Page 1


4

UNIDADE

Getty Images/Imagezoo

De volta Ă democracia

94

04_Plural_Hist5_Un4_094a128.indd 94

12/07/12 20:55


Images.com/Alamy/Other Images

Respostas pessoais. 1. Você sabe qual é o significado da palavra cidadania?

2. Na sua opinião, o que é ser cidadão? 3. Você se considera um cidadão? Por quê?

95

04_Plural_Hist5_Un4_094a128.indd 95

12/07/12 20:55


A democracia reconquistada

nça Dawidson Fra

Como você já aprendeu, em 1985, após as intensas mobilizações sociais em todo o Brasil, chegou ao fim a ditadura militar. A volta da democracia veio acompanhada de uma grande esperança nos novos tempos que se apresentavam. Mas eram muitos os desafios a ser enfrentados, como a superação da crise econômica e a grande desigualdade social existente no país.

Tancredo Neves foi eleito indiretamente presidente do Brasil. Mas ele adoeceu e faleceu antes mesmo de tomar posse. Então, quem assumiu a presidência foi o vice, José Sarney, que foi o primeiro presidente civil após mais de 20 anos de ditadura militar.

96

04_Plural_Hist5_Un4_094a128.indd 96

12/07/12 20:55


Uma nova Constituição

Lula Marques/Folhapress

Uma das primeiras medidas do governo de José Sarney foi convocar uma Assembleia Constituinte para a elaboração de uma nova Constituição brasileira. Afinal, era preciso mudar as leis do país para que o retorno à democracia fosse garantido. A característica mais importante da nova Constituição foi a participação dos cidadãos. Organizados em associações, sindicatos, igrejas e comitês, os cidadãos de todo o país foram decisivos na elaboração da Constituição Federal de 1988. Foi em função da participação do povo que foram inseridas na Lei Maior brasileira as chamadas emendas populares. Essas emendas trataram da proteção da família, da criança, do adolescente, do idoso, dos indígenas, do meio ambiente e dos trabalhadores rurais, entre outros temas de interesse social, econômico e político.

Constituintes prestam juramento à Constituição, no ato de sua promulgação. Fotografia de 5 de outubro de 1988.

Porém, mesmo com essas conquistas, Sarney era visto com desconfiança pela população. Seu governo, apesar dos diversos planos econômicos, não conseguiu superar as crises econômicas iniciadas no governo militar.

97

04_Plural_Hist5_Un4_094a128.indd 97

12/07/12 20:55


Registros históricos A Constituição cidadã

Lia Lubambo/Editora Abril

Conheça alguns trechos da Constituição de 1988.

Capa do livro da Constituição de 1988.

[...] Art. 3º Constituem objetivos fundamentais da República Federativa do Brasil: I – construir uma sociedade livre, justa e solidária; II – garantir o desenvolvimento nacional; III – erradicar a pobreza e a marginalização e reduzir as desigualdades sociais e regionais; IV – promover o bem de todos, sem preconceitos [...]. Art. 5º Todos são iguais perante a lei [...]. Art. 6º São direitos sociais a educação, a saúde, o trabalho, o lazer, a segurança, a previdência social, a proteção à maternidade e à infância, a assistência aos desamparados, na forma desta Constituição. [...] Art. 9º É assegurado o direito de greve [...].

98

04_Plural_Hist5_Un4_094a128.indd 98

12/07/12 20:56


Art. 196. A saúde é direito de todos e dever do Estado [...]. Art. 205. A educação, direito de todos e dever do Estado e da família, será promovida e incentivada com a colaboração da sociedade, visando ao pleno desenvolvimento da pessoa, seu preparo para o exercício da cidadania e sua qualificação para o trabalho. [...] Art. 231. São reconhecidos aos índios sua organização social, costumes, línguas, crenças e tradições, e os direitos originários sobre as terras que tradicionalmente ocupam, competindo à União demarcá-las, proteger e fazer respeitar todos os seus bens. [...]

Lula Marques/Folhapress

Disponível em: <www2.camara.gov.br/legin/fed/consti/1988/constituicao-1988-5-outubro1988-322142-publicacao-1-pl.html>. Acesso em: jan. 2012.

Entrega de emendas populares para a Constituinte, em Brasília. Fotografia de 1987. No total, foram mais de 250 diferentes entidades e 122 emendas populares que contaram com um total de 12 265 854 assinaturas.

1. Complete as frases com as informações sobre a Constituição de 1988. lei

a) Todos são iguais perante a b) A

.

educação

é direito de todos e dever do Estado e da família. c) É objetivo da república do Brasil promover o bem de todos, sem preconceitos

.

99

04_Plural_Hist5_Un4_094a128.indd 99

12/07/12 20:56


Diretas, finalmente

AE

Como previa a Constituição, finalmente, em 1989, os cidadãos brasileiros voltaram às urnas para eleger seu presidente. Havia mais de 20 candidatos disputando os votos, mas Fernando Collor (Partido da Reconstrução Nacional) e Luiz Inácio Lula da Silva (Partido dos Trabalhadores) foram os que mais se destacaram no primeiro turno. Collor, que tinha sido governador de Alagoas, ganhou popularidade pelo combate aos salários altos e ao excesso a benefícios de alguns funcionários públicos, que foram apelidados de marajás. Por isso, durante a campanha presidencial, ele ficou conhecido como o “caçador de marajás”. Lula era deputado federal e ex-sindicalista. Sua atuação pelo fim da ditadura militar e pelos direitos dos trabalhadores era o que lhe dava popularidade. Na disputa de segundo turno, Collor foi o candidato vitorioso. Ele foi o primeiro presidente eleito por voto direto após o fim da ditadura militar.

