Page 1

ESPECIAL

Ano XII - nº 743 - 23 de novembro de 2013

www.jornalipanema.com.br

30 MIL EXEMPLARES - SOROCABA E REGIÃO

EXCLUSIVO

Saúde é preocupação da maioria É o que aponta pesquisa sobre avaliação do governo Pannunzio realizada pelo Instituto Análise Pesquisa/Rádio e Jornal Ipanema

Prepare sua mesa para as festas de fim de ano Págs. 10 a 13

Págs. 17 a 18 Sérgio Ratto

Jack Catena

Os bastidores da festa de inauguração do Iguatemi Esplanada Pág. 15

Preservando a

Turismo

HISTÓRIA

O Shopping Pátio Cianê faz Sorocaba projetar-se no cenário nacional. Além de um centro de compras e lazer é o primeiro complexo de São Paulo a ser inaugurado em prédio com preservação histórica

Pág. 20

Vale a pena viajar e curtir

FORTALEZA Caderno Negócios e Oportunidades


2

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013


ARQUIVO ABERTO

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

EDITORIAL

Dengue: é hora de agir

O

Ministério da Saúde anunciou nesta semana que vai repassar mais de R$ 360 milhões para municípios de todo o país intensificarem o combate ao mosquito da dengue, o Aedes aegypti. Os recursos fazem parte do Fundo Variável de Vigilância em Saúde. Dados do Ministério da Saúde apontam que o país já reduziu em 30% o número de mortes por dengue e tem, atualmente, um dos menores índices de mortalidade pela doença nas Américas, com 0,03 óbitos para cada 100 notificações. Ainda assim, um novo mapa da dengue revela que 157 municípios brasileiros estão em situação de risco para a doença, outros 525 em alerta e 633 cidades com índice satisfatório. Os dados fazem parte do Levantamento Rápido de Índice para Aedes aegypti, divulgado na última quarta-feira (20) pelo Ministério da Saúde. Como se vê, verba para o combate à dengue existe. Mas, muito além de se credenciarem para obter tais recursos, os municípios precisam utilizá-los com critério e muita criatividade, com ações eficientes nesta luta contra o mosquito transmissor. Apesar das ações governamentais, há motivos de sobra para preocupação, pois combater a dengue envolve atitudes por parte de cada um de nós. O ambiente neste período é favorável para a rápida procriação das larvas: chuvas de verão e a temporada de férias aumenta o número de casas fechadas. O período, obrigatoriamente, chama a responsabilidade de todo cidadão, o agente mais importante para romper este ciclo perigoso. Combater a dengue é mais um exemplo de que toda atitude de construção da cidadania começa de dentro para fora, partindo do ambiente em que vivemos, nossas casas. Está mais do que na hora de cada um fazer a sua parte. Seja você também o agente que vai ajudar a construir, no dia a dia, mais estatísticas positivas para um ano sem epidemia de dengue batendo à nossa porta.

Edith prefeita A vice-prefeita Edith Di Giorgi assumiu, na quinta- feira (21), a Prefeitura de Sorocaba, em razão de uma viagem oficial do prefeito Antonio Carlos Pannunzio ao Panamá, a convite da ONU (Organização das Nações Unidas). Representando Sorocaba, Pannunzio vai participar até este sábado (23) da 4ª Reunião da Comunidade de Prática da Anticorrupção na América Latina e no Caribe, que tem como tema “Governança Local, Responsabilidade e Transparência: Explorando Oportunidades para pós-2015”.

Não é a primeira Edith faz questão de lembrar que não é a primeira mulher a assumir o cargo de prefeita em Sorocaba. Ela cita Diva Maria Prestes de Barros Araújo que foi vice-prefeita e assumiu o cargo em algumas ocasiões, entre 1997 e 2000.

Mais uma CPI Mais uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) foi criada na Câmara Municipal de Sorocaba na terça-feira (19). Desta vez as investigações irão analisar as supostas irregularidades no contrato de coleta e destinação do lixo na cidade.

de coleta e disposição do lixo ocorrem desde 2009, mesmo Sorocaba tendo um projeto de aterro sanitário pronto. De repente, a prefeitura resolve engavetar, informando que mandaria o lixo para Iperó”, ressaltou o democrata.

Coleta ou aterro? Crespo lembra que havia preocupação nessa situação monopolista e privada. “Era a preocupação inicial, pois o valor contratual subiu abusivamente e afetou a prefeitura, numa espécie de bomba relógio armada à época. No entanto, não há reclamação contra a empresa coletora; o problema é o aterro”, argumentou.

Emergencial O contrato de coleta e destinação está sendo feito de maneira emergencial na cidade porque a empresa Proactiva Meio Ambiente Brasil, que opera o aterro em Iperó, alega que a Gomes Lourenço, responsável pela coleta, não está realizando os pagamentos. Devido a isto, a prefeitura teve que contratar diretamente a Proactiva para que ela permitisse a entrada do lixo no aterro.

Fora de hora

Membros A comissão foi proposta pelo vereador José Crespo (DEM). Como sete assinaturas já foram recolhidas, a CPI já está valendo. Integram a comissão os vereadores José Crespo (DEM), Marinho Marte (PPS), Izídio de Brito (PT), Carlos Leite (PT), Francisco França (PT), Irineu Toledo (PRB) e Tonão Silvano (SDD). A comissão tem 90 dias para concluir os trabalhos, podendo ser prorrogados por mais 90. Relator e presidente devem ser definidos na quinta-feira (28).

Quinta do ano Esta é a quinta CPI criada na Câmara de Sorocaba somente neste ano. A segunda de iniciativa de Crespo, que no começo no ano abriu a CPI para investigar as obras públicas que estariam atrasadas ou paralisadas na cidade.

Assunto delicado

Já o prefeito Antonio Carlos Pannunzio (PSDB) afirma que este não é o momento para a criação de uma CPI sobre o lixo. “Nós estamos num momento que pode até ser de transição porque a empresa contratada para coleta, transporte e destinação final falhou em algumas vezes e já fui obrigado a decretar estado de emergência três vezes. Eu espero que possamos corrigir esses problemas o mais rápido possível”.

Desenrolar Para Pannunzio, os vereadores deveriam esperar o desenrolar dos fatos para ver como a prefeitura e a prestadora do serviço irão ou não se entender. “A partir dai, a CPI teria todas as ferramentas para investigar”.

ARTIGO

O sol Vivo pensando que podemos, na vida, viver como um dia de sol ou uma noite sem fim; e olha que a luz nos possibilita enxergarmos o que o escuro encobre, a sombra cobre, enfim uma vida para ser plena deve ser enfrentada com a verdade da luz do sol, com escolhas claras dentro de uma racionalidade que, ora ou outra, deve dar espaço para emoção, pois viver sem ela também nos tornaria frios demais. Mas, meus caros amigos, para isso precisamos de um bocado de coragem, sim coragem das escolhas, uma escolha, uma ou mais renúncias. Não há como se ter tudo na vida; se você escolhe um caminho não pode ir por outro; sim decidir com verdade no coração requer equilíbrio, disposição mesmo para caminhar, seja no campo profissional, pessoal. Tudo mesmo faz com que cresçamos nesta caminhada na qual vamos colocando as bagagens na mochila deste caminho existencial e olha que, com o passar dos anos, vamos percebendo que estaremos cheios de vivências que estarão em nossas mentes e a mochila física estará cada vez mais vazia, pois o que vale na vida, cada vez mais, estará em nossas mentes e corações. Como estaria você nesta caminhada? Perdido(a) ou perto do encontro real consigo mesmo? Espero que, ao ler este texto, você esteja literalmente vendo o nascer do sol da sua vida, com muito brilho, luz verdadeira e definitiva de quem realmente nasceu para o encontro consigo mesmo, pronto(a) para esta rica caminhada que é viver. Olha, meus amigos, cansei desta história de que você sabe tudo; não me importarei em perguntar, faça você mesmo essa reflexão, pois, se mentir, estará enganando a si próprio(a) e assim não enganará a ninguém, além de você. A música do Legião Urbana já nos diria em seus versos: “Quando o sol bater na janela do teu quarto. Lembra e vê. Que o caminho é um só”. Prefiro o sol e você? Pense nisso e boa semana.

Atitudes

Conforme Crespo, a questão envolvendo o lixo é “delicada, pois se trata de um dos contratos mais importantes da prefeitura. Denúncias de irregularidades na política pública

Pannunzio afirma que ainda não sabe quais atitudes serão tomadas em relação a Gomes Lourenço. A prefeitura ainda analisa a melhor maneira de reverter a situação. “A empresa rompeu o contrato com a prefeitura a partir do momento que não realizou uma das etapas a qual foi contratada [que seria a destinação do lixo]”.

3

Francisco Pagliato Neto é empresário e educador


4 ARQUIVO ABERTO / ARTIGOS

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

Duplicação vai parar no MP

ESPAÇO DO RUI

A falta que faz o amor...

A duplicação da SP-264, a rodovia João Leme dos Santos, vai parar no MP (Ministério Público). De acordo com o vereador Francisco França (PT), que preside uma comissão especial para o acompanhamento das obras, uma ação civil deve ser entregue na semana que vem para o órgão. A decisão foi tomada na última audiência pública realizada pela comissão. “A decisão final é do promotor, mas nós estamos trabalhando com duas linhas: a primeira de responsabilização das autoridades que gerenciam a rodovia e ao mesmo tempo a agilidade do processo, já que várias datas foram anunciadas e as obras ainda não começaram”.

Homenagem Por iniciativa da deputada Iara Bernardi (PT), embaixadores de 22 nacionalidades de países africanos foram homenageados na quarta-feira (20), Dia da Consciência Negra, visando o reconhecimento da contribuição africana à cultura brasileira. A solenidade aconteceu no Plenário Ulysses Guimarães da Câmara dos Deputados. A data também comemorou os dez anos da Lei 10.639 de 2003, que institui a obrigatoriedade do Ensino da História da África e das Relações Étnico-Raciais.

Animais Os vereadores aprovaram em segunda discussão na quinta-feira (21) o projeto de lei de autoria do presidente da Câmara, José Francisco Martinez (PSDB), proibindo que empresas realizem testes com animais em Sorocaba. Agora a proposta segue para sanção ou veto do prefeito Antonio Carlos Pannunzio (PSDB) antes de começar a valer.

