Page 1

ABAV 2011 Feira das AmĂŠricas 19 a 21/10/2011


SUMÁRIO

Edição 209– Ano 21 – Setembro 2011.

e 10º Prêmio Ecoturismo e Justiça Climática pg-10

50 anos do Complexo Educacional Santa Cecília pg -14

9º Seminário Internacional de Sustentabilidade pg-10

Rodovia do Pacífico Sonho virou realidade pg-6

Feira das Américas – ABAV. 19, 20 e 21 de outubro de 2011. pg- 26

CUBATÃO PODE SER MODELO DE TRANSFORMAÇÃO AMBIENTAL. pg -24

sustentabilidade 2

Revista Ecoturismo

Revista Ecoturismo

3


EDITORIAL Uma publicação de H. J. Jornais e Revistas de Turismo Ltda ME. Edição 209 - Ano 21 - Setembro 2011 Hércules Góes – MTB 15.973 Diretor e Editor Paulo Corrêa Diretor Adjunto André Vinícius G. Góes Diretor Comercial Hércules Magnus G. Góes Editor Assistente e Mídias Eletrônicas. Olinda Marinho Diretora Executiva Jacira G. Gonçalves Góes Editora Assistente Martin Augusto G. Góes Editor de Fotografia, Design e Eventos Dóris e Jens Ruschmann Conselho Editorial Maurício Baltazar de Lima Consultor Jurídico Luiza Lobo Coordenação de Reportagem Marla Maria Assistente de Comunicação James de Castro Design Gráfico Correspondentes nacionais e estrangeiros: Marta Mara Lobo Correspondente Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Paraná Robinson Barroso e Washington Costa Correspondentes Sergipe e Bahia Remi Moraes Correspondente Maranhão Viviane Farina Correspondente Ceará José Barbosa Leite Neto Correspondente São Paulo – Capital Randolph Scooth Correspondente no Amapá Dárius Vaquer e Fernando Barbosa Correspondentes em Rondônia Artur Hugen Correspondente em Brasília Léo Madeira Diretor Internacional EUA e Canadá Wagner Santiago Correspondente em Nova Iorque Rafael Ayres Correspondente em Los Angeles e São Francisco Escritórios: Nacionais: • Santos/SP - Avenida Pedro Lessa, 2721, Sala. 21, Aparecida, Santos / SP, CEP. 11025-003. Tel. (13)3223.9650/ (13)9102.4451 Internacionais: Santa Monica, Venice e California Simone Alexandrino tel: 626 2642992, monealexandrino@hotmail.com • Los Angeles South withmer street 503 tel: 213 2800651 • Los Angeles (USA) - Magnus Góes( 415, S.Berendo, ST 309, zip cod 900-20) • MERCOSUL – Verônica Calmucci (Rosales 268, piso 8, depto 1, CP 1704, Ramos Mesia, tel. 0054.11.4661.6817, veracalmucci@hotmail.com) • Buenos Aires (Argentina)- Mirta F. Ramos (Las Heras, 3892, piso 9, tel. 0054.11.4806.5163, ramos.mirta@hotmail.com) • Portugal – Jefferson Martiniano (Apartado 82, CP 4610, Felgueiras, tel. 0021.351.255482.611 / 963.609736, pastor.jeferson@hotmail.com)

4

Revista Ecoturismo

Artigos

A Revista Ecoturismo do mês setembro traz algumas matérias extremamente importantes e se debruça sobre temas que realmente vão incomodar a humanidade nos próximos 40 anos. Segundo especialistas de renomada credibilidade, o planeta Terra, nossa Casa de Passagem, está recebendo toneladas de gases de efeito estufa, CO2 e outros menos conhecidos e que por conta da pecuária extensiva, do desmatamento da Amazônia, da utilização obsessiva de veículos automotores, o mundo não resistira ao aquecimento global nem para a próximas 4 décadas. Estudos do Banco Mundial analisam que as próximas duas décadas serão fundamentais para uma retomada da redução dos altos índices de emissão de gases na atmosfera, o que tem causado um déficit contra o planeta de bilhões de quilos de gases nefastos. Ou seja, se as empresas, governos, entidades, academias e pessoas físicas não mudarem os hábitos como a utilização excessiva de automóveis, de viagens intercontinentais e de consumo de carne vermelha, o planeta dirá que não resiste e as conseqüências serão trágicas, como já temos assistido com tanta veemência em todos os lados e até aqui no Brasil, o metano já mostrou sua cara no Shopping Center Norte paulista. Precisamos urgente de uma nova governança global, incluindo notadamente a China que tem sido a maior poluidora do planeta, sem qualquer responsabilidade com o conjunto das outras nações e só vendo o desenvolvimento sem conseqüências ambientais para o planeta terra, líder que é do desmatamento e poluição industrial com suas empresas que crescem louca e aceleradamente sem controle algum. O turismo responsável pode ser uma das tábuas de salvação de modelos de equilíbrio das comunidades planetárias ,como já vem apregoando por exemplo a Associação Odebrecht Peru com a nova Carretera que corta o Peru, desde o Pacifico ate o Atlântico, permeando turismo responsável nas populações no entorno da estrada que finalmente liga o Brasil nas duas costas oceânicas. Como um hub da integração latino americana, a capital das Hidrelétricas do Rio Madeira, surge nos últimos anos, como um hub da Sustentabilidade e parada obrigatória das mais importantes cabeças do planeta no apontamento de soluções climáticas para a Cop l7 e Rio + 20 e já vem sendo considerada pela mídia como a Capital da Seleção Planetária da Sustentabilidade, o que deverá ocorrer nos dias l7 e l8 de novembro no IX Seminário Internacional de Sustentabilidade e X Prêmio Ecoturismo e Justiça Climática, na Faculdade São Lucas naquela capital amazônica. Turismo e meio ambiente como fator sinergético da sustentabilidade do planeta é a leitura do mês de setembro que se abre para o último trimestre de 20ll, o Ano Internacional das Florestas e Rondônia como dona de grandes pedaços desta floresta é o hub da Sustentabilidade Ambiental as vésperas da Rio + 20. Hércules Góes , ativista ambiental, fundador do Jornal e Revista Ecoturismo e autor dos livros Bloco Norte do Mercosul as Saidas para o Pacifico e Perspectivas Econômicas da Amazônia. 27 anos de serviço em prol do desenvolvimento sustentável da Amazônia, participou da COP 17 como delegado oficial brasileiro presidindo o Fórum Permanente de Sustentabilidade da Amazônia e delegado da Fundação Vale do Guaporé na ECO 92. Foi um dos signatários da Carta da Terra e se prepara para a Rio + 20 como observador ambiental.

