO - A ARQUEOLOGIA NA CIDADE DE SÃO PAULO Curadoria: Cíntia Bendazzoli (arqueóloga).

Exposição de arqueologia com fragmentos encontrados na cidade de São Paulo nos últimos 40 anos, como pedras lascadas, cerâmica indígena e materiais históricos. | Sítio Morrinhos. Zona Norte. 3ª a dom., das 9h às 17h. Grátis

EU, LOBATO A exposição retrata passagens vividas por Monteiro Lobato durante seus 66 anos. São painéis biográficos, objetos de uso pessoal e livros escritos e editados por ele, mostrando sua importância nos cenários literário, econômico e político brasileiro. | Biblioteca Infantojuvenil Monteiro Lobato. Centro. 2ª a 6ª, das 8h às 18h. Sáb., das 10h às 17h. Dom., das 10h às 14h. Grátis Claudio Wakahara

Exibição de imagens e textos sobre aspectos que envolveram a Proclamação da Indepen-

dência do Brasil, em 7 de setembro de 1822, e a construção do Monumento à Independência, um século depois.

Arqueologia: fragmentos de base de moringa expostos no Sítio Morrinhos emcartaz | FEVEREIRO DE 2014

35


Everto Ballardin

“Poente”: instalação de Felipe Cohen para a Capela do Morumbi remete a água

FOTOGRAFIAS DE CRISTIANO MASCARO, EDU MARIN E FELIPE BERTARELLI Curadoria: Henrique Siqueira e Monica Caldiron. Veja destaque na página 38.

Inaugurando duas novas salas na Casa da Imagem, o Museu da Cidade de São Paulo reúne três exposições fotográficas individuais dos artistas Cristiano Mascaro, Edu Marin e Felipe Bertarelli. “Turista hotel” exibe 46 registros em preto e branco do início da produção de Mascaro, na década de 70, com destaque para interpretações para o bairro do Brás. “Câmara de descompressão” reúne 13 trabalhos de Marin, extraídos da série desenvolvida em 2013 com exclusividade para a Casa da Imagem, enfocando quartos de diferentes hotéis e motéis da cidade de São Paulo. Em sua individual, “Túneis não mostram o final”, Bertarelli traz oito obras em cores, fotografadas através de câmeras de grande formato, mostrando cenas noturnas em parques e túneis da capital. As novas salas estão abertas para mostras individuais de jovens fotógrafos que desenvolvem pesquisas relacionadas à técnica de captação e ao processamento da fotografia, que inclui reflexões acerca da história, da técnica analógica e da circulação de imagens. | Casa da Imagem. Centro. Até dia 6/4. 3ª a dom., das 9h às 17h. Grátis

HOJE TEM ESPETÁCULO Curadoria: Verônica Tamaoki. Projeto expositivo: Carla Caffé. 36

FEVEREIRO DE 2014 | emcartaz

Ganhadora do Prêmio Governador do Estado na categoria Circo em 2012, a mostra apresenta um panorama da trajetória da arte circense no Brasil por meio de cinco segmentos. No térreo (entrada pela rua Dom José de Barros), encontra-se uma maquete do Mestre Maranhão, acompanhada por uma classificação das artes do circo. Na sobreloja da Olido (entrada pela Avenida São João), estão expostas uma linha do tempo com os principais acontecimentos entre 1830 e 2009; “Destaques”, homenagem aos artistas, circos e famílias que se sobressaíram no Brasil; “Maquetes”, com t��cnicas e procedimentos da arquitetura nômade circense; e o tradicional Café dos Artistas, espaço de convivência do Centro de Memória do Circo. | Galeria Olido (térreo do Centro de Memória do Circo e sobreloja). Centro. 2ª a 6ª, das 10h às 20h. Sáb., dom. e feriados, das 13h às 20h (não abre às 3ªs). Grátis

LUÍS GAMA E O ABOLICIONISMO PAULISTANO Curadoria: Maria Luiza Ferreira de Oliveira (professora de história do Brasil na Unifesp).

Nascido na Bahia, Luís Gama foi vendido a um mercador de escravos pelo pai e chegou a São Paulo em 1840, quando tinha 10 anos. Depois de liberto, dedicou-se a acusar as arbitrariedades praticadas contra os negros. A mostra reúne fotos, artigos, poemas, entre outros itens. | Sítio da Ressaca. Zona Sul. 3ª a dom., das 9h às 17h. Grátis


A MARQUESA DE SANTOS: UMA MULHER, UM TEMPO, UM LUGAR Curadoria: Heloísa Barbuy.

Exibição de objetos que pertenceram à Marquesa de Santos, como seu faqueiro, sua cama e o famoso retrato de autoria presumida de Francisco Pedro do Amaral. | Solar da Marquesa de Santos. Centro. 3ª a dom., das 9h às 17h. Grátis

OCUPAÇÃO MÁRIO DE ANDRADE Curadoria: Silvana Rubino.

Exposição em comemoração ao aniversário da cidade de São Paulo, festejado em 25 de janeiro. A mostra dá ênfase à atuação do poeta Mário de Andrade quando esteve à frente do Departamento de Cultura (atual Secretaria Municipal de Cultura), entre 1935 e 1938. Para aprofundar o diálogo desta exposição com o acervo da Missão de Pesquisas Folclóricas, que está sob guarda do CCSP, foram expostos registros que narram o processo sistemático de trabalho da equipe de pesquisadores liderada por Luís Saia, sob orientação de Mário de Andrade, com o objetivo de registrar manifestações culturais e folclóricas no Norte e Nordeste do Brasil. A exposição se expande sob o viés da arte contemporânea ao exibir, também, uma doação recente da Coleção de Arte da Cidade: a videoinstalação “Fala dos confins (kombi Catarina)”, da artista Virgínia de Medeiros, obra contemplada, em 2013, pelo Prêmio de Artes Plásticas Marcantonio Vilaça.

POENTE Artista plástico: Felipe Cohen.

Expoente de uma nova geração de artistas que reinventa a escultura brasileira, Cohen criou, para a Capela do Morumbi, esta obra site specific que consiste em um grande galho de árvore cortado, disposto no meio do piso recoberto com vidro, dando a impressão de emergir da água. Complementa a instalação a peça “Anunciação”, de 2008, montada no batistério da Capela e composta de uma lâmpada e uma taça de cristal, que também remetem a “água escorrendo”. | Capela do Morumbi. Zona Sul. Até dia 2/3/2014. 3ª a dom., das 9h às 17h. Grátis

VISAGENS VISÕES COMUNS, VISÕES SUBLIMES Artista plástico: Ernesto Bonato.

Xilogravuras feitas a partir de retratos de pessoas que circulam, trabalham ou moram no entorno da biblioteca. | Biblioteca Pública Belmonte – hall de entrada. Zona Sul. 2ª a 6ª, das 10h às 19h. Sáb., das 9h às 16h. Grátis

Últimas semanas

3ª MOSTRA DO PROGRAMA DE EXPOSIÇÕES 2013 Exibição de obras especialmente comissionadas para a Galeria Olido, criadas pelos artistas selecionados pelo Programa de Exposições 2013 do Centro Cultural São Paulo: Daniel Escobar, Newton Goto e Thiago Gonçalves, além de trabalhos das convidadas Carla Zaccagnini e Renata Luccas. | Galeria Olido – espaço expositivo. Centro. Até dia 23. 3ª a sáb., das 13h às 20h. Dom., das 13h às 19h. Grátis Sylvia Masini

| Centro Cultural São Paulo – Praça das Bibliotecas e Piso Flávio de Carvalho. Centro. Até dia 13/3. 3ª a 6ª, das 10h às 20h. Sáb., dom. e feriados, das 10h às 18h. Grátis

PERFUME DE PRINCESA Artista plástico: Wagner Malta Tavares.

Constituída de um tubo metálico que percorre 300 metros, a instalação exala diferentes compostos aromáticos de flores, entre elas jasmim, rosa e alfazema, ao longo de um percurso que passa pelo centenário Beco do Pinto e por diferentes cômodos do conjunto de casas históricas vizinhas, composto pelo Solar da Marquesa e pela Casa da Imagem. | Casa da Imagem, Beco do Pinto e Solar da Marquesa. Centro. Até dia 16/3. 3ª a dom., das 9h às 17h. Grátis

Obra exposta na mostra “Hoje tem espetáculo” emcartaz | FEVEREIRO DE 2014

37


TRÊS VISÕES FOTOGRÁFICAS REVELAM A CIDADE DE SP

A

capital paulista serve como tema de três mostras individuais fotográficas que a Casa da Imagem, imóvel histórico do Museu da Cidade de São Paulo, promove para celebrar a recente inauguração de duas novas salas expositivas. Obras dos fotógrafos paulistas Cristiano Mascaro, Edu Marin e Felipe Bertarelli retratam a metrópole em épocas e sob aspectos diferentes. No térreo e no primeiro andar, Mascaro apresenta a exposição “Turista hotel”, que reúne 46 fotografias em preto e branco, a maioria inédita, que retratam, entre outros, o bairro do Brás, enfocando um momento emblemático do urbanismo paulistano: quando o centro da cidade se despedia de seu passado industrial, marcado pela construção de trilhos do metrô e de novas avenidas.

