Page 1

Um brilho no sol do meio-dia S ucesso


Carlos roberto martins

Um brilho no sol do meio-dia S ucesso

S達o Paulo 2013


Copyright © 2013 by Editora Baraúna SE Ltda Capa e Projeto Gráfico Aline Benitez Revisão Vanise Macedo Diagramação Monica Rodrigues CIP-BRASIL. CATALOGAÇÃO-NA-FONTE SINDICATO NACIONAL DOS EDITORES DE LIVROS, RJ ________________________________________________________________

M342b

Martins, Carlos Roberto Um brilho no sol do meio-dia: sucesso/ Carlos Roberto Martins. - 1. ed. - São Paulo: Baraúna, 2013. ISBN 978-85-7923-696-9 1. Técnicas de auto-ajuda. 2. Motivação (Psicologia). I. Título. 13-00146

CDD: 153.8 CDU: 159.947.3 -------------------------------------------------------------------------------15/04/2013 15/04/2013 ________________________________________________________________ Impresso no Brasil Printed in Brazil DIREITOS CEDIDOS PARA ESTA EDIÇÃO À EDITORA BARAÚNA www.EditoraBarauna.com.br

Rua da Glória, 246 — 3º andar CEP 01510-000 — Liberdade — São Paulo - SP Tel.: 11 3167.4261 www.editorabarauna.com.br


Dedico a quem paciĂŞncia teve comigo, aos meus pais.


Sumário Apresentação................................................................ 9 O ser, eu..................................................................... 11 A vida......................................................................... 37 O tempo.................................................................... 40 Acreditando em ti....................................................... 42 Você nasceu com uma luz........................................... 44 Somos quem somos.................................................... 47 Usando as ferramentas certas...................................... 51 Desta vez é pra valer................................................... 53 Não quebre o encanto................................................ 55 Meta........................................................................... 57 Atitude....................................................................... 60 Planejamento............................................................. 64 Desenvolvimento....................................................... 68


Conhecimento........................................................... 73 Procurando respostas.................................................. 77 Acreditando em seu potencial..................................... 85 Lições do saber........................................................... 88 Realista sim; intransigente não................................... 92 Um passo à frente....................................................... 94 Seja criativo................................................................ 98 Ame-se; você tem valor............................................. 100 Sucesso, mais um passo............................................ 104 Compartilhe............................................................. 106 Procurando respostas................................................ 109 Um brilho no sol do meio-dia.................................. 111 Conclusão................................................................ 116


Apresentação CARLOS ROBERTO MARTINS, nascido em outubro de 1968, na cidade de Osasco, na grande São Paulo. Filho de Sara Laurindo Martins e Paulo Martins, que deram a este jovem senhor uma infância repleta de carinho, amor e educação, o que contribuiu para que se tornasse um conceituado profissional, capaz de diversificar seus conceitos, pois possui experiência em várias áreas do saber, permeando um caminho de profundo conhecimento das habilidades adquiridas. Cursou várias faculdades, tornando-se Bacharel em Música, Bacharelando Direito, Extensão em Músico Terapia, Bacharel em Pedagogia, Pós-graduado em Psicopedagogia e em Arte Terapia. Ademais, é Escritor e Palestrante, tendo vários cursos técnicos. Desde jovem, trabalhou muito e estudava durante a noite. Teve sua infância marcada por incansáveis estudos incentivados pelos pais. Casou-se com apenas 18 anos e teve dois maravilhosos filhos (Samuel e Natanael). Esforçou-se com afinco para ser um pai exemplar e um excelente profissional. Foi Um brilho no sol do meio-dia 9