Mais de 12 mil inscritos A Prefeitura de Votorantim e a Companhia de Habitação Popular (Cohap), já realizaram mais de 12 mil cadastros pela internet e presencial

dentro do programa “Morar Votorantim”. A proposta da Prefeitura é atualizar os dados e identificar as necessidades de moradias do município. O critério de seleção para os programas de moradias a serem implantados serão organizados para atender os futuros beneficiários de acordo com as regras do governo federal por meio do Programa Minha Casa, Minha Vida e da lei municipal 2290/2012 e 2344/2013.

CNPJ - 01.142.640/0001-07

Av. Juscelino Kubitschek de Oliveira, 199 Lageado - CEP 18.110-008 - Votorantim - SP Fone (15) 2102-0300 - Fax (15) 2102-0302

PARA ANUNCIAR: comercial@jornalipanema.com.br 2102-0306 / 2102-0320 / 2102-0323 / 2102-0325 / 2102-0327 / 2102-0330

zou o texto de Walcyr Carrasco, consagrando o diretor geral Mauro Mendonça Filho e enaltecendo o núcleo Wolf Maia. Do cinismo foi ao desespero, do riso foi às lágrimas, do auge foi ao lodo. Prendeu os telespectadores e anunciou com sua arte: “o Brasil está conhecendo um dos melhores atores da sua história”. Garanto que o nosso editor chefe, Urbano Martins, que é dramaturgo com peça renomada, concorda comigo. Mas tem gente que se revolta: “Essa novela não tem nada a ver com a vida real, só tem absurdos”. Eu discordo. A vida real é muito pior. O noticiário mostra isso. Tem muita criança sendo assassinada ou abandonada. Aplaudo o Walcyr Carrasco que trouxe à tona as consequências do desamor. Os traumas que transformam filhos mal amados em adultos transtornados, insanos, sem limites. Precisamos – todos – refletirmos sobre a educação que oferecemos aos nossos filhos, pois somos responsáveis por prepará-los para o futuro. E precisamos amá-los muito, marcando presença, conscientes de que o amor não causa efeitos colaterais e nem exige dosagens limitadas. Está em nossas mãos a construção do futuro. Nós o semeamos com generosidade e atitudes belas. Que as novelas nos alertem sempre, como Shakespeare e outros geniais escritores fizeram em obras como Romeu e Julieta, Macbeth e Hamlet. Reflita sobre isso.

Rui Batista de Albuquerque Martins é jornalista e publicitário

Cadastramento Pode se cadastrar todo cidadão que não tem moradia própria (imóvel registrado em seu nome) e nem tenha sido beneficiado em programas habitacionais. É necessário residir no município no mínimo há 5 anos, conforme determina a legislação municipal. Mulher chefe de família, idosos, pessoas portadoras de necessidades especiais, e moradores de áreas de risco terão benefícios no critério de seleção para futuros programas. Pela internet o cadastro deve ser feito até às 23h59 do dia 4 de dezembro, no site www.morarvotorantim. com.br. O cadastramento presencial acontece de segunda a sexta-feira das 8 às 16h, no Aquário Cultura que fica ao lado da Praça de Eventos “Lecy de Campos”.

Diretoria Francisco Pagliato Neto Juliana Camargo Pagliato

Ipanema Sistema Gráfico e Editora Ltda

Novela em TV é ficção. O texto nasce de um escritor e ganha vida através de grande equipe. Ela procura mexer com a emoção do telespectador. Por isso, tem música, iluminação e bons atores. Tem pessoas que gostam e outras que dizem que não gostam. Não poderia ser diferente. Até o genial William Shakespeare (1564-1616), o maior dramaturgo inglês extrapolava a realidade. Romeu e Julieta foram criados pelo seu imaginário fecundo, mas tratou sobre desavenças familiares, vingança, amor, ódio, perdão. Agora, em sã consciência, você acha que Romeu falaria desta forma?: “Amor é uma fumaça que se eleva com o vapor dos suspiros; purgado, é o fogo que cintila nos olhos dos amantes; frustrado, é o oceano nutrido das lágrimas desses amantes. O que mais é o amor? A mais discreta das loucuras, fel que sufoca, doçura que preserva.” Um jovem seria muito mais direto, não é mesmo? O carismático astro de futebol Dadá Maravilha quando estava no auge, recebeu um telefonema da sua esposa e ficou extremamente chateado. Gatãozinho, craque de futebol, quis confortar o amigo: “O que houve Dadá? Por que seu sorriso foi apagado?” Com lágrimas nos olhos, ele respondeu com ar de revolta: “O desgraçado do namorado acertou minha filha bem na virilha!” Este é um diálogo que faz qualquer um rir, mas foi real. E direto. Hoje Dadá é um feliz avô de netos adultos. A novela “Amor à Vida”, da Rede Globo, atingiu o seu auge quando o ator Mateus Solano, interpretando o empresário Felix, revelou ter jogado numa caçamba o filho recém nascido da irmã Paloma, interpretada por Paula Oliveira. Matheus Solano valori-

Editor Benedito Urbano Martins MTB 36504 Gerente Geral - Jornal Ipanema Wilson Rossi

Gerente de Produção Roberval Fernandes de Almeida Diagramação Jefferson Cascali de Lima Tiragem - 30.000 exemplares Distribuição - Sorocaba e Região

___________________________________________ diretoria@jornalipanema.com.br ________ 2102-0300 redacao@jornalipanema.com.br ________ 2102-0389 comercial@jornalipanema.com.br _______ 2102-0330 financeiro@jornalipanema.com.br ______ 2102-0308 circulacao@jornalipanema.com.br _______ 2102-0335 wilsonrossi@jornalipanema.com.br ______ 2102-0330 arte@jornalipanema.com.br - 2102-0340/ 2102-0342 ___________________________________________

PORTAL DO JORNAL IPANEMA: www.jornalipanema.com.br Os artigos assinados não representam necessariamente a opinião do jornal, sendo da inteira responsabilidade dos seus autores.

VANDERLEI TESTA

“Remédio Popular” distribuído na Praça de São Pedro No último domingo o Papa Francisco surpreendeu o mundo com a distribuição na Praça de São Pedro, no Vaticano, de uma “caixa de remédio”. Os peregrinos que estavam no local na Hora do Angelus receberam o produto com o nome na embalagem “Misericordina”. Na caixa havia um terço e a mensagem: “Receita do Papa” para a paz. A alusão à Misericórdia Divina aos fieis nos faz pensar sobre o significado dessa atitude de Francisco. Acredito que é simples também imitarmos o gesto do Papa, se levarmos do nosso jeito e com a nossa“caixa” uma motivação de paz a quem está ao nosso lado. Assisti recentemente no programa do “Caldeirão do Huck” um sorveteiro que passava pela rua e ao ajudar um“empurrador de sucata” protagonizado por um ator, recebeu a admiração pública de sua iniciativa. Muitos passaram por lá e nada fizeram. Sua atitude solidária é um fato raro na sociedade que muitas vezes não enxerga o próximo. Neste mês a revista Seleções traz na capa uma foto de carteira com dinheiro e cartões e o título“Se achasse esta carteira, você a devolveria?”.A matéria é sobre “As quantas anda a honestidade no Brasil”. Temos visto na televisão personalidades políticas brasileiras sendo presas depois de um longo período de julgamento do mensalão. Na Prefeitura de São Paulo há também farto noticiário a respeito das falcatruas com o dinheiro público. A chamada “lei de Gerson” em levar vantagem sobre tudo o que envolve dinheiro, é uma herança maldita do ser humano egoísta e ambicioso. Fico imaginando nossa juventude e futuras

gerações com esses testemunhos que causam indignação à população. No caso da carteira uma mulher achou e gastou o dinheiro e depois ligou à revista. Contou que tinha encontrado sem o dinheiro. Nesta semana veio a Sorocaba Dom Claudio Hummes para falar aos empresários associados da ADCE - Associação dos Dirigentes Cristãos de Empresas. Seu tema “A Igreja Hoje” e “A Vocação do Líder Empresarial” foi instigante e desafiadora. Ele, Dom Claudio Frei Hummes, sempre foi um defensor da justiça social.  Sua vida sacerdotal é um testemunho real de quem já descobriu e divulgou a “Misericordina”. Foi um dos cardeais que participou da escolha  do Papa Francisco. Ajudou o Sumo Pontífice no momento da escolha do seu nome em dizer: “Lembre-se dos pobres”. Daí nasceu  à inspiração do Cardeal Mário Jorge Bergóglio em ser simplesmente Francisco. Que cada um de nós também possa ser um pouco de Francisco e distribuir esse “remédio gratuito” a quem está ao nosso lado. Já é um começo de testemunho às crianças e juventude. Vanderlei Testa é jornalista e publicitário leia este e outros artigos de Vanderlei Testa no Portal www.jornalipanema.com.br


JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

5


6

R RENA TA MOECKEL M

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

renatamoeckel@jornalipanema.com.br / mais fotos: www.jornalipanema.com.br

Reconhecimento

não é flor que nasce cedo Ouvi essa máxima ainda garota e gostei. Uma espécie de cultivo à paciência e de incentivo à esperança para quem insistisse em fazer sempre o seu melhor. E olha que sabemos o quanto não é fácil acertar o tempo todo! Hoje concordo que realmente vale tentar. Se reconhecimento não é mesmo flor que nasce cedo, pode-se investir na ideia de que virá, de uma forma ou de outra, em seu tempo certo e sábio. Nestes últimos tempos, tenho sentido imensa gratidão por “reconhecimentos” vindos até mesmo de quem não se espera. Palavras de incentivo são como materiais indestrutíveis doados à nossa “construção”. Semana passada, achei o máximo uma carta enviada à professora e ex-atleta Vânia Hernandes pelo pai de um de seus alunos, pois mesmo tendo ela sempre ter sido lembrada pelo importante papel desempenhado no esporte, ali estava mais que o reconhecimento pelo belíssimo trabalho que ela vem fazendo. Foram palavras de um cidadão atento às boas oportunidades oferecidas aos pequenos, as palavras de um pai enviando à ela uma boa quantia de materiais indestrutíveis para a bela construção que sempre fez e que continua fazendo a nossa guerreira, doce e batalhadora Vânia Hernandes. Quero registrar minha admi-

ração pela atitude do Alessandro com anuência do seu filho Gabriel. Agradecer, elogiar, reconhecer são verbos que podem transformar o que é vontade no bom profissional em energia à potências elevadas. Avante gente batalhadora, gente do bem, gente que segue firme e que sente prazer em reconhecer o que é bom.

A caminho

da Grécia Um grupo de dez amigas começa a se preparar para uma viagem à Grécia e Turquia em abril próximo... O empresário Marcos Rosa, da Baccus Viagens e sua equipe, estão encarregados de fazer do pacote uma viagem inesquecível. Marcos ofereceu ao grupo um happy hour na Choperia Mandala, para um start em comemoração à bela aventura que se aproxima... Boa viagem!