Doutor, mestre e arquiteto formado pela FAU/USP, Mascaro, que também atuou como repórter fotográfico da revista Veja, explora em seu trabalho acontecimentos e cenários urbanos, que lhe renderam uma reconhecida produção fotográfica e diversas premiações, como três Prêmios Abril de Fotojornalismo, Bolsa Vitae de Artes e Prêmio Internacional de Fotografia Eugene Atget. Exposta nas salas da entrada, “Câmara de descompressão”, de Edu Marin, foi desenvolvida com exclusividade para a Casa da Imagem em 2013 e agrupa 13 registros que revelam cômodos decadentes de diferentes hotéis e motéis da cidade. Bacharel em artes plásticas pela ECA/ USP, Marin expõe regularmente desde 2004 em mostras individuais e coletivas, em galerias paulistanas e espaços institucionais. Uma outra sala abriga a primeira individual do fotógrafo Felipe Bertarelli. Instalada no primeiro andar e sob o título “Túneis não mostram um final”, a exposição traz oito obras capturadas através de câmeras de grande formato que realizam um tipo de inventário das cenas noturnas urbanas em parques e túneis da cidade. Formado em fotografia pelo Senac/ SP, Bertarelli foi vencedor do Prêmio Porto Seguro de Fotografia, em 2009, na categoria “São Paulo”. | Natália Tayota

Fotografia de Cristiano Mascaro, realizada na década de 70, mostra a entrada do cinema que 30 anos antes foi o maior do Brasil: o Cine Piratininga, no Brás, com capacidade para cerca de 5.000 espectadores 38

FEVEREIRO DE 2014 | emcartaz

| Casa da Imagem. Centro. Até dia 16/3. 3ª a dom., das 9h às 17h. Grátis


cursos e oficinas

Bonecões da Cuca (à esq.), Tia Nastácia, Emília e Visconde de Sabugosa animam o bloco carnavalesco Sylvia Masini

PERSONAGENS DE LOBATO ABREM O CARNAVAL DAS CRIANÇAS

O

advogado, editor, tradutor e escritor Monteiro Lobato foi responsável por criar, na década de 20, uma das séries mais emblemáticas da literatura infantojuvenil brasileira, o “Sítio do picapau amarelo”, que, após quase 100 anos, ainda povoa o imaginário das crianças. Para guardar a memória e promover tanto as personagens do Sítio quanto as de outras obras do escritor, a Biblioteca Infantojuvenil Monteiro Lobato realiza dia 28, a partir das 15h, a nona edição do tradicional Bloco das Emílias e Viscondes, que anualmente sai pelas ruas do bairro de Vila Buarque. O personagem homenageado deste ano é o porquinho Marquês de Rabicó, que se casou com a boneca Emília. Em parceria com o Instituto Espaço Arterial, o bloco é antecedido por uma série de atividades que envolve crianças e adolescentes em oficinas de percussão, fantasia e confecção de um bonecão de outra personagem do Sítio, Dona Benta, atividade orientada pelo bonequeiro Edson Gon. Na oficina de fantasias, Valéria Silva e Vera Alves ensinam a criação de adereços diversos para serem usados pelas crianças: cartola do Visconde de Sabugosa, peruca

da Emília, gorro do Saci, máscara da Cuca, avental da Tia Nastácia, tiara da Narizinho e boné do Pedrinho. Enquanto acontecem esses encontros, haverá contação de histórias em que o Marquês de Rabicó participa. Segundo uma das organizadoras do evento, Muriel Scott, a confecção dos bonecos e adereços é baseada em estudos sobre as ilustrações feitas para os livros de Lobato ao longo das décadas. “A Emília de hoje é a que foi divulgada pela televisão recentemente, com cabelo colorido e roupa quadriculada amarela e vermelha. Isso jamais seria feito na década de 50 ou anteriormente, quando a boneca era mais parecida com o ser humano”, explica. Nas oficinas de percussão, os participantes podem escolher entre tocar caixa, agogô, surdo, tamborim, chocalho (ganzá) e xequerê. A coordenação é da dupla de compositores Jica y Turcão, responsável também pela criação da música e letra da marchinha que animará o bloco. O ensaio geral acontece dia 27. | Luísa Bittencourt |Veja programação na página 41. emcartaz | FEVEREIRO DE 2014

39


ARTESANATO

DANÇA DE SALÃO - O GRANDE BAILE

Atividade desenvolvida em duas bibliotecas públicas (BP). Livre: | Coord.: Andréia Mendes Florez. Aplicação de patch apliquê em tecido, entre outras técnicas. BP Paulo Setúbal. Zona Leste. De 5 a 26. 4ª, 9h 3ª idade: | Coord.: Grupo Sempre É Tempo. BP Amadeu Amaral. Zona Sul. De 5 a 26. 4ª, 9h | Coord.: Grupo Esperança. BP Amadeu Amaral. Zona Sul. De 5 a 26. 4ª, 13h30 | Grátis

Coord.: Maira Artischeff.

ATELIÊ DE MODELO VIVO/ METAMORPHOSIS: CORPO EM TRANSFORMAÇÕES Modelos: Cris Ferrantini e Juliano Hollivier.

Ateliê de desenho de observação da figura humana. | 60 vagas. Não é necessário fazer inscrição. Centro Cultural São Paulo – Sala Adoniran Barbosa (anexo). Centro. Até dia 28. 6ª, das 15h às 17h. Grátis

CARTOGRAFIAS FAMILIARES OU DO LADO DE DENTRO DE UMA CASA Esta residência artística se desenvolverá por meio da criação de intervenções cênicas nos espaços do CCJ com o objetivo de buscar compreender questões relacionadas à juventude e às estruturas familiares, repensando o espaço de forma cênico-poética.

Espaço para adquirir experiência em diversos estilos de dança de salão. | Não é necessário fazer inscrição. Centro Cultural São Paulo – Sala Adoniran Barbosa. Centro. Até dia 26. 4ª, das 12h às 14h. Grátis

HISTÓRIAS LÚDICAS: TODO MUNDO É CAPAZ DE CRIAR Com a intenção de formar jovens multiplicadores de histórias, a oficina aborda temas como comunicação entre diferentes, cultura surda e exploração dos sentidos e técnicas de memorização. | +14 anos. 15 vagas por turma. Inscrições na recepção do CCJ ou pelo email inscricoes@ccj.art.br. Centro Cultural da Juventude – teatro de arena. Zona Norte. De 1º a 22. Sáb. e dom., das 14h às 16h30. Grátis

HORTA COMUNITÁRIA DO CCSP Parceria: rede Hortelões Urbanos.

Como parte do dispositivo Centro Cultural, Seu Próprio, esta horta comunitária, aberta ao público no último domingo do mês, é cultivada colaborativamente por apoiadores e voluntários com o objetivo de produzir alimentos e ampliar a relação entre o CCSP e seus frequentadores. | Centro Cultural São Paulo – jardim suspenso (lado da avenida 23 de Maio). Centro. Dia 23, 9h. Grátis Sossô Parma

| Não é necessário fazer inscrição. Centro Cultural da Juventude – área de convivência. Zona Norte. De 1º a 23. Sáb. e dom., 18h. Grátis

DANÇA ACROBÁTICA Coord.: Nagila Pessultt. Projeto contemplado pelo Edital de Ocupação do CCJ 2013.

Oficina que mescla dança urbana e circo com foco na criação coletiva. | +14 anos. 15 vagas por turma. Inscrições até dia 2 na recepção do CCJ ou pelo email inscricoes@ccj.art. br. Centro Cultural da Juventude – teatro de arena. Zona Norte. De 5/2 a 27/3. 4ª, das 10h às 12h (turma 1). 5ª, das 10h às 12h (turma 2). Grátis

DANÇA DE SALÃO Para iniciantes ou não, esta atividade mescla diversos passos de dança, como forró, samba de gafieira e rock soltinho dos anos 60, com poesia, filosofia e outras linguagens artísticas. | Não é necessário fazer inscrição. Centro Cultural da Juventude – teatro de arena. Centro. De 6 a 27. 5ª, das 19h30 às 21h30. Grátis

40

FEVEREIRO DE 2014 | emcartaz

Cultivo da horta comunitária do CCSP é aberto à participação do público no último domingo do mês


Sylvia Masini

XADREZ Atividade realizada em duas bibliotecas públicas (BP). Livre: | Coord. José João dos Santos (iniciantes). BP Amadeu Amaral. Zona Norte. De 1º a 22. Sáb., 10h +10 anos: | Coord.: José Alberto Batista Mendes (iniciantes e intermediários). BP Paulo Setúbal. Zona Leste. De 1º a 28. 4ª, 6ª e sáb., 14h | Grátis

Infantojuvenil Bibliotecas públicas ensinam xadrez

OFICINA LIVRE DE HORTICULTURA ORGÂNICA Coord.: Rafael Bordon (Projeto Povo Brasileiro) e Isaque Gomes (Arboreser).

Por meio de atividades técnicas e práticas de cultivo, serão aplicadas metodologias cooperativas, pedagógicas, socioeducativas e ambientais a fim de estimular o planejamento e implantação de projetos coletivos ou empreendimentos individuais de plantações de hortas. | 20 vagas. Inscrições na recepção do CCJ, pelo telefone 3984-2466 ou pelo site http://www.inscricoes. ccj.art.br/. Centro Cultural da Juventude – horta comunitária. Zona Norte. De 6 a 14. 5ª e 6ª, das 14h às 16h. Grátis

OFICINAS LIVRES NO CENTRO CULTURAL DA PENHA (inscrições) Estão abertas, até dia 8, inscrições para interessados em participar das seguintes oficinas: artes visuais para crianças, desenho a nanquim, capoeira, ateliê coreográfico, dança de salão, balé para crianças, dança na maturidade, dramaturgia, elaboração de projetos, jogos de xadrez, RPG (Role Playing Game), jogos cooperativos, cultura afro, como escrever um livro, literatura com hip-hop, canto coral, musicalização em braile, violão, iniciação musical para crianças, técnicas de clown, jogos de teatro com literatura, teatro com prosa e samba, práticas de encenação, teatro para terceira idade, teatro para crianças, hatha yoga, pilates, pintura em tecido, temari e costurando histórias. | Inscrições entre os dias 4 e 8, das 10h às 20h, por ordem de chegada. É necessário levar documento de identificação. Menores de 16 anos devem levar autorização por escrito dos responsáveis. Centro Cultural da Penha. Zona Leste. Grátis

BLOCO DAS EMÍLIAS E VISCONDES BIBLIOTECA INFANTOJUVENIL MONTEIRO LOBATO E ENTORNO | CENTRO | DIA 28 | 14H (CONCENTRAÇÃO) / 15H (DESFILE) | GRÁTIS Em seu nono ano de existência, o bloco infantil sai pelas ruas do bairro da Vila Buarque e presta, nesta edição, homenagem ao Marquês de Rabicó, personagem de Monteiro Lobato presente em “Sítio do picapau amarelo”. A dupla Jica y Turcão compôs a marchinha que acompanhará o desfile e, antes deste, ocorrerão oficinas preparatórias. Coord. geral: Vera Lúcia Baptista Alves. Parceria: E.E. Arthur Guimarães, Sesc e Instituto Espaço Arterial.

Veja destaque na página 39.

Oficinas | Para crianças e adolescentes. Não é necessário fazer inscrição.

PERCUSSÃO Coord.: Jica e Turcão.

Participantes têm contato com instrumentos percussivos: caixa, agogô, surdo, tamborim, chocalho (ganzá) e xequerê. | Praça do Rotary e biblioteca. Até dia 27. 3ª e 5ª, das 15h às 17h

CONSTRUÇÃO DE BONECÃO Coord.: Edson Gon. | Saguão da biblioteca. Até dia 26. 2ª e 4ª, das 15h às 17h

FANTASIAS Coord.: Valéria Silva e Vera Alves.

