Issuu on Google+

Neno Vianna / PMOP

Ano VIII • Número 433 • 19 a 25 de juLHO de 2012 • Distribuição gratuita

Miguel Burnier, distrito de Ouro Preto MG

Duelo pela prefeitura pode custar até R$ 15,5 milhões O maior gasto é do prefeito de Mariana que estima gastar até R$ 8 milhões na reeleição. Em Ouro Preto, Gleiser Boroni é o mais “rico” dos cinco candidatos. PÁGINA 5 CARLOS ALBERTO / IMPRENSA MG

População é “excluída” do Dia de Minas Cerimonial do governo restringe a entrada na praça Minas Gerais PÁGINAS 2 E 4 Divulgação UFOP

FESTIVAL SE DESPEDE...

Com shows de Jorge Aragão e Leoni, a população se despede de mais uma edição do Festival de Inverno de Ouro Preto e Mariana. No último fim de semana de atrações, acontece ainda a apresentação do Grupo Galpão, que traz “Romeu e Julieta” para o público das duas cidades. Confira! PÁGINAS 6 E 7

Preso trio suspeito de roubar joalheria PÁGINA 5


OPINIÃO

PÁGINA 2 • A SEMANA

19 A 25 de JULHO de 2012

Em destaque

Editorial FESTANÇA PARA POUCOS 16 de julho. Mariana 316 anos. Dia de Minas. A festa que deveria ser para a população acabou se transformando em um evento para poucos, mais necessariamente para a elite. Para começar, podemos citar os shows que foram oferecidos para festejar o aniversário da cidade. Embora bandas populares, como Bonde do Forró, Tuca Fernandes e Sambô, tenham sido chamadas para a comemoração, a atração mesmo foi o show internacional Information Society, que custou nada menos que R$ 288 mil aos cofres públicos. E, pra piorar, a organização do evento ofereceu um camarote para alguns convidados. A pergunta que não quer calar: por que o camarote em uma festa para a população? Esse foi um espetáculo muito caro e nada popular. E por falar em agradar à população, esta mais uma vez ficou fora de um evento em que deveria ser a estrela principal: o Dia de Minas. Talvez por receio de acontecerem as prometidas manifestações de protesto contra o governo mineiro, que restringiu o acesso da comunidade à festa. Aqueles que saíram de suas casas para prestigiar o evento tiveram que se contentar com o mínimo espaço, em um “cercadinho”, correndo o risco de serem penalizados pelos inúmeros seguranças e policiais que trabalharam no evento. É, Mariana... Em seus 316 anos, muita coisa mudou... Seus filhos legítimos vão sendo deixados de lado enquanto forasteiros e “estrangeiros” fazem o que querem de ti.

Twittess @walterrodrigues (Walter Rodrigues) EXTRA! EXTRA! Celso Cota sofre uma TERCEIRA impugnação. Dessa vez foi o candidato do DEM, Dr. Rodrigo Miranda. Detalhes mais tarde no blog... @roberto_rodrig (Roberto Rodrigues) Fiquei sabendo agora pelo cerimonial do Palácio que o Prof. Anastasia irá me agraciar com uma medalha na segunda feira!! @DrRodrigo14 (Rodrigo Almeida) Vereador Bambu se esquece de declarar bens à Justiça Eleitoral. @Rodriguspaiva (Rodrigo Paiva) Bens declarados à justiça eleitoral, por Bambu, do PDT, em 2012. Bambu teve o prejuízo de R$ 424.680,54 nos quatro anos. @BrunoMol_ (Bruno Mól) “O falar é de prata e o ouvir é de ouro” As frases acima são reproduzidas na íntegra. O jornal A Semana não se responsabiliza pelo conteúdo das mesmas, assim como possíveis desvios relacionados ao uso da norma culta da Língua Portuguesa.

Expediente JORNAL A SEMANA LTDA CNPJ: 06.22.538/0001-02

Studio Élcio Rocha (31) 3557-1995

24 de março de 2004 Fundação

REDAÇÃO Endereço: Rua Jatobá, 137ª, Bairro Rosário. Mariana-MG Telefone: (31) 3557-3455

Walmir de A. costa Diretor-Presidente DOUGLAS COUTO Jornalista

E-mail:

redacao.asemana@yahoo.com.br

WHINTER GONÇALVES Diagramação

COMERCIAL E-mail: asemana.jornal.comer-

Colaboração: Érica Aniceto Flávio Almeida Reginaldo Vilela

CIRCULAÇÃO Mariana | Ouro Preto | Itabirito

cial@gmail.com

IMPRESSÃO Sempre Editora Ltda.

Os artigos, cartas, e-mails enviados e assinados são de inteira responsabilidade de seus autores. O conteúdo não expressa, necessariamente, a opinião do jornal A Semana.