Turismo & Economia Social A incorporação do turismo como uma atividade plenamente associada à sustentabilidade em toda sua concepção, social, econômica e ambiental , nos obriga a estabelecer programas e projetos com a ótica de pensar o futuro e de valorizar os atributos próprios de cada comunidade. No caso do estado do Rio de Janeiro a Secretaria de Estado de Turismo, através de sua Companhia de Turismo a TurisRio, está estabelecendo as matrizes de uma ampla gama de projetos nessa direção, denominado Programa de Desenvolvimento do Turismo Social.

Estamos estabelecendo as bases e somando forças para a consolidação do turismo social no Rio de Janeiro

Os principais objetivos são os de : Implantar e desenvolver ações de planejamento econômico turístico atraindo recursos para investimentos; Apoiar e fiscalizar políticas públicas integradas à sociedade civil e à iniciativa privada para tornar o segmento referência nacional; Conceber e divulgar sobre os atrativos, serviços, produtos que priorizem soluções ao Desenvolvimento Sustentável; Disponibilizar meios para a capacitação técnica e a organização nos municípios que a compõem, estimulando a integração e a coordenação de suas lideranças locais e instituições públicas; Divulgar sobre os atrativos (serviços, produtos da oferta turística das comunidades ). Em especial, com relação aos circuitos eco rurais estamos em contato com os municípios que já detém circuitos identificados e com o apoio da secretaria de Estado de Agricultura, Pesca e Interiorização e do Fórum Estadual de Secretários de Turismo e de diversas entidades não governamentais ambientalistas e comunitárias, em especial do Instituto Anda Brasil, elaborando projetos que possam ser estruturados com o apoio governamental e baseados nos preceitos da economia solidária. A característica do estado do Rio de Janeiro tendo sua capital como o maior receptivo de turistas no Brasil e a pouca distância entre ela e os seus principais pólos indutores, associado a um amplo cardápio de destinos com atributos naturais inigualáveis e uma diversidade social invejável é mais um reforço a esses programas. Da mesma forma o Projeto de Turismo Social Comunitário foi concebido visando, em seu primeiro enfoque, trabalhar nas comunidades pacificadas na cidade do Rio de Janeiro. Este projeto turístico será fundamental para a consolidação das Unidades de Política Pacificadora (UPPs) implantadas pelo Governador Sergio Cabral através da Secretaria de Estado de Segurança Pública e apoio do Governo Federal. Estamos estabelecendo as bases e somando forças para a consolidação do turismo social no Rio de Janeiro. Mauricio Lobo Vice Presidente Executivo SeTur / TurisRio Revista Ecoturismo

5


O

Jornal e Revista Ecoturismo comemoram 20 anos em 2011, o Ano Internacional das Florestas e desde 1991 estão empenhados numa luta até então utópica, que neste ano finalmente virou realidade apesar de tantos percalços. O livro lançado naquele distante 1991, Bloco Norte do Mercosul : Uma ideia revolucionária - As saídas para o Pacífico, ganhou um complemento em 2007 passando para Perspectivas Econômicas da Amazônia, escrito pelo ativista ambiental Hércules Góes. A obra contava a história que já vinha sendo acalentada há anos pelos povos amazônicos: a intenção de unir o Pacífico ao Atlântico por rodovia, hoje transformado em realidade na Rodovia Interoceânica.

são os Andes Peruanos, ma das maiores cadeias montanhosas do mundo está no país. Moquegua, Puno, dança, música, gastronomia, filmes, espetáculo de vulcões, altos picos, cânions. Peru é um país com muita cultura e o segundo do planeta em diversidade e quantidade de aves. O Lago Titicaca, que une turismo e aventura, é um dos fortes componentes para esta junção e integração latino americana.

Povoado de sonhos, de lendas e de muita luta, a Interoceânica vai juntar definitivamente as economias, a cultura, a história, a gastronomia, a tradição de peruanos, bolivianos, brasileiros do Acre, das fronteiras de Rondônia e do restante do Brasil, abrindo uma nova perspectiva de que o país não olhe somente para o seu litoral atlântico, de costas para o Pacífico, mas agora atingir estas suas costas sempre escondidas.

Eis algumas das razões pelas quais no dia 17 de novembro na Faculdade São Lucas em Porto Velho, dentro do 9º Seminário Internacional da Sustentabilidade e 10º Prêmio Ecoturismo e Justiça Climática, o Peru estará sendo um dos homenageados dentro da programação mostrando sua história, sua cultura, seus filmes e sua arqueologia ao lado de acreanos e rondonienses. Uma justa homenagem ao Centenário do Descobrimento de Machu Picchu, com seu milhão de turistas anuais de todo o mundo e a premiação para a nova Ministra da Cultura, a cantora afro descendente Susana Baca, vencedora de um Prêmio Grammy nos EUA, recetemente nomeada pelo presidente peruano Ollanta Humala.

Com a Interoceânica inaugurada em 2010 pelo presidente Alan Garcia do Peru em seu ultimo mês de governo, será possível ver hordas de turistas brasileiros rumo a Puno, a Cuzco, descobrindo as histórias de centenários povos pré colombianos, a civilização Inca que ficou soterrada antes do descobrimento do Brasil.

