Issuu on Google+

Bol$a $em $tre$$


Najun Azario Flato Turner

Bol$a $em $tre$$

S達o Paulo 2011


Copyright © 2011 by Editora Baraúna SE Ltda Capa A.F. Capas Projeto Gráfico Tatyana Araujo Revisão Vanise Macedo CIP-BRASIL. CATALOGAÇÃO-NA-FONTE SINDICATO NACIONAL DOS EDITORES DE LIVROS, RJ ________________________________________________________________

T852b

Turner, Najun Azario Flato Bolsa, sem stress / Najun Azario Flato Turner. - São Paulo : Baraúna, 2010. ISBN 978-85-7923-234-3 1. Bolsa de valores. 2. Mercado financeiro. 3. Ações (Finanças) . 4. Investimentos. I. Título. 10-5947. CDD: 332.6322 CDU: 336.76 16.11.10 02.12.10

022984

________________________________________________________________ Impresso no Brasil Printed in Brazil DIREITOS CEDIDOS PARA ESTA EDIÇÃO À EDITORA BARAÚNA www.EditoraBarauna.com.br Rua Januário Miraglia, 88 CEP 04547-020 Vila Nova Conceição São Paulo SP Tel.: 11 3167.4261 www.editorabarauna.com.br www.livrariabarauna.com.br

Contato com o autor: najunturner@hotmail.com Tel.: 011 8879.5090 - São Paulo/ Brasil 00 (operadora) 59895866499 - internacional


Para Simon, Uri, Ana, Elias, Raphael, Gabriel, Deusa, Mara, Gabriela, Adriana, Lorena, Tomas, Samuel. À minha família, que é minha felicidade, e também a meus amigos inestimáveis.


PREFÁCIO

O objetivo deste manual é oferecer uma leitura leve e indispensável para a compreensão da indústria do mercado de ações, de commodities e futuro. A mídia tem um importante papel na flutuação das cotações por ser a maior formadora de opinião da atualidade. Assim, a interpretação, a investigação e a informação acerca dos fatos políticos, econômicos, judiciais e sociais são as maiores forças que movem o mercado. No entanto, muitas vezes as notícias não mostram os fatos de forma clara. Este humilde trabalho tem como base minha experiência no mercado como investidor e especulador. Diversas vezes agi com ousadia, incerteza e emoção. Contudo, sempre trabalhei dentro dos limites da ética, da moral e dos bons costumes, herança que recebi de meus pais. Com este livro, pretendo contribuir para uma interpretação mais humana do misterioso universo financeiro: um jogo globalizado do qual todos querem participar.


SUMÁRIO

Regras básicas. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 11 Estratégia. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 17 Mercado. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 29 Bolsa de valores . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 41 Investidor. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 47 Mídia. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 61 Economia e política. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 69 Fundos de investimento. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 85 Corretagem . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 93 Mercado futuro . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 97 Especulação. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 103 Opção . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 111 Volatilidade . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 123


Gráficos. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 125 Índice. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 129 Globalização. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 131 Câmbio . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 139 Citações . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 145 Curiosidades sobre a bolsa de valores . . . . . . . . . . . . 151 Curiosidades sobre a dívida brasileira. . . . . . . . . . . . 157 Conclusão . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 159 Glossário . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 161


Bol$a $em $tre$$

REGRAS BÁSICAS

• Cuidado com as dicas em geral. • Nem todos ganham. Na natureza do jogo, a soma é zero. • Quanto maior o retorno, maior o risco. • Não confunda intuição e convicção. • Não pretenda permanecer no mercado indefinidamente; é o mesmo que querer velejar quando não há vento. • O investidor sensato reconhece seus erros. Existe uma grande diferença entre tentar e justificar: no primeiro caso, você continua investindo; no segundo, quebra. Afinal, para operar com alegria e rentabilidade, vale a regra principal de qualquer negócio: comprar por menos e vender por mais. • Não podemos tratar eventos poucos previsíveis como impossíveis. • Guarde o lucro no bolso, não na Bolsa. 11