Construção de adereços: cartola do Visconde de Sabugosa, peruca da Emília, gorro do Saci, máscara da Cuca, avental da Tia Nastácia, tiara da Narizinho e boné do Pedrinho. | Saguão da biblioteca. Até dia 24. 2ª e 4ª, das 15h às 17h

emcartaz | FEVEREIRO DE 2014

41


palestras, debates e encontros

Em seu show carnavalesco, Trupe Chá de Boldo convida as cantoras Marcia Castro, Mariana Aydar e Maria Alcina Bob Wolfenson

CARNAVAL NO CCJ TEM TRUPE CHÁ DE BOLDO E BAILE INFANTIL

S

ão Paulo já não é mais aquela cidade que, em tempos de carnaval, assumia um aspecto de abandono e vazio, quando seus moradores fugiam em massa à procura de lugares mais animados para passar o feriado. Há alguns anos, a capital vem assistindo à expansão da cultura carnavalesca, com o surgimento de novos blocos de rua e de grupos interessados em resgatar essa festa como cultura popular. Seguindo essa onda, o Centro Cultural da Juventude (CCJ) prepara um fim de semana especial de aquecimento para a folia: no sábado, dia 22, às 15h, acontece o baile infantil “Cantigas carnavalescas para crianças de todas as idades”, com o Núcleo Mala & Cuia; e no dia 23, a partir das 18h, a banda Trupe Chá de Boldo convida três cantoras, a baiana Marcia Castro, a paulistana Mariana Aydar e a mineira irreverente Maria Alcina, para interpretarem clássicos do carnaval e canções autorais. Liderado pelas atrizes Ruth Melchior e Fabi Ribeiro, o Núcleo Mala & Cuia é formado por músicos e palhaços que inovam cantando composições infantis e marchinhas numa roupagem carnavalesca, influenciada por ritmos da cultura

42

FEVEREIRO DE 2014 | emcartaz

popular como maracatu e frevo. Trazendo um universo lúdico, canções como “Samba Lelê”, “O cravo brigou com a rosa” e “A barata diz que tem” ganham nova versão dançante. Uma das mais destacadas presenças que atuou na retomada do carnaval paulistano, a Trupe Chá de Boldo, formada por 13 amigos de longa data, começou sua trajetória em 2005, interpretando marchinhas e temas carnavalescos e participando de blocos de rua. Ao longo dos anos, a banda amadureceu e adquiriu um estilo próprio e singular, mas sem deixar de lado suas raízes. “O carnaval nos influencia totalmente, é uma imersão da qual não saímos. A gramática musical variou, se entortou, se esparramou, namorou outras coisas, mas o DNA é o mesmo, a vivência é a mesma - senão maior”, afirma o percussionista Rafael Werblowsky. | Luísa Bittencourt | Centro Cultural da Juventude. Zona Norte. Grátis. “Carnaval para crianças de todas as idades”. Área de convivência. Dia 22, 15h (não é necessário retirar ingresso); Baile pré-carnaval com Trupe Chá de Boldo, Marcia Castro, Mariana Aydar e Maria Alcina. Anfiteatro. Dia 23, 18h (retirar ingresso, até dois por pessoa e apresentando RG, a partir das 16h)


BAILE PRÉ-CARNAVAL: TRUPE CHÁ DE BOLDO, MARCIA CASTRO, MARIANA AYDAR E MARIA ALCINA

convida, em fevereiro, interessados em fotografar o desfile carnavalesco do tradicional Bloco da Ressaca.

Veja destaque na página ao lado.

| Inscrições: enviar, até dia 21, nome, email e telefone de contato para o site http://www.museudacidade.sp.gov. br/. Mais informações pelo telefone 3105-2030. Ponto de encontro: Largo do Cambuci, s/nº, Cambuci. Zona Sul. Atividade: dia 22, das 15h às 18h. Grátis (exceto gastos com laboratório)

A banda Trupe de Chá de Boldo recebe as três cantoras como convidadas para animar este baile pré-carnavalesco. | Centro Cultural da Juventude – anfiteatro. Zona Norte. Dia 23, 18h. Grátis (retirar ingresso, até dois por pessoa e apresentando RG, a partir das 16h)

CLUBE DE LEITURA Coord.: João Luiz Marques.

Conversa sobre o livro “O mendigo que sabia de cor os adágios de Erasmo de Rotterdam”, de Evandro Afonso Ferreira. | Biblioteca Infantojuvenil Monteiro Lobato. Centro. Dia 14, 19h. Grátis

DEMOCRACIA E MÍDIA Com Altamiro Borges (blogueiro), José Carlos Ruy (jornalista) e Jeosafá Fernandes (escritor).

Debate sobre as relações entre os veículos de comunicação tradicionais e a democracia. | Centro Cultural São Paulo – Sala Adoniran Barbosa. Centro. Dia 14, das 20h30 às 22h. Grátis (não é necessário retirar ingresso)

JORNADA FOTOGRÁFICA: BLOCO DA RESSACA Coord.: André Douek.

Autor: Eduardo Cantarin.

O livro conta a história de um menino de 10 anos que, em busca de seu ser superior, tem de viajar pelo Universo. Auxiliado por amigos interiores, mas afrontado por demônios e deuses, ele passará por diversas situações insólitas, de cunho filosófico. | Biblioteca Pública Raimundo de Menezes. Zona Leste. Dia 8, das 10h às 15h. Entrada franca

MEDIAÇÃO DE LEITURA Bibliotecas públicas (BP) promovem encontros que estimulam o gosto pela leitura. Livre: | “Leitura na Ricardo Ramos”. Com Adilva Azevedo. BP Ricardo Ramos. Zona Leste. De 4 a 25. 3ª, 15h | “Mediação na Adelpha”. Com Camila Soares e Munir Khenaiffes. BP Adelpha Figueiredo. Zona Leste. De 4 a 25. 3ª, 15h | “Mediação na Penha”. BP José Paulo Paes. Zona Leste. De 4 a 25. 3ª, 16h | “Deixa falar o coração”. Com Beth Filipini. BP Thales Castanho de Andrade. Zona Norte. De 5 a 26. 4ª, 10h

Mistuo Yamamoto

Com o objetivo de incentivar a descoberta do patrimônio histórico e cultural paulistano, esta atividade do Museu da Cidade de São Paulo

LANÇAMENTO DE LIVRO: MIL MUNDOS, A MENTE

Jornada Fotográfica registra o desfile do tradicional Bloco da Ressaca, no Cambuci emcartaz | FEVEREIRO DE 2014

43


| “No tempo que a galinha tinha dentes”. Com Beth Filipini. BP Thales Castanho de Andrade. Zona Norte. De 5 a 26. 4ª, 14h30 | “Chá com leitura”. Com Maria José Garcia, Dirce Barros e Tania Santaella. BP Paulo Setúbal. Zona Leste. Dias 5 e 26, 15h | “Tarde da mediação de leitura”. Com Chris Allegranci. BP Paulo Sérgio Duarte Milliet. Zona Leste. De 5 a 26. 4ª, 15h 3ª idade: | Com Helena Rodrigues da Silva. BP Amadeu Amaral. Zona Sul. De 5 a 26. 4ª, 10h | Grátis

POEMAS À FLOR DA PELE Sarau poético realizado pelo grupo Poemas à Flor da Pele, com a participação de músicos e atores. Haverá, também, o lançamento de livros de poesia de novos autores. | Centro Cultural São Paulo – Sala Adoniran Barbosa. Centro. Dia 21, das 19h às 20h30. Grátis (não é necessário retirar ingresso)

POESIA DOS 4 CANTOS: NOITE GREGA Participações: Marcelo Tápia (poeta), Diego Domingos de Sá Lisboa, Daniel Tápia e Antônio Panda Gianfratti (músicos).

Atividade mensal dedicada à divulgação da poesia nacional e internacional, num formato que inclui leitura mesclada com danças e músicas típicas nos intervalos. | Centro Cultural São Paulo – Sala Adoniran Barbosa. Centro. Dia 7, das 20h30 às 22h. Grátis (não é necessário retirar ingresso)

PSICODRAMA PÚBLICO CCSP Coord.: Rosane Rodrigues.

Com base na dramatização improvisada, seguida de bate-papo, a encenação propõe vivenciar temas que fazem parte do cotidiano dos participantes. Cada sessão é aberta a todos os interessados e não é necessário fazer inscrição. Carla Calderone | Dia 1º Márcia Almeida Batista | Dia 8 Madalena Rehder | Dia 15 Valéria Barcellos | Dia 22 | Centro Cultural São Paulo – Espaço Oficinas. Centro. Sáb., das 10h30 às 13h. Grátis

RODA DE LEITURA Com Luciana Campos.

Leitura de contos clássicos e contemporâneos. O texto estará disponível para retirada na biblioteca.

Org.: Coletivo Periferia, Nossa Faixa de Gaza. Apoio: Movimento Palestina para Tod@s.

Apresentação do rapper palestino de Gaza Mohammed Antar. O projeto visa aproximar manifestações culturais das periferias de São Paulo ao movimento hip-hop palestino, mais especificamente o de Gaza. A troca cultural envolve rappers e coletivos culturais brasileiros, como o grupo de rap Influência Positiva, Núcleo Cultural Força Ativa, de Cidade Tiradentes, Organização Jihad Racional, Sarau Perifatividade e outros movimentos periféricos de São Paulo. | Centro Cultural da Penha – Espaço Mário Zan. Zona Leste. Dia 7, das 19h às 21h. Grátis

LITERATURA PERIFÉRICA: VEIA E VENTANIA NAS BIBLIOTECAS DE SÃO PAULO BIBLIOTECAS PÚBLICAS | GRÁTIS Programação com alguns dos saraus mais conhecidos da cidade. A atividade chega a dez bibliotecas públicas (BP).