Cultura, história, sustentabilidade, inclusão social, energias renováveis e a Interoceânica serão alguns dos ingredientes deste seminário que conta com o patrocínio e apoio das maiores empresas e entidades de Rondônia e do Brasil. A conclusão final dos assuntos debatidos será enviada à Cop 17 em Durban e Rio + 20.

A história do Peru mostra uma infinidade de vestígios deixados pela cultura inca, reconstruindo um período significativo do passado, através de restos arqueológicos, mitos, lendas, cultura e história. Um exemplo

As inscrições podem ser feitas pelo www.revistaecoturismo. com.br e patrocínio e apoio das maiores empresas e entidades de Rondônia e do Brasil.

6

Revista Ecoturismo

A quarenta quilômetros de Brasilia, o Olhos D’Agua Palace hotel esta instalado no cerrado Goiano com apartamentos: luxo, semi-luxo e máster. A Poucas horas do Planalto Central, seus clientes aos finais de semana 50% são do Distrito Federal, fazemos parceria com grupos empresariais que acredita em Alexinia. Goiás. Esperamos por você em visita a Alexinia, seja em turismo ou à negocio. Venha desfrutar da nossa hospitalidade. Teremos muito prazer em atende-lo. Telefone para contato: Escritório: (61)3226-5543 | Hotel: ( 62) 3336-4055

www.olhosdaguapalacehotel.com.br Email: reserva.hotelolhosdaguapalace@hotmail.com

Revista Ecoturismo

7


8

Revista Ecoturismo

Revista Ecoturismo

9


trando o alcance do sucesso sócio ambiental do evento. Pela importância do evento e sua já consolidada tradição, alguns patrocinadores e debatedores fizeram questão de colocar nos orçamentos de 2012 a participação na 10º edição do Seminário, que deverá ocorrer também em Porto Velho, capital das Usinas do Rio Madeira. Informações podem ser obtidas através do www.revistaecoturismo.com.br

CIDADES SUSTENTÁVEIS 2011, além de ser o Ano Internacional das Florestas é o ano dos grandes espetáculos internacionais no Brasil. Os grupos musicais estão transformando cidades em pólos da música, do cinema e da cultura. Barretos é a cidade da música sertaneja com o Barretão. O Rio de Janeiro tem a cidade do Rock in Rio. Paulinia é a cidade dos filmes e da música, agora com o Festival SWU, e Porto Velho será a cidade da sustentabilidade amazônica com o 9º Seminário Internacional de Sustentabilidade. Uma verdadeira seleção de astros da Sustentabilidade está sendo convocada para transformar nos dias l7 e l8 de novembro na Faculdade São Lucas, a cidade símbolo das Usinas Hidrelétricas, na cidade sustentavel discutindo além do Madeira, Belo Monte e Ferreira Gomes no Amapá.

SINERGIA TOTAL PARA O SEMINÁRIO SUSTENTÁVEL Encerrando mais uma semana, os organizadores do 9º Seminário Internacional de Sustentabilidade e 10º Prêmio Ecoturismo e Justiça Climática acumulam muita sinergia e quantidade de apoios e patrocínios para o evento que ocorrerá nos dias 17 e 18 de Novembro na Faculdade São Lucas, em Porto Velho, capital de Rondônia. Gisele Bündchen, uma das indicadas ao Prêmio, agradeceu a premiação, embora não seja possível estar pessoalmente para receber em mãos no dia da premiação, mas receberá no Brasil ou em Nova York. Como Embaixadora da Boa Vontade pelo Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente

10

Revista Ecoturismo

(UNEP, sigla em inglês), a modelo se demonstrou encantada pela indicação. Empresas de tosos os matizes do país, estão mobilizadas para o patrocínio e apoio nesta jornada turística, social e ambiental, que visa levar as contribuições do evento para a Cop- 17, na África do Sul e Rio + 20, em 2012. Nesta última semana do mês de setembro, a organização do 9º Seminário já confirmou importantes adesões ao Prêmio; confirmações de grandes debatedores e conferencistas e as inscrições já estão se esgotando, apesar de estarem sendo colocadas a disposição na internet há poucos dias, demons-

Os astros da sustentabilidade se preparam para esta grande etapa que antecede o Rio + 20 e as estrelas que receberão o Prêmio Ecoturismo e Justi;a Climática fazem muito sucesso, tanto que os convites colocados a disposição, estão quase todos esgotados, mas ainda podem ser adquiridos gratuitamente pelo site: www.revistaecoturismo.com.br .

Gisele Bündchen, uma das indicadas ao Prêmio, agradeceu a premiação,


SEMINÁRIO INTERNACIONAL AGENDA: PERMANENTE DE SUSTENTABILIDADE

C

omo tem sido uma tendência dos principais seminários, conferências, encontros e workshops sustentáveis no Brasil, o 9º Seminário Internacional de Sustentabilidade e 10º Prêmio Ecoturismo e Justiça Climática está se transformando num foro permanente de discussão de projetos sustentáveis em Rondônia e na Amazônia. organizou o 4º Congresso Internacional Sustentável nesta semana na cidade do Rio de Janeiro, evento este que contribui para a Visão 2050, projetando ações ambientais e sustentáveis para os próximos 40 anos em todo o planeta.