Debate exibido na televisão entre os candidatos Luiz Inácio Lula da Silva e Fernando Collor, sob o comando de Marília Gabriela. Fotografia de 1989. Como você estudou, desde a década de 1950, a televisão foi se tornando cada vez mais popular. Assim, a partir das eleições de 1989, a televisão passou a ser o principal veículo de propaganda dos candidatos. Pela primeira vez ocorreram debates entre os candidatos em várias redes de televisão.

Troca de ideias 1. Converse com os colegas e o professor sobre as seguintes questões. a) Por que a televisão foi o principal veículo de propaganda dos candidatos a partir das eleições de 1989? Espera-se que os alunos relacionem a televisão como o principal veículo de propaganda eleitoral à grande popularidade desse meio de comunicação. b) Na sua opinião, o eleitor deve se basear apenas na propaganda política veiculada na televisão para decidir em quem vai votar? Por quê? Resposta pessoal.

100

04_Plural_Hist5_Un4_094a128.indd 100

12/07/12 20:56


Collor: eleito e derrubado pelo povo

Lula Marques/Folhapress

Fernando Collor foi eleito no segundo turno com 4 milhões de votos a mais que Lula, numa eleição em que votaram 70 milhões de cidadãos. Contudo, ele não completou seu mandato. A economia continuou em crise, apesar dos planos econômicos que tentavam combatê-la. Além disso, o presidente foi acusado de corrupção e afastado do cargo durante as investigações.

O então presidente Fernando Collor olha no relógio no momento em que assinaria o documento em que reconhece que seria afastado do cargo. Fotografia de 1992.

Ele renunciou ao cargo para tentar evitar o impeachment, mas foi condenado pelo Senado e teve seus direitos políticos cassados por oito anos. impeachment (pronuncia-se “impítchment”): processo pelo qual um presidente, governador ou prefeito é destituído do poder pelo Congresso Nacional, Assembleia Legislativa ou Câmara Municipal, devido a crime político.

1. Por que o presidente Fernando Collor foi afastado da presidência? Porque ele foi acusado de corrupção e afastado do cargo durante as investigações.

101

04_Plural_Hist5_Un4_094a128.indd 101

12/07/12 20:56


Os caras pintadas Você já ouviu falar dos caras pintadas? Sabe o que foi esse movimento?

Nelio Rodrigues/Editora Abril

O movimento dos Caras Pintadas marcou o ano de 1992. Movidos pela ética e pelo patriotismo, estudantes de todo o Brasil pintaram o rosto de verde-amarelo, vestiram-se de preto e tomaram as ruas para exigir o impeachment (retirada do governo) do presidente Fernando Collor de Mello. [...]

Manifestação popular pelo impeachment de Collor, em Brasília. Fotografia de 1992. Os jovens pintaram o rosto com as cores da bandeira do Brasil e exigiram “Fora, Collor!”.

Segundo opiniões de políticos e estudiosos, sem o movimento dos Caras Pintadas, o afastamento de Collor provavelmente não teria acontecido. Os jovens fizeram a diferença nesse processo! Reconheceram a importância de acompanhar a política, reclamaram, manifestaram-se contra o governo e promoveram, a seu modo, grandes mudanças no País. Disponível em: <www.plenarinho.gov.br/cidadania/o-povo-fez-acontecer/os-caras-pintadas>. Acesso em: jan. 2012.

1. Os manifestantes da fotografia exibem cartazes de protesto com frases como “Fora Collor”, “Assim não dá! Impeachment!” e “Chegou a hora: fora Collor”. A maioria desses manifestantes era formada por:   idosos     

X   jovens     

  mulheres

1 02

04_Plural_Hist5_Un4_094a128.indd 102

12/07/12 20:56


Ler e compreender

Lute

Você já ouviu falar em inflação? Sabe o que essa palavra significa? Observe esta charge. Ela retrata uma situação muito comum no Brasil durante os períodos dos governos Sarney e Collor.

1. Complete o texto sobre como a charge critica a inflação.

   O chargista representou um brasileiro utilizando um de brinquedo para fazer inflação

dos pela menina

compras

carrinho

. Os preços altos provoca-

levaram o homem a utilizar o carrinho da , pois ele iria comprar menos produtos.

Inflação é a situação em que existe ao mesmo tempo o aumento dos preços dos produtos e serviços e a diminuição do poder de compra do dinheiro.

103

04_Plural_Hist5_Un4_094a128.indd 103

12/07/12 20:56


Ampliar horizontes O Código de Defesa do Consumidor

Dawidson França

Se você comprar um brinquedo e, ao abrir a embalagem, descobrir que ele está quebrado, o que fará?

Consumidor é a pessoa que adquire um produto ou um serviço. Em tempos de alta inflação e sem direitos garantidos, muitos abusos eram cometidos contra os consumidores. Mas, desde a década de 1980, a sociedade brasileira vinha se mobilizando para reivindicar também seus direitos de consumidor. Devido a essas mobilizações, no ano de 1990 foi lançado o Código de Defesa do Consumidor. Ele trata dos direitos de quem compra e os deveres de quem fornece produtos e serviços. O Código de Defesa do Consumidor possibilita que os cidadãos saibam o que fazer caso tenham seus direitos desrespeitados.

