Page 1

REBRA comemora o Aniversário de 15 Anos na Casas das Rosas e proporciona momentos e emoção, alegria e integração

N

Foto: Pedro Marcon

os dias 8 e 9 de março aconteceu na linda e culturalmente significativa “Casa das Rosas”, na Av. Paulista, em São Paulo, uma programação intensa de comemoração de aniversário da REBRA – Rede de Escritora Brasileiras, fundada e presidida pela escritora Joyce Cavalccante. A programação foi composta por diversas atividades que ajudaram a integrar ainda mais as associadas como: Palestra “A História da Literatura Feminina no Brasil” – por Joyce Cavalccante e Sonia Cabral; “Primeira Feira de Livros Femininos do Brasil”; lançamentos literários individuais das associadas; Sarau promovido pelo SER-Selo Editorial REBRA e a Livraria Asabeça; lançamento da antologia Lindas Lendas Brasileiras, que comemorou e marcou os 15 anos da associação com a participação de 77 associadas, editada pela Editora Scortecci, com capa da associada - e também artística plástica - Maria Araújo; Reunião das associadas da REBRA para mútuas apresentações, troca de ideias, sugestões e depoimentos; almoços e encontros de confraternização social e muitos outros momentos significativos. Na ocasião, Joyce Cavalccante lançou o delicioso livro infantojuvenil Entre o ver e o imaginar, que vai encantar jovens e adultos. A presença de autoridades, discursos e depoimentos criaram momentos significativos no evento, que ficará registrado pela emoção, como foi o caso da apresentação da Deputada Federal Mara Gabrilli. Mas o ápice das atividades do final de semana foi quando a presidente Joyce Calvaccante entregou as exclusivas outorgas da REBRA. O título “Mulher Honorária”, que é entregue à personalidades masculinas de alto valor, foi entregue ao Diretor da Câmara Brasileira do Livro, Mansur Bassit, e ao editor do Jornal Sem Fronteiras e empresário da Construção Civil, Fábio Valverde Portugal. O Título de “Sócia Honorária” foi entregue às associadas Hebe Boa-Viagem e a Betty Silberstein. Ainda receberam a homenagem as cofundadoras da entidade Sabine Cavalcante e Kátia Abud. Ajudaram a entregar as homenagens o Médico político e escritor Lúcio Alcântara, o empresário João Scortecci, a Jornalista Dyandreia Portugal e a presidente da Divine Académie Française des Arts Lettres et Culture, Diva Pavesi. Joyce ainda fez questão de homenagear as mais de 50 associadas presentes, entregando em mãos, uma a uma, o certificado alusivo à ocasião. E citou: “Temos o prazer de distribuir prêmios às pessoas que têm alimentado nosso espírito com sua força e solidariedade”. Certamente, Joyce não poderia imaginar, há 15 anos atrás que conseguiria reunir mais de 5 mil associadas e que a rede pudesse se transformar na importância que ela hoje possui no meio cultural. Sua atitude ao fundar a REBRA foi de extrema importância às escritoras de nosso país e, por isso e pelos resultados obtidos nessa empreitada, ela merece todo o respeito. Entidades, autoridades e mídia ressaltam a REBRA como umas das mais importantes associações culturais de nosso país. A Revista Caras fez uma cobertura de quatro páginas sobre o evento, ressaltando esta que é sem dúvida uma entidade de orgulho para cada associada. Sobre a fundação, no prefácio da antologia Lindas Lendas Brasileiras, ela informa: “Devido às nossas dimensões continentais, concluíram que merecíamos ter a nossa própria rede para melhor participarmos da malha global. Assim, ficou acertado (...) Nos primeiros meses do último ano do século passado, 1999, estávamos com a papelada pronta para colocar a REBRA na História da Literatura Brasileira. Foi escolhido o dia 8 de março para o registro da primeira ata assinada pela Professora Doutora Kátia Abud Lopes, pela Professora, Psicóloga e Escritora Sabine Cavalcante e por mim, que sou apenas uma pessoa atônita ante tanta luz a meu redor”. O Jornal Sem Fronteiras sente-se orgulhoso de ter participado deste momento único, que ficará registrado na história da Associação e orgulha-se ainda mais de ter como parceira uma entidade de peso cultural e importância para cada associada. conhecidas como Parabéns a Joyce Cavalccante! As associadas, carinhosamente Rosas. das a Cas na idas “Rebrinhas”, reun Parabéns às associadas! Parabéns à REBRA!

na no Brasil”. O momento da palestra “A História da Literatura Femini

Rose Rocha (à esquerda) e Heb e Boa-Viagem (sentada) lanç am seus livros com o apoio de Joyce Ca valccante e Rosalie Gallo y San ches.

A Deputada Estadual Mara Gabrilli e o editor e empresário Fábio Portugal fazem o intercâmbio de suas produções.

A Presidente Joyce Cavalccante fala aos presentes sobre a jornada da Rebra , faz agrad ecime ntos significativos e presta homenagens.

João Scortecci, parceiro da Rebra e editor oficial da associação, celebra a nova parceria com o Jornal Sem Fronteiras.

da esquerda: As escritoras se confraternizam na oportunidade. A partir to, Neide Galli Doroty Dimolitsas, Dyandreia Portugal, Silvia Secura e Ellen Dastry.

Hebe Boa-Viagem recebe das mãos de Diva Pavesi, Representante Internacional da Rebra na França, o título de “Sócia Honorária”. Público presente e atento a todos os momentos da emocionante cerimônia de entrega de homenagens. A partir da esquerda: Lúcio Alcântara, Fábio Valverde Portugal, Joyce Cavalccante, João Scortecci e Mansur Bassit, no momento da entrega do título “Mulher Honorária” .

A Associada Maria Araújo, que fez a arte da capa da antologia Lindas Lendas Brasileiras, rece be das mãos da Presidente, sua homenagem.

A antologia Lindas Lendas Brasileiras, lançada na ocasião, celebra os 15 anos da Associação.

e As cofundadoras da entidade Sabine Cavalcante o, emoçã muita e e, entr das lembra Kátia Abud foram homenageadas. Betty Silberstein, Neide Galli, Diva Pavesi, Joyce Cavalccante, Dyandreia Portugal e Maria Araújo comemoram o evento e registram o momento.

Betty Silberstein, recebe das mãos de Joyce Cavalccante e Dyandreia Por tugal, Representante Regional da Rebra na Reg ião dos Lagos (RJ), o título de “Sócia Honorária” .


2

O Jubileu de Ouro da Academia Luso-Brasileira

Por Dyandreia Portugal

A

Foto L&M Fotografias: (21) 2232-0277 Academia Luso-Brasileira irá comemorar, em outubro deste ano, seu Jubileu de Ouro. A abertura do ano acadêmico teve, como conferencista, o Mestre Evanildo Bechara, que apresentou o discutido tema: “Uma visão sincera do Novo Acordo Ortográfico”. O evento ocorreu no Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro, no dia 18 de março. Durante todo o ano, haverá programação comemorativa dos valorosos 50 anos de existência desse importante Sodalício. O Presidente Francisco Amaral incumbiu o Vice-Presidente Adolpho Polillo da coordenação da Comissão  das Festividades do Jubileu, o que vem sido feito com a habitual competência do nosso ilustre “Reitor Magnífico”, na expressão do Abertura do ano acadêmico, com o conferencista Profº. Evanildo Bechara. Presidente Amaral. Grandes nomes da Literatura serão os palestrantes, como Domício Proença Filho, Joel Rufino, Cláudio Aguiar, Cláudio Murilo Leal, e muitos outros. Em setembro, está previsto um Seminário sobre Literatura Luso-Brasileira, que precederá a grande festa jubilar, em outubro. Maria Amélia Amaral Paladino, Secretária da Academia, informou ao “Sem Fronteira” o seguinte: “A Revista número 14 da Academia Luso-Brasileira terá formato especial e será um registro das atividades do 50º aniversário. Igualmente, o Boletim que, também periodicamente publicado, compõe, com a Revista, os meios de divulgação da nossa Academia, tendo, sempre, como objetivo primordial, contribuir para o espírito e a memória da Cultura Luso-Brasileira, com o indispensável apoio e entusiasmo de seus membros”. O “Jornal Sem Fronteiras” parabeniza a Academia Luso-Brasileira e os seus pares pelo Jubileu de Ouro e coloca-se à disposição para divulgar a programação em detalhes ao longo do ano.

“Música” é o tema escolhido por Dulce Auriemo para o lançamento do “III Concurso Nacional Literário Infantil” Recorde de participação em 2012 e em sua 3ª edição, o Concurso começa em Março. Principal objetivo da iniciativa é despertar o gosto pela Música e pela Literatura entre os pequenos escritores

A

escritora e musicista Dulce Auriemo coloca no ar a 3ª edição do “Concurso Nacional Literário Infantil Espantaxim e o Castelinho Mágico Prêmio Espantaxim 2014”, uma das iniciativas mais esperadas do Projeto Espantaxim, que há 12 anos incentiva a Literatura e estimula a criatividade e imaginação das crianças. O Concurso acontece a cada dois anos. Dulce e sua equipe receberão os textos manuscritos de crianças de 7 a 12 anos de escolas públicas e privadas de todo o país de 10/03 a 31/05, conforme regulamento disponível no site do projeto (www.espantaxim.com.br). “Esse ano, além de despertar o interesse pela Literatura e pelo texto escrito, queremos incentivar o gosto pela música, o aprendizado musical e  a forma de expressar  sentimentos através de canções”, diz Dulce Auriemo. Esse ano o tema é: “Música” – De que maneira ela está presente em sua vida? Crie uma história ou descreva um momento musical feliz. Cada participante deverá escrever uma mensagem de cinco linhas (serão aceitas até sete linhas) ou uma redação de no máximo trinta linhas sobre o tema proposto. A folha oficial que deverá ser impressa e utilizada está disponível no site do Projeto. De todo o material recebido, 80 (oitenta) obras serão escolhidas para fazerem parte da “III Antologia Espantaxim e o Castelinho Mágico” e todos terão a oportunidade de ver seu trabalho literário publicado num livro com outros jovens autores. Dos alunos selecionados, 6 (seis) serão vencedores e ganharão o cobiçado  Troféu Espantaxim 2014, a coleção de obras do projeto e o boneco do personagem Espantaxim, líder da Turminha e querido pelas crianças.  Esse ano, haverá também o “Prêmio Destaque”, uma categoria lançada para prestigiar obras que apresentarem um diferencial. Além da premiação para os vencedores, as três Escolas, Instituições ou Associações que tiverem um maior número de alunos selecionados para compor a antologia também receberão o Troféu Espantaxim 2014. “Os coordenadores pedagógicos, professores e pais terão um papel muito importante na disseminação do projeto e na divulgação do concurso, já que são os primeiros responsáveis em orientar as crianças”, finaliza Dulce.

Projeto Espantaxim

Prestes a completar 12 anos, o Projeto Espantaxim, criado pela escritora e musicista Dulce Auriemo, já atingiu milhares de pessoas de todas as idades, por meio de apresentações em teatros, escolas, livrarias, bienais, feiras do livro, clubes, instituições, CEUs, ações solidárias, workshops, concursos e shows beneficentes. Com muitas canções, poesia, histórias e personagens, o objetivo do trabalho é despertar nas crianças o interesse pela Música, Literatura e Artes Visuais, assim como pela preservação da natureza e do meio ambiente, a prática de esportes e a cultura da paz. A obra literomusical infantil “Espantaxim e o Castelinho Mágico”, especialmente dedicada às crianças, oferece uma contribuição de valor educativo e cultural à Literatura Musical Infantil Brasileira. No mundo imaginário do Castelinho Mágico nasceram 18 simpáticos personagens, que se tornaram amigos e passaram a fazer parte da “Turminha do Espantaxim”. Por serem mensageiros do “bem”, são porta-vozes da cultura da paz, valorizam a ética, os bons costumes, a ecologia, a preservação do meio ambiente e a prática de esportes.

Os personagens foram criados com base nos temas das canções e cada um deles escolheu um instrumento para aprender a tocar. No primeiro livro/CD “Espantaxim e o Castelinho Mágico – 14 canções de Dulce Auriemo” está a essência do projeto, com informações pedagógicas, letras poéticas em cenários ilustrados e partituras. Todas as letras e músicas são da autoria de Dulce e os arranjos foram especialmente elaborados pelo consagrado pianista Amilton Godoy. Com o desenvolvimento do Projeto Espantaxim, foram surgindo novos livros, novas músicas e personagens. No site do projeto - www.espantaxim.com.br - é possível ter acesso a todo o histórico dos trabalhos já realizados, conhecer os personagens, canções, fotos, vídeos, jogos e atividades educativas, além da página especial dedicada aos educadores.

Informações para a imprensa: Rodrigues & Freire Comunicação Thaise Cleto - (11) 3628-5080 - tcleto@rodrigues-freire.com.br

www.redesemfronteiras.com.br | contato@redesemfronteiras.com.br


3

A Academia Carioca de Letras realiza Cerimônia de Posse da nova Diretoria

N

o dia 14 de março, Dia Nacional da Poesia, foi realizada a Cerimônia de Posse da Nova Diretoria da Academia Carioca de Letras. A Cerimônia foi realizada no Salão Nobre do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro – IHGB, no Rio de Janeiro, no bairro da Lapa. Na ocasião, prestigiando o momento, estavam presentes várias autoridades como a Sra. Maria Isabel Werneck, Diretora do Comitê Rio 450 anos; o Sr. Leandro Bellini, Diretor-executivo do Centro Cultural Cesgranrio; o Sr. Nestor Rolim, Diretor da Associação Comercial do Rio; o Sr. Paulo César de Castro, Subsecretário de Gestão da Controladoria do Município do RJ e a Sra. Danielle Motta Lopes, Superintendente de Livros e Leituras da Secretaria Municipal de Cultura. Entre as presenças ilustres, destacamos os Ministros e Embaixadores Jerônimo Moscardo e Marcílio Marques Moreira e também o Ministro e Acadêmico Bernardo Cabral, além dos escritores e membros da Academia Brasileira de Letras Nélida Piñon, Domício Proença Filho, Ivan Junqueira e do cineasta Sylvio Back. Dando início à cerimônia, a mesa presidencial foi composta pelo Presidente do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro e acadêmico, professor e escritor Arno Wehling; pelo Presidente eleito da Academia Carioca, o jornalista, pesquisador e musicólogo Ricardo Cravo Albin; pelo ex-presidente da ACL, o professor e escritor Nélson Mello e Sousa; pelo Presidente da Academia Brasileira de Letras, o poeta e embaixador Geraldo Holanda Cavalcanti; pelo Presidente da Academia Nacional de Medicina, o professor doutor Pietro Novelino; pelo Presidente do PEN Clube do Brasil, escritor Cláudio Aguiar e pelo Cônsul Geral do Reino da Bélgica, Sr. Bernard Quintin. Nelson Mello e Souza despediu-se da presidência fazendo um discurso ressaltando as conquistas acadêmicas do último ano e agradecendo a colaboração de todos que trabalharam juntos para realizá-las. Já o novo Presidente, o acadêmico Ricardo Cravo Albin, fez um discurso entusiasta visando, além de outras questões, as propostas e metas a serem alcançadas durante o próximo ano. Ricardo Cravo Albin é Escritor, Jornalista, Historiador, Crítico e Radialista. Formado em Direito, Ciências e Letras (Faculdade Nacional de Direito da Universidade do Brasil 1959/1963). Oficial da Reserva do Exército Brasileiro. Formado em línguas pelo Instituto Brasil-Estados Unidos e pela Aliança Francesa. Cursou Direito Comparado na Universidade de Nova York entre 1964 e 1965. Fundou e dirigiu o Museu da Imagem e do Som (MIS) do Rio de Janeiro entre 1965 e 1971. Historiador de MPB, produtor musical, produtor de rádio e televisão, Albin foi ainda Diretor geral da Embrafilme e Presidente do Instituto Nacional de Cinema (INC). É também autor de aproximadamente 2.500 programas radiofônicos para a Rádio MEC. O que ficou claro para a lotada plateia presente é que a atual diretoria dará ênfase à programação cultural. Posteriormente ao evento, o acadêmico Adriano Espínola, Primeiro Secretário da ACL, informou ao Sem Fronteiras: “Quanto à programação cultural, a ACL está dando especial ênfase aos aspectos culturais da cidade do Rio, não só pelo fato de que se trata da Academia Carioca de Letras, mas também pelo 450º Aniversário de Fundação da cidade do Rio, no próximo ano. A identidade, digamos, ideológico-literária da Academia estaria nesta carioquicidade, tão representativa, tão própria, da cidade, mas também do Brasil... em seus diversos aspectos culturais (além do literário, é claro)”. A nova diretoria da ACL é composta pelo Presidente Ricardo Cravo Albin; pelo Vice, Cláudio Murilo Leal, pelo Primeiro secretário Adriano Espínola, pela Segunda secretária Miriam Halfim, pelo Tesoureiro Edir Meireles, pela Diretora da Biblioteca Teresa Cristina Meireles de Oliveira e pelo Prof. Paulo Roberto Pereira, Diretor-editor da Revista da Academia Carioca de Letras. Ao final da cerimônia, foi oferecido um vin d’honneur aos convidados presentes. Fundada em 8 de abril de 1926, a Academia Carioca de Letras, constituída como Associação de Cultura Literária do Estado do Rio de Janeiro, está sediada na cidade do mesmo nome e tem por fim a Cultura da Língua e da Literatura Nacional. Compõe-se de 40 membros titulares ou efetivos e adota os mesmos critérios tradicionais das demais academias brasileiras. A Academia Carioca de Letras é considerada entidade de utilidade pública federal pelo Decreto nº 4.971, de 1934; de utilidade pública estadual pela Lei nº 753, de 1965; e órgão consultivo do Estado do Rio de Janeiro em assuntos culturais pela Lei nº 970, de 1966.