Nos últimos anos tem passado pelos palcos sustentáveis do estado rondoniense os mais importantes nomes do Brasil e do planeta para discutir temas inerentes aos temas ambientais e sustentáveis. Neste ano, a direção do evento esteve durante 30 dias nos EUA, formulando convites para personalidades atuantes em diversas áreas, da indústria cinematográfica à embaixada americana. Em Hollywood, foi feito convite ao ator Harrison Ford, ongeiros ligados a James Cameron também foram contatos e o exembaixador da ONU, Andrew Young. A organização do evento aguar-

12

Revista Ecoturismo

da confirmação de alguns destes nomes nos dias que antecedem o seminário, marcado para acontecer nos dias 17 e 18 de novembro de 2011, em Porto Velho, capital de Rondônia. Nos casos de incompatibilidade de agendas, os convites serão refeitos para que possam participar da 10º edição que acontecerá em 2012. A participação dos patrocinadores que apóiam esta grande ação inserida para projetar temas para a Cop 17, em Durban e Rio + 20 no ano que vem, conta também com apoios importantes como o da ambientalista Fani Mamed. Os temas discutidos poderão enviar contribuições para o CEBDS que

O Brasil que agora está de costas e peito aberto para o Pacifico e Atlântico terá uma mega ação dentro do seminário incluindo temas culturais, comerciais, turísticos e ambientais dos povos peruanos, rondonienses e acreanos. Ambientalistas brasileiros, como Mario Mantovanni, Luiz Pinguelli Rosa, da Coppe UFRJ, Fabio Feldmann, do Fórum de Mudanças Climáticas; lideranças indígenas, como Mario Terena, Almir Surui, Ministros e líderes empresariais como a ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Tereza Campello e Valter Cardeal, da Eletrobras estão na lista dos convidados que irão contribuir para uma etapa das mais significativas desta conferência ambiental, no auditório da Faculdade São Lucas, em Porto Velho.


50 anos

do Complexo Educacional

Santa Cecília

Sílvia Teixeira Penteado

Paraty

Reitora da Unisanta e primogênita dos fundadores do Complexo Educacional Santa Cecília, instituição que completa 50 anos neste mês. Sua história na instituição, assim como a de seus irmãos, começou ainda criança como seu pai, Milton Teixeira, vendeu a própria casa da família, em 1961, para iniciar sua trajetória de sucesso. Com o dinheiro da venda, comprou o Colégio de Ensino Infantil Santa Cecília, que contava com apenas 26 alunos, localizado na Rua Rodrigues Alves com Silva Jardim. Em menos de 10 anos, o colégio já tinha mil alunos. Aos 15 anos, Sílvia começou a trabalhar na escola. Dona Nilza, a mãe, sempre foi o esteio da família trabalhando no colégio e educando de maneira exemplar os filhos Sílvia, Lúcia, Cecília e Marcelo. O trio constituído por Nilza, Tia Emília e Milton soube trilhar, juntamente com seus colaboradores, esse caminho de sacrifícios, união, cumplicidade e, acima de tudo, simplicidade com generosidade – atributos essenciais para que o Complexo chegasse aos 1.800 funcionários e 15 mil alunos. A síntese desse sucesso pode ser encontrada na definição da própria Sílvia, quando diz “O Santa Cecília é esse amálgama que entrelaça as pessoas”. Vind a p ar a o b ai r r o d o Boquei r ão No final da década de 60, já tínhamos ampliado muito o Colégio Santa Cecília, alcançando o sonho dos mil alunos. Surgiu então a oportunidade de comprarmos o colégio Monte Serrat, aqui na Oswaldo Cruz, 266. E assim o fizemos, mantendo o nome Santa Cecília e crescendo no bairro que fazemos questão de estar. Faculdade Santa Cecília

1963 - Professores do Colégio Santa Cecília

Resende

Maric‡

O Complexo Santa Cecília Na graduação temos 31 cursos. No pós, mestrado, doutorado, entre outros, são mais de 50 cursos, além do colégio, do infantil e do ensino médio. O Sistema Santa Cecília de TV e Rádio; o instituto de pesquisa Nesse; a editora e as clínicas também compõem o Grupo.

N‹o Ž f‡cil agradar a todos. Mas, o Estado do Rio consegue.

Programação comemorativa Estamos com uma série de ações durante o ano que contemplam os alunos, funcionários e a comunidade. Nessa segunda (3), acontecerá a apresentação da Orquestra Bachiana Filarmônica, sob a regência do maestro João Carlos Martins, no Coliseu, entre tantas outras outras homenagens. Projetos e desafios Novos cursos ligados ao Pré-Sal, Petróleo e Gás e ao Parque Tecnológico. Cursos à distância e um forte investimento na educação e no aprimoramento dos funcionários. O desafio é administrar considerando as prioridades regionais e nacionais.

Foi criada em 1971. O primeiro curso foi o de Engenharia, uma inovação para a época. O objetivo era atender ao mercado do pólo petroquímico de Cubatão. Em 40 anos de curso formamos alguns milhares de alunos que têm se sobressaído nas mais diversas empresas e funções.

Rio de Janeiro

História, praias paradisíacas, serra, gastronomia e vida noturna. O Estado do Rio é tudo isso em um só lugar.

Angra dos Reis

Nova Friburgo

Petr—polis

Barra do Pirai Niter—i

1970 - Alunos 4 série do Colégio Santa Cecília

14

Revista Ecoturismo

Valença

Armaç‹o dos Bœzios

Cachoeiras de Macacu

Revista Ecoturismo

15


O

Brasil vai sediar a Rio + 20, uma verdadeira Copa do Planeta do Meio Ambiente, Desenvolvimento e Sustentabilidade que ocorrerá no mês de junho de 2012. Como anfitrião deste mega evento promovido pela ONU, o país esta fazendo a sua lição de casa, como já fizera na Cop 15 em Copenhagen, ambicionando as maiores metas para redução de gases de efeito estufa, causando espécie entre os mais de 120 países presentes naquela importante conferência, repetindo as mesmas ações na Cop 16 no ano passado em Cancun e acertando as mesmas bases para a Cop 17 em dezembro, em Durban na África do Sul. A sociedade civil brasileira está mobilizada para apresentar propostas e sugestões que vão influir nos destinos do planeta na Rio + 20 no próximo ano no Rio de Janeiro e o Fórum Permanente de Sustentabilidade da Amazônia. A Revista Ecoturismo, com 20 anos de existência dedicados ao tema, a Câmara Venezuelana de Comércio e Indústria de Rondônia, aliada aos principais parceiros governamentais e empresariais do país, convoca os maiores e mais respeitáveis nomes envolvidos com a questão sócio ambiental para formular a Carta de Rondônia e da Amazônia, contribuindo com os anais para a conferência que vai marcar duas décadas, depois da memorável Eco 92. Sendo 2011 o Ano Internacional das Florestas, Rondônia foi escolhida como estado símbolo, em função das Usinas do Rio Madeira, da proximidade da Usina Belo Monte no Pará, para ser a plataforma ambiental neste final de 2011 , contribuindo decisivamente para os próximos passos do Brasil e do Mundo na meta de redução de gases de efeito estufa e mitigação dos desastres e débitos ambientais na busca do Carbono Zero. Protagonistas importantes como