104

04_Plural_Hist5_Un4_094a128.indd 104

12/07/12 20:56


IDEC — Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor

[...] diga sem piscar: o que deve ser feito quando um produto que você comprou não é exatamente o combinado com a empresa? Reclamar, certo? Os brasileirinhos de hoje já nasceram sabendo que têm todo o direito de exigir seus direitos. Não é à toa, pois eles cresceram com o Código de Defesa do Consumidor. E nesse livro está claro: o consumidor deve brigar por seus direitos. As empresas, por sua vez, não podem dormir no ponto porque os cidadãos de hoje não deixam barato. Se o produto ou o serviço não são bons, eles colocam mesmo a boca no trombone. Então, nem vem que não tem! [...] chiclete que dá dor de barriga e empresa que só promete e não cumpre – essa turma não está com nada!

Capa do Código de Defesa do Consumidor, 1991.

[...] O Código é muito importante porque ajudou o brasileiro a ter mais consciência de sua cidadania, a exigir respeito aos seus direitos e mais transparência nas relações de compra e venda. [...] O Código de Defesa do Consumidor pode ser bem eficiente quando as pessoas o conhecem e fazem uso dele. E as crianças e os jovens não podem ficar fora desse movimento. É questão de cidadania! [...] Quando você se sentir prejudicado em um negócio, a primeira atitude que deve tomar é tentar negociar com a empresa fornecedora. É bom anotar o nome do atendente que respondeu pela empresa. No caso da reclamação ser feita por carta, não deixe de indicar um prazo para a resposta! Se não houver sucesso na negociação direta com a empresa, não desista! Vá ao segundo passo: peça ajuda dos órgãos que ajudam o consumidor, como o Procon (Programa de Defesa do Consumidor). Eles vão tentar negociar com o fornecedor. Mas se a empresa não quiser negociar de jeito nenhum, aí sim, pode exigir seus direitos na Justiça. [...] Disponível em: <www.plenarinho.gov.br/cidadania/Reportagens_publicadas/conheca-seus -direitos-de-consumidor>. Acesso em: jan. 2012.

Troca de ideias 1. Você já adquiriu algum produto ou serviço e se sentiu prejudicado? 2. O que você fez? Respostas pessoais.

105

04_Plural_Hist5_Un4_094a128.indd 105

12/07/12 20:56


O Brasil em tempos de globalização Você provavelmente já ouviu falar em globalização. Mas você sabe o que essa palavra quer dizer?

Diferentemente do que acontecia no passado, quando as notícias demoravam para ir de um lugar a outro, atualmente os satélites de comunicação e a informática possibilitam que tenhamos acesso a informações do mundo inteiro e quase em tempo real, ou seja, no momento em que o fato está ocorrendo. Músicas, filmes, roupas são lançados e vendidos em vários países quase ao mesmo tempo. Por exemplo, brasileiros ficam sabendo de uma música de um grupo dos Estados Unidos praticamente ao mesmo tempo que australianos, mexicanos, japoneses etc. Além disso, diversos produtos, como carros, motos, computadores e celulares, são lançados em todo o mundo simultaneamente. Até na linguagem a globalização interfere. Por exemplo, no Brasil e em outros países do mundo há as pizzarias delivery, os restaurantes self-service e a comida fast-food.

Douglas Cometti/Folhapress

A globalização é um processo de integração entre os diversos países do mundo e se intensificou a partir da década de 1980. Essa integração engloba os aspectos econômicos, culturais, sociais e tecnológicos.

Placa de restaurante no Brasil. Fotografia de 2010.

106

04_Plural_Hist5_Un4_094a128.indd 106

12/07/12 20:56


Chris Ratcliffe/Bloomberg/Getty Images

Geoffrey Robinson/Alamy/Other Images

Nesse processo, as empresas transnacionais, características da atual fase da globalização, têm feito mudanças importantes na sua produção. As facilidades de comunicação e transporte lhes permitem instalar suas fábricas em diversos lugares do mundo. Esses lugares são, geralmente, os países em que elas pagam menos impostos e encontram mão de obra e matéria-prima mais baratas. Muitos de seus produtos não têm mais nacionalidade: por exemplo, um automóvel norte-americano pode ter peças japonesas, projeto francês e montagem brasileira. O uso de máquinas também é marcante no mundo globalizado atual. No campo, por exemplo, tratores, colheitadeiras, ordenhadeiras e outras máquinas agrícolas vêm já há algum tempo substituindo o trabalho humano, forçando milhões de pessoas a se deslocar para as cidades, à procura de emprego. Porém o uso da tecnologia para substituir trabalhadores não se deu apenas no campo. Robôs têm sido usados nas indústrias com frequência cada vez maior, por exemplo. O aumento do desemprego e da desigualdade social também está relacionado, portanto, com o uso da tecnologia.

Desempregados na frente de um centro para busca de empregos, Inglaterra. Fotografia de 2009.

Robôs na indústria automobilística, Inglaterra. Fotografia de 2010.

empresa transnacional: empresa que não tem vínculo com qualquer país e usa de estratégias internacionais para a sua produção. Assim, nem toda a produção é feita em um único lugar e mesmo as peças utilizadas podem ser provenientes de diversas regiões do mundo.