Foto: Acervo Sem Fronteiras

Por Dyandreia Portugal, com colaboração de Adriano Espínola

Na chegada ao local do evento, o público era presenteado com a Revista da ACL, um livro com 224 páginas, contendo as conferências realizadas pelos acadêmicos e convidados da Academia.

Panorama do Salão Nobre do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro – IHGB.

Entre o seleto público, a presença da imortal da ABL, Nélida Piñon, e, à sua frente, o escritor Luiz Godim. O Mestre de Cerimônias do evento e Primeiro Secretário da ACL, Sr. Adriano Espínola.

Mesa Presidencial (a partir da esquerda): Dr. Pietro Novelino, Sr. Geraldo Holanda Cavalcanti, Sr. Ricardo Cravo Albin, Sr. Arno Wehling, Sr. Nélson Mello e Sousa, Sr. Cláudio Aguiar e Sr. Bernard Quintin.

O Presidente da ACL, Sr. Ricardo Cravo Albin, profere seu discurso de posse.

Os acadêmicos da Academia Carioca de Letras presentes, ao final do evento, posam para foto oficial e histórica.

Participe de suas Palestras e Conferências. Maiores informações: www.academiacariocadeletras.org.br ou academia@academiacariocadeletras.org.br

A

Editora Althea inova e promove a Cultura Literária

Editora Althea produz para seus leitores obras cujos conteúdos favorecem a melhoria do Ensino e da Educação Brasileira, promovendo a Cultura Literária. Privilegia e incentiva autores nacionais, sem deixar de lado a tradução de obras fundamentais, pertinentes à sua linha editorial. Foi fundada em 2009, com um projeto próprio, inédito e pioneiro no setor, que tem o objetivo de levar informação para todos os apaixonados por leitura, divulgar novos talentos literários, incentivar pequenos artesãos e artistas, expondo seus trabalhos em seu espaço cultural. A Editora Althea é especializada em comunicação de diferentes setores, por meio de diversas plataformas de conteúdo e auxilia empresas e marcas a se relacionarem melhor com seus clientes. Desenvolve ferramentas eficientes de comunicação e sempre com o foco no conteúdo customizado e de qualidade. Em 2012, a Editora Althea recriou sua identidade visual, com o objetivo de acompanhar o desenvolvimento da empresa e a renovação dos profissionais. Destaca-se pela excelente qualidade dos produtos entregues, na forma de atender aos seus clientes e no comprometimento com o resultado

no final de cada etapa. Venha conhecer o trabalho da Editora Althea e tomar um café conosco. ALTHEA: A palavra “Althea” vem do Grego, nome forte que significa cura, força, independência. Carrega em seu nome a estrutura energética do dinamismo, do positivo, do equilíbrio das forças. Sempre em busca do conhecimento, da sabedoria, a força do nome está ligado à mente, às atividades intelectuais, filosóficas e místicas. As cores utilizadas em nossa marca trazem consigo o elemento fogo, a cor do vermelho, do coração. O preto da introspecção, da auto-análise, da dignidade, da sofisticação e o branco da calma, da sinceridade, repelente de energias negativas, elevando as vibrações espirituais. A nossa marca, portanto, é a união da força, do que transforma, do que esclarece, do que cura, ou seja, a sabedoria aliada à dedicação e à criatividade. Contatos: www.altheacultura.com.br e editoraalthea@hotmail.com

www.redesemfronteiras.com.br | contato@redesemfronteiras.com.br


4

Diretoria da APPERJ (a partir da esquerda): Jorge Ventura, Márcia Leite, Sérgio Gerônimo, Glenda Maier, Rachel Levkovits, Messody Benoliel, Eliane Mariath e Mozart Carvalho.

"MOMENTO POÉTICO" Faces...

Um recomeço...

Por Messody Benoliel*

Por Messody Benoliel*

Sérgio Gerônimo e Mozart Carvalho, Presidente e Vice-Presidente respectivamente.

Foto L&M Fotografias: (21) 2232-0277

N

o dia10/02/2014, na FALARJ, foi realizada a eleição 2014/16 da nova Diretoria da APPERJ – Associação Profissional de Poetas no Estado do Rio de Janeiro, sendo aclamada a Chapa Prata da Casa, que assim está constituída: Presidente - Sérgio Gerônimo; Vice-pres. - Mozart Carvalho; Tesoureira - Glenda Maier; Secretária - Márcia Leite; Ass. Jur. - Messody Benoliel; Cons. Fiscal – Jorge Ventura (Dir. Com. Soc.), Juçara Valverde (Dir. Cult.) e Sandra Fernandes (Dir. Divulg.); Suplentes Katia Pino (Sec. Adjunta), Eliane Mariath (Dir. Interc.), Rachel Levkovits (Dir. Interc.). A posse dos eleitos aconteceu no dia 10 de março, durante o TE ENCONTRO NA APPERJ, no auditório da FALARJ, na Lapa, Rio/RJ. As propostas da equipe para o novo mandato são as seguintes: Festival de Poesia Falada do Rio de Janeiro, Te Encontro na APPERJ, Sarau Na Ponta da Língua, Antologia Poética APPERJ 25, Projeto Tem Poesia no Meio do Caminho, FLIP/2014-15, Intercâmbio Brasil/Argentina, Intercâmbio Brasil/Portugal/Espanha, Festa do Jubileu de Prata, Mostra Maximus Premivm 2015, Dia do Poeta, Dia Nacional/Internacional da Poesia, Projeto Saraupoesia (li na livraria) 2 Informativo Na Ponta da Língua. E já abrindo os trabalhos deste mandato, a APPERJ já começa a divulgar e a convidar a todos os poetas a participarem do FESTIVAL DE POESIA FALADA DO RIO DE JANEIRO - PRÊMIO FRANCISCO IGREJA. O tema do concurso é livre, sendo aceitos todos os estilos poéticos. Poderão participar poetas residentes ou não no país, de qualquer nacionalidade, exceto os diretores da APPERJ. Cada concorrente poderá enviar até três poemas inéditos, em língua portuguesa, até o dia 31 de julho de 2014. Serão selecionados os 20 melhores textos, cujos autores receberão certificado de Menção Honrosa e prêmios no valor de mil reais, assim distribuídos: 1° lugar: R$400,00; 2° lugar: R$300,00; 3° lugar: R$200,00 e melhor intérprete: R$100,00. O poeta 1° lugar em texto receberá o Prêmio Francisco Igreja, que constará de: além do prêmio em dinheiro, publicação sem ônus na coletânea PERFIL e medalha Francisco Igreja. O encerramento do Concurso acontecerá dia 19 de setembro de 2014 (6ª feira), a partir das 17h, no Auditório Machado de Assis, da Biblioteca Nacional do Rio de Janeiro. A Diretoria da APPERJ garante, antecipadamente, a apresentação dos poemas selecionados, durante a festa de encerramento.  Solicite o regulamento completo e maiores informações pelos tel.: Sérgio Gerônimo (21) 3429-1233 e Glenda Maier (21) 3392-2576.  Nós, do “Sem Fronteiras”, desejamos boa sorte à Diretoria, com muita produção e intercâmbio cultural. Aproveitamos a oportunidade para convidar os leitores a acessarem: www.apperj.com.br, o site referendado no Diretório Mundial de Poesia da UNESCO.

Foto L&M Fotografias: (21) 2232-0277

Diretoria da APPERJ para 2014/16 toma posse e convida para o Festival de Poesia Falada do Rio de Janeiro - Prêmio Francisco Igreja Por Dyandreia Portugal

"MOMENTO POÉTICO" Protesto

Sedução

Por Neide Barros Rêgo*

Por Neide Barros Rêgo*

Enquanto houver fome e frio

Eu me fiz bonita para o teu olhar,

nos lares pobres, nas ruas

e me fiz macia para as tuas mãos,

Faces me seguem por caminhos ignorados

Vontade tenho de desprezar aparências:

– e tantos nem casa têm –,

e me fiz sussurro para os teus ouvidos,

faces perseguem sonhos desencontrados,

Deixar o cabelo branquinho

eu não vou comemorar.

e me purifiquei pra os teus beijos,

descontrolando passos inseguros, indeterminados.

largar os saltos de lado

e me perfumei para o teu prazer.

Em que chão hei de encontrar-te?

Eu me fiz sensual para os teus sentidos.

os vestidos bem transados,

Enquanto a guerra matar

para viver ao sabor do tempo. Na negritude da noite, minha brancura transita,

por fanatismo, ambição – irmão destruindo irmão –,

Entreguei-te a minha vida!...

eu não vou comemorar.

E de amor... me perdi.

Voltar

ninguém me segue, mas minha sombra me excita,

E, longe de todo e qualquer contratempo,

sempre duvidosa, matreira, imprevisível...

assumir literalmente tais imperfeições.

faltar saúde, lazer,

Desmotivada, me surpreendo

segurança, educação,

com os poucos fios de cabelo que me restam

eu não vou comemorar.

E, sem sentir, versos diversos

Enquanto houver desemprego,

Por Neide Barros Rêgo* É muito bom viajar, outras terras visitar, com pessoas conversar,

vão surgindo em mim

e com as rugas que tomaram conta

e o canto aconchegante dos pássaros

do meu rosto, a encobrir

de cor, de crença e de raça,

acompanham o despertar da manhã,

uma vontade enorme de tudo recomeçar.

inveja, ódio, vaidade,

nas cidades passear,

Enquanto houver preconceito

internacionalizar! Mas o melhor é voltar,

eu não vou comemorar.

lúcida irmã, daqueles que se buscam.

regressar ao nosso lar

e tudo, tudo encontrar

Enquanto houver desperdício,

igual, no mesmo lugar.

egoísmo, indiferença, seqüestros, crimes e vício,

E você... a me esperar.

eu não vou comemorar.   Enquanto houver abandono de crianças, de idosos, medo, angústia, sofrimento, eu não vou comemorar.   Enquanto houver miseráveis, desprezo ao deficiente e mendigos nas sarjetas, eu não vou comemorar.   * Messody Benoliel, carioca, advogada, cantora e compositora. Membro Fundadora do Clube das Celebridades, sob a Presidência de Hela Castro. Vice-Presidente de Honra da Academia Brasileira de Literatura de Cordel, Presidente em Exercício da Academia Brasileira de Trova, ex-Vice-Presidente da Academia Brasileira de Literatura, Assessora da Presidência Fundadora da ALAP, Diretora Jurídica da União Brasileira de Escritores e Diretora Social da Sociedade Eça de Queiroz. Contato: messodyramiro@yahoo.com.br

Mas não perdi a Esperança – Sonho louco? Utopia? – de que chegará o dia em que tudo vai mudar   E eu irei comemorar.

*Neide Barros Rêgo é mineira, reside em Niterói. Declamadora, poetisa, cantora, esperantista, fundou o Curso Maria Sabina, onde ensina a Arte de Dizer e promove eventos culturais. Publicou: "Revelação" (poesias), "Água Escondida" (antologia). Membro de várias Academias, entre elas a Fluminense de Letras. Intelectual do Ano 2010. Contato: neidebarrosrego@terra.com.br ou neide.barros@terra.com.br

www.redesemfronteiras.com.br | contato@redesemfronteiras.com.br


Centro de Literatura do Museu Histórico do Exército e Forte de Copacabana realiza cerimônia histórica e emocionante

Por Fábio Valverde Portugal

N

Foto Gabriel Correia

o dia 10 de fevereiro aconteceu no Auditório Santa Bárbara, no Forte de Copacabana, o lançamento da “Antologia do Forte 2014” dos autores do “Centro de Literatura do Museu Histórico do Exército e Forte de Copacabana”, que acontece sob coordenação dos Prof. Antonio de Oliveira Pereira e Profª. Mara Lúcia Vicente Joaquim Miranda, que também são coordenadores do “Centro de Expressões Culturais do Museu Militar Conde de Linhares” e mobilizam brilhantemente a Literatura e a Cultura de nosso país. Na ocasião, houve a entrega tradicional do Diploma “Destaque Cultural 2013” para alguns nomes que não puderam estar presentes na última cerimônia de 2013, quando a homenagem foi inicialmente entregue.

Público presente, composto por vários “Artilheiros da Cultura”. Ao centro dos militares na primeira fila, o atual Comandante do Forte, o Cel. Luiz Antonio Fortes.

"MOMENTO POÉTICO" Confissões Beduína Por Antônio Baracat Habib Neto*

Por Antônio Baracat Habib Neto*

Confessar que entre nós amor existe,

Vem comigo, Beduína... Arde o meu peito

Não te zangues, meu bem, não é direito.

No braseiro sem fim da nostalgia!

O mundo, infelizmente, está sujeito

Vem comigo que a lua já irradia

A certas convenções como sentiste.

Seus raios argentinos no meu peito.

Se o destino não quis mais, nos assiste

Vem comigo, que dorme insatisfeito,

Sob um véu de segredo e de respeito.

Quando a noite tão triste beija o dia,

Meu dever é guardar dentro do peito

O coração que outrora se perdia

Profundas emoções de um homem triste.

No delírio do amor quase perfeito.

Bem sabes que te quero e como anseio

Vem comigo, formosa peregrina,

Estreitar-te em meus braços, mas receio

Pela estrada silente da ternura,

Macular o teu nome em meu caminho.

Para o templo bendito que fascina...

E para não quebrar um juramento,

Vem comigo que a estrela da ventura,

Prefiro eternizar meu sofrimento

Teus passos pelas noites ilumina,

Na tristeza sem fim de ser sozinho.

Ó filha do deserto, casta e pura!

O “Jornal Sem Fronteiras” foi homenageado na pessoa de seus editores Dyandreia Portugal e Fábio Valverde. Durante os agradecimentos, a editora da publicação informou oficialmente a parceria com o “Centro de Literatura do Museu Histórico do Exército e Forte de Copacabana” e com o “Centro de Expressões Culturais do Museu Militar Conde de Linhares” para a divulgação de suas atividades ao longo de todo o ano. Além disso, distribuiu exemplares do jornal a todos os presentes. Durante a emocionante cerimônia, com gosto de retrospectiva anual, houve homenagem, pela valiosa parceria, ao Coronel Jefferson Lages dos Santos - que entregou o Comando do Forte ao seu sucessor, Cel. Luiz Antonio Fortes - e também um ato de boas-vindas ao atual Comandante, que estava presente no evento, fazendo, oficialmente, sua primeira aparição oficial ao grupo cultural.

Prof. Antonio de Oliveira Pereira apresenta o evento.

*Antônio Baracat Habib Neto é Baiano, nascido em 13/02/87 em Itabuna (BA), onde reside. Empresário e escritor. Desde os 13 anos de idade participa de concursos literários. Teve o prazer de ter suas poesias premiadas em diversos desses concursos, inclusive em Portugal. Publicou seu primeiro livro de poesias, intitulado “Versos de um Khalifa”, em 2012. Recentemente foi convidado para tomar posse como Acadêmico Correspondente da ALAF. Contatos: antonio.baracat.habib@hotmail.com

"MOMENTO POÉTICO" O Mistério

Dádiva

Por Carmen Lucia Hussein*

Por Carmen Lucia Hussein*

Ao final, foi servido um delicioso coquetel de confraternização, mostrando não só que o Casal Coordenador produz cultura, mas proporciona uma integração a todos os “Artilheiros da Cultura” como são chamados os mais de 320 autores membros do Centro de Literatura. O título é derivado da atividade dos canhões do Forte que, hoje, atiram civismo e cultura para a sociedade.

Angela Guerra, sempre simpática, mostra sua homenagem.

Tenho um sonho

Eu não o perdi

E uma estrela para alcançar!

Desde que nos separamos

Que me ajudam a lidar com a vida

Eu o tenho no meu pensamento

E com a imaginação e a fantasia

Nos meus sentimentos

Tenho o divino

Nas lembranças

Para lidar com os mistérios

Nas minhas orações

E a adversidade

E nas minhas poesias

Se enxergar o mistério

Eu não o perdi

Posso aceitar o futuro

Eu o tenho no meu sentir.

Mesmo que seja incerto

O Centro de Literatura do Forte foi criado em 2006 e existe pela parceria de todos os escritores, sob a liderança do casal de Coordenadores Prof. Antonio de Oliveira Pereira e Profª. Mara Lúcia Vicente Joaquim Miranda. É o grupo literário que mais realiza e publica textos, imortalizando os Autores e eternizando suas participações. As reuniões mensais acontecem todas as últimas quintas-feiras de cada mês, às 18h, no Forte de Copacabana. Maiores informações: literaturaforte@globo.com ou mmcl.cec.literatura@globo.com

Sei que é a hora certa para mim Acreditar no mistério divino E ver algo de bom em tudo na vida Tenho uma estrela para alcançar!

A Felicidade Por Carmen Lucia Hussein* A felicidade está na beleza Do céu enluarado e estrelado Do canto do sabiá Celebrando o evento e o jornal “Sem Fronteiras” (a partir da esqueda): O Coronel Jefferson Lages dos Santos, sua esposa Gaby, o Prof. Antonio de Oliveira Pereira, a Profª. Mara Lúcia Vicente Joaquim Miranda e o Sub Comandante do Forte de Copacabana Coronel Wanzeler.

5

Da flor colorida Do sorriso de uma criança Do sonho de amor e seu perfume Do encanto de dar amor E ajudar o outro De ler uma poesia E da singeleza de criar um poema De estar com você E do seu jeito denso e alegre de ser.

