Page 1

ALAN DOS SANTOS

TECNOLOGIA

IGREJA NA

CONECTANDO PESSOAS E ACELERANDO PROPÓSITOS


O AUTOR

Alan dos Santos Silva é pastor dirigente da Assembleia de Deus Ministério de Madureira. Pastoreou as filiais de Vargem Pequena e Vila Rangel. Atualmente, dirige a filial da Taquara. É analista de sistemas, empresário e dono do grupo Aplicanet, empresa de TI na área de novas tecnologias do mercado. Também é casado com Tatiana e pai da Alana e do Arthur.


TECNOLOGIA NA IGREJA


EM BRANCO


ALAN DOS SANTOS

TECNOLOGIA

IGREJA NA

CONECTANDO PESSOAS E ACELERANDO PROPÓSITOS

Rio de Janeiro Editora Betel 2016


© 2016 Editora Betel Todos os direitos reservados. Nenhuma parte desta publicação pode ser reproduzida ou transmitida, em qualquer meio (eletrônico, fotográfico e outros), sem prévia autorização por escrita do editor. A violação dos direitos autorais é crime estabelecido na lei nº 9.610/98 e punido pelo artigo 184 do Código Penal.

Revisão: Janaína Oliveira Projeto Gráfico e Editoração Eletrônica: Anderson Rocha Categoria: Liderança ISBN: 978-85-8244-038-4 1ª Edição: abril/2016

Editora Betel Rua Carvalho de Souza, 20 - Madureira 21350-180, Rio de Janeiro, RJ Telefone: 21 3575-8900 E-mail: comercial@editorabetel.com.br Site: www.editorabetel.com.br f/EditoraBetel


AGRADECIMENTOS

Escrever é sempre um desafio, mais agradeço primeiramente a Deus por ter me concedido a oportunidade de estar ao lado de pessoas maravilhosas como minha esposa, Tatiana, meus filhos Alana e Arthur, vocês são a base de tudo para uma vida eficaz. Ao meu líder espiritual, profissional e um verdadeiro Pai, Pastor Abner Ferreira, homem que Deus colocou na minha vida para me abençoar, desde da minha adolescência, me dando carinho, ensino e amor. Fez meu casamento, apresentou meus dois filhos e iniciou em mim um ministério pastoral desde da minha consagração ao diaconato, agora dizem que por trás de um grande homem existe uma grande mulher, 5


com isso agradeço tambÊm a titia dos meus filhos pastora Marvi Ferreira. Alan dos Santos

6


SUMÁRIO

Prefácio 9 Introdução 11

Capítulo 1 / Presença virtual (redes sociais) 15 Importância da presença virtual 16 Uma comunidade virtual gigantesca 18

Capítulo 2 / Tecnologia para evangelizar 21 Transmissão do culto online 21 Incentive o evangelismo virtual 22 Canal no Youtube 23 Newsletter 24 Mensagens Eletrônicas 26

Capítulo 3 / Tecnologia para conectar pessoas 31 Interação durante a semana 31 Aplicativo (App) de comunicação 32 Aplicativo de gerenciamento 33 Comunicação no culto 33 Divulgação de eventos 37


Capítulo 4 / Tecnologia para treinar 39 Webinars 39 Vídeo conferências 40 Transmissão simultânea de cultos a distância para muitas filiais 41 EBV - Escola bíblica virtual 42

Capítulo 5 / Tecnologia para contribuições 43 Quebrando mitos das máquinas de débito e crédito 44 Contribuições online 45 Contribuições via aplicativo da igreja 46 Loja virtual 47 Canal do youtube (monetização) 47 Hotsite de projetos 48

Capítulo 6 / Tecnologia para excelência 49 Acústica 50 Sonorização 51 Iluminação 51 Projetores - TVs - Telas de led 52

Capítulo 7 / Os males que as redes sociais oferecem 55 Cuidado no compartilhar, comentar e curtir 56 Pornografia 56 Tempo excessivo na internet 58 Bom testemunho? 60

Conclusão 61


PREFÁCIO

Os últimos cem anos da história mundial têm testificado descobertas científicas que põem em eclipse todos os séculos anteriores juntos. É notório o grande aumento do conhecimento nos derradeiros dias. Mais interessante ainda é que, mesmo antes de tudo isso acontecer, a Palavra de Deus já previa tamanha multiplicação, conforme Daniel 12.4. Por muito tempo, uma ala mais conservadora da Igreja contemplou a tecnologia e suas mais variadas formas como algo ruim ou desnecessário. No entanto, cada vez mais, se faz necessário que a Igreja esteja conectada com os novos modelos de comunicação e tecnologia. 9