SARAU DO DESAMADURECIMENTO | BP Narbal Fontes. Zona Norte. Dia 1º, 14h

SARAU MARGINALIARIA | BP Raimundo de Menezes. Zona Leste. Dia 8, 14h

SARAU ARTE MALOQUEIRA | BP Cora Coralina. Zona Leste. Dia 8, 17h

SARAU PERIFATIVIDADE NA AMADEU | BP Amadeu Amaral. Zona Leste. Dia 15, 13h30

SARAU DOS MESQUITEIROS | BP Rubens Borba Alves de Moraes. Zona Leste. Dia 15, 14h

SARAU NA COZINHA | BP Raimundo de Menezes. Zona Leste. Dia 15, 14h

SARAU DA BRASA | BP Affonso Schmidt. Zona Norte. Dia 15, 14h

SARAU ENCONTRO DE UTOPIAS | BP Adelpha Figueiredo. Zona Leste. Dia 22, 14h

SARAU ELO DA CORRENTE | BP Brito Broca. Zona Norte. Dia 24, 19h

| +14 anos. 20 vagas. Centro Cultural da Penha – Biblioteca José Paulo Paes. Zona Leste. Dia 21, das 17h às 19h. Grátis

SARAU A VOZ DO POVO

SARAU DA PENHA

SARAU DO BINHO

Projeto cultural Intercâmbio Rapoético Brasil-Palestina.

| BP Marcos Rey. Zona Sul. Dia 28, 14h

44

FEVEREIRO DE 2014 | emcartaz

| BP Helena Silveira. Zona Sul. Dia 25, 14h


PROJETO CARAVANA PARATY CENTRO CULTURAL SÃO PAULO | CENTRO | SÁB. E DOM. | GRÁTIS Valorização da cultura tradicional e contemporânea, unindo mestres e representantes da diversidade cultural caiçara e da cidade de Paraty (RJ). Ação desenvolvida pelo Defeso Cultural. | Retirar ingresso a partir de duas horas antes.

DEBATE SOBRE O DEFESO CULTURAL Com Luís Perequê, Antonio C. Diegues e Bruno Tavares. | Sala Adoniran Barbosa. Dia 1º, 11h

CAFÉ CAIÇARA | Sala Adoniran Barbosa. Dia 1º, 16h

SHOW DE LUÍS PEREQUÊ E CONVIDADOS | Sala Adoniran Barbosa. Dia 1º, 18h30

JONGO DO CAMPINHO DA INDEPENDÊNCIA | Área de convivência. Dia 2, 16h (não é necessário retirar ingresso)

SHOW DE CIRANDA ELÉTRICA, CHAMA MARÉ, REALIDADE NEGRA, B.NEGÃO E OUTROS | Sala Adoniran Barbosa. Dia 2, 17h30

Infantojuvenil

CARNAVAL PARA CRIANÇAS Show: “Cantigas carnavalescas para crianças de todas as idades”. Com Núcleo Mala & Cuia, liderado pelas atrizes Ruth Melchior e Fabi Ribeiro. Músicos: Elaine Guimarães (vocal e percussão), Bruno Mota (violão e baixo), Alan Plocki (palhaço e violões), Debora Hathner (vocal e percussão) e Sérgio Argento (palhaço, sax e percussão). Veja destaque na página 42.

Canções infantis em roupagens carnavalesca (marchinhas e frevo), de cultura popular (maracatu) e outros gêneros. Palhaços, músicos e atores interpretam canções como “SambaLelê”, “O cravo brigou com a rosa”, “A barata diz que tem” e outras. | Centro Cultural da Juventude – área de convivência. Zona Norte. Dia 22, 15h. Grátis (não é necessário retirar ingresso)

LEITURA COM MEDIAÇÃO Atividade em bibliotecas públicas (BP) que visa despertar nas crianças e jovens o interesse pela literatura e o hábito da leitura.

Livre: | “A hora da mediação literária”. Com Cléo, Silene e Elias. BP Cora Coralina. Zona Leste. De 4 a 25. 3ª, 15h30 | “Leitura para bebês e crianças”. Com Antonio Martins, Fátima Santana e Silvania Medeiros. BP Jamil Almansur Haddad. Zona Leste. De 5 a 26. 4ª, 11h | “Histórias lidas e relidas”. Com Cida Felício e Cida Teles. BP Prof. Arnaldo Magalhães Giácomo. Zona Leste. De 5 a 26. 4ª, 14h | Com Ruth Amélia de Araujo e Sumara Faria Franqueira. BP Aureliano Leite. Zona Leste. De 5 a 26. 4ª, 14h30 | “Momentos de leitura com as crianças”. Com Alice Setsuko Hara Takata. BP Rubens Borba de Moraes. Zona Leste. De 5 a 26. 4ª, 15h | “Viagem ao mundo da leitura”. Com Iranilde Alves Freires de Farias e Joselita Oliveira Barreto. BP Raimundo de Menezes. Zona Leste. De 6 a 27. 5ª, 15h | “Mediação infantil e para bebês”. Com Andreia Passos e Livia Domingues. BP Milton Santos. Zona Sul. De 7 a 28. 6ª, 14h30 | Com João Salzani. BP Jovina Rocha Álvares Pessoa. Zona Leste. De 7 a 28. 6ª, 15h | “Pequenas leituras, gostosas aventuras”. Com Sandra R. Nascimento e Roseli Pires S. Destre. BP Sylvia Orthof. Zona Norte. De 12 a 26. 4ª, 14h30 | “Chá de bonecas e de super-heróis”. Com Paula Bueno e Rita Pisniski. BP Helena Silveira. Zona Sul. Dias 21 e 28, 10h e 14h | “Brincar de ler”. Com Paula Bueno e Rita Pisniski. BP Helena Silveira. Zona Sul. Dia 26, 15h | Grátis

CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS BIBLIOTECAS | GRÁTIS A Biblioteca Pública Padre José de Anchieta e a Sala de Leitura Infantojuvenil da Biblioteca Sérgio Milliet, no Centro Cultural São Paulo (CCSP), recebem contadores de histórias.

HOJE É DIA DE HISTÓRIA Cia. A Hora da História. Com Camila Cassis e Natália Grisi. Livre.

Seleção de contos e ilustrações extraídos de livros. | CCSP. Centro. De 1º a 23. Sáb. e dom., 14h30 (nos dias 22 e 23, haverá interpretação em Libras)

O CARNAVAL DO JABUTI Com Juvelina Pereira Martins. +6 anos.

História do baile de carnaval organizado por bichos em plena floresta. Como o macaco fica proibido de participar, começa uma grande confusão. Após a contação, haverá oficina de máscaras de carnaval infantis. | BP Padre José de Anchieta. Zona Norte. De 17 a 21, 10h e 14h

emcartaz | FEVEREIRO DE 2014

45


naestante Histórias de vaqueiros e cantadores (para jovens) Autor: Luís da Câmara Cascudo Editora Global 128 páginas

Pesquisador da cultura popular brasileira, o autor apresenta uma coletânea voltada ao público jovem sobre as nuances de cada história –festas típicas, superstições, “causos”, entre

outras. Ilustrado por Erivaldo.

A menina, o coração e a casa

A personagem central, Tina, tem apenas cinco anos. Seus pais se separam e ela segue morando com a avó e o pai. Seu irmão, Pedro, portador da síndrome de Down, mora com a mãe. Vencedora do Prêmio Hans Christian Andersen 2012, a autora argentina aborda os conflitos familiares pela perspectiva da garota. Ilustrado por Mauricio Negro.

Autora: María Teresa Andruetto Editora Global 96 páginas

Os desenhos de Marcelo Cip ilustram a ideia de Alvarez: contar uma hisEra uma vez duas linhas tória de amizade entre duas linhas Autor: Alonso Alvarez e suas “errâncias” pelo mundo. Editora Iluminuras 32 páginas Lembrando a liberdade dos traços soltos em uma folha de papel, as linhas viram estradas, tomam forma de arco-íris e chegam a passear com baleias. Até o momento em que se encontram no caos da cidade grande e acabam se perdendo.

Esta seção destaca três obras recém-adquiridas que podem ser solicitadas para empréstimo nas bibliotecas públicas. Para saber se estão disponíveis, consulte o site http://bibliotecacircula. prefeitura.sp.gov.br/pesquisa/. 46

FEVEREIRO DE 2014 | emcartaz


nossos endereços

Sylvia Masini

Casa da Imagem (à esq.), Beco do Pinto e Solar da Marquesa de Santos

Acervo da Memória e do Viver Afro-Brasileiro Caio Egydio de Souza Aranha Rua Arsênio Tavollieri, 45, Jabaquara. Zona Sul. | tel. 5011-2421 e 5011-1430 | Atendimento: 2ª e 5ª, das 8h às 17h; 3ª, 4ª e 6ª, das 8h às 22h; Sáb., das 8h às 19h; Dom., das 8h às 18h. Nos finais de semana, os horários variam de acordo com a programação.

Arquivo Histórico de São Paulo Edifício Ramos de Azevedo. Pça Coronel Fernando Prestes, 152, Bom Retiro. Próximo da estação Tiradentes do metrô. Centro. | tel. 3396-6000 | Atendimento: 2ª a Sáb., das 9h às 17h.

Auditório Ibirapuera Av. Pedro Álvares Cabral, s/nº, Parque Ibirapuera (portão 3), Ibirapuera. Zona Sul. | tel. 3629-1075

Beco do Pinto R. Roberto Simonsen, 136. Próximo do Pátio do Colégio, ao lado do Solar da Marquesa. Centro. | Atendimento: 3ª a dom., das 9h às 17h.

Biblioteca Infantojuvenil Monteiro Lobato

R. General Jardim, 485, Vila Buarque, Centro. | tel. 3256-4122, 3256-4438 e 3256-4038 | Atendimento: 2ª a 6a, das 8h às 18h. Sáb., das 10h às 17h. Dom., das 10h às 14h.

Biblioteca Pública Adelpha Figueiredo Pça Ilo Ottani, 146, Pari. Zona Leste. | tel. 2292-3439 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 10h às 19h. Sáb., das 9h às 16h. Tem estacionamento.

Biblioteca Pública Affonso Taunay R. Taquari, 549, Parque da Mooca, Mooca. Zona Leste. | tel. 2292-5126 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h.

Benedito Calixto. Zona Oeste. | tel. 3082-5023 e 3063-3064 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 10h às 19h. Sáb., das 9h às 16h.

Biblioteca Pública Álvares de Azevedo Pça Joaquim José da Nova, s/nº, Vila Maria. Zona Norte. | tel. 2954-2813 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h. Dom., das 10h às 15h.

Biblioteca Pública Álvaro Guerra R. Pedroso de Moraes, 1.919, Pinheiros. Zona Oeste. | tel. 3031-7784 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h.

Biblioteca Pública Amadeu Amaral

Biblioteca Pública Afonso Schmidt R. José Clóvis Castro, s/nº, Av. Elísio Teixeira Leite, 1.470, Freguesia do Ó/Brasilândia. Zona Norte. | tel. 3975-2305 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h.

