Page 1


Iniciação Sempre que um computador em que trabalhem vários utilizadores é ligado, é necessário fazer login e introduzir a palavra-passe.

3

Ambiente de trabalho

ÍCONES Símbolos de programas e atalhos de acesso rápido a ficheiros, pastas e programas

ÁREA DE TRABALHO Local onde se encontram os ícones

BARRA DE TAREFAS Contém alguns ícones de atalhos e de identificação de programas activos

4


Barra de tarefas

PROGRAMAS ABERTOS que estão a ser usados BOTÃO INICIAR Acesso à janela de programas

ÁREA DE AVISO Ícones que representam os programas que estão na memória

ÍCONES DE ACESSO RÁPIDO Acesso automático ao programa que representam

5

As janelas   

 





6



Barra de Título



Barra de Menus



Barra de Ferramentas Padrão



Barra de Endereços



Botão de Minimizar Janela



Botão de Maximizar Janela



Botão de Fechar Janela



Área de Trabalho

Barra de rolamento Horizontal

Barra de rolamento Vertical


Sobreposição e movimentação de janelas Para alterar a janela activa, basta clicar com o rato sobre a nova janela Para mudar uma janela de local, basta clicar com o rato na barra de titulo e arrastá-la para o local de destino No Windows podem abrir-se várias janelas em simultâneo. Estas aparecem sobrepostas no ambiente de trabalho 7

Pastas e Ficheiros

Local onde podes guardar de forma organizada subpastas e ficheiros

Toda a informação é guardada sob a forma de ficheiros. Estes podem ser de diferentes tipos, conforme o programa que lhes está associado

8


Os Ícones o os Atalhos Pequenos objectos gráficos que se encontram, um pouco por toda a parte, no ambiente de trabalho. Representam ficheiros, programas, pastas atalhos,…

Ligações directas a unidades (disco, disquete ou CD), programas, ficheiros, pastas, impressoras…

Os atalhos distinguem-se dos restantes ícones pelo símbolo

9

Os menus

O menu

acede ao

painel de opções constituído por um

conjunto

atalhos.

10

de

programas

e


Os menus

Sucessivas janelas de menus.

11

Os menus

Barra de menus de uma janela (Microsoft Word).

Barra de Menus

12


As caixas de diálogo Caixas de diálogo – permitem estabelecer um diálogo com o computador

1. Clicar sobre 2. Seleccionar a opção Executar.

Caixas de selecção

13

Operações básicas do S. O. Obtenção de ajuda

 Clicar sobre o botão  Seleccionar a opção

 Na janela que se abre, pode escolher-se o tópico de ajuda pretendido ou preencher a caixa Procurar escrevendo o assunto e clicar

14


Operações básicas do S. O. Explorador do Windows Estrutura hierárquica de pastas e subpastas Pasta

Sinal + indica que a pasta contém subpastas

Documento ou ficheiro

15

Operações básicas do S. O. Activação de programas e ficheiros  Clicar directamente no ícone do programa ou documento (se existir no ambiente de trabalho ou na barra de ferramentas). ou  Clicar no botão Iniciar e, depois ir abrindo os sucessivos menus até encontrar o programa ou documento pretendido. ou  Abrir o explorador do Windows: - Clicar sobre - Seleccionar - Seleccionar Acessórios

16


Operações básicas do S. O. Criação de atalhos no ambiente de trabalho  os atalhos são ligações directas a unidades (disco, disquete ou CD), impressoras, pastas, programas ou ficheiros do computador ou de uma rede (conjunto de computadores ligados entre si)

Como criar um atalho? Para criar um atalho ….

17

Operações básicas do S. O. Criação de atalhos no ambiente de trabalho  Clicar no ambiente de trabalho com o botão secundário (direito) do rato e escolher a opção Novo e, depois, Atalho. Preencher a localização do item, ficheiro ou pasta, escrevendo o caminho ou escolhendo-o a partir do botão Procurar ou  Clicar no objecto, manter premida a tecla Ctrl e arrastá-la para o ambiente de trabalho. ou  Abrir o menu de atalho sobre o objecto e escolher a opção Enviar para o ambiente de trabalho (criar atalho).

18


Operações básicas do S. O. Criação de um atalho com o Explorador do Windows  Abrir o explorador do Windows a partir do menu iniciar e posicionar no ficheiro executivo do programa para o qual se quer criar o atalho.  Redimensionar a janela do explorador do Windows.  Seleccionar o ficheiro e arrastá-lo para a área do ambiente de trabalho.