MARIANENSES BANIDOS DE FESTA CÍVICA LAURO SOARES A urna eletrônica tem três teclaDe um lado, o palanque com as autoridades e agraciados com a Medalha do Estado de Minas Gerais. De outro, a guarda de honra do governador e meia dúzia de gatos pingados autorizados a assistir à solenidade oficial do Dia de Minas, neste feriado de 16 de julho, em Mariana. Foi assim que os marianenses (não) comemoraram os 316 anos de fundação do Estado e da primeira cidade e primeira capital de Minas. Por imposição do cerimonial do governo estadual, acatada sem reação pelo município, os três acessos à Praça Minas Gerais foram fechados, sendo permitida somente a passagem de quem estava creden-

ciado. Até mesmo moradores de ruas próximas foram impedidos de transitar no local. E não se sabe qual critério usado para escolher os poucos privilegiados de figurarem como público expectador do evento. E pior: nenhum comunicado foi emitido avisando que a solenidade seria restrita. Obviamente, a medida deixou indignadas e constrangidas dezenas de pessoas que pretendiam ver o evento, barradas ainda na Praça Gomes Freire. O fato repercutiu também no Facebook e Twitter. Fica evidente que a “barracão” (ou aberração) foi para evitar a presença de manifestantes, que sempre têm um motivo para protestar ruidosamente contra o governo, como o ocorrido no ano passa-

Entre aspas “Se era uma festa fechada, que a fizessem no centro de convenções. Se a festa é na praça, entende-se que é para o povo”. Beth Cota é professora. Sobre o fechamento da Praça Minas Gerais no Dia de Minas

do. Mas não se viu nenhum grupo organizado preparado para esse fim nas imediações. Assim, numa tarde morna e nublada, transcorreu a também morna celebração do Dia de Minas, que acontece desde 1979, mas, desta vez, sem contar com a presença de figuras de destaque do cenário nacional, ao contrário de anos anteriores. Após a entrega da medalha comemorativa a 50 agraciados, o prefeito de Mariana, Roberto Rodrigues, o ministro do Tribunal Superior do Trabalho, Carlos Alberto Reis de Paula (orador oficial) e o governador Antonio Anastasia discursaram, destacando aspectos e personagens históricos e culturais de Minas, evitando os temas políticos, provavelmente

para não esbarrarem nas restrições da lei eleitoral. A ocasião serviu, ainda, para que o presidente da Câmara de Mariana, Geraldo Sales de Souza “Bambu”, e o arcebispo dom Geraldo Lyrio Rocha entregassem ao governador mineiro uma imagem de Nossa Senhora do Carmo, padroeira da cidade. E os desfiles da Guarda de Honra, da Guarda Municipal, e Fanfarra da Escola Sinhô Machado encerraram a cerimônia, no vazio cenário da Praça Minas Gerais. Lauro Soares é jornalista e cidadão marianense.


POLÍTICA

19 A 25 de JULHO de 2012

PÁGINA 3 • A SEMANA

Prefeito prevê gastar até R$8 milhões na reeleição

Os gastos de Roberto Rodrigues na campanha podem chegar a R$ 89 mil por dia A julgar pelas previsões de gastos declaradas a Justiça Eleitoral, o prefeito de Mariana, Roberto Rodrigues (PTB) terá a campanha mais cara da região. A coligação Juntos por Mariana, formada pelo PTB, PDT, PT, PCdoB, PTN e PLL, pretende gastar até R$ 8 milhões para tentar reeleger o atual prefeito. O montante equivale a R$ 89 mil por dia, em três meses de campanha. Esse volume de dinheiro é três vezes mais que a previsão da chapa encabeçada pelo ex-prefeito Celso Cota (PSDB), que conta com 15 partidos na coligação e espera gastar R$ 2,8 milhões. Roberto é também o candidato com maior patrimônio - R$ 18,4 milhões. Ele inclui recursos financeiros aplicados, apartamentos em Angra dos Reis, Búzios e Ipanema, no estado do Rio de Janeiro, e auto-

móveis. Celso declarou ter bens no total de R$ 2,9 milhões. O patrimônio do tucano inclui aplicações financeiras e imóveis, entre eles um apartamento em Belo Horizonte, terreno no distrito de Monsenhor Horta, e automóveis. A candidata do Partido Verde, Sônia Azzi, declarou à Justiça Eleitoral gasto máximo de campanha de R$ 300 mil e patrimônio de R$ 263 mil. Pelo PMN, Chico da Farmácia prevê gasto de R$ 600 mil e declarou ter R$ 4,9 milhões em bens. Rodrigo Miranda estima gastar R$ 3,5 milhões para tentar se eleger prefeito pelo DEM. Já os partidos menores apresentaram previsões de despesas bem mais modestas que as dos favoritos. O PSTU, que tem como candidato à prefeitura Valério Vieira, e Neuza Zuzu, candidata

do PSOL, não pretendem gastar mais do que R$ 50 mil cada. DESTINAÇÃO. Informações de bastidores dão conta de que os maiores gastos de campanha serão com a produção de programas de rádio e o pagamento de pessoal especializado. Mas, nesta campanha, as despesas destinadas à manutenção da campanha virtual também é apontada como um item dispendioso. A manutenção de sites e blogs vai exigir a contratação de uma mão de obra que não era prevista em eleições anteriores. A remuneração desse tipo de pessoal é considerada cara e poucos profissionais estão disponíveis no mercado. Até o início da campanha eleitoral em rádio e TV, na segunda quinzena de agosto, os candidatos vão investir em atividades de rua.

