Page 1

Reveillon: Confira dicas para evitar acidentes com roupas brancas Pág. 12

ECO

Paraná é o terceiro Estado do país que mais criou empregos

Curitiba

Página 02

Curitiba, 24 a 26 de dezembro de 2013 | Ano I | Edição 79 | www.leiaeco.com.br

facebook.com/leiaeco

Microcrédito é recorde no país, mas não atende toda a demanda AMPLIAção: Em novembro deste ano, o microcrédito alcançou o saldo recorde de R$ 4,873 bilhões, com crescimento de 26,7%, comparado a igual período de 2012 (R$ 3,570 bilhões). Especialistas apontam tendência de alta no setor. Confira na Pág. 05 Hedeson Alves

HOMENS

Crescimento da próstata afeta qualidade de vida de 80% da população Pág. 13

FINANÇAS

Passagens aéreas e alimentação pressionam a inflação de serviços Pág. 05

Empresa japonesa instalada no municipio de Fazenda Rio Grande, prioriza emprego para alunos do CEEP Curitiba, na foto o Aluno Daniel Vila Nova Mentes e a aluna Paula Heloiza Santos Coelho.

Impresso em material reciclável e tinta biodegradável. Não jogue papel em vias públicas.

Cursos profissionalizantes vão abrir 20 mil matrículas

Pág. 03

Viagem: Consultora de moda dá dicas

para fazer as malas e não passar apuros Pág. 11 Previsão do Tempo Fonte:

TERÇA 24/12 Mín.: 10 Máx.: 18

QUARTA 25/12 Mín.: 09 Máx.: 20

QUINTA 26/12 Mín.: 12 Máx.: 17

SEXTA 27/12

SÁBADO 28/12 Mín.: 13 Máx.: 22

Mín.: 16 Máx.: 22

DOMINGO 29/12 Mín.: 15 Máx.: 22


Eco

Curitiba

02

Curitiba, 24 a 26 de dezembro de 2013 www.leiaeco.com.br

paraná

Paraná é o terceiro Estado do país que mais criou empregos de janeiro a novembro O Paraná é terceiro estado do país que mais criou empregos de janeiro a novembro de 2013. Foram 132.563 empregos com carteira assinada, o que representa um aumento de 5,14 % em relação ao estoque de trabalhadores de dezembro de 2012. No mesmo período, São Paulo criou 439.024 vagas, e Minas Gerais, 138.638 vagas. No Sul, Santa Catarina criou novos 110.653 postos de trabalho e o Rio Grande do Sul, 117.587 vagas, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados

(Caged), do Ministério do Trabalho e Emprego, divulgados nesta sextafeira (20). Nos últimos doze meses, o Paraná criou 88.012 postos de trabalho, o que representa crescimento de 3,35% no nível de emprego. Em novembro, o Paraná teve um saldo de 5.009 vagas, aumento de 0,19% em relação ao estoque de assalariados com carteira assinada do mês anterior. Os setores que mais criaram vagas no Estado foram o Comércio (6.680 empregos) e Serviços (2.336 postos de trabalho).

Credores têm até o dia 28 para aderir a plano de renegociação Os credores da Prefeitura de Curitiba que ainda não aderiram ao plano de novação (renegociação) das dívidas acima de R$ 100 mil não empenhadas em 2012 agora podem fazê-lo até o dia 28 de dezembro. O novo prazo está previsto na Lei 14.375, sancionada na semana passada pelo prefeito Gustavo Fruet. O prazo anterior havia se encerrado em 31 de julho. Até aquele dia, 52 credores (de 64 relacionados) se manifestaram a favor da novação da dívida, de cerca de R$ 200 milhões. Deste

Eco

montante, R$ 162 milhões já foram ratificados pelas respectivas secretarias, o que possibilita que o pagamento seja ordenado. O plano de parcelamento da dívida dos grandes credores da Prefeitura foi criado pela Lei 14.263 – aprovada pela Câmara de Vereadores no dia 5 de julho – e regulamentado por decreto assinado pelo prefeito Gustavo Fruet, também em julho. Os credores que aderiram ao plano aceitaram as condições de pagamento, que incluem o parcelamento.

Curitiba

Eco Central é uma publicação da Editora Eco Central Ltda.

Circulação de 15.000 exemplares todas as terças e sextas-feiras.

F

Tiragem e circulação auditadas. Nelson Ferri nelson@ferriadutoria.com.br 41 3224-4322

Diretor-Executivo Pierpaolo Nota | pier@leiaeco.com.br Editor-Chefe Eliseu Tisato | pauta@leiaeco.com.br Os artigos, colunas e espaços assinados não refletem necessariamente a opinião do jornal. Correspondências: Rua Pres. Epitácio Pessoa, 158, Tarumã - Curitiba - PR - CEP 82.530-270 DEPARTAMENTO COMERCIAL Pierpaolo Nota - Curitiba e Região Metropolitana Fone: 41 9974-3311 / E-mail: pier@leiaeco.com.br Cesar Alberto Teixeira de Oliveira - Litoral do Paraná Fone 41 8511-5336 / E-mail: cesarteixeira@globo.com Flavio Machado - Costa Esmeralda/SC Fone: 47 9942 0128 / E-mail: flaviomach@gmail.com

Reassentamento de 660 famílias está em fase final A relocação de famílias de áreas de risco para novos empreendimentos habitacionais no Ganchinho, realizada nesta semana pela Companhia de Habitação Popular de Curitiba (Cohab), fez o número de reassentamentos executados com recursos da segunda etapa do Programa de Aceleração do Crescimento, o PAC 2, chegar a 82% do total previsto. De 660 famílias de oito ocupações irregulares, 544 já estão nas casas novas. As demais ainda negociam com a Cohab a inclusão em projetos futuros. As 544 famílias já reassentadas estão divididas em três projetos que receberam verbas do PAC 2. Na Vila Torres existia a necessidade de de-

sadensamento, pois muitas famílias estavam vivendo empilhadas umas nas outras. Para resolver a situação, a Cohab retirou 30 residências do local e reassentou as famílias no Moradias Novo Bairro. Das Vilas Rex, Esmeralda e Mariana, na beira do Ribeirão dos Padilha, e da vila Xisto, nas margens da rodovia de mesmo nome, foram beneficiadas com novas moradias 311 famílias. As três ocupações localizadas nas margens do Ribeirão dos Padilha se formaram há mais de 40 anos, com histórico de alagamentos e enchentes que causaram muitas perdas materiais e sofrimento para as famílias. Colada à Rodovia do Xisto, no cami-

Serra Abaixo

nho para Araucária, está a Vila Xisto. Lá as famílias viviam de maneira precária, sem esgoto e em meio a torres de alta tensão. O moradores das quatro vilas citadas foram atendidos com casas e sobrados no Moradias Boa Esperança e Moradias Cerâmica, no Tatuquara, e Moradias Novo Bairro, no Ganchinho. Nas margens do Arroio Boa Vista, que também faz parte da Bacia do Ribeirão dos Padilha, estão as vilas Americana, Nova Aurora e Coqueiros, de onde foram retiradas 203 famílias que viviam dentro da faixa de preservação do rio. Elas foram reassentadas nesta semana em novas unidades do conjunto Novo Bairro.

