Page 1

Especial para o IL 07.06.06

Do varejo ao atacado ___ Arthur Chagas Diniz* O quadro sucessório, sob o ponto de vista político-partidário, está praticamente definido. O PMDB, uma fusão colorida de diversos profissionais da política, não vai fornecer o vicepresidente da chapa. Ao contrário do que alguns poderiam pensar, a não indicação é que fornece a substância que vai permitir ao PMDB coligar-se no Congresso ao PT, dando maioria ao governo Lulla. Assim, lideranças como Renan Calheiros, José Sarney, Orestes Quércia e outras expressões menores terão acesso privilegiado ao ministério no Lulla-2 e darão suporte às votações das medidas provisórias desejadas pelo “grande líder”. A vantagem desse modelo (atacado) sobre o atual (varejo) é que a coordenação será provavelmente muito mais simples. Como já nos esclareceu Roberto Jefferson, indicações para ministérios estatais, órgãos de regulamentação e fundos de pensão servem para engordar os cofres dos caciques e, residualmente (não que seja pequeno), o do PMBD. O setor elétrico que originariamente era de ACM deve passar às mãos de José Sarney. A Quércia deverão ser destinados, por exemplo, Cidades e Transportes; o pessoal de Calheiros pode reivindicar Saúde e Comunicações. Há outras lideranças que deverão receber prêmios menores por terem perdido influência nacional, como é o caso de Jader Barbalho. Não veremos mais, muito provavelmente, episódios como o do “mensalão” porque os deputados peemedebistas poderão receber recursos na fonte e não caso a caso, como tem sido no primeiro mandato. É capaz, inclusive, de ficar mais barato. Os caciques peemedebistas, embora já tenham colecionado patrimônios desproporcioanis às suas receitas (são profissionais da política), naturalmente se beneficiarão mais. Dinheiro nunca vem em excesso. Basta ver, por exemplo, que o banqueiro Edemar Cid Ferreira (dono do banco de Santos), hoje preso, é quem pagava o cartão de crédito da Roseana Sarney (revista Veja).


Pobre população brasileira! Vai aumentar o número dos que recebem Bolsa-Família. * Presidente do Instituto Liberal


Destaques e especiais il do varejo ao atacado 2 arthur chagas diniz  
Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you