Issuu on Google+

Vinho Bairrada EFA-Técnico de Mesa e Bar Professor: João Encarnação Escola E.B. 2,3 Dr. António da Costa Contreiras Tiago Aleixo


Vinho Bairrada

Bairrada A Bairrada é uma região produtora de vinhos, cheia de Histórias para contar. Assistiu serenamente a batalhas entre árabes e cristãos, quando Portugal ainda estava em formação e a capital do nosso reino era Coimbra. Mais tarde, a quando das invasões Napoleónicas, foi também local chave na defesa da nossa independência, quando os exércitos invasores de Napoleão foram detidos, na serra do Buçaco. As vinhas da zona da Bairrada, já há algum tempo que eram conhecidas em Portugal e por influencia de todas estas batalhas, começaram a ganhar nome e fama além-fronteiras, por isso desde muito sedo a exportação dos seus vinhos se evidenciou. Contudo, foi apenas nas últimas décadas, que o nome do vinho da Bairrada, começou a ser conhecido e apreciado nos países mais distantes.

EFA-Técnico de Mesa e Bar

Página 2


Vinho Bairrada Zona demarcada da Bairrada

EFA-TĂŠcnico de Mesa e Bar

PĂĄgina 3


Vinho Bairrada

Castas

        

Alfrocheiro-Preto Baga Castelão Bastardo Jean Merlot Syrah Cabaret Sauvignon Touringa-Nacional

EFA-Técnico de Mesa e Bar

Página 4


Vinho Bairrada

Alfrocheiro-Preto

Alfrocheiro – Preto: No inicio do século XX, a designação de Alfrocheiro estava ligada a uma casta de branca cultiva da no Dão, que actualmente é designada por “Douradinha”. Alfrocheiro tinto, é então uma designação relativamente recente, por esta casta também ser conhecida por “Tinta Francesa de Viseu”, podemos ter uma ideia da sua possível origem geográfica.

Extremidade do ramo jovem: Aberta, com orla carmim de i ntensidade média e elevada densidade de pêlos prostrados. Folha jovem: Verde esbranquiçada, com média densidade de pêlos prostrados na página inferior. Flor: Hermafrodita. Pâmpano: Verde a ligeiramente estriado de vermelho e gomos com fraca intensidade antociânica. Folha adulta: De tamanho médio, orbicular, sub-trilobada; limbo de cor verde médio a escuro, em goteira, pouco bolhoso, nervuras principais com fraca intensidade antociânica. Cacho: Pequeno, cónico-alado e compacto. Bago: Arredondado, pequeno e negro-azul; película medianamente espessa e polpa mole. Sarmento: Castanho amarelado.

EFA-Técnico de Mesa e Bar

Página 5


Vinho Bairrada Baga

Baga: A introdução da baga na Bairrada deve-se a esta ter uma grande quantidade de oídio, fazendo com esta casta seja bastante resistente ao fungo.

Extremidade do ramo jovem: Aberta, com orla ligeiramente carmim e elevada densidade de pêlos Folha Jovem: Aberta, com orla ligeiramente carmim e elevada densidade de pêlos prostrados. Flor: Hermafrodita. Pântano: Estriado de vermelho, média intensidade antociânica dos gomos. Folha Adulta: De tamanho médio, pentagonal, com cinco lóbulos; limbo verde médio a escuro. Cacho:

Médio,

cónico,

compacto,

pedúnculo

de

comprimento

médio.

Bago: Arredondado, médio e negro-azulado, película de espessura média, polpa mole. Sarmento: Castanho-escuro.

EFA-Técnico de Mesa e Bar

Página 6


Vinho Bairrada

Castelão João de Santarém, na rotulagem do VQPRD Ribatejo, sub-região Santarém. Esta uva pode ainda ser chamada de “Periquita” se for cultivada e utilizada para produção na zona de Setúbal.

Jaen Sobre esta casta, pouca coisa consigo dizer, pois a informação que consegui encontrar é a mais básica de todas as castas aqui a presentadas. Apenas sei que é cultivada na região de Bierzo (Espanha) com o nome de Mencía.

Merlot Tem semelhanças com o vinho de Cabernet Sauvignon, não sendo tão intenso e com taninos mais suaves. Na região de Bordéus é frequente a mistura das duas castas. Permite elaborar vinhos encorpados, ricos em álcool e em cor, relativamente pouco ácidos. Os vinhos mais estruturados podem ser estagiados em madeira. Os aromas são complexos e elegantes. Na produção do DOC Bairrada, usa-se para atenuar a dureza de algumas castas, como a Cabernet Sauvignon e a Baga.

Bastardo Casta pouco fértil, com maturação muito precoce. Requer terrenos fundos e não muito quentes e secos. Resistente ao míldio mas sensível à podridão. Os vinhos apresentam baixa acidez e muito açúcar.