Marque com um X as frases que representam consequências negativas da globalização. X   Aumento do desemprego.

  Desenvolvimento de tecnologia.

  Facilidade de comunicação. X   Desigualdade social.

X  Necessidade de abandono do campo em busca de trabalho nas cidades.

107

04_Plural_Hist5_Un4_094a128.indd 107

12/07/12 20:56


Um dos aspectos da globalização envolve a privatização das empresas estatais. No Brasil, foi durante o período em que Collor esteve na presidência que tiveram início as privatizações de empresas estatais brasileiras. Acreditava-se que essa medida diminuiria os gastos e as dívidas do país. Depois da renúncia de Collor, Itamar Franco, até então seu vice-presidente, assumiu a presidência do Brasil. E, durante o seu governo, as privatizações continuaram. A Companhia Siderúrgica Nacional (CSN), por exemplo, cuja construção foi iniciada no governo de Getúlio Vargas e era a maior usina de aço do Brasil, foi vendida, em 1993, para empresas particulares durante o governo de Itamar Franco. Como você estudou, durante o período militar, houve crises econômicas e altas na inflação, mas os diversos planos de combate a ela durante os governos Sarney e Collor fracassaram. Assim, quando Itamar Franco assumiu o governo, o país estava com inflação altíssima e os preços dos produtos continuavam a aumentar quase todos os dias. Então, em 1993, o ministro da Fazenda, Fernando Henrique Cardoso, mais conhecido como FHC, lançou o Plano Real. Esse plano, entre outras medidas, mudou a moeda brasileira, em 1994, para o Real e possibilitou que a inflação fosse quase totalmente controlada.

Museu de Valores do Banco Central

O Plano Real

Cédulas e moedas de Real em circulação no Brasil. Fotografia de 2011.

108

04_Plural_Hist5_Un4_094a128.indd 108

12/07/12 20:57


Os governos de FHC

Marko Ankosqui/Folhapress

Devido aos bons resultados na economia do país com o Plano Real, o ex-ministro FHC disputou e venceu as eleições seguintes para presidência do Brasil, que aconteceram no ano de 1994. No primeiro mandato de FHC (1995-1998), a economia se manteve estável e a inflação chegou a praticamente zero. O programa de privatizações continuou de forma acelerada. Entre as empresas estatais vendidas incluíram-se a Companhia Vale do Rio Doce (CVRD) e a Empresa Brasileira de Aeronáutica (Embraer). Também durante o primeiro mandato de FHC foi aprovada uma lei que permitia a reeleição de presidentes, governadores e prefeitos no país. Assim, nas eleições de 1998, FHC concorreu novamente à presidência do Brasil e foi reeleito para mais quatro anos de governo. Logo no início de seu segundo mandato (1999-2002), ocorreu uma séria crise econômica mundial que repercutiu no Brasil e abalou a popularidade do governo FHC. Houve um considerável aumento na inflação e no desemprego – e isso fez com que crescesse, também, o número de trabalhadores informais.

Desempregados observam placas de anúncios de empregos, sustentadas por aposentados, no centro da cidade de São Paulo. Fotografia de 1999. trabalhador informal: indivíduo que trabalha sem vínculo com uma empresa e, além de não ter renda fixa, não tem seus direitos trabalhistas garantidos, como carteira assinada, férias, décimo terceiro salário.

1. Marque com V somente as frases verdadeiras. V Fernando Henrique Cardoso venceu as eleições presidenciais em 1994. V Durante o primeiro governo de FHC, a inflação praticamente chegou a zero.

Durante o segundo governo de FHC, o número de trabalhadores informais diminuiu.

109

04_Plural_Hist5_Un4_094a128.indd 109

12/07/12 20:57


Trabalho informal no Brasil

Palê Zuppani/Pulsar Imagens

João Marcos Rosa/Nitro Images

Devido aos altos índices de desemprego e à falta de apoio aos desempregados, o trabalho informal acabou sendo uma alternativa para milhares de brasileiros, de todo o país, obterem uma renda que lhes permitisse viver. Observe estas fotografias.

Comércio ambulante no centro de São Luís, estado do Maranhão. Fotografia de 2007.

Delfim Martins/Pulsar Imagens

Trabalhadora informal em Ouro Preto, estado de Minas Gerais. Fotografia de 2009.

Comércio ambulante na cidade de Serra Talhada, Pernambuco. Fotografia de 2010.

◆◆ Observe

a lista abaixo e marque com um X o tipo de trabalhador informal que você já viu em seu bairro ou em sua cidade. Resposta pessoal.

  Engraxate.

 Pescador.

 Vendedor de sorvete.

  Camelô.

 Verdureiro.

  Encanador.

 Amolador de faca.

 Pintor.

 Catador de material reciclável.

 Pipoqueiro.

110

04_Plural_Hist5_Un4_094a128.indd 110

12/07/12 20:57


Os governos de Lula

Lula Marques/Folhapress

Nas eleições de 2002, Luiz Inácio Lula da Silva foi escolhido presidente da república. Ele foi o primeiro presidente eleito no Brasil oriundo das camadas mais pobres da população.

O presidente Lula acena para a multidão logo após a cerimônia de posse, em Brasília. Fotografia de 2003. Cerca de 150 mil pessoas vindas de todos os cantos do Brasil festejaram a posse de Lula.

