Page 1

AMIGOS Sテグ AMIGOS E PONTO FINAL

ESCOLA MUNICIPAL EDUCADOR PAULO FREIRE Recife - 2013


Prefeitura do Recife Secretaria de Educação Secretaria Executiva de Gestão Pedagógica Escola Municipal Educador Paulo Freire

AMIGOS SÃO AMIGOS E PONTO FINAL Autoria e ilustrações: Estudantes do 4º Ano E Organizadora: Professora Ana Dácia Luna

Recife, 2013


APRESENTAÇÃO Um dos grandes desafios da escola pública é conviver bem, viver com o desconhecido, com o diferente e com o que o que foge dos padrões sociais ainda é um desafios para todos/as nós. O ato de ler, reler, contar, recontar, escrever, reescrever, analisar e reanalisar possibilitar reflexões, que por sua vez promovem uma nova cosmovisão.

Esse livro foi construído coletivamente pelos (as) estudantes do 4º. Ano E como como produto final do Projeto Ciranda da Leitura de Contos Africanos e Afro-brasileiros. Acreditamos que nada melhor

que a literatura para pormos em prática a Lei 10.639/03 no currículo escolar e construirmos novas relações baseadas na equidade. Professora Ana Dácia Luna


REELEITURA DO LIVRO CONTOS AFRICANOS PARA CRIANÇAS BRASILEIRAS


Conto: Amigos não para Sempre Autor: Rogério Andrade Barbosa Ilustrações: Maurício Veneza Editora: Edições Paulinas


NĂŁo muito longe de onde a gente

mora, numa lugar bom de viver existe uma escola tambĂŠm muito boa para estudar. LĂĄ

havia uma turminha que aprendeu a respeitar as outras pessoas, mas nem

sempre foi assim...


Era

uma

escola

comum,

com

professores(as) comuns, estudantes comuns, funcionĂĄrios (as) comuns. Tudo igual a muitas escolas espalhadas por aĂ­, tudo muito comum. Havia uma turminha de estudantes que se conheciam desde pequenininhos(as), eles(as) estudavam juntos(as) hĂĄ muitos anos.


Essa era a escola comum como muitas s達o.


Em um

dos anos, nĂŁo sabemos

quando, chegou um estudante novato, seu nome era Fumaçu. O nome era diferente porque seus pais eram de origem africana.


Fumaçu chegando à escola


Ele tinha a cor da pele como de muitos da sala e isso n達o era problema nenhum, mas ele tinha gostos e costumes diferentes e por causa disso alguns(algumas) colegas n達o se aproximaram

dele

e

at辿

Eles(as) tinham preconceito.

n達o

falavam.


Fumaรงu indo para a escola com a sua mรฃe e seu pai.


Um dos estudantes da turma, o Marcos, não concordava com a atitude dos(as) colegas, porque

via todos os dias seu novo amigo triste e sozinho. Se só com os(as) colegas da classe já era difícil

para Fumuçu, imaginem agora quando outros(as) colegas da escola começaram fazer também

mesmo?

o

Ficou muito pesado para Fumuçu, ele

nem queria mais ir à escola.


Fumaçu sem vontade de ir à escola.


Marcos começou a se aproximar de Fumuçu para que ele não se sentisse triste e sozinho. Às vezes precisa conversar com ele antes de entrar na escola, pois Fumaçu nem queria passar pelo portão.


Marcos indo ajudar Fumaรงu na hora da entrada.


Comeรงou uma grande amizade entre eles e

sempre brincavam juntos.

Brincavam na escola e no bairro que moravam.


Marcos e Fumaรงu brincando na escola e onde moravam.


Aqueles(as)

colegas

que

desprezavam

Fumaรงu, comeรงaram a fazer o mesmo com Marcos. Marcos nรฃo entendia o que tinha feito de errado para que seus(suas) amigos(as) agissem assim com ele, pois eles(as) se conheciam hรก muito tempo.


“Amigos” de Marcos


Marcos resolveu procurar a professora para falar o que estava acontecendo e pedir a ajuda

para resolver o problema. A professora da turma aproveitou uma das suas aulas e ensinou uma

nova palavra: PRECONCEITO. Na realidade essa palavra não é nova, mas às vezes a gente

não sabe o significado e por isso a gente não entende quando tem preconceito com alguém ou

alguma coisa.


Marcos esperando para falar com a professora


A professora ainda contou que não é bom

ter preconceito e que a gente não deveria ter porque somos um povo colorido. Aqui no Brasil

somos uma mistura de muitas cores, ou seja raças, costumes e muito mais. Muitos(as)

colegas começaram a pensar melhor antes de tratar mal Fumuçu e a Marcos também.

Entenderam que ser amigo(a) de verdade é aceitar e procurar o bem do(a) outro(a).


A professora ensinado que somos todos uma mistura de cores e costumes.


Os/as colegas que não se aproximavam de Fumaçu, começaram a ver que ter preconceito não é legal. Afinal de contas, alguns gostos deles(as) eram bem parecidos com o do novo colega. Todos saíram ganhando com a chegada de Fumuçu.


Amigos n達o dependem de como s達o, mas de quem s達o. Amigos s達o amigos e ponto final!


Estudantes/Autores


 Allana Azevedo de França

Lucas da Silva Almeida

 Amanda Fernanda de Barros

 Lucas Francisco da Silva

 Andersonn Lucas Gonçalves Félix

 Marcelo Augusto da Silva

 Andriane Ferreira Cruz e Silva

 Nara Maria de Melo

 Bruno de Souza Guimarães

 Raíssa Vitória Feitosa dos Santos

 Cauã Guilherme da Silva Santiago  Débora Vitória de Albuquerque Silva  Fábio Francisco de Souza Araújo  Fabrício Lucas Feitosa Veiga  João Vítor Fernandes da Silva  Kimberly Cristine Oliveira dos Santos

 Rykelme Freitas Andrade  Sales Jerônimo Soares da Silva  Sandy Amaral Daltro  Vanessa Gabriela Clemente Santos

 Wellington da Silva Santos  Willams Felipe de Santana Teixeira

E TODOS OS ESTUDANTES QUE VIVENCIARAM ALGUNS MOMENTOS DO PROJETO, MAS POR ALGUM MOTIVO NÃO PERMANECERAM NA ESCOLA: ÁVILA, GIOVANA , KIMBERlLY, MADALENA.


PROFESSORA REGENTE ANA Dテ,IA LUNA


CRÉDITOS Autoria e ilustrações: Estudantes do 4º Ano E Orientação e Organização do livro Professora Ana Dácia Luna Apoio Pedagógico Grupo de Trabalho das Relações Étnico-raciais – GTERÊ Parecer do Livro Programa Manoel Bandeira

EQUIPE GESTORA DA ESCOLA MUN. EDUCADOR PAULO FREIRE Gestora: Rosana Patrícia de Santana Vice Gestora: Ruth Malafaia Coordenadora Pedagógica: Elizangela Barbosa


PRODUÇÃO Secretaria de Educação do Recife Walmar Correa de Andrade Secretária Executiva de Gestão Pedagógica Rogério de Melo Morais Unidade de Tecnologia – UTEC - Ibura Ana Paula Melo da Silva – Professora Multiplicadora


Amigos sao amigos  

Esse livro foi construído coletivamente pelos (as) estudantes do 4º. Ano E como como produto final do Projeto Ciranda da Leitura de...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you