Cesar Teixeira cesarteixeira@globo.com

CHEGOU O VERÃO. VAI SER BOM, NÃO FOI? Começou. Foram meses de preparo, ansiedade e esperança, por fim, eis a temporada de verão 2013/2014. Mais curta. Aliás, curtinha. Começou na última sexta-feira, dia 20 e segue até o domingo, 9 de fevereiro, pois na segunda-feira dia 10, recomeçam as aulas nas escolas do Estado. Tudo por causa da “divina” Copa. Ah! Claro que tem um pequeno “revival” no Carnaval, entre 28 de fevereiro e 5 de março, afinal, ninguém é de ferro. Para você que vai descer a Serra do Mar, que vem buscar o seu lugar ao sol, venha tranquilo. Da Barra do Ararapira, até a Barra do Saí, de Guaraqueçaba, passando por Antonina, Morretes, Paranaguá, Pontal do Paraná, Matinhos e Guaratuba, o Litoral do Paraná preparou uma festa enorme pra te receber. Muitos shows, muitos eventos, feiras gastronômicas, fogos da virada, festas, ceias com o carinho e acolhimento do caiçara. Para garantir a sua tranquilidade e segurança, as estradas estão bem pavimentadas, sinalizadas e fiscalizadas. Várias viaturas das polícias Civil e Militar foram deslocadas para a região, bem como o efetivo também foi reforçado. Um número significativo de Bombeiros Salva-Vidas foi deslocado para fazer a segurança do

banhistas. As unidades de resgaste e assistência médica também receberam reforços em equipamentos e recursos humanos. Até helicópteros estarão de plantão caso seja necessário. Até o número de veículos que fazem a coleta de lixo, foi aumentado, fazendo a coleta diariamente. Tudo. Tudo mesmo para que você possa descer, curtir a temporada, se divertir

e voltar para casa, sem nenhum tipo de preocupação. Só é de lamentar que toda essa infraestrutura seja só para você, caro veranista, que ela também vá embora, suba a Serrajunto, deixando o Litoral e seu povo no fim da temporada, como antes da temporada, só com a esperança de dias melhores. Feliz Natal para todos.


Curitiba, 24 a 26 de dezembro de 2013 www.leiaeco.com.br

curitiba

03

Eco

Curitiba

feiras livres oportunidade QUINTA-FEIRA (8h e 13h) > Feira da D. Pedro II. Entre as ruas Presidente Taunay e Ângelo Sampaio. SEXTA-FEIRA (8h e 13h) > Feira da Coronel Dulcídio. Entre a avenida Água Verde e rua Petit Carneiro. SÁBADO (8h e 13h) > Feira da Carneiro Lobo. Entre a avenida Visconde de Guarapuava e a rua Gonçalves Dias. > Feira Orgânica do Passeio Público DOMINGO (8h e 13h) > Feira da Praça 29 de Março. Entre as ruas Padre Anchieta e Martim Afonso. > Tradicional Feira de Artesanatos do Largo da Ordem.

telefones úteis Ambulância – Samu:..................................... 192 Ambulância – Siate:.......................................193 Hospital Cajuru:...............................3271-3000 Hospital das Clínicas: ...................3360-1800 Vigilância Sanitária: ......................3330-4300 Bombeiros:.......................................................193 Defesa Civil Estadual: .....199 / 3350-2607 Guarda Municipal: ....................................... 153 Polícia Militar:.................................................190 Polícia Civil:..........................197 / 3233-6671 Delegacia de Furtos e Roubos: 3218-6100 Delegacia do Consumidor:. .........3883-7109 Conselho Tutelar Matriz: ............3363-7681 Copel: ........................................0800 510 0116 Prefeitura de Curitiba: ............................... 156 Procon:..........................................0800 411515 Rua da Cidadania - Matriz:......... 3323-7821 Sanepar:.............................................................115

Cursos profissionalizantes vão abrir 20 mil matrículas

O

s 55 cursos técnicos profissionalizantes ofertados gratuitamente pela Secretaria de Estado da Educação vão abrir cerca de 20 mil novas matrículas para o ano de 2014 em várias regiões. Atualmente, o Paraná é o terceiro Estado do país com o maior número de alunos matriculados em cursos técnicos. Em 2013, o Departamento de Educação e Trabalho conta com 83.827 estudantes matriculados em cursos técnicos na rede estadual de ensino, nas modalidades ensino médio integrado, subsequente, Proeja (Programa Nacional de Integração da Educação Profissional com a Educação Básica na Modalidade de Educação de Jovens e Adultos), e Curso de Formação de Docentes. O número representa um aumento de quase 10% no total de alunos matriculados nos cursos técnicos, em comparação com o ano de

2012. Naquele ano, 75.862 alunos fizeram esse tipo de curso na rede estadual pública de ensino. Os 53 cursos técnicos estão divididos em 355 escolas estaduais do Paraná, em 184 cidades diferentes. “A formação técnica profissionalizante é uma grande oportunidade para os jovens entrarem no mercado de trabalho. Na nossa rede estadual são encontrados cursos voltados às maiores demandas da indústria”, afirmou o secretário da Educação e vicegovernador Flávio Arns. Na página www.educacao. pr.gov.br/cursostecnicos o estudante encontra todas as opções de cursos. Todos são gratuitos e possibilitam o acesso ao estágio, aproximando os alunos ao mundo do trabalho. O Departamento de Educação e Trabalho (DET), em conjunto com os professores, está fazendo toda uma reestruturação dos cursos técnicos no Estado.

Hedeson Alves

Empresa japonesa instalada no municipio de Fazenda Rio Grande, prioriza emprego para alunos do CEEP Curitiba, na foto o Aluno Jeferson Bispo de Brito

O Eco Curitiba, em parceria com a Associação Comercial do Paraná e Centro Vivo, veste a camisa de lojistas e comerciantes e encabeça neste Natal a campanha

“PELA VALORIZAÇÃO DO COMÉRCIO DE RUA” Acompanhe as muitas vantagens de prestigiar as lojas estabelecidas nas ruas de Curitiba!