Um dos grandes desafios do governo Lula era o combate à miséria e ao desemprego. Para isso foram criados alguns programas sociais ou reelaborados programas iniciados nos governos anteriores. Os programas sociais foram uma marca do governo Lula. Entre seus objetivos estava beneficiar a população mais pobre, a fim de distribuir renda e combater as enormes desigualdades sociais existentes no país. Os bons resultados conseguidos possibilitaram que Lula fosse reeleito para um segundo mandato, nas eleições de 2006.

111

04_Plural_Hist5_Un4_094a128.indd 111

12/07/12 20:57


João Prudente/Pulsar Imagens

Um dos principais programas dos governos Lula foi o Bolsa Família, que tinha por objetivo garantir à população mais carente direitos essenciais como alimentação, saúde e educação. Para terem acesso ao benefício, que se dava através da doação mensal de uma certa quantia de dinheiro, as famílias tinham de manter seus filhos na escola e levá-los aos postos de vacinação. Houve também outros programas, como o Programa Universidade para Todos (ProUni), que ofereceu bolsas de estudos para jovens pobres em universidades particulares. Por meio dessas e de outras medidas, o governo conseguiu reduzir significativamente o número de desempregados e aumentar consideravelmente o número de estudantes universitários.

Alunos em aula de informática em uma universidade brasileira. Fotografia de 2008.

1. Relacione os programas de governo aos objetivos descritos abaixo: A: Bolsa Família       B: ProUni B Oferece bolsa de estudos para jovens carentes frequentarem a faculdade. A

Doação mensal de dinheiro para garantir a famílias carentes o direito a alimentação, saúde e educação.

112

04_Plural_Hist5_Un4_094a128.indd 112

12/07/12 20:57


Ler e compreender Territórios da Cidadania Além dos programas sociais, outras iniciativas foram tomadas a fim de gerar atividades produtivas e criação de empregos, combater a seca e promover a integração nacional. Em 2008, por exemplo, o governo lançou o programa Territórios da Cidadania, visando promover o desenvolvimento econômico e social em alguns dos municípios mais carentes do Brasil. Em 2010 foram atendidos mais de mil municípios brasileiros, por meio da criação de 120 Territórios da Cidadania. Uma das medidas envolve as trabalhadoras rurais, a fim de que possam desenvolver sua autonomia econômica e superar as desigualdades entre homens e mulheres no meio rural. Territórios da cidadania – 2010 Selma Caparroz

50° O

Equador

OCEANO ATLÂNTICO

Trópico

de Capr

N

icórnio

OCEANO PACÍFICO

O

L S

Territórios da Cidadania

0

430 km

Fonte: Territórios da Cidadania/Governo Federal. Disponível em: <http://www.territoriosdacidadania.gov.br/dotlrn/clubs/territriosrurais/ one-community>. Acesso em: jan. 2012.

1. Qual o principal objetivo do programa Territórios da Cidadania? Promover o desenvolvimento econômico e social de municípios carentes.

2. De acordo com o mapa acima, em que regiões mais se concentram as ações do programa Territórios da Cidadania? Nas regiões Norte e Nordeste.

113

04_Plural_Hist5_Un4_094a128.indd 113

12/07/12 20:57


Governo Dilma Rousseff

Pierre Baldez/Futura Press

Com o fim do mandato Lula, houve eleições em 2010. Lula apoiou a candidatura de sua ministra Dilma Rousseff. O apoio de Lula e a sua participação na campanha eleitoral geraram muitas críticas ao ex-presidente. Apesar disso, Dilma Rousseff foi eleita e se tornou a primeira mulher a assumir a presidência do país.

Cerimônia de posse de Dilma Rousseff, em Brasília. Fotografia de 2011.

Arnaldo Carvalho/JC Imagem

Foram muitas as transformações e conquistas dos cidadãos brasileiros no período democrático pós-ditadura militar. Porém, ainda são grandes os desafios a serem enfrentados pelos governos e pelos cidadãos.

Vista de palafitas junto a edifícios nobres em um bairro de Recife, estado de Pernambuco. Fotografia de 2007.

Um dos desafios é acabar com as enormes desigualdades sociais ainda existentes no país.

114

04_Plural_Hist5_Un4_094a128.indd 114

12/07/12 20:57


Ampliar horizontes

Presidenta ou presidente? E agora? Devo Dawidson França

usar presidente ou presidenta?

A eleição pela primeira vez de uma mulher para ocupar o principal cargo político do país, o da Presidência da República, traz a questão de gênero também para o campo da nossa língua. Na gestão de Luíza Erundina em São Paulo, a primeira mulher a ocupar a prefeitura da [...] cidade [...], houve mudança nas placas [...] e passou-se a usar Gabinete da Prefeita, o que foi assunto da imprensa na época. É fato, porém, que o feminino de prefeito é prefeita, assim como o de governador é governadora e o de ministro é ministra. Mas e o feminino de presidente? [...] Thaís Nicoleti. Folha de S.Paulo, 1-o nov. 2010.

Converse com os colegas e o professor sobre a questão a seguir.

1. Qual é, na sua opinião, o termo mais adequado para se referir a uma mulher que assume a presidência? Por quê? Resposta pessoal. Pode ser usado presidente ou presidenta. Do ponto de vista do uso da norma urbana de prestígio, ambos estão corretos.

115

04_Plural_Hist5_Un4_094a128.indd 115

12/07/12 20:57


A Copa do Mundo é nossa!