Gleiser Boroni é o candidato mais rico de Ouro Preto

Divulgação

O ex-vereador Gleiser Boroni (PTC) é o candidato com maior patrimônio declarado à Justiça Eleitoral entre os cinco “prefeituráveis” de Ouro Preto. Ele informou que possui bens avaliados em R$ 11,9 milhões. Parte do valor é encabeçada por três prédios comerciais (hotéis e pousada), avaliados em R$ 8 milhões, além de uma residência avaliada em R$ 1,5 milhão e um terreno em Itabirito de R$ 1 milhão. Gleiser, que foi vereador e

ex-secretário municipal de Cultura e Turismo de Ouro Preto, é empresário do setor hoteleiro e declarou a previsão de gasto de R$ 2 milhões nas eleições. O segundo candidato que encabeça a lista dos mais “abastados” é o médico Dimas Dutra (PR). Ele declarou R$ 1,35 milhão de patrimônio. O seu bem mais valioso é uma casa de R$ 425 mil, em Cachoeira do Campo, parte de um terreno no município de Divinésia, avaliado em R$ 345 mil,

e um terreno na Vila Itacolomy, em Ouro Preto, de R$ 280 mil. O candidato deverá gastar até R$ 1,5 milhão na campanha. Vicente Custódio (PSB) ocupa o terceiro lugar, com um patrimônio avaliado em R$ 964 mil. Desse valor, R$ 500 mil estão concentrados em um imóvel urbano. Ele prevê gastar no máximo R$ 100 mil nas eleições municipais. O ex-prefeito José Leandro (PSDB) declarou à Justiça ter um patrimônio avaliado em R$ 465 mil,

sendo R$ 308 mil em espécie (dinheiro) e um terreno de R$ 104 mil. O candidato tucano pretende gastar R$ 1,5 milhão para tentar retornar à prefeitura. O vereador Julio Pimenta, candidato do PPS a prefeito de Ouro Preto, tem um patrimônio avaliado em R$ 210 mil, referente a parte de imóveis. Ele declarou à Justiça que prevê gastar, no máximo, R$ 1,95 milhão para tentar suceder o atual prefeito Angelo Oswaldo (PMDB).

FONTE: TSE

Prestação de contas começa em agosto Após terem apresentado os gastos previstos para a campanha deste ano, os partidos terão que enviar nos próximos dia 6 de agosto e 6 de setembro os dados parciais de seus gastos. De acordo com a assessoria do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MG), esses dados são apenas para controle público. Alguns partidos, inclusive, deixam de enviá-los, uma vez que não há uma legislação que os obriguem a isso. A prestação de contas mais importante para o tribunal, entretanto, é a que acontece 30 dias após o término do pleito, que é obrigatória e prevista em lei.

Os dados com todos os candidatos a prefeito e vereador estão disponíveis no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e incluem declaração de bens, certidões criminais e previsão de gastos de campanha. Por meio dos dados pessoais dos concorrentes, partidos e o Ministério Público Eleitoral poderão apresentar informações contra o registro dos políticos. Pela lei eleitoral, qualquer cidadão poderá consultar o site do TSE e também apresentar informações à Justiça Eleitoral sobre alguma suposta irregularidade.

Batalha já começou Até cinco de agosto, a Justiça Eleitoral em Minas terá bastante trabalho para julgar os pedidos de impugnação de candidaturas feitos por partidos, coligações e pelo Ministério Público. Em algumas cidades, com histórico de disputas mais acirradas, os adversários já iniciaram a batalha judicial. Em Mariana, foram protocolados três pedidos contra

o candidato e ex-prefeito Celso Cota (PSDB). Nas ações, assinadas pelo MPMG, pela coligação Juntos por Mariana e pelo candidato Rodrigo Miranda (DEM), a alegação é de improbidade administrativa e ausência de declaração de bens no início e término do mandato. A Justiça Eleitoral tem um mês para julgar os pedidos.


POLÍTICA

PÁGINA 4 • A SEMANA

População é “excluída” da cerimônia do Dia de Minas Cerimonial do governo restringe a entrada na praça Minas Gerais No aniversário de 316 anos de Mariana, a festa cívica foi para poucos. A comemoração oficial do Dia de Minas, este ano, foi restrita às autoridades e convidados. Até mesmo moradores do entorno, que tentaram chegar à praça Minas Gerais, acabaram barrados. Na praça esvaziada e cercada pelos policiais da Guarda de Honra, o governador Antônio Anastasia (PSDB) presidiu a cerimônia, em que 50 personalidades e instituições foram agraciadas com a comenda Dia do Estado de Minas Gerais. Em seu discurso, Anastasia defendeu os valores de Minas Gerais, o trabalho e o desenvolvimento, como instrumentos para uma vida melhor. E exaltou o espírito mineiro como solução para grandes impasses que o país precisa enfrentar. Ele ainda lembrou os ideais

mineiros, legado e compromisso de Minas com o Brasil. O orador oficial da cerimônia foi o ministro do Tribunal Superior do Trabalho (TST), Carlos Alberto Reis de Paula. Também participaram da solenidade o vice-governador Alberto Pinto Coelho, o presidente do Tribunal de Justiça de Minas Gerais, desembargador Joaquim Herculano Rodrigues, além de secretários de Estado. O prefeito de Mariana, Roberto Rodrigues, candidato do PTB à reeleição, também participou da cerimônia e discursou. Apesar de ele ter anunciado nas redes sociais que seria agraciado com a medalha pelo governador, a homenagem não ocorreu. Ao final da cerimônia, o arcebispo de Mariana, dom Geraldo Lyrio Rocha, presenteou o governador com uma imagem da Senhora do Carmo, padroeira da cidade.

Fiéis celebram a padroeira

Divulgação CMM

Dom Geraldo celebra a missa em honra a Nossa Senhora do Carmo

Uma missa em honra a Senhora do Carmo, padroeira de Mariana, marcou o início das comemorações do Dia de Minas. O arcebispo dom Geraldo Lyrio Rocha presidiu a

celebração. Em seguida, aconteceu a sineirata, quando os sinos das igrejas badalaram por dez minutos. As solenidades integraram os festejos dos 316 anos de Mariana.

