Recordacoes 15

Page 1



Recordações CONSELHOS, ROMANCE E CONTOS



Recordações CONSELHOS, ROMANCE E CONTOS

Dani Pensador

São Paulo 2017


Copyright © 2017 by Editora Baraúna SE Ltda

Projeto Gráfico Editora Baraúna Revisão

Editora Baraúna

CIP-BRASIL. CATALOGAÇÃO-NA-FONTE SINDICATO NACIONAL DOS EDITORES DE LIVROS, RJ ________________________________________________________________ ________________________________________________________________

Impresso no Brasil Printed in Brazil

DIREITOS CEDIDOS PARA ESTA EDIÇÃO À EDITORA BARAÚNA www.EditoraBarauna.com.br

Rua da Quitanda, 139 – 3º andar CEP 01012-010 – Centro – São Paulo - SP Tel.: 11 3167.4261 www.EditoraBarauna.com.br


Nunca esqueça as tuas raízes para que fortaleças o teu caule e ramifique os teus ramos. Dani Pensador

A vara e a disciplina dão sabedoria. Corrige o teu filho e te dará descanso. Prov: 29-15:17



CONSELHOS, ROMANCE E CONTOS



Dedicatória

Ao Padre Telmo Ferraz, pelo amor e pela paciência primada no coração de um Pai; como Rei, tudo fez para matizar esta obra. A Casa do Gaiato e aos Padres, hoje e sempre, nunca levaram para suas próprias vidas, com a finalidade de dar vida a nossas vidas, avante os nossos feitos. Ao Psicólogo David D. Ferreira, pela riquíssima disponibilidade e conselho que sempre tive por sua parte, não amorrinho todos os dias da minha vida, tudo pelo tempo da nossa amizade lendária. Aos Homens colaço em toda parte do mundo, onde com muito apreço e carinho de vossos corações castiços não me faltou alegria e lágrimas de risos!



Agradecimentos

Primeiramente agradeço ao Altíssimo Deus da Glória e aos meus pais biológicos. A todos que me apoiaram direta ou indiretamente, em especial o Escritor Fredi Ngola, o Psicólogo David D. Ferreira, o Dr. Manoel Alves dos Santos, o Eng. Domingos de Brito, o Sr. Williams Jorge Oliveira, a Sra. Williana Freita de Oliveira, Frederico Tchisapa Ntungo, Ariel de Fátima Salvador da Fonseca, Arlindo Graciano, a Casa do Gaito, a Macon Transportes e a todos os irmãos da Casa do Gaito, colegas e amigos: Márcio Policarpo Martins, António Ndongo André, Martins Jorge, Sungu Simão, Sebastião P. Ucani, Manuel Alves Panda. Em especial à minha querida Esperança Domingos Vieira e à minha irmã Felisberta Famorosa, pelo apreço, carinho e motivação que não faltou da vossa parte.



Sumário Nós, os dois. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 15 O outro lado da mulher . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 16 Para crescer a vida deu-nos tempo e com o tempo crescemos . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 21 Crescer no amor. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 23 O amor não se escolhe nem se acha . . . . . . . . . . . . 25 Vida e seu valor. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 26 Vida e seu valor: “lembranças”. . . . . . . . . . . . . . . . . 28 Férias. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 31 Ao me inspirar. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 33 Casada. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 35 Solidão . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 39 Saudades. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 43 Já não há pessoas. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 45 Sonho de mãe. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 47


Quem falou de nรณs . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 49 A ressaca. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 51 Tirania masculina. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 54 Se um dia escrevi . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 58


NÓS, OS DOIS

Eu e você somos diferentes, em comportamento e na maneira em que condiz a nossa sexualidade, como homem e como mulher. Mas não significa diferentes em direito e em deveres, pois somos um para com o outro criaturas de Deus, temos uma maneira de ser e de nos relacionar como pessoas, bem distantes da concupiscência e, sobretudo, como imagem e semelhança do criador único e onipotente, que por sua infinita bondade e sabedoria nos fez e nos amou como nunca; por estas características nos tornamos dois!...

15