Jardim da Saúde. Zona Sul. | tel. 5061-3320 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h.

Biblioteca Pública Anne Frank Biblioteca Pública Alceu Amoroso Lima (Temática em Poesia) Av. Henrique Schaumann, 777, Pinheiros, Próximo da Praça

R. Cojuba, 45, Itaim Bibi. Zona Oeste.| tel. 3078-6352 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h.

emcartaz | FEVEREIRO DE 2014

47


nossos endereços

Biblioteca Pública Prof. Arnaldo Magalhães Giácomo

| Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h.

R. Restinga, 136, Tatuapé. Zona Leste. | tel. 2295-0785 e 2092-0108 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h.

Biblioteca Pública Clarice Lispector

Biblioteca Pública Aureliano Leite R. Otto Schubart, 196, Parque São Lucas. Zona Leste. | tel. 2211-7716 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h.

Biblioteca Pública Belmonte (Temática em Cultura Popular) R. Paulo Eiró, 525, Santo Amaro. Zona Sul. | tel. 5687-0408 e 5691-0433 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 10h às 19h. Sáb., das 9h às 16h.

Biblioteca Pública Brito Broca Av. Mutinga, 1.425, Pirituba. Zona Norte. | tel. 3904-1444 e 3904-2476 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h.

Biblioteca Pública Camila Cerqueira César R. Waldemar Sanches, 41, Butantã. Zona Oeste. | tel. 3731-5210 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h.

Biblioteca Pública Cassiano Ricardo (Temática em Música) Av. Celso Garcia, 4.200, Tatuapé. Zona Leste. | tel. 2092-4570 e 2942-9952 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 10h às 19h. Sáb., das 9h às 16h.

Biblioteca Pública Castro Alves R. Abrahão Mussa, s/nº, Jardim Patente. Zona Sul. | tel. 2946-4562 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h.

Biblioteca Pública Chácara do Castelo R. Brás Lourenço, 333, Jardim da Glória. Zona Sul. | tel. 5573-4929 48

FEVEREIRO DE 2014 | emcartaz

R. Jaricunas, 458, Bairro Siciliano. Zona Oeste. | tel. 3672-1423 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h.

Biblioteca Pública Cora Coralina R. Otelo Augusto Ribeiro, 113, Guaianases. Zona Leste. | tel. 2557-8004 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h. Dom., das 10h às 15h.

Biblioteca Pública Érico Veríssimo R. Diógenes Dourado, 101, Cohab Parada de Taipas. Zona Norte. | tel. 3972-0450 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h.

Biblioteca Pública Gilberto Freyre R. José Joaquim, 290, Sapopemba. Zona Leste. | tel. 2143-1811 e 2227-2453 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h.

Biblioteca Pública Hans Christian Andersen (Temática em Contos de Fadas) Av. Celso Garcia, 4.142, Tatuapé. Zona Leste. | tel. 2295-3447 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 10h às 19h. Sáb., das 9h às 16h.

Biblioteca Pública Helena Silveira R. João Batista Reimão, 146, Campo Limpo. Zona Sul. | tel. 5841-1259 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h.

Biblioteca Pública Jamil Almansur Haddad R. Andes, 491-A, Guaianases. Zona Leste. | tel. 2557-0067 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h.

Biblioteca Pública José Mauro

de Vasconcelos Pça Comandante Eduardo de Oliveira, s/nº, Parque Edu Chaves. Zona Norte. | tel. 2242-8196 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h.

Biblioteca Pública José Paulo Paes (Centro Cultural da Penha) Largo do Rosário, 20, 2º e 3º andares, Penha. Zona Leste. | tel. 2295-0401 | Atendimento: 3ª a 6ª, das 10h às 19h; Sáb. e dom., das 10h às 16h.

Biblioteca Pública Jovina Rocha Álvares Pessoa Av. Padre Francisco de Toledo, 331, Cohab Manoel da Nóbrega, Artur Alvim. Zona Leste. | tel. 2741-7371 e 2741-0371 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h.

Biblioteca Pública Lenyra Fraccaroli Pça Haroldo Daltro, 451,Vila Nova Manchester . Zona Leste. | tel. 2295-2295 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h.

Biblioteca Pública Malba Tahan R. Brás Pires Meira, 100, Interlagos. Zona Sul. | tel. 5523-4556 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h.

Biblioteca Pública Marcos Rey Av. Anacê, 92, Jardim Umarizal. Zona Sul. | tel. 5845-2572 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h.

Biblioteca Mário de Andrade R. da Consolação, 94, Consolação. Próximo da estação Anhangabaú do metrô. Centro. | tel. 3256-5270 e 3241-4384 | Atendimento: Seção Atualidades: 2ª a 6ª, das 8h30 às 20h30. Sáb., das 10h às 17h; Seções Artes: 2ª a 6ª, das 10h às 19h; Coleção Geral: 2ª a 6ª, das 10h às 17h; Raros e Especiais/Mapoteca: 2ª a 6ª, das


10h às 17h (para consultas na Seção Raros e Especiais, é necessário fazer agendamento).

Biblioteca Mário de Andrade – Seção Circulante Av. São Luís, 235. Próximo da estação República do metrô. Centro. | tel. 3256-5270 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 8h30 às 20h30. Sáb., das 10h às 17h.

Biblioteca Pública Mário Schenberg (Temática em Ciências) R. Catão, 611, Lapa. Zona Oeste. | tel. 3672-0456 e 3675-1681 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 10h às 19h. Sáb., das 9h às 16h.

Biblioteca Pública Menotti Del Picchia R. São Romualdo, 382, Bairro do Limão. Zona Norte. | tel. 3966-4814 e 3956-5070 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 8h às 17h. Sáb., das 9h às 16h.

Biblioteca Pública Milton Santos

170, Santana. Zona Norte. | tel. 2973-4461 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h.

Biblioteca Pública Nuto Sant’Anna Pça Tenório Aguiar, 32, Santana. Zona Norte. | tel. 2973-0072 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h.

Biblioteca Pública Padre José de Anchieta R. Antônio Maia, 651, Perus. Zona Norte. | tel. 3917-0751 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h. Dom., das 10h às 15h.

Biblioteca Pública Paulo Duarte (Temática em Cultura Negra) R. Arsênio Tavollieri, 45, Jabaquara. Zona Sul. | tel. 5011-8819 e 5011-7445 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 10h às 19h. Sáb., das 9h às 16h.

Av. Aricanduva, 5.777, Jardim Aricanduva. Próximo do Shopping Aricanduva. Zona Leste. | tel. 2726-4882 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h.

Biblioteca Pública Paulo Sérgio Duarte Milliet

Biblioteca Pública Narbal Fontes

Biblioteca Pública Paulo Setúbal

Biblioteca Pública Pedro Nava Rua Helena do Sacramento, nº 1.000 – Mandaqui. Zona Norte. | tel. 2973-7293 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h.

Biblioteca Pública Prefeito Prestes Maia (Temática em Arquitetura e Urbanismo) Av. João Dias, 822, Santo Amaro. Zona Sul. | tel. 5687-0513 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h

Biblioteca Pública Raimundo de Menezes Av. Nordestina, 780, São Miguel Paulista. Zona Leste. | tel. 22974053 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h.

Biblioteca Pública Raul Bopp (Temática em Meio Ambiente) R. Muniz de Sousa, 1.155, Aclimação. Ao lado do Parque da Aclimação. Zona Sul. | tel. 3208-1895 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 10h às 19h. Sáb. das 9h às 16h. Dom., das 10h às 16h.

Sylvia Masini

Av. Conselheiro Moreira de Barros,

Pça Ituzaingó, s/nº, Tatuapé. Zona Leste. | tel. 2671-4974 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h.

Av. Renata, 163, Vila Formosa. Zona Leste. | tel. 2211-1508 e 2211-1507 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h. Dom., das 10h às 15h.

Teatro Leopoldo Fróes (dentro da Biblioteca Pública Prefeito Prestes Maia) emcartaz | FEVEREIRO DE 2014

49


nossos endereços

Biblioteca Pública Ricardo Ramos

Biblioteca Pública Vicente Paulo Guimarães

Bosque da Leitura Parque Guarapiranga

Pça do Centenário de Vila Prudente, 25, Vila Prudente. Zona Leste. | tel. 2273-4860 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h.

R. Jaguar, 225, Vila Curuçá. Zona Leste. | tel. 2035-5322 e 2034-0646 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h.

Estrada de Guarapiranga, 575, Guarapiranga | Atendimento: Dom. , das 9h30 às 16h.

Biblioteca Pública Roberto Santos (Temática em Cinema) R. Cisplatina, 505, Ipiranga. Zona Sul. | tel. 2273-2390 e 2063-0901 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 10h às 19h. Sáb., das 9h às 16h.

Biblioteca Pública Rubens Borba de Moraes R. Sampei Sato, 440, Ermelino Matarazzo. Zona Leste. | tel. 2943-5255 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h.

Biblioteca Pública Sérgio Buarque de Holanda R. Vitório Santim, 44, Itaquera. Zona Leste. | tel. 2205-7406 | Atendimento: 2a a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h.

Biblioteca Pública Sylvia Orthof Av. Tucuruvi, 808, Tucuruvi. Zona Norte. | tel. 2981-6263 e 29816264 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h.

Biblioteca Pública Thales Castanho de Andrade R. Doutor Artur Fajardo, 447, Freguesia do Ó. Zona Norte. | tel. 3975-7439 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h.

Biblioteca Pública Vicente de Carvalho R. Guilherme Valência, 210, Itaquera (Cohab José Bonifácio). Zona Leste. | tel. 2521-0553 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 8h às 17h. Sáb., das 9h às 16h.

50

FEVEREIRO DE 2014 | emcartaz

Biblioteca Pública Vinicius de Moraes Av. Jardim Tamoio, 1.119, Itaquera (Cohab José Bonifácio). Zona Leste. | tel. 2521- 6914 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 18h. Sáb., das 9h às 16h.

Biblioteca Pública Viriato Corrêa (Temática em Literatura Fantástica) R. Sena Madureira, 298, Vila Mariana. Zona Sul. | tel. 5573-4017 e 5574-0389 | Atendimento: 3ª a 6ª, das 10h às 19h. Sáb. e dom., das 11h às 18h.

Bosque da Leitura Parque Anhanguera Av. Fortunata Tadiello Natucci, 1.000, Perus. Zona Norte. | Atendimento: Dom., das 9h30 às 16h.