reconhecido por sua magnitude profissional ao receber 22 prêmios, em oito anos: Destaque do Ano; Homem do Ano; Gigante; Top Empresarial; Sanday News; Quality Internacional Oscar de Ouro (recebido das mãos de Petrúcio Melo); Mãos e Mentes Brilhantes. Além desses, foi agraciado com vários prêmios de Honra ao Mérito. Tem seu nome imortalizado pela Academia Brasileira de Arte, Cultura e História, pelo livro São Paulo – Sua História e seus Monumentos, Destaques e Personalidades. Por ele, conseguiu chamar a atenção da mídia, destacando-se em várias revistas, jornais e programas de televisão. Suas viagens pelo mundo (Inglaterra, França, Espanha, Portugal, Estados Unidos da América, Itália, Egito, Israel, Argentina, Peru, Chile, Índia, China, Japão e outros) trouxeram-lhe conhecimento e respeito pela diversidade de costumes e modos, proporcionando a facilidade de entrar e sair pelos mais variados setores da sociedade. Possui cuidado e zelo ao passar seu saber com respeito e dignidade, cuidando da integridade da obra e da razão do ser. Faz palestras pelo amor de fazer e por dar esperança a muitas pessoas que precisam apenas de um empurrãozinho para decolarem no “céu” da vida. Para ele, ajudar sempre foi sinônimo de bem-estar; pois, neste caminho, a estrada possui duas mãos: uma que vai, e outra que vem. Feliz daquele que faz como Carlos Roberto Martins; dá tudo de si para um dia receber o melhor prêmio a receber, o seu... Muito obrigado.

10  Carlos Roberto Martins


O

ser, eu

Evidentemente que cursos técnicos, algumas faculdades, duas pós-graduações e uma extensão somados a vários cursos de aperfeiçoamento, viagens pelo mundo e 44 anos de vida dedicados a aprender e a filtrar sensações positivas, além de trabalhar muitos anos dando aulas, frequentando as diversas classes sociais, participando de palestras e conhecendo a diversidade de comportamentos humanos, dão a qualificação necessária para escrever este livro. A obra, querendo ou não, fará você, leitor, esforçar-se a fim de pensar uma forma de filtrar e condicionar seus atos de um jeito específico. O benefício desta leitura quebrará paradigmas e fará sensivelmente com que pessoas, com o mínimo de sensibilidade e inteligência, evoluam de maneira a não ser mais a mesma, em termos de opinião e senso crítico, pois reflexões, relatos e afirmações aqui descritas despertarão a força e a vontade de rever ou reforçar, a vontade de vencer e ser uma pessoa de sucesso. Você deve ser a primeira pessoa a investir em conhecimento visando ao próprio bem-estar, e também para faUm brilho no sol do meio-dia 11


cilitar a vida de modo que, ao encontrar dificuldades no percurso, possa compreender, codificar e transpô-las com autonomia para criar uma transformação em potencial, galgando um estágio intelectual superior. O poder de transformação não está nas mãos dos outros; e, sim, nas suas atitudes e pensamentos; cabe a você modificar seu estilo de vida se não está contente com ele; mudar atos e pensamentos, mostrando atitude e ação. O simples ato de começar a ler este livro e terminá-lo mostra sua determinação de conhecer e armazenar conhecimentos alheios. E, mesmo que algum destes conceitos seja conhecido, terá facilidade de fazer uma análise coerente, baseada nas experiências vividas; assim, reanimará os anseios positivos, transformando hábitos e armazenando bagagem intelectual para lidar com seu ego de forma coerente a seu tempo, além de insuflar desejo e ambição “saudável” de chegar a algum lugar melhor, partindo de onde você está. O sucesso não vem de repente, do nada; ele acontece. E como ocorre? Somente pessoas de sucesso sabem; então, será perguntando para elas que todos o obterão? Não é tão fácil assim, senão todos acolheriam o sucesso com a receita dada por outra pessoa já realizada. Não existe uma bula contendo as especificações quanto a isso. A verdade é que todos querem ter sucesso, mas poucos são ousados, determinados, dedicados, perseverantes e persistentes — características opostas aos fracassados. Existem, em livrarias, milhares de livros referindo-se ao sucesso; assim, não é por falta de informação que as pessoas não o atingem; informação existe e muita. Pense-

12  Carlos Roberto Martins


mos: as pessoas possuem o hábito de ler? Elas até pegam livros para ler, mas pouquíssimas terminam a leitura; e o mais grave é que nem todos os que leem colocam em prática o que leram. Ora, leitor, seja você sábio e ambicioso. Como já relatei, não é somente perguntando às pessoas que terá a fórmula mágica; e, sim, lendo bastante e procurando o conhecimento, principalmente em sua área almejada. Se tiver facilidade em humanas, esforce-se e supere suas necessidades, lendo sobre o assunto e suas diversidades. E assim será em exatas, biológicas, etc. Quem lê fala melhor, “enxerga” melhor e escuta melhor. Uma vez disse isso a um amigo, em Londres, e ele indagou: — Falar melhor tudo bem, mas enxergar e escutar melhor? Vou explicar da mesma forma que fizera com meu amigo: — Quem lê muito fala melhor, porque, além de praticar a leitura, enriquece o vocabulário. No tempo em que estamos, o poder de falar bem é bem visto e mostra traços da personalidade. O mercado de trabalho é seletivo e, na maioria das vezes, as pessoas que leem bastante possuem informações privilegiadas. — Enxerga melhor, porque consegue, além de ver, enxergar o ponto de vista do autor (a intenção da proposta), também desenvolvendo o senso crítico, aumentando o horizonte e as perspectivas cognitivas e fenomenológicas. Escuta melhor, pois está embasado nos assuntos lidos; portanto, sabe do que as pessoas estão falando, podendo argumentar, arguir ou até intervir se o assunto em pauta for errôneo e desclassificatório por parte dos