*Carmen Lucia Hussein é Poeta e Professora Universitária de Psicologia. É Doutora, com estágio de Pós-doutorado no Instituto de Psicologia da USP. Publicou 2 livros e vários artigos de Psicologia. Recebeu 5 distinções internacionais pelo seu trabalho. Tem afinidade com a poesia. Participou em 64 Antologias e 19 livros de Poesia, sendo que alguns estão divulgados no exterior. Contatos: www.carmenluciahussein.com.br. Para adquiri os livros: www.livrariacultura.com.br.

www.redesemfronteiras.com.br | contato@redesemfronteiras.com.br


6

A Literarte convida você para lançar seu livro na Bienal de São Paulo

A

Fonte: Literarte

Literarte convida você para lançar seu livro na Bienal de São Paulo, onde estará com um Stand compartilhado com 25 m², para lançamentos de Livros e distribuição de Encartes e Catálogos da Literarte. A Literarte está agendando os horários desde já. Para informações sobre valores, entre em contato com o e-mail suporte@grupoliterarte.com.br. Os primeiros lançamentos poderão escolher a data e o horário. Maiores informações pelo telefone (22) 2645-3466. O valor de hora para lançamento é de R$ 500,00. Aqueles que fecharem seu horário até dia 10 de maio ganharão um desconto de 10%, pagando apenas R$ 450,00, podendo lançar em seu horário quantos títulos de sua autoria desejar. Além disso, a Literarte tem uma super promoção: Lançamentos gratuitos de Livros Infantis produzidos pela Editora Literarte e Lançamentos de Livros em Geral (Editados pela Editora Portuguesa Mágico de Oz), com vendas durante os 10 dias de Feira. Mas, atenção, nos dois casos, a promoção é válida apenas para livros com contratos fechados após o mês de Fevereiro. Entre os diferenciais da Literarte, encontramos: *A presença da equipe no Stand customizado com a foto dos autores e seus lançamentos; *A criação de convites virtuais personalizados para convidarem seus leitores;

*A cobertura da TV Literarte com 10 minutos de entrevista antes do lançamento, atraindo a atenção dos transeuntes e registrando o momento para seu acervo pessoal (Divulgação Via Internet e TV Band Região dos Lagos); * Cada Autor poderá divulgar o horário de um título no catálogo impresso Literarte que será distribuído durante os 10 dias de Feira; * Divulgação de todos os lançamentos também no “Jornal Sem Fronteiras” e no “Jornal Folha Urbana” de São Paulo e muito mais! A Bienal de São Paulo é o grande momento da cultura no Brasil. É palco para o encontro das principais editoras, livrarias e distribuidoras do país, que preparam seus lançamentos para esse período. A expectativa é que em 2014 a Feira atraia cerca de 900 mil visitantes, sendo 150 mil, alunos de escolas públicas e privadas. Para isto, nesta edição, a Feira abrirá uma hora mais cedo durante os dias de semana, para que todas as escolas se programem e tenham tempo suficiente para visitar toda a Feira. Um local de bons negócios! Atrai jornalistas, empresários e escritores do mundo inteiro e tem ótima visibilidade na mídia. Além da larga oferta de livros, a Bienal do Livro oferece uma intensa programação, desenvolvida para despertar o gosto pela leitura e pelas atividades culturais. São 60 mil m2 de exposição, com expectativa de cerca de 480 expositores. Participe! Não fique de fora desta oportunidade! 

Mais um convite!

Literarte promoverá o Sarau Nacional em Porto Alegre

A

Literarte - Associação Internacional de Escritores e Artistas promove o maior encontro brasileiro de Escritores, Poetas e Artistas, com um espaço privilegiado na cidade de Porto Alegre, nos dias 6 e 7 de dezembro, na Usina do Gasômetro. O escritor homenageado desta 1ª Edição será o escritor Gaúcho Mário Quintana, que começou sua criação literária em Porto Alegre. O evento, apesar de ser Nacional, contará com a participação de diversos poetas e músicos convidados, não só do Brasil, mas de todo o mundo. Na ocasião, haverá a “Exposição de Artes” dos artistas da Literarte, com votação popular e premiação; o lançamento do “Livro Sarau Nacional”, que, em seguida, será lançado na Bienal de São Paulo; Feira Literária com grandes lançamentos; Apresentações musicais; Show com o Músico Marcos Assumpção; Entrega da Comenda Luis Vaz de Camões em comemoração aos 800 anos da Língua Portuguesa a artistas que contribuem para o enriquecimento das Letras e da Cultura Lusófona em geral e o ponto alto do evento: “O maior varal de Poesias de Poetas profissionais do mundo.” O Sarau Nacional será uma grande festa em que se misturam várias linguagens: linguística, literatura, dança, música, teatro. Todo o evento tem a intenção de tornar-se um grande encontro anual, que levará para as principais capitais arte, cultura e interligação. Com sua experiência em eventos ligados à Literatura e Artes plásticas, a Literarte pretende, com o Sarau Nacional, uma troca de experiências e de abertura no mercado para novos nomes. Haverá uma grande festa, mas para saber mesmo como é, só participando! Inscreva-se como apresentador ou como ouvinte. Venha! Aprenda! Divirta-se! O evento já conta com a confirmação dos seguintes Convidados Internacionais e Nacionais Especiais: Delmar Maia Gonçalves (Presidente do Círculo de Escritores Moçambicanos na Diáspora), Samuel Pimenta (Conselheiro da Literarte em Pernambuco), Widley Barroca (Presidente do Núcleo de Jovens Escritores de São Tomé e Príncipe da UNESCO), Carlos Pedro (Presidente da Brigada de Jovens Escritores de Angola), Márcio Batalha (Poeta Declamador Angolano), Alicia Azina (Escritora Caboverdiana), Lucia Joana (Escritora Timor-Lestiana) e muitos outros!  A entrada e a participação são francas. Produtores de obras coletivas poderão inscrever seus trabalhos para lançamentos gratuitamente. O Sarau é aberto à comunidade em geral, tanto para participar das apresentações artísticas, como para usufruir do evento como ouvintes. As inscrições de participação devem ser feitas no site e a produção entrará em contato para a inscrição oficial e agendamento de datas e horários. A antologia “Sarau Nacional”,  que será promovida pela Literarte para apoiar o evento Sarau Nacional, também já está com as inscrições abertas. Poderão participar da antologia todas as pessoas físicas maiores de 18 anos, ou menores com permissão do responsável, residentes legais no Brasil, bem como brasileiros residentes no exterior. Também poderão participar da Antologia escritores de outras nacionalidades, desde que a língua mantida seja a Língua Portuguesa. A Antologia receberá toda e qualquer manifestação textual, como: contos, poesias, trovas, haikais, sonetos e crônicas, sendo que a criatividade e imaginação do escritor darão o toque e estilo ao trabalho. A participação se dará no sistema de cotas, sendo para cada página pago o valor de R$30,00 para associados Literarte e R$40,00 para não associados, sendo recebido um exemplar por página adquirida. Não fique fora desse evento, que entrará para a história do cultural de nosso país! Maiores Informações: Izabelle Valladares - Presidente da Literarte | www.grupoliterarte.com.br | diretoria@grupoliterarte.com.br

Fonte: Literarte

AGENDA LITERARTE 2014

A

Literarte, com o intuito de manter a todos sempre informados das possibilidades e também atentos às parcerias e programações culturais, organizou uma agenda de atividades para o ano de 2014. Contudo, é importante ressaltar que algumas atividades poderão ser acrescentadas ou terem suas datas alteradas. Portanto, é sempre conveniente acompanhar os anúncios emitidos pelo “Site do Escritor”. Veja o cronograma abaixo. Todas as inscrições estão abertas. Participe você também! ABRIL Dia 18 - Lançamento da Antologia Poética da ALAF - Fortaleza Apoio ao Prêmio Destaque Poético da ALAF e a Posse Acadêmica de Correspondentes da ALAF

MAIO Dia 17 - Lançamento da Enciclopédia Artistas Contemporâneos Lusófonos, no Hotel Bella Itália - Foz do Iguaçu - Paraná AGOSTO Dias 1º, 2 e 3 de Agosto - Lançamento do livro Tributo a Neruda, em Santiago do Chile, com lançamento simultâneo do livro Asas da Liberdade, em espanhol, e entrega da Comenda Pablo Neruda, com atividades diversas. Dia 22 de Agosto - Bienal de São Paulo - Diversas atividades e lançamentos. SETEMBRO Dia 28 - Lançamento do 6º Catálogo Literarte, na Feira do Livro de Gotemburgo OUTUBRO Dia 4 - Prêmio Mérito Cultural do CEMD, no Museu do Oriente, e

Prêmio Literarte Lisboa, no Museu do Oriente. Dia 9 - Início da Semana do Livro, em Cabo Frio. Dia 9 a 18 - Início da Feira do Livro Infantojuvenil de Cabo Frio. Dias 16 e 17 - Festival de Contos do  Rio de Janeiro, com entrega do Prêmio da Mágico de Oz - Melhores Contistas 2014 (Teatro Municipal de Cabo Frio). NOVEMBRO Feira do Livro de Miami (a confirmar). DEZEMBRO 06 e 07 - Sarau Nacional na Usina do Gasômetro, com montagem do Maior Varal de Poesias do Mundo e lançamento da Antologia do evento. Apoio à Posse Acadêmica da ALG. Natal Social da Literarte com o livro Histórias para você Dormir Especial de Natal. Chegada de Papai Noel e distribuição de brinquedos e livros.

www.redesemfronteiras.com.br | contato@redesemfronteiras.com.br


7

PRÊMIO BURITI - 2014

3- Pequeno currículo de 7 linhas 4 - Recibo digitalizado do pagamento da inscrição ou enviar pelo correio 15 euros para o endereço (direção) acima especificado. *Os premiados receberão Troféu Buriti e publicação gratuita para o primeiro lugar de cada modalidade. Certificados e medalhas para os segundos e terceiros lugares de cada modalidade e para todas as menções honrosas. *Haverá posteriormente antologia publicada por adesão com o custo de R$150,00 ou 50 Euros (para os residentes no exterior) por texto com direito a quatro exemplares, já incluído neste montante o custo do envio pelo correio. Exemplares extras: R$40,00 cada. Exemplares restantes serão enviados para bibliotecas de escolas de Ensino Básico e Universidades, o que levará o texto para toda a América do Sul, África e Europa. *Resultado Final: Em 1º de Agosto de 2014. Será divulgado pela internet no blog oficial do concurso e em blogs e sites diversos. Também serão enviados e-mails para os participantes premiados. Observações Muito Importantes: Todos os inscritos deverão se dirigir ao site abaixo e colocar seu e-mail no campo “seguir por e-mail” http://concursoburiticronicontos.blogspot.com.br/ Solicite a “Ficha de Inscrição” por e-mail: ritavelosa@bol.com.br

A organizadora Rita Velosa durante sua posse na Academia de Letras de Goiás Velho. Foto: Geraldo Gabriel Bossini

Edital *O edital possui abrangência nacional e internacional, mas só serão aceitos textos em Língua Portuguesa de adultos maiores de 18 anos, nas modalidades: conto, crônica e poesia. *É permitido enviar apenas uma obra inédita por modalidade e as obras deverão ter aproximadamente 30 linhas para poesia e 60 linhas para prosa. *A taxa de inscrição para despesas com certificados, medalhas, troféus e Correios é de R$15,00 por obra. As inscrições internacionais pagam 15 euros. Os participantes deverão enviar o cheque nominal com o material da inscrição pelos Correios. No caso de internet, enviar o material, juntamente com a cópia do recibo. Para os residentes de outros países, incluir a taxa em espécie, juntamente com o material por Correios. *O pagamento da inscrição no Brasil deverá ser efetuado na conta do Banco do Brasil – agência 4562-4, Conta Poupança Variação 51. *Envio do material pelos Correios: Endereço: 5° Concurso Literário Internacional Prêmio Buriti 2014– Caixa Postal 14 -Centro - CEP 14820-000 – Américo Brasiliense / SP / Brasil 1 - uma via impressa em papel A4, apenas com título, modalidade e pseudônimo, de cada texto, digitado em Times New Roman 12 2 - CD contendo a ficha de inscrição e as obras salvas em word.doc 3 - Cópia do recibo de pagamento ou cheque nominal a Rita Bernadete Sampaio Velosa. Para os de fora do Brasil, enviar 15 euros “in cash”. 4 - Pequeno currículo de 7 linhas no máximo. *Envio de Material pela internet: Enviar para o e-mail: ritavelosa@bol.com.br, por anexo: 1 - Ficha de inscrição 2 - Textos apenas com título, modalidade e pseudônimo, digitados em Times New Roman 12, formato word.do,

Foto Divulgação

Em homenagem ao escritor Dr. Jobal do Amaral Velosa 5º Concurso Literário Internacional - Países Lusófonos Inscrições: até 1º de Junho de 2014 Por Mayra Soares

Organizadora: Rita Bernadete Sampaio Velosa – Jornalista, escritora e ativista cultural. Delegada da UBT, Consul esa de Poetas Del Mundo, Delegada do Clube de Escritores de Piracicaba (SP) e Membro das Academias de Letras de Cachoeiro do Itapemirim (ES), de Itajubá e Varginha (MG) e ALG (GO). Sócia do Movimento VIRARTE (RS) e Delegada Cultural da ALPAS XXI (RS). Telefone para contato: (55) (16) 997910024

Rita Velosa ladeada pelo Sr. Nelson Manuel Cosme (Cônsul de Angola) e Dyandreia Portugal, na ocasião em que recebeu o “Prêmio Literarte de Cultura” em Foz do Iguaçu.

Caminhando já para os oito anos Poemas à Flor da Pele

Por Soninha Porto – Convidada desta edição

O

Os poetas da “Poemas” que apóiam o grupo “Poemas à Flor da Pele” está com uma agenda con“Sem Fronteiras”: Soninha Porto, Jorge siderável para o próximo mês de abril. Du Barbosa , Ana Luiza S. Conceição e Claudete Silveira. No dia 9 de abril, a Presidente da Associação Cultural Poemas, Soninha Porto, estará presente ao evento de gala que será realizado pelo aniversário de um ano do “Jornal Sem Fronteiras”, a convite de Dyandreia Portugal, no espaço Caravelas, em Botafogo (RJ). O “Jornal” e “Poemas” são parceiros desde 2013, graças ao apoio e incentivo de Dyandreia Portugal, responsável, junto com sua equipe de colunistas, pela dinâmica da notícia, na divulgação de todas as atividades que realiza, sejam lançamentos de livros, A querida Iara Pacini, eventos em Bienais, em Búzios, ou no Centro Cultural São Paulo. O “Jornal Sem Fronteiras” grande apoiadora da tem incontestável excelência na arte de divulgar arte e cultura e somos gratos pelo espaço “Poemas a Flor da Pele” e do “Sem Fronteiras”. generoso que nos proporciona. Posso dizer: - graças à mídia de Dyandreia, passamos a existir realmente! Antes, era só no virtual. De 30 de abril a 4 de maio, os livros “Poemas à Flor da Pele”, volumes 6, 7 e 8 estarão no “28º Salão Internacional do Livro e da Imprensa de Genebra”, organizado pela talentosa Jacqueline Aisenman, que fará a divulgação das obras. Autores como Jania Souza (RN), Sonia Medeiros Imamura (MG), Robert Sheldon (RJ), Andrea Lucia Guarçoni (RJ) e Sonia Maria Grillo – a B@by (ES) estão pensando em participar do evento. Nós, da “Poemas”, torcemos para que eles estejam lá e que a poesia cruze os mares gloriosamente. Será lançado dia 29 de abril, na internet, o livro eletrônico “E-book Entretons”, pelo aniversário do grupo Poemas. Este livro já tem tradição, nasceu em 2007 e, em 2010, Civana, poeta do Rio de Janeiro, da Poemas e web designer assumiu a tarefa de realizar estas obras eletrônicas, que falam, cantam e encantam nossos olhos. Ela está fazendo maravilhas, reunindo obras de artistas digitas e plásticos, às obras dos poetas. Podemos citar alguns fantásticos artistas como Beatriz Mignone (RJ), Denise Moraes (ES), Lou Poulit (RJ), Sílvio Zatti (SP), entre outros, que, junto com poetas como Ana Luiza Conceição (RS), Basilina (DF), Claudete Silveira (RS), Dora Dimolitsas (SP), Iara Pacini (RS), Rosângela de Souza Goldoni (RJ), Sol Figueiredo (RJ), Reggina Moon (SP), Sol Figueiredo (RJ), Telma Moreira (RJ), Verluci Almeida (SP) e por suas presenças transformam a poesia em obra de arte poética.

Contatos: heisoninha@gmail.com ou smf.soninhaportoalegre@gmail.com

Reflexos do Passado Magali Oliveira, Editora Scortecci, 150 pág.

