Page 63

tos para atender à demanda. Já o preço deve ser analisado conforme concorrência e posicionamento, e ele também pode ser diferente da estratégia do país original. Após o entendimento, adequar a plataforma ao cenário local pode ser uma boa estratégia, mas é necessário considerar o real ganho de vendas frente à perda de escala. A Sony, por exemplo, adotou um wireframe igual em sete países da América Latina, pois identificou uma grande similaridade da jornada de compras e navegabilidade dos usuários. Caso a empresa opte por utilizar diferentes layouts e conteúdos para cada país, o custo será multiplicado pela quantidade de customizações realizadas.   Quando falamos de fullfilment, existem algumas opções a serem avaliadas. Para operações com grandes volumes de vendas, uma solução é criar multicentros de distribuição nos novos países de atuação. Essa estratégia exige investimentos iniciais para montagem em cada um dos locais escolhidos, mas é a opção que irá representar menores custos mensais. O risco, além do investimento inicial, está também no possível erro na previsão de vendas, que pode acabar limitando as vendas, quando o estoque fica subdimensionado, ou aumentar consideravelmente os custos, quando o plano de vendas não é alcançado. Além disso, é necessário conhecer as características da demanda regional - por exemplo, na Argentina os consumidores preferem retirar os produtos em lojas físicas.   Para projetos menores, é mais recomendado terceirizar as operações internacionais com fornecedores locais. Em países como Estados Unidos, Inglaterra, Alemanha e Brasil, onde os e-commerces são mais maduros, essa prática é muito comum. Amazon, eBay e Mercado Livre são algumas marcas que já oferecem esse serviço. Essa estratégia irá diminuir o custo de entrada, além de reduzir os riscos operacionais.   Uma última estratégia é manter o centro de distribuição centralizado no país de origem. Essa estratégia pode não ser a ideal, pois aumenta, e muito, o tempo de envio dos produtos. Quando estamos falando de produtos premium ou até mesmo quando o prazo de envio não é um fator importante na decisão, a centralização do centro de distribuição irá trazer menores custos.   Para abastecer mercadorias em outros países, a primeira opção é o envio tradicional por meio de transportadoras como os Correios. Caso o volume seja alto, é possível fazer acordos com trades locais para diminuir os custos unitários dos itens enviados.  O investimento em transporte marítimo pode ser uma opção barata para lojas virtuais que vendem muito,

no entanto, isso resulta no aumento de tempo de abastecimento, portanto é indicado apenas para operações maduras e com previsibilidade de vendas. Para solucionar o recebimento das transações efetivadas, o ideal é buscar um parceiro do tipo subadiquirente/facilitador de pagamentos, como o PayPal. Essa opção simples não impõe a necessidade da criação de uma conta corrente no país de destino, nem de conhecer peculiaridades locais do país quanto a processos e fraude. No Brasil, por exemplo, abrir uma empresa pode demorar aproximadamente seis meses. Já nos Estados Unidos, abrir uma empresa demora alguns dias apenas, enquanto que para abrir uma conta bancária é necessário ter cidadania americana, o que pode dificultar a operação de receber o dinheiro das vendas. A opção de um adquirente local mais um sistema de gestão de fraude pode demandar conhecimentos locais, além de aumentar o tempo de lançamento do projeto.   Após implementar a loja virtual, uma opção local é importante para manter as mesmas ferramentas de métricas a fim de mensurar se a loja virtual está ou não alcançando os resultados esperados. Com o Google Analytics e o Webmaster Tools, é possível identificar informações como número de visitantes, visitantes únicos, mobile, páginas acessadas, rejeitadas, com maior número de saída e taxa de conversão.   Criar ações em mídia digital é um dos desafios para estratégias globais do e-commerce. Para ser mais eficiente, é importante possuir um desenvolvimento local com uma equipe especializada em cada país, já que as palavras e expressões são diferentes em cada cultura e podem interferir nas buscas. Como essa estratégia pode ser inviável financeiramente, uma das opções é agrupar os países por região sempre que um idioma e cultura forem similares.   Outra tática é adotar o canal de marketplace, que é uma opção indicada para operações de menor porte e que desejam ter custos menores de entrada. Nos Estados Unidos, por exemplo, quase 50% das transações online ocorrem através da Amazon, portanto estar presente nesse marketplace, além de aumentar as chances de vendas, diminui riscos operacionais e reduz a curva de aprendizado.    Por último, temos que falar sobre o sistema de gestão, o ERP. O primeiro passo é entender se o seu atual sistema pode te acompanhar na expansão, resolvendo todas as questões contábeis, fiscais e financeiras do país de atuação. Em caso negativo, procure uma solução local simples que pode ajudar com as funções básicas. Nesse caso, o problema é operar sistemas diferentes e obter visões gerenciais diferentes. OUTUBRO 2017

63

O e-commerce conquistou a indústria!  
O e-commerce conquistou a indústria!  
Advertisement