INICIATIVA:

Eco

Curitiba

APOIO:

É na rua que a gente se encontra!


Eco

Curitiba

04

Curitiba, 24 a 26 de dezembro de 2013 www.leiaeco.com.br

esporte análise

Craques apagados, Cuca de saída e defesa exposta: os pecados do Galo

M

esmo nos melhores momentos do Atlético na temporada, havia um temor entre os torcedores: os maus resultados do time fora de casa. Depois de um bom começo longe de seus domínios na Libertadores (três vitórias nos quatro primeiros jogos fora de Belo Horizonte), a equipe começou a mostrar fragilidade quando saía da capital mineira ainda durante a competição, com atuações ruins diante de Tijuana, Newell’s Old Boys e Olimpia. No Brasileirão, a situação se agravou, com duas vitórias em 19 partidas como visitante. Quis o destino que o time enfrentasse na semifinal do Mundial os donos da casa. Enquanto os jogadores do Raja ganharam ânimo com os gritos da sua fanática torcida, o Galo não conseguiu se encontrar em momento algum do confronto. Irmão e auxiliar de Cuca, Cuquinha havia estudado os possíveis adversários do Galo no Mundial. No entanto, ele, os demais integrantes da comissão técnica e até os jogadores jamais esconderam que a expectativa do grupo atleticano era enfrentar Monterrey e Bayern de Munique no caminho para o possível título. Assim, o Galo conhecia bem mexicanos e alemães, mas pouco sabia sobre o Raja Casablanca. Quando o grupo assistiu junto ao confronto entre Raja e Monterrey, a vitória da equipe marroquina foi discretamente comemorada no hotel da delegação em Marrakesh. Havia um consenso de

que o Atlético poderia explorar falhas visíveis do rival, como a deficiência na jogada aérea defensiva, os espaços deixados nas laterais e o posicionamento em linha da defesa. Sem estudo minucioso sobre o adversário, o Alvinegro acabou surpreendido na semifinal. Ao sonhar com o título mundial, a torcida do Atlético apostava no talento do quarteto ofensivo da equipe, formado por Ronaldinho Gaúcho, Fernandinho, Diego Tardelli e Jô. Porém, mesmo enfrentando um adversário inferior tecnicamente, nenhum deles conseguiu atuar num nível sequer próximo àquele esperado pelos torcedores. Embora tenha marcado dois gols de falta no Mundial, Ronaldinho falhou na missão de comandar o sistema ofensivo. Com muitos passes errados, o craque teve uma passagem sem brilho pelo Marrocos. Os três gols do Raja Casablanca na semifinal de quarta-feira saíram da mesma forma: contraataque. Para isso, foi decisiva a lenta recomposição do Atlético ao perder a bola. Desde os atacantes - especialmente Fernandinho e Tardelli, que tinham a missão de acompanhar os laterais adversários - até os zagueiros, os atleticanos deixaram diversas vezes o sistema defensivo exposto. Os volantes Pierre e Josué renderam abaixo do esperado na proteção à zaga e não contaram com a ajuda dos companheiros, deixando livre o caminho dos jogadores marroquinos até a área atleticana.


Curitiba, 24 a 26 de dezembro de 2013 www.leiaeco.com.br

brasil

Focus eleva projeção da inflação I nvestidores e analistas do mercado financeiro voltaram a elevar a estimativa de inflação medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). A nova estimativa do boletim Focus para este ano passou de 5,70% para 5,72%. Os preços administrados, definidos por contrato ou pelo governo, recuaram de 1,5% para 1,35%. A taxa básica de juros (Selic), em linha com a decisão da última reunião do Comitê de Política

Monetária (Copom) neste ano, está estimada em 10% ao ano, portanto sem alteração, salvo algum imprevisto. Para o câmbio, a estimativa em 2013 foi mantida em R$ 2,17 para cada 1 US$ e a dívida líquida do setor púbico, em R$ 34,6% do Produto Interno Bruto (PIB), soma de todas as riquezas do país produzidas em um ano. A estimativa do PIB também está mantida em 2,3%. A produção industrial,

porém, permanece em queda nas expectativas dos agentes do mercado financeiro, com um recuo de 1,61% para 1,6% ante o último levantamento. O déficit em conta corrente do país, um dos principais indicadores das contas externas continua estimado em US$ 80 bilhões, com a balança comercial registrando pequeno saldo de US$ 1,18 bilhão. A projeção para investimentos estrangeiros diretos é US$ 60 bilhões.

Para 2014, a projeção da inflação passou de 5,95% para

5,97%.

Microcrédito é recorde no país, mas atende apenas parte dos pequenos empreendedores O microcrédito tem crescido em ritmo intenso, mas ainda está longe de alcançar todos os pequenos empreendedores que precisam de acesso aos empréstimos, avaliam especialistas ouvidos pela Agência Brasil. Em novembro deste ano, o microcrédito alcançou o saldo recorde de R$ 4,873 bilhões, com crescimento de 26,7%, comparado a igual período de 2012 (R$ 3,570 bilhões). A série histórica do

Banco Central (BC) tem início em 2007. As concessões também foram recorde em novembro, com registro de R$ 1,119 bilhão em desembolsos pelos bancos. Entretanto, segundo o coordenador do Centro de Estudos em Microfinanças da Escola de Administração de Empresas de São Paulo da Fundação Getulio Vargas (FGV), Lauro González, mesmo com o crescimento, apenas parte do mercado é atendida. A estima-

tiva é que atualmente 25% dos 10 milhões de clientes potenciais tenham acesso ao microcrédito. O empréstimo, geralmente com taxas de juros mais baixas do que de outros financiamentos, ajuda pequenos empreendedores a iniciar ou melhorar os negócios, com investimentos, por exemplo, em equipamentos e reformas ou produtos para vender. No microcrédito produtivo orientado, os bancos analisam a capacidade

de pagamento, a necessidade de empréstimos e prestam serviço de orientação sobre gestão dos negócios. Para Gonzáles, é preciso haver investimento e inovação dos bancos privados, além de maior participação do Banco do Brasil e da Caixa Econômica e Federal. “O microcrédito ganhou impulso sobretudo por conta do Banco do Nordeste. A participação do setor privado é limitada”, disse.