Lançamento: SACI - Semana de Artes e Culturas Internacionais da ALAB Búzios – Dias 23, 24 e 25 de maio

“Magali Oliveira, com esta obra, nos apresenta momentos sublimes de reflexão. Uma leitura oportuna pela riqueza de seu conteúdo, que nos faz mergulhar no universo da escritora, de forma indelével, sensível e, ao mesmo tempo, muito intensa. A autora apresenta o resultado da busca do que considera importante em relação aos seus sentimentos. Em cada página, uma surpresa, uma aprendizagem, uma análise pessoal de vida. Uma vida bem vivida, com alegrias, decepções, dor, luta, mas também de grande vitória. Magali é uma pessoa dessas que podemos chamar de versátil. Com talento e maestria, ela vai passeando pelos sentimentos com expressão vigorosa. Fala das paixões pela vida, da superação, do sentimento e de tudo o que seus olhos e seu coração podem captar. Além disso, seus pensamentos são mesclados pela gratidão e pelas homenagens a quem ou o que admira. Atitude nobre e sublime de poucos. Trata-se, sem dúvida, de um projeto intenso, retratando uma história de vida digna, que levará a todos os leitores a um crescimento pessoal, afetivo e intelectual. Em síntese, nesta obra, com uma agradável surpresa, descobrimos grandes lições página a página. Com gêneros diversos e no sentido mais amplo, os textos transbordam cultura, sentimento e emoção. Uma leitura oportuna pela beleza e riqueza de seu conteúdo. Entre prosas e versos, mostra toda a sua essência, surpreendendo a todos os leitores.” Contatos: magaliestrela@hotmail.com Dyandreia Valverde Portugal Escritora , Jornalista e Editora do Jornal Sem Fronteiras

www.redesemfronteiras.com.br | contato@redesemfronteiras.com.br


8

Antologia Bilíngue Brasil-Holanda em Verso e Prosa: Última chamada!

Por Dyandreia Portugal

A

des culturais. O “Jornal Sem Fronteiras” já firmou parceria e divulgará todas as etapas da organização, bem como fará a cobertura completa do lançamento e de seus participantes. Solicite o regulamento e ficha de inscrição pelo e-mail: josaneamorim@gmail.com. E conheça um pouco mais a organizadora em: http://josanemar y.wordpress.com   

primeira antologia bilíngue em verso e prosa entre o Brasil-Holanda, organizada por Josane Mary Amorim, já é um grande sucesso. No quadro que acompanha essa matéria, a organizadora apresenta os grandes nomes que já confirmaram a participação e estão apoiando esse projeto inovador, que visa estimular novas produções literárias e divulgar os talentos literários brasileiros na Holanda. Como já informamos anteriormente, será permitida a participação de escritores de ambos os sexos e de qualquer nacionalidade, desde que os textos sejam em língua portuguesa e devidamente revisados dentro da norma padrão da língua brasileira, pois não cabe à organização fazer alterações no conteúdo da obra. Os trabalhos poderão ser de qualquer gênero literário, com temática livre e devem ser enviados por e-mail ou Correios até 30/04/2014. Portanto, essa é a última chamada. Não fique de fora desta oportunidade de levar seu trabalho à Holanda e de estar ao lado de grandes nomes de nossa Literatura. O lançamento da antologia será em 2015, na Holanda, no mês de abril, dias 17/18/19, junto com um “Weekend Cultural”. A escolha de tais datas se dá pelo fato de estarem entre outros importantes eventos literários da Europa: o Salon du Livre de Paris (20 a 23/Março-2015) e a 29th Geneva Book Fair (22 a 26/ Abril-2015). Assim sendo, todos podem calmamente planejar suas agendas, principalmente os participantes residentes no Brasil que desejarem estar presentes ao lançamento. A organizadora Josane Mary Amorim, brasileira, radicada na Holanda, é Embaixadora da Divine Académie des Arts Lettres et Culture, representante da REBRA - Rede de Escritoras Brasileiras e da UBI - União Brasileira de Imprensa no país Europeu. A antologia já conta com o apoio de importantes entida-

Projeto Semeando Livros Mundo Afora...

C

Tcheca, Hungria, França, Dinamarca, Eslováquia, Portugal e Angola, na África. Na América do Norte, nos Estados Unidos e Canadá e na América do Sul, na Argentina e Chile. “O lema do projeto é simples: viajou, leva-se mala extra cheia de livros! Apareceu uma oportunidade, pede-se ajuda a amigos escritores para serem portadores e representarem o projeto por onde forem. A única recomendação é que registrem em fotos as doações para registro do Grupo pelo facebook que convidamos visitarem.” diz Carlo Montanari, um dos idealizadores do Projeto. Nesta matéria, vemos algumas fotos das ações do Projeto. O Jornal

Sem Fronteiras tem oferecido todo apoio e participado do sucesso desta ideia que tem dado certo e feito muito sucesso no meio literário. Como parceiros, o casal leva exemplares do jornal mundo afora e, em contrapartida, o jornal abre espaço para a divulgação deste lindo e generoso projeto. Portanto, doações de Escritores e Editoras que queiram ver mais e mais crianças, jovens e adultos com livros às mãos se educando, principal objetivo do Projeto, serão bem-vindas! Participe e faça você também uma criança mais feliz, mais educada e mais informada. Contato para maiores informações e doações:  pousadaparadadoslagos@bol.com.br  Foto: Acervo Pessoal

oncebido durante a Feira do Livro e da Imprensa de Genebra, em 2013, pelos escritores Carlo Montanari e Deucélia Maciel, o “Projeto Semeando Livros Mundo Afora...” visa o apoio, com doações de livros próprios e de autores colaboradores, para Entidades Brasileiras no exterior; Bibliotecas Públicas e Particulares, Escolas e Creches por todo o Brasil. Os livros já foram doados nos Estados de Minas Gerais, São Paulo, Goiás, Santa Catarina, Tocantins, Sergipe, Ceará, Pernambuco, Rio de Janeiro, Paraná e no Distrito Federal. No exterior, marcou presença em países da Europa como Reino Unido, Alemanha, Suíça, Suécia, República

Por Mayra Soares

Carlo Montanari no Portão de Brandenburg, em Berlin, Alemanha (outubro 2013).

Deucélia Maciel faz a “hora do conto” na Biblioteca Brasil em Mente, em New York - USA (maio de 2013).

ores da r Robson Mumu - um dos criad Deucélia Maciel com o Professo Neves redo Tanc la Esco da s rante integ e Semana de Cultura e Literatura – Passos (MG).

Encontro de Brasileiras no Sul da Alemanha

N

Por Alexandra Magalhães Zeiner – Convidada desta edição

A abrangência internacional do “Projeto Adote um Autor”, que contemplou em especial o ano Brasil/Alemanha, coadunou-se à perfeição com o “Ano da Alemanha no Brasil”. Tivemos mais uma oportunidade de estreitar alianças e medir possibilidades entre os dois países, os quais possuem mulheres como líderes no governo. Na ocasião, foi lançado um e-book feito no Japão pelo nosso querido escritor e editor Evandro Raiz Ribeiro em homenagem às mulheres: Antologia Mulheres Entrelaçadas. O projeto envolveu artistas, autores de prosa e poesia. Foi coordenado por Dimythryus Padilha, um poeta paulista e divulgador cultural, o que resultou num trabalho coletivo de primeira

linha e bastante reconhecido no mundo intellectual. Para a capa desta antologia, o filho de Portinari, João, nos doou uma das telas de seu pai. Também, pelo aniversário triste, mas histórico dos 50 anos do golpe militar no Brasil que gerou os Anos de Ditadura, homenageamos uma poeta e aquarelista mineira, Neuza Ladeira, sobrevivente da tortura. Exemplo do poder de transformação que cada mulher possui em si! Sou grata pelo apoio do “Jornal Sem Fronteiras” e um obrigada especial a todas mulheres e homens, brasileiras(os) e alemães, que se deixaram entrelaçar neste evento maravilhoso! Contatos: bilingual.amz@gmail.com

Foto: Divulgação

o Dia Internacional da Mulher, dia 8 de março de 2014, realizou-se na cidade de Augsburg, um histórico evento: “Encontro de Brasileiras no Sul da Alemanha”. Na cerimônia de abertura, o Senhor Cônsul Geral de Munique, Embaixador Antonio Carlos Coelho da Rocha e o Prefeito da cidade de Augsburg, Dr. Kurt Gribl, estiveram presentes, apoiando mais de 30 mulheres, brasileiras e alemãs, durante esta ocasião especial. A intenção primordial foi o de fortalecer os laços de amizade Brasil-Alemanha na cidade de Augsburg, onde, desde 1988, são desenvolvidos projetos de intercâmbio em diferentes regiões do Brasil. Muito nos atraiu a ideia de promoção de um intercâmbio cultural, pela paz e fraternidade, em várias vertentes das Artes e das Letras.

Alexandra Magalhães Zeiner com o Embaixador Antonio Carlos Coelho da Rocha.

www.redesemfronteiras.com.br | contato@redesemfronteiras.com.br


9

A.C.I.MA. Associazione Culturale Internazionale Mandala & Edizioni Mandala

Convidam a todos os escritores para participarem do “XXVII Salão Internacional do Livro de Turim – Itália” Fonte: A.C.I.MA. De 8 a 12 Maio 2014 – País Homenageado: VATICANO

O

encontro com a renomada Feira Internacional do Livro acontece todos os anos em maio, no Lingotto, em Turim: a fábrica da Fiat - famosa com a rampa helicoidal e a pista no telhado, concebido entre 1915 e 1922 por James Matte Trucco, admirado por Le Corbusier e, em 1985, transformado, por Renzo Piano, no prestigioso centro de exposições e comércio literário. Os quatro pavilhões Lingotto Fiere é composto por cerca de 50 mil metros quadrados de área, com 27 salas de eventos. Tudo isso para receber mais de 300.000 visitantes, 1.500 editoras, mais de 1.300 apresentações e debates, 2.000 hóspedes visitantes, 2.500 jornalistas credenciados e trabalhadores da mídia durante os cinco dias de abertura. Esses números fazem o show do maior evento na Itália dedicado à leitura, publicação e cultura e entre os primeiros na Europa. A A.C.I.MA. – Associazione Culturale Internazionale Mandala / Edizioni Mandala, estará presente no Salone Internazionale del Libro Torino 2014 – com stand próprio (8m2) apresentando para Editores, Agentes literários e público italiano e internacional, catálogo com 100 títulos dedicados à Literatura Brasileira e/ou Portuguesa (em língua original e/ou traduzida) de seus associados, representando/expondo e comercializando suas obras. (A.C.I.MA.  Pavilhão 3 - S135) A presença também está confirmada no IBF – Internacional Book Forum – del Salone Internazionale del Libro Torino – 8 a 12 maio 2014. IBF é um espaço dedicado à comercialização de direitos de tradução entre editores, agentes literários, scout e cineastas de todo o mundo, disponível aos editores participantes do Salão Internacional de Torino 2014. Prezado escritor(a), temos o prazer de convidá-lo(a) para participar deste evento. Será uma honra tê-lo conosco na maior vitrine literária da Itália. Os participantes terão sessão individual de autógrafos e participação no catálogo bilíngue físico e virtual dos autores da A.C.I.MA., flyers e IBF. Oferecemos também um serviço especial de vídeo reportagem coletiva, com possibilidade de ser individual, sob contratação. Na ocasião, ainda acontecerá um jantar de gala facultativo no renomado Restaurante Del Cambio para a confraternização e entrega de certificados e participação. O Brasil, atualmente, está vivendo um importante momento histórico. Diversos países em seus mais variados segmentos estão com os olhos voltados para nossa Pátria, nossa Arte e Cultura, os programas sociais, bem como soluções na agricultura, na produção de biocombustíveis, eletrificação rural, etc. E, sobretudo, na literatura contemporânea, pois a literatura cumpre um papel determinante na história de uma nação, retratada através da escrita de um indivíduo (escritor), a história de um povo... A hora é essa! Portanto, aproveite a oportunidade de mostrar sua produção literária e de se fazer conhecer internacionalmente! Participe! Ainda dá tempo! Nosso Lema: Conectamos Mentes e Culturas! 

E por falar em lançamentos literários... Lembramos que no dia 12 de maio, no Stand A.C.I.MA., haverá o lançamento da obra: Noi, Donne - sfide e conquiste dei nuovi tempi. (Editora Oficina do Livro – Organização Silvia Bruno Securato), das 15h às 17h. Após o encerramento da Feira de Turim, uma caravana de escritoras da Oficina do Livro, sob liderança de Silvia Securato em parceria com a A.C.I.MA., irão para Milão para uma programação extra e especial nos dias 13 e 14 de maio. Destaque para o lançamento do livro Noi, Donne - sfide e conquiste dei nuovi tempi na Il LIBRO - Libreria Internazionale (Via Ozanam, 11 - Piazza Lima - dia 14/5 , às 17h) e após o lançamento, um jantar de gala no restaurante Bagutta,  que fica próximo ao Teatro Scala. Para quaisquer dúvidas e maiores informações para a programação completa de todas as atividades do período na Itália, contate a A.C.I.MA.: E-mail: associazionemandala@hotmail.com  Telefones:  0039 348 80 87 838 ou 0021 348 8087838 Site: www.acimamandala.com

Escritor Valdeck Almeida de Jesus concorre à Academia Balzac da França

Por Dyandreia Portugal

U

ma espécie de Reality Show na internet vai reunir 20 escritores em um castelo para escreverem um romance coletivo. O programa Académie Balzac é promovido pela editora francesa de autopublicação Les Éditions du Net. A seleção dos candidatos se deu por inscrição direta pela rede mundial de computadores e os inscritos já estão em campanha por votos. O poeta baiano Valdeck Almeida de Jesus é um dos concorrentes, cujo link é www.academiebalzac.fr/_baladeiro_.html, onde o internauta deve clicar em VOTER. Participe votando! Os Brasileiros serão muito bem representados. Os candidatos finais serão escolhidos por um júri e vão participar do evento que será transmitido de 1º a 23 de outubro de 2014, direto do castelo na França. Valdeck Almeida de Jesus (1966) é jornalista, funcionário público, editor, escritor e poeta. Membro de diversas academias pelo Brasil. É presidente do Colegiado Setorial de Literatura para o biênio 2013/2014, junto à Fundação Cultural do Estado da Bahia, entidade ligada à Secretaria de Cultura do Estado da Bahia e Diretor Geral da União Baiana de Escritores – UBESC para o biênio 2013/2014. Publicou “Memorial do Inferno: a saga da família Almeida no Jardim do Éden”, “Feitiço contra o feiticeiro”, “Valdeck é Prosa e Vanise é Poesia”, “30 Anos de Poesia”, “Heartache Poems”, ”Yes, I am gay. So, what? – Alice in Wonderland”, “O MST e a Mídia: uma análise do discurso sobre o Movimento dos Sem Terra nos jornais A TARDE online e O Globo online” (coautor: Jobson Santana), dentre outros, e participa de quase noventa antologias. Organiza e patrocina o Prêmio Literário Valdeck Almeida de Jesus de Literatura, desde 2005, o qual já lançou mais de 1000 textos de poetas do Brasil, África, Portugal, Estados Unidos, Venezuela, Suíça, China, Japão e outros. Visite o site: www.galinhapulando.com

www.redesemfronteiras.com.br | contato@redesemfronteiras.com.br


10

Lúcia Amélia Brüllhardt fala ao “Sem Fronteiras” sobre sua jornada de luta e sucesso

Por Dyandreia Portugal

A

“ONG Prevenção Madalena’s” festejou, em 2013, 13 anos dedicados à defesa dos Direitos Humanos, à luta contra o tráfico de pessoas, à exploração sexual e à violência doméstica. Assim como promoção, reconhecimento e honra às Artes, Letras e Cultura Brasileira na Suíça e diversas partes da Europa. Sua idealizadora, Lúcia Amélia Brüllhardt, parceira do “Jornal Sem Fronteiras” e uma de suas representantes na Suíça, concedeu-nos uma entrevista exclusiva onde fala sobre a entidade, seus objetivos, projetos e maiores desafios. Confira abaixo e conheça um pouco mais desta guerreira e de sua linda missão. SF – Sabemos que a melhor forma de combater um problema é prevenir e tentar evitar que ele aconteça. Dentro desse espírito, você criou a ONG “Prevenção Madalena’s”. Como esse trabalho efetivamente funciona?

LAB – O trabalho de prevenção realizado pelo Madalena’s, no Brasil, funciona com a colaboração voluntária de (amigos) professores e diretores das escolas públicas municipais e estaduais, que nos concedem um espaço para que possamos fazer palestras sobre tráfico de pessoas e exploração sexual de menores a fim de prevenir, informar e alertar diretamente nas escolas a juventude brasileira, através de filmes, literatura e palestras, sobre o perigo do tráfico de seres humanos, exploração laboral e exploração sexual, nos quais uma grande parte deles são vítimas ao vir para Europa sem o devido preparo. Nas praias, distribuímos cartilhas informativas para crianças e conversamos diretamente com os pais sobre a problemática.

SF – O trabalho é feito através de uma colaboração, intermediária e estreita, com as autoridades oficiais e os projetos da entidade, bem como parceiros por todo o mundo, não é isso?

LAB – Na Suíça, trabalhamos através de uma colaboração intermediária, estreita e leal, com as autoridades oficiais e as obras existentes. No Brasil, torna-se um pouco mais difícil este tipo de colaboração “estreita e leal” devido às dificuldades que encontramos com as ONGs e obras brasileiras existentes. Eles não têm união e procuram sempre puxar o tapete do outro... dinheiro é o que interessa.. Porém, como em toda regra existe exceção, nosso Muito Obrigada aos parceiros por todo o mundo que têm nos apoiado em colaboração estreita e leal. SF – Anualmente, você realiza eventos como jantares beneficentes - tipicamente suíços – onde laureia, sem custo, pessoas comprometidas com o desenvolvimento de suas carreiras com dignidade e maestria. Inclusive em maio, será realizado mais um, voltado para homens e intitulado “Laureados Madalena’s - Homens Maravilhosos”. Fale-nos um pouco sobre isso e de como as pessoas podem participar.