EFA-Técnico de Mesa e Bar

Página 7


Vinho Bairrada

Cabernet Sauvignon Os vinhos de Cabernet Sauvignon têm bastante côr e possuem características varietais bastante pronunciadas. Casta própria para vinhos de guarda, devido ao seu elevado teor de taninos. Adapta-se bem a lotes com castas mais suaves.

Maturação: Tardia. Uma semana após a Castelão. Cacho: Prequeno a médio, cónico, por vezes alado. Compacidade média. Bago: Pequeno e arredondado. Película: Negra-azul e espessa. Polpa: Cor, não corada. De consistência média. Extremidade do ramo jovem: Aberta, com orla ligeiramente carmim e elevada densidade de pêlos prostrados. Folha jovem: Amarelada, página inferior com elevada densidade de pêlos prostrados. Flor: Hermafrodita Pâmpano: Verde, com gomos verdes. Folha adulta: De tamanho médio, pentagonal, com cinco lóbulos; limbo verde médio, irregular, medianamente “bolhoso”. Cacho: Médio, “cónico-alado”, compacto, pedúnculo curto. Bago: Arredondado, médio e “negro-azul”, película medianamente espessa, polpa firme. Sarmento: Amarelado.

EFA-Técnico de Mesa e Bar

Página 8


Vinho Bairrada Escola de Viticultura da Bairrada Criada em 1991, a escola de Viticultura e Enologia da Bairrada, tem como fundadores

originais,

a

Escola

Secundária de Anadia, a Comissão Vitivinícola da Bairrada e o Ministério da Agricultura. Porém, já em 1887 havia nascido a”Escola de Viticultura e Pomologia da Bairrada” e ainda hoje, a nova escola segue alguns dos ensinamentos trazidos desta altura. Foi também esta nova escola, o berço do Espumante em Portugal, dela saíram operários altamente especializados, que iniciaram a investigação Enológica o que despontou o ensino da Enologia. No ano de 2000, foi criada uma associção que se aproprio da escola na qual os princimais intrevenientes são, o Ministério da Agricultura, a Comissão Vitivinícula, a Câmara Municipal de Anadia e algumas das principais empresas da Região da Bairrada.

EFA-Técnico de Mesa e Bar

Página 9


Vinho Bairrada Pontos de Interesse A Região da Bairrada, e toda a zona da beira litoral, apresentam vários pontos de interesse cultural e turístico, desta forma deixo aqui algumas sugestões que eu pessoalmente penso serem de maior relevância a nivel cultural.

Onde ficar

EFA-Técnico de Mesa e Bar

Página 10


Vinho Bairrada

Museu do Vinho da Bairrada Inaugurado e 27 de Setembro de 2003, pela Câmara Municipal de Anadia, está instalado num edifício, construído totalmente para o efeito. A sua exposição permanente, é denominada, “Percurso do Vinho” e pode ser visitada no piso zero do museu, exposta ao longo de seis salas temáticas, com peças de valor arqueológico, etnográfico e técnico conseguidas com o apoio e a colaboração de diversos vitivinicultores, entidades locais e nacionais. Para além da sua exposição permanente, ainda suporta, vários programas de exposições temporárias e realiza cerca de quatro progectos e actividades de carácter pedagógico. Ainda no museu podemos encontrar, uma Enoteca, uma loja de vinhos, um auditório com a capacidade para 80 pessoas, uma mediateca, uma biblioteca e uma zona de restauração com jardim.

Morada: Museu do Vinho da Bairrada Av. Eng. Tavares da Silva 3780-203 Informações: Direcção: Dr. Pedro Dias Tel.: 231 519 780 Fax: 231 519 781 E-mail: museuvinhobairrada@mail.telepac.pt Horário de Funcionamento: Terça a Sexta-Feira Das 10:00 às 13:00 e das 14:00 às 18:00h Sábado, Domingo e Feriados: Das 11:00 às 19:00h

EFA-Técnico de Mesa e Bar

Página 11


Vinho Bairrada Aliança “Underground Museum” É um museu que se estende pelas tradicionais caves da Aliança Vinhos de Portugal, em que se pode contemplar oito distintas

colecções

de

carácter,

arqueológico, etnográfico, mineralógico, paleontológico

e

ainda

azulejaria

e

cerâmica, albergando assim uma extensa colecção de artefactos intemporais com milhares de anos de história. Este é ainda considerado o primeiro museu subterrâneo de Portugal, que combina arte com vinho. Devemos muitos dos acervos expostos ao Coleccionador José Berardo e ao seu cuidado constante em conservar e imunizar peças e obras de arte, de múltiplas origens e espécies, com valor, histórico e sentimental.

Morada: Aliança Underground Museum Aliança Vinhos de Portugal Rua do Comércio, 444 3781-908 Sangalhos Contactos: Tel. 234 732 000 Fax: 234 732 005 E-mail: Maria.luz@alianca.pt

EFA-Técnico de Mesa e Bar

Página 12


Vinho Bairrada