Page 1

Medicina Felina Essencial

Guia prático

Guia prático Giovana Adorni Mazzotti Marcello Rodrigues da Roza

Giovana Adorni Mazzotti Marcello Rodrigues da Roza

O gato é realmente um paciente diferente! Uma espécie diferente! Que necessita de cuidados particulares! Foi pensando nisto que os organizadores desta obra reuniram um grande time de autores, com reconhecida expertise e experiência em suas áreas de atuação, para resumir em capítulos curtos e concisos as mais frequentes alterações que acometem os gatos. Pensado de maneira segmentar – dividido em especialidades – Medicina Felina Essencial: Guia Prático é uma obra de referência e de consulta obrigatória a todos os Médicos Veterinários que atendem pequenos animais, pois sistematiza o acesso à consulta rápida e eficiente nas mais diversas situações.

Medicina Felina Essencial

equalis editora

equalis editora


Medicina Felina Essencial Guia prรกtico


Medicina Felina Essencial Guia prรกtico Giovana Adorni Mazzotti Marcello Rodrigues da Roza

equalis editora


EDITORA EQUALIS - Edição de Livros e Organização de Cursos LTDA - EPP Rua Doutor Jofre Cabral e Silva, No 163, Jardim Social, Curitiba - PR, Cep: 82.520-270 www.equalis.com.br (41) 3357 - 2852

Projeto gráfico, capa e Diagramação Anderson Moreira Lima (gupodesign.com.br)

M477m Mazzotti, Giovana Adorni. Medicina felina essencial: guia prático. / Giovana Adorni Mazzotti e Marcello Rodrigues da Roza. -- Curitiba: Equalis, 2016. 998f.: il. ISBN: 978-85-92630-01-0 1.Felinos. 2.Gatos. 3.Medicina veterinária. I. Título. II.Roza, Marcello Rodrigues da.

CDD: 636.8 Ficha catalográfica: Bibliotecária Keina Cristina Santos Sousa - CRB15 120 Proibida a reprodução total ou parcial, de qualquer forma ou por qualquer meio. A violação dos direitos do autor (Lei n. 9.610/98) é crime estabelecido pelo artigo 184 do Código Penal. Depósito legal na Biblioteca Nacional conforme Decreto n. 1.825, 20 de dezembro de 1907.


Dedico essa obra aos meus pais, que sempre acreditaram que o maior patrimônio que se possa dar a uma filho é a cultura e a educação. Ao meu esposo, Ulisses Toledo, por seu amor, amizade, lealdade, companheirismo e confiança. Àqueles que se dedicam para fazer uma medicina veterinária de excelência. A todos os gatos, criaturas divinas. Giovana Adorni Mazzotti

À Amanda Roza, minha filha, com um amor e um orgulho que não cabem em mim. Dedico. Marcello Rodrigues da Roza


Apresentação

A realização de nossos sonhos é o que torna o caminhar da vida gratificante, e hoje como médico veterinário posso testemunhar o longo trajeto que já percorremos e a imensa estrada de oportunidades que ainda temos pela frente. Este sonho começou a se tornar realidade em 2003 e nesse tempo perseveramos na busca pela excelência na Medicina Veterinária, por meio do ensino de alta qualidade, com corpo docente reconhecido e enfoque prático, em cursos presenciais de atualização e pós-graduação. Indo além, já em 2009 implantamos nosso sistema de educação a distância, com alta tecnologia, recursos e com professores de destaque e programação sempre a frente das necessidades do profissional e de mercado, com ações complementares inovadoras em vários aspectos, trazendo para um público cada vez maior os benefícios de congressos e simpósios online. Seguindo sua vocação de centro de capacitação e excelência na área, a Equalis, em 2016, avança em mais uma seara na educação continuada com o lançamento da Editora Equalis com o objetivo de publicação de conteúdos de profissionais renomados em obras inéditas. O primogênito, “Medicina felina essencial: Guia prático”, sob a coordenação geral dos professores D.Sc. Marcello Roza e M.Sc. Giovana Mazzotti, vem para contribuir em muito ao médico veterinário em rápidas consultas atendendo às mais variadas especialidades na medicina felina, otimizando tempo e resultados, pois o livro é objetivo e prático, com conteúdos desenvolvidos pelos melhores profissionais na área. Este novo caminho serve de motivação para continuar a fazer da Equalis um centro de excelência a serviço do Médico Veterinário, antecipando ao profissional o que há de mais atual e necessário. Mas nosso caminhar não se cumpre sozinho, quero agradecer a toda família Equalis: Hugo dos Anjos, Karina dos Anjos Kera, funcionários, professores, alunos, colaboradores e em especial a minha esposa Aparecida dos Anjos pela inestimável contribuição na realização desse meu sonho em favorecer a qualificação e educação continuada de meus colegas na medicina veterinária.