LAB – O nosso objetivo principal com os “Laureados Madalena’s” é honrar, elogiar, enaltecer e aplaudir os maravilhosos trabalhos que homens e mulheres têm feito ao longo de suas carreiras dentro das atividades artísticas, intelectuais, profissionais, culturais e sociais, realizadas em seus países e na Suíça. A ideia surgiu quando, em conversa com uma brasileira, a mesma falou: “Fazemos tantos trabalhos em prol da comunidade e ninguém reconhece”. As palavras penetraram profundamente em meu coração. E, em 2012, fizemos as primeiras condecorações. Para participar este ano de 2014, basta somente os(as) interessados(as) nos enviarem um pequeno resumo de quem é “O Homem Maravilhoso” e por que deseja vê-lo ser homenageado em público. SF – Sendo uma brasileira radicada há 20 anos na Suíça, quais teriam sido e continuam sendo para você, os maiores desafios?

LAB – Como brasileira na Suíça, meu grande desafio continua sendo mostrar ao europeu que nem toda brasileira é prostituta e que no Brasil não existe somente futebol, samba e carnaval. SF – Este ano, a ONG conta com um reforço de divulgação, o Programa de TV “Madalena´s Babado Forte”. Como surgiu a ideia e de que forma podemos assistir?

LAB – Constatamos que uma grande parte dos(as) brasileiros(as) residentes aqui na Suíça são semi ou totalmente analfabetos. Durante anos, tentamos realizar reuniões informativas onde a presença deles era mínima. Com a tecnologia, vimos que este tipo de público está conectado 24 horas nas redes sociais, vendo e ouvindo vídeos. O objetivo do Madalena’s através do programa “Babado Forte” é de alertar, prevenir, informar  sobre direitos e deveres  dos(as) brasileiros(as) residentes na Suíça e ou brasileiros(as) residentes no Brasil e  que desejam emigrar. Um programa informativo que orienta os telespectadores sobre a  realidade verde e amarela em  território Helvético. O Programa é feito em uma linguagem simples e popular, dando, assim, a possibilidade ao povão  de ficar  bem informado, orientado e integrado. Este meio de comunicação audiovisual, distribuído em diversas redes sociais, e-mails, e mala direta, é um grande sucesso na comunidade brasileira. Para assistir, é somente entrar no youtube e digitar: madalenas babado forte SF – Sabemos que além desse trabalho lindo que você desenvolve, ainda é Diplomada em Contabilidade, Teologia e Estética Internacional. Além de autora, cantora e compositora e muitas outras atividades ligadas à área cultural. Como consegue conciliar todas as atividades de sua carreira com o trabalho da ONG?

LAB – O segredo é muito simples: DISCIPLINA Suíça! (risos) SF – Quais são suas principais metas e projetos para este ano? LAB – No Brasil: acelerar a prevenção nas Escolas, praias e redes sociais, pois com a copa 2014 aumentará o turismo sexual no Brasil. E temos que deixar nossa juventude bem informada de que o príncipe de olhos azuis pode se transformar em sapo cururu. Abertura do Brechó Madalena’s em Pernambuco. Na Europa: Instalação e Inauguração da Base do Madalena’s na cidade de Munique (coordenação e direção Fátima Zeevat) e na Suíça, a participação com o Varal do Brasil no 28° Salão do Livro em Genebra, onde lançaremos novos programas informativos e faremos diversos eventos beneficentes. SF - Gostaríamos de solicitar que você encerre essa nossa entrevista, nos informando como os brasileiros radicados na Suíça ou residentes no Brasil podem colaborar com a ONG Madalena´s? E aproveitamos para desejar-lhe que continue a ter muito sucesso em seus empreendimentos.

LAB – É muito fácil. Basta entrar em contato por e-mail ou telefone e vamos ver em que área ele/ela poderá ser nosso colaborador. Para conhecer melhor o projeto ou para contatos: www.prevencaomadalenas.com www.luciaamelia.ch madalenas@hotmail.ch (041) 032 558 34 38/ 076 454 87 85 Lúcia Am é Brüllhardt, lia 13 anos à fre n “ONG Pre te da venção Madalena ’s”

www.redesemfronteiras.com.br | contato@redesemfronteiras.com.br


11

Associação Cultural Suíça leva a Genebra Alice Ruiz, Luiz Ruffato e Cintia Moscovich para o 28º Salão Internacional do Livro e da Imprensa de Genebra – SUÍÇA

A

Association Culturelle Varal do Brasil vem há dois anos levando autores brasileiros e portugueses ao Salão Internacional do Livro e da Imprensa de Genebra. No ano de 2013 foram mais de trinta autores autografando no estande e mais de cento e cinquenta títulos expostos. Para 2014, além da presença dos consagrados Alice Ruiz, Luiz Ruffato e Cintia Moscovich, que fizeram sucesso em 2013 na Feira do Livro de Frankfurt, a Varal do Brasil espera mais de trinta autores e cerca de duzentos títulos que serão expostos e vendidos durante a maior feira do livro suíça,

De 30 de abril a 4 de maio

Por Jacqueline Aisenman – Convidada desta edição

um dos mais prestigiados eventos culturais da Europa. O estande da Varal do Brasil, uma iniciativa privada, terá ainda exposição dos artistas plásticos Sílvia Bonafe, Nilda Lima, Maria Lagranha, Richard Calil Bulos e Isis Berlinck Renauld. Em seus cinquenta metros quadrados também estarão expostos artesanato brasileiro e serão distribuídos prospectos de cidades brasileiras. A música brasileira também estará presente com bossa nova e MPB, na voz da dupla Dulcineia Enferrujada formada por Tiago Tortola e Gabriel Oliveira. Também os músicos Jolanda Giardiello e Marcelo Candido Madeira estarão presentes. Entre os autores já confirmados para autografar em Genebra estão: os portugueses Dulce Rodrigues, Samuel Pimenta e Maria João Saraiva e os brasileiros Angela Menezes Delgado, Antônio Cazão, Dulce Auriemo, Eliana Machado, Fernanda Liberato, Henrique Bon, Isabel Cristina Albuquerque, Isis Dias Vieira, Lúcia Laborda, Maria Clara Machado, Lia Figueira, Sérgio Beija-Flor Poeta, Sheila Mann, Val Beauchamp, Diva Pavesi, Fábio Kerouac, Jacqueline Aisenman, Lúcia Amélia Brulhardt, Roselis Batistar e Samuel Oliveira. A AJEB

(Associação de Jornalistas e Escritoras Brasileiras) e a Rede de Escritoras Brasileiras (REBRA) lançarão suas respectivas antologias no estande. O Jornal “Sem Fronteiras”, repetindo a parceria de sucesso no ano passado, estará presente novamente fazendo a cobertura e distribuindo os seus exemplares aos escritores presentes, firmando parcerias e diminuindo distâncias. Varal do Brasil é uma revista literária realizada de forma digital (PDF) e distribuída gratuitamente desde 2009 através de e-mails, blogs, sites e redes sociais. A partir de 2011 obteve registro comercial suíço com Livraria e Promotor Cultral. Desde 2013 é também a Association Culturelle Varal do Brasil, que tem como objetivo divulgar a língua Portuguesa e a cultura brasileira, seus autores e artistas. O nome da revista e da associação refere-se ao “varal”, corda estendida onde secam-se roupas, fazendo assim alusão a tudo o que pode ser, culturalmente, estendido entre um continente e outro. Contatos: www.varaldobrasil.com ou varaldobrasil@gmail.com

Programa detalhado das sessões de autógrafos e animações *Todos os dias, saraus e momentos de encontro entre os autores e o público Quarta-Feira – 30 de Abril (Entrada Livre) 11h00-11h45 – Isabel Cristina Albuquerque - Primeiros Frutos Jacqueline Aisenman - Sentimentos Confiscados e outros títulos 13h00-13h45 – Henrique Bon - A Noite dos Peregrinos e outros títulos 14h00-14h45 – Lúcia Amélia Brulhardt - Mada-Leninha e o Desaparecimento de Bubu - – Português/Francês Fernanda Liberato - Sulco 15h00-16h30 – Marcelo Madeira - Apresentação musical dos áudio-livros infantis do autor sobre o folclore brasileiro 16h45-17h30 – Angela Delgado - Ephemeris e outros títulos – Português/Francês Jania Souza - Rua Descalça e outros títulos Maria João Saraiva - Emigrei, chove música (...) e outros títulos 17h45-18h30 – Dulce Rodrigues - Era uma vez uma casa e outros títulos Português/Francês/Inglês Isabel Cristina Albuquerque - Primeiros Frutos Quinta-Feira – 1º de Maio 10h00-10h45 – Antônio Cazão - E o mundo não acabou (...) e outros títulos Irma Galhardo – Epopeia Tocantinense e outros títulos 11h00-11h45 – Samuel Pimenta - Geo Metria e outros títulos Fábio Kerouac - Um Poeta Brasileiro em Hamburgo-Português/Alemão 12h00-12h45 – Lúcia Laborda - Amor Silente e outros títulos Isis Dias Vieira - La Prière du Notre Père - Português/Francês 13h00-13h45 – Dulce Auriemo - Espantaxim e o Castelinho Mágico e outros títulos Maria João Saraiva - Emigrei, chove música (...) e outros títulos 14h00-15h30 – Luiz Ruffato - Eles eram muitos cavalos e outros títulos - Português/ Francês 16h00-17h00 – Lúcia Amélia Brulhardt – Leitura para crianças 18h00-19h00 – Participação de Alice Ruiz, Cíntia Moscovich e Luiz Ruffato no palco principal Apostrophe com o tema: Literatura Brasileira Contemporânea.

Val Beauchamp - La Faute à Napoléon e outros títulos - Português/Inglês/Francês 16h00-16h45 – Irma Galhardo - Epopeia Tocantinense e outros títulos Samuel Pimenta - Geo Metria e outros títulos 17h00-17h45 – Sheila Mann - Culinária do Líbano a Israel Clara Machado - Almas Feridas e outros títulos 18h00-19h30 – Luiz Ruffato, Alice Ruiz e Cíntia Moscovich- Português/Francês 19h45-21h30 – Varal Antológico 4 em presença dos coautores Coquetel e música com a dupla Dulcineia Enferrujada Sábado –3 de Maio 10h00-10h45 – Samuel Lira - Antologia da Academia de Letras de Camaragibe Eliana Machado – Locos Brasilis e outros títulos - Espanhol/Francês 11h00-11h45 – Angela Delgado - Ephemeris e outros títulos - Francês/Português 12h00-12h45 – Diva Pavesi Antonio Cazao - Vamos ser Felizes (...) e outros títulos Sérgio Beija-Flor Poeta - A Dança das Flores - Portuguê/Alemão 13h00-13h45 – Sheila Mann - Culinária do Líbano a Israel Dulce Rodrigues - Era uma vez uma casa e outros títulos Português/Francês/Inglês 14h00-15h00 – Animação especial com Clara Machado sobre o livro Almas Feridas (música e leitura dramática)

15h15-16h30 – Cinta Moscovich - Por que sou gorda mamãe? e outros títulos 16h45-17h30 – Val Beauchamp - La Faute à Napoléon e outros títulos – Português/Inglês/Francês Roselis Batistar - Rubra Carmesí e outros títulos - Português/Espanhol 17h45-18h30 – Lúcia Laborda - Amor Silente e outros títulos Fabio Kerouac - Um Poeta Brasileiro em Hamburgo – Português/Alemão Domingo – 4 de Maio 11h00-11h45 – Lúcia Amélia Brulhardt - Mada-Leninha e o Desaparecimento de Bubu - – Português/Francês Marcelo Madeira - Apresentação musical dos áudio-livros infantis do autor sobre o folclore brasileiro 12h00-12h45 – Fernanda Liberato - Sulco Isis Dias Vieira - A oração do Pai Nosso - Português/Francês 13h00-13h45 – Dulce Auriemo - Espantaxim e o Castelinho Mágico e outros títulos Lia Figueira - A Perna Imaginária 14h0-15h30 – Alice Ruiz - Desorientais e outros títulos 16h00-19h00 – Lindas Lendas Brasileiras : – Lançamento da antologia da REBRA com a presença de parte das coautoras Coquetel com música com Jolanda Giardiello e Marcelo Madeira

Sexta-Feira – 2 de Maio 11h00-11h45 – Sérgio Beija-Flor Poeta - A Dança das Flores - Português/Alemão Samuel Lira - Antologia da Academia de Letras de Camaragibe 12h00-12h45 – Eliana Machado – Locos Brasilis e outros títulos Espanhol/Francês Lia Figueira - A Perna Imaginária 13h00-13h45 – Diva Pavesi Jania Souza - Rua Descalça e outros títulos 14h00-14h45 – Roselis Batistar - Rubra Carmesí e outros títulos - Português/Espanhol 15h00-15h45 – Henrique Bon - A Noite dos Peregrinos e outros títulos

www.redesemfronteiras.com.br | contato@redesemfronteiras.com.br


12

ania Souza, Escritora, Poeta, Declamadora, Artista Plástica, nascida em Natal (RN), Brasil. É ativista cultural e publica literatura infantil; infantojuvenil, poemas, crônicas, contos. Em sua obra, encontra-se registrado um toque sutil de erotismo e realismo com predominância de um profundo pensamento crítico, revestido pela metáfora poética, social e humana. Tem ativa participação no movimento literário de sua cidade e do seu país. É Secretária Geral da UBE/RN - União Brasileira dos Escritores do Rio Grande do Norte, integra o quadro como Delegada Regional da APPERJ - Associação Profissional dos Poetas e Escritores do Rio de Janeiro e muitos outros. Teve, recentemente, seu livro de poemas “Rua Descalça” traduzido pelo Editorial Argenta em Buenos Aires, Argentina, que fará o lançamento e a distribuição da “Calle Descalza”. Sua presença já está confirmada no 28º Salão do Livro e da Imprensa de Genebra (Suíça), onde autografará, no Stand Varal do Brasil, as obras: “Entre Quatro Paredes”; “Calle Descalza”; “Antologia Literária SPVA/RN, volume 06”; “Presença da Mulher na Literatura do Rio Grande do Norte”. Para conhecer mais a autora, acesse: http://www.janiasouzaspvarncultural.blogspot.com  http://www.apperj.com.br, (onde é Delegada Regional) http://abrace.org. (onde é Representante do Movimento em Natal/RN)

Foto Divulgação

J

Em ótima fase, Jania Souza tem obra traduzida por editora argentina e confirma participação no 28º Salão Por Mayra Soares do Livro e da Imprensa de Genebra

Jania Souza comemora a boa fase.

Jania Souza autografa “Magnólia a Joaninha perfumada”.

Maria João Saraiva lança seus livros em Genebra Foto Divulgação

A

A escritora Maria João Saraiva.

Por Juliana Oliveira

escritora Maria João Saraiva estará presente na Feira do Livro em Genève, de 30/4 a 2/5, no Stand Varal do Brasil, para autografar as suas obras: A Dor que me Deixaste (onde se aborda a dor da perda do amor e o lugar que se lhe vai dando), Até mim: vivência da Psicanálise (onde se mostra o percurso de um processo terapêutico num caso de depressão, a relação entre a pessoa que traz a dor com o terapeuta que a acolhe, a transforma e onde o vazio e o sofrimento dão lugar à esperança) e Emigrei – Chove música nas minhas mãos/Será que os pássaros também partem tristes? (Editora Coisas de Ler). Nesta última obra, a pintura de Sus Sampaio, a música de Miguel Sá Pessoa e o texto de Maria João Saraiva descrevem as vivências de quem emigra, ou de quem se sente a não pertencer; as vivências de todos aqueles a quem não foi dado lugar no seu lugar… Aborda-se a saudade, a dor, as raízes, a expressão de quem se é, a procura, a conquista de um lugar. É um projeto inovador, já que se propõe à desmultiplicação de sensações, de imagens, pelo entrelaçar das três formas de arte - a pintura, a música e a escrita. A autora irá também autografar o Varal Antológico 4, onde poderão ler o seu conto, que ganhou o 1º Prémio de Literatura Varal do Brasil. Maria João é psicóloga, licenciou-se na Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade de Coimbra em 1986. É membro da Associação Portuguesa de Psicanálise e Psicoterapia Psicanalítica – ramo de psicanálise e desenvolve a sua actividade profissional em Oeiras e na Parede, em Portugal. Gosta que a sua escrita crie pontes e traga algo de bom a quem a recebe. Para contatos: mjoaosaraiva@gmail.com Livros à venda no Brasil, na Zamboni books: www.zambonibooks.com.br

ANO DE 2013, UM MARCO IMPORTANTE... E A MAGIA CONTINUA!

