Page 1

BEm-vindo Do lixo ao luxo Até o princípio do século passado, o lixo gerado reintegrava-se aos ciclos naturais e funcionava como adubo para a agricultura. Naquela época, os resíduos faziam valer a frase do pensador: “na natureza nada se perde, tudo se transforma...”. E, assim, o material decomposto por milhões de microorganismos servia como nutriente para outras formas de vida e o ciclo natural se completava. Hoje, a situação mudou de figura. Com a industrialização e concentração da população nas grandes cidades, passamos a extrair uma quantidade absurda de matérias-primas em prol do “progresso” das nações. A urbanização tirou do lixo o seu luxo, que se transformou em um grande e constante problema para a sociedade moderna. Montanhas com os mais variados tipos de lixo são produzidas diariamente, tornando-se uma perigosa fonte de poluição e de doenças. Ok, a situação é urgente, mas passível de ser revertida. Se o conceito de “desenvolvimento sustentável” já é mania global, reformular nossa concepção a respeito do lixo, hoje, precisa ser prioridade. Na partida, que tal deixarmos de encarar o lixo como “resto inútil”, para percebê-lo como algo que pode ser transformado em matéria-prima a ser reintegrada ao ciclo produtivo? O segredo está no Princípio dos Três Erres (3R’s): reduzir, reutilizar e reciclar. Como os resíduos existem e não podem ser acumulados dentro de nossas casas, é preciso aumentar o ciclo de vida dos materiais e a vida útil dos aterros sanitários.

Sumario Editoral 1-2 Ponto de vista 3-4 Entrevista 5-6 matérias 7- 10 case de sucesso 12-13 Dicas - fazer em casa 14-15

Pag1  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you