Curitiba

A forte chuva que atinge o Espírito Santo fez com que 24.827 pessoas deixassem suas casas. Desse total, de acordo com último balanço divulgado ela Defesa Civil do estado, 4.485 estão desabrigadas e 20.342, desalojadas. O temporal provocou ainda cinco mortes – nas cidades de Itaguaçu, Parajú, Colatina, Nova Venécia e Baixo Guandu – e 24 pessoas ficaram feridas. Segundo a Defesa Civil, nas últimas 24 horas, subiu para 44 o número de cidades afetadas. O governo do estado decretou situação de emergência em todas as áreas atingidas por desastres decorrentes da chuva. A previsão para hoje é que chova ainda mais forte na Grande Vitória, regiões noroeste, serrana e sul do estado. Nas regiões norte e nordeste devem ocorrem chuvas mais fracas, segundo a Defesa Civil. Em caso de emergência, o órgão orienta a população a buscar locais seguros e ligar para o Corpo de Bombeiros, no 193.

CONCORRA A DOIS KITS CORREDOR COMPLETOS. VENHA ATÉ A PROCORRER E SAIBA MAIS.

NOSSO PAPAI NOEL NÃO PRECISA DE TRENÓ.

Vicente Machado, 320 t www.procorrer.com.br

Eco

Quase 25 mil pessoas deixam suas casas por causa da chuva no ES

CONVÊNIO COM ESTACIONAMENTO

CONFIRA HORÁRIOS ESPECIAIS DE NATAL

05


Eco

Curitiba

06

Curitiba, 24 a 26 de dezembro de 2013 www.leiaeco.com.br

negócios

Quem viaja de transporte pirata pode ficar no meio do caminho. Não arrisqu

Na hora de viajar, escolha

PARA

EMERGÊNCIAS

LIGUE 191

INFORMAÇÕES ANTT

DISQUE 166

antt.gov.br

TRANSPORTE PIRATA. NÃO


especial

e.

um transporte legalizado.

MBARQUE NESSA.

Curitiba, 24 a 26 de dezembro de 2013 www.leiaeco.com.br

UM PACTO PELA VIDA

07

Eco

Curitiba


Eco

Curitiba

08

Curitiba, 24 a 26 de dezembro de 2013 www.leiaeco.com.br

MP quer sistema de alerta nacional para emergências climáticas

ANS amplia fiscalização para demandas dos planos de saúde

Chuvas fortes, inundações, tempestades e outras catástrofes climáticas que afetam a vida de milhares de pessoas devem ser avisadas rapidamente à população com apoio de meios de comunicação como redes de telefonia móvel, rádios e televisão. A recomendação foi expedida pelo MPF aos ministérios das Comunicações e da Integração Nacional e ainda à Anatel. O objetivo da recomendação é regulamentar o sistema nacional de comunicação de alertas de emergência, que disponibiliza um canal para as defesas civis Federal, Estadual e Municipal entrarem em contato com as populações das áreas afetadas. Sistemas semelhantes já funcionam há décadas em países como Estados Unidos e Japão, alertando com antecedência os moradores a se protegerem, de acordo com o MPF. A procuradora da República Luciana Gadelha explica que já existem iniciativas em que mensagens por SMS são enviadas para moradores pré-cadastrados .

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) anunciou um novo instrumento de notificação às operadoras de planos de saúde em defesa do consumidor. Com isso, a partir de 19 de março de 2014, os usuários de planos contarão também com a Notificação de Intermediação Preliminar (NIP) não assistencial, que pode ser aberta em casos como reajustes indevidos. A medida é parte da Resolução Normativa 343, publicada no Diário Oficial da União. Atualmente, os usuários de planos de saúde já contam com a NIP assistencial, que abrange todas as negativas de cobertura pelos planos. O novo modelo vai atender aos descumprimentos contratuais não relacionados diretamente à assistência à saúde. As notificações podem ser abertas quando o beneficiário de plano de saúde é afetado diretamente pela conduta da operadora e não houver possibilidade de mediação.

economia comércio

Passagens aéreas e alimentação pressionam a inflação de serviços

P

assagens áreas, alimentação fora de casa e serviços intensivos em trabalho, como de médicos, dentistas, costureiras, manicures e empregados domésticos. Esses são os segmentos vilões da inflação do setor de serviço, de acordo com estudo do Banco Central (BC). O estudo do BC mostra que a participação do grupo intensivo em trabalho na inflação acumulada em 12 meses no setor de serviços aumentou de 17,2%, em dezembro de 2004, para 26,8% em novembro de 2013. No caso do segmento de alimentação fora de casa e passagem aérea a participação passou de 23,3% para 28% e a de serviços diversos, subsetor com maior peso no setor, recuou de 59,5% para 45,3%. De acordo com o BC, a inflação do setor de serviços (inflação de serviços deduzida do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo - IPCA) apresentou tendência de alta de 2005 a 2012. Essa tendência se inverteu no segundo trimestre de 2012, mas voltou a se elevar nos últimos meses. O BC destaca que o arrefecimento da inflação de serviços iniciado no final de 2011 não foi acompanhado, inicialmente, pela inflação do subgrupo serviços intensivos em trabalho. Os preços desse segmento só cederam no final de 2012. “Ao menos em parte, essa evolução refletiu o reajuste do salário mínimo implementado no princípio de 2012 (14,13%)”. De acordo com o BC, a trajetória da inflação nesse subgrupo tem “boa aderência à evolução do salário mínimo”.


Curitiba, 24 a 26 de dezembro de 2013 www.leiaeco.com.br

gastronomia

09

Eco

Curitiba

Comer & Curtir em Curitiba Simone Meirelles

Conheça a Cantina Casa Verde

Camarão na parrilla: sabor porteño para o verão

Corrientes 348 apresenta cardápio de verão

O

restaurante argentino Corrientes 348 Curitiba vai dividir a preferência da clientela - até agora brindada com carnes de alta qualidade – com os pratos lançados para harmonizar com as altas temperaturas desta estação. O novo cardápio de verão do Corrientes apresenta as carnes frescas e leves de pescados e frutos do mar reinventadas à moda porteña. Polvo, camarões e peixes são preparados ou finalizados na churrasqueira (parrilla) do Corrientes. Pratos como o salmão e o abade-

jo, além de camarões são feitos diretamente na parrilla. O polvo tem um preparo um pouco diferente, depois que é pré-cozido vai à parrilla para grelhar por fora e ganhar o sabor e aspecto porteños. Já o bacalhau é preparado na churrasqueira com alho, cebola e morrones (pimentão vermelho) e flambado no final para ficar suculento. “Os frutos do mar ficam realmente com um gosto diferente. Os temperos usados nos pratos não são os mesmos, mas a base deles é feita com ingredientes 100% típicos Gustavo Reichel