O

Por Dulce Rodrigues – Convidada desta edição

s astros tinham anunciado que 2013 seria um belíssimo ano para a minha carreira literária. E falaram certo! Houve momentos altos, como a cerimónia de entrega dos prêmios que me foram atribuídos na França, em setembro, impregnados do mesmo cerimonial e monotonia do costume. Outros, como o Salão do Livro de Genebra, deram prova de um dinamismo e de uma alegria para que muito contribuíram o entusiasmo contagiante do duo Jacqueline e Paulo Aisenman, de todos os autores e autoras, e outros interlocutores que participaram nesse evento literáro. E a combinação saudável de alegre convívio com aposta literária séria prolongou-se por intermédio da Literarte na Feira do Livro de Frankfurt, durante a qual tomei conhecimento com um editor de Taipei, em Formosa (República da China), o que veio a concretizar-se num contrato de publicação em língua chinesa do meu livro infantojuvenil “Era Uma Vez Uma Casa”. E o meu grande sonho de ver pelo menos um dos meus livros publicado em chinês realizou-se. Mas, até ao final do ano, outros projectos se concretizaram, com a mesma camaradagem e boa disposição, como foi o caso da ida a Praga, igualmente com a Literarte. Esta viagem teve para mim o duplo significado de ser o reencontro com um capítulo do meu passado, pois Praga foi uma cidade que visitei em 1970, em plena época de didatura comunista. É essa aventura que contarei num dos meus próximos livros, “Viagem a Praga no Tempo da Ditadura”. Com a minha boa estrela a acompanhar-me, vi mais um dos meus livros infanto-juvenis ser premiado num concurso internacional. “Barry’s Adventure”, a versão inglesa do meu primeiríssimo livro infantojuvenil, recebeu “Menção Honrosa” no London Book Festival (Festival do Livro de Londres). A cerimônia de entrega do prêmio realizou-se a 23 de Janeiro de 2014, na British Library. A única coisa que me deixou muito triste foi não ter podido estar presente na cerimônia de entrega do prêmio que foi atribuído à versão inglesa do meu livro “Era Uma Vez Uma Casa” no Hollywood Book Festival (Festival do Livro de Hollywood). Mas, era-me totalmente impossível viajar até Hollywood nessa data. Quanto a este novo ano, também começou bem e as boas notícias continuam: Salão do Livro de Bruxelas em Fevereiro, de Genebra em Maio, de Gotemburgo em Setembro, e, nos intervalos, outros eventos e atividades de menor importância a nível internacional, mas certamente tão gratificantes a nível humano. Sinceramente, espero que 2014 renove a sua promessa de ser um bom ano para todos aqueles e aquelas para quem a Literatura se tornou uma paixão. Contatos: www.dulcerodrigues.info | www.barry4kids.net | dulce41@dulcerodrigues.info

Palestrando no London Book Festival.

Dulce Rodrigues autografando na Feira de Frankfurt.

www.redesemfronteiras.com.br | contato@redesemfronteiras.com.br


13

Basilina Pereira coleciona premiações por seu brilhante desempenho literário

Por Dyandreia Portugal

B

Fotos: Acervo Particular

asilina Pereira nasceu em Ituiutaba (MG), mas reside em Brasília desde 1983. É Professora aposentada, Advogada e Poeta. Tem 3 filhas e 3 netos. Já participou de 23 antologias e publicou cinco livros, sendo quatro de poesia: “Quase Poesia” (2009), “Janelas” (2010) e “Tempo Contrário” (2011), “À Sombra das Palavras” (2013) e o romance “Sonhos Antigos” (2012). O livro “À Sombra das Palavras”, Edição do  Autor, possui 124 páginas e  contém 173 poemas selecionados. Foi lançado em fevereiro, no restaurante Carpe Diem, em Brasília (DF), com a presença de vários escritores locais. A obra foi prefaciada pela escritora e poeta Vânia Moreira Diniz, presidente da Academia de Letras do Brasil, seção DF. A poeta Basilina Pereira faz parte da Academia Feminina Espírito-Santense de Letras e da Academia Momento Literocultural, cadeira nº 19. É membro correspondente da Academia Rio-Grandina de Letras, da Academia de Letras e Artes de Goiás, da Academia de Letras e Artes Buziana e da Academia de Ciências, Letras e Artes de Vitória e também integra o quadro de Imortais da Academia de Letras do Brasil, seção DF. Basilina, ao longo de sua jornada literária, vem sendo brilhantemente premiada e já possui uma coleção de Prêmios de grande relevância. Em 2012, foi agraciada com os prêmios: “Acadêmico Cláudio de Sousa”, concedido pela Literarte, por seu livro “Janelas” e o prêmio “INTERARTE”, concedido pela Academia de Letras e Artes de Goiás, pelo conjunto de sua obra. Em 2013, foi condecorada com as “Altas Insígnias” concedida pela Divine Académie Française des Arts, Lettres et Culture; Prêmio “Luso Brasileiro – Melhores Poetas de 2012”, concedido pela Editora OZ e a Associação de Poetas da Região Autônoma de Madeira (Portugal); Prêmio “Literarte de Cultura 2013” , recebido em Foz do Iguaçu; o “Destaque Poesia 2013”, conferido pela Academia de Letras e Artes de Fortaleza; “Melhores Romances 2013”, pelo livro “Sonhos Antigos” e Prêmio “TOP LITERARTE” de poesia com o livro “Tempo Contrário”, ambos concedido pela LITERARTE. A venda dos seus livros em Brasília acontece  na  Livraria Cotidiano, na SQS 201. E para todo o Brasil, direto com a autora em: basilina@brturbo.com.br.

Basilina Pereira autografa o livro “À Sombra das Palavras”.

A PALAVRA

Por Basilina Pereira Do livro: “À sombra das palavras”

No restaurante Carpe Diem, a autora recebe os amigos para o seu lançamento literário.

A palavra é meu desafio, o substrato de reconstrução da incógnita que ainda não foi decifrada. No emaranhado de perguntas sem respostas, o impasse: Como registrar a ansiedade da busca escondida à sombra das palavras? Tenho que escandir o que pulsa em mim, esse nublado eco que não sei versar, que procura uma pegada reveladora, mas no beco da urgência não encontra.

Recebendo as Altas Insígnia da Divine Academie Française des Arts Lettres et Culture

Basilina apresenta sua obra “Sonhos Antigos”.

O FAC – Fundo de Apoio à Cultura da Secretaria de Cultura/GDF apresenta Projeto “A arte de ler e criar” com Dinorá Couto Cançado

O

Fotos: Acervo Particular

livro infantil “Paçoca de Avô” irá para as escolas públicas do Distrito Federal, por meio do projeto “A arte de ler e criar”, da autora Dinorá Couto Cançado, que é agente cultural com CEAC em Literatura; Gestão, Pesquisa e Capacitação; Produção Cultural e autora da obra a ser lançada em 14 cidades/regionais de ensino do DF. O lançamento da obra faz parte do projeto “A arte de ler e criar”, com oficinas para professores e interessados por leituras, que poderão conhecer melhor a Biblioteca Braille Dorina Nowill, que sedia o Ponto de Leitura Brincando de Biblioteca com Programa Literário, prêmio do MinC à autora, com 129 bibliotecas públicas atendidas, tendo o apoio do FAC/SEC/GDF. Atendimentos e assessoria à criação de projetos literários na Biblioteca Braille. Nas oficinas regionalizadas, livros de literatura brasiliense serão trabalhados e um debate interdisciplinar sobre a obra “Paçoca de Avô”. Um chamativo muito forte na contracapa, posfácio de Lucília Garcez, com ilustrações criativas de Dulce Couto enriquecem o livro. “Paçoca de Avô” é um livro que conta sobre descoberta. Tem a menina que come pouco; tem a avó e o avô que se preocupam e dão tratos à bola pra inventar uma comida que agrade. E a magia acontece. Como? Simples assim: o processo criativo do avô empolgado vem com emoção e enredo. E a neta se deixa cativar pela paçoca de carne que se revela envolta e temperada com palavras desconhecidas até então. Será que foi a parceria que instigou o apetite da menina? Contato com a autora: dinoracouto@gmail.com ou Fone: 015 - 61- 99701366 Visitem: amigosdobraille.blogspot.com

A autora durante uma de suas oficinas no Encontro Internacional de Escritoras em Brasília, o“XI EIDE".

A Oficina do Livro Editora tem o prazer de anunciar sua próxima antologia: Mulheres na Copa e na Cozinha Coordenação: Silvia Bruno Securato Informações, investimento e inscrições: site www.oficinaeditora.com.br  e contato@oficinaeditora.com.br Fundada em 2001, a Oficina do Livro Editora nasceu em decorrência do sonho de Silvia Securato em produzir livros que fossem úteis à sociedade. Hoje, o objetivo continua sendo o mesmo, porém as portas foram abertas a todos aqueles que também mantinham dentro de si o desejo de escrever e publicar uma obra, com preços acessíveis, qualidade gráfica e conteúdo. A Oficina do Livro tornou-se uma empresa de comunicação especializada na elaboração de antologias, com enfoques temáticos e variados. A editora consegue, de forma simples e coerente, estreitar as relações entre autores e leitores, dando a oportunidade de um contato mais direto entre eles e despertando debates sobre os temas abordados.

www.redesemfronteiras.com.br | contato@redesemfronteiras.com.br


14

Portal SERTÃO NOSSO faz aniversário!

P

Foto: Divulgação

ortal SERTÃO NOSSO - Melhor Site do Sertão Paraibano - foi fundado e lançado dia 2 de Abril do ano de 2008, por Lenival Nunes de Andrade, para homenagear seu querido filho Lenival Nunes de Andrade Filho (LENINHO), que nasceu no mesmo dia, no ano de 1988. Ele estudou na cidade de Catolé do Rocha (PB) nos ótimos colégios Colégio João Agripino Filho, Escola Municipal Luzia Maia e Escola Estadual Obdúlia Dantas, em João Pessoa (PB). Ele estudou ainda no Colégio Polígono e cursa o curso de Relações Internacionais, por ter passado no Vestibular da FIP Faculdades Integradas de Patos (PB). O SERTÃO NOSSO - www.sertaonosso.com.br - que acaba de fazer 6 anos, é um site totalmente diferente, independente, original, cultural e esportivo, resgatando o que de melhor acontece em toda a região e, principalmente, nas cidades de Catolé do Rocha e Brejo dos Santos (PB). Basta citar que o site conta com colunistas como Ana da Cigana Natasha (escritora do Rio de Janeiro-RJ) e Débora Moreno (poetisa de Niterói-RJ, escritora autora de vários livros). Leninho também é colunista, assim como a ex-professora Cidôra, Josivan Alves, Pedro Neto (LÉ), Paulo Mesquita, Hildebrando Diniz Silvia Mota e muito outros.  Lenival Nunes de Andrade é filho de Valdemar Solano de Andrade e Maria Leni Rodrigues Nunes de Andrade. É Jornalista, Radialista, Escritor e Poeta. Natural de Patu (RN) é Cidadão Catoleense e Funcionário Público Municipal da Prefeitura de Brejo dos Santos (PB). Membro correspondente da Academia de Letras de Teófilo Otoni (MG). Ao lado, nos brinda com uma de suas poesias.

Por Mayra Soares

A Mídia Despreza a Qualidade

Autor: Lenival de Andrade em 27/janeiro/2012

  

Amigos e amigas Dentre amizades e intrigas Por fora das brigas Vejam bem Prestem atenção também Pois quem tem talento E é altamente desprezado Fica ao relento É até chamado de lesado Neste injusto julgamento Desse povo nojento Com pensamento lerdo e lento   É meu amigo O artista às vezes até no seu abrigo Não tem voz nem vez Nem amanhã, nunca, nem talvez   Na minha ou na sua bela cidade Para nossa infelicidade Com toda a capacidade Nessa era ou em qualquer idade Digo não com felicidade A MÍDIA DESPREZA A QUALIDADE

Lenival Nunes de Andrade, o fundador do Portal SERTÃO NOSSO.

Nota: “A frase do título da poesia foi feita com base numa frase que o compositor e Poeta Zé Ramalho da Paraíba, natural de Brejo do Cruz falou em letras claríssimas, que assino embaixo, em entrevista ao extinto jornal “O Norte”, de circulação estadual no estado da Paraíba.” Lenival de Andrade

O livro “Princesinha” Mardilê Friedrich Fabre começa o ano traz frutos para cheia de projetos! Mágda Resende Por Juliana Oliveira

Por Dyandreia Portugal

M

ágda Côrtes Regadas Resende é carioca, residente em Belo Horizonte. Graduada em Fonoaudiologia, com especialização em Audiologia Clínica. Fascinada pela comunicação humana, nas suas diversas formas de expressão, encontrou na escrita a liberdade de ser e viver qualquer coisa. Quando lhe perguntam desde quando ela escreve, ela responde sem pensar duas vezes: “Eu escrevo desde sempre!”. Associada da REBRA, participou das duas últimas antologias da entidade. Além disso, é acadêmica da Academia de Letras de Goiás e do Núcleo Acadêmico de Letras e Artes de Lisboa. Em 2013, ela sai de trás do teclado e mostra ao mundo sua primeira obra de ficção, o romance “Princesinha” (Ed. Chiado). E por seu desempenho literário, recebeu o “I Prêmio Destaque Poético da ALAF - Academia de Letras e Artes de Fortaleza” e receberá em abril o “Troféu Excelência Cultural ABD – 2013”. O livro “Princesinha” fala da vida perfeita de uma garota perfeita e isso foi o que desencadeou a sua busca pela liberdade e verdade. Em meio à sua busca, “Princesinha” sempre teve algo que a orientava: seus Cinco Sentidos. Firmada neles é que a personagem encontra aquele que dá sentido à vida. A partir desse encontro, ela passa a viver um estranho e incomum caso de amor e se inicia então a sua verdadeira transformação, de dentro para fora. Conheça um pouco mais a autora e adquira sua obra: magdacrr@gmail.com http://sitedoescritor.ning.com/profile/MagdaCortesRegadasResende

M

ardilê Friedrich Fabre traçou como meta para 2014 continuar seu trabalho voluntário a favor da cultura da cidade onde reside, São Leopoldo (RS), pois pertence a duas entidades cuja preocupação é disseminar cultura: Fórum do Livro e da Leitura, do qual é secretária, e do Instituto São Leopoldo 2024-Grupo Temático Cultura. Mardilê é professora e revisora de textos, membro de conceituadas entidades culturais; recebeu méritos culturais nacionais e internacionais. Participante de mais de 40 antologias e publicou os livros Literatura Gaúcha em Síntese, Poesia em gotas, Rumos da Poética no Século XXI, À Moda Antiga: Poemas e Nos Desvãos dos Sonhos e o audiolivro Segredos... Mardilê possui algumas metas pertinentes para o ano: Pesquisar sobre formas de composições literárias antigas e modernas, que pratica, quando cria poemas, seguindo as suas normas; Publicar seu quinto livro de poemas “Versos tecidos de vida”, que já está pronto, indo para o prelo; Coorganizar, como parte das comemorações dos 60 anos do Instituto Estadual de Educação Professor Pedro Schneider (escola onde lecionou durante 21 anos), uma antologia sobre suas memórias, cujo projeto é conseguir 60 ex-alunos que relatem o momento mais marcante da sua passagem pela escola e, principalmente, ler e escrever, criar poemas, crônicas, contos, pois é isso que a mantém feliz. No ano de 2014, já recebeu dois prêmios: “Prêmio Melhores Poetas 2014”, da Editora Mágico de Oz e Literarte, em fevereiro, no Rio de Janeiro (foto), e “Prêmio Excelência Cultural 2013 – ABD”, em março, também no Rio de Janeiro. Para conhecer um pouco mais a autora, acesse: http://fremitosdaalma.blogspot.com http://www.mardilefriedrichfabre.prosaeverso.net

www.redesemfronteiras.com.br | contato@redesemfronteiras.com.br


15

Flavia Assaife trabalhando muito

A

Por Mayra Soares

Foto: Acervo Pessoal

escritora Flávia Assaife vem numa trajetória de muitos investimentos em sua carreira literária. Tem participado de muitos eventos e feiras nacionais e internacionais. Já iniciou 2014 participando de várias Antologias Literárias. Todo este esforço tem rendido frutos. No último dia 31 de janeiro, a escritora teve a oportunidade de conceder duas entrevistas, uma na parte da manhã e outra à noite. A 1ª foi na Rádio Rio de Janeiro 1400 AM, no Programa Mulheres Brasileiras, comandado por Monicka Christ (fotos), onde conversou sobre sua carreira e seu último livro de poesias, contos e crônicas. A 2ª foi na Web Rádio Iluminatta, uma rádio web do Portal do Poeta Brasileiro que toca música e poesia, 24 h, no Programa Tête à Tête, com Aline Romariz, que vai ao ar todas as sextas-feiras, às 20h, onde, durante 4h pôde conversar sobre sua vida e carreira literária, ao vivo, bem como expor sua opinião sobre a Literatura e a Poesia, tendo um público de mais de 2.300 ouvintes. Vale a pena conhecer, ouvir e participar! “Eu só tenho a agradecer a Deus, à minha família, aos meus amigos, que me incentivam e apoiam neste sonho. A estrada não é fácil, existem muitas dificuldades e obstáculos, mas, com perseverança e determinação, tudo é possível. Aproveito também para agradecer ao “Jornal sem Fronteiras” que tem possibilitado a abertura de muitas portas e oportunidades!” Blog pessoal: http://www.flviaflor.blogspot.com Página no Facebook: https://www.facebook.com/EscritoraFlaviaAssaife Site pessoal: http://fassaife.wix.com/escritora E_mail: flaassaife@gmail.com

Célia Leão: Mulher de Garra e Coragem

Por Fábio Portugal Foto: Divulgação

C

élia Leão, 57 anos é Deputada Estadual, exercendo o sexto mandato seguido na Assembleia Legislativa de São Paulo. Casada, mãe de três filhos, com mais de 30 anos atuando na vida pública. Ficou paraplégica aos 19 anos de idade, em decorrência de um acidente de automóvel e, ao longo deste tempo, se tornou uma das maiores ativistas pelos direitos das pessoas com deficiência do Brasil. Sua atuação se expande para outras áreas que envolvem as questões sociais, saúde, direitos da mulher, do idoso e da criança. É considerada uma das parlamentares mais atuantes de São Paulo. O livro “Uma Voz Feminina de São Paulo”, de autoria do jornalista José Pedro Martins, narra a sua trajetória, desde a infância, juventude, o acidente que mudou a sua vida, o casamento, os filhos e a entrada para a vida pública, onde se tornou uma referência na política nacional, sua história de luta e superação de muitos obstáculos ultrapassados com muita garra e coragem. Contatos: www.celialeao.com.br | celialeao@celialeao.com.br / cleao@al.sp.gov.br www.facebook.com/deputada,celialeao | www.twitter.com/depcelialeao