Abraço com carinho Para Daniele Gisoldi e Luciana Bianchi, duas profissionais muito competentes e que merecem sucesso cada vez maior. Parabéns, meninas!


7

PAULINHO GODOII

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

paulinhogodoi@jornalipanema.com.br / mais fotos: www.jornalipanema.com.br

3

1

Tarde literária A atriz, cantora, bailarina e escritora Lu Bollina, ufa! esteve em Sorocaba para uma tarde de autógrafos no Le Café Bistrô. Seu primeiro romance chama-se Clarices, mas não tem relação alguma com a escritora Clarice Lispector. A prima famosa de Jorge Afeich é uma graça. Jovem e encantadora, só quem conhece sabe do que estou falando. Quem quiser adquirir o livro é só entrar no site da Livraria Cultura.

2

1 - Lu Bollina / 2 - Malu Casagrande 3 - Jorge Afeich e Carmen Bollina 4 - Odete Segamarcchi / 5 - Lu e sua mãe Carmem

4

5


8

ALE SCAPOL A

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

alescapol@jornalipanema.com.br / mais fotos: www.jornalipanema.com.br

Pense Nisso

Chqouei

Todas as pessoas que conheço juram de pés juntos que não votaram na presidente Dilma. Alguém me explica como a bonita foi eleita? E mais: alguém me explica como ela pode estar em primeiríssimo lugar nas pesquisas de intenção de votos para as próximas eleições? Seriam eleitores fantasmas ou alienígenas?

Fotos: Teylor Soares

Pessoas interessantes não fazem drama. Elas trocam de emprego, de cidade e até de país. Investem em projetos sem garantia. Estão dispostas a fazer aquilo que as assustam. Começam novamente inúmeras vezes. E não sentem um pingo de remorso por isso!

Beauty Marcos Albuquerque inaugurou seu novo espaço de beleza, agora no Campolim. Empreendedores corajosos merecem muito sucesso! Amigos e clientes estiveram lá para desejar isso a ele.

1

2

Projeto Verão O verão se aproxima e muitos querem melhorar o visual frequentando a academia. Ao treinar, por favor siga algumas regrinhas:

1. Nada de se exibir, afinal, academia não é passarela. Evite as famosas fotos no espelho, levantar a camiseta para mostrar o tanque, contrair músculos o tempo todo. 2. Não carregue na maquiagem e nos acessórios. Não combina com o ambiente e fica muito “cafona”? Fora que se sua maquiagem escorrer devido ao suor do rosto vai parecer que você está derretendo. 3. Perfumes em geral e hidratantes com cheiro de frutas misturados com odor do suor são simplesmente insuportáveis. Ninguém merece!

3 4. Vê se não fica “secando” aquela pessoa que você acha linda. Lugar de paquerar é na balada.

4

1 - Giovana Vox / 2 - Marcos Albuquerque / 3 - Patricia Del Rios, Helena e Aline Pizol Ferreira, Ana Claudia Costa / 4 -Eliane Moraes / 5 -Tatiana Castanho / 6 - Adriana Becker de Assunção

5

6

5. Academia não é fila de banco. Essa história de ficar puxando papo com todo mundo só atrapalha a contagem de exercícios da outra pessoa.

6. Atender o celular e ficar gritando no meio do ambiente é o fim de todas as picadas. Deixa a fofoca para depois, ok? 7. Foco, força e fé! Assim você conseguirá mostrar um belo visual na praia. Boa Sorte!


GABY CAMARGO PUSTIGLIONE JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

9

mais fotos: www.jornalipanema.com.br / gaby@jornalipanema.com.br

Pedágio Solidário Para comemorar mais um ano de sucesso, a Rádio Vanguarda realiza a 3ª edição do Pedágio Solidário neste mês de novembro. Astros da música sertaneja que tocam na Vanguarda participam da ação que beneficiará diversas entidades assistenciais da cidade. O pedágio é realizado no mês de aniversário do Sistema Vanguarda de Comunicação Rádio e Televisão, quando a emissora Vanguarda AM completa 56 anos, a FM 35 anos, e a TV Sorocaba/SBT completa 23 anos. Durante a ação, os ouvintes vão até os locais do pedágio para trocar 1kg ou mais de alimento não perecível (exceto sal) ou 1 litro ou mais de leite, por um CD. Todas as doações arrecadadas são entregues diretamente para as entidades durante o próprio pedágio. A terceira edição do Pedágio Solidário segue até o dia 30, em diversos pontos da cidade, onde estiver a viatura da emissora.

ANIVERSARIANTES Segunda-feira (25) - Sonia Leme dos Santos Segunda-feira (25) – Edith di Giorgi Quinta-feira (28) – Luiza Hatem Sábado (30) – Maria Inês Pannunzio

Parabéns Na quinta-feira (28) o celular da amiga, jornalista do Jornal Ipanema e professora de inglês, Cida Haddad, vai tocar como nunca. É que nesta data, ela comemora mais um anviersário, com direito a muitos cumprimentos e presentes. Ela merece!

TÔ LIGADA!

NO IGUATEMI - A Folic – que se inspira no dinamismo da vida urbana e na exuberância da cultura brasileira, unindo sofisticação e despojamento inaugurou sua loja no Shopping Iguatemi Esplanada. A marca representa o estilo de vida da mulher contemporânea e independente. PRÓ-EX - Segue até este domingo (24), no Ipanema Clube, o Bazar & Cia da Associação Pró-Ex de Sorocaba. O evento será realizado das 13 às 21 horas com uma variedade de presentes. Informações (15) 3519-4330. QUILOMBINHO - Acontece no dia 1º de dezembro a Feijoada Amigos do Quilombinho com inicio às 12h30 no salão social do Sindicato dos Comerciários localizado a rua Trinidad, 302 – Jardim América. Convites a R$ 35 pelo telefone (15) 3018-8090.

REGINA REBELLES

9


10

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

ESPECIAL

CARDÁPIOS estão entre itens importantes para as festas de fim de ano

Cida Haddad

A

s festas de fim de ano estão chegando e entre os itens a ser definidos é hora de pensar nas ceias de Natal e Ano Novo. A professora do curso de Gastronomia da Universidade de Sorocaba (Uniso) Mariane Bagodi conta que a ceia se originou do antigo costume europeu de deixar as

portas abertas no dia de Natal para receber viajantes e peregrinos, e esses, juntamente com a família hospedeira, confraternizavam aquela data tão significativa para os cristãos. Segundo ela, a tradição foi se espalhando pelo mundo e ganhando uma particulari-

dade local em cada região que chegava. Mariane afirma que vale ressaltar que o sentido desta festa é a união entre as famílias e que deixar as portas abertas já não é mais uma opção. “As comemorações de Ano Novo tiveram início por volta de 1500 e é considerado o momento de renovar as esperanças e planejar o futuro sob as luzes dos fogos de artifício, com fé nas próprias superstições e muita festa”. Mariane comenta que muitas das casas brasileiras celebram a ceia no dia 24 de

dezembro e o almoço no dia seguinte, enquanto outras famílias têm a tradição apenas do almoço. O cardápio de ambos não costuma mudar e, muitas vezes, a ceia é feita com abundância para sobrar para o almoço e não precisar atrapalhar a ressaca de ninguém”, diz Mariane. Mariane explica que na preparação dos cardápios, vale dar uma olhadinha na lista de convidados, observando se algum deles possui alguma restrição alimentar, caso contrário, use e abuse da criatividade. “Não se atenha a cardápios padrões. Por ser uma data tão especial que une toda a família, nada melhor do que ter pratos que agradem a todos e quem sabe fazer desse menu uma nova tradição?


ESPECIAL

11

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

Itens tradicionais e INDISPENSÁVEISNACEIA A professora do curso de Gastronomia da Universidade de Sorocaba (Uniso) Mariane Bagodi afirma que para quem gosta de um cardápio clássico, o peru (que nos EUA vem acompanhado de abóbora, aqui no Brasil de farofa e na Espanha de pimentões, migas e uvas) o chester (ave turbinada para ninguém brigar pelo peito), o tender (muito comum servido com molho agridoce) e o pernil (que no dia seguinte vira lanche), são itens indispensáveis na ceia de Natal tradicional. Já para a ceia de Ano Novo, as aves são

deixadas de lado, aliás, estão proibidas, garante Mariane. “Segundo o ditado popular que diz que ‘ciscam para trás’ e pelo sim pelo não, é melhor deixá-las para os demais dias do ano. Já as carnes suínas permanecem e dividem a mesa com carnes bovinas, cordeiro, frutos do mar e peixes, principalmente o bom e velho bacalhau. De acordo com Mariane, seguindo superstições clássicas de Ano Novo, a presença da lentilha, amêndoas, uvas, romãs (que depois são reservadas as sementes para guardar na carteira) e folhas de louro não podem

faltar à mesa. Além de frutas frescas e secas, roupas novas, pular ondinhas no mar ou pular com o pé direito e espalhar arroz nos cômodos da casa, completam os típicos rituais de passagem de ano.