Curitiba ganha novo açougue gourmet Apaixonados por churrasco vão adorar. Acaba de ser inaugurado o açougue gourmet Clube da Carne, dos empresários Luiz Felipe Nodari e Gerson Almeida. Instalado no bairro Cabral, o açougue gourmet trabalha com produtos de alto padrão, como a carne Angus, considerada por muitos como a melhor do mundo. A boutique também oferece diversos outros tipos de carnes, como cortes de cordeiros, suínos, kobe beef, aves e carnes exóticas, além de itens necessários para um bom churrasco, entre eles grelhas e cervejas especiais. O Clube da Carne está localizado na Avenida Munhoz da Rocha, 655, e funciona de segunda a sábado, das 9h30 às 19h30; e nos domingos, das 9h às 13h. Mais informações no site www.clubedacarne.com ou pelo telefone (41) 3030-2468.

argentinos”, explica Bruno Villela, um dos sócios-proprietários do Corrientes 348 Curitiba. Todas as porções servem bem duas pessoas. O Salmón Parrillero e o Abadejo com Salsa e Hierbas, assim como o Pulpo a La Parrilla, custam R$ 90,00, enquanto que o Bacalao Parrillero e Gambas a La Parrila saem por R$ 104,00. O Corrientes 348 Curitiba fica na Rua Gutemberg, 23, Batel. Reservas: (41) 3075.0348. Em tempo: o restaurante estará fechado de 23 de dezembro a 6 de janeiro de 2014.

Família Farinha lança Chocotone de doce de leite Guilherme Alves Um delicioso Chocotone recheado de Dulce de Leche: essa é uma das principais novidades da Família Farinha para o fim de ano. Com pequenas gotas de chocolate, o panetone recebe uma grande quantidade de doce de leite em seu recheio. O Chocotone de Dulce de Leche é feito com ingredientes frescos e de primeira qualidade, levando em conta Chocotone Dulce de Leche: a tradição da casa delícia de fim de ano em oferecer produtos de primeira linha. A sugestão custa R$39,50 (kg). A casa ainda oferece Chocotone com recheio de Brigadeiro e Ganache Preto, a R$39,50 kg ou Panetones recheados de trufas e doce de leite (R$ 32,90kg). A Família Farinha está na Avenida Nossa Senhora da Luz, 2345, Jardim Social. Telefone: (41) 3362-3052.

Chegando as férias, é época de viajar. O passeio a Morretes e Antonina vale a pena e, agora, tem mais uma atração gastronômica. A Cantina Casa Verde, em Antonina, é uma delícia e oferece uma surpreendente seqüência de pratos Conchiglione com camarões regionais e italianos. Por R$ 42,00 por pessoa, é possível degustar e lulas: destaque no menu degustação diversas criações do chef André, um ex-profissional do mercado financeiro que trocou Curitiba pela tranqüilidade da pequena cidade histórica. Pra começar, quatro entradas, entre as quais se destaca o ceviche de pupunha, saboroso e refrescante. Nos pratos principais, o tradicional barreado, seguido de um inesperado conchiclione recheado de queijo e mamão verde, com molho ao sugo, camarões e lulas grelhadas. Meu preferido do dia! E ainda tem peixe frito com risoto de siri, pupunha assada com azeite e amêndoas e uma sobremesa bem original. Enfim, uma farta refeição, com sabores variados e num ambiente bem agradável. Para quem preferir, há vários pratos a la carte, como o nhoque recheado de queijo e molho bolonhesa (R$ 22,00). Recomendo! Abre para almoço sábado e domingo e para jantar de quinta a segunda. Fica na Travessa Marinho de Souza, 34, fone (41) 3432-3612, www.cantinacasaverde.com.br.

Cantina do Délio com novo espaço Quem estava acostumado com a tradicional decoração da Cantina do Délio – um dos restaurantes mais agradáveis de Curitiba - agora conta com um moderno deck lateral que se integra à casa antiga, criando um efeito moderno e ao mesmo tempo acolhedor, Novo espaço da Cantina: para refeições com contrastes bem harmoniosos. Toda projetada ainda mais especiais em vidro e madeira, a construção agregou ousadia ao ambiente, proporcionando mais beleza ao visual dos que pretendem se entregar aos deleites da comida tipicamente italiana. O restaurante fica na Rua Itupava, 1094, fone (41) 3078-0010.

Presentes de última hora Quem deixou para comprar os presentes de Natal para a última hora e está com medo de não encontrar algo que agrade pode ficar despreocupado. A rede Adega Brasil conta com 34 opções de cestas natalinas, que contam com produtos gastronômicos e bebidas, nacionais e internacionais, agradando todos os paladares. Os valores também são flexíveis, se encaixando conforme o orçamento, sendo que a cesta mais simples custa R$ 46,90. E para quem preferir nas lojas é possível encontrar também kits, bebidas individuais e panetones, todos igualmente especiais para esta época do ano. O catálogo completo pode ser conferido no site http://www.adegabrasil.com.br/ Informações: (41) 3017 0051.

Cesta Roma: R$ 699,00 com muitas delícias

Simone Meirelles é jornalista e apaixonada por gastronomia. É autora do blog www.comerecurtir.blogspot.com.br , sobre comida e lugares bacanas para comer bem. Contato: comerecurtir@gmail.com


Eco

Curitiba

10

Curitiba, 24 a 26 de dezembro de 2013 www.leiaeco.com.br

entretenimento

Cenário Espaço Arte promove Oficinas de Verão A Cenário Espaço Arte promove Oficinas de Verão com aulas de Jazz e suas vertentes. Entre os dias 27 e 31 de janeiro os professores Jonatas Cardoso, Ana Paula Ricci, Thiago Fialkoski, Ji Sambati, Júnior Soares e Vanessa de Castro irão apresentar o Jazz pelo Jazz, o Street Jazz, Modern Jazz, Lirical Jazz, Jazz Musical, Jazz Dance e Jazz Movimento.

O Jazz é uma forma de dança moderna fortemente influenciada pelos sons, ritmos e técnicas. Devido as suas influências as movimentações são imprevisíveis, variando do lento pra o ágil, utilizando os níveis alto, médio e baixo. Além disso o jazz ensina o aluno a executar saltos, piruetas e giros. O trabalho desenvolvido permite que melhore a flexibilidade,

GARFIELD

condicionamento físico, coordenação motora, memorização e musicalidade. As aulas de Jazz das Oficinas de Verão são indicadas para bailarinos a partir de 13 anos (mínimo de experiência em Jazz). O objetivo do Jazz é aperfeiçoar a noção do corpo, a fim de desenvolver a especialização do movimento, peso, ritmo, coordenação motora, flexibilidade e a técnica.

LULUZINHA TEEN

RESUMO DAS NOVELAS

PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS

Peças lapidadas pelo joalheiro Um dos criadores do trio elétrico

A arma dos bandeirantes (Hist.)