16

Revista Ecoturismo

a Asbea. Reob, Ceise, CREA- RO, FIERO, Governo de Rondônia, Prefeitura de Porto Velho, Usina Ferreira Gomes do Amapá, Eletrobrás, parceiros midiáticos como TV Record News, Jornal O Nortão, Notícia na Hora, Correio de Notícias, O Combatente, Alto Madeira se unem para transformar a São Lucas na plataforma e sede de importantes ações ambientais em 2011, amparado pelas redes sociais como Facebook, Orkut, Twitter e produzem a preparação da Copa Planetária da Sustentabilidade. Alguns craques do ambientalismo e sustentabilidade, como o líder indígena Marcos Terena, coordenador Indígena da Rio + 20; Almir Surui, liderança internacional antenada com o Google Internacional; Valter Cardeal, hábil dirigente

Um jogo da sustentabilidade X aquecimento global que não acaba nunca. elétrico e comprometido com sustentabilidade; Tereza Campelo, ministra brasileira que inova na Inclusão Social e Erradicação da Miséria; o ex-embaixador dos EUA na ONU, Andrew Young; Val Marchiori, socialite televisiva comprometida com inclusão social; o cientista Luiz Pinguelli Rosa, da Coppe UFRJ; Senadora Katia Abreu, presidente da CNA (coordenadora do Projeto Biomas-Agricultura Sustentável); os governadores Camilo Capiberibe do Amapá e Confúcio Moura, de Rondônia; Rafo León, celebre escritor e jornalista peruano, entre outros são alguns dos players que estão sendo convidados para esta etapa do jogo que pretende aniquilar o aquecimento global.

Um jogo da sustentabilidade X aquecimento global que não acaba nunca. São várias etapas que precisam ser jogadas em inúmeros campos ao redor do planeta terra, que agradece as jogadas decisivas em prol de sua permanência harmônica. Os irmãos Eugênio e Caetano Scanavino, do Projeto Saúde e Alegria, que atua com consistência há muitos anos no Xingú, no Pará, atendendo com medicina e sustentabilidade populações ribeirinhas amazônicas, que podem certamente serem candidatos ao Prêmio Nobel da Paz, com apoio de empresas idôneas como a Vivo e Ericsson, estão no time dos convocados para este jogo marcante em Porto Velho, avant premiere da Rio + 20 em 2012. Outros craques da Construção, Arquitetura e Cidades Sustentáveis; Eficiência Energética; Copa e Esportes Sustentáveis; Tecnologia e Inovação Sustentável; Inclusão Social e Erradicação da Miséria; Arqueologia e Turismo Responsável e Histórico e Energias Renováveis já estão na lista da convocação dos técnicos ambientais coordenadores do 9º Seminário Internacional de Sustentabilidade e 10º Prêmio Ecoturismo e Justiça Climática, ao lado de cineastas e intelectuais como Carlos Levy, da Associaçãoo Curta Amazônia, responderão pela cultura internacional com filmes e mostras e muita discussão que fará da cidade de Porto Velho, a principal cidade do país em 2011 a apontar os novos rumos da sustentabilidade neste Ano Internacional das Florestas. Com direito a certificados de participação, e inscrições pelo site www.revistaecoturismo.com.br há menos de 50 dias do evento, já tem praticamente lotadas as reservas para participação neste histórico fórum ambiental em 2011.

Revista Ecoturismo

17


ESPECIAL

Histórico Por meio de um decreto-lei, em 24 de fevereiro de 1965, o presidente Castelo Branco instituiu a Festa Anual da Árvore, celebrada na última semana de março, no norte e nordeste brasileiro. A escolha havia sido baseada nos fatores climáticos da região, pois coincidia com o início do período das chuvas. No entanto, o dia 21 de setembro, precedente à primavera, foi comemorado em outras regiões como o Dia da Árvore e tornou-se a data oficial. Ainda assim, pode-se dizer que o Brasil tem duas datas para homenagear a árvore. No entanto, o primeiro governo a oficializar o Dia da Árvore foi o de Nebraska, nos Estados Unidos. A comemoração passou a ser feita no dia 22 de abril. A data coincidia com o aniversário de J. Morton, que incentivou os moradores do Estado a plantar árvores para mudar a paisagem da região. O Brasil foi o primeiro país a contrariar o padrão internacional, preferindo homenagear a árvore durante o período de chuvas na região norte e a entrada da nova estação em todo o país.

Metade das árvores cortadas no planeta é destinada à fabricação de papel.

18

Revista Ecoturismo

Curiosidades Mais do que tornar o ambiente mais bonito, as árvores mantêm a umidade do ar e ajudam a absorver o gás carbônico da queima de combustíveis, nos fornecendo mais oxigênio.

Dia da Árvore mobiliza campanhas

A destruição das grandes áreas verdes localizadas em áreas tropicais acontece na América do Sul, Ásia e América Central. Atualmente, essas florestas tropicais já perderam 80% de sua cobertura original. Ainda assim, a Floresta Amazônica brasileira equivale a 40% das reservas de florestas tropicais úmidas que ainda existem no mundo.

Plantar uma árvore tornou-se um gesto mundialmente reconhecido de respeito ao meio ambiente e às futuras gerações. Por isso, no Dia da Árvore, é tradição a intensificação da campanha de plantio entre a comunidade e organizações.

