Page 1

TSSHT Segurança I: Movimentação Mecânica de Cargas Susana Rodrigues

Gruas Móveis ou Automotoras Normas de Segurança Gerais Relativas às Gruas Móveis Para além das medidas de prevenção referidas nos pontos anteriores, as gruas móveis devem ser sujeitas, periodicamente, a uma manutenção preventiva cuidada. Esta manutenção preventiva, que poderá englobar revisões a alguns órgãos em particular, deverá ser executada em conformidade com as recomendações dadas pelo construtor e dentro dos períodos por ele definidos. De entre as partes mais importantes que devem ser sujeitas a uma revisão periódica, salientam-se os estabilizadores, tomando em especial atenção as partes soldadas, por serem os pontos mais sujeitos a esforços, bem como os dispositivos de segurança que equipam a máquina. Os acessórios de elevação (cabos de aço, lingas, correntes, ganchos, manilhas, etc.), devem também, periodicamente (normalmente em período semestral), serem examinados por pessoas competentes. As manobras efectuadas com gruas móveis apenas devem ser feitas por profissionais autorizados, com formação técnico – prática adequada e experiência comprovada. Para além da formação é determinante, na sua selecção, que estes trabalhadores possuam boas condições físicas e de saúde (ex.: sem deficiência nas capacidades auditiva e visual), comprovadas por exames de saúde realizados por médico do trabalho. Dispositivos de segurança das gruas móveis As gruas móveis devem possuir dispositivos de segurança com o objectivo de eliminar as principais causas dos riscos que envolvem a movimentação de cargas com este tipo de equipamentos, tais como o tombo da máquina, a queda da carga suspensa e o contacto com linhas eléctricas.

De entre os dispositivos de segurança mais usuais, devem ser destacados os seguintes:


TSSHT Segurança I: Movimentação Mecânica de Cargas Susana Rodrigues

Limitador do momento de carga Dispositivo automático de segurança, que previne contra os riscos de sobrecarga e tombo da máquina, devido à ultrapassagem do máximo momento de carga admissível, num ponto da lança. Este sistema actua através da emissão de um sinal sonoro e luminoso, existente no painel de controle colocado na cabina da máquina, quando o momento de carga atinge os 75 % do valor do momento máximo admissível nas condições existente na altura. Quando se alcança os 85 % do valor do momento máximo admissível, para aquelas condições, o sistema bloqueia os circuitos hidráulicos da máquina, não permitindo a manobra de extensão e inclinação da lança. Válvulas de segurança Em caso de fugas no circuito hidráulico, as válvulas de segurança bloqueiam os circuitos, deixando encravadas as secções da lança telescópica, evitando a queda desta ou o retorno violento da lança à posição original. Limitador de fim de curso do gancho O limitador de fim de curso do gancho é um dispositivo eléctrico que corta automaticamente o sistema de elevação, quando o gancho se encontra a uma distância mínima admissível do extremo da lança (“cachorro”). Patilha de segurança do gancho Dispositivo mecânico incorporado nos ganchos, accionado por uma mola ou outro sistema de fecho, que evita que os cabos, lingas, correntes, argolas, manilhas, etc., que suportam a carga, possam sair do gancho. Detector de tensão eléctrica Trata-se de um dispositivo recente, de tecnologia electrónica, que permite detectar um campo eléctrico quando a lança se encontra próxima de uma linha de alta tensão, através de sondas colocadas no extremo da lança. Ao detectar o campo eléctrico, o sistema emite um sinal acústico ou/e luminoso de alarme, na cabina do manobrador. Utilização de equipamentos de protecção individual no trabalho com gruas móveis Independentemente dos meios de protecção colectiva adoptados para a segurança intrínseca da grua móvel, recomenda-se que todos os trabalhadores envolvidos no


TSSHT Segurança I: Movimentação Mecânica de Cargas Susana Rodrigues

trabalho com a grua e, principalmente, o seu manobrador, utilizem os equipamentos de protecção individual adequados ao trabalho a realizar. Os trabalhadores envolvidos no trabalho devem utilizar o capacete de protecção, o calçado de segurança com biqueira de aço e sola anti-derrapante e as luvas para protecção mecânica. Os manobradores da grua devem utilizar, sempre, o capacete de protecção, o calçado de segurança com piso anti-derrapante e as luvas para protecção mecânica. Em ambos os casos, a roupa de trabalho deverá ser ajustada ao corpo e estar em boas condições de utilização.

Boas Práticas Grua Móvel  

Sobre higiene e segurança no manuseamento de gruas móveis.