Geraldo Sant’Anna lança livro com estrondoso sucesso

O

Por Juliana Oliveira Foto: Divulgação

Centro Cultural Burro Voador, que abriga o Bar do Thomás, em Taquaritinga (São Paulo), acolheu o lançamento do romance “Jardim das Almas”, de Geraldo José Sant’Anna. O evento ocorreu em 14 de fevereiro, com muita pompa e requinte. No sentido de criar o ambiente do próprio romance, os convidados foram recepcionados por personagens trajados ao estilo da época. A casa antiga emprestou seus cômodos para um salão de festas repleto de castiçais, oscilando entre o mistério e a curiosidade. A cada momento, uma surpresa! Ao fundo, em uma das paredes, um vídeo relatava a trajetória literária do autor e consolidava os pontos centrais do romance. Um sucesso imediato com cerca de duzentas obras vendidas! No dia seguinte, foi a vez da tarde de autógrafos na Casa Anoop, também um Centro Cultural que apresenta artistas e escritores taquaritinguenses. A Casa Anoop estará concentrando as vendas da obra na cidade e região. O romance “Jardim das Almas” dá a dimensão exata da arrogância e prepotência do ser humano, aqui perfeitamente traduzidas na figura soberba da matriarca Fortunata – cujo nome diz (quase) tudo. A escolha dos nomes é um deleite à parte, e não cabe estender mais este assunto, sob o risco de comprometer o encantamento que provoca durante a leitura. Cada capítulo é uma surpresa, principalmente no que diz respeito à narração, que passeia pelas vozes de todos os personagens. Nos entremeios, Fortunata atua como um solitário jogador de xadrez, responsável pelos dois lados do tabuleiro. Uma obra certamente imperdível! Contato: santana.geraldo@gmail.com

O incrível e criativo lançamento de “Jardim das Almas”

O autor na Casa Anoop

O

“Projeto Semeando Livros no Sertão” é uma iniciativa da escritora Rai D’ Lavor, junto à coordenadora Isabel Martins, para levar às escolas da zona rural de Pernambuco, o hábito da leitura. O que levou Rai D’ Lavor a tomar essa decisão de levar esse projeto foi ter observado em uma de suas últimas visitas ao sertão, em novembro de 2013, o prazer das crianças quando pegam algo para ler. A escritora nos conta: “Notei esse desejo no garoto Renan da Silva Gomes, 10 anos, quando me pediu para ler o ‘Jornal Sem Fronteiras’ que levei para dar ao meu pai. Gente! Ele leu assim com tanto prazer, que parecia querer comer as letras! Perguntei para ele se ele gostaria de ter um livro só dele e ele respondeu: - Ah, Tia! Eu queria mesmo era que na minha escola tivesse mais livros para a gente ter mais tempo de leitura e, assim, poder interpretar melhor os textos e melhorar as nossas notas. Fiquei tão comovida com o desejo dele, que prometi: - Quando eu voltar aqui vou trazer muitos livros para vocês! Ao que ele respondeu: - Mas você vai gastar muito dinheiro comprando livros para tantas crianças! Eu o tranquilizei: - Renan, para Deus nada é impossível! Eu vou trazer. Tenho certeza que Deus vai mover as águas ao nosso favor e seu sonho será realizado. Voltei para o Rio  e comecei a pedir a direção de Deus. Comentei com a Presidente da Literarte, Izabelle Valadares, que achou uma excelente ideia. Ela está me apoiando muito, inclusive me fez uma doação de 115 livros! Uma bênção de Deus...  Recebi também da Editora do “Jornal Sem Fronteiras”, Dyandreia Portugal, a doação de um lote de jornais para levar para divulgarmos lá no interior. Estou levando também alguns catálogos da Literarte e livros doados por amigos. 

Gente!   Pretendo fazer uma festa bem linda para as crianças Nordestinas.  Estarei em viagem de 27 de março até o final de abril. Depois, postarei as fotos da entrega das doações.  Graças a Deus e a todos que contribuíram para a realização desse sonho das crianças, e meu também, é claro! " O “Jornal Sem Fronteiras” comprometeu-se com a escritora Rai D’ Lavor em fazer a cobertura de todas as visitas que ela realizar com o “Projeto Semeando Livros no Sertão”, para que não só as pessoas tenham conhecimento de tal movimento, mas para que as crianças possam desenvolver a cidadania, através de suas participações na mídia impressa. Parabéns, Rai D’ Lavor! Os escritores que desejarem doar livros, poderão entrar em contato com a idealizadora do projeto, que sistematicamente fará visitas ao Sertão para as doações: railavor@hotmail. com ou nos Telefones: 041-21- 981430820 e 98104-2091

Por Dyandreia Portugal Foto: Divulgação

Projeto Semeando Livros no Sertão

A idealizadora do Projeto, a escritora Rai D’ Lavor.

Rai D’ Lavor exibe orgulhosa as primeiras doações para o projeto.

www.redesemfronteiras.com.br | contato@redesemfronteiras.com.br


16

Arleni Batista celebra as vitórias em sua carreira

A

Por Dyandreia Portugal

Foto: Duarte / Tel.: 99511-6964

rleni Batista vem colecionando conquistas e vitórias por conta de suas poesias. Seus acrósticos e suas poesias constam em aberturas de várias antologias e publicados em diversas revistas literárias. Arleni é Jornalista, Radialista e Poetisa. Natural do RJ. Ex-bancária do BANERJ. Sua presença é marcante em vários acontecimentos literários, nos quais faz cobertura fotográfica e divulga no Programa da BAND-Rio AM 1360, todo sábado às 16h30min. É Secretária Geral da ABLAP - Academia Brasileira de Letras e Artes Pela Paz. É membro da ABI e pertence a diversas entidades, tais como: a ACLERJ-Academia de Letras do Estado do Rio de Janeiro; ADABL-Associação dos Diplomados da Academia Brasileira de Letras (fundada por Austregésilo de Athayde); ALAB-Búzios; Lions Club, ABD e Divine Académie Française des Arts Lettres et Culture. Os últimos anos foram bem produtivos para essa poetisa, que começou a escrever em agosto de 2012 e já conquistou 13 prêmios literários em concursos e diversos títulos, como por exemplo, o título de Embassadeur da Divine Académie Française des Arts Lettres et Culture (Paris-França). Este ano de 2014, já recebeu a “Premiação Destaque Poético 2013”  da Literarte, em Ouro Preto, “Prêmio Destaque Rio-2013” da  ZMF Editora e Cultura Latina do RJ em prol da Cultura do País, o “Prêmio Excelência Cultural 2013 – ABD” e o “Troféu Microfone de Ouro como Escritora e Jornalista 2013”, do Programa “Clubes em Revista” da BAND-RIO AM 1360. E vem muito mais por aí! Arleni está cheia de planos. Vamos aguardar. Contatos: E-mail: arlenibatista@gmail.com

Foto: Divulgação

Arleni Batista recebe o “Premio Destaque Poético 2013” da Literarte, em Ouro Preto.

Viver é para quem sabe! Foto: Acervo pessoal

V

Por Juliana Oliveira

iver é para quem sabe e esse é o caso de Maria Augusta dos Santos. Maria Augusta é advogada, jornalista, escritora e poetisa. Além disso, é Presidente da Academia Brasileira de Letras e Artes pela Paz - ABLAP, registrada na Confederação das Academias de Letras e Artes do Rio de Janeiro - dirigida pela escritora Maria Amélia Paladino – que inclusive possui várias Academias de Letra e Artes, que Maria Augusta é acadêmica. A ABLAP reune-se  provisoriamente na APACEF - Associação dos Funcionários Aposentados e Pensionistas da Caixa Econômica Federal, de cuja organização é Diretora, ao lado do Presidente da entidade, Olívio Gomes de Oliveira, e está localizada na Av. Almirante Barroso, nº 6 - 4º andar.  Maria Augusta escreveu dezesseis livros, lançou quatorze e, desses títulos, seis deles já estão esgotados. Seus livros abordam diversos temas nos seguintes gêneros: Romance: “Beijo na Penumbra”; Ficção: “Sangue na Pedra Justiça e Extra Terrestre”, “Demônio no Espaço”, “Inferno na Terra”, “O retorno de Marte”, “Fuga na Mata Atlântica”, “Campo Minado”, “A Estranha Despedida de Solteiro” e “O Gemido do Universo”, encartado no primeiro e outros; Poesia: “Sonho & Poesia” e pronto para lançar, com o nome “Sonho, Poesia, Contos e Fantasia”; Infantil: “O Namorado da Vovó” e “Amor sem Fronteiras”; e Jurídico: (para lançamento) “A História do Brasil: O Superior Tribunal Militar - A incrível evolução da História do Tribunal”, que se encontra na 4ª Vara cível do Tribunal da Capital.  Nas fotos, Maria Augusta recebe o “Troféu Melhor Jornalista de 2013”, do  “Programa Clubes e Revista”, de Sebastião Mendes, na Rádio Bandeirantes, que completa 22 anos em 2014, onde a autora fala sobre Economia e Política, entre 16h30 e 17h30m. Para contato com a autora: sdoge@ig.com.br

Elzio Luz Leal lança o romance “Tentação” Foto: Acervo pessoal

E

lzio Luz Leal é Diretor da APALA – Academia Pan Americana de Letras e Artes, Diretor da ABLAPP – Academia Brasileira de Letras e Artes Pela Paz. É participante da Divine Académie des Lettres, Arts et Culture de Paris e participa do Centro de Literatura do Forte Copacabana, onde foi agraciado com a comenda de Artilheiro da Cultura. Fala semanalmente no programa “Clubes em Revista”, da Rádio Band AM Rio, 1360, sobre Cultura e Literatura, com grande audiência. Tem dois livros de poesias publicados: “Eu poeta 2008” e “Intimidades”, este traduzido para o inglês e publicado nos Estados Unidos pela Editora American Star Books. Escreveu um conto denominado ‘Tentação’ e postado no Recanto das Letras; contava a relação de uma escrava e o seu senhor. Um leitor elogiou o texto e questionou por que não se continuava a história, que era portadora de um forte conteúdo. Assim, de capítulo em capítulo, surgiu um romance de trezentos e seis páginas, que relata não só intensas histórias de amor, como também a origem da abolição da escravatura, em que, por imposição de americanos, ingleses e franceses, com ameaças de boicote comercial ao Brasil, o último país escravagista do ocidente, criou-se uma lei para abolir a escravidão, mas através de um conluio das elites, mantiveram-se as mesmas condições anteriores, havendo uma abolição legal, mas sem as consequências sociais que se esperava. Nas palavras de um personagem, abolia-se a escravidão, mas mantinham-se os escravos... O livro “Tentação” será lançado em abril pela Editora portuguesa Chiado, no Brasil e em Portugal. Será comercializado nas livrarias Saraiva, Cultura e Fnac e, posteriormente, será traduzido para o inglês e espanhol, sendo lançado nos Estados Unidos, Inglaterra, Irlanda e Espanha. Contatos: http://www.elzioluzleal.net/ ou e-mail: elzioll@hotmail.com

Por Mayra Soares

Elzio Luz Leal, por ocasião da Cerimônia da Divine Académie des Lettres, Arts et Culture.

Dina Frutuoso faz sucesso com o livro 100TENARIOS

Por Fábio Valverde Portugal

Foto: Divulgação

“100TENARIOS”, livro com tema inédito no Brasil, da escritora Dina Frutuoso, apresenta a Qualidade de Vida entre pessoas de 100 a 107 anos, mostrando dentre outros temas: amores, segredos, curiosidades, clube de futebol. ZICO e Roberto Dinamite se encantaram com os fãs 100tenários do Flamengo e Vasco. A festa de 100 anos é um capítulo à parte e há muito mais! Lançamentos já foram realizados em vários municípios do Estado do Rio de Janeiro, como na capital, Niterói, Macaé, Itaperuna e Cabo Frio. Outros Estados já confirmaram o lançamento como Acre, Ceará, Bahia, Rio Grande do Sul e São Paulo. É de fato um livro instigante, onde os leitores vão se apaixonar por vidas tão ricas, sofridas, vencedoras. Adquira o livro nas melhores livrarias e descubra COMO conquistar Qualidade de Vida em qualquer idade! Dina Frutuoso posa com uma tela ao fundo de sua autoria.

Dina Frutudo e a sua badalada obra “100TENARIOS”.

 Contato com a autora:  Facebook: Dina Frutuoso RJ e pela Rádio Rio de Janeiro - 1400 AM. Toda 3ª feira, às 07h20, em tempo real, você tem encontro marcado na ENTREVISTA, com Dina Frutuoso para o mundo, no www.radioriodejaneiro.am.br, em tempo real e ao vivo.

www.redesemfronteiras.com.br | contato@redesemfronteiras.com.br


A

17

Início de ano promissor para a escritora Esther Rogessi

Por Dyandreia Portugal

Foto: Acervo Pessoal

escritora Esther Rogessi despediu-se de 2013 com grandes conquistas e adentrou 2014 em igual ritmo. Esther recebeu da Literarte - Associação Internacional de Escritores e Artistas, em Ouro Preto - cidade mineira -  o “Prêmio Literarte de Cultura 2014”, por seu destaque e expansão intelectual desenvolvidos durante o ano de 2013, no cenário artístico-literário, na categoria “Contista Infantil”. Na oportunidade, a escritora expôs a sua obra “Resplendor” (Acrílica e textura sobre tela), na 2ª Exposição Coletiva de Artes Literarte, no hall do Grande Hotel Ouro Preto (MG). A pintora e escritora aproveitou os momentos deliciosos de sua estadia na bela cidade para fazer um tour em Ouro Preto. Visitou a Mina de Ouro “JEJE” do século XVIII, e conheceu a sua história; em Mariana (MG) visitou monumentos históricos, igrejas, museus, salas de arte e belíssimos casarões, que ficaram registrados nas paredes de sua  memória.   O trajeto de Ouro Preto à Mariana foi realizado no saudoso trem, que oferece  belas paisagens até o seu destino final, Mariana. A escritora, ainda nessa oportunidade, recebeu das mãos da Presidente da Literarte - Izabelle Valladares - os exemplares do seu Romance “Conflitos de uma alma”, 1ª Edição, publicado pela Editora Literarte. “Conflitos de uma alma” é um romance onde Esther Rogessi mescla ficção com  realidade;  expõe  fatos e situações contemporâneas: a pedofilia, o comércio de pessoas, armas e drogas fazem parte do dia a dia do mafioso colombiano, Paco Guevara e do seu cartel, que levam o jovem jornalista Luís Escobar e Alícia Maria, ao inferno, através  de  uma ardilosa e cruel trama. Os sofrimentos do jovem jornalista e de sua amada são vencidos pelo imenso amor vivido por esses personagens.  O poderoso mafioso, Paco Guevara, defensor da frase tão repetida em seus colóquios: “Vingança é um prato que se come frio!” aprende, enfim, a intensidade da veracidade contida nesta frase, através do seu fidelíssimo “laranja” Pablo Gutiérrez: VINGANÇA É UM PRATO QUE SE COME FRIO! A capa do livro também é de autoria de Esther Rogessi e a revisão da impecável Betty Silberstein. Para completar o sucesso deste começo de ano, Esther Rogessi ainda foi outorgada pela editora Mágicos de Oz, na cidade do Rio de Janeiro, com o “Prêmio Melhores Poetas 2014”, evento realizado aos 8 de Fevereiro do corrente ano, no hall de eventos do Hotel Golden Tulip Regente, na Av. Atlântica, em Copacabana (RJ).  Vamos aguardar as próximas novidades!

Nas fotos, a Escritora e Artista Plástica Esther Rogessi, em diversos flagrantes em Ouro Preto (MG), durante o final de semana cultural em que ela recebeu o “Prêmio Literarte de Cultura 2014”.