Entre as árvores em extinção, estão a Araucária (Araucaria Augustifolia), que é encontrada em Santa Catarina, o Jacarandá da Bahia (Dalbergia Nigra) e o Mogno (Swietenia Macrophylla).

Na cidade do ABC Paulista São Caetano, por exemplo, houve uma mobilização para o plantio de 12 árvores na Rua Eldorado e 333 no bairro Prosperidade. Na mesma região, Diadema recebeu 500 árvores, como Jatobá, Araribá, Aroeira e Jequitibá e mais 500 mudas foram distribuídas em São Bernardo.

Metade das árvores cortadas no planeta é destinada à fabricação de papel.

Já a Fundação SOS Mata Atlântica, por exemplo, distribuiu em sete rodovias do estado de São Paulo 120 mil mudas de espécies nativas da Mata Atlântica como parte das comemorações. A ação foi realizada nos pedágios de saída da capital paulista. Os motoristas que passaram pelos locais receberam mudas de pitanga e foram convidados a plantar uma árvore. Foi também reforçada a “Plantemos para o Planeta: Campanha Bilhões de Árvores”, uma iniciativa global de plantio de árvores promovida pelo Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente. Nesse projeto, pessoas, comunidades, empresas, indústrias, organizações da sociedade civil e governos são incentivados a fazer um compromisso de participação online. A Campanha encoraja o plantio de árvores nativas e árvores que são apropriadas para o meio ambiente local.

Piauí. Você

nem imagina quantas oportunidades existem por aqui.

No Brasil, a árvore mais antiga é um jequitibá de 3.020 anos, localizada no Parque Estadual de Vassununga, em Santa Rita do Passa Quatro, São Paulo. Sua altura é de 39 metros, o que equivale a um prédio de 13 andares e a sua copa mede aproximadamente 40 metros de diâmetro, onde vivem tucanos, macacos e cerca de 20 mil plantas. Para abraçar a árvore são necessários 10 homem e estima-se que o seu peso total seja de 264 toneladas. Os jequitibás são árvores nativas da Mata Atlântica brasileira, existentes apenas na Região Sudeste e em alguns Estados vizinhos.

a Fundação SOS Mata Atlântica, por exemplo, distribuiu em sete rodovias do estado de São Paulo 120 mil mudas de espécies nativas da Mata Atlântica

Banco do Nordeste. Todo o apoio que você precisa para investir e crescer junto com a Região. Investir em um estado com tantas oportunidades é saber que o seu retorno está garantido. No Piauí, além de turismo, indústria, mineração, agronegócio e comércio fortes, você também conta com muito apoio do Banco do Nordeste. São créditos com os menores juros e maiores prazos do mercado para implantar, ampliar ou modernizar o seu negócio. Não perca esta chance. Conheça o melhor do Piauí com o Banco do Nordeste.

SAC Banco do Nordeste • Ouvidoria: 0800 728 3030 - www.bnb.gov.br


2 8ª

OKTOBER FEST Festa terá cinzeiros ecológicos para recolhimento correto de bitucas transformado-as em papel, que pode ser usado como revestimento de cadernos, agendas, blocos e outros. “A produção do papel é totalmente artesanal”, informa.

Ambientes fechados Os coletores serão instalados fora dos Pavilhões, visto que dentro dos setores fechados da festa, não é permito fumar, conforme Lei Municipal nº 7449 de 22 de outubro de 2009. “A instalação dos cinzeiros vai evitar que os fumantes atirem o material no chão e assim eles possam ser reaproveitados”, explica Russo.

Para se ter uma idéia do prejuízo que as xepas de cigarro causam ao meio ambiente, Fabiano Russo explica que uma bituca leva até cinco anos para se decompor e contem 4.700 agentes tóxicos.

A

Bituca Verde vai estar presente na 28ª Oktoberfest promovendo uma ação ecológica durante o evento, de 06 a 23 de outubro. A Bituca é uma iniciativa da empresa Climat, de São Paulo, que vai instalar 40 coletores (cinzeiros) ecológicos na Vila Germânica facilitando a coleta das xepas (bitucas) de cigarros para reciclagem. A proposta, de acordo com o gerente comercial Fabiano Russo, é retirar o produto do meio ambiente e dar o destino correto ao material. Ele explica que os coletores instalados na Vila Germânica durante a Festa de Outubro vão facilitar o recolhimento do material de maneira limpa, de forma que o produto possa ser reutilizado. A Bituca Verde recicla as xepas de cigarros,

20

Revista Ecoturismo

De acordo com o gerente, 40% da população mundial são fumantes. “Levando em conta que a Oktoberfest deste ano tem a expectativa de receber 600 mil visitantes, vamos trabalhar com a projeção de 240 mil fumantes presentes na Vila Germânica. Se cada um jogar fora cinco xepas, por exemplo, teremos mais de 1 milhão de xepas que precisam ser recolhidas de forma correta”.

Fonte: Fabiano Russo, gerente comercial da Bituca Verde - 11 7870-1575. Assessoria de comunicação: Tânia Rodrigues - 47 9618-1492. Revista Ecoturismo

21


22

Revista Ecoturismo

Revista Ecoturismo

23


CUBATÃO

PODE SER MODELO DE TRANSFORMAÇÃO AMBIENTAL

N

os anos 70 e 80 a cidade de Cubatão, no litoral paulista, vivia o episódio chamado Vila Socó, e com a implantação de um enorme parque fabril, ficou mundialmente conhecida como a cidade da poluição e da destruição. Após traumático incêndio que envolveu centenas de pessoas, a cidade símbolo da poluição, foi se transformando até chegar a cidade símbolo da ecologia, depois de duas décadas após a traumática ocorrência. Este modelo de mudança de poluição pode ser neste início de século XXI para a cidade de Porto Velho, que acaba de receber dois títulos nada agradáveis numa mesma semana: campeã de desmatamento nacional e de pior saneamento do país. Num momento em que grupos