Carlos Alberto / Imprensa MG

Governador desfila no tapete vermelho em meio à praça esvaziada

Mariana volta a ser capital A Constituição Mineira determina que o 16 de julho é o Dia de Minas, quando a capital é simbolicamente transferida para Mariana. A semana em que recai o dia 16 de julho fica denominada Semana de Minas, com celebração cívica em todo o Estado. Em 16 de julho de 1977, durante sessão solene comemorativa do 281º aniversário de Mariana, o professor Roque José Camêllo propôs a instituição, como data cívica estadual, do Dia do Estado de Minas Gerais. O projeto recebeu o apoio de acadêmicos, autoridades municipais

e da comunidade marianense. No mesmo dia, em 1979, no 283º aniversário da cidade, foi pedido apoio ao governador Francelino Pereira para o projeto que declarava o 16 de Julho como o Dia do Estado de Minas Gerais. A Lei Estadual instituiu a data comemorativa. Em 1980, o prefeito Jadir Macedo sancionou a Lei Municipal 561, instituindo a Medalha do Dia do Estado de Minas Gerais. A Constituição do Estado, promulgada em 1989, instituiu a data como Dia de Minas, bem como o 8 de dezembro como Dia dos Gerais.

19 A 25 de JULHO de 2012

Pense Direito Defesa X Cumplicidade “Serei eu o juiz do meu cliente?”, pergunta Márcio Thomaz Bastos no título do artigo publicado na Folha. O cliente em questão é, segundo o doutor, “Carlos Augusto Ramos, chamado Cachoeira”, que contratou em março os serviços do ex-ministro da Justiça capaz de enxergar inocentes até em serial killers americanos. “Não o conhecia, embora tivesse ouvido falar dele”, informa no quinto parágrafo. Ouvira o suficiente para cobrar R$15 milhões pela missão de garantir que envelheça em liberdade. Depois de consumir dezenas de linhas na descrição do calvário imposto a um cidadão sem culpas por policiais perversos, promotores desalmados e juízes sem coração, o doutor, enfim, se anima a responder à pergunta do título. “Por princípio, creio que não. Sou advogado constituído num processo criminal. Como tantos, procuro defender com lealdade e vigor quem confiou a mim tal responsabilidade”. Conversa fiada, demonstrou o grande Heráclito Fontoura Sobral Pinto, num trecho de numa carta escrita em outubro de 1944: “O primeiro e mais fundamental dever do advogado é ser o juiz inicial da causa que lhe levam para patrocinar. Incumbe-lhe, antes de tudo, examinar minuciosamente a hipótese para ver se ela é realmente defensável em face dos preceitos da justiça. Só depois de que eu me convenço de que a justiça está com a parte que me procura é que me ponho à sua disposição”. Quem colocou o gabinete de ministro da Justiça a serviço da quadrilha do mensalão não pode disfarçar-se de guardião do Estado de Direito. Quem procura enterrar em cova rasa as provas contra Cachoeira, colhidas pela Polícia Federal que chefiou, está convidado a dispensar-se de declarações de amor à democracia. Sem imaginar como seria o Brasil da segunda década do século seguinte, Sobral Pinto desmoralizou as falácias desfiadas por Márcio: “A advocacia não se destina à defesa de quaisquer interesses. Não basta a amizade ou honorários de vulto para que um advogado se sinta justificado diante de sua consciência pelo patrocínio de uma causa. O advogado não é, assim, um técnico às ordens desta ou daquela pessoa que se dispõe a comparecer à Justiça. O advogado é, necessariamente, uma consciência escrupulosa ao serviço tão só dos interesses da justiça, incumbindo-lhe, por isto, aconselhar àquelas partes que o procuram a que não discutam aqueles casos nos quais não lhes assiste nenhuma razão”. E o advogado tortura a verdade: “Aconteceu o mais amplo e sistemático vazamento de escutas confidenciais”, fantasia. “A pródiga história brasileira dos abusos de poder jamais conheceu publicidade tão opressiva. Estranhamente, a violação de sigilo não causou indignação. Dia após dia, apareceram diálogos descontextualizados, compondo um quadro que lançou Carlos Augusto na fogueira do ódio generalizado. Trocou-se o valor constitucional da presunção de inocência pela intolerância do apedrejamento moral”. Tradução da discurseira em juridiquês: a culpa é da imprensa, responsável pelo que o articulista define como “publicidade opressiva”. A expressão foi inaugurada na entrevista à Band em que o doutor acusou a imprensa de ter tomado partido no caso do mensalão. O bando liderado por José Dirceu nada fez de errado, explicou o entrevistado. Só será punida se os ministros do STF cederem à “publicidade opressiva” produzida por jornalistas que insistem em ver as coisas como as coisas são. Na carta, o jurista admirável coloca em frangalhos, com quase 70 anos de antecedência, a tese forjada para justificar a parceria entre márcios e cachoeiras: “É indispensável que os clientes procurem o advogado de suas preferências como um homem de bem a quem se vai pedir conselho. Orientada neste sentido, a advocacia é, nos países moralizados, um elemento de ordem e um dos mais eficientes instrumentos de realização do bem comum da sociedade”. Desde 2005, quando o mensalão o induziu a excluir valores éticos dos critérios que determinam a aceitação de uma causa, o espetáculo tristonho se repete: sempre que Márcio Thomaz Bastos triunfa num tribunal, a Justiça é derrotada e a verdade morre outra vez. Gente com culpa no cartório escapa da cadeia, cresce a multidão de brasileiros convencidos de que aqui o crime compensa e ganha consistência a suspeita de que lutar pela aplicação rigorosa da lei é a luta mais vã. Todo acusado, insista-se, tem direito a um advogado de defesa. Mas doutor nenhum tem o direito de mentir para livrar de punições o acusado de crimes que comprovadamente cometeu. O advogado, resumiu Sobral Pinto, é o juiz inicial da causa. Não pode agir como comparsa. Flávio de Almeida Advogado fasg@uaivip.com.br http://flavioals.spaces.live.com/


