Page 28

Quando a coleta de imagens for finalizada, o aplicativo inicia a “costura” ou “agrupamento” para criar a fotoesfera propriamente dita. Uma animação com o Pegman é exibida na tela e o andamento do processo pode ser acompanhado em tempo real. No dispositivo móvel uma mensagem é mostrada para informar que o procedimento foi bem sucedido. Se no local em que estiver não houver WiFi, utilize o 3G ou 4G, mas lembre-se de alterar as “Configurações” do aplicativo. Na aba “Privadas” sua fotoesfera é exibida, mas ainda falta associar uma geolocalização. Clique em “Adicionar um lugar”, recurso que é mostrado no canto inferior esquerdo da miniatura da fotoesfera. Você pode selecionar o lugar a partir de uma lista de itens já mapeados no Google Maps, ou pode fazer uma busca para “Procurar um lugar”. Esse procedimento necessariamente requer conexão à Internet e o GPS ativado para facilitar a geolo. calização. Tendo selecionado o lugar, clique em

Tendo adicionado o lugar à fotoesfera é exibido um aviso “Lugar salvo”, clique em “Selecionar” e depois clique na fotoesfera a ser selecionada. Clique no ícone para fazer upload da fotoesfera ao Google Maps.

Uma caixa de diálogo é exibida contendo esclarecimentos e depois de ler clique em “Publicar”. Em seguida é mostrado o status “Publicando” e quando o procedimento finalizar a fotoesfera é exibida em seu “Perfil”. Agora que sua fotoesfera foi submetida ao Google Maps você pode divulgar sua iniciativa. Selecione a fotoesfera e clique em “Compartilhar”. Selecione uma opção, por exemplo, o Google+. Uma mensagem e um link são automaticamente sugeridos. Se desejar, informe seu local e publique a postagem no Google+.

28

MundoGEO 83 | 2015

A postagem compartilhada no Google+ contém um link e uma miniatura para a fotoesfera. No computador, ao clicar nessa miniatura a fotoesfera é exibida dinamicamente na tela. Se desejar, adicione uma legenda. Entre no Google Maps e a partir do menu exiba suas “Contribuições”. Na aba “Fotos” acesse suas fotoesferas publicadas no Google Maps. O exemplo abaixo está disponível neste link: https://goo.gl/9d0P47.

Cada fotoesfera aprovada e publicada pode ser visualizada no Google Maps. No canto superior esquerdo são exibidos o nome e a foto da pessoa que contribuiu, além da data de publicação. Ao fazer uma busca pelo nome do lugar no Google Maps é possível constatar que a fotoesfera agora complementa o Street View. No exemplo deste tutorial o lugar é a Unesp - Câmpus de Presidente Prudente. O Street View app também permite a aquisição de panoramas, ou seja, a sequência de imagens formando somente uma faixa horizontal. Os procedimentos são semelhantes aos descritos para fotoesferas. Uma foto, fotoesfera ou panorama publicado no Google Maps pode ser compartilhado, basta clicar no canto superior esquerdo e escolher “Compartilhar ou incorporar imagem”.

Escolha entre URL longo ou curto, copie o link e compartilhe com outras pessoas. Tendo finalizado, clique em “X” no canto superior direito da caixa de diálogo.

Revista MundoGEO 83  
Revista MundoGEO 83  
Advertisement