Antonio Roberto dos Anjos Sócio Fundador da Equalis


Prefácio

O livro Medicina Felina Essencial 
Guia Prático foi idealizado de forma impecável para ajudar o médico veterinário no atendimento dos gatos domésticos em suas dúvidas mais comuns. Oferece informações essenciais através de uma consulta rápida e objetiva pelas diferentes áreas da medicina felina. Escrito por profissionais renomados e especializados que transmitem seus conhecimentos com clareza e abrangência. Apresenta um encadeamento de temas julgados pertinentes na rotina clínica e cirúrgica dos gatos, apresentados numa sequência desde o entendimento da importância da contenção física e química em felinos, passando pelas principais afecções neurológicas, genitourinárias, doenças infectocontagiosas, dentre outras… chegando ao tão desejado pelos médicos veterinários e pelas associações de medicina felina aos procedimentos no ambiente hospitalar para gatos. Seu maior mérito está em abordar temas atuais escolhidos pelos seus editores e autores que viram a necessidade de fazer uma medicina felina com excelência e não mediram esforços para que os temas abordados entretenham a todos. Almejo, que este livro venha atender à demanda por informações acerca dos principais tópicos sobre a medicina felina em nosso país.

Heloisa Justen


Editores

Giovana Adorni Mazzotti Formada em Medicina Veterinária em 2002, na Universidade Estadual do Norte Fluminense (UENF) - RJ. É membro fundador da Academia Brasileira de Clínicos de Felinos (ABFeL) Fez pós-gradução em Clínica e Cirurgia de Pequenos Animais. Em 2007, recebeu o título de mestre em Biologia Animal pela UnB, no tema neuroetologia de gatos domésticos. Atualmente cursa doutorado em Ciências Animais pela UnB, é consultora científica de revista na área de Medicina Felina, é membro da American Association of Feline Practioneers (AAFP), membro diretor da ABFeL, e professora de graduação e pós-graduação em Medicina Felina. É proprietária e veterinária do Médica do consultório Giovana Mazzotti Medicina Felina, em Brasília - DF.

Marcello Rodrigues da Roza O Dr Marcello Rodrigues da Roza é Médico Veterinário formado em 1989 pela Universidade Federal de Goiás (UFG). Após concluir a graduação atuou como clínico de pequenos animais e fez pósgraduação em Biossegurança na Escola Nacional de Saúde Pública - ENSP/FIOCRUZ. Posteriormente fez mestrado em Ciências Médicas na Faculdade de Medicina da Universidade de Brasília (FM/UnB) e doutorado em Ciência Animal na Universidade Federal de Goiás. Atualmente está finalizando seu pós-doutorado na Universidade Estadual do Norte Fluminense (UENF). É autor dos livros Biossegurança em Ambientes Hospitalares Veterinários, Odontologia em Pequenos Animais, Princípios de Odontologia Veterinária e Dia a Dia: Tópicos Selecionados em Medicina Veterinária. Ocupa atualmente os cargos de Coordenador do programa de educação continuada da WSAVA para a América Latina, Presidente da ANCLIVEPA BRASIL e Secretário-Geral do CFMV.