CIDADES

19 A 25 de JULHO de 2012

PÁGINA 5 • A SEMANA

Bolo com recheio de barata Gerente diz que após incidente foram feitas duas dedetizações no supermercado O que era para ser parte de um farto café da manhã tornou-se motivo de nojo e frustração para uma família em Mariana. Um pedaço de bolo, comprado em uma padaria de um hipermercado, no bairro Jardim dos Inconfidentes, continha nada menos que uma barata no meio da massa. O caso, registrado na quinta-feira, 12, pode ter sido o segundo em menos dois meses. O pedreiro de 43 anos conta que foi à padaria do SJ Supermercados, onde comprou o bolo para o café da manhã. Segundo ele, foi sua filha quem achou uma enorme barata, inteira, “de recheio”. “Achei um absurdo”, reclamou. Após ter se recuperado do susto da surpresa desagradável, o cliente relata ter voltado à padaria do hipermercado para reclamar e pegar o dinheiro pago de volta - R$ 2,30 - mas o gerente ainda sugeriu que ele trocasse o bolo por outro produto. “Sinto-me muito

Reprodução

Caminhão de lixo tomba e fere dois Reprodução

Clientes encontram baratas no sanduíche e bolo do SJ Supermercado lesado. Padarias deveriam ser o lugar mais limpo do mundo”, disse. Após a divulgação do caso nas redes sociais, outras denúncias da padaria do SJ Supermercados vieram à tona. “Fui comprar pão no SJ Supermercado e me deparei com uma baratinha mandando ver no sandwich (sic), até desanimei de comprar pão”, escreveu

Marcos Rodolfo em sua página no Facebook. Neste caso, a direção do supermercado entrou em contato com o cliente informando que estaria averiguando a falha “para encontrar uma boa solução para que o problema não se repita”. “Sentimos muito pelo ocorrido”, diz o texto. OUTRO LADO. Procurado pela reportagem do jornal

A SEMANA, o gerente do SJ Supermercados – das unidades de Mariana, Alexandre Borges, informou que, após a reclamação dos clientes, a padaria passou por duas dedetizações. Com isso, ele assegurou que esse tipo incidente não se repetirá. A Vigilância Sanitária da Prefeitura de Mariana não informou se irá tomar atitude em relação às denúncias.

Duas pessoas ficaram feridas após se envolverem em um acidente na sextafeira, 13, na MG-129, em Mariana. De acordo com a Polícia Rodoviária Estadual, na altura do km 136, o condutor de um caminhão de lixo perdeu o controle da direção. Em seguida, o veículo de carga, que estava vazio, tombou e caiu em cima de um Corsa. Segundo os policiais, os dois motoristas sofreram várias escoriações pelo corpo, mas não correm risco de morte. As vítimas foram socorridas por profissionais do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência

(SAMU) e encaminhadas ao Hospital Monsenhor Horta. Devido ao acidente, a pista sentido Santa Bárbara ficou interditada por três horas. MORTE. Uma pessoa morreu atropelada na Rodovia dos Inconfidentes no fim de semana. O motorista causador do acidente fugiu sem prestar socorro à vítima. O acidente foi em Ouro Preto, na BR 356, altura do km 89, quando dois veículos - um carro e uma moto - causaram o atropelamento de uma pessoa, também não identificada. O TEMPO Online.

Preso trio suspeito de roubar joalheria Após cinco meses de investigações, foram presos três suspeitos de assalto a joalherias na cidade de Ouro Preto e região metropolitana de Belo Horizonte. Eles foram localizados no bairro Serra Verde, aglomerado na região do Venda Nova. Conforme informações dos policiais, as joias levadas pelos criminosos (em ouro e prata) somam quase R$ 1 milhão. As investigações da polícia apontam que os envolvidos são suspeitos de roubo a joalherias em Ouro Preto em 2012. O inquérito foi enviado à Justiça e os indivíduos indiciados por roubo qualificado e formação de quadrilha. Se-

Divulgação PC

Suspeitos foram localizados em Venda Nova gundo a Polícia Civil, três dos envolvidos, todos armados, rendiam funcionários e clientes das joalherias e roubavam uma enorme quantidade de joias, sendo todas de grande

valor comercial. Enquanto agiam, outros dois comparsas monitoravam toda a ação nas proximidades do local. O TEMPO Online.

Órgão Informativo da Prefeitura Municipal de Acaiaca/MG - 19 de julho Jornal A Semana edição 433 - Pag 5 TERMO DE COOPERAÇÃO Nº 148/2012 – TREMG. Termo de cooperação que entre si celebram o TRIBUNAL REGIONAL ELEITORAL DE MINAS EO MUNICÍPIO DE ACAIACA. Objetivando a prestação de serviços e outras atividades inerentes à realização das ELEIÇÕES DE 2012. Extrato do 1º Termo Aditivo de tempo ao contrato nº 044/201. A PREFEITURADE ACAIACA. PAL 043/2011 e Pregão Presencial 032/2011. Objeto: Contratação de empresa especializada na prestação de Consultoria, acompanhamento da ETA (estação de Tratamento de Água) do município de Acaiaca. Contratado: CNT Ambiental LTDA. Data do Aditivo: 01 junho de 2012. Vigência: 31 de outubro de 2012. Eliane Maria de Oliveira Santana - Pregoeira.


