Page 195

E se eu disser que sim, e no prazo de três meses ele disser que não, que se cansou de tentar me moldar-me em algo que não sou. Como vou me sentir? Estarei comprometida emocionalmente? E durante três meses terei feito coisas que não estou segura de que queira realmente fazer. E se depois me diz que não, que acabou o acordo, como vou sobreviver o abandono? Possivelmente o melhor seja desistir agora, quero manter minha auto-estima mais ou menos intacta. Mas a ideia de não voltar mais a vê-lo parece insuportável. Como ele entrou em minha pele em tão pouco tempo? Não pode ser apenas sexo... pode? Passado a mão pelos olhos para secar as lágrimas. Não quero analisar o que sinto por ele. Assusta-me só de pensar o que poderia descobrir. O que vou fazer? Estaciono em frente a nossa casa. Não vejo luzes acesas, assim acho que Kate deve ter saído. É um alívio. Não quero ter que responder perguntas. Enquanto me dispo, ligo meu computador infernal e encontro uma mensagem de Christian na caixa de entrada.

De: Christian Grey Data: 25 de maio de 2011 22:01 Para: Anastásia Steele Assunto: Esta noite Não entendo por que saiu correndo esta noite. Espero sinceramente ter respondido todas as suas perguntas de forma satisfatória. Sei que tem que expor muitas coisas e espero fervorosamente que leve a sério minha proposta. Quero de verdade que isto funcione. Temos que levar com calma. Confie em mim. Christian Grey CEO, Grey Participações e Empreendimentos Inc.

Este e-mail me fez chorar ainda mais. Não sou uma fusão empresarial. Não sou uma aquisição. Lendo este email, qualquer uma diria sim. Não lhe respondo. Não sei o que lhe dizer, essa é a verdade. Ponho o pijama e me meto na cama enrolada em sua jaqueta, deitada na escuridão, penso em todas as vezes que me advertiu para que me mantivesse afastada dele. "Anastásia, deveria se manter afastada de mim. Não sou um homem para ti." 199

50 tons de cinza