De acordo com Mariane, seguindo superstições clássicas de Ano Novo, a presença da lentilha, amêndoas, uvas, romãs (que depois são reservadas as sementes para guardar na carteira) e folhas de louro não podem faltar à mesa


ESPECIAL

12

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

BRIGADEIRO como sobremesa No que diz respeito às sobremesas, a professora do curso de Gastronomia da Universidade de Sorocaba (Uniso) Mariane Bagodi afirma que é muito comum encontrar doces de frutas, pudins de leite e alguns itens importados como panacottas, torta de pecan, strudel e brownie, que por fazerem parte das mesas brasileiras por tanto tempo já são considerados brasileiríssimos.“Falando em brasileiríssimo, nada melhor que o bom e velho (apesar de não ser tão velho assim) brigadeiro. Docinho sapeca que até pouco tempo atrás era considerado doce de festa de criança. Hoje graças às crianças crescidinhas, esse patrimônio nacional ganhou espaço em diversas festas, inclusive na mais aguardada do ano por crianças de todas as idades”, comenta. De acordo com Mariane, esse

brigadeiro deixou de ter apenas chocolate, leite condensado e manteiga, ganhou novos sabores como coco, pistache, amêndoas, maracujá, caramelo, entre outros. “E para ninguém terminar o ano com a conta estourada, vale lembrar que compras antecipadas ajudam a evitar filas e costumam custar menos”, afirma Mariane. Após definir as carnes da ceia, Mariane afirma que a pessoa deve incorporar legumes e frutas, aliás usar e abusar das frutas e legumes. “As frutas além de servirem como decoração podem ser transformadas em caipirinhas e outras bebidas além de terem um ótimo preço (e se sobrarem, basta cortar em cubos e congelar). Já os legumes são complementos fundamentais para a ceia, saia da rotina e mude

a cara deles. Uma simples abobrinha pode ser transformada em abobrinha recheada com camarão ou cortada em tiras e grelhada com um patê de tomate seco, já a berinjela pode ser servida desde uma deliciosa caponata ou mesmo assada à margherita, batata e abobora assadas com alecrim e cebola, tomates recheados assados ou não”, comenta. Outros acompanhamentos deliciosos, segundo Mariane, para a ocasião e que são fáceis de serem preparados “são as polentas cremosas servidas com molhos diferentes como o ragu toscano ou ragu de cogumelos, as tortas tipo sheperd pie (um escondidinho de carne moída coberto com purê de batatas) ou os escondidinhos nacionais com carne seca

também são muito apreciados, as farofas são itens obrigatórios e o cuscuz não pode faltar! Seja ele de legumes, de camarão ou mesmo de frango. Se for o simples de coco também é bem-vindo, mas se for o marroquino, melhor ainda”, diz. “Sobre ceias alternativas incorporar costumes de outras regiões é algo que está em alta. Fazer uma ceia tailandesa, australiana, japonesa ou mesmo algo retro com direito a carne maluca, bolo salgado e bolo gelado cortado e embrulhado é algo muito bacana. E por que não preparar na ceia uma hamburgada ou então uma pizzada? Que tal um cardápio mexicano com muita marguerita, chilli e fajitas?”, comenta.


ESPECIAL

13

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

Bolo Natalino Segundo a professora do curso de Gastronomia da Universidade de Sorocaba (Uniso) Mariane Bagodi, a receita abaixo surgiu após inúmeras tentativas de preparar um panetone tão gostoso e macio quanto o industrial. Além de ser um bolo delicioso, ele pode ser congelado com facilidade por até três meses.

Ingredientes Açúcar – 180 gramas Mel – 90 gramas Açúcar mascavo – 90 gramas Canela em pó – 15 gramas Farinha de trigo – 540 gramas Bicarbonato de sódio – 15 gramas Ovos – 3 unidades Casca de maçã – 3 unidades Maçãs descascadas e picadas – 3 unidades Óleo – 240 mililitros Essência de baunilha – 15 mililitros Nozes picadas – 70 gramas Uvas passas pretas – 30 gramas Uvas passas brancas – 30 gramas Frutas cristalizadas - 60 gramas Ameixa seca – 60 gramas

Modo de preparo 1 – Bata no liquidificador os ovos, o mel, os açúcares, a canela, as cascas das maçãs, o óleo e o bicarbonato. 2 – Acrescente duas xícaras de farinha de trigo 3 – Em uma tigela, misture os demais ingredientes com a massa do liquidificador 4 – Despeje a massa em uma assadeira untada com manteiga e polvilhada com açúcar 5 – Leve para assar em forno pré - aquecido a 200°C e diminua para 160° C após 10 minutos. Decore com fondant e cerejas.


14 PAULINHO GODOI

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

paulinhogodoi@jornalipanema.com.br / mais fotos: www.jornalipanema.com.br

Arquitetos &

Designers

Marta Mattos, Patricia Rodrigues e Andrea Malzone

A Trend chegou a Sorocaba há dois anos e para comemorar a data, reuniu sete arquitetos e designers, para criar e redecorar ambientes com os lançamentos da loja. Delmino Souza Junior e Luciano Fonseca usaram nos seus projetos os super requisitados enxovais de mesa O Mordomo Sabia. Os ambientes ficaram lindos e parabéns para todos os participantes.

Luciano Fonseca, Tânia Braga e Delmino Souza Jr

Ana Bianca Depetris, Rina Gallo e Larissa Soares

Eliane Freitas


RENATA MOECKEL 15

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

renatamoeckel@jornalipanema.com.br / mais fotos: www.jornalipanema.com.br

Sucesso Inaugurado o esperado Shopping Iguatemi Esplanada. Na véspera de sua abertura ao público, a imprensa, autoridades e convidados puderam, ao som do grupo Sambô e um coquetel brindar a chegada deste novo e belo empreendimento. Confira alguns clics feitos durante o evento. Mais fotos no Portal www.jornalipanema.com.br. Francisco Pagliato Neto e Juliana Pagliato Alessio Bergonzi, gerente e Carolina Bonafe, gerente de Marketing do Iguatemi Esplanada

Leticia Teixeira, Leonardo Correa e Rebeca Belmonte

Vinicius Ruffo, diretor comercial e Carol Romanini, gerente de Marketing do Iguatemi Alphaville

Scott Hansen e Carlos Jereissati Filho, empresário do Gupo Iguatemi


16 CORPO EM FORMA & SAÚDE

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

Tratamento das varizes – Quais as novidades?

A

s varizes são uma doença de evolução crônica. Pioram com a idade e gestações. Apresentam uma incidência altíssima. O tratamento das veias dilatadas sempre foi feito com cirurgia. As pacientes relutavam ao tratamento devido ser um procedimento que obrigava a um afastamento de suas atividades, além dos riscos. Nos últimos anos surgiram três novidades importantes: o ultrassom, o raio laser e o tratamento com espuma. O ultrassom melhorou o diagnóstico das varizes. Em serviços especializados o ultrassom é realizado a cada sessão do tratamento para verificar a punção da veia e observar os resultados. É a chamada técnica da Escleroterapia Eco Guiada. O Ultrassom permitiu algumas conclusões importantes: as veias safenas raramente são as responsáveis pelas varizes. Em nosso serviço, a retirada ou destruição das veias safenas é uma exceção. Em determinadas circunstâncias, o laser pode ser útil se a destruição da safena for necessária. O uso do laser não é indolor. A maior novidade foi a espuma.

O procedimento conhecido como “escleroterapia” ou “secagem” com droga líquida já era utilizada há muitos anos. Aqui no Brasil, a escleroterapia sempre foi usada para veias de pequeno calibre. Mesmo veias de grande calibre podem sem tratadas com a espuma. As principais vantagens da espuma são: tratamento ambulatorial (não precisa de internação), é totalmente indolor (não usa nenhum tipo de anestesia), não necessita nenhum tipo de repouso (a paciente retorna imediatamente às suas atividades). O tratamento é

feito por sessões que podem ser semanais ou de acordo com a necessidade de cada paciente. O tratamento pode ser repetido várias vezes. Por essas vantagens, o método de tratamento das varizes com espuma tem avançado em todo o mundo. Para escolher o melhor tratamento é importante o diagnóstico preciso, feito com a história e queixas da paciente, o exame físico e com o ultrassom, o qual deve ser feito por médico especialista, de preferência com o médico que vai tratar a paciente. Os resultados são muito bons.

Angelo Scuderi é médico e presidente mundial da UIP (Union Internationale de Phlebologie)


CAPA 17

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

Metodologia da Pesquisa

Saúde

é a maior preocupação dos sorocabanos, mostra pesquisa Jomar Bellini

A

saúde é a principal preocupação dos sorocabanos e a área que vem trazendo mais descontentamento para 58% das pessoas ouvidas por uma pesquisa exclusiva do Jornal e Rádio Ipanema. Já o quesito oportunidade de trabalho encabeça a lista dos itens com maior aprovação. O levantamento mostra também que a maioria dos sorocabanos avalia como regular os onze primeiros meses de governo do prefeito Antonio Carlos Pannunzio (PSDB). Realizada pelo instituto Análise Pesquisa, o levantamento ouviu, entre os dias 17 e 23 de outubro, 622 moradores de Sorocaba das mais diferentes partes da cidade com o objetivo de avaliar a administração do governo municipal e as principais áreas de política pública. A pesquisa possui margem de erro de 4% para mais ou para menos e 95% de intervalo de confiança. Segundo o levantamento, 34% dos sorocabanos classificam o governo de Pannunzio como regular. A pesquisa mostrou também um alto índice de rejeição, já que 17% dos entrevistados avaliaram a administração do tucano como ruim e outros 21% como péssima. 15% dos sorocabanos avaliaram o governo

como bom e 1% como ótimo. Os demais 12% não souberam ou não quiseram responder a pergunta. Já quando a divisão se dá por zonas, o governo de Pannunzio é melhor avaliado no Centro e Zona Leste, onde 40% e 38% respectivamente avaliaram a administração como ótima. Na Zona Sul, a maioria (22%) dos entrevistados considerou o governo como bom. As Zonas Oeste e Norte concentram os piores índices. Na primeira, 35% consideram como ruim. Já na Norte, 33% dos entrevistados avaliam o governo como péssimo. Na avaliação da socióloga e diretora do Análise Pesquisa, Érica Regina, dados dessa natureza são comuns em início de governo e períodos de transição. “As mudanças exigem uma desordenação natural dos processos até então vigentes”, explica. Para o prefeito Antonio Carlos Pannunzio (PSDB) os números refletem os resultados das últimas eleições, na qual conseguiu a vitória por uma margem apertada de diferença. “Se somarmos ótimo, bom e regular, teremos mais ou menos 50%. O governo não caiu no descredito da população. Mesmo se somar os números do ruim e o péssimo ainda não perdemos”. Mas de qualquer forma ele afirma que irá continuar trabalhando para mudar o quadro e aumentar os índices positivos. “A classificação re-

gular é bastante comum em um primeiro ano, até porque existe uma expectativa por parte da população com este governo que se inicia”. Pannunzio vê como normal ainda a diferença entre os índices de avaliação do atual governo quando comparados com o do ex-prefeito Vitor Lippi (PSDB), que chegou aos 88,8% (somando-se ótimo, bom e regular) nas pesquisas realizadas pelo Jornal e Rádio Ipanema durante o período eleitoral do ano passado. “Os números de Lippi refletem oito anos de governo. Representamos a continuidade porque todos os serviços que eram realizados pela adminsitração passada continuam sendo feitos, mas algumas coisas mudam e essas mudanças provocam reações”.