ambientalistas lutam arduamente para fazer da capital das usinas hidrelétricas do Madeira, o eixo central da Sustentabilidade, certamente que estes títulos poluidores representam enorme desafios para reversão nos próximos anos e Cubatão pode exportar para a Amazônia a sua grande experiência de mudanças ambientais. O IX Seminário Internacional de Sustentabilidade e X Prêmio Ecoturismo e Justiça Climática, que acontece nos dias 17 e 18 de novembro na Faculdade São Lucas, em Porto Velho, prometem juntar grandes nomes da sustentabilidade para apontar soluções para a Cop 17 que buscará mitigações e reduções de questões climáticas e a Rio + 20 em 2012, vai tentar que buscar força redobrada para

mostrar ao Brasil e ao mundo seus compromissos socioambientais. Celebridades ambientais como Eugênio Scanavinno, coordenador geral do Saúde e Alegria, um projeto de reconstrução de vidas ribeirinhas no Pará, recentemente focalizado no programa Ação e Reação da TV Globo, é um dos médicos confirmados para apresentar conferência para o grande público nesta seminário ambiental. Outros celebres convidados são os líderes indígenas Marcos Terena, que representa a comunidade indígena na Rio + 20 e Almir Surui, que prometem dar o lado social e indígena ao encontro ambiental. José Graziano da Silva, representante regional da FAO, é um dos principais convidados e deve confirmar sua presença nos próximos dias. Valter Cardeal, com sua vasta experiência na Eletrobras e seus modelos de usinas sustentáveis e ações junto ao entorno da Belo Monte, deve mostrar força ambiental e elétrica ao evento.

dos convidados para falar sobre a Copa do Mundo Verde e Sustentável, e como Rondônia deve ficar entre duas grandes cidades sedes de Copa que são Manaus e Cuiabá e aproveitar o potencial de turismo com sustentabilidade para 2014. Tecnologia com inovação e sustentabilidade, fontes e energias renováveis serão outros dois painéis do encontro ambiental que terá mesas de exposição na Faculdade São Lucas para mostra dos patrocinadores e apoiadores com vídeos institucionais em exibição. O Prêmio Ecoturismo em 2011 agraciará nomes como da über model Gisele Bundchen, Tereza Campello, João Capiberibe, Camilo Capiberibe, entre outros que serão apresentados a imprensa nos próximos dias. O Seminário Sustentável tem patrocínio da Eletrobras, Usinas Ferreira Gomes e apoio de Fecomércio - RO, Asbea, Ceise, Reob, O Nortao, Alto Madeira, Fórum Permanente da Amazônia, Teklatur, Termonorte, Coca- Cola, Faculdade São Lucas, Noticia na Hora e um grande numero de apoiadores que recolocarão Porto Velho no patamar do centro da sustentabilidade, apresentando números expressivos para a economia rondoniense, gerando recursos com milhares de pessoas na capital rondoniense nestes dois dias de cidade sustentável.

A Ministra de Desenvolvimento Social e Combate à Fome,Tereza Campello, é uma das celebridades políticas convidadas e que deve mostrar sua força no evento através do trabalho de erradicação de miséria e pobreza no país. Na área da construção sustentável, um dos nomes famosos é o do Engenheiro Antonio Macedo Filho, membro conselheiro da Eco Building e Leed Green Associate. Ele falará com engenheiros e arquitetos, tendo como um dos debatedores, o também engenheiro Mauricio Vasconcelos, vice-presidente do Sinduscon - RO, um dos craques em energia eólica sobre as novas cidades sustentáveis brasileiras. Rafo León, o mago das filmagens e jornalismo peruano, está na lista dos convidados para falar sobre a Interoceanica recentemente inaugurada ligando o Peru, Rondônia e Acre e, diplomatas peruanos devem falar sobre arqueologia de Puno e centenário de Machu Picchu e modelo de integração entre os povos fronteiriços, assim como cineastas peruanos , acreanos e rondonienses, exibirão na primeira noite avant premieres de filmes no Festival Curta Amazônia, parceira do seminário na área cultural. O líder esportivo Heitor Costa Jr é um

24

Revista Ecoturismo

Revista Ecoturismo

25


momento que a associação está vivendo e foram sendo implementadas desde 2009, quando o salão de exposições, considerado o maior das Américas, teve sua comercialização terceirizada e intensificou o processo de internacionalização.

ABAV – FEIRA DAS AMÉRICAS Produtos, serviços, destinos de várias partes do mundo e um público altamente qualificado encontram-se em mais uma edição da Feira das Américas – ABAV. Com o objetivo de promover contatos e negócios, o evento acontece no Riocentro Exhibition & Convention Center, na cidade do Rio de Janeiro, nos dias 19, 20 e 21 de outubro de 2011. Simultaneamente ocorre o 39º Congresso Brasileiro de Agências de Viagens, com palestras e discussões, preparando os profissionais para o futuro da indústria turística. Este ano, o presidente da ABAV Carlos Alberto Amorim Ferreira afirma realizar para os agentes de viagens e ao mercado de turismo um novo formato de evento. As mudanças refletem o atual

BNDES apoiará proteção de terras indígenas O Fundo Amazônia, gerido pelo BNDES, vai apoiar, com R$ 16,9 milhões em recursos não reembolsáveis, ações de proteção de terras indígenas distribuídas em cinco áreas no sul do Pará e norte de Mato Grosso onde vivem sete mil índios Kayapós. Os Kayapós são considerados pela Fundação Nacional do Índio (Funai) como fortes colaboradores da preservação ambiental em seus territórios, ameaçados pelo desmatamento de fazendeiros, madeireiros e garimpeiros. O governo da Noruega é o principal doador do Fundo Amazônia, com previsão de aporte de US$ 1 bilhão. O fundo também conta com doações do banco de desenvolvimento da Alemanha, KFW, no valor equivalente a 21 milhões de euros, informou o BNDES.