Atrevido; insolente

Ingrediente alcoólico do drinque mojito Nota do Redator (abrev.) Uma das coberturas do churro Delatar (gíria)

Designada para assumir um cargo Sua Alteza Real (abrev.) Que teve a cassação política suspensa

Tipo de microcomputador A da carta anônima é desconhecida Anne (?), escritora norte-americana Prenome do presidente Médici

Medida agrária Viveiro de peixes

Emanação do Ser Supremo (Filos.) Seriado de TV sobre ciência forense Namorar sem compromisso (pop.) Reles; ordinários

horóscopo Rosto Local visitado no Dia de Finados Iniciais de Yves Saint Laurent Monte (?), localização do Cenáculo (Israel) Única capi- Resposta tal brasi- positiva leira fundada por franceses Carinho

"Louco por (?)", seriado da Globo Letra puxada no sotaque caipira

Contraí matrimônio A barba típica do adolescente Triste, em inglês

Modelo de flauta da Grécia Antiga

3/éon — gré — sad. 4/aulo — rice. D A H

O S M A R

www.coquetel.com.br

A U D A C I O S O

Nas bancas e livrarias

G F

sua maneira de pensar

Solução A N I S T I A D O

50 Desafios para mudar

22

E L A S

BANCO

Peça que se acopla à furadeira

B P A M E C I D A R M E A A S R P T O R E E C I F I R I O C S A R A S S R B

Quinta-feira: Valdirene consegue falar com Boninho. Inaiá conta para Laerte que é soropositiva. Pilar se aconselha com Bernarda sobre o que fazer em relação a Félix. Laerte rejeita Inaiá, e Renan consola a moça. Michel pede Patrícia em casamento. Valdirene consegue que seu vídeo seja assistido pelo diretor do programa de TV. Rafael se recusa a ajudar Eron a tirar Fabrício de Niko.

© Revistas COQUETEL 2013

Símbolo da Rússia Caminho O Pai do Heliocena ser percorrido trismo

U R I N S T I O I C N O N E L U R A A U R C I O O E P M T E I L R I O N O LU I A CO

Quinta-feira: Líder Jorge foge de Selma. Rafa fala de Paulinha para William. Angelique manda Vitória se afastar de Marlon. Marcelo elogia o beijo de Priscila na frente Álvaro. William consegue embriagar Líder Jorge e descobre que Hermes é o Luminoso Mestre. Hermes fala para Kléber que Berenice precisa desaparecer, e William e Lili ouvem a conversa.

Quarta-feira: Ignácio anuncia para Eudóxia que vai se casar com Gigi. Atílio visita Márcia. Bruno descobre que Ordália tem um namorado. Luciano não consegue falar com Joana no hospital. Herbert entrega o presente para Ordália. Niko almoça com Félix. Ciça conta para César que Aline usa um ingrediente especial em suas receitas e o médico fica curioso. Pilar vê Félix vendendo cachorro-quente.

Opôs o Norte ao Sul, O 1o ator a nos EUA ganhar o Oscar por dois anos consecutivos A antiga Guiana Holandesa Agrotóxicos Arrojada; magnânima

G S U P E E R N R C A E D R E T S R E A C C E Y S S S Ã M O

Quinta-feira: Manfred recorta todos os álbuns da família Sonan sugere que Arlindo faça um show beneficente no cabaré para ajudar um lar de idosos, a pedido de Matilde. Manfred obriga Ernest a deserdar Franz, Hilda e Viktor e tranca o pai no quarto, deixando Gertrude preocupada. Aurora faz um número de canto e dança na cela, com as outras presas, e o delegado resolve liberála. Manfred conta para Ernest que comprou as ações da empresa e que agora é o único dono da Hauser.

Quarta-feira: Paulinha fala mal de Marlon para Joana. Tereza pede que Angelique ensine tudo a seu sobrinho. Hermes repreende Líder Jorge por seu comportamento no bar. Celina sugere que Lili tome cuidado com Rita e Selma. Nilson pede conselhos a William para conquistar Fátima. Kléber proíbe Romildo de sair da delegacia. William pensa em embriagar Líder Jorge. Fernanda comenta com Thomaz que sabe tudo sobre LC.

Amor à Vida – 21h Hoje: Niko leva Félix, Márcia e Rinaldo para passar o Natal com ele e os filhos. Elias pede Gina em casamento. Tamara aconselha Edith a seduzir Herbert. Rafael dança com Linda. Rogério e Lídia repreendem Thales por tentar cortejar Natasha. Carlito e Valdirene passam o Natal na praia. Paulinha tenta reconciliar Paloma e Bruno. Pilar ganha um presente de Maciel. Herbert beija Edith. Vanderlei e Daniel dão para Perséfone o mesmo presente. Eron e Amarilys sofrem na noite de Natal por causa da ausência de Fabrício. Niko promete ajudar Félix e decide procurar Pilar.

I

Quarta-feira: Ernest se desespera com as atitudes de Manfred, se lembra do dia em que Catarina morreu e chora. Pérola distribui brinquedos, roupas e comida para os pobres na rua. Aurora dá um carro para Davi. Ernest obedece todas as ordens de Manfred, submisso. Pérola e Franz chegam à mansão. Ernest se emociona com a visita e chora, deixando Franz e Pérola preocupados. Aurora e Davi são presos por desacato à autoridade. Ernest admite para Franz que Manfred é seu filho.

Além do Horizonte – 19h15 Hoje: Lili consegue falar com Priscila. Celina pergunta a Assis sobre a expedição e pede para se juntar ao grupo de Lili. Nilson tira satisfações com Rafa sobre Fátima. Keila conversa com Hermes para provocar Kléber. Heloísa garante a Thomaz que encontrará Lili. Lili se enfurece ao ver Selma com suas roupas. William vai até a delegacia falar com Berenice. Heloísa leva Thomaz para o seu quarto. Inês decide ir à casa de Heloísa. William consegue falar com Berenice, mas ela se apavora ao ouvir vozes fora da delegacia. Inês invade o quarto de Heloísa.