Para a coleta dos dados foram utilizados questionários com perguntas fechadas e abertas, que foram aplicados obedecendo a divisão da cidade pela Secretaria de Obras e Infraestrutura Urbana. As casas foram escolhidas por meio de sorteio e apenas um morador por residência foi entrevistado, obedecendo a cota de proporcionalidade para sexo e idade. A maior parte dos pesquisados está na Zona Norte (28%). Seguidos da Oeste (24%), Leste (23%), Sul (13%) e Centro (12%). Já quanto a escolaridade, a maioria dos entrevistados possuia ensino médio completo (38,6%), seguido de Fundamental I (16,2%), Fundamental II (15,9), Superior completo (13,7%), Fundamental I incompleto (10%), pós-graduação, mestrado ou doutorado (2,1%). Não alfabetizados correspondem a 1,6%. 1,9% dos entrevistados não responderam a esta pergunta. Para a variável renda familiar, a pesquisa obteve uma amostragem considerada dentro de padrões da cidade, em que mais da metade da população possui renda familiar de até cinco salários mínimos. Com uma concentração de 24,4% com renda entre R$ 1.357,00 até R$ 2.034,00.


18 CAPA

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

Saúde é o principal problema de Sorocaba

Q

uase 58% dos sorocabanos ouvidos apontaram a saúde como o principal problema enfrentado pela cidade hoje. A lista é seguida por segurança (7,6%), educação pública (5,9%), trânsito (3,5%), transporte coletivo (3,2%) e obras paradas (2,6%), entre outros itens.“Impostos”, “Iluminação de ruas e avenidas” e “Esporte, Lazer e Cultura” aparecem no final da lista, com 0,3% cada. De acordo com Pannunzio, esta avaliação da saúde deve mudar nos próximos meses. Desde a campanha eleitoral, o prefeito afirma que esta área é a prioridade de seu governo. “Estamos gastando 32% do orçamento em saúde quando minha obrigação constitucional seria 15%, essa é uma

das provas de que esta área é a nossa prioridade”. Segundo o prefeito, as ações necessárias para concertar os problemas já foram tomadas. “Já desapropriamos a área onde será construído o hospital público da zona norte,

construímos a UPH da zona leste, estamos fazendo uma reorganização na adminsitração da saúde com a divisão da cidade em regiões, fizemos o maior concurso público para médicos. As medidas estão em curso e os resultados já começam a aparecer”. Já para a socióloga Érica, como a área da saúde passa por estas modificações, “este dado reflete mais uma conjuntura de fatos expostos pela mídia do que, efetivamente, a experiência do cidadão com esta área de política pública no município”. Ela avalia que manchetes e polêmicas por parte dos meios de comunicação acabam por formar a opinião pública. “Por outro lado, vemos que a corrupção é muito baixa na opinião dos cidadãos mostrando transparência e confiança na maneira de administrar do atual governo”.

“Sorocabanos ainda aguardam promessas de campanha”, diz socióloga A avaliação regular do governo do prefeito Antonio Carlos Pannunzio significa que os sorocabanos ainda aguardam que as promessas da campanha eleitoral se tornem realidade. Esta é opinião da socióloga e diretora do Análise Pesquisa, Érica Regina, que realizou a levantamento exclusivo para o Jornal e Rádio Ipanema. “As pessoas ainda não viram o que foi prometido. O governo não piorou, mas também não teve uma efetiva melhora. Os sorocabanos estão aguardando as mudanças, que só vêm depois que se organiza uma série de coisas”, afirma. De acordo com ela, onze meses é pouco

tempo para se realizar as alterações necessárias dentro de um governo, mesmo quando aparentemente se representa uma continuação do partido na prefeitura. “O primeiro ano é um ano de restruturação e esta pesquisa mostra como isto tem sido percebido por parte da opinião publica”. Alguns pontos, continua a socióloga, também refletem uma opinião geral e não necessariamente própria. “Por exemplo, na saúde, que recebeu uma avaliação negativa, as vezes a pessoa não precisou ser atendida, mas como ela vê na imprensa que notícias ruins sobre a área, ela pensa desta forma”.

Érica Regina, diretora do Análise Pesquisa

A cidade das oportunidades de emprego A área de trabalho e oportunidades de emprego é a considerada mais positiva pelos sorocabanos. 8,5% dos entrevistados disseram que este é o melhor ponto na cidade hoje. Na sequência aparecem Lazer, Esporte e Cultura (7,6%); Saúde (6,6%) e Transporte Coletivo (6,6%). Na separação por área da cidade, a questão do emprego foi melhor avaliada pelos moradores do Centro (22,2%) e das zonas Leste (11,3%) e Oeste (5,5%). Já na Zona Norte, o esporte e lazer encabeçam a lista com 12,6%. Na Sul, a saúde (13,4%) é apontada como a mais positiva área da administração pública. Para Pannunzio, a cidade tem se destacado nesta área por dar apoio aos trabalhadores com cursos de capacitação e o PAT (Posto de Atendimento ao Trabalhador), um programa em parceria com o governo estadual que auxilia na colocação no mercado. “Sorocaba hoje é o eixo de desenvolvimento do estado e a economia local continua crescendo, o que não é uma realidade no Brasil como um todo. Nós temos que continuar com essa política de preparar o nosso trabalhador, principalmente os jovens”. Nesta pergunta vale destacar que a maioria dos participantes da pesquisa não soube (22,3%) ou não quis responder (28,1%) sobre este assunto. “Isto indica que os respondentes não conseguiram ver positividade nas áreas da administração pública”, avalia a socióloga Érica Regina. O prefeito afirmou que não existe esta dificuldade em se ver pontos positivos na cidade. Pelo contrário, ele comenta que o sorocabano possui um “sentimento muito forte de pertencimento a cidade, que é fruto da evolução do município ao longo dos últimos anos”.


JAK CATENA A

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

19 1

mais fotos: www.jornalipanema.com.br / jakcatena@jornalipanema.com.br

É Pra Jak! por Jak Catena

News! Regina e Claudio Costa, franqueados do Mc Donalds

Carlos Jereissati Filho, do Grupo Iguatemi Empresa de Shopping Centers e Fernando Simões, diretor regional de Operações do Iguatemi

E não é que a inauguração foi marcante, perfeitamente organizada – com mérito para os “profissas” Mauricio Ramires e Sandra Vergilli. Agora quem “sambô” mesmo foram os que ficaram fora da lista hehe. Mas posso afirmar que circulei e não vi todo mundo. Vi muita mulher bonita e vestida à altura do evento e com poucos erros. Homens diferentes e bem alinhados. E rodinhas interessantes, onde assunto não faltou, nem se repetiu. Será que até o sorocabano evoluiu!!!???

>> Encontrei o vereador Magrinho Marte na Inauguração do Shopping Ex-planada, digo Iguatemi Esplanada conversando com o Djalma Benette e não resisti a fotinho acima, mesmo tendo sido orientada que nós jornalistas não poderíamos fazer fotos no dia do evento. É que note, o nobre edil é o exemplo de medida certa, e o querido Deda, é o exemplo do D da Questão, mas eles chegam lá hehe!!

Entrelinhas Adquira já um super bronzeado sem perder sua hora de almoço! Um oferecimento do Iguatemi Ex-planada! – o shopping que sempre te surpreende hehe.

USE COM

Cuidado* >> Por falar no Shopping Iguatemi... ficou digno

de elogios! Pede visita, consumo, e merece toda nossa atenção e principalmente cuidado. Vamos tentar como bons cidadãos que somos, não somos? Dar mostras de educação, e respeito ao novo lazer. Desde a paciência se houver filas no estacionamento a cordialidade em ceder uma vaga, e ao bom uso do espaço público como banheiros e praça de alimentação. Afinal, amanhã queremos voltar lá e ver tudo lindo de novo Noé!!

A Inauguração do Shopping Iguatemi Esplanada foi surpreendente

Filet MAIS Um! >> Este é o titulo que escolhi para parabenizar

os aniversariantes, que fazem mais um ano, mais uma festa, mais um bolo, mais uma ruga, e por aí vai... But, não resisto em contar pra vocês que esta semana, quando recebi o convite da inauguração do Shopping Cianê, na hora pensei, mais um!!!??? Hahahhahaha. Mais um sucesso, claro!!

>> Está para inaugurar o novo espaço gourmet do Supermercado São Bento, e seria inacreditável o

bom gosto do local se o arquiteto não fosse o Mussinho Stefan. Bom esta semana eu fui xeretar atrás do tapume e fiquei encantada. E como Sorocaba é o quarto maior mercado da região e comida está na base da pirâmide de necessidades do ser humano... bom apetite que eu vou almoçar!!

Durma com essa!

“As pessoas que se queixam da vida, o que dirão da morte?” Jô Soares


20 CAPA

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

Pátio Cianê inaugura com

PIONEIRISMO S Alana Damasceno

orocaba será palco de projeção nacional com a inauguração do Shopping Pátio Cianê, primeiro complexo de São Paulo a ser construído em um prédio com preservação histórica. O shopping foi aberto ao público na quinta-feira (21). Para a adequação estrutural do prédio, o projeto teve o acompanhamento do Conselho Municipal de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico (Condephaat). O superintendente do complexo, Maurício Ramos, afirmou que esta conquista pioneira de Sorocaba se tornou referência para o estado. “Este prédio, hoje, é um dos patrimônios mais bonitos que o município tem. Nós respeitamos tudo aquilo que foi pedido no processo de restauração, então, isto faz com que o empreendimento se destaque por sua beleza e pela preservação de uma boa parte de sua história”. Além disso, Ramos enfatiza que o complexo agregou valor ao local onde está situado. “Estamos valorizando cada vez mais o Centro da cidade criando, com isso, um novo polo de compras”. A expectativa, segundo ele, é que 30 mil pessoas, por dia, frequentem o local. O investimento total foi de reforma e construção foi de R$ 360 milhões. Localizado no coração da cidade, em uma das principais avenidas da cidade, a Afonso Vergueiro, o Cianê conta com 27 mil metros quadrados de área bruta locável, onde funcionam 207 lojas, 12 megalojas, 7 lojas âncoras

Paulo Stewart, Edith Di Giorgi (vice-prefeita) e Maurício Ramos (superintendente do shopping Pátio Cianê)

Shopping sai na frente e é primeiro complexo de São Paulo a ser inaugurado em prédio com preservação histórica e um espaço com bares e restaurantes ao ar livre. O shopping também possui 5 salas de cinema multiplex com tecnologia 3D, incluindo salas VIP, academia de ginástica e 1.240 vagas de estacionamento. Paulo Stewart, presidente da Saphyr Shopping Centers, destacou durante solenidade de inauguração que esta é “uma história que recomeça”. Para ele, é uma honra apresentar um complexo comercial deste porte, que também visa preservar o patrimônio histórico do município. “Estamos aqui hoje para dar uma nova vida a esta, que uma época, foi a fábrica Cianê”. Durante discurso, ele ainda aproveitou para homenagear a família Beldi, em especial, Alexandre Beldi Netto, in memoriam. A vice-prefeita Edith Di Giorgi (PSDB), representando o prefeito e colega de partido Antônio Carlos Pannunzio, compareceu à inauguração e destacou que “É uma grande alegria que temos em inaugurar um novo espaço”, anuncia emocionada. “Não gosto da ideia de espaços onde uma classe social se separa de outra. Cidade do futuro é aquela que convivemos com a presença de todos e acredito que o Cianê irá propiciar isso”, ressaltou a vice-prefeita. Antigamente, no local onde está instalado o complexo, funcionava a indústria de tecelagem Cianê. O shopping funciona onde havia duas antigas fábricas: a Nossa Senhora da Ponte e a Fábrica Santo Antônio. O Pátio Cianê Shopping fica na rua Francisco Scarpa, 221 - Centro.