Bosque da Leitura Parque do Carmo Av. Afonso de Sampaio e Souza, 951, Itaquera. Zona Leste. | Atendimento: Sáb. e dom., das 9h30 às 16h.

Bosque da Leitura Parque Cidade de Toronto Av. Cardeal Motta, 84, Parque São Domingos., Pirituba. Zona Norte. | Atendimento: Dom., das 9h30 às 16h.

Bosque da Leitura Parque Ibirapuera Av. IV Centenário, 1.268, Portão 7A, ao lado do Viveiro Manequinho Lopes, Parque Ibirapuera. Zona Sul. | Atendimento: Dom., das 9h30 às 16h.

Bosque da Leitura Parque Esportivo dos Trabalhadores R. Canuto Abreu, s/nº, Tatuapé. Zona Leste. | Atendimento: Dom., das 9h30 às 16h.

Bosque da Leitura Parque Lions Club Tucuruvi R. Alcindo Bueno de Assis, 500, Tucuruvi. Zona Norte. | Atendimento: Sáb. e dom. das 9h30 às 16h.

Bosque da Leitura Parque Jardim da Luz R. Ribeiro de Lima, 99, Luz. Próximo da estação Luz do metrô. Centro. | Atendimento: Sáb. e dom., das 9h30 às 16h.

Bosque da Leitura Parque Raposo Tavares R. Telmo Coelho Filho, 200, Vila Albano. Zona Oeste. | Atendimento: Sáb. e dom., das 10h às 16h.

Bosque da Leitura Parque Rodrigo de Gásperi Av. Miguel de Castro, 321, Vila Zatti, Pirituba. Zona Norte. | Atendimento: Dom., das 9h30 às 16h.

Bosque da Leitura Parque Santo Dias R. Jasmim da Beirada, 71, Capão Redondo. Zona Sul. | Atendimento: Dom., das 9h30 às 16h.

Bosque da Leitura Parque Lajeado R. Antonio Thadeo, 74, Guianases. Zona Leste. | Atendimento: Dom., das 9h30 às 16h.

Bosque da Leitura Parque do Trote Av. Nadir Figueiredo, s/n o, Vila Guilherme. Zona Norte. | Atendimento: Sáb. e dom., das 10h às 16h.


Capela do Morumbi

Centro Cultural da Juventude

Av. Morumbi, 5.387, Morumbi. Zona Sul. | tel. 3772-4301 | Atendimento: 3ª a dom., das 9h às 17h.

Av. Deputado Emílio Carlos, 3.641, Vila Nova Cachoeirinha. Próximo do Terminal de Ônibus Cachoeirinha. Zona Norte. | tel. 3984-2466 | Atendimento: 3ª a sáb., das 10h às 20h. Dom. e Feriados, das 10h às 18h.

Casa do Bandeirante | Em reforma.

Casa do Grito Parque Independência, s/nº, Ipiranga. Zona Sul. | tel. 2068-0032 | Atendimento: 3ª a dom., das 9h às 17h.

Casa do Sertanista (Casa do Caxingui) Pça Dr. Ênio Barbato, s/nº, Caxingui. Zona Oeste. | tel. 3726-6348 | Atendimento: 3ª a dom., das 9h às 17h.

Casa do Tatuapé R. Guabiju, 49, Tatuapé. Zona Leste. | tel. 2296-4330 | Atendimento: 3ª a dom., das 9h às 17h.

Casa da Imagem (antiga Casa nº 1) R. Roberto Simonsen, 136-B. Próximo da estação Sé do metrô. Ao lado do Pátio do Colégio. Centro. | tel. 3241-4238 | Atendimento: 3ª a dom., das 9h às 17h.

Centro Cultural da Penha (Teatro Martins Penna | Biblioteca José Paulo Paes) Largo do Rosário, 20, Penha. Próximo do Shopping Penha. Zona Leste. | tel.2295-0401 | Atendimento: 3ª a dom., das 10h às 22h.

Centro Cultural São Paulo

Escola de Música de São Paulo (Praça das Artes) Av. São João, 281, 2º andar. Próximo das estações Anhangabaú e São Bento do metrô. Centro. | tel. 3209-6580

Escola Municipal de Iniciação Artística R. Volkswagen, s/nº, Jabaquara. Próximo da estação Conceição do metrô. Zona Sul. | tel. 5017-7552 e 5017-2192

Espaço de Leitura Cecília Meireles

R. Vergueiro, 1.000, Paraíso. Próximo da estação Vergueiro do metrô. Centro. | tel. 3397-4001 / 3397-4002 | Atendimento: 3ª a dom., das 10h às 22h.

Centro de Memória e Convívio da Lapa. R. Araçatuba, 522, Vila Romana Zona Oeste. | tel. 3834-0004 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 8h às 17h. Sáb., das 9h às 16h.

Centro de Formação Cultural de Cidade Tiradentes

Espaço de Leitura Zalina Rolim

R. Inácio Monteiro, altura do nº 6.900, esq. com Rua Alexandre Davidenko, Cidade Tiradentes. Zona Leste. | tel.: 2555-2840. Biblioteca Temática em Direitos Humanos Carlos Marighella. Tel.: 2555-2442. | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 17h

Escola de Dança de São Paulo (Praça das Artes)

R. Santa Cruz, 325, Vila Mariana. Zona Sul. | tel. 5083-3232 | Atendimento: 3ª a dom., das 9h às 17h.

Av. São João, 281, 4º andar. Próximo das estações Anhangabaú e São Bento do metrô. Centro. | tel. 3241-1332

Gabinete do Desenho (antiga Chácara Lane) Rua da Consolação, 1.024. Centro. |tel. 3129-3574 |Atendimento: 3ª a dom., das 9h às 17h.

Sylvia Masini

Casa Modernista

Centro de Convívio e Cultura da Vila Mariana. R. Corredeira, 26, Vila Mariana. Zona Sul. | tel. 5573-2606 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 8h às 17h. Sáb., das 9h às 16h.

Centro Cultural da Juventude emcartaz | FEVEREIRO DE 2014

51


Sylvia Masini

nossos endereços Praça das Artes - sala do Conservatório

Galeria Olido

Pavilhão das Culturas Brasileiras

Ponto de Leitura Jardim Lapenna

Av. São João, 473. Próximo das estações República, Anhangabaú e São Bento do metrô. Centro. | tel. 3331-8399 e 3397-0171 | Atendimento: Bilheteria: 3ª a dom., das 14h às 21h; |Espaço Expositivo: 3ª a dom., das 13h às 20h; Sala de Pesquisa e Acervo em Dança: 3ª a 6ª, das 14 às 18h; Centro de Memória do Circo: 2ª a 6ª, das 14h às 18h.

R. Pedro Álvares Cabral, s/nº, Vila Mariana. Dentro do Parque Ibirapuera. Acesso pelo portão 10. Zona Sul. | tel. 5083-0199 | Atendimento: 3ª a dom., das 9h às 17h.

(Galpão de Cultura e Cidadania) R. Serra da Juruoca, s/nº, Jardim Lapenna. Zona Leste. | tel. 2297-3532 | Atendimento: 2ª a sáb., das 9h às 18h.

Ponto de Leitura André Vital

Ponto de Leitura Juscelino Kubitschek

Hemeroteca da Biblioteca Mário de Andrade Rua Dr. Bráulio Gomes, 125/139, Próximo da estação Anhangabaú do metrô. Centro. | tel. 3775-1402 / 3775-1401 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 10h às 18h (mediante agendamento).

Monumento à Independência – Capela Imperial Parque Independência, s/nº, Ipiranga. Zona Sul. | tel. 2068-0032 | Atendimento: 3ª a dom., das 9h às 17h.

OCA (Pavilhão Lucas Nogueira Garcez) Av. Pedro Álvares Cabral, s/nº. Dentro do Parque Ibirapuera. Acesso pelo portão 3 (entrada de carro) ou portão 1 (entrada de pedestres). Zona Sul. 52

FEVEREIRO DE 2014 | emcartaz

Av. dos Metalúrgicos, 2.255, Cidade Tiradentes. Zona Leste. | tel. 2282-2562 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 8h às 17h. Sáb. e dom., das 11h às 17h.

Ponto de Leitura Butantã R. Junta Mizumoto, 13 - Jd Peri Peri. Zona Oeste. | tel. 3742-6218 e 3744-4369 | Atendimento: 2ª, das 14h às 17h. 3a a 6a, das 9h às 17h; Sáb., das 9h às 13h.

Ponto de Leitura Carolina Maria de Jesus Rua Terezinha do Prado Oliveira, 119, Parelheiros. Zona Sul. | tel. 5921-3665 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 16h.

Ponto de Leitura Graciliano Ramos Calçadão Cultural do Grajaú. R. Prof. Oscar Barreto Filho, 252, Parque América, Grajaú. Zona Sul. | tel. 3496-9638 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 10h às 17h.

Av. Inácio Monteiro, 55, Cidade Tiradentes. | tel. 2556-3036 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 8h às 17h. Sáb. e dom., das 11h às 17h.

Ponto de Leitura Olido Av. São João, 473. Próximo das estações República, Anhangabaú e São Bento do metrô. Centro. | tel. 3397-0176 | Atendimento: 2ª, das 13h às 18h. 3ª a sáb. das 10h às 20h. Dom. e feriados, das 13h às 19h.

Ponto de Leitura Parque do Piqueri R. Tuiuti, 515, Tatuapé. Próximo da marginal do Rio Tietê. Zona Leste. | Atendimento: 2ª a 6ª, das 8h às 17h. Sáb. e dom., das 9h às 16h.

Ponto de Leitura Parque do Rodeio R. Igarapé da Bela Aurora, s/nº, Cidade Tiradentes. Zona Leste. | tel. 2555-4276 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 8h às 17h. Sáb. e dom., das 11h às 17h.


Ponto de Leitura Praça do Bambuzal R. da Colônia Nova, s/nº, Praça Nativo Rosa de Oliveira (conhecida como Praça do Bambuzal), Jardim Ângela. Zona Sul. | tel. 5833-3567 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 8h às 18h.

Ponto de Leitura de São Mateus R. Fortaleza de Itapema, 268, Jardim Vera Cruz, São Mateus. Zona Leste. | tel. 2019-1718 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 16h.

Ponto de Leitura Severino do Ramo R. Barão de Alagoas, 340, Itaim Paulista. Zona Leste. | tel. 2936-2742 | Atendimento: 2ª a sáb., das 9h às 18h.