M

Joia Rara – 18h Hoje: Santinha convida o delegado para a ceia, deixando Arlindo furioso e enciumado. Manfred busca Ernest no clube e diz que tem uma surpresa para ele em casa. Odilon se veste de Papai Noel para alegrar Pérola e as outras as crianças do cortiço. Manfred enfrenta Ernest e o obriga a comer a ceia preparada por Gertrude. Um casal de idosos cuida de Sílvia, que está muito machucada.

www.coquetel.com.br


Eco

Curitiba

12

Curitiba, 24 a 26 de dezembro de 2013 www.leiaeco.com.br

moda Fabíola Monteiro E-mail: contato@fabiolamonteiro.com.br

S.O.S: MALA PARA AS FÉRIAS DE VERÃO ))) Fabíola Monteiro

F

érias escolares, Natal e réveillon são alguns dos motivos que fazem essa época do ano ser uma das preferidas para viajar. Viajar é sempre uma delícia, mas algumas pessoas ficam em pânico na hora de fazer a mala. Normalmente leva-se muito mais do que o necessário e não raramente esquecese algo importante. Pensando nisso, o ECO Curitiba separou algumas dicas de como fazer uma mala compacta, mas que funciona. O primeiro passo é saber o destino, se é praia ou cidade, e o clima do local, já que uma mala para São Paulo é bem diferente de uma mala para Fortaleza. Depois, devemos pensar em quantos dias ficaremos no lugar, pois o número de peças que entrarão na mala é proporcional ao número de dias fora de casa. Em seguida, é a hora de escolher quatro cores para a mala. Cores que combinem entre si, pois servirão de guia para eleger as peças que você vai levar. Para que a sua mala renda vários looks diferentes, o ideal é escolher duas cores neutras (preto, cinza, marinho, branco, cáqui) e duas “coloridas” (azul, vermelho, verde, rosa, amarelo) ou três neutras e uma “colorida”. Lembrando que valem tons diferentes da mesma cor; um azul clarinho e um azul mais forte, por exemplo. Definidos o destino, o clima e as cores, podemos passar à quantidade de peças.

Viagem curta (final de semana ou feriado) - 3 partes de baixo (calça, bermuda, shorts, saia, vestido ou macacão); - 6 partes de cima (blusas, camisetas, camisas, coletes e casacos); - 2 sapatos; - 2 bolsas (uma grande e uma pequena para a noite); - roupa íntima de acordo com a sua necessidade. Se o destino tiver praia ou piscina, acrescente: - 2 biquínis/ maiôs/ sungas / bermudões; - 1 saída de praia; - 1 chinelo de praia; - 1 sacola de praia; - 1chapéu/boné. Viagem de uma semana/10 dias - 6 partes de baixo; - 12 partes de cima; - 3 sapatos; - 3 bolsas. Se o destino tiver praia ou piscina, acrescente: - 3 ou 4 biquínis/maiôs/ sungas/ bermudões; - 2 saídas de praia; - 1chinelo de praia; - 1 sacola de praia; - 2 chapéus/bonés. As mesmas dicas valem para os homens. No caso das listas acima, basta retirar o que não faz parte do universo masculino.

Roupas brancas

Cuidados com o traje do Revéillon Se existe um dia do ano em que as pessoas param pra pensar em qual roupa vestir, este dia é o Revéillon. Além de escolher o modelo mais apropriado para a praia ou para um baile, as cores dos tecidos significam aquilo que desejamos para o ano seguinte. Representando a paz, o branco é, sem dúvidas, a principal cor eleita para a virada, mas a atenção com o traje deve continuar mesmo após a meia-noite, pois durante as celebrações pode acontecer de derrubar espumantes ou outras

bebidas na roupa. Quando isso ocorrer o melhor a fazer é nada! Isso mesmo: evite tentar limpar com água, sabão ou alvejantes, pois a melhor maneira de tratar uma mancha é com especialistas. Segundo Birgit Marsili, franqueada da lavanderia premium Lavasecco em Curitiba, as pessoas geralmente querem limpar a mancha na hora, achando que se ela secar será pior. “Muito pelo contrário, tentar remover a mancha por conta pode danificar o tecido ou alterar a cor da peça.

O ideal é levar a roupa manchada até uma lavanderia”, salienta. Independente do tipo de mancha – seja ela de café, vinho, espumante ou sorvete – a dica é deixá-la para quem entende do assunto. De acordo com Driano Marsili, também franqueado da Lavasecco, a lavanderia possui um produto específico para cada tipo de mancha. “Se o cliente trouxer a roupa manchada sem nenhuma química anterior, a mancha desaparece com mais facilidade”, frisa.

ACESSÓRIOS NATURAIS Os acessórios feitos com materiais naturais têm a cara do verão e acrescentam charme aos looks da estação. Nas coleções atuais podemos encontrar uma grande variedade de acessórios que usam palha, corda, cortiça, juta etc como matéria-prima; usadas sozinhas ou misturadas com couro ou tecido. As peças aparecem com acabamento refinadoou mais rústico e nas suas cores originais ou coloridas. E o melhor é que podem ser usadas em diversas ocasiões. Da praia a um jantar com os amigos. Bolsas de todos os tamanhos, chapéus, sandálias e até bijuterias são algumas das opções disponíveis para quem quiser experimentar um visual casual-chic. Para dar um ar atual à produção é legal misturar os acessórios naturais com alguma peça mais sofisticada, fazendo o que na moda chamamos de hi-lo*. Por exemplo, uma clutch (carteira) em palha usada com um vestidinho de seda ou uma sandália com salto anabela em corda usada com vários acessórios dourados são ideias para alcançar este estilo. *hi-lo:abreviação de high and low, termo em inglês que poderia ser traduzido como “alto e baixo”. Este termo é usado no mundo da moda quando misturamos peças sofisticadas ou de grifes com outras mais simples ou baratas.

provocativo

Scala lança coleção de calcinhas em embalagem com formato de coqueteleira Toda mulher adora usar uma calcinha nova e fazer um brinde ao ano novo. Pensando nisso, a Scala (Mueller e Palladium) que sempre prepara surpresas para o as festas de fim de ano, traz uma nova linha de calcinhas especialmente para a data. Inspirada em drinks da sorte, a coleção Choose Happiness apresenta calcinhas em quatro cores rosa, vermelho, amarelo e branco, simbolizando o amor, paixão, dinheiro e paz. Acompanhadas de uma embalagem mais do que inusitada, a peça vem dentro de uma coqueteleira com um cardápio de receitas de coquetéis nos temas Hot, Peace, Lucky e Love, para que o ano novo seja realmente muito especial. A novidade é um convite para começar 2014 com um bom brinde. O kit sai por R$ 29,80, uma ótima sugestão de presente para amigo secreto ou para aquela pessoa especial.

Fabíola Monteiro é consultora de Imagem e Moda, sendo formada em Consultoria de Imagem e Marketing de Moda pelo SENAC/PR. Guaduada em Direito, Fabíola redescobriu seu amor de infância pela moda e passou a se dedicar exclusivamente à esse universo.