Deputada estadual Maria Lúcia (PSDB) e Vitor Lippi, presidente Parque Tecnológico

Paulo Stewart, presidente da Saphyr Shopping Centers


NEGÓCIOS E

OPORTUNIDADES Shopping Cidade Sorocaba investe R$ 1,5 milhão adicional em melhorias ao entorno

C

om pouco menos de dois meses de operação na Zona Norte da cidade, o Shopping Cidade Sorocaba, trouxe consigo diversas melhorias para o entorno, que somam um investimento adicional de mais de R$ 1,5 milhão. Isto, além dos R$ 300 milhões aportados no projeto do empreendimento e dos milhares de empregos e novas oportunidades geradas à comunidade. Junto à Prefeitura de Sorocaba, os responsáveis pelas obras do complexo promoveram um estudo sobre o trânsito e os impulsos da instalação do shopping nos arredores, o que permitiu a realização de inúmeras melhorias, tais como: asfaltamento de todas as ruas nas proximidades do empreendimento; abertura de nova via em pista dupla, para auxiliar o fluxo da avenida Itavuvu; instalação de sistema de semáforos único na cidade; placas de sinalização no entorno, além de doação

de mais placas para outros tantos pontos da cidade; pintura de faixas; nova rede de drenagem pluvial e tubulação de gás natural e revitalização de praças e calçadas, para melhorar a circulação de pedestres. De acordo com o engenheiro responsável pela obra do Shopping Cidade Sorocaba, João Domingos, essas melhorias trouxeram mais um novo estímulo de crescimento à região. “Realizamos um trabalho completo de melhorias nos arredores do empreendimento, para contribuir, não apenas com o desenvolvimento da região, mas, também, de toda a cidade”, destaca. No total, foram asfaltados mais de 22 mil m2 de ruas e doadas mais de 100 placas de sinalização para a cidade. O novo sistema de semáforos no local, um dos únicos do gênero em Sorocaba, foi atualizado, de acordo com análise em parceria com a Urbes. As lâmpadas dos semáforos são mais econômicas, reduzindo os gastos

públicos com manutenção. A arborização nas redondezas do complexo também foi detalhadamente planejada, privilegiando o contato entre pessoas e natureza. Segundo Rubens Cury Basso, engenheiro responsável pela parte ambiental da obra do complexo, em agosto deste ano, foram plantadas cerca de 1.300 mudas de espécies nativas, em uma área de 4.910 mil m2 de APP (Área de Preservação Permanente), localizada ao lado do shopping. “Nesta área, de fácil visualização pelo piso L4 do complexo, implantamos um Plano de Recuperação de Área Degradada (PRAD) e, atualmente, o espaço encontra-se totalmente recuperado”, frisa. Por sua vez, na área do próprio shopping, será realizado um plantio de 1.449 mudas, sendo que o empreendimento já contempla uma área preservada de 5.402 mil m2.

23 de novembro de 2013 - edição 743 www.jornalipanema.com.br


IPANEMA

2 AMBIENTE

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

ARQUITETURA, CONSTRUÇÃO E DECORAÇÃO | POR RENATA MOECKEL / JULIANA MORAES

Detalhes do passado

PAULISTANO

Observando a cidade de São Paulo tão próxima a nossa Sorocaba, se nota grandes marcos arquitetônicos com histórias bem pitoresca. Lugares que devem ser observados com mais cuidado e respeito

Relógio da Alameda Itu Cercado de prédios maiores por todos os lados, é muito difícil notarmos a existência deste curioso relógio que fica na Alameda Itu, na região do Jardim Paulista.Um dos mais belos relógios paulistanos, ele foi construído no topo do Edifício Salvador Pastore e inaugurado em 1958. Trata-se de um relógio de três faces, em formato triangular, onde cada lado exibe uma marca de um dos patrocinadores do empreendimento à época (todos fabricantes de relógio). Destaque para a arquitetura da cobertura, bastante moderna, e principalmente para a base do relógio que é feita em formato de ampulheta. O relógio e o nome do edifício são ambos em homenagem a Salvador Pastore, já falecido, que foi um famoso e importante relojoeiro da Cidade de São Paulo. O edifício está no número 1043 da Alameda Itu.

Ponto de ônibus década de 50/60 Em pleno bairro da Lapa, na Praça Cel. Cipriano de Morais, existe um ponto de ônibus da década de 60 que é o último sobrevivente de sua geração. É possível que seja o último inteiro na cidade. E ainda possui papel de parede no teto com imagens sacras. Construído pela extinta CMTC, o abrigo é uma robusta construção de ferro, fixada na calçada com concreto. Estes pontos de

ônibus com abrigos de ferro eram muito comuns especialmente em praças e grandes locais abertos, como no Vale do Anhangabaú. A imagem abaixo, dos anos 60, mostra vários destes abrigos instalados no que hoje é um grande boulevard sem acesso para ônibus e automóveis. Uma peculiaridade, e que dá ainda mais charme ao antigo e curioso ponto de ônibus é o fato de que alguém com bastante criatividade resolveu colocar na parte interior do teto do abrigo um papel de parede decorativo, que dá a impressão de que você está sob o teto de uma capela ou algo do gênero.


JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

3


4

IPANEMA

AMBIENTE

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

ARQUITETURA, CONSTRUÇÃO E DECORAÇÃO | POR RENATA MOECKEL / JULIANA MORAES

Gisele Paixão e suas canecas exclusivas

Canecas de porcelana:

Milenares e contemporâneas A porcelana é conhecida na China pelo nome de YAO e sua origem é remota; embo-

ra as peças mais antigas de que temos noticia correspondam ao século VI d.C. é provável que ela date do quarto milênio antes de Cristo. A delicadeza das porcelanas chinesas atraiu a atenção dos portugueses, que, no início do século XVI, foram os primeiros a comercializar vasos, pratos e outros objetos decorativos para a Europa. Lá, eram vistas como símbolo de requinte e preciosidade desde o século XIII, quando haviam sido le-

vadas ao continente pela primeira vez por Marco Polo. Os tempos mudaram e hoje é possível, inclusive, customizar uma caneca de porcelana. Fica bem legal e com preço bacana. A personalização e feita por sublimação, ou seja, a tinta é transferida do papel especial para a caneca por um processo térmico que modifica a tinta de estado sólido direto para gasoso, proporcionando assim a impressão de alta qualidade. Pode-se colocar qualquer imagem por este método na superfície das canecas. Um presente delicado e personalizado. Para o natal que se aproxima, podem ser feitas com dedicatória pessoal e exclusiva. Como presente de empresas para clientes, também uma boa.

Pode-se ver mais no Facebook (e encomendar as suas). Basta digitar Fra Le Mani ou entrar em contato pelo telefone (11) 997455-1309 ou pelo email: fralemani@outlook.com


IPANEMA

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

AMBIENTE 5 ARQUITETURA, CONSTRUÇÃO E DECORAÇÃO | POR RENATA MOECKEL / JULIANA MORAES

Não é ladrilho nem marchetaria

é cerâmica Aposta de diversas marcas, a impressão HD permite reproduzir em placas de cerâmica a aparência de vários materiais. É possível dar asas à imaginação, como fez a Incefra ao criar este revestimento, que lembra mosaicos de madeira, mas também um patchwork de ladrilhos hidráulicos. O HD – 50120 mede 50x50 cm é indicado para pisos e paredes internos. Na C&C o metro custa em média R$ 20,50.

5


IPANEMA

6 AMBIENTE ARQUITETURA, CONSTRUÇÃO E DECORAÇÃO | POR RENATA MOECKEL / JULIANA MORAES

Visitamos Luminarea Luzes, requinte

e exclusividade

V

isitando a Luminarea esta semana, fixamos nossos olhares nos lustres e arandelas em seus estilos requintados, arrojados, modernos, clássicos, enfim... sempre com novidades e para gostos e projetos diversificados, a Luminarea se renova constantemente, seguindo as tendências contemporâneas e com um bom gosto que vale muitos elogios. Além da loja ser muito agradável de estar, com seu showroom montado de forma clean, os profissionais são altamente qualificados e prontos para atender de forma personalizada cada cliente, cada projeto. É loja para visitar sempre e curtir o que há de mais legal em iluminação.

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013


IPANEMA

AMBIENTE 7

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

ARQUITETURA, CONSTRUÇÃO E DECORAÇÃO | POR RENATA MOECKEL / JULIANA MORAES

WepLight : exclusividade Luminarea E chegando com exclusividade as magníficas peças da marca WepLight, assinadas pelos designers Nadia Corsaro e Marcelo Dabini as luminárias são de lâminas de madeira flexíveis e reconstituídas, que permitem a criação de formas originais em design e cores. Confira algumas imagens e não deixe de vê-las “ao vivo e em lindas cores” na Luminárea. Suas luzes têm um grande valor comunicativo, proporcionam personalidade aos espaços com estilos diferentes. São disponibilizadas como pendente, luminária de mesa e chão.

WepLight é a marca argentina que desde 2001 projeta e fabrica luminárias em lâminas de madeira reconstituídas.