Colaboradores Anestesiologia

Coordenadora e autora: Larissa Borges Cardozo

Neurologia

Coordenador: Bruno Benetti Junta Torres Autores: Bruno Benetti Junta Torres, Bernardo De Caro Martins e Sílvia Corrêa

Oncologia

Coordenador: Andrigo Barboza De Nardi Autores: Andrigo Barboza De Nardi, Jorge Luis Alvarez Gómez, Marília Gabriele Prado Albuquerque Ferreira, Oscar Rodrigo Sierra Matiz, Sabrina Marin Rodigheri e Thaís Rodrigues Macedo

Sistema Genitourinário

Coordenadora: Giovana Adorni Mazzotti Autores: Giovana Adorni Mazzotti, Marcela Corrêa Scalon e Priscilla de Barros Moraes

Emergência

Coordenador: Nuno Paixão Autores: Andressa Fernanda Rigo, Karoline Figueiredo Camargo, Lucas Rabaça do Santos, Nathany Agostini, Nuno Paixão, Reginaldo Pereira Sousa Filho, Rita Teles, Thaysa Fon Sttret e Veruschka Kellermann Brauer

Ortopedia

Coordenador: André Lacerda de Abreu Oliveira Autores: Alessandra Castello da Costa, André Lacerda de Abreu Oliveira, Fabiane Azeredo Atallah, Heloisa Justen Moreira de Souza, Jussara Peters Scheffer, Lorrana Abdu Licassali, Matheus Roberto da Mota Costa, Ricardo Siqueira e Silvia Marcela Ruiz Cadena

Sistema Respiratório

Coordenador: Myrian Katia Iser Teixeira Autores: Bianca Moreira de Souza, Elayne Cristina da Costa, Fabiana Luiza Lima, Gabriela Castro Lopes, Goulart Torre, Jéssica Passos Faria e Myrian Katia Iser

Procedimentos no Ambiente Hospitalar Coordenador: Giovana Adorni Mazzotti Autores: Giovana Adorni Mazzotti e Paulo Tabanez

Dermatologia

Coordenador: Romeika Reis Lima Autores: Hayla Kristine Paes Porto, Laura Cristina Pinho de Oliveira, Luciano Marra Alves e Romeika Reis Lima

Odontologia

Coordenador: Marcello Roza Autores: Floriano Pinheiro Silva, Marcello Rodrigues da Roza, Rodrigo Luis Morais da Silva, Sérgia Beatriz dos Santos Santana e Oscar Fernando Tirado Estupinan


Endocrinologia

Coordenador: Myrian Katia Iser Teixeira Autores: Bianca Moreira de Souza, Myrian Kátia Iser Teixeira e Taciana Dala Rosa Bezerra Cavalcanti

Cirurgia

Coordenador: Cristiano Rodrigo Nicomedes da Silva Autores: Bianca Moreira de Souza, Cristiano Rodrigo Nicomedes da Silva e Diogo Joffily

Doenças Infectocontagiosas

Coordenador: Maria Alessandra Martins Del Barrio Autores: Aline Santana da Hora e Maria Alessandra Martins Del Barrio

Intoxicações

Coordenadora e autora: Christine Souza Martins

Métodos Diagnósticos

Coordenador: Naida Cristina Borges Autores: Fernanda Gomes Velasque Gama, Franco Metzker Poggiani, Jéssica Horvath Miranda, Marcio Antonio Batistela Moreira, Naida Cristina Borges e Nathália Bragato

Oftalmologia

Coordenador: Mário Sérgio Almeida Falcão Autores: Cristiane de Oliveira Seide, Gabrielle Fornazari, Leandro Arévalo Prieto e Mário Sérgio Almeida Falcão

Sistema Digestório

Coordenador: Myrian Katia Iser Teixeira Autores: Christine Souza Martins, Fabiana Luiza Lima Goulart e Myrian Kátia Iser Teixeira