TECNOLOGIA NA IGREJA

É extremamente importante ressaltar que a maior ajuda que a Igreja pode e deve ter é a do Espírito Santo. Ele é o guia do Corpo de Cristo. A tecnologia é uma ferramenta auxiliar, isto é, não é indispensável, no modo como a Igreja se relaciona com as pessoas. Nesse contexto, manifesto a minha alegria por ter sido convidado para prefaciar a primeira obra do Pr. Alan dos Santos Silva, com quem tive a grata honra de ser companheiro de trabalho aqui na Editora Betel. O livro Tecnologia na Igreja oferece ao leitor uma proposta bem dinâmica de leitura e contato com os recursos oferecidos pelas diferentes tecnologias existentes na atualidade e seu uso dentro e fora da igreja. Que seja uma leitura bastante enriquecedora e produtiva. Pr. Manoel Luiz Prates Gerente administrativo da Editora Betel

10


INTRODUÇÃO

Toda mudança gera desconforto, a maioria não gosta de mudanças, para eles “time que está ganhando não muda”. Se você olhar para a história da humanidade ela é repleta de grandes mudanças. Sistemas econômicos, lideranças, comunicação, enfim, até a natureza muda o tempo todo. Quando olhamos na lente da história um dos setores que mais resiste às mudanças é o religioso. Não falamos isso com tom de crítica, pelo contrário, entendemos que o cuidado que a igreja deve ter com a palavra de Deus é muito grande, e como a própria palavra nos alerta, devemos tomar cuidado com falsos mestres que aparecem para distorcer a palavra de Deus. Porém muitas vezes essa resistência não tem fun11


TECNOLOGIA NA IGREJA

damento, vemos pessoas dizendo: “Trouxeram as luzes, os telões, os melhores equipamentos e esqueceram Jesus!” Veja bem, quando você lê um discurso como esse, que aparentemente é um discurso correto, muitos não percebem o que está por trás. Aparentemente é alguém dizendo que precisamos falar mais de Jesus e entreter menos. Se esta foi a intenção, parabéns! Então sugerimos mudar a frase para: “Precisamos usar as luzes, os telões e os melhores equipamentos para mostrar mais Jesus em nossos cultos!” O que achou? Não melhorou? Se realmente esta pessoa quer que o nome de Jesus seja propagado ela concordaria com a mudança que fizemos nessa frase, mas, se ainda assim não concorda (tem todo o direito), o que aparenta é que a implicância é gratuita com a tecnologia, sem fundamento nenhum, e ainda está usando o nome de Jesus para criticar. O que a igreja não pode negociar de forma alguma são os princípios da palavra de Deus, se você pode levar esses princípios para um maior número de pessoas sem prejudicar a essência da palavra, isso é válido. Agora, para criar heresias, não é necessário tecnologia, mas de uma mente confusa e influenciada pelas trevas. Caro leitor, a tecnologia faz parte das nossas vidas e também da igreja. Um exemplo simples é a própria Bíblia que foi escrita em couros de animais, passada para 12


Introdução

os papiros, os papeis e agora chegamos com os conteúdos bíblicos digitais! Um simples arquivo com todo o texto das escrituras! Sem falar nos conteúdos bíblicos em áudio, uma excelente ferramenta para deficientes visuais. Porém, muitos são resistentes até hoje, por exemplo, criticam quem os usa, mas veja o lado bom, antes os missionários perdiam a vida tentando levar Bíblias para os países que são proibidos de pregar o evangelho. Hoje em um simples e-mail você pode enviar uma Bíblia inteira! Veja o lado bom da tecnologia e use-a para benefício do Reino. Deus falou ao profeta Daniel que o conhecimento se multiplicaria. A tecnologia nada mais é do que a multiplicação do conhecimento na prática! “E tu, Daniel, encerra estas palavras e sela este livro, até ao fim do tempo; muitos correrão de uma parte para outra, e o conhecimento se multiplicará.” Daniel 12.4 Deus nunca será surpreendido! Afinal, Ele é o Criador de tudo, tem todo o controle em suas mãos e nada, definitivamente nada, foge ou fugirá do seu controle. A tecnologia estava prevista nos planos de Deus, o que devemos como homens e mulheres de Deus, é buscar a 13


TECNOLOGIA NA IGREJA

sabedoria para usá-la em benefício do Reino de Deus. Este livro fala de como usar a tecnologia como uma ferramenta de auxílio, jamais vamos colocar a tecnologia à frente de Deus, dos princípios da palavra ou como algo imprescindível para o crescimento das igrejas, já que quem dá o crescimento é Deus e não uma ferramenta! Deus te abençoe com as páginas deste livro!

