Issuu on Google+

1

FAMÍLIA: DECIDINDO MEU MAIOR COM PATRIMÔNIO! INTELIGÊNCIA SEU FUTURO

1


DECIDINDO COM INTELIGÊNCIA SEU FUTURO

2


Namoro: Decidindo Com Inteligência Seu Futuro

JOSUÉ GONÇALVES


Editora Coordenação Editorial Capa Editoração Revisão Preparação Impressão e Acabamento

Mensagem Para Todos Rousemary Maia Yourdesign Joubert Raphaelian João A. de Souza Filho Douglas Maia Imprensa da Fé

Editora Mensagem Para Todos Caixa Postal 91- CEP 12.914-970 Bragança Paulista - SP Fone/Fax: (11) 4035-7575 www.familiaegraca.com.br familiaj@uol.com.br Proibida a reprodução total ou parcial por qualquer meio sem a autorização por escrito do autor.

Josué Gonçalves (2010) Família meu maior patrimônio 8 Auto Ajuda / Aconselhamento Cristão Editora Mensagem Para Todos, 2010


À minha filha Letícia, uma das jóias que Deus me deu como presente eterno”


“Se não sabes o que fazer, tente analisar primeiro os erros e acertos daqueles que o fizeram” Joubert Raphaelian


ÍNDICE

PREFÁCIO

11

1- UMA HISTÓRIA DE AMOR

15

2- CRITÉRIOS PARA UMA BOA ESCOLHA

25

3- 22 PERGUNTAS QUE PRECISAM SER RESPONDIDAS

49


“A melhor alternativa é a fé na decisão” Joubert Raphaelian


O AUTOR

Josué Gonçalves é pastor, terapeuta famili– ar e conferencista internacional. Exerce um ministério específico com famílias desde 1990 tendo ministrado em todo o Brasil, EUA, Canadá, Europa, Japão e outros países.


12

FAMÍLIA: MEU MAIOR PATRIMÔNIO!


PREFÁCIO

NAMORO: DECIDINDO COM INTE– LIGÊNCIA SEU FUTURO Você tem em mãos mais um livro da série Família, Meu Maior Patrimônio que a Editora Mensagem Para Todos vem publicando. Nesta série apresentamos algumas reflexões e princípios bíblicos extraídos da vida de Rebeca, a moça escolhida por Deus para ser a esposa de Isaque. Decidindo com Inteligência Seu Futuro é o título do livro que expressa o desafio que você tem em mãos para ler. A história de Rebeca é uma história de amor. Depois de abordar este tema no primeiro capítulo, trataremos dos critérios para uma boa escolha de seu cônjuge, ou companheiro (a). Na última parte trato das situações DECIDINDO COM INTELIGÊNCIA SEU FUTURO

13


comuns vividas pelos jovens hoje e as perguntas mais frequentes que eles nos fazem. Portanto, boa leitura!


Participe da campanha: “FAMÍLIA: MEU MAIOR PATRIMÔNIO!” Se você desejar adquirir os outros volumes dos livros da campanha, o adesivo e a camiseta faça o seu pedido: www.familiaegraca.com.br ou pelo tel. (11) 4035-7575. Pr. Josué Gonçalves Outono/2010


“O verdadeiro amor é quando declaramos que amamos mais do que ontem, porém sabendo que será menos do que amanhã” Joubert Raphaelian

16

FAMÍLIA: MEU MAIOR PATRIMÔNIO!


1- UMA HISTÓRIA DE AMOR

DECIDINDO COM INTELIGÊNCIA SEU FUTURO

17


18

FAMÍLIA: MEU MAIOR PATRIMÔNIO!


1. Uma História de Amor Não basta escolher com o coração, é preciso usar a razão. Se eu fosse escrever um romance escolhe– ria o título: Uma história de amor: A saga amorosa de uma família: Abraão, Isaque e Rebeca. Mas, não se trata de um romance e sim de princípios e verdades que quero extrair da vida e das decisões de Abraão com respeito ao futuro de Isaque, seu filho. As escrituras sagradas, apesar de escritas milênios atrás contêm segredos, diretrizes e rumos que ainda em pleno século XXI são úteis para nortear a vida dos cristãos. E aqui, usaremos dos princípios para orientar os jovens. Abraão, que no hebraico significa “pai duma multidão”, era um patriarca descendente de Sem, e se tornou um dos maiores vultos da Bíblia e um personagem celebrado em todo o Oriente. De Abraão descendem os judeus e os árabes. Os árabes vieram a existir através de Ismael o filho que teve com Agar. Ismael cresceu e viveu no deserto e Deus DECIDINDO COM INTELIGÊNCIA SEU FUTURO