19

Operações básicas do S. O. Eliminação de um atalho

 Clicar sobre o objecto com o botão direito do rato.  Escolher a opção Eliminar do menu de atalho. NOTA: Pode confirmar-se a eliminação, premindo o botão Eliminar atalho, ou cancelar a operação, premindo o botão Cancelar.

20


Operações básicas do S. O. Criação de pastas  Seleccionar Iniciar – Os meus documentos e premir o botão Criar uma nova pasta. ou  Abrir <<O meu Computador>> ou Explorador do Windows (Iniciar – Todos os programas – Acessórios – Explorador do Windows) e escolher FICHEIRO – Novo – Pasta. ou  Clicar no botão direito do rato numa zona livre do ambiente de trabalho e escolher Novo – Pasta. 21

Operações básicas do S. O. Encerramento do ambiente de trabalho  Seleccionar Iniciar – Encerrar – Desligar. NOTA: Este comando além da opção Desligar permite Suspender - Hibernar e Reiniciar.

 Para terminar sessão de um utilizador e mudar de utilizador Iniciar – Terminar sessão ou Mudar de utilizador conforme pretendido. NOTA:Terminar sessão fecha a conta do utilizador mas o computador permanece ligado. 22


Programa de Gestão de Ficheiros



O programa de gestão de ficheiros (Explorador) permite, entre outras tarefas, criar, abrir, copiar mover, mudar o nome, compactar, criar atalhos e eliminar ficheiros e pastas.

23

Programa de Gestão de Ficheiros

Barra de menus

Barra de endereço

24

Barra de título Barra de ferramentas padrão


Programa de Gestão de Ficheiros 

A barra de ferramentas do Explorador do Windows contém os seguintes botões:

Avançar para a localização seguinte

Abrir a pesquisa de ficheiros

Voltar à localização anterior

Vistas ou modos de visualização

O comando Para cima permite passar de uma subpasta para a pasta mãe

Alterna entre a vista de estrutura de pastas e a vista predefinida

25

Pesquisa de ficheiros e pastas 

A pesquisa de ficheiros e pastas pode ser iniciada a partir de INICIAR-Procurar ou a partir do botão Procurar do Explorador do Windows.



26

Esta é uma ferramenta muito útil, pois pode acontecer querermos usar um determinado ficheiro mas não sabermos qual é a sua localização.


Pesquisa de ficheiros e pastas

O carรกcter * serve para alargar a pesquisa. Exemplo: Para procurar ficheiros com nomes comeรงados por comp deve digitar-se comp*. comp* 27

Pesquisa de ficheiros e pastas

28


Pesquisa de ficheiros e pastas

29

Pesquisa de ficheiros e pastas

30


Configuração do computador



É típico das interfaces gráficas dos sistemas operativos permitirem ao utilizador que efectue adaptações, alterações ou configurações no seu ambiente de trabalho.



As configurações ou personalizações do ambiente de trabalho podem ser de muitos tipos, tais como: alterar a cor ou a imagem de fundo do ecrã; alterar a data ou a hora do sistema; adicionar ou remover programas; etc.

31

Configuração do computador 

O acesso às configurações do ambiente de trabalho e do sistema faz-se, no Windows, a partir de uma secção chamada Painel de Controlo.

32


Configuração do computador 

Exemplo das configurações do rato

33

Configuração do computador 

Exemplo das configurações do teclado

34


Configuração do computador 

Exemplo das propriedades de sons e configurações dos dispositivos de áudio

35

Configuração do computador 

Exemplo das configurações de data e hora

36


Configuração do computador 

Exemplo das configurações do monitor e do ambiente de trabalho

37

Configuração do computador 

Exemplo das configurações do menu Iniciar e da barra de tarefas

38


Os Acessórios do Windows 

Em Acessórios podemos encontrar programas instalados com o próprio Windows, e que permitem visualizar ficheiros e pastas e efectuar trabalhos como processamento de texto, criação e manipulação de imagens, manutenção do sistema, etc.

Bloco de notas

Paint

WordPad

Calculadora

39

Acessórios Acessórios – Conjunto de programas que permitem escrever textos simples, efectuar cálculos, criar ou editar imagens, etc.