CIDADES

PÁGINA 6 • A SEMANA

19 A 25 de JULHO de 2012

Festival de atrações na reta final Público poderá se render ao samba de Jorge Aragão e à MPB de Leoni to. O artista, que começou sua carreira no “Kid Abelha” e desde 93 partiu para a carreira solo, se apresenta na Praça da UFOP. Há tempos se apresentando pelo Brasil acompanhado de um instrumental bastante intimista, Leoni se reinventa e agora corre o Brasil com o extrovertido “A Noite Perfeita”, o

Divulgação UFOP

Jorge Aragão e Leoni participam da despedida do Festival de Inverno O Festival de Inverno de Ouro Preto e Mariana - Fórum das Artes 2012 se despede em alto estilo, com atrações quentes no último fim de semana. Para deleite do público, na noite de domingo, dia 22 de julho, a animação é por conta de Jorge Aragão que chega a Mariana

com o melhor do samba. O show acontece na Praça dos Ferroviários e promete ficar pequena para a multidão que deve conferir o sambista. Com 20 álbuns (fora as muitas coletâneas) e mais de 30 anos de estrada, Jorge Aragão é o mais recente fenômeno da indústria fo-

nográfica no Brasil. Como compositor, o “poeta do samba” explodiu nas vozes dos maiores intérpretes da MPB, e é gravado por nove entre dez artistas, principalmente do samba. Para os amantes da MPB, o cantor e compositor Leoni é a atração no sábado, dia 21, em Ouro Pre-

Niemayer dá uma mão à exposição Quantas Américas Latinas existem em apenas uma obra? É essa é a questão latente na exposição “Mão da América”, aberta para visitação pública na Casa dos Contos, em Ouro Preto. Baseada na obra escultórica de caráter permanente de Oscar Niemeyer, instalada na Praça Cívica da Fundação Memorial da América Latina, que

foi inspirada na obra “As veias abertas da América Latina”, do escritor uruguaio Eduardo Galeano, a exposição permite que artistas brasileiros e latino-americanos realizem e apresentem novas leituras e interpretações sobre a Grande Mão. Pessoalidades, frustrações e particularidades foram entregues por vários artistas latino-americanos à obra do arquiteto, tecen-

do um enorme pot-pourri da cultura latina. A exposição permite ao público conhecer a América Latina através das perspectivas e criatividade de cada artista e de cada obra, sem ser necessário percorrê-la. A exposição fica aberta até dia 22 de julho na Casa dos Contos, de terça a sábado, das 10h às 17h e domingos e feriados, das 10h às 15h.

primeiro show do artista, com bateria, desde 2002. No mesmo dia, a banda Farofa Carioca agita Mariana, com a mistura de vários ritmos, como funk, jongo, rock, jazz, rap, reggae, xote e, principalmente, samba. Um suingue contagiante e letras que falam da realidade do Brasil são os ingredientes de uma

mistura irresistível e bem brasileira. O samba de raiz e fãs de Noel Rosa e Cartola é opção do show de Marcos Sacramento. O cantor se apresenta na sexta-feira, dia 20, na Praça da UFOP. Para acompanhar as atrações do Festival de Inverno, acesse www.festivaldeinverno.ufop.br.

Espetáculos e shows consagrados Nos próximos dias, o público pode escolher entre peças teatrais consagradas, shows, fóruns de discussão, sessões de cinema, exposição de artes plásticas, oficinas, entre outras atividades. Para animar a noite, Jards Macalé se apresenta em Ouro Preto no dia 19, às 20h30, no Centro de Artes e Convenções da UFOP. Nesse mesmo dia, o filho de Gonzaguinha, Daniel Gonzaga, se apresenta na Praça da

UFOP, às 22h, em show homenageando o avô, Luiz Gonzaga. Ele também se apresenta em Mariana. A companhia italiana WorkCenter of Jerzy Grotowski and Thomas Richards, uma das atrações internacionais do Festival de Inverno, apresenta o espetáculo The Living Room, no dia 19, às 21h, na Associação Comercial e Empresarial de Ouro Preto. No dia 20, é a vez da

peça I’ am America, da mesma Cia., que acontece às 19h, no Clube Recreativo XV de Novembro, no bairro Antônio Dias, em Ouro Preto. No dia 20, em Mariana, às 19h, no SESI-Mariana, o espetáculo “Cachorros não sabem blefar” promete animar o público da cidade. A peça é o segundo trabalho da Cia. 5 Cabeças e o primeiro espetáculo longo, que flerta com a linguagem do chamado Teatro do Absurdo.

Divulgação UFOP

Caravana Festival leva cultura e muita diversão aos moradores dos distritos


VARIEDADES

19 A 25 de JULHO de 2012

“Romeu e Julieta” volta a Ouro Preto 20 anos depois

Grupo Galpão apresenta uma das peças que marcaram a história da companhia Diz o ditado: “O bom filho a casa torna”. Essa expressão ajuda a definir a apresentação em Ouro Preto de “Romeu e Julieta”, do Grupo Galpão, estreada na cidade em 1992. Após 20 anos, o público do Festival de Inverno vai poder acompanhar uma das peças consideradas marco na história da companhia. O espetáculo conquistou o público e a crítica no Brasil e no exterior, além de ganhar vários prêmios. A versão do diretor Gabriel Villela aproxima o clássico de Willian Shakespeare à cultura popular do País, ao

inserir elementos barrocos na música, no cenário e no figurino dos atores. Serão duas apresentações em locais abertos, uma delas em Mariana, ressaltando as características do Teatro de Rua do Grupo, que utiliza, entre outros artifícios, pernas de pau para que o espectador possa ver os atores em cena. Em Ouro Preto, a apresentação está programada para o dia 18 de julho, na Praça da UFOP, às 17h; em Mariana, será realizada no dia 22 de julho, às 17h, na Praça da Sé.