Najun Azario Flato Turner

• Minimizar o prejuízo é deixar o lucro crescer. Geralmente, o investidor não está preparado para assumir uma perda. Há sempre o risco de crash nos mercados de valores mobiliários, o que não pode ser considerado uma calamidade como um terremoto ou uma epidemia. • As Bolsas não são cassinos, mas seus participantes se comportam como seus frequentadores. • Só é possível formar uma opinião sincera sobre a Bolsa após ter perdido dinheiro. • Jamais seja complacente. Nunca permaneça por períodos prolongados em uma posição: ela pode quebrá-lo. • Os acontecimentos que interferem no mercado não obedecem à nenhuma lei. • Os mercados futuros não prognosticam acontecimentos. • Estabeleça uma diferença clara entre expectativa e fato. Jamais pense que a tendência predominante é a verdadeira. Os mercados também se baseiam em teorias deficientes e provocam reações para tentar impedir que determinados eventos aconteçam. • Quanto maior o lucro, menor a cautela. Por isso, não se descuide. Esteja consciente de que os mercados, mesmo regulamentados, são imperfeitos. • A presença de mais de uma pessoa é suficiente para gerar vazamento de informação. • Eis o principal: se você acredita que o mercado está subindo, compre. Se achar que Bolsa cairá, 12


Bol$a $em $tre$$

• •

• •

• • •

venda. O restante é ficção. Só que essa ficção pode se transformar em lucro ou prejuízo material. Na Bolsa, é possível vender por menos do que se compra e ter lucro! Não há obrigatoriedade de os preços dos ativos e das commodities espelharem o equilíbrio entre a oferta e a demanda. Aplicações na Bolsa e no mercado futuro são posições que se alteram entre céu, purgatório e inferno. Evite tentar adivinhar o mercado de ações. De dez, você acerta duas previsões. Com boas informações, use o raciocínio lógico. É impossível prever a tendência das ações ou commodities. Às vezes, uma ação sobe simplesmente porque ela está na moda. A faixa da normalidade muda de lugar. O mercado é imprevisível e aleatório. O participante dos mercados de ações, futuros e commodities deve saber, de antemão, que vai passar por situações de alegria, angústia, ódio, desânimo, desespero, desequilíbrio emocional e, provavelmente, financeiro. Mesmo por trás da rigidez de um pregão, existem pessoas apaixonadas que dedicam suas vidas a esse mercado. Lembre que nem sempre a maioria está errada. A obstinação perturba a lógica do raciocínio. E comprar pechinchas pode custar caro. Quando fizer um investimento no mercado de valores mobiliários, mesmo apostando no óbvio, sempre deixe uma alternativa para um possível acidente. 13


Najun Azario Flato Turner

• Em um portfólio de investimentos, quanto mais diversificados os ativos, maiores as chances de rentabilidade. • Ações de boas empresas não são necessariamente boas ações. • O preço de um ativo é o resultado da interação entre oferta e demanda. A tendência de um ativo pode atingir o ponto de extravagância, a partir do qual só pode regredir. • Os mercados se tornaram extremamente instáveis e as medidas tradicionais de análise de risco não se aplicam mais. • Nem pense duas vezes: revelar fontes de informação no mundo dos investimentos é algo que não se faz. • Todos nós temos limitações. • No mercado, existem oportunidades difíceis: devemos enxergá-las antes que se tornem fáceis. • No mercado, não há espaço para a ingenuidade. • No mercado de valores mobiliários, o preço da espera não importa: o benefício futuro é decisivo. • Os negócios são como o ciclo da vida: há semicírculos que vão do auge ao declínio. • Precisamos lembrar que é próprio da vida e dos negócios sofrer perdas quando temos expectativas de maiores lucros. • Decisões fundamentadas em informações sobre o passado são melhores do que decisões tomadas aleatoriamente. • As previsões intuitivas existem, mas também falham. • Atrás de uma grande fortuna existe um grande crime. 14


Bol$a $em $tre$$

• Você nunca empobrece ao realizar o lucro. • O dinheiro acalma nossa inquietação. • Tudo possui uma causa. No entanto, nós, seres humanos, somos incapazes de identificar todas as causas de um determinado evento.

15


Bolsa sem stress