Ponto de Leitura Tide Setúbal R. Mário Dallari, 170, Jd. São Vicente, São Miguel Paulista. Zona Leste. | tel. 2297-5969 | Atendimento: 2a a 6a, das 9h às 18h. Sáb., das 10h às 17h.

Ponto de Leitura da União dos Moradores do Parque Anhanguera R. Amadeu Caego Monteiro, 209, Parque Anhanguera. Zona Oeste. | tel. 3911-3394 e 3911-3048 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 9h às 17h.

Ponto de Leitura Vila Mara R. Conceição de Almeida, 170, São Miguel Paulista. Zona Leste. | tel. 2586-2526 e 2585-2466 | Atendimento: 2ª a 6ª, das 10h às 18h. Sáb., das 9h às 16h.

Praça das Artes (Fundação Theatro Municipal de São Paulo) Av. São João, 281, Centro | Atendimento: 3331-1696 - Cepdoc (Centro de Documentação/Museu do Theatro Municipal); 3241-1332 – Escola de Dança de São Paulo; 3209-

7865 - Corpos Estáveis/Contabilidade e Área de Pessoal; 3333-7691 – Orquestra Experimental de Repertório. 3241-3815 – Arquitetura/ Parceria/Assistência Administrativa e Compras; 3331-1479 – Gabinete Diretoria Geral; 3208-5681 – Gabinete Diretoria de Gestão/ Jurídico e Produção.

Sítio da Ressaca R. Nadra Raffoul Mokodsi, 3, Jabaquara. Próximo da estação Jabaquara do metrô. Zona Sul. | tel. 5011-7233 | Atendimento: 3ª a dom, das 9h às 17h.

Sítio Morrinhos R. Santo Anselmo, 102, Jardim São Bento. Zona Norte. | tel. 2236-6121 | Atendimento: 3ª a dom., das 9h às 17h.

Solar da Marquesa de Santos R. Roberto Simonsen, 136. Próximo da estação Sé do metrô. Ao lado do Pátio do Colégio. Centro | tel. 3105-6118 | Atendimento: 3ª a dom., das 9h às 17h.

Teatro Alfredo Mesquita Av. Santos Dumont, 1.770, Santana. Zona Norte. | tel. 2221-3657. | Bilheteria uma hora antes do espetáculo. Estacionamento próprio.

Teatro Arthur Azevedo Av. Paes de Barros, 955, Mooca, Zona Leste | tel. 2605-8007. | Em reforma.

Teatro Cacilda Becker Rua Tito, 295, Lapa. Zona Oeste. | tel. 3864-4513. Bilheteria uma hora antes do espetáculo.

Teatro Décio de Almeida Prado R. Cojuba, 45, Itaim Bibi. Zona Oeste. | tel. 3079-3438. Bilheteria uma hora antes do espetáculo.

Teatro Flávio Império R. Prof. Alves Pedroso, 600, Cangaíba. Zona Leste. | tel. 2621-2719. | Em reforma.

Teatro João Caetano Rua Borges Lagoa, 650, Vila Clementino. Próximo da estação Santa Cruz do metrô. Zona Sul. | tel. 5573-3774 e 5549-1744. Bilheteria uma hora antes do espetáculo.

Teatro Leopoldo Fróes Rua Antonio Bandeira 114, Santo Amaro. Zona Sul. | tel. 5541 7057 Bilheteria uma hora antes do espetáculo.

Teatro Martins Penna (Centro Cultural da Penha) Largo do Rosário, 20, Penha. Próximo do Shopping Penha. Zona Leste. | tel. 2295-0401. Bilheteria uma hora antes do espetáculo.

Teatro Paulo Eiró Av. Adolfo Pinheiro, 765, Santo Amaro. Zona Sul. | tel. 5546-0449 e 5686-8440 | Em reforma.

Teatro Zanoni Ferrite (dentro da Biblioteca Paulo Setúbal) Av. Renata, 163, Vila Formosa. Zona Leste. | tel. 2216-1520. Bilheteria uma hora antes do espetáculo.

Theatro Municipal de São Paulo Pça Ramos de Azevedo, s/nº, Centro | Bilheteria: 3397-0327, de 2ª a 6ª, das 10h às 19h, ou até o início do espetáculo. Sáb., dom. e feriados, das 10h às 17h, ou até o início do espetáculo. Nos concertos aos domingos, às 11h, aberta excepcionalmente às 9h; Ação Educativa: 3397-0382 (visitas monitoradas).

emcartaz | FEVEREIRO DE 2014

53


nossos endereços

­­Ônibus-biblioteca 72 roteiros Horário de atendimento: 3a a dom., das 10h às 16h. Telefone de informações ao público: 2291-5763. ZONA NORTE | 3ª feira Jaçanã: Jaçanã - Praça João Batista Vasques, final Av. Guapira, ponto inicial Linha Jaçanã/Metrô Belém | 3ª feira Jaraguá: Vila Nova Esperança - Praça Divino Pai Eterno, s/n | 3ª feira Vila Maria: Parque Novo Mundo - R. Lídice com Rua Eureka | 4ª feira Brasilândia: Jardim Damasceno: R. Grumixá, s/nº – acesso pela Av. Cantídio Sampaio, altura do nº 4420 | 4ª feira Jaraguá: Jaraguá - Estrada de Taipas com Estrada do Corredor (Praça sem nome) | 4ª feira Tremembé: Tremembé Rua Barão Carlos de Sousa Anhumas, s/n - Praça Recanto Verde | 5ª feira Brasilândia: Vila Penteado - Praça Luiz José Junqueira Freire, s/n - Freguesia do Ó (atrás do Sacolão de Vila Penteado) | 5ª feira Cachoeirinha: Jardim Peri - Av. Francisco Machado da Silva, s/n (esquina com a Estrada Santa Inês) | 5ª feira Casa Verde: Parque Peruche: R. Santa Eudóxia, altura 679

Finzetto (próximo Av. Penha Brasil), com Av. Inajar de Souza | 6ª feira Vila Maria: Parque Vila Maria – Rua Nossa Senhora Aparecida, altura nº 95, próximo à EMEF Paulo Carneiro Thomaz Alves | Sábado Anhanguera: Morro Doce: Rua Nestor Gomes, esquina com a Rua Virginia Castiglioni, altura nº 143, Praça Antonio Molina | Sábado Cachoeirinha: Cachoeirinha - Av. Afonso A. Vieira, esquina Av. Penha Brasil, estacionamento do Watanabe Materiais para construção, s/nº

| 4ª feira Capão Redondo: Jardim das Rosas: R. Abril Peres, 80, 2ª praça | 4ª feira Cidade Dutra: Vila São José - Pça. José Boemer Roschel, s/nº (próximo da Pça. José Shunck) | 4ª feira Grajaú: Parque Grajaú: R. Miraflores, altura do nº 228, em frente à EE Maria Juvenal Homem de Melo e ao CEI Douglas Daniel Nascimento

| Domingo Tremembé: Jardim Joana D’Arc - Alameda das Cerejeiras, s/nº, continuação da R. Paineira Velha, próximo Av. Ushikichi Kamiya

| 4ª feira Jardim Ângela: Jardim Santa Margarida – Rua João Ferreira da Silva, 99, com Rua Magister Leoninus

| Domingo Pirituba: Jardim Cidade Pirituba - Rua Antonio Fernandes Pinheiro, em frente à primeira entrada do Parque Pirituba, paralela à Rua Comendador Feiz Zarzur

| 5ª feira Campo Limpo: Jardim Olinda:R. Cardoso Moreira, 551

| Domingo Vila Medeiros: Vila Medeiros (Jardim Brasil) - Praça Augusta Vitória, s/n (ao lado da Base da Polícia Militar) ZONA SUL | 3ª feira Cidade Dutra: Jardim Orion: Rua Gaspar José Raposo, esquina com Av. Presidente João Goulart, altura nº 2300 | 3ª feira Cidade Dutra: Vila da Paz – Rua Epaminondas Neri da Silveira, altura nº 48, ao lado da EMEI, esquina com Av. João Paulo da Silva, trav. da Av. Interlagos, 5356, atrás do Cingapura Autódromo de Interlagos

| 6ª feira Brasilândia/Cachoeirinha: Jardim ladeira Rosa: Pça. Victorio

| 3ª feira Jardim Ângela: Jardim

FEVEREIRO DE 2014 | emcartaz

| 3ª feira Jardim São Luis: São Luis (Jardim Vaz de Lima) – Rua Luca Marenzio, altura nº 21, paralela à Rua Emérico Lobo de Mesquita, ao lado da Base da Polícia Militar, final ônibus Jardim Vaz de Lima

| Sábado Tremembé: Jardim Labitare: R. dos Pássaros, s/nº – próximo à Av. Sezefredo Fagundes, altura do nº 14125

| 6ª feira Brasilândia: Vila Icaraí: Av. Humberto Gomes Maia, s/nº – esquina com a Estrada Lázaro Amâncio Barros, altura nº 416