NEM TE CONTO! Angelica FOX Gentemmmm, como vocês estão? Eu estou ótima, me preparando pra curtir a última semana do Festival de Inverno! E cheguei cheia de fofocas. Vamos lá? • Pessoas, vou começar com uma fofoquinha de Amor Eterno Amor, novela que estou adorando! O grande segredo da novela será revelado nos próximos capítulos da novela de Elizabeth Jhin. Em breve, o público saberá que Elisa é uma vilã, comparsa de Melissa, a tia de Rodrigo. O amor de infância do filho de Verbena, na verdade, era um espírito que reencarnou em Miriam. • No folhetim, a jornalista conheceu o Barão quando ele ainda se chamava Carlos e morava em Marajó. Ela o ajudou a reencontrar sua mãe e os dois ficaram muito próximos. Já a Elisa apareceu de forma misteriosa, mostrando a Rodrigo várias provas de que é a verdadeira Elisa. Porém, a moça vem dan-

do vários sinais de falta de caráter e não convence a sensitiva Clara. A intuição da menina - que enxerga uma nuvem negra em volta da falsa Elisa - vai se mostrar acertada. • Gentem, mudando de assunto, a nova temporada de “Malhação”, que estreia em agosto, traz elenco renovado e um veterano: Alexandre Ferreira, o inesquecível Mocotó, vivido por André Marques, numa participação especial de oito capítulos. • Segundo André Marques, na trama, Mocotó virou um ator que faz stand up comedy, malandrão. O carro dele é o Mocotó-Móvel, uma Ford Ranger 2001, mesmo modelo dos velhos tempos do personagem. Na trama, ele se envolve num acidente e acaba sendo levado para a delegacia, por destruir o patrimônio público e estar com documento vencido. • Mas ele logo arranja um jeito inusitado de prestar o serviço comunitário a que é condenado: finge ser o orientador vocacional dos alunos do colégio Quadrante, no qual entra por acaso, e leva a turma para

PÁGINA 7 • A SEMANA

HORÓSCOPO Áries - 21/3 a 20/4 Confrontos nos relacionamentos poderão provocar alguma ruptura nesta semana. Aposte na diplomacia e na suavidade se quiser evitar conflitos ou precipitar uma separação. Fim de semana relaxante. Touro - 21/4 a 20/5 A semana trará desafios e tensões no ambiente de trabalho. A saúde também poderá ficar abalada. Mas um novo projeto trará boas perspectivas de crescimento financeiro. Assuntos delicados de família ou do passado poderão ser melhor resolvidos na sexta. Gêmeos - 21/5 a 20/6 Conflitos internos e externos provocarão instabilidade de humor. A semana trará reflexões importantes e valores mais claros. Aproveite a Lua Nova na sua área do dinheiro na quinta para decidir investimentos ou iniciar um empreendimento financeiro.

Divulgação

Galpão apresenta “Romeu e Julieta” em Ouro Preto e Mariana

cumprir sua pena. • E nessa temporada, a Danielle Winits será uma professora de educação física, terá um filho de 15 anos e fará par romântico com o personagem interpretado por Léo Jaime. • Gentem, o Bruno Gagliasso e Giovanna Ewbank estão separados, mas parece que ele não desistiu da atriz e está tentando reconquistá-la. De acordo com reportagem da revista ‘Isto É gente’, Bruno manda flores e mensagens diárias no celular dela, dizendo frases apaixonadas como “Volta para mim. Vem me ver. To com saudade”. • No entanto, Giovanna não está cedendo às investidas do ex. Segundo amigos do casal, a bela não consegue perdoar o suposto

envolvimento de Bruno com a modelo Carol Francischini, que está grávida. Ainda assim, amigas da atriz revelaram que ela até considera reatar o relacionamento, “talvez, num futuro bem longo”. Será? • Pessoas, pra fechar: Gusttavo Lima pode não achar fácil dar conta dos 27 shows que tem feito por mês, mas o bolso do sertanejo agradece. De acordo com a revista “Veja”, o faturamento do cantor é de aproximadamente R$ 8 milhões mensais. É muitaaaa grana!!! Pessoas, vou ficando por aqui. Semana que vem volto com mais babados pra vocês. Um super beijo e até lá!

Câncer - 21/6 a 22/7 O pavio estará curto nos relacionamentos familiares. Problemas com a casa ou assuntos mal resolvidos no passado poderão exigir decisões rápidas e muito equilíbrio para não brigar com ninguém. O fim de semana trará boas novas. Leão - 23/7 a 22/8 Fragilidades virão à tona e provocarão estresse mental. Cuidado com distrações e acidentes. Mercúrio retrógrado em seu signo cobrará objetivos claros e projetos consistentes. Aproveite o fim de semana para pensar no seu dinheiro e planejar o futuro. Virgem - 23/8 a 22/9 A semana trará sucesso profissional e ótimas perspectivas para o futuro. Gastos inesperados e imprevistos poderão abalar seu orçamento e o seu equilíbrio. Se estiver em busca do amor, poderá se envolver com alguém ligado à sua carreira na sexta.