Caetano Barreira/Fotoarena

O futebol é o esporte mais popular no Brasil. Não importa a idade nem o sexo, milhões de brasileiros têm nesse esporte uma paixão. Em anos de Copa do Mundo muitas ruas são pintadas e enfeitadas com as cores do Brasil, e nos dias de jogos milhões de televisores ficam ligados.

Logotipo da Copa de 2014. Em 2007 muitos brasileiros comemoraram a escolha do país para sede da Copa do Mundo de 2014. Desde 1950, o Brasil não sediava uma Copa do Mundo.

Nos bastidores Sem a participação de voluntários, a realização de uma Copa do Mundo da FIFA seria impensável. Esses trabalhadores são quase tão importantes quanto os jogadores em campo. Simplesmente não seria possível organizar um Mundial sem eles. [...] são (...) inúmeras pessoas que oferecem os seus serviços voluntariamente [...] em atividades de apoio à imprensa, guias nos estádios, especialistas em informática e motoristas – todos são importantes. [...] Com a sua cordialidade, alegria e uma grande prontidão em ajudar, eles são importantes representantes do Mundial. Cerca de 70 mil pessoas de todas as partes do mundo se candidataram para trabalhar voluntariamente na África do Sul em 2010. Depois de entrevistas na África do Sul e em 52 embaixadas ao redor do globo, 18 mil trabalhadores foram selecionados para atuarem em inúmeras funções na primeira Copa do Mundo da FIFA em solo africano. [...] FIFA. Disponível em: <http://pt.fifa.com/worldcup/organisation/volunteers/index.html>. Acesso em: jan. 2012.

Fifa: Federação Internacional de Futebol Associado. logotipo: símbolo que identifica uma empresa, um produto, uma marca, uma instituição etc.

116

04_Plural_Hist5_Un4_094a128.indd 116

12/07/12 20:57


As conquistas sociais e os desafios do Brasil Como você estudou, muitas foram as conquistas da sociedade brasileira ao longo de sua história. Porém ainda há muito o que fazer para a diminuição das desigualdades sociais no Brasil.

As mulheres e o trabalho

Rogério Reis/Pulsar Imagens

Zé Zuppani/Pulsar Imagens

Especialmente ao longo do século XX, as mulheres brasileiras conquistaram muitos direitos, como trabalhar fora de casa e votar. Além disso, atualmente, muitos dos cargos antes ocupados apenas por homens são ocupados também por mulheres, como as professoras das universidades do país e do exterior, as pesquisadoras na área de tecnologia, as juízas, as diretoras de grandes empresas, as pilotos de jatos e comandantes de tropas, dentre outras.

Funcionária de fábrica de móveis de bambu no município de Bertioga, São Paulo. Fotografia de 2009.

Pesquisadora no Real Gabinete Português na cidade do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro. Fotografia de 2010.

Apesar disso, as mulheres ainda recebem salários menores que os dos homens ao exercerem o mesmo trabalho que eles. De acordo com dados do IBGE, em 2007 o rendimento médio de um homem brasileiro era de R$ 1.089,00, enquanto o rendimento médio de uma mulher brasileira era de R$ 773,00. Outra importante conquista das mulheres brasileiras foram as leis e as delegacias criadas para combater os casos de violência doméstica contra a mulher.

117

04_Plural_Hist5_Un4_094a128.indd 117

12/07/12 20:57


Os trabalhadores rurais e a educação

Juan Pratginestós/N Imagens

A educação é outro grande desafio dos brasileiros. Ainda hoje há milhares de adultos sem escolarização adequada. Na zona rural a situação, muitas vezes, é ainda mais grave, pois várias escolas não têm biblioteca, computador, internet e outros recursos, o que torna desigual o ensino das zonas urbana e rural. Para promover a educação de pessoas que já passaram da idade escolar, o governo criou uma modalidade exclusiva de educação chamada Educação de Jovens e Adultos (EJA).

Aluna de EJA no município de Carajás, Pará. Fotografia da década de 2000. Segundo dados do Censo Escolar 2010, há mais de 3,5 milhões de pessoas matriculadas no EJA.

A educação é um direito de todos. Promover educação de qualidade é considerado um dos meios mais eficientes para o combate à desigualdade social.

118

04_Plural_Hist5_Un4_094a128.indd 118

12/07/12 20:57


Ler e compreender

Marcio Baraldi

Leia esta história em quadrinhos.

Converse com os colegas e o professor sobre as questões a seguir. Respostas pessoais.

1. Muitas pessoas são discriminadas por causa da cor da sua pele, da sua posição social, da religião, do lugar de origem, do modo de falar etc. Você já sofreu algum tipo de discriminação? 2. E você, já cometeu algum tipo de discriminação? Por quê? 3. Você concorda que “sem diversidade o mundo seria muito chato”?

119

04_Plural_Hist5_Un4_094a128.indd 119

12/07/12 20:57


Crianças e alimentação Um grave problema, fortemente combatido no Brasil nos últimos anos, foi a desnutrição infantil. Uma das regiões brasileiras com maior número de desnutrição infantil era o Nordeste, mas pesquisas apontam uma alteração importante nos últimos anos.