Um brilho no sol do meio-dia 13


outros. Ademais, numa boa leitura, você se “nutre” de assuntos interessantes, somatórios e acumulativos. E também encontra num livro um amigo que mexerá com sua imaginação, levando-o a praticar a força do pensamento e da memória. Vários leitores não põem em prática o que leram; contudo, outros leem e municiam-se de conhecimento para o crescimento intelectual e o cultural. Evidentemente, com bagagem cultural de leituras assíduas, poderão desenvolver a cidadania de tal forma que tudo o que fizerem, farão com autonomia e clareza, além de ficarem mais sociáveis e com mais senso crítico. Existe o fator conhecimento geral que ajuda muito; por isso, todos devem estar “antenados” aos acontecimentos cotidianos, transmitidos por TV, rádio, jornais e internet. Depois de tudo, terão a franqueza de, assim preparados, agarrarem e não desperdiçarem as oportunidades que passarem em sua vida, porque a oportunidade aparece para todos e em diferentes momentos. Os classificados dos jornais estão lotados de empregos para comprovar o que digo, e as vagas não são totalmente preenchidas, porque nem todos os profissionais estão preparados para os cargos desocupados. Esse fato ocorre por vários motivos, mas, definitivamente, a falta de perspectiva e a de preparo são as principais. Eu sempre digo que temos de nos preparar quando não precisamos para, quando precisarmos, estarmos preparados. Precisamos fazer bem feito para fazer uma única vez, de preferência; assim, ganharemos na precisão e no tempo. No mundo globalizado, somente sobrevive bem quem está preparado para aproveitar as oportunidades;

14  Carlos Roberto Martins


outros sobrevivem fazendo o que não querem fazer e recebem o que não querem. Contudo, merecem o que recebem por aquilo que fazem. Então, aparece a insatisfação que domina o mundo. A maioria das pessoas trabalha no que não gosta, mas o faz porque precisa suprir suas necessidades. A insatisfação traz desânimo, doenças; aniquila a esperança; mina as forças e enfraquece a vontade, desfazendo sonhos e trazendo à tona a comodidade e a inveja. Você já se percebeu desejando ter o carro do outro, o emprego fácil do outro, ou querendo, em pensamento, adquirir uma casa parecida com a que viu na televisão, a roupa ou sapato do amigo, do chefe ou do vizinho? O que acontece com pessoas assim é que o descaso com a sabedoria chegou a um ponto crítico. Esses indivíduos precisam tomar rumo para que satisfaçam pessoalmente o ego. Portanto, pare de olhar pela janela, de ficar vendo as pessoas passarem pela rua, e você querer o que elas têm, ou ser o que são. Você tem de ter bom senso; ver que seus ganhos mal dão para pagar aluguel, comer, vestir e ter tevê a cabo, convênio médico... Ah, se não fosse a empresa pagar, não teria! E, ainda assim, sonha em comprar uma BMW?! Um sonho é o desejo da alma, e o corpo precisa dele; no sonho, a vida pode ser tranquila. Basta desejar para conseguir o que se quer. No sonho, o tempo não passa; então, não importa o mal que o atormenta, seu dia há de chegar. Se está confiante, ele até pode se realizar, mas é preciso manter o pé no chão. Sonhar não faz mal e é necessário, mas temos de ter uma noção racional. Primeiramente, somente querer não

Um brilho no sol do meio-dia 15

Umbrilhonosoldomeiodia15  

A obra Um Brilho no Sol do Meio-dia – Sucesso foi desenvolvida para fluir a reflexão, partindo da vida do escritor que foi, e sempre será, u...

Advertisement