14


CAPÍTULO 1

PRESENÇA VIRTUAL <REDES SOCIAIS> “...Levantai os vossos olhos, e vede as terras, que já estão brancas para a ceifa.” João 4.35b

Você já se pegou em um momento de muita fome em um lugar que não conhecia? E que você fez? Se esse momento foi a pouco tempo e você é uma pessoa amiga da tecnologia, provavelmente usou algum aplicativo de fast-food para pedir comida, ou acessou a internet pelo seu celular e procurou no Google um restaurante perto do local que você estava, pegou o endereço, colocou no GPS e foi até lá para matar sua fome! Tudo isso só pode acontecer porque esses restaurantes e lanchonetes têm presença virtual. É sobre esse assunto que vamos tratar neste primeiro capítulo. Sua igreja tem presença virtual? Se eu quiser participar de um culto na sua igreja eu consigo encontrá-la facilmente pela internet? 15


TECNOLOGIA NA IGREJA

Importância da presença virtual Você acredita que satanás usa pessoas através da internet para confundir a mente dos internautas sobre a verdade do evangelho? Você acredita que a internet está inundada de tudo o que não presta, de tudo o que faz o homem se afastar de Deus? Você acredita que milhões de pessoas não só têm acesso a essas informações como também, consomem todos os dias ensinamentos heréticos, pornografia, incentivo a homossexualidade entre outros? A pergunta é: vamos assistir paralisados ao ataque diário e feroz das trevas e não fazer nada? Vemos um grande número de pessoas muito preocupadas com os ensinamentos heréticos que são disseminados pela internet, como a pornografia e o incentivo a destruição do modelo bíblico da família, porém esses alertas são falados apenas dos púlpitos das igrejas, mas as ovelhas ficam mais tempo na internet do que nos cultos semanais da igreja. A importância de ter uma presença virtual relevante é gigantesca! Veja bem, você pode estar pensando que já tenha uma página da sua igreja na internet e consequentemente já tem presença virtual, mas nós não estamos tratando de apenas uma presença virtual rasa, para divulgar os eventos da igreja, estamos falando de uma presença virtual relevante, com ações práticas diárias nas principais redes sociais e 16


T

oda mudança gera desconforto e a maioria das pessoas não gosta de mudanças. Se olharmos para a história da humanidade, ela é repleta de grandes mudanças. Sistemas econômicos, lideranças, comunicação, enfim, até a natureza muda o tempo todo. Um dos setores que mais resiste às mudanças é o religioso. Entendemos que o cuidado que a Igreja deve ter com a Palavra de Deus é muito grande. Devemos sim tomar cuidado com falsos mestres que aparecem para distorcer a Palavra de Deus. No entanto, o que temos visto atualmente é uma implicância gratuita com a tecnologia, sem fundamento nenhum, que ainda usa o nome de Jesus para criticar. O que a Igreja não pode negociar de forma alguma são os princípios da Palavra de Deus. Se você pode levar esses princípios para um maior número de pessoas, sem prejudicar a essência da Palavra, isso é válido. Agora, para criar heresias, não é necessário usar a tecnologia, mas de uma mente tecnologia faz parte das nossas vidas e também da Igreja. Antes, os missionários perdiam a vida tentando levar Bíblias para os países onde é proibido pregar o Evangelho. Hoje, um simples e-mail envia uma Bíblia inteira! É preciso ver o lado bom da tecnologia e usá-la para benefício do Reino de Deus.


O

Eterno Deus nunca será surpreendido! Afinal, Ele é o Criador de tudo, tem todo o controle em Suas mãos e nada, definitivamente nada, foge ou fugirá do Seu controle. A tecnologia estava prevista nos planos de Deus. Nossa tarefa como homens e mulheres de Deus é buscar a sabedoria para usá-la em benefício do Reino de Deus. Em seu primeiro livro, intitulado Tecnologia na Igreja – conectando pessoas e acelerando propósitos –, o autor, Pr. Alan dos Santos, comenta sobre usar a tecnologia como uma ferramenta de auxílio. O objetivo principal da obra é mostrar que jamais devemos colocar a tecnologia à frente de Deus, dos princípios da Sua Palavra ou como algo imprescindível para o desenvolvimento das igrejas, pois quem dá o crescimento é o próprio Deus e não uma ferramenta!

Tecnologia na Igreja  

Compre o seu: https://www.editorabetelvirtual.com.br/loja/?pagina=produto&id_produto=3098

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you