Libra - 23/9 a 22/10 Nesta semana, sua vontade prevalecerá sobre a dos outros, o que poderá provocar conflitos ou afastamento de relacionamentos que cobram muito de você. Bom período para decidir uma viagem, uma nova formação ou investimentos no seu desenvolvimento. Escorpião - 23/10 a 21/11 Indisposição e fragilidades dificultarão a semana. Massagens, práticas espirituais e atividades relaxantes poderão ser boas opções para se equilibrar e manter o astral em alta. Uma viagem ou atividade em outro lugar na quinta promete fortalecer a autoestima. Sagitário - 22/11 a 21/12 Amigos trarão novidades, mas também poderão provocar conflitos nesta semana, principalmente se houver envolvimento com assuntos financeiros. As decisões mais importantes sobre mudanças e investimentos deverão ser tomadas a quatro paredes. Capricórnio - 22/12 a 20/1 Um passo importante na carreira exigirá escolha e mudança no projeto de vida. As decisões mais importantes serão tomadas a dois. Aproveite o clima carinhoso na quinta para conversar com o parceiro sobre seus planos para o futuro. Aquário - 21/1 a 19/2 Evite viajar nesta semana. Se não puder, conte com imprevistos, atrasos e aborrecimentos que poderão ser encarados com bom humor. Um novo cliente, ou nova atividade na quinta, inaugurará uma fase de sucesso no trabalho e de maior prestígio profissional. Peixes - 20/2 a 20/3 Perdas serão compensadas com novas conquistas nesta semana. Valores afetivos terão mais peso que os materiais. Poderão ocorrer mudanças repentinas ou situações que fogem ao controle. O fim de semana terá momentos mágicos no amor.

DIVIRTA-SE

Festival de Inverno Este é o último final de semana do Festival de Inverno, que traz super atrações. Sábado (21), tem Farofa Carioca, às 21h, na Praça dos Ferroviários, em Mariana. Domingo (22) é a vez de Jorge Aragão, no mesmo local e horário. Em Ouro Preto, no sábado (21) tem Leoni, às 22h, e no domingo (22), às 22h, tem a Orquestra Ouro Preto, com a Série “The Beatles”, na Praça da Ufop. Galpão Após 20 anos, o público do Festival de Inverno vai poder acompanhar uma das peças consideradas marco na história do grupo Galpão: Romeu e Julieta. Serão duas apresentações em locais abertos, uma delas em Mariana, ressaltando as características do Teatro de Rua do Grupo, que utiliza, entre outros artifícios, pernas de pau para que o espectador possa ver os atores em cena. Em Ouro Preto, a apresentação está programada para o dia 18 de julho, na Praça da UFOP, às 17h, e, em Mariana, será realizada no dia 22 de julho, às 17h, na Praça da Sé. Exposição Até o dia 31 de julho acontece, na galeria do SESI-Mariana, a exposição “Riquezas de Minas”, que pode ser visitada de 9:00 às 19:00h. Prestigie! Órgão O trompetista Heinz Schwebel é o convidado especial para os Concertos Regulares nos Órgãos Históricos de Minas Gerais, ao lado da organista Elisa Freixo. Em Mariana, o concerto é no domingo, dia 22 de julho, às 12h15, em homenagem ao aniversário de cidade, no dia 16 de julho. Ingressos a partir de R$ 24,00 Imperdível!

Divulgação

Mocotó está de volta na próxima temporada de Malhação, durante oito capítulos

Cultura em Revista Visite o site “Cultura em Revista” - revista cultural de Mariana e Ouro Preto. O site vem promovendo o desenvolvimento cultural nos municípios de Mariana e Ouro Preto. Acesse www.culturaemrevista.com.br e confira!!!

Aqui quem faz a diferença é VOCÊ!

www.bmnoticias.com

www.itatiaia.com.br/ouropreto - Tel: 3551 2166 / 3551 5544


SOCIAIS

PÁGINA 8 • A SEMANA

19 A 25 de JULHO de 2012

Foto: Álbum de família

O guarda municipal Valério Freitas aniversariou no dia 16 de julho. Seus amigos e familiares mandam um abração!

Foto: Naty Torres

As amigas Camila Dias, Priscila Camilo e Gabriela Veisac prestigiando o Festival de Inverno 2012. Lindas!

Foto: Álbum de família

O marianense Wallace Sinhá (SOTREQ) e o Coordenador de Suprimentos da U&M, Rafael Ribeiro, estão na cidade de Peoria, no Estado do Arizona, nos EUA, onde participam de um treinamento da Caterpillar. Sucesso!

Foto: Álbum de família

Foto: Luciano Almeida/Culturaemrevista

A querida professora Hebe Rôla aproveita o Festival de Inverno ao lado de seu neto Francisco. Felicidades!

Ana Paula não se cansa de corujar o filhote Luís Felipe. Caipirinha mais lindo!

Foto: Álbum de família

Foto: Álbum de família

O GM João Alves também comemorou mais um aniversário no dia 16 de julho. Parabéns!

Nosso amigo Bruno Machado, secretário da Prefeitura de Acabaça, aniversariou no dia 14/07 e recebeu uma linda homenagem de seus amigos e familiares. Parabéns!

Foto: Naty Torres

Juliano Pires e Mallu Pires curtem as atrações oferecidas pelo Festival de Inverno 2012. Felicidades!


A SEMANA Edição 433