19


lhe deu doze filhos que se tornaram príncipes no Oriente. Isaque, o filho da promessa que Abraão gerou quando tinha 100 anos de idade gerou os judeus. Abraão é o progenitor dos hebreus. Josué relembra ao povo de Israel sua origem quando disse aos judeus que entravam na terra de Canaã: “Antigamente, vossos pais, Tera, pai de Abraão e de Naor, habitaram dalém do Eufrates e serviram a outros deuses”. E falando em nome de Deus lhes disse: “Eu, porém, tomei Abraão, vosso pai, dalém do rio e o fiz percorrer toda a terra de Canaã; também lhe multipliquei a descendência e lhe dei Isaque” (Js 24.2-3). Outros textos bíblicos podem ser consultados (Is 51.2; Mt1.1; 3.9; Gl 3.7-9, etc.). Abraão nasceu em Ur, na Caldéia, e se casou com Sarai, conforme Gênesis 11.27-31. Chamado por Deus, recebeu ordens para sair de sua terra e seguir adiante para uma terra desconhecida (Atos 7.2-4), e na primeira parte de sua jornada, possivelmente pela idade avançada de seu pai fixou residência em Harã (Gn 11.31). Depois da morte de seu pai, saiu 20

FAMÍLIA: MEU MAIOR PATRIMÔNIO!


de Harã acompanhado de Ló, seu sobrinho (Gn 12.4,5; Hb 11.8). Chegando a Canaã edificou um altar em Siquem, onde o Se– nhor lhe apareceu e lhe prometeu que aquela terra seria dos seus descendentes (Gn 12.6,7). Depois de uma longa peregrinação que o levou até o Egito, Sara, sua esposa, faleceu e ele casou-se com Quetura e ela lhe deu mais seis filhos que se tornaram os pais das tribos nômades que habitaram o território ao sul da Palestina (Gn 25.1,2). Faleceu com 175 anos de idade e foi sepultado ao lado de Sara, na cova de Macpela, um pedaço de terra que ele adquiriu em sua peregrinação (Gn 25.7-9). Isaque, que significa riso em hebraico, nasceu quando Abraão tinha 100 anos de idade e Sara 90 anos (Gn 17.17; 21.5) e teria nascido em Berseba (Gn 21.14-31). Deus lhe havia prometido este filho, e ele riu quando Deus lhes anunciou o nascimento de Isaque, por serem já velhos (Gn 17. 17-19). Logo depois quando a mesma promessa foi anunciada a Sara, ela também riu, em sinal de incredulidade (Gn 18.9-15). Quando, porém, deu à luz ao filho, confessou: “Deus me deu DECIDINDO COM INTELIGÊNCIA SEU FUTURO

21


motivo de riso; e todo aquele que ouvir isso vai rir-se juntamente comigo. E acrescentou: Quem teria dito a Abraão que Sara amamentaria um filho? Pois na sua velhice lhe dei um filho” (Gn 21.6-7). Rebeca, a esposa de Isaque tem um nome significativo no hebraico: Corda com laço, isto é, donzela cuja beleza prende os homens, uma das filhas de Betuel que residia em Harã. São estes, basicamente os personagens de nossa história e de cujas vidas extrairemos preciosas lições. Vejamos primeiramente a questão da escolha: 1. Uma escolha pode resultar em bênção ou maldição para o resto da vida. Abraão sabia disso e se preocupou com a escolha que Isaque faria de uma esposa. Naquela época era costume do pai escolher a esposa do filho, e o futuro de Isaque dependia de sua sábia escolha. Abraão era já velho. Tinha cerca de 140 anos de idade (Gn 21.5 e 25.20). Deus o havia abençoado em tudo, tornando-o o um 22

FAMÍLIA: MEU MAIOR PATRIMÔNIO!