Fabio Colombini

Desnutrição infantil no Nordeste pode ser controlada em dez anos Estudo constatou que, além da escolaridade da mãe, a disponibilidade de serviços de saneamento básico e o aumento do poder aquisitivo também foram responsáveis pelo declínio da desnutrição em crianças do Nordeste brasileiro. [...] O estudo aponta ainda para resultados futuros, pois, se a taxa de declínio Criança indígena comendo milho assado na brasa. observada [...] for mantida, Fotografia de 2010. em menos de dez anos o problema da desnutrição infantil no Nordeste poderá ser controlado. [...] para que se obtenha a nutrição e a saúde adequadas, uma série de fatores deve ser levada em consideração, entre eles: o acesso a uma alimentação adequada; aos serviços de saúde; às condições adequadas de moradia e higiene etc. [...] Ana Lúcia [uma das pesquisadoras envolvidas] salienta também que os resultados encontrados na pesquisa foram mais positivos do que o grupo de pesquisadores esperava. “A prevalência de desnutrição infantil no Brasil vinha diminuindo nas últimas décadas, mas de forma desigual entre as regiões. No último período estudado observamos que a região Nordeste do país apresentou índices similares às regiões mais desenvolvidas, como a Sudeste e Sul, indicando diminuição das desigualdades de desenvolvimento inter-regionais”, completa. Deve-se ressaltar ainda que a meta estipulada pelas Nações Unidas referente à desnutrição infantil já foi ultrapassada na região. “A meta do milênio é reduzir a prevalência da desnutrição infantil observada antes da década de [19]90 em 50% até o ano de 2015. Essa meta já foi atingida na região, por isso será facilmente ultrapassada”, explica. [...] Carolina Octaviano. Disponível em: <www.comciencia.br/comciencia/?section=3&noticia=651>. Acesso em: jan. 2012.

1 20

04_Plural_Hist5_Un4_094a128.indd 120

12/07/12 20:58


Jovens e inclusão digital Você sabe o que é inclusão digital?

Rogério Reis/Pulsar Imagens

Inclusão digital é a democratização do acesso a tecnologias como computadores e internet, oferecendo ao usuário possibilidades de melhoras na sua condição de vida.

Jovens em aula de informática em São Luís, estado do Maranhão. Fotografia de 2007.

Muitos jovens brasileiros não têm acesso a essas tecnologias ou por falta de condições financeiras ou porque a internet não chega aos lugares onde moram. Porém muitas iniciativas vêm sendo tomadas por parte dos governos e também de particulares, a fim de promover a inclusão digital de jovens brasileiros. 1. Indique as frases a seguir com P para características positivas e N para características negativas quanto ao uso da internet. P   Permite que muitas pessoas tenham acesso à informação. N   Pode provocar o isolamento social, isto é, a diminuição do contato pessoal. N   Pode divulgar também informações duvidosas e sem autoria. P   Oferece acesso gratuito a cursos e instituições, como museus ou universidades.

2. No seu bairro ou município existe algum programa de inclusão digital? Resposta pessoal.

121

04_Plural_Hist5_Un4_094a128.indd 121

12/07/12 20:58


Ampliar horizontes Desafios do milênio

Georges Gobet/AFP/Getty Images

Como você estudou, há muito o que fazer pelo futuro do Brasil. E nessa luta os brasileiros não estão sozinhos. A Organização das Nações Unidas (ONU) realizou, no ano 2000, um encontro entre diversos países para discutir os problemas do mundo, e daí surgiram os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio. Foram estabelecidos oito objetivos comuns aos países participantes, a fim de resolver ou diminuir problemas como pobreza, Aids e fome, até o ano de 2015.

Mães alimentando seus filhos, no Senegal, país da África. Fotografia de 2009. Acabar com a fome é um dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio.

1. Você sabe quais são os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio? ◆◆

estaque as peças do dominó das páginas 13 e 15 do Material Complementar e D aprenda brincando sobre os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio.

1 22

04_Plural_Hist5_Un4_094a128.indd 122

12/07/12 20:58


Vamos retomar

A=

E=

O=

C=

I=

R=

D=

M=

Ilustrações: Dawidson

1. Troque os símbolos pelas letras e descubra uma palavra importante. Escreva a resposta abaixo.

Democracia.

2. Qual a importância das eleições de 1989? Foram as primeiras eleições diretas após o fim da ditadura militar.

3. Complete as frases. a) Entre 1964 e 1985, o Brasil viveu sob uma Real b) Graças ao Plano dente do Brasil em 1994.

ditadura

, Fernando Henrique Cardoso foi eleito presi-

c) Em um país democrático, o governo é escolhido pelo Collor

d)

.

povo

.

foi afastado da presidência da república por envolvimento

em corrupção.

123

04_Plural_Hist5_Un4_094a128.indd 123

12/07/12 20:58


4. Marque com um X as frases corretas. Tancredo Neves foi eleito diretamente pelo povo para presidente do Brasil. X

A Constituição Cidadã recebeu esse nome porque contou com a participação do povo em sua elaboração por meio das emendas populares.

X

O primeiro presidente eleito diretamente pelo povo, após o regime militar, foi Fernando Collor. Com a globalização, o desemprego no Brasil e no mundo diminuiu.

X

O Plano Real possibilitou o controle da inflação. No ano de 2007 o Brasil foi escolhido para sede das Olimpíadas de 2012.

◆◆

Agora, reescreva as frases incorretas, tornando-as corretas. Tancredo Neves foi eleito indiretamente para presidente do Brasil. Com a globalização, o desemprego no Brasil e no mundo aumentou. No ano de 2007 o Brasil foi escolhido para sede da Copa do Mundo de 2014.