Curitiba, 24 a 26 de dezembro de 2013 www.leiaeco.com.br

saúde

13

Eco

Curitiba

Marcelo Camargo/ABr

ALERTA

Mulher desconhece relação entre câncer e HPV, diz pesquisa Ibope A relação entre o aumento do risco de câncer do colo do útero a partir da infecção pelo vírus HPV (Papilomavírus humano) ainda é desconhecida pela maioria das mulheres. Mesmo aumentando em até 100 vezes a chance de uma mulher desenvolver o câncer de colo do útero no futuro, o HPV ainda não é identificado como fator de risco para o segundo tipo de câncer mais incidente entre elas no Brasil. Além disso, ainda é grande o número de brasileiras que não realiza regularmente Papanicolaou, principal exame para detectar as lesões que podem levar ao câncer do colo do útero. Na tentativa de detectar o conhecimento das mulheres, a Associação Brasileira de Patologia do Trato Genital Inferior e Colposcopia realizou uma pesquisa em parceria com o Ibope com 700 mulheres em seis capitais do país, com idades entre 16 e 55 anos. “Queríamos conhecer um pouco mais das referências

Quase 40% das entrevistadas também não relacionaram os exames preventivos de rotina como forma de prevenção do câncer do colo do útero.

dessas mulheres, entender quais mensagens já chegaram até elas sobre o assunto e o que ainda falta para que elas compreendam a gravidade dessa situação”, diz Garibalde Mortoza Júnior, presidente da Associação. De acordo com a pesquisa, 66% das entrevistadas não relacionam o HPV com o câncer do colo do útero. “Esse é um dado importante que já percebemos no consultório. O desconhecimento esbarra nas medidas de prevenção, que elas não realizam corretamente”, avalia Mortoza Júnior. Para se ter uma ideia, 76% das mulheres ouvidas na pesquisa não relacionam a vacinação contra o HPV como forma de prevenção do câncer do colo do útero.

ESTÉTICA

É preciso emagrecer antes da lipoaspiração Muita gente que está insatisfeita com o próprio peso e de mal com a balança acha que a cirurgia plástica é a solução para um corpo bonito. Entretanto, o que essas pessoas não sabem é a verdadeira função da lipoaspiração. O procedimento é indicado para a redução da gordura localizada e não para a perda de peso. Por isso, muitas vezes a lipoaspiração deve ser associada a um pré-tratamento alimentar e rotina de exercícios que permitam ao paciente diminuir o peso antes de entrar na sala de cirurgia. O médico especialista em cirurgia plástica, doutor Alexandre Mansur, explica que a lipoaspiração faz a sucção da gordura do subcutâneo com cânulas sem ponta, sendo, portanto, indicada apenas para o tratamento da gordura localizada. “A cirurgia tem regulamentação pré-definida pelo CFM (Conselho Federal de Medicina), o qual permite lipoaspirar no máximo 5 a 7%

Crescimento da próstata afeta qualidade de vida de 80% da população masculina

C

om o avanço da idade, alguns problemas de saúde inevitáveis vão surgindo. No caso dos homens, o crescimento da próstata é o fator que mais afeta a qualidade de vida, ocasionando distúrbios urinários. Cerca de 80% da população masculina com mais de 50 anos apresenta um crescimento na próstata não ocasionado por câncer: é a hiperplasia prostática benigna - HPB. Alguns sintomas são motivo de alerta: muitas idas ao banheiro durante o dia e principalmente à noite, dificuldade em esvaziar a bexiga e jatos mais fracos do que o normal. Não tratar a doença pode

prejudicar a bexiga, que não será tão eficaz em esvaziar toda a urina, ocasionando infecções e doenças nos rins. Por isso, é importante procurar um especialista caso algum desses indicadores apareçam. Segundo José Antônio Caldeira, urologista do Hospital VITA Batel, graças à tecnologia, hoje em dia a HPB pode ser tratada de forma rápida e eficaz, proporcionando ao paciente uma vida normal. Na maioria das vezes, esses sintomas reduzem a qualidade de vida para uma extensão tão grande que os indivíduos afetados passam a planejar suas rotinas em torno desta condição. Ou seja, evitam

beber mais líquidos, procuram ter acesso mais rápido e fácil a banheiros, alterando inclusive a rotina do sono. Quando isso acontece, atrapalhando a rotina diária, é recomendado que a pessoa procure um médico urologista para iniciar um tratamento específico, pois a HPB não tratada pode conduzir a complicações, tais como grave infecção urinária, retenção da urina ou até insuficiência renal. “Em alguns casos, o uso de medicamentos pode solucionar o problema, porém, se não ocorrer melhora, o paciente está sujeito a passar por uma cirurgia”, explica o urologista.

qualidade de vida do peso corporal do paciente”, explica o doutor Mansur. Deste modo, nos casos de pessoas mais “gordinhas”, mesmo que essa porcentagem seja lipoaspirada, não haverá um resultado estético adequado. “Existem situações em que é necessário perder peso antes do procedimento”, avalia o médico. É claro que tudo vai depender de cada paciente, do seu peso e da área que deseja realizar a lipoaspiração. Se a pessoa quer apenas diminuir a gordura localizada nas partes internas das coxas, por exemplo, o especialista afirma ser possível realizar a lipoaspiração sem a necessidade de perder peso primeiro.

Baixa visão pode ser contornada com trabalho de reeducação Muitas vezes confundida com cegueira, a visão subnormal ou baixa visão é um comprometimento da função visual, que impõe ao portador uma série de dificuldades para lidar com a vida cotidiana. Pessoas com baixa visão são facilmente identificadas pela necessidade de aproximação máxima do objeto que desejam enxergar. Nos idosos, as principais causas da baixa visão são a degeneração macular relacionada à idade, retinopatia diabética e glaucoma. Já em crianças, as

causas mais comuns são a coriorretinite macular (perda da visão central), catarata congênita (visão difusa), retinopatia da prematuridade e doenças degenerativas da retina. Após avaliação oftalmológica do médico especialista, é possível fazer diagnóstico de cada caso, e definir a utilização de recursos ópticos - aparelhos especiais que ampliam consideravelmente a visão. Esta é uma alternativa para quem possui baixa visão. Além desta abordagem, um trabalho

técnico aplicado na Clínica Schaefer, de Curitiba, tem demonstrado resultados excepcionais não apenas na superação das dificuldades visuais, mas também nos conflitos emocionais. A proposta consiste em estimular a utilização plena do potencial de visão e dos sentidos remanescentes. “É como uma fisioterapia para os olhos”, explica a pedagoga Evelise Rocker Tortato, profissional especializada em deficiência visual, com 22 anos de atuação na área.


Eco

Curitiba

14

Curitiba, 24 a 26 de dezembro de 2013 www.leiaeco.com.br

especial

ECO Curitiba 079  

Confira as principais notícias desta terça-feira. Microcrédito é recorde mas está longe de atender toda a demanda dos empreendedores Confi...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you