Acompanhe a escritora por: Blog: http://estherrogessi.blogspot.com.br Site: http://www.Esther.recantodasletras.com.br E-mail: rogessibispa@hotmail.com

ABRASCI homenageia Roberto Ferrari na Câmara dos Vereadores de SP Por Juliana Oliveira

Andrews Ulisses colhe importantes frutos em sua carreira

Por Mayra Soares

Foto: Divulgação

A

ABRASCI - Academia Brasileira de Ciências, Artes, História e Literatura, na pessoa do Prof. Michel Chelala e em parceria com o Vereador Coronel Telhada, realizaram na Câmara Municipal de São Paulo a solenidade para homenagear os 120 anos do nascimento do escultor Victor Brecheret e os 60 anos da construção da escultura “Monumento às Bandeiras” - a obra representa os bandeirantes, expondo suas diversas etnias e o esforço para desbravar o país. Foram premiados diversas personalidades e diversos artistas, das mais variadas áreas. Também foram homenageados: poetas, cantores, artistas plásticos, jornalistas, estilistas, fotógrafos, etc. Dentre eles, destacou-se o Poeta e Escritor Roberto Ferrari, o “Poeta do Amor”, que, ao lado da a filha de Victor Brecheret, Sandra Brecheret Pellegrini, comemorou a honraria. “Vamos manter viva a memória artística da nossa cidade para as futuras gerações. O patrimonial imaterial (cultural) é tão importante quanto o material; conservando-o, resgatamos o nosso passado.” Citou o Prof. Chelala. Acompanhe o poeta do amor em: www.poetadoamor.com.br e Twitter: @robertoferrar19 Twitter: @robertoferrar19 Google Plus: Roberto Ferrari Orkut: Roberto Ferrari Facebook: Roberto Ferrari e Roberto Ferrari II Grupo You and I: https://www.facebook.com/groups/vidamaravilhosa/

Foto: Divulgação

A

ndrews Ulisses nasceu em 1995. Atualmente, reside na cidade de Votorantim, São Paulo. Aos dez anos começou a criar histórias em quadrinhos e, aos dezesseis, decidiu ser escritor. Estudante de Engenharia de Computação, cinéfilo e gamer, aprecia viajar para conhecer novas culturas e costumes. Seu primeiro livro solo, na categoria Infantojuvenil ,“A Ilha de Kansnubra e o Portal Perdido”, é um sucesso. Com temática fantástica, contendo magos, bruxas, dragões e outros seres imaginários, foi editado pela Novo Século/Novos Talentos. Devido a isso, teve sua participação em importantes eventos literários, tais como: Feira de Frankfurt 2013, Projeto Cultural Europa - Literarte/Abrasa e Projeto Intercâmbio Cultural Brasil-Argentina, na cidade de Rosário, pela Literarte. Além disso, participa dos dois Catálogos Artísticos da Literarte, mostrando seu trabalho ao mundo, e da Enciclopédia de Artistas Contemporâneos Lusófonos, edição de Luxo - Limitada, que reunirá grandes nomes da Literatura e das Artes em comemoração aos oito séculos da língua Portuguesa. Atualmente, prepara-se para ingressar como membro no Núcleo Acadêmico de Letras e Artes de Lisboa e para lançar sua obra no Salão Internacional do Livro e da Imprensa de Genebra/Suíça 2014, pelo stand da Varal do Brasil, uma das maiores vitrines literárias para brasileiros na Europa. O autor já é detentor de importantes prêmios em reconhecimento a sua obra. São eles: Prêmio Diamonds of Arts and Education (Viena/Áustria), Prêmio Intercultural Latino-Americano de Cultura (Rosário/Argentina) e Prêmio Literário e Artístico – Categoria Revelação – Literarte (Ouro Preto – MG). No próximo mês, foi convidado para ser homenageado com o “Troféu Excelência Cultural ABD”, pelos 70 anos da entidade aos merecedores da Cultura. Acompanhe a carreira de Andrews Ulisses em: E-mail: plintex2@hotmail.com Site: www.ailhadekansnubra.com.br Fan page: www.facebook.com/AIlhaDeKansnubra

www.redesemfronteiras.com.br | contato@redesemfronteiras.com.br


18

A carreira de sucesso de José Donizetti Nicolini Gonçales Por Fábio Valverde Portugal Foto: Divulgação

O

Poeta e Escritor paulista José Donizetti Nicolini Gonçales vem construindo uma carreira sólida, com grandes frutos. Talvez por conta de suas mais significativas obras: “Pensando em Você!”; “Para Você!”; “Com Você”!; “Eu e Você!”; “Cavaleiro dos Sonhos”; “Coração em Chamas”; “Imagens Que Falam Mais Que Mil Palavras”; “Coletânea de Poemas – Um Tributo ao Amor”; “Guigui Sua História e Conta Contos”; “Uma Vida de Midas”. Todas publicadas e impressas pelo Clube de Autores (Edição do Próprio Autor). José Donizetti nasceu em São Manuel (SP), em 04.05.1962. É residente, desde 1969, em Osasco (SP). Servidor Público do Município de Osasco. Começou a escrever desde os 14 anos, mas de forma dirigida para publicação de livros, apenas há alguns anos (2007). Com 14 anos, descobriu que tinha facilidade em expressar seus sentimentos e pensamentos através da escrita. Em busca de uma forma de redação, foi com poemas e poesias que melhor se adaptou. Ao todo, tem 10 livros publicados e participou de diversas antologias poéticas nacionais e internacionais. É associado Literarte, Membro das Academias de Letras e Artes de Goiás, de Vitória (ES), Fortaleza (CE), ARTPOP e Buziana (RJ). Ainda da União dos Escritores e Poetas de Barueri - “Operários das Letras” e do Maepo - “Movimentos de Artistas e Poetas de Osasco”, em São Paulo. José Donizetti é possuidor de inúmeros Prêmios, tais como:“Prêmio Luso-Brasileiro de Poesias” 2013 – Ed. Mágico de Oz (RJ); “Prêmio Literarte de Cultura 2013 – Foz de Iguaçu” (PR); “Destaques do Ano” - Troféu Carlos Drummond de Andrade 2013; “Prêmio Destaque Poético” 2013 da ALAF (CE); “Prêmio Troféu Destaque Artístico Cultural da Sociedade Européia de Belas Artes 2013”, em Viena – Áustria; “Prêmio Intercultural Latino-Americano de Cultura” 2013, na Cidade de Rosário, Argentina; “Prêmio Troféu Garoa de Ouro” 2013 – São Paulo (SP); “Prêmio Troféu Cultural Literarte” 2014 – Ouro Preto (MG); “Prêmio Luso-Brasileiro de Poesias” 2014 – Ed. Mágico de Oz (RJ) e muitos outros. Acompanhe o autor em: www.doniotimismo.com.br www.clubedeautores.com.br | doni_elo@yahoo.com.br

José Donizetti recebe das mãos de Eustáquio Félix, o “Troféu Carlos Drummond de Andrade 2013” em Ibatira (MG).

José Donizetti recebe a medalha alusiva aos 120 anos do Escultor Victor Brecheret, outorgada pela ABRASCI (SP).

Tomando posse no Núcleo Acadêmico de Buenos Aires.

O escritor recebe o “Troféu Garoa de Ouro” e título de Comendador, em São Paulo.

Tomando posse na Academia de Goiás Velhos – ALG.

Zezé Barcelos recebe carinho e reconhecimento de alunos Por Dyandreia Portugal em diversas escolas por onde leva a sua literatura

Z

ezé Barcelos tem tido grande reconhecimento do público infantil e do meio cultural. O livro infantil “Maravilhosas férias na fazenda” (Ilustrações de Wanderley Mayhé, Ed. Litteris), foi premiado pela Literarte, na cidade de Ouro Preto, em janeiro, na Categoria Melhores Livros Infantis. Além disso, foi citado em matéria publicada na revista “Ciência Hoje para Crianças”. Trata-se de uma divertida história, onde uma professora de interior vai lecionar em uma escola de uma cidade grande. Percebendo o desejo dos alunos em conhecer o campo, sugere uma vista dos alunos ao seu local de origem. Lá, os alunos conhecem vários animais, colhem ovos na granja, tiram leite da vaca, pegam frutas no pomar e descobrem como as plantas são cultivadas, além de tomar banho de rio e correrem para lá e para cá. É, sem dúvida, uma leitura com gostinho de férias. Além deste livro, suas outras obras “Aventuras da Gatinha Mimi”, “O Milagre do Anjo Azul” e “O Menino Maltrapilho e seu Cãozinho de Luxo” fazem grande sucesso por todas as feiras literárias, shoppings e escolas em que a autora visita para fazer contação de estória, como por exemplo, no Colégio Pintando o Mundo e Creche Castelinho (nas fotos). Inclusive, o livro “O Menino Maltrapilho e seu Cãozinho de

C

Foto: André Barcelos

A escritora Zezé Barcelos em visita as escolas para contação de estória.

Luxo” em breve será transformado em peça teatral infantil. Zezé Barcelos tem a participação em inúmeras antologias, como as últimas lançadas: “Camões e seus Convidados” (lançada em Portugal, além do Brasil), Fazendo Arte em Búzios e VII Arte em Laranjeiras. Para contatos com a autora para adquirir o livro ou marcar visitas para contação de estória: zezebarcelos@terra.com.br e tel.: (21) 996696854

Miriam de Sales VERSEJA, BRASIL

Colunista Convidada desta edição: Miriam de Sales* Foto Divulgação

om – verso com vocês sobre a nossa Seleta tão ansiosamente esperada pelos autores, mas, ao in – verso do que se murmurava, saiu e com uma roupagem linda, além de trazer di – versos poetas brasileiros de melhor qualidade, estilos variados e naturalidades brasileiras, as mais distantes e coloridas. Muitos foram os chamados, mas, poucos os escolhidos, porque queríamos - não o melhor poeta do mundo - mas, aquele cujos versos revelassem um novo poetar e marcassem a nossa Literatura de uma forma tão presente que justificasse o verdadeiro propósito do Projeto: ter livros não comerciais e bancados pela própria editora, feitos para serem distribuídos nas Bibliotecas das cidades dos autores, com uma etiqueta de doação da Pimenta Malagueta, aquela mesma que não arde muito, mas, dá um toque diferente no tempero poético deste nosso país. Cumprimos nosso objetivo! O poeta que quiser pode ir até a Biblioteca escolhida, apresentar-se e fazer um recital para os frequentadores amantes do livro e da leitura. Isso tornará o autor conhecido na sua cidade e o seu trabalho será divulgado de uma forma simpática e acessível a todos, poeta e leitor. Cada participante recebeu um exemplar, para o qual pagou uma quantia simbólica para de forma elegante no mercado editorial brasileiro. cobrir custos de transporte e recebeu o livro, tranquilamente, em sua residência. Se o autor Apreciem na foto que acompanha esta matéria, a capa, numa magnífica desejar ter mais exemplares, basta pedir, que enviaremos a preço de custo. foto da Malú Ferreira, uma das nossas participantes. Como iniciativa particular, esse me parece ser um projeto único no Brasil e pretendemos Contatos: repeti-lo, também, com contos, crônicas e artigos. e-mail: miriamdesales@gmail.com Fiquem de olho nas nossas ‘chamadas’, submetam seus trabalhos e esperem nossa www.editorapimentamalagueta.com.br avaliação; principalmente, os autores que nunca tiveram livros publicados e queiram entrar www.lojavirtualeditorapimenta.com.br

www.redesemfronteiras.com.br | contato@redesemfronteiras.com.br

*Miriam de Sales é Escritora desde 2008. Tem 4 livros impressos publicados e esgotados, 7 livros digitais publicados e esgotado e, organizou 3 seletas. E preside a Pimenta Malagueta Editora. Sucesso de vendas em Salvador. Faz palestras Brasil a fora, divulgando o trabalho editorial. Membro de quatro academias de letras.


19

Em Brasília, escritoras fazem sucesso no XI Encontro Internacional de Escritoras

Por Dyandreia Portugal

O

A escritora Rose Rocha e escritor Prof. Dr. João Ferreira, português, expert em Literatura Luso-brasileira, aposentado da UnB no XI EIDE.

A escritora Irma Galhardo que veio do Tocantins especialmente para o XI EIDE.

Fotos: Divulgação

Sem Fronteiras esteve presente em Brasília no “XI Encontro Internacional de Escritoras”, levado pelas parceiras da publicação, Basilina Pereira, Dinorá Cançado e Rose Rocha, que distribuíram vários exemplares na ocasião. As três participaram ativamente de todas as atividades, lançaram seus livros e fizeram importantes intercâmbios. O “XI Encontro Internacional de Escritoras” realizou-se de 13 a 17 de março, no Nobile Lakeside Convention & Resort, com abertura solene no Museu Nacional, do Conjunto da República, Espla­nada dos Ministérios e homena­geou Cecília Meireles, celebrando os 50 anos de sua morte. O “XI EIDE”, que foi promovido pela ALMUB – Academia de Letras e Música do Brasil, aconteceu pela primeira vez em um país de língua portuguesa e reuniu na Capital Federal escritoras, jornalistas e formadores de opinião de vários países, colocando em evidência o espírito criativo das mulheres e a sua capacidade de produção literária, fortalecendo os laços entre o Brasil e outros países. Dia 13 foi a abertura do Encontro, com show poético de Elisa Lucinda. Dia 14, Dinorá Cançado  ministrou a palestra interativa “45 projetos brasilienses participantes do Fórum Brasília, Capital das Leituras” e, logo após, fez o lançamento do livro "Paçoca de Avô" em Braile, com muito sucesso. Nos demais dias, foi a vez das escritoras Basilina Pereira e Rose Rocha lançarem seus livros. Rose Rocha, que relançou a obra Corredor de Cetim, participou da equipe organizadora do evento, contribuindo significativamente para o seu sucesso. Basilina atuou no Quadro “Narrativas e Declamação de Poemas” e também expôs os  livros: "À Sombra das Palavras", "Tempo Contrário e Janelas" (poesias) e relançando a obra  "Sonhos Antigos" (romance). Quem também esteve presente se aperfeiçoando e apresentando suas obras foi Irma Galhardo, escritora, contadora de histórias, cordelista e parceira do “Sem Fronteiras” no Tocantins e a escritora Margarida Drumond de Assis que, inclusive, fez uma palestra sobre Clarice Lispector, recital e lançou suas obras. O “Sem Fronteiras” agradece o apoio à distribuição de seus exemplares e parabeniza às escritoras pelo desempenho e sucesso de suas participações!

A escritora Dinorá Cançado com a escritora Gracy Simas e o escritor uruguaio Raul Larrosa.

As escritoras Rose Rocha e Dinorá Cançado parabenizam a escritora Angélica Rodrigues dos Santos (ao centro), psicóloga de Brasília, que proferiu palestra fenomenal sobre a relação da mulher com o dinheiro.

A escritora Basilina Pereira marca sua passagem pelo evento.

A escritora Basilina Pereira autografa seus livros no evento.

A escritora Margarida Drumond de Assis apresenta durante todo o XI EIDE suas obras lançadas.

Os exemplares do “Sem Fronteiras” foram expostos e distribuídos gratuitamente durante todo o evento aos participantes.

A “Caravana de Lendas do Tocantins” dará a largada! Por Dyandreia Portugal Fotos: Divulgação

O

Projeto “CARAVANA DE LENDAS DO TOCANTINS”, contemplado pelo edital Amazônia Cultural do MinC, prevê circulação da autora Irma Galhardo e suas obras por trinta cidades do Tocantins, levando contações de história, livros, plantio de árvores, interação público/escritora, oficinas de cordel e acesso cultural aos jovens estudantes das escolas públicas, nas cidades de: Tocantínia, Rio Sono, Monte do Carmo, Ipueiras, Mateiros, Barrolândia, Aparecida do Rio Negro, Silvanópolis, Novo Acordo, Monte Santo, Dois Irmãos, Pugmil, Rio dos Bois, Nova Rosalândia, Lajeado, Miranorte, Porto Nacional, Miracema, Brejinho de Nazaré, Pequizeiro, Chapada da Areia, Colinas, Ponte Alta do Tocantins, Santa Tereza do Tocantins, Divinópolis, Paraíso, Santa Rosa, Oliveira de Fátima, Pedro Afonso e Abreulândia. Ao final do projeto, será realizado um Festival de “Causos” na cidade de Lajeado, com presença de artistas locais, contadores destaques do circuito e convidados. A programação do festival prevê concursos, premiações, shows, oficinas e gincana, envolvendo a comunidade escolar local e o público em geral, possibilitando encontro artístico, troca de conhecimentos, circulação e acesso cultural, caracterizando também o intercâmbio cultural. Está previsto, ainda, a publicação dos cordéis confeccionados nas oficinas de cada cidade. A publicação - que será composta pelos 30 cordéis, trabalhados com os alunos e sobre a cultura de cada uma das 30 cidades-sede do projeto - será lançada no Salão Internacional do Livro de Gotemburgo, na Suécia, no mês de setembro, dando visibilidade internacional para a cultura das já referidas cidades e, consequentemente, ao Tocantins. O Tocantins sempre importou livros de lendas e há 25 anos que as crianças tocantinenses estudam folclore de outros estados no mês de agosto, quando sabemos que há lendas belíssimas aqui. A coleção “Lendas do Tocantins”, pioneira em registrar o folclore tocantinense em formato de Literatura Infantil e com qualidade comprovada em prêmio, vem preencher essa lacuna e possibilitar aos pequenos tocantinenses o acesso ao registro de sua própria cultura. O projeto prevê circulação por mais de 20% das cidades tocantinenses e em escolas públicas, atingindo também filhos de

ribeirinhos, de pescadores artesanais ou de agricultores tradicionais. Essas crianças se identificarão com livros registrando suas próprias lendas, o que resultará não apenas no fortalecimento cultural, como também na elevação da autoestima e transformações de pertencimento. Irma Galhardo é escritora, contadora de histórias e cordelista. Já foi advogada e professora, mas preferiu abraçar a Literatura e sair semeando poesias por onde passa. Tem cinco livros publicados, alguns prêmios literários e lançamentos internacionais, como, por exemplo, no Salão do Livro e Imprensa de Genebra, na Suíça. Irma fez parceria com o “Jornal Sem Fronteiras” e nas próximas edições abriremos um espaço fixo para ela divulgar as visitas e as notícias culturais pelas cidades por onde ela passar, durante todo o projeto. Além disso, Irma levará exemplares de nossa publicação para serem distribuídos a todos os participantes. Será uma parceria nota 10 e quem vai lucrar é a cultura. Boa Sorte, Irma!!

www.redesemfronteiras.com.br | contato@redesemfronteiras.com.br


20

www.redesemfronteiras.com.br | contato@redesemfronteiras.com.br

Jornal Sem Fronteiras - Caderno Especial "Literatura" - Edição Abril e Maio/14  

Jornal Sem Fronteiras - Abril e Maio/14 - Caderno Especial "Literatura". Jornal Sem Fronteiras, da Jornalista Dyandreia Portugal, Edição Abr...