5. Na linha do tempo abaixo há uma seleção de datas consideradas importantes na história do Brasil. Escreva os acontecimentos que correspondem a essas datas.

1988: promulgação da Constituição Cidadã; 1989: ocorrência das primeiras eleições diretas após o fim da ditadura militar; 1990: lançamento do Código de Defesa do Consumidor; 1993: lançamento do Plano Real; 2010: eleição da primeira presidenta do Brasil.

1 24

04_Plural_Hist5_Un4_094a128.indd 124

12/07/12 20:58


Sugestões Para ler ◆◆ Doce Manuela, de Julio José Chiavenato. São Paulo: Editora Moderna, 2003. Manuela, uma jovem afrodescendente, ótima aluna e a principal jogadora de vôlei da escola, é envolvida em um caso de preconceito. Um radialista se aproveita do fato e inventa acusações, dando a Manuela uma imagem de criminosa. Para ler, discutir e repensar o próprio preconceito.

O menino Celso e sua avó Carolina resolvem fugir de casa por causa do desprezo que sofrem na família. Disso começa a se formar uma confusão, em que um velho indígena acaba tornando a história ainda mais interessante. ◆◆ Quando meu pai perdeu o emprego, de Wagner Costa. São Paulo: Editora

Moderna, 2003.

Editora Moderna

◆◆ Fugindo de casa, de Suzana Dias Beck. São Paulo: Editora Moderna, 2003.

História de quatro irmãos que levam uma vida cheia de mordomias, mas veem tudo mudar quando o pai perde o emprego. Após a desventura, quando o pai consegue empregar-se novamente, a situação melhora, mas todos reconhecem na crise uma oportunidade de amadurecimento. Editora Scipione

◆◆ Pretinha, eu?, de Julio Emilio Braz. São Paulo: Editora Scipione, 2008. Uma menina afrodescendente ganha uma bolsa de estudos em um colégio onde nunca havia entrado um aluno afrodescendente. Desencadeia-se uma história de discriminação, preconceito e muitas descobertas. ◆◆ Nem todo mundo brinca assim! — conversando sobre identidade cultural, de

Ivan Alcântara. São Paulo: Escala Educacional, 2004. Editora Saraiva

Trata da identidade cultural, mostrando diferenças na forma de falar, vestir, brincar, morar e comer de povos variados, que vivem bem distantes de nós. Ao mesmo tempo, o livro contribui para a abordagem dos princípios éticos, estéticos e de cidadania. ◆◆ romeu@julieta.com.br, de Telma Guimarães Castro Andrade. São Paulo: Edi-

tora Saraiva, 2009. Garoto viciado em internet se mete em confusão ao conhecer seus amigos virtuais.

Para acessar ◆◆ Unicef Kids Divulga e defende os direitos da criança e do adolescente. Contém informações sobre diversos temas, além de jogos e brincadeiras. Disponível em: <www.unicefkids.org.br/>. Acesso em: jan. 2012. ◆◆ Tropicália Traz um pouco da história e da memória do movimento tropicalista. Disponível em: <http://tropicalia.com.br>. Acesso em: jan. 2012.

125

04_Plural_Hist5_Un4_094a128.indd 125

12/07/12 20:58


Getty Images/Gallo Images

AFP/Facebook

Cesária diz a André que gosta de funaná, um estilo de música que surgiu em seu país, o Cabo Verde, e pergunta a João se ele já conhece esse ritmo musical.

Navegar é preciso

André mora no Brasil e está em contato com Cesária para saber qual é a sua música preferida.

Getty Images/Blend Images

A invenção da internet e sua popularização a partir da década de 1990 têm transformado radicalmente a maneira como as pessoas se comunicam. Com ela, pode-se visitar inúmeros lugares e conhecer pessoas do mundo inteiro e em tempo real.

1. Essa conversa seria possível há 25 anos? Não.

2. Nessa conversa, as pessoas trocaram informações sobre música. O que mais pode ser feito em uma conversa desse tipo? Respostas possíveis: trocar informações sobre a cultura de cada país e curiosidades locais, pedir sugestões de turismo e fazer novas amizades.

1 26

04_Plural_Hist5_Un4_094a128.indd 126

12/07/12 20:58


Jochen Tack/Alamy /Other Images

Mike Kemp / Getty Images

Thinkstock/Getty Images

João diz que já ouviu falar do funaná, mas que nunca ouviu nenhuma música desse estilo em seu país, Portugal, e pergunta a Silvia se ela conhece algum site para indicar onde possa ouvir e conhecê-lo.

Silvia, que mora em Goa (Índia), indica alguns sites em que se ouvem músicas funanás on-line e pergunta a Candy qual é o estilo de música que mais lhe chamou a atenção ultimamente.

Candy, que vive em Macau (China), responde que gostou muito de conhecer o xote nordestino e aproveita para pedir a André sugestões de músicas que ela pode ouvir.

3. Se você participasse de uma conversa pela internet, com pessoas de que lugares você gostaria de conversar? Por quê? Resposta pessoal.

4. Que perguntas você faria? Resposta pessoal.

127

04_Plural_Hist5_Un4_094a128.indd 127

12/07/12 20:59

Coleção Plural História  

Amostra da obra de História da coleção Plural – 5º ano