Page 1

Síndrome de Rubinstein-Taybi ESPECIAL DIA DOS PAIS/Agosto/2013


"Um pai presente é como a luz que guia o peregrino durante sua longa jornada, ajuda a escolher o melhor caminho, oferece o conforto e calor, dá abrigo e segurança nos momentos mais difíceis da vida. Reconhecer essa luz é a recompensa maior que um pai e um lho podem receber em suas vidas.’’


" N찾o me cabe conceber nenhuma necessidade t찾o importante durante a inf창ncia de uma pessoa que a necessidade de sentir-se protegido por um pai." (Sigmund Freud)


"Um pai é mais do que um amigo, um herói, ele é nosso mentor, metaforicamente falando, é o piloto de nossa vida, o comandante que nos coloca no caminho e nos dá a oportunidade de seguirmos adiante, passo a passo, mas sempre debaixo de sua asa protetora."


"A gura paterna é muito importante e forte para o lho. Muitas vezes o pai torna-se o grande herói e exemplo para seu lho, por isso é fundamental o relacionamento saudável e a imagem presente desse pai, que é um espelho para seus lhos."


Ser pai é aceitar as responsabilidades que ultrapassem o limite de suas forças, mas mesmo arquejado pelo peso que o sufoca se ergue empedernido e supera, sempre lutando e alcança a vitória.


Ser pai é uma missão divina, que coloca o ser humano próximo de seu criador, pois assim como o Ser Supremo que nos guia, o pai deve ser o farol dentro da vida de seus lhos, encaminhando-os no difícil trilhar dessa existência...


Ser pai é mais do que somente cumprir um papel dentro da família e da sociedade. Ser pai é acima de tudo ser o amigo de todas as horas... é estar sempre próximo, acessível, buscando sempre estar presente na vida do lho.


Ser pai é além de educar estar constantemente ao lado de seus lhos, abdicando muitas vezes de responsabilidades para desfrutar um jogo de bola, brincar de carrinhos, empinar pipas, andar de mãos dadas...


Ser pai é vencer o cansaço de um dia de trabalho e com o coração em festa sentar com a lha para ver um desenho animado, uma prosinha maneira, ouví-la falar de seus aprendizados de vida...


Dez mandamentos para pais de crianças especiais... 1. Viva um dia de cada vez, e viva-o positivamente. Você não tem controle sobre o futuro, mas tem controle sobre hoje. 2. Nunca subestime o potencial do seu filho. Dê-lhe espaço, encoraje-o, espere sempre que ele se desenvolva ao máximo das suas capacidades. Nunca se esqueça da sua capacidade de aprendizagem, por pequena que seja. 3. Descubra e permita mentores positivos: familiares e profissionais que possam partilhar consigo a experiência deles, conselhos e apoio. 4. Proporcione e esteja envolvido com os mais apropriados ambientes educacionais e de aprendizagem para o seu filho desde a infância. 5. Tenha em mente os sentimentos e necessidades do seu cônjuge e dos seus outros filhos. Lembre-lhes que esta criança especial não tem mais do seu amor pelo fato de perder com ele mais tempo.


6. Responda apenas perante a sua consciência: poderá depois responder ao seu filho. Não precisa justificar as suas ações aos seus amigos ou ao público. 7. Seja honesto com os seus sentimentos. Não pode ser um superpai 24 horas por dia. Permita-se a si mesmo ciúmes, zanga, piedade, frustração e depressão em pequenas necessidades sempre que seja necessário. 8. Seja gentil para consigo mesmo. Não se foque continuamente naquilo que precisa ser feito. Lembre-se de olhar para o que já conseguiu atingir. 9. Pare e cheire as rosas. Tire vantagem do fato de ter ganho uma apreciação especial pelos pequenos milagres da vida que os outros dão como garantidos. 10. Mantenha e use o sentido de humor. Desmanchar-se a rir pode evitar que seja desmanchado pelo stress.

"Pai: a ce eza de um amigo eterno!!!’’


SĂ­ndrome de Rubinstein-Taybi Deseja a todos os Pais um Feliz dia dos Pais!!!

11 de Agosto de 2013

RST INFORMATIVO ESPECIAL DOS PAIS 2013