54

Ângela - Estrada do M´Boi Mirim, altura do nº 477 (ao lado da Base da Polícia Militar)

| 5ª feira Capão Redondo: Capão Redondo - Rua dos Mutirantes, altura nº 140, ao lado da padaria comunitária, depois do sacolão, final Rua Marmeleira da Índia, próximo Parque Santo Dias | 5ª feira Cidade Ademar: Vila Stéfani – Rua Hermenegildo Martini, altura nº 1527 da Av. Yervant Kissajikian, em frente ao AMA Jardim Constância | 5ª feira Sacomã: Vila Moraes – Largo Santa Ângela, s/nº, Rua Simão Lopes, altura nº 1054, esquina Rua Sebastião Mazzoni | 6ª feira Cidade Ademar: Jardim Luso – Av. Francesco Maria Melani, s/ nº, em frente à EMEF Liliane Verzini Silva


| 6ª feira Cidade Dutra: Jardim Primavera – Pça. João Beiçola da Silva, altura do nº 700 da Av. Lourenço Cabreira)

| Domingo Parelheiros – Colônia: Rua Primavera, altura nº 93, esquina Av. das Palmeiras (Bairro Vargem Grande, na cratera)

| 6ª feira Grajaú: Grajaú – Rua Bilac, altura nº 3865 da Av. Dona Belmira Marin, Parque Brasil, (ao lado da Loja Marabraz)

| Domingo Sacomã - Jardim Climax – Rua Guaiana, 151, altura nº 2253 da Av. Padre Arlindo Vieira, Praça Maria Helena Marcos Aristides, ao lado da UBS

| 6ª feira Grajaú: Jardim Reimberg – Rua Alba Valdez, altura nº 279, esquina Rua Juvenal Crem, paralela à Rua José Basílio da Gama | 6ª feira Pedreira: Jardim da Pedreira: Pça. do Acuri, s/nº, Estrada do Alvarenga, altura nº 1614 | Sábado Capão Redondo: Jardim Macedônia – Praça Irmãs Nilza e Rosilene, Rua Póvoa de Varzin, altura nº 130 | Sábado Cidade Ademar: Jardim Miriam - Praça Fernando Braga Pereira da Rocha, altura do nº 5947 da Av. Cupecê (em frente ao poupa tempo) | Sábado Jardim Ângela: Jardim Vera Cruz – Rua Paula Gomes, esquina Av. dos Funcionários Públicos, altura nº 1288, Areião, próximo à Rua André Pechon e do CEU Vila do Sol

| Domingo Vila Andrade: Vila Andrade: Av. das Belezas, s/nº (Pça. do Arariba, no final da rua) ZONA LESTE | 3ª feira Cidade Líder : Rua Galeandra, altura 271, Rua Murici / Palmeira-Laca / Rua Canaga, em frente à EMEF Brigadeiro Correia de Mello e EMEI Piratininga) | 3ª feira Iguatemi: Jardim Iguatemi - Rua Oscar Müller, nº 140 | 3ª feira Sapopemba: Jardim Elba: R. Custódio de Sá e Faria, 1085 | 3ª feira Itaim Paulista: Jardim Camargo – Praça Baltazar Ribeiro, com Av. Pereira de Faro, s/n

| Sábado Pedreira: Balneário São Francisco: Pça. Fausto Amaro Gonçalves, s/nº, (Próximo ao Supermercado Pedreira), Estrada do Alvarenga, altura nº 3000

| 4ª feira Aricanduva: Haia do Carrão - Rua Pedro Rabelo, 29, altura nº 399 da Av. Pastor Cícero Canuto de Lima, Praça Cândido Mendes de Almeida – Zona Leste

| Sábado Parelheiros: Jardim Ramala - Av. Paulo Guilguer Reimberg, altura nº 80, esquina Av. Sen. Teotônio Vilela, em frente ao Terminal Varginha, Praça do Trabalhador

| 4ª feira Jardim Helena: Jardim Helena - Av. Kumaki Aoki, s/nº (Praça Craveiro do Campo)

| Domingo Grajaú: Parque Residencial dos Lagos - Rua Cisne Azul, final da Rua | Domingo Jardim São Luis: Chácara Santana – Rua Diogo de Azevedo Sampaio, altura nº 200, Praça Dr. Mario Saraiva de Andrade

| 4ª feira São Miguel Paulista I: União de Vila Nova - R. Adão Manoel (em frente à Pça. N. Sra. Aparecida, ao lado da igreja) | 4ª feira Vila Matilde: Vila Guilhermina – Praça João Balbino Pereira, com a Rua Almeida Brandão

Pontos de distribuição do guia EmCartaz

Equipamentos da Secretaria Municipal de Cultura: Arquivo Histórico Municipal Bibliotecas Públicas Bosques da Leitura Capela do Morumbi Casa do Sertanista Casa do Tatuapé Centro Cultural da Juventude Centro Cultural da Penha Centro Cultural São Paulo Escola Municipal de Iniciação Artística Galeria Olido Monumento à Independência Sítio da Ressaca Sítio Morrinhos Teatro Alfredo Mesquita Teatro Cacilda Becker Teatro Décio de Almeida Prado Teatro João Caetano Teatro Leopoldo Fróes Teatro Martins Penna Theatro Municipal de São Paulo Teatro Zanoni Ferrite Outros locais: Auditório Ibirapuera Casa das Rosas Museu da Casa Brasileira Museu da Imagem e do Som Museu do Imigrante Museu da Língua Portuguesa Pinacoteca do Estado Memorial da América Latina Museu Paulista (do Ipiranga) Espaço Os Satyros Espaço Parlapatões Aeroporto de Congonhas rodoviárias

emcartaz | FEVEREIRO DE 2014

55


nossos endereços

| 5ª feira Jardim Helena - São Miguel Paulista II - Av. Tomás Lopes de Camargo, altura nº 440, ao lado da EE. José Bonifácio, Jardim Romano | 5ª feira Sapopemba: Sapopemba – Praça Francisco Tavares Veloso, Rua Torres Florêncio E. Rielli, alt, 266, com Rua Milton da Cruz, ao lado da CEI Diretor Marcos Melega) Jardim Planalto

| Sábado São Mateus: São Mateus - Pça. Felisberto Fernandes de Silva, s/nº (ao lado da base da Polícia Militar) | Sábado Ermelino Matarazzo: Vila Paranaguá – Praça Romão Gomes Portão | Domingo Cangaíba: Vila Sílvia – Rua Olho D’Água do Borges, s/ nº - Praça Fênix (Ponto final da linha Jardim Danfer e Vila Silvia)

Editor Luiz Quesada

| 5ª feira Vila Jacuí: Jardim da Casa Pintada – Praça Almiscar com Av. Maria Santana, altura nº 22, ao lado EE Prof. Tito Lívio Pereira

| Domingo Cidade Tiradentes: Cidade Tiradentes - Av. Naylor de Oliveira, altura nº 119, ao lado do Terminal Cidade Tiradentes

Redação Etelvina de Oliveira, Gilberto De Nichile, Lidyanne Aquino e Luísa Bittencourt

| 5ª feira Itaim Paulista: Itaim Paulista - R. Paulo Tapajós, altura do nº 210

| Domingo São Mateus: Jardim Nove de Julho - Pça. General Manoel Rabelo com R. Dr. Paulo Queiroz, s/nº

| 6ª feira São Rafael: Jardim São Francisco: R. Morro das Pedras (em frente ao nº 206) | 6ª feira São Rafael: Parque São Rafael - Rua José Vieira do Rio, altura nº 34, com Av. Salvador de Paiva, Praça do Bosque, atrás do Banco Itaú, próximo da Av. Baronesa de Muritiba, altura do nº 750, em frente a Escola André Nunes | 6ª feira Parque do Carmo: Parque do Carmo - Rua Xavier Palmerim, 247, em frente à Praça Sem Nome | 6ª feira Vila Curuçá: Jardim Nazaré – Praça José Fortuna, entre a R. Severino José Fernandes, com Av. João Batista Santiago e R. Francisco Monteiro Tavares (Jardim Robru) | Sábado Itaquera - Ponte Rasa - Av. das Alamandas, em frente à EE José Milton Cruzeiro | Sábado São Mateus: Jardim Colorado – R. Lázaro Gonçalves Fraga, s/nº (esquina Pça. João Galli) 56

FEVEREIRO DE 2014 | emcartaz

Editora-assistente Giovanna Longo

Revisão Jéssica Rezende Projeto gráfico Maria Rosa Juliani Diagramação

| Domingo Sapopemba: Jardim Sapopemba 2 - Praça João G. Gimenes, alt. nº 11.000 da Av. Sapopemba

Viviane Lopes Faria Fotografia Sylvia Masini Secretária de redação Ivani Yara dos Santos

ZONA OESTE | 3ª feira Raposo Tavares: Jardim Guaraú - Rua Edward Carmilo, altura nº 1049, com a Rua Francisco Leite Esquerdo, ao lado da EMEI Cel. João Negrão e EMEF Tarsila do Amaral, Jardim Celeste | 4ª feira Rio Pequeno: Jardim D’Abril – Rua Eusébio de Paula Marcondes, ao lado do CEI Lo Turco | 5ª feira Rio Pequeno: Jardim Sarah - Rua Waldemar Roberto, altura nº 435, esquina Rua Abgail Alves Pires (Praça Wilson Moreira da Costa)

Estagiários Amanda Monteiro, Gabriel Fabri e Natália Tayota (redação) Impressão Windgraf Tiragem 40.000 exemplares Em Cartaz é uma publicação da Assessoria de Comunicação da Secretaria Municipal de Cultura Endereço Av. São João, 473 | 10º andar São Paulo | SP | CEP. 01035-000 Tel: 3397-0000 | Fax: 3224-0628 e-mail leitoremcartaz@prefeitura.sp.gov.br Site da Secretaria Municipal de Cultura cultura.prefeitura.sp.gov.br Capa: Aquarela sobre papel “sem título”, de Flavio de Carvalho, pertencente à Coleção de Arte da Cidade - foto Sylvia Masini


VAI

TEM INSCRIÇÕES ABERTAS ATÉ DIA 7

Novo edital selecionará, até dia 7 de fevereiro, projetos inéditos e de continuidade, ampliando o Programa para a Valorização de Iniciativas Culturais (VAI), criado em 2003. Para mais informações, acesse http://www.prefeitura.sp.gov.br/cultura

Locais de inscrição centro

zona norte

zona leste

SECRETARIA MUNICIPAL DE CULTURA Av. São João, 473, 9º andar, Centro Tels: 3397-0155 / 3397-0156

CENTRO CULTURAL DA JUVENTUDE Av. Deputado Emílio Carlos, 3.641, Vila Nova Cachoeirinha Tel.: 3984-2466

CEU ARICANDUVA Rua Olga Fadel Abarca, s/nº, Vila Aricanduva - Cidade Líder Tel.: 2723-7556

CEU JAÇANÃ Av. Antônio César Neto, 105 / Rua Costa Brito, s/nº Tel.: 3397-3977

CENTRO CULTURAL DA PENHA Largo do Rosário, 20, Penha Tel.: 2295-0401

zona sul CEU CIDADE DUTRA Av. Interlagos, 7.350, Interlagos Tel.: 5668-1955 CEU CASA BLANCA Rua João Damasceno, s/nº (próximo à estrada de Itapecerica) Tel.: 5519-5201

zona oeste CASA DE CULTURA DO BUTANTÃ Av. Junta Mizumoto, 13, Jardim Peri-Peri Tel.: 3742-6218

CENTRO DE FORMAÇÃO CULTURAL DE CIDADE TIRADENTES Av. Inácio Monteiro, 6.900, Cidade Tiradentes Tel.: 2554-2840

emcartaz | FEVEREIRO DE 2014

57


cenรกrios paulistanos

FOTO: Sylvia masini

Copan, 2014 58

FEVEREIRO DE 2014 | emcartaz


Em Cartaz