Permite escrever notas e pequenos textos com formatações muito simples Permite o tratamento de imagens e a criação de vários tipos de desenhos para nossos trabalhos.

Elaborar textos com formatações simples

Tal como uma calculadora de mão, esta também permite efectuar cálculos aritméticos e científicos

40


Paint Através deste acessório, podemos criar logótipos, papel de parede (wallpapers), copiar imagens, capturar telas do Windows e usá-las em documentos de textos ou apresentações e editar imagens digitalizadas. Os ficheiros do paint podem ser gravados com a extensão .bmp (formato bitmap), .dip, .tif, .gif, .jpg e .png. Também podemos captar ecrãs do próprio Windows, através da tecla “Print Screen”, descarregados posteriormente no Paint com o comando colar do menu editar (ou através das teclas de atalho Ctrl+V). 41

Paint Caixa de ferramentas Nesta caixa, é possível seleccionar as ferramentas a utilizar para criar imagens. Além destas, a caixa de ferramentas do Paint possui outras opções que permitem por exemplo, seleccionar parte de um desenho, escolher a cor, preencher uma área com um padrão ou apagar parte do desenho.

42


Paint – Caixa de ferramentas A ferramenta Forma Livre permite seleccionar parte de um desenho, de uma forma livre, para mover, copiar ou editar A Borracha permite apagar partes do desenho A ferramenta Seleccionar Cor permite escolher uma cor igual a uma existente no desenho O Lápis permite desenhar formas livres com uma espessura fixa.

A ferramenta Seleccionar permite seleccionar parte de um desenho, na forma de um rectângulo, para mover, copiar ou editar A ferramenta Preencher com cor, enche com uma cor, uma área delimitada A Lupa serve para aumentar o desenho O Pincel permite desenhar formas livres

43

Paint – Caixa de ferramentas

O Aérografo (Spray) executa desenhos com a técnica da aerografia A Linha desenha linhas rectas O Rectângulo desenha formas rectangulares com o preenchimento seleccionado. Para desenhar um quadrado mantenha premida a tecla Shift A Elipse desenha formas elípticas com o preenchimento seleccionado. Para desenhar um círculo perfeito mantenha premida a tecla Shift

44

Para inserir texto num desenho, seleccione a ferramenta Texto. Surge uma nova caixa onde pode escolher o tipo e o tamanho de letra. A Curva desenha linhas curvas O Polígono desenha formas de polígonos com o estilo de preenchimento seleccionado O Rectângulo Arredondado desenha formas rectangulares com os cantos arredondados


Paint – Paleta de cores Nesta componente, é possível seleccionar a cor a utilizar, bem como a cor do fundo dos desenhos. Define a cor principal. Selecciona-se clicando com o botão do lado esquerdo do rato na cor pretendida

Define a cor secundária ou de fundo. Selecciona-se clicando com o botão do lado direito do rato na cor pretendida

45

Paint – NOTAS Preencher com cor ou Balde de tinta: Serve para colorir os objectos, tais como círculos e quadrados. Deve usar-se apenas se a sua figura estiver fechada – sem aberturas – conforme exemplo abaixo:

Figura Fechada

Figura Aberta

Ferramenta Texto: Utilizada para inserir texto no Paint. Ao seleccionar esta ferramenta deve desenhar-se uma caixa para que o texto seja inserido dentro da mesma. Simultaneamente, surge também a caixa de formatação de texto, ou barra de formatação.

Caixa para digitar o texto 46


Calculadora A Calculadora padrão contém as funções básicas, enquanto a calculadora cientifica é indicada para cálculos mais avançados. Para alternar entre elas deve clicar-se no menu Ver.

Calculadora Padrão Calculadora Científica

47

WordPad O WordPad é um editor de texto para documentos pequenos. Contudo, é possível formatar documentos no WordPad com vários estilos de letra e de parágrafos. Refira-se o facto de o WordPad ser um editor de texto que reúne as tarefas básicas para o tratamento de texto, mas não tão complexas como as que existem em outros produtos, como por exemplo, o Microsoft Word, um programa destinado à criação e edição de documentos de texto mais complexos.

48


WordPad Criar e formatar um documento no WordPad Para criar um novo documento utiliza-se Ficheiro – Novo Novo, e de seguida surgirá uma caixa de diálogo, na qual se escolhe o tipo de documento a criar.