A Luminarea fica na rua Antonio Miguel Pereira, 244 Jardim Faculdade. Informações: (15) 3222-8646


8

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013


JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

TURISMO 9

: S O C O MARR s destaques o e tr n e o ã st e h c rrake Casablanca e Ma Cida Haddad

M

arrocos é um país encantador, com um povo acolhedor e muitas peculiaridades. De acordo com Carlos Tomba, proprietário da Soney Tur, a moeda local o Dirhan equivale a R$ 3,50 ou a US$ 8,00 ou ainda a EUR 10,00 e pode ser trocada facilmente nas casas de câmbio. O comércio local também aceita dólares e euros. “A palavra-chave é pechinchar. Os comerciantes oferecem seus produtos que, quando bem negociados, saem por até 1/3 do valor pedido inicialmente. De maioria muçulmana, a grandiosidade de suas mesquitas e a fé de seu povo, além do seu patriotismo são fatores marcantes”, comenta Tomba. A região, que tem proximidade com o Deserto do Saara, é banhada pelo oceano Atlântico e mar Mediterrâneo. Entre os locais de destaque, Tomba cita Rabat, a capital de Marrocos, a badalada Mar-

rakech, com medinas, hotéis e museus, além de Casablanca, cenário do filme homônimo. Tomba cita ainda a cidade de Meknes, com o mausoléu do antigo sultão Moulay Ismail e Fez, com medinas e mesquitas. Entre os pontos turísticos, Tomba destaca a Mesquita Hassan II, em Casablanca, uma das únicas mesquitas no mundo que permitem a entrada de não-muçulmanos. Considerada referência na arquitetura, a construção foi erguida sobre as águas do oceano Atlântico em alusão à um versículo do Alcorão. A Torre Hassan ou Minarete Hassan, chama a atenção em Rabat; o local teve início no ano de 1195, durante o reinado de Yacoub El Mansour e após sua morte em 1199, as obras foram paralisadas. Com 44 metros de altura, é rodeada por pequenas colunas. A Medina de Marrakech também é destaque com seus 19 quilômetros de extensão. Outra dica de Tomba é saborear o famoso chá de menta e buscar por presentes como tapetes e cerâmica.

9


10

10 TURISMO

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

As belezas de

A Z E L A T FOR Cida Haddad

A

proveitar o que o Brasil tem de mais bonito é uma das boas opções para as férias e para quem já quer programar as viagens do próximo ano. A sugestão de Igor Caldini, proprietário da Costa Turismo, é Fortaleza, capital do Ceará, com belas praias, animação da vida noturna, gastronomia variada e completa infraestrutura. Entre as praias, está a Praia de Cumbuco, com seus passeios de buggy. A Praia do Futuro tem infraestrutura com shows, parque aquático etc. Caldini cita também a praia de Iracema, onde está

a escultura da índia do livro homônimo de José de Alencar e a de Mucuripe, conhecida por ser a praia das jangadas’. A cultura está presente no Dragão do Mar, que abriga o Memorial da Cultura Cearense, o Museu de Arte Contemporânea, um planetário e a Oficina de Arte. A gastronomia também é destaque, garante Caldini. Quem vai a Fortaleza não pode deixar de lado o tradicional baião-de-dois (prato feito da mistura do arroz, feijão e carne seca), rapadura e os peixes. Como presente, as dicas de Caldini são quanto bijuterias, peças de palha, redes, rendas, cerâmica e as tradicionais garrafinhas de areia colorida.


FUI 11

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

Gastronomia

e cultura

Buenos Aires Cida Haddad

A

publicitária Renata Sallas esteve pela primeira vez em Buenos Aires, na Argentina, acompanhada da mãe, Maria Aparecida Sallas, durante as férias de trabalho. De acordo com Renata, o que ela mais gostou foi a Puente de La Mujer, com iluminação diferenciada, assim como os prédios ao redor. A Feira de San Telmo, também é citada e ela comenta que o local lembra a rua 25 de Março, em São Paulo, mas a Feira é específica de antiguidades e artesanato. “Um dos pontos que também chamou a minha atenção foi a rua Florida, um calçadão com diversas lojas de variedades. Os principais produtos lá são feitos de couro legítimo com preços acessíveis. “Aproveitamos para comprar jaquetas de couro ecológico e pagamos um pouco mais de mil pesos, equivalente a R$ 380. Outro ponto bem legal são os prédios do Círculo Naval, construídos em 1890 e 1891, que ficam na esquina da rua Florida. Eles são caracterizados por um design antigo e totalmente preservado e iluminado à

noite”. Renata conta que foram em excursão ao Tigre e Delta, onde conheceram o município de San Isidro, onde tem uma paisagem de grandes casas e mansões e mora a presidente argentina Cristina Kirchner. “Além de conhecer o município, fizemos um passeio de barco ao longo dos rios Delta do Paraná e Río de La Plata. Tivemos oportunidade de conhecer um pouco sobre as famílias que moram às margens dos locais. Eles têm acesso a tudo através de barco, inclusive contam com barcos que funcionam como vans para levarem alunos às escolas, supermercados e igrejas. É como se realmente fosse uma cidade dentro do rio”, descreve.

Os argentinos comem muito bem, garante Renata. Segundo ela, no café da manhã, o costume é comer croissant ao invés de pão, além de empanadas argentinas, ou seja, pastéis assados, que possuem diversos tipos de recheios e são maiores do que os apreciados no Brasil. “Durante o almoço é comum que eles comam as empanadas também. Porém, almoçar lá é um fato raro, pois muitos acabam deixando para se alimentar durante o jantar. Da mesma forma que nós, brasileiros, nos alimentamos bem durante o almoço, no caso de Buenos Aires, eles capricham na janta. O principal prato deles é o bife de chorizo, um bife de contra-filé, macio, sem gordura e extremamente saboroso, que vem acompanhado de arroz ou fritas. Porém, pouco se acha a porção de arroz nos restaurantes da cidade. O mais comum a ser encontrado são as porções de batatas. O prato produzido por eles é tão generoso que serviria facilmente duas pessoas. A bebida mais degustada na cidade é o vinho. Entretanto, um fato curioso é que muitos costumam tomar chimarrão no local”, diz a publicitária. O forte da cultura deles é o tango. Renata afirma que em Buenos Aires há várias casas noturnas com apresentações da dança nos formatos tradicionais, e espetáculos estilo Hollywood. A cidade em si preserva muito suas antigas construções: as cafeterias, bares e lojas são, em sua maioria, prédios antigos restaurados. “Uma curiosidade de lá é a fiscalização no trânsito que não é tão reforçada. Em um dos episódios que passamos durante a viagem, o próprio taxista que nos atendeu não usou cinto de segurança durante os trajetos. Indagamos por que ele não o colocava e ele disse que os fiscais de trânsito não são muito rígidos”, conta Renata. “Outra coisas que chamou a minha atenção e que quebrou um mito para mim, como brasileira, foi o fato de dizerem que argentino é mal educado conosco, que somos de um país ‘rival’ ao deles. Tanto minha mãe quanto eu fomos muito bem recebidas. Quando nos perdíamos, os argentinos percebiam e vinham até nós, perguntavam se gostaríamos de ajuda. Entendiam o que queríamos falar e nos auxiliavam”, comenta. A profissão de cuidador de cachorros também é destacada por Renata. “Lá, é uma das profissões que mais bem remunerada e uma das mais comuns também. Um dos rapazes que fica dentro do ônibus turístico no qual embarcamos, falando um pouco a respeito da profissão, contou que cada família argentina que mora em Buenos Aires costuma ter por volta de dez cachorros. Cada cuidador de cachorros chega a receber aproximadamente R$ 400, por três horas de trabalho ao dia, cuidando de dez cachorros”, ressalta a publicitária.


12

CLASSIFICADOS

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

Empregos

Aulas e Cursos

Estética e Beleza

Advocacia

Artigos para Festas

Informática

Diversos

Medicina e Saúde


JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

Orações

Serviços Profissionais

CLASSIFICADOS 13


14

14 I - PROGRAME-SE 14 Sábado (23) ■ 1º ENCONTRO DE SÍNDICOS DA REGIÃO DE SOROCABA Das 9h30 às 12 horas, acontece o 1º Encontro de Síndicos da região de Sorocaba realizado pela Sac Administratora. O evento traz como atração principal a palestra “Desafios, questões atuais e polêmicas da gestão condominal” ministrada pelo especialista em direito condominal Alexandre Marques. Podem participar síndicos, subsíndicos e corpo diretivo. O evento é uma comemoração ao mês do Síndico. As inscrições são gratuitas através do site: sacadm.com.br ou pelo telefone (15) 3018-4633. A atividade acontece no auditório da Uniso do câmpus Cidade Universitária (rodovia Raposo Tavares, km 92,5). ■ ATIVIDADE INFANTIL Às 10h30, acontece o “Era uma vez no jardim da música” com o grupo Alecrim através de brincadeiras musicadas que começam com um cortejo e apresenta para as crianças a cultura popular brasileira. A entrada é gratuita. O evento acontece no Sesc Sorocaba (rua Barão de Piratininga, 555 Jardim Faculdade). Informações: (15) 3332-9933. ■ RECITAL DE PIANO A partir das 19 horas, os alunos de piano do Instituto Municipal de Música de Sorocaba realizam um recital para o público. A entrada custa R$ 2. A apresentação acontece na Sala Fundec (rua Brigadeiro Tobias, 73 - Centro). Informações: (15) 3233-2220.

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013 JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013 ■ NOITE ITALIANA - SPASSO VEMAR Às 20 horas, começa o jantar dançante com cardápio inspirado na culinária italiana com entrada, pratos principais e sobremesa. Já a música ficará por conta de Tony di Carlo e Eduardo Chañes & banda. O convite custa R$ 50 e já estão à venda. Todo valor será revertido em prol de um entidade beneficente. O evento aocntece no Spasso Vemar (rua Antonio Fernandes, 175 - Jardim Gonçalves). Informações: (15) 98122-5514. ■ PELA TRILHA DE OZ Às 14h30, a Cia. Teatral Mistura de Gente apresenta o espetáculo “Pela Trilha de Oz” propondo ao público uma releitura do clássico “O Mágico de Oz”. A apresentação acontece no Parque da Biquinha (avenida Comendador Pereira Inácio, 1112 - Jardim Emília). A entrada é franca. Informações: (15) 3224-1997. ■ TEATRO FRANCISCO ALVES - O REI DA VOZ A partir das 20 horas, seá encenado o espetáculo teatral “Francisco Alves - O rei da voz” que apresenta o mito da MPB com uma vida repleta de episódios que misturam romance, dramas e detalhes curiosos de sua personalidade. O evento acontece no Teatro do Sesc (rua Barão de Piratininga, 555 - Jardim Faculdade). Informações: (15) 3332-9933. ■ PREFIXO DE VERÃO A partir das 23 horas, a noite será de muito pagode e samba na pista do Runa Club (avenida Engenheiro Carlos Reinaldo Mendes, 3026 - Alto da Boa Vista) com o grupo Samba Xick. Informações: (15) 3228-7171.

Domingo (24) ■ DIÁRIO MALASSOMBRADO

A partir das 11 horas, a Cia Mevitevendo apresenta o espetáculo “Diário Malassombrado” onde em uma noite de lua cheia, dois curiosos encontram uma misteriosa mala e, dentro dela, um diário, onde estão guardadas memórias de assombração. O evento acontece no Sesc Sorocaba (rua Barão de Piratininga, 555 - Jardim Faculdade). Informações: (15) 3332-9933.