26

Revista Ecoturismo

A partir dai, mudanças significativas foram sendo colocadas em prática, até que este ano, a gestão do congresso que sempre foi feita in house também foi terceirizado, dando novo ritmo à programação. Pela primeira vez, a parte técinica, o congresso em si, será realizado no período da tarde, simultâneamente com a Feira das Américas. Além de plenárias diárias, mais de 50 oficinas abordarão diferentes temas da atualidade. Com essa mudança de formato, o salão de exposição abrirá mais cedo, às 11h, e funcionará até às 18h. Satisfeito com o retorno que as mudanças estão apresentando na aceitação por parte do expositor – a feira está com 90% dos espaços comercializados -, Ferreira falou das expectativas para o evento, em meio às crises mundial e política atuais. Mais informações: www.feiradasamericas.com.br Fonte: ASCOM

Santista e estudante universitária, Victoria Sales Pignatari Werner, de 23 anos, é uma das vencedoras do Programa Jovens Embaixadores Ambientais 2011, realizado pela parceria entre a empresa Bayer e o Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA). A aluna do 4º ano de Ciências Biológicas da Universidade Santa Cecília (Unisanta) é a vice-presidente do Instituto Ecofaxina, Victoria Sales Pignatari Werner, cujo objetivo é transformar o quadro de degradação ambiental junto com as comunidades que vivem em áreas ecológicas. Fundado em outubro de 2008, o Instituto já retirou várias toneladas de lixo do estuário. Além da limpeza do meio ambiente, o grupo realiza monitoramento e educação ambiental por meio de ações desenvolvidas com a ajuda de voluntários, buscando ainda promover o bem-estar social, o resgate da auto-estima e a geração de renda nas comunidades participantes.

Deputada Ana Arraes tem indicação confirmada como ministra do TCU

O

Senado aprovou, na última semana de setembro, a indicação da deputada Ana Arraes (PSB-PE) como ministra do Tribunal de Contas da União (TCU). A indicação foi aprovada no plenário da Casa com 48 votos a seu favor. Na Câmara, a socialista já havia vencido a disputa, com 222 votos. O segundo colocado era o deputado Aldo Rebelo (PCdoB), que recebeu 149 votos. Filha do ex-governador de Pernambuco Miguel Arraes e mãe do atual governador, Eduardo Campos (PSB-PE), Ana Arraes é advogada e filiada ao PSD desde 1990. Em 2006, conquistou seu primeiro mandato como deputada federal, sendo a terceira candidata mais votada de Pernambuco. Em 2010, reelegeu-se, obtendo a maior votação do estado e a quinta maior do Brasil. Arraes assume agora a vaga aberta pela aposentadoria do ministro Ubiratan Aguiar, tornando-se a primeira mulher a ocupar uma vaga de ministra do TCU após a redemocratização.

Nerio Bianchini empresário rondoniense em l982 com o então líder metalúrgico Luiz Inacio Lula da Silva em suas terras no inicio da colonização imigratória em Cacoal no Estado de Rondonia (inicio do PT em RO). (Na foto filhos do líder madeireiro Bianchini e hoje titular do Cacoal Selva Park Hotel)


Pra recompensar os dias em que você não pode ficar em paz…

Broa Golf Resort Um lugar diferenciado para passar bons momentos em família, onde você encontra hotel com vista para a represa do Broa, restaurante com a qualidade do 339 Gastronomia e tudo que precisa para o seu lazer e esporte, além de uma estrutura completa para eventos sociais e empresariais. O Broa Golf Resort também oferece aos golfistas um campo de 300.000m2, considerado um dos melhores do país.

te feliz! n e g e d r a g u L 28

Faça sua reserva para se hospedar ou passar o dia: • reservas.hotel@broagolfresort.com.br

19 3575 1136 • www.broagolfresort.com.br Revista Ecoturismo

Revista Ecoturismo

29


Deixe

os

100 95 75

25

30

5

Revista Ecoturismo

www.pousadadosventos.com.br

0

Revista Ecoturismo

31


SWU e Digital 21 em ação com Greenpeace Produção de conteúdo sobre sustentabilidade com o Greenpeace conta com a participação de João Gordo A Digital21, empresa parceira do Grupo Totalcom nos produtos audiovisuais e multiplataformas do SWU, está ampliando a produção de conteúdo sobre o tema “sustentabilidade” do evento. A ação, que tem a parceria do Greenpeace, conta com a produção de um material audiovisual - vinhetas, entrevistas e pequenos filmes - que serão veiculados na SWUTV, durante a edição 2011 do Festival. Nessa primeira fase da ação, as gravações tiveram como protagonista João Gordo, a escolha foi feita por ele já ter demonstrado em outras oportunidades seu engajamento com o meio ambiente e o apoio às causas do Greenpeace.Ele compartilhou sua opinião sobre sustentabilidade e deu algumas “green dicas”. A parceria entre a produtora e a ONG foi proposta pelo movimento SWU, que desde o começo do ano planeja com o Greenpeace ações a serem realizadas no SWU Music and Arts Festival. “Uma delas são as ‘green dicas’, que farão parte do conteúdo do festival”, comenta Ingrid Francini, Gerente de Sustenatabilidade do SWU.

32

Revista Ecoturismo

“O Greenpeace, com quatro décadas de história, já está consolidado na sua missão de defender o meio ambiente e promover a mudança de atitude nas pessoas. O SWU chega à segunda edição mostrando que conquistou o seu espaço e conseguiu chamar a atenção do público jovem para a causa sustentável. A parceria visa somar forças, dar reconhecimento e amplitude ao tema”, afirmou Débora Garcia, gerente de atendimento e entretenimento da Digital 21.

Para acompanhar as novidades do SWUTV acesse: www.swu.com.br/swutv

Revista Ecoturismo

33


34

Revista Ecoturismo


S贸 falta voc锚 para completar esse quadro

iz! l e f e t n e g e d Lugar

36

Revista Ecoturismo

Rodovia Municipal Ayrton Senna, Km 08


Revista Ecoturismo - edição 209  

Revista Ecoturismo - Turismo e Sustentabilidade

Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you