Cardiologia

Coordenador: Moacir Leomil Neto Autores: Diego Thomaz Pereira, Guilherme Gonçalves Pereira, Marcela Wolf, Moacir Leomil Neto e Ronaldo Jun Yamato

Hepatobiliar e Pancreático

Coordenador: Christine Souza Martins Autores: Christine Souza Martins e Myrian Kátia Iser Teixeira

Miscelânea

Coordenador: Giovana Adorni Mazzotti Autores: Alessandra Castello da Costa, André Lacerda de Abreu Oliveira, Giovana Adorni Mazzotti, Jussara Peters Scheffer, Leticia Mattos de Souza Dantas e Raquel Calixto


Sumário Anestesiologia, 17 Contenção física e química em felinos, 19 Medicação pré-anestésica, 25 Anestesia intravenosa, 29 Anestesia inalatória, 33 Anestesia local, 37 Monitoração da anestesia e complicações, 41 Procedimentos ambulatoriais, 45 Dor – classificação e avaliação, 49 Analgesia – fármacos e protocolos, 53 Reanimação cérebro-cárdio-pulmonar, 57

Ortopedia, 307 Complicações em fraturas, 309 Displasia coxofemoral em gatos, 313 Estenose de pelve pós trauma de quadril, 317 Fraturas de fêmur, 321 Fratura de rádio e ulna em felinos, 327 Luxação coxofemoral em gatos, 331 Luxações tibio-társicas, 335 Principios da fixação interna de fraturas, 339 Ruptura de ligamento cruzado em felinos, 343 Síndrome do gato voador, 347

Neurologia, 61

Sistema Respiratório, 351 Asma felina e bronquite crônica, 353 Dispneia no paciente felino, 359 Doenças do trato respiratório superior felino, 363 Efusões pleurais, 371 Fibrose pulmonar em felinos, 377 Neoplasias pulmonares, 381 Parasitas pulmonares, 385 Piotórax, 389 Pneumonias bacterianas, virais e fúngicas, 391 Pneumotórax, 395 Quilotórax, 397

Exame Neurológico, 63 Afecções neuromusculares em felinos, 71 Mielopatias, 75 Trauma medular, 81 Trauma crânio-encefálico, 89 Crises epilépticas e epilepsia felina, 95 Síndrome da hiperestesia felina, 99 Síndrome vestibular, 103 Neoplasias encefálicas, 111 Hidrocefalia, 115

Oncologia, 123

Carcinoma de células escamosas, 125 Desordens relacionadas ao mieloma em felinos, 131 Linfoma alimentar, 137 Linfoma extranodal, 145 Linfoma mediastinal, 153 Mastocitoma, 159 Neoplasias mamárias, 165 Neoplasias pancreáticas em felinos, 169 Sarcomas de aplicação, 175 Síndromes paraneoplásicas em felinos, 181

Sistema Genitourinário, 189

Doenças do trato urinário caudal – DTUCaF, 191 Cistite idiopática felina, 195 Cistite bacteriana, 199 Urolitíases, 203 Obstrução uretral, 207 Injúria renal aguda, 215 Doença renal crônica, 219 Pseudocisto perirenal, 225 Rins policísticos felino, 229 Hiperplasia mamária, 233

Emergência, 237 Abordagem do paciente felino com abdome agudo, 239 Bem-estar felino na unidade de cuidados intensivos, 249 Coagulação intravascular disseminada, 257 Fluidoterapia em felinos na emergência, 263 Regra dos 20 da monitorização em pacientes felinos, 271 Suporte nutricional para o paciente felino, 281 Pancreatite na Unidade de Emergência, 287 Reanimação cardiopulmonar (RCP) em gatos, 293 Recepção de urgência de felinos, 299