I - PROGRAME-SE 15

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

■ PARMEGIANA BENEFICENTE Das 12 às 15 horas, acontece um almoço beneficente que tem como cardápio parmegiana de mignon, arroz e batata frita. Também será servido marmitex. O convite custa R$ 35 e já está à venda. O almoço acontece no Lar Educandário Santo Agostinho (rua Imperatriz Leopoldina, 217). ■ FEIRA DE ARTESANATO DE VOTORANTIM Aos sábados e domingos, das 17 às 22 horas, acontece a tradicional feira de artesanato da cidade com grande variedade de produtos artesanais e culinária típica. O evento acontece na praça de Eventos de Votorantim. ■ CIRCO: CARPINTEIROS EM DOMICÍLIO

Quarta-feira (27) ■ PALESTRA: CARLOS WIZARD MARTINS O empresário Carlos Wizard Martins faz palestra na quarta-feira (27) a partir das 19h30, na Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias (rua Visconde do Rio Branco, 290 - Vila Jardini). A entrada é gratuita. Listado como o 69º homem mais rico do Brasil pela revista Forbes, Martins dividirá os segredos do seu sucesso. Curitibano e graduado em Ciência da Computação e Estatística pela Universidade Brigham Young University, em Utah, nos Estados Unidos, Martins criou a Wizard em 1987, inspirado pelo clássico infantil “O Mágico de Oz”, que ele afirma ser para ele uma história de exemplo de superação.

Quinta-feira (28)

A partir das 17 horas, acontece o espetáculo circense “Carpinteiros em domicílio” com a Cia Sumo. Durante o espetáculo dois palhaços chegam com um monociclo carregando madeiras para uma obra e então começa a aventura regada de risadas. A entrada é de graça. O evento acontece no Sesc Sorocaba (rua Barão de Piratininga, 555 - Jardim Faculdade). Informações: (15) 3332-9933.

Segunda-feira (25) ■ ROTARY CLUB INCENTIVA DOAÇÃO DE SANGUE O Rotary Club Sorocaba Vergueiro apoia a Campanha “Doe Sangue, é apenas uma agulha, não são pregos” que acontece de 25 A 30 de novembro, das 7h30 às 12h30. A campanha é para ajudar o Banco de Sangue, que está com estoque baixo e fica no Hospital Leonor Mendes de Barros (avenida Pereira Inácio, 564 – Lageado). ■ EXIBIÇÃO DE WHOLETRAIN Às 15 horas, a mostra de cinema Sesi-SP no mundo: Alemanha Contemporânea I é composta por sete filmes com temáticas variadas, que representam a Alemanha atual. A mostra “Wholetrain” conta a história de quatro grafiteiros que observam as hierarquias, regras, os valores e códigos na cena do grafite. A entrada é franca. O evento acontece no Sesi Sorocaba (rua Duque de Caxias, 494 - Mangal). Informações: (15) 3388-0444.

■ MUSICAIS BRITÂNICOS Às 19h30, acontece o British Stage Musicais (Musicais Britânicos) com Fernando Patau na Sala Fundec (rua Brigadeiro Tobias, 73 - Centro). O evento é uma realização da Cultura Inglesa de Sorocaba. A entrada é franca. Informações: (15) 3233-2220.

Sexta-feira (29) ■ XI ENCONTRO DOS VETERANOS DA PM A partir das 8h30, aocntece o XI Encontro dos Veteranos da Polícia Militar, no Comando de Policiamento do Interior - Sete. O evento acontece na rua Bento Manoel Ribeiro, 209 - Cerrado. Informações: (15) 3229-3920 ■ PEÇA ANTÍGONA - UM ENSAIO Às 20 horas, os alunos do Núcleo de Artes Cênicas da Fundec encenam o espetáculo “Antígona - Um Ensaio” com direção de Mario Pérsico. A entrada custa R$ 2. O evento acontece na Sala Fundec (rua Brigadeiro Tobias, 73 - Centro). Informações: (15) 3233-2220.

Sábado (30) ■ FESTIVAL UFSCAR VOTORANTIM DE MÚSICA Das 14 às 23 horas, acontece o Festival UfsCar Votorantim de Música que tem como principal objetivo a transformação do espaço público em um lugar de livre circulação das novas formas de se fazer e pensar cultura. No local terá apresentações musicais e exposições artíticas. A entrada é franca. O evento acontece na praça Zeca Padeiro.

Isabela Carnel

ós

Semana de mega show Esta semana a Rádio Ipanema FM (91,1), a sua Ipa FM, esteve presente em mais um mega show. A equipe da rádio agitou o show da banda Jota Quest se apresentou no Clube de Campo Sorocaba na terça-feira (19), com promoção exclusiva da Rádio Ipanema. Referência no pop rock nacional, os mineiros contagiaram a plateia com hits como “Tudo Está Parado”, “Só Hoje” e “Amor Maior”. Já no programa que está fazendo o maior sucesso pelas manhãs, o Breakfast, o morning show da emissora, uma das entrevistadas foi a polêmica colunista social Jak Catena, que estreou na quinta-feira (21), no Jornal da Ipanema da Rádio Ipanema, o quadro “É Pra Jak” e também estreia sua coluna nesta edição do Jornal Ipanema. Outra convidada da semana foi a apresentadora do Noticidade da TV Sorocaba/SBT, Simone Marquetto. O programa é apresentado por Valter Calis, com participações de Douglas Valle, Paulinho Godoi e Isabela Carnelós. Os ouvintes ficaram informados de tudo o que rola no mundo dos esportes, com

Simone Marquetto e Paulinho Godoi

Douglas Valle que comanda o Ipa&Bola. Douglas comentou os temas mais polêmicos e, é claro, todo mundo ficou ligado nas famosas cornetadas do jornalista em cima de jogadores desmotivados e dos cartolas com interesses próprios. Na Ipa FM é assim: muita música, informação, interatividade, prêmios e bom humor.

Tudo isso pelo site

www.ipafm.com.br Acesse e participe


16

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013


CADERNO

IMÓVEIS

&VEÍCULOS

23 de novembro de 2013 - edição 743 www.jornalipanema.com.br


2 IMテ天EIS

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013


JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

IMテ天EIS 3


4 IMテ天EIS

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013


JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

IMテ天EIS 5


6 IMテ天EIS

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013


JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

IMテ天EIS 7


8 IMテ天EIS

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013


JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

IMテ天EIS 9


10 IMテ天EIS

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013


JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

IMテ天EIS 11


12 IMテ天EIS

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013


JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

IMテ天EIS 13


14 IMテ天EIS

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013


JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

IMテ天EIS 15


16 IMテ天EIS

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013


JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

IMテ天EIS 17


18 IMテ天EIS

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013


JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

IMテ天EIS 19


20 IMテ天EIS

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013


JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

IMテ天EIS 21


22 IMテ天EIS

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013


JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

IMテ天EIS 23


24 IMテ天EIS

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013


JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

IMテ天EIS 25


26 IMテ天EIS

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013


JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

IMテ天EIS 27


28 IMテ天EIS

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013


JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

IMテ天EIS 29


30 IMテ天EIS

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013


JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

IMテ天EIS 31


32 IMテ天EIS

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013


JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

IMテ天EIS 33


34 IMテ天EIS

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013


JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

IMテ天EIS 35


36 IMテ天EIS

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013


JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

IMテ天EIS 37


38 IMテ天EIS

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

Apartamentos Vendem-se

Chテ。caras, Sテュtios e Fazendas

Terrenos


JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

IMテ天EIS 39


40 IMテ天EIS

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013


JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

IMテ天EIS 41


42 IMテ天EIS

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013


JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

VEÍCULOS 43


44 VEÍCULOS

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013


JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

VEÍCULOS 45


46 VEÍCULOS

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

Espaço

EMPRESARIAL

Dudalina inaugura loja em Sorocaba A Dudalina inaugurou a sua primeira loja na cidade de Sorocaba. Os empresários Ana Carolina e Rafael Depole, que já possuem duas franquias da marca, comandaram a inauguração da loja Dudalina Sorocaba no Iguatemi Esplanada, mais novo shopping da região, na manhã de quinta-feira (21). O diretor de varejo da loja, Rui Leopoldo Hess de Souza, comenta que “o potencial da região é enorme para o varejo”. Ele diz que o plano de expansão com lojas Dudalina é ambicioso: a empresa pretende abrir de 100 a 120 unidades no Brasil até o próximo ano. Criadas para atender a diferentes segmentos de mercado. As marcas: Dudalina, Dudalina Feminina, Individual e Base, dispõem de um amplo mix de produtos, produzidos com matéria-prima diferenciada. Com seis unidades fabris (cinco em San-

ta Catarina e uma no Paraná), um showroom em São Paulo e mais de 2.300 colaboradores diretos, a Dudalina mantém seu padrão de qualidade no processo de fabricação de camisas, calças e malhas. Dotadas de equipamentos diversificados e avançada estrutura tecnológica, as unidades fabris da empresa são responsáveis pela produção de mais de 4 milhões de peças ao ano.

Chicletaria já está em atividade no Iguatemi Esplanada A Chicletaria, empresa do ramo de roupas infanto-juvenis, foi inaugurada no último dia 14 de novembro no Shopping Iguatemi Esplanada. Fundada em 1977, a “Chicletaria tem como prioridade, desde o início de suas operações, a satisfação e alegria das crianças e adolescentes, a começar pelo próprio nome, criado pelo desejo de uma criança que sugeriu a inauguração de uma Chicletaria”, afirmam os empre-

endedores. A empresa atua no mercado já há 35 anos. Foram quase quatro milhões de peças confeccionadas durante esse tempo. Segundo a empresa, isso confere credibilidade e respeito para manter a marca em evidência por mais anos e anos. “A constância de seus negócios ao longo de todos esses anos confere à Chicletaria o reconhecimento no mercado, especialmente das gerações de garotos e garotas que foram clientes no passado e agora querem ver seus filhos trajando a moda despojada e colorida que sempre marcou as suas próprias roupas”. Buscando nas tendências uma referência e não uma regra, aos poucos a empresa foi abrindo seu leque para o seguimento infanto-juvenil, o que ajudou a expandir a rede e originou diversas lojas franqueadas distribuídas pelo interior do estado e algumas das principais capitais brasileiras.


JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

VEÍCULOS 47


48 VEÍCULOS

JORNAL IPANEMA / 23 de novembro de 2013

Jornal ipanema 743  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you