Vamos criar uma carta de tipo simples, para exemplificar as potencialidades do WordPad. Para o efeito, seleccionamos o tipo Documento Rich Text. 49

WordPad Criar e formatar um documento no WordPad De seguida vamos formatar o documento, atribuindo-lhe as margens laterais e verticais. (Menu Ficheiro

Opção Configurar página)

Atribuímos os seguintes valores: Esquerda (Left) – 30,0 mm Direita (Right) – 15,0 mm Superior (Top) – 10,0 mm Inferior (Bottom) – 15,0 mm

Após esta operação o documento assume estas Configurações. 50


WordPad Criar e formatar um documento no WordPad Depois de introduzir o texto, e para avaliar a aparência que o documento terá depois de impresso, clique no menu Ficheiro – Pré-visualizar ou no botão Para gravar o documento podemos utilizar o menu Ficheiro – Gravar ou o botão Para a formatação dos textos dispomos de uma barra de ferramentas, que permite definir o tipo de letra, o tamanho, o estilo, a cor, o alinhamento, entre outras configurações.

51

WordPad Criar e formatar um documento no WordPad Existe ainda uma barra de botões de atalho que permite executar tarefas mais rapidamente, como por exemplo pré-visualizar, imprimir, gravar ou abrir um documento. Permite ainda executar operações de selecção de informação, tais como copiar, cortar e colar.

Existe ainda uma ferramenta que permite pesquisar no texto uma palavra chave a encontrá-la sem ser necessário ler todo o documento.

52


Bloco de Notas Pode utilizar-se o Bloco de Notas para criar ou editar ficheiros de texto que não requerem formatação e têm menos de 64Kb. O Bloco de Notas, como o próprio nome indica, deve ser utilizado apenas para textos muito simples.

53

Bloco de Notas  Trata-se

de um simples bloco de notas e as suas potencialidades são as que seriam de esperar: texto simples, sem formatação de base.  No entanto, esta característica pode considerar-se uma vantagem e não uma limitação. É ela que lhe permite editar alguns ficheiros do sistema sem lhes conferir qualquer formatação adicional que na prática, iria impedir o sistema de os usar. Exemplo: edição de ficheiros de texto do tipo Autoexec.bat, config.sys, etc.

Os menus e respectivas opções são bastante intuitivos e em tudo semelhante aos outros acessórios que já analisámos. 

54


Área de transferência O Ambiente Windows permite a transferência de blocos de informação (textos, gráficos ou outros tipos de dados) de uma localização para outra, seja dentro de um mesmo documento, entre documentos diferentes de uma mesma aplicação ou entre documentos de aplicações diferentes. As operações de transferência de informação efectuam-se através de procedimentos conhecidos como: • cortar (Ctrl+X) • copiar (Ctrl+C) • colar (Ctrl+V)

55

Área de transferência A informação copiada ou transferida passa por um recurso do Windows conhecido como Área de Transferência ou Clipboard. Vamos analisar como tudo isto se processa, transferindo um desenho criado no Paint para um documento no WordPad.

56


Área de transferência O texto é o seguinte:

57

Área de transferência O desenho é o seguinte:

58


Área de transferência Depois

de o desenho estar pronto, activa-se a ferramenta de selecção rectangular para seleccioná-lo. Em seguida executa-se o comando copiar (Ctrl+C).

NOTA: Isto faz com que o elemento seleccionado e copiado seja colocado na Área de Transferência do Windows, de onde pode ser transferido para outros locais.

59

Área de transferência Para finalizar a cópia ou transferência do desenho do Paint para o documento do WordPad, passa-se a este programa, escolhe-se o local onde inserir o referido desenho, e clica-se no comando colar (Ctrl+V) do menu editar . No final, o trabalho deverá ter o seguinte aspecto:

60


Os Utilitários do Windows 

O software que se costuma designar por utilitários de sistema diz respeito a programas que permitem realizar algumas funções complementares do sistema operativo no sentido de melhorar o desempenho do computador ou efectuar outro tipo de operações úteis aos utilizadores.

61

Os Utilitários do Windows

  

Tipos de utilitários

    

62

de diagnóstico de afinação e manutenção de prevenção e/ou recuperação de desinstalação de programas de compactação e descompactação de gestão de ficheiros de antivírus de segurança

Manual SO  

Manual Sistemas Operativos

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you