Procedimentos no Ambiente Hospitalar, 401

A clínica amiga do gato, 403 Colheita de sangue, 409 Colheita de urina, 413 Fluidoterapia básica na rotina clínica, 417 Imunização vacinal, 425 Métodos físicos de contenção, 431 Métodos de alimentação em felinos, 437 O exame clínico do gato, 443 Punção de medula óssea, 447 Transfusão sanguínea, 451

Dermatologia, 455 Alopecia simétrica bilateral felina, 457 Complexo granuloma eosinofílico felino, 465 Criptococose, 475 Dermatite actínica felina, 481 Dermatofitose, 483 Esporotricose, 489 Lepra felina, 493 Micobacteriose tegumentar, 499 Queiletielose e pediculose, 505 Sarna otodécica e notoédrica, 509 Odontologia, 513 Anquilose temporomandibular, 515 Comunicações oronasais, 517 Exodontia do dente canino, 521 Fraturas dentárias, 525 Fraturas de mandíbula, 529 Complexo gengivite estomatite linfocítico-plasmocitária, 533 Manifestações orais do granuloma eosinofílico, 537


Lesão de reabsorção dentária dos felinos, 539 Luxação temporomandibular, 543 Open-mouth locking, 545

Endocrinologia, 549

Acromegalia, 551 Desordens da glândula paratireoide em felinos, 555 Diabetes mellitus, 561 Hiperadrenocorticismo, 569 Hipertireoidismo felino, 575 Hipoadrenocorticismo felino, 583 Hipotireoidismo felino, 587 Neoplasias endócrinas, 591 Obesidade felina, 595 Hiperaldosteronismo em felinos, 603

Cirurgia, 605

Cesariana, 607 Cistotomia, 613 Colectomia, 619 Enterotomia, 623 Esofagostomia, 629 Mastectomia, 635 Tireoidectomia, 639 Toracostomia para inserção de tubo, 643 Uretrostomia perineal, 647

Doenças Infectocontagiosas, 653

Calicivirose felina, 655 Clamidiose, 661 Coronavírus felino, 669 Herpesvírus felino, 675 Leishmaniose visceral felina, 679 Micoplasmose hemotrópica (anemia infecciosa), 687 Panleucopenia felina, 693 Retroviroses felinas, 699 Toxoplasmose, 711

Intoxicações, 723 Particularidades do metabolismo felino, 725 Intoxicação pelo paracetamol, 727 Intoxicações por ácido acetil salicílico (aspirina), anti-inflamatórios e antissépticos urinários, 733 Intoxicação por rodenticidas, 737 Intoxicações por inseticidas organofosforados, carbamatos e piretrinas/piretróides, 741 Protocolos gerais de descontaminação do gato intoxicado, 745 Metodos Diagnósticos, 749

Análise citológica na medicina felina, 751 Endoscopia digestiva alta, 759 Diagnóstico laboratorial das principais endocrinopatias em felinos, 767 Particularidades do hemograma em felinos, 769

Avaliação do perfil hepático, 773 Microbiologia, 779 Avaliação laboratorial do pâncreas, 783 Avaliação laboratorial do sistema urinário, 787 Radiologia abdominal em felinos, 789 Radiologia dos ossos e articulações em felinos, 793 Radiologia torácica em felinos, 797 Ultrassonografia hepatobiliar e gastrintestinal, 803 Ultrassonografia genitourinária em felinos, 809

Oftalmologia, 813

Anatomia e fisiologia ocular, 815 Avaliação oftálmica em felinos, 819 Glaucoma felino, 825 Ceratite ulcerativa em gatos, 831 Coloboma palpebral felino, 837 Considerações gerais sobre as conjuntivites em gatos, 841 Oftalmopatias selecionadas da córnea e da úvea felina: Florida spots e alterações melanocíticas da úvea anterior, 847 Proptose traumática de bulbo ocular em felinos, 851 Retinopatia hipertensiva, 855 Sequestro corneano, 859