dos homens mais ricos de seu tempo, porém seu filho Isaque ainda continuava solteiro, e isto deixava o velho pai preocupado. Abraão chamou seu mordomo mais antigo e em quem confiava plenamente e lhe deu a missão de conseguir uma esposa para Isaque na terra de sua parentela. Eliezer jurou a Abraão que faria tudo conforme foi orientado. Abraão estava demonstrando muita preocupação em relação à pessoa com quem seu filho iria se casar. O critério que ele usou é: Tem que ser gente da minha família. Preocupado de que poderia morrer antes de ver seu filho casado, Abraão orientou a Eliezer: “... não tomarás para meu filho mulher dentre as filhas dos cananeus, no meio dos quais eu habito; mas que irás à minha terra e à minha parentela, e dali tomarás mulher para meu filho Isaque” (Gn 24.3,4). Por que Abraão estava tão preocupado com a escolha da esposa do seu filho? Quais eram os motivos desta sua preocupação? 2. Uma escolha errada pode ter conseDECIDINDO COM INTELIGÊNCIA SEU FUTURO

23


quências imprevisíveis. Isaque nasceu sob promessa divina e havia promessas de Deus que poderiam ficar comprometidas, dependendo da pessoa com quem ele se casasse. É comum acontecer de muitos jovens não levarem à sério as implicações de uma escolha errada, impedindo que as promessas de Deus se cumpram em suas vidas. Por exemplo: Uma escolha errada pode trazer maldição, como aconteceu com Eva no Jardim do Éden (Gn 3). Uma escolha errada pode pôr fim ao ministério, como no caso de Sansão e de Judas. Os prejuízos podem ser irreparáveis, como no caso do filho que saiu de casa precipitadamente gastando toda a sua herança (O Filho Pródigo, Lucas 15.11-32). Ou ter o mesmo destino de Jonas pondo a perigo as pessoas que estão ao seu redor (Jonas 1). 3. Siga as seguintes orientações quando tiver que tomar uma decisão: • Analise bem a situação. Pergunte a si mesmo: O que eu quero alcançar? O que é 24

FAMÍLIA: MEU MAIOR PATRIMÔNIO!


importante preservar? Que problemas devo evitar? Pese os prós e os contras. Escreva em colunas paralelas as vantagens e desvantagens de cada alternativa, levando em conta o peso de cada fato. • Se o problema a ser resolvido exigir mais tempo adie a decisão. Durma sobre o assunto até que a idéia amadureça. Na dúvida, nunca tome uma decisão. Às vezes, a decisão é correta, mas o momento é errado. • Na medida do possível tome uma decisão de cada vez. Se começar pelas decisões mais importantes e difíceis as demais se tornarão fáceis. • Discuta o assunto com alguém de confiança. Em geral duas pessoas pensam melhor do que uma. • Ore a Deus pedindo sabedoria. • Admita mudar suas decisões, desde que seja possível e necessário. • Leve em conta certas decisões básicas. Saiba que você é responsável por outras pessoas que serão afetadas por sua decisão. Não escolha com base apenas no prazer.

DECIDINDO COM INTELIGÊNCIA SEU FUTURO

25


Alguns homens que acertaram em suas decisões: José. Vendido por seus irmãos e levado como escravo para o Egito, José foi assediado sexualmente pela esposa do comandante Potifar. Agarrado à força por ela, fugiu e, consequentemente foi parar numa masmorra. Ele tomou a decisão de não pecar contra Deus para não comprometer os sonhos que Deus lhe dera no passado (Gn 39.11-20). Moisés. Aos quarenta anos de idade Moisés teve que decidir se ficaria ao lado dos egípcios e agradaria sua mãe egípcia, ou defenderia seus irmãos de sangue que estavam sendo escravizados por Faraó, e ele escolheu “ser maltratado junto com o povo de Deus a usufruir prazeres transitórios do pecado” (Hb 11. 25). Daniel. Daniel era ainda muito jovem quando foi levado cativo para a Babilônia. Escolhido para servir no palácio – enquanto outros cativos serviriam de escravos no campo e nas casas dos oficiais do rei – Daniel decidiu não se contaminar com os manjares da realeza (Dn 1.8). 26

FAMÍLIA: MEU MAIOR PATRIMÔNIO!


27

FAMÍLIA: DECIDINDO MEU MAIOR COM PATRIMÔNIO! INTELIGÊNCIA SEU FUTURO

27


DECIDINDO COM INTELIGÊNCIA SEU FUTURO

28


Família meu mair patrimônio 8 - Namoro, decidido com inteligência seu futuro