Sistema Digestório, 863

Cavidade oral, 865 Disfagia, regurgitação e doenças do esôfago, 871 Abordagem diagnóstica do vômito, 877 Diarreia no paciente felino, 883 Constipação e megacólon, 889

Cardiologia, 895 Cardimiopatia hipertrófica em felinos, 897 Hipertensão arterial sistêmica em felinos, 905 Cardimiopatia restritiva felina, 911 Tromboembolismo em gatos, 915 Hepatobiliar e Pancreático, 919 Colangite, 921 Pacreatite, 927 Lipidose hepática felina, 935

Miscelânea, 945 Eliminação inapropriada felina, 947 História natural do gato, 955 Marcação territorial em felinos, 957 Transplante renal, 961 Tromboembolismo aórtico: tratamento cirúrgico, 967 Ureterolitíase: tratamento microcirúrgico, 971 Apêndices, 977

Dosagem de fármacos para felinos, 979 Referências dos parâmetros hematológicos de gatos adultos, 994 Fases da vida do gato, idade e equivalência com seres humanos, 995 Tabela de conversão de peso em Kg em m2, 996


Procedimentos Ambiente Hospitalar

Coleta de urina Giovana Adorni Mazzotti

Gatos são animais frequentemente acometidos por problemas tanto no trato urinário cranial, quanto caudal. Assim, o exame da urina faz-se essencial em diversas condições, tais como micção em local inadequado, cistite, diabete mellitu, insuficiência renal, entre outras. O exame de urina traz informações cruciais para o clínico de felinos, devendo ser uma rotina. Os métodos de coleta de urina em gatos são: a coleta de urina da caixa sanitária (sem areia e previamente limpa ou em areia não absorvente específica para coleta); coleta por micção natural; coleta por compressão manual da vesícula urinária; coleta por sonda uretral; e coleta por cistocentese guiada por ultrassom ou às cegas. A cistocentese é o método de eleição e o mais amplamente realizado na medicina felina. A coleta da urina da caixa sanitária, a micção natural e a compressão manual da vesícula urinária fornecem amostras contaminada, não sendo possível realizar todas as análises com segurança. A compressão manual da vesícula urinária é restrita para animais sob anestesia ou sem sensibilidade nervosa nessa região, pois para que haja a expulsão da urina sem risco de injúria, a musculatura da uretra deve estar relaxada. A coleta por sonda uretral é um método que só deve ser realizado em gatos sob anestesia ou sem sensibilidade nervosa nessa região. A luz da uretra dos gatos é extremamente fina, e sua musculatura se contrai com a passagem de sonda ultrafina lubrificada. Essa contração faz com que o atrito cause pequenos ferimentos na mucosa que, ao ser reparada, ocasiona estenose uretral. Ademais, gatos normalmente não aceitam a manipulação de pênis/vagina, sendo um fator de dor e estresse intenso. Esse método de coleta é utilizado nos casos de animais com obstrução uretral sob anestesia, pois permite tanto a urinálise quanto o esvaziamento da bexiga. A cistocentese consiste na aspiração da urina diretamente da vesícula urinária. Esse é o método de eleição por fornecer amostra de urina sem contaminação, é simples de ser realizado, causa pouco incômodo ao animal, sendo considerado minimamente invasivo. Para a realização desse procedimento o animal pode estar deitado em decúbito lateral, em decúbito dorsal, em semi decúbito dorsal, sentado ou até mesmo em estação (Figura 1). A escolha da posição é aquela que o paciente se sentir mais confortável, sendo obrigação do médico veterinário estar apto a realizar o procedimento em todas elas. 409


Medicina Felina Essencial - Guia prático

Figura 1 – Posições do gato para a realização da cistocentese. A – Decúbito lateral; B Decúbito dorsal; C – Semi decúbito dorsal. Observe que em nenhum momento o gato é esticado, ao contrário, permanece com os membros confortavelmente relaxado e recebe carinho enquanto o procedimento é realizado.

A

B

B

C 410

C


Procedimentos Ambiente Hospitalar

Figura 2 – Passo a passo da cistocentese. A vesícula urinária é palpada e gentilmente tracionada no sentido da parede do abdome, onde será feita a antissepsia no local da introdução da agulha. A agulha acoplada a uma seringa é introduzida e um ângulo de aproximadamente 45º com a parede do abdome, no sentido crânio caudal. O êmbolo da seringa é tracionado e à medida que a vesícula urinária é esvaziada, ela diminui sei tamanho, saindo naturalmente do seu interior. A introdução da agulha na angulação e no sentido corretos impedem que o bisel da agulha corte a bexiga à medida que ela diminui de tamanho, evitando rompimento do órgão. Ao término da coleta, primeiro retira-se a seringa com a agulha do abdome, depois solta-se a bexiga, medida que também evita lesões.

A cistocentese pode ser feita guiada por ultrassom ou às cegas, quando o clínico palpa o abdome do animal e traciona gentilmente a mesma no sentido da musculatura abdominal onde será inserida a agulha. O ultrassom facilita a coleta por permitir visualização da bexiga cuja palpação está difícil, principalmente em bexigas pouco distendidas e animais muito obesos . Realiza-se a antissepsia do local e então insere-se a agulha (25 x 7G) acoplada à seringa (10 ou 20ml para aspirar um volume adequado para o exame laboratorial). A inserção correta da agulha e sua retirada são pontos cruciais para o sucesso do procedimento sem lesionar a bexiga. A agulha deve ser inserida craniocaudalmente, em um ângulo de 45º com a parede do abdome. Assim, quando a bexiga diminuir de tamanho pela retirada da urina, a agulha sai de seu interior sem cortar a parede com o bisel. Após aspirar o volume desejado, retira-se a agulha para somente então soltar a bexiga, evitando dessa maneira que o bisel da agulha cause injúrias (Figura 2). Em animais obesos, a cistocentese é mais facilmente realizada com a inserção da agulha pela parede lateral do abdôme, pois gatos acumulam mais gordura na parte ventral (Figura 1 A).

411


Medicina Felina Essencial - Guia prático

Referências ANSEEUW, E. et al. Handling cats humanely in the veterinary hospital. Journal of Veterinary Behavior: Clinical Applications and Research, v. 1, n. 2, p. 84-88, 2006. RODAN, I. Understanding the cat and feline-friendly handling. IN: LITTLE, S. The cat – clinical medicine and management. Missouri: Elsevier, 2012, cap. 1. RODAN, I. et al. AAFP and ISFM feline-friendly handling guidelines. Journal of Feline Medicine and Surgery, v. 13, n. 5, p. 364-75, 2011.

412


Medicina Felina Essencial

Guia prático

Guia prático Giovana Adorni Mazzotti Marcello Rodrigues da Roza

Giovana Adorni Mazzotti Marcello Rodrigues da Roza

O gato é realmente um paciente diferente! Uma espécie diferente! Que necessita de cuidados particulares! Foi pensando nisto que os organizadores desta obra reuniram um grande time de autores, com reconhecida expertise e experiência em suas áreas de atuação, para resumir em capítulos curtos e concisos as mais frequentes alterações que acometem os gatos. Pensado de maneira segmentar – dividido em especialidades – Medicina Felina Essencial: Guia Prático é uma obra de referência e de consulta obrigatória a todos os Médicos Veterinários que atendem pequenos animais, pois sistematiza o acesso à consulta rápida e eficiente nas mais diversas situações.

Medicina Felina Essencial

equalis editora

equalis editora

Livro Medicina Felina Essencial - Guia Prático  

Um guia prático de medicina felina do jeito que o médico veterinário precisa: pontual, de qualidade, objetivo e ainda escrito pelos melhores...

Livro Medicina Felina Essencial - Guia Prático  

Um guia prático de medicina felina do jeito que o médico veterinário precisa: pontual, de qualidade, objetivo e